Você está na página 1de 61
COMPREENDER O CORPO HUMANO 9 A | FICHAS DE AVALIACAO SUMATIVA B | FICHA DE AVALIACAO GLOBAL COMPREENDER O CORPO HUMANO 9 A | FICHAS DE AVALIACAO SUMATIVA AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA | ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO ag we) =e WV Ne Cor CORON Wa Elina eee eR ed ‘SUBDOMINIO: REGULAGAD DO ORGANISMO HUMAN | ORGANISM HUMAND EM EQUIIBRIO ‘CONTEDDOS TPOLOGIADE TENS | _NIVEIS COGNTIVOS DLASSIFIGAGAO BALANGO |riogonca doce tend ea: | Conecineno 100 onto distibuidos | Conhecimento- 41%, individual ecomuntéria ra | escola milla; aproximadamente por ‘qualidade de ia da “eg, | rere ‘Importinia da satce | Gompreensio ~ 26% popular. = verdadero; | ai individual ecomunita ma | apicagio-27% + Eatatigis de romogio | —aspeugio/ | (uate de vide a ecules asaioe ‘omespondBncia Popul eesatgias oe + ives estrutras do promo da saide~ 29 ‘po hurano. + ens de constr: ‘lvls estuturais6o corpo importa de ua = respsia esi. humano /Importnia de amertarzosauéavel no uma aimertacao saute qui do organisa no equa do organism humane human ~ 35 * nportncia co sistama + Inportnea do sista ‘igestwo pare o equiro ‘Sigesivo para equilria organism humano go organsma humana 95 ‘MATRIZ DE OBJETIVDS-CONTEUDOS: ORGANISMO HUNANO EM EQUILIBRIO | REGULAGAO DO ORGANISIO KUMMANO, Nivets coguITiVoS ‘conreOpos ‘CONHECIMENTO CCOMPREENSKO APLICAGAD. oe: ‘uest#o | cOTAGAO | QUESTAO | OTAGO | auesTAo | coTAgAO | qUESTAO | coTAGAO gra a sae nul 2 comin Galatea | 1-4 ‘ tt ‘ ies 4 ‘ populacio 1-5 6 Ie 4 1-6 7 6 wm | stats promos de Sie =a eave Soca tunana | slnortacise | a ‘ iy : iruaimerao | 1-3 ¢ wz | 4 * 4 f 8% Sulina | 18 é iva dcr sa amano Inport go Seenaigsno | Mo? | Be ec paaoountne | MW § wet 4 mt 5 1 8 soommsma |yIat ? TOTAL a 6 e 2" 5 a 2 100%, 229 DDOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 1 FICHA DE AVALIACGAO SUMATIVA 1 Ne Avaliagao ay Professor(a) Grupo | No grafico da figura 1 encontra-se representado o ntimero de criangas que pratica- vam atividade fisica entre 2009 @ 2010 em alguns paises da Unio Europeia. No grafico da figura 2 esté representada a variagdo do nimero de criangas praticantes de ativi- dade fisica entre 2005/2006 e 2009/2010 por grupos etarios. 10 a Dinamarca wane 6] 50. 40 30 20 «10 2 3040 e ey ioyoseide BLS ono +, ce = 2 » » ae 2 20 wo « By 0 o Thaw aps ames Teer Sar 2005-2005 20-2010 Fioua2 Na resposta a cada uma das questées de 1 a 4, selecione a Unica opcao que permite obter uma afirmaco correta. 1. De acordo com os dados do grafico da figura 2, na Unido Europeia, o numero de criangas prali- cantes de atividade fisica. (A) diminuiu com o aumento da idade dos jovens. (B) 6 maior em 2009/2010 do que em 2005/2008, nas raparigas. (C) diminuiu nas raparigas e aumentou nos rapazes, com 0 aumento de idade. (0) é superior nas raparigas e inferior nos rapazes. 230 wood AVALIAGAO SUMATIVA SUBDOMINIO: SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA | ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO Os dados dos gréficos da figura 1 permite constatar que o nimero de criangas praticantes de atividade fisica em Portugal é. (A) um dos mais altos da Uniao Europeia. (B) superior & média da Unido Europeia (©) superior & Dinamarca. ooogd (D) superior nos rapazes mais velhos. 3. Apratica de atividade fisica pelas criangas € um comportamento que influencia a saude. A sua variagao com 0 aumento da idade pode ser classificada como um indicador... (A) de contexto de satide. (B) de desempenho de saticie. (C) de estado de satide. (D) determinante de satide. oooogo 4. Apratica de exercicio ffsico é uma medida individual de promocao da sade, tal como, (A) um adequado plano de ordenamento do territério. (B) uma higiene corporal adequada. (C) a existéncia de um programa nacional de vacinagao. oo000 (D) a implementagao de campanhas de rastreio. 5. Faca corresponder a cada tipo de agente patogénico expresso na coluna A os elementos apre- sentados na coluna B. Coluna A Coluna B ‘A—Agentes patogénicos biolégicos _| 1 - Fatores como a temperatura e a radioatividade. B — Agentes patogénicos fisicos 2— Smog. ‘C—Agentes patogénicas quimicos _| 3 Pesticidas, D—Agenies patogénicos ambientais | 4— Microrganismos, tais como fungos e bactérias, 5 — Secas. 6—Horbicidas, 1:0; 2:0 3:0 40; 50 6O 6. Comente a seguinte afirmacao: “A pratica de exercicio fisico contraria a cultura de risco.” 231 ‘DOSSIE D0 PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMAN 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 1 232 Grupo Il A Dieta Verde ¢ rica em fibra 0 que ajuda a desintoxicar 0 organismo, reduzir os niveis de colesterol e melhorar o transito intestinal. Embora sejam conhecidos os bene- ficios da ingestao de verduras para uma alimentagao equilibrada, varios estudos reve- lam um consumo abaixo do recomendavel. Esta situagaio pode provocar uma maior incidéncia de problemas de excesso de peso e um maior risco de colesterol elevado ‘A Dieta Verde propée porgdes abundantes de verduras, que cobrem as necessidades didrias de vitaminas e de sais minerais, Esta dieta, como qualquer outra dieta que tenha como objetivo a perda de peso, deve ser supervisionada por um profissional de sade. hitp://saude.sapo pt (adaptado e consultado em 11 de outubro de 2014) Na resposta a cada uma das questées de 1 a 4, selecione a tnica opgao que permite obter uma afirmagao correta. ‘A dieta verde 6 pobre em lipidos, nutrientes que so essenciais para. (A) acumular substéncias de reserva. (B) promover o transito intestinal. (C) a fungao energética. (D) promover a fungao contractil, pois participam na contragao dos musculos. Na dieta verde, o fornecimento de sais minerais € garantido pela ingestéo de verduras. Estes nutrientes sao. (A) inorganicos e reguladores de reagdes bioquimicas. (B) organicos e lipossoldveis. (©) inorganicos e com fungao essencialmente de reserva. (D) organicos € intervém na constituigéo do DNA A dieta verde é rica em vitaminas. Estes nutrientes sao. (A) inorganicos ¢ estao presentes na agua. (B) organicos e encontram-se na agua. (C) organices e estzio maioritariamente presentes na fruta e nos vegetais. (D) inorganicos e encontram-se na fruta € nos vegetais, A dieta verde nao inclui refrigerantes. O consumo excessivo de refrigerantes pode levar a. (A) obesidade genética. (B) obesidade comportamental. (C) melhoria do transito intestinal (D) diminuigdo da taxa de incidéncia de diabetes. oo0o00 nDaDoe oog00aq oooo a 5. AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA | ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se seguem. (A) A anorexia nervosa é caracterizada por um desejo de manter um peso abaixo da média. oOo (B) Na bulimia nervosa nao ha comportamentos compensatorios para a ingestao excessive de alimentos. (C) A compulsao alimentar ¢ caracterizada por uma diminuigao do peso da pessoa que a pratica. (D) A bulimia conduz a tonturas, anemias € distirbios do sistema hormonal. (E) Na compulsao alimentar ha comportamentos compensatérios. JO000 (F) A anorexia pode levar & morte por infegdes generalizadas. Faca corresponder cada um dos elementos expressos na coluna A a respetiva descrigdo apre- sentada na coluna B. Coluna A Coluna B ‘A= Diregao superior 1 = Esiruiure localizada junto ao plano dorsal B= Diregao inferior 2— Esirutura proxima do plano ventral (C= Dirogao anterior ‘3 Estrutura localizada proxima do cranio. D = Diregao posterior 4 Estrutura proxima da planta do pé. AG BO¢O; 0:0 Refira, justificando, trés exemplos de alimentos que deve ser ingeridos para colmatar a deficién- cia nutritiva da dieta verde 233 DDOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO & FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 1 1 Grupo Ill sistema digestivo apresenta como fungéo a realizado da digestéo. A figura 3 representa 6rgaos que constituem o sistema digestivo. Figura 3 Ordene as letras de A a E, de modo a reconstituir a sequéncia do processo de digestao. A. No duodeno, o quimo sofre a ago da bilis. B. Os alimentos sofrem a acdo da amilase salivar. C. A absorgéo ocorre no intestino delgado. D. Na faringe, 0 bolo alimentar sofre a ago de movimentas peristalticos. E. 0 bolo alimentar sofre a agao do suco estomacal Na resposta a cada uma das questées de 2 a 4, selecione a unica op¢ao que permite obter uma afirmagéo correta. As letras D, A, Ee F correspondem, respetivamente, (A) & faringe, a vesicula biliar, ao pancreas @ ao estémago. (B) a0 es6tago, ao figado, ao estémago e ao pancreas. (©) Alaringe, ao pancreas, ao estomago e ao figado. (D) & cavidade oral, ao figado, a0 dusdeno e ao pancreas. ooo0g z AVALIAGAO SUMATIVA SUBDOMINIO: SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA | ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO As unidades mais simples dos lipidos 40 o8(as) (A) monossacarideos. oO (8) aminoacidos. a (C) dcidos gordos e glicerol. oO (D) oses. a Durante 0 processo de digestio, segrega(m) que transforma a maltose em glicose. (A) 0 pancreas [...] maltase (B) as glandulas intestinais [...] sacarase (C) 0 pancreas [...] sacaraso oooa (D) as glandulas intestinais[...] méltase Classitique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se seguem. (A) As lceras pépticas 8&0 zonas de inflamagao no revestimento do duodeno, (B) A absorcao de agua ¢ feita maioritariamente no estémago. (C) 0 ceco situa-se no duodeno. (D) A amilase salivar é produzida pelas glandulas salivares. (E) As vilosidades intestinais facilitam a passagom de nutrientes para o sangue e para a linia, oon0o00ngd (F) Na boca forma-se 0 quimo. Faca coresponder cada uma das glandulas apresentada na eoluna A ao respetivo suco produ- zido e apresentado na coluna B. Coluna A Coluna B ‘A= Figado 1 = Suco pancreatic B- Pancreas 2= Bilis (€— Glandulas intestinalis ‘3 Suco intestinal D~ Glandulas asiomacais 4= Salva E- Glandulas salivares 5 = Suco gastrico AG BO 60; DO EO Refira, justificando, duas medidas que contribuem para o bom funcionamento do sistema digestivo. FIM 235 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 1 fr TN GRUPO! a © ©) (8) A)45(8) 15(C) 3,6, (0)2,5. ‘Accultura de risco & aquela em que 0s comporta- mentos individuals © sociais ascumidos contrariam (5 principios de promacao da satide individual e ‘comunitéria, Assim, a atividade fisica assumo-so ‘como uma pralica que contraria a cultura de risco pois é uma pratica promotora da satide que contra- fia 0 sedentarismo. GRUPO I a) ) «© ®) (A) Vs (B) Fs (C) Fs (D) Vs (E) Vs (FV. (A)3; (B) 4; (C) 2: (D) 1 Dever ser ingeridos alimentos, como, por exemplo, 0 pao, a masse, 0 artoz e a balala para suprir as necessidades em hidratos de carbon, @ a carne, 0 ovos e o peixe para suprimir a deficiéncia em proteinas, GRUPO III 1. B-D-E-A-C 2 (8) 3. (C) 4 © 5. (A)¥s(B) F: (C) F; (0) V5 (E) Vi FF (A) 2: (8) 15(0)3; (0) 5: (E) 4. 7. Por exempl: limitar 0 consumo de gorduras @ agi- cates, pois uma dieta rica em gorduras e agucares favorece 0 aparecimento de cancros no sistema digestive incluir na alimentacéo uma grande varie- dade de frutas e de vegetais, uma vez que séo ura importante fonte de vitaminas, de sais minerais e de ‘outros nutrientes, 238 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA | ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO ANALISE DA FICHA DE AVALIAGKO SUMATIVA4 ‘SUBDOMINIO: ORGANISIMO HUMIANO EN EQUILIBRIO SAUDE INDIVIDUAL E COMUNITARIA Pannen OR CLASSIFICAGAD(%) OR WIVES COGNTIVOS 29 aoe 74 7588 30-100 | CONHEGIMENTO [ COMPREENSAO | _ APLICAGAO Ponend POR ODNTEUDOS ge individual ecomuntaria_| « Nvelsestrutuais do corpo humano | Importn- ] «Importénea do sistema digestivo para via pple |stats | a oma shimano sure! o equine | oa raise humane se 0 organisa humana [ied ‘= Temateas com mals Bt + Posshis casas: *Tematieas com maloresaeuitades + Possiveis causes ‘vis cogves com mais ito Posies causes , “isis cogntives com maior dficuldades: + Passive causes 237 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 2 FICHA DE AVALIACAO SUMATIVA 2 BTIUe PICs nant ae SUBDOMINI: ORGANISO HUMAN EN EOULIRRIO | SANGUE, ISTENA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LNFATICO CONTEUDOS: TIPOLOGIA DE ITENS NIVEIS COGMITIVOS: CLASSIFICAGAO BALANGO “importa da sangue | «ters. da seo: | Comecimerto 10 pote dstbutos | Conbeomarto 51% oct sca ml pamatamers por pected ~Miere | Comprenséo issbesbebslel ce Compreensio ~ 30% “Inporincadosistena | —voradbeotso; | ayaa -imponancia do sang | pcan 19% cardiovascular no ~~ associagaa / ae ‘para o equilibria do. olen fauiirodoorgnismo | eorespendéni tegaismo namano.~28 humane “Inport do sistema | «ters de ensue: + Impotinia sistema Tafa no eto do | repos esa carves ne equa gansna rurana, de omar human, a *Imoontinci do sistena Titan eo do cegaisno naman. —26 Mea ee ae eo em ean ‘Nivers COGNITIVOS u Tom. covets CONFEDNENTO COMPRES AAO questio | comagho | auesran | comapao | _ouestho | covagio | ouestio | _covapho “Sigepmo |} ‘ 1-5 ‘ eaultro do 23 - 1-6 4 wo f os 8 0% ‘organismo es 1-8 7 | ‘humano. ie i | “inporaneado | — Seemacaao: | =? ‘ os i | vaseuarnoequt-| N78 7 = 7 a ‘ 1 ane Biode ozanisre pate tor ‘ | “Inport do | so ea ‘ toeqibioge ‘ m2 ‘ ws ? 5 ae srs ‘ aman TOTAL w El 8 w a 3 2 700% 238 a AAVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SANGUE, SISTEMA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LINFATICO FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 2 Ne Ayaliagao Protessor(a) Grupo! Qualquer pessoa pode dar sangue se tiver bom estado de satide, habitos de vida saudveis, peso igual ou superior a 50 kg € idade compreendida entre os 18 € os 65 anos. Os homens poder dar sangue de 3 em 3 meses (4 vezes/ano) e as mulheres de 4 ‘em 4 meses (3 vezes/ano) sem qualquer prejuizo para si proprios. Uma unidade de san- gue total representa aproximadamente 450 ml. Cada pessoa tem em circulagao 5 a 6 litfos de sangue, dependendo da sua superficie corporal. O sangue doado é rapida- mente reposto pelo nosso organismo. Nao ha qualquer possibilidade de contrair doen- gas através da dadiva de sangue, pois todo o material utilizado ¢ estéril, descartével © usado uma Gnica vez. Instituto Portugués do Sangue e da Transplantagao (adaptado) Na resposta a cada uma das questées de 1 a 6, selecione a unica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. O sangue apresenta na sua conslituigao leucdcitos que integram (A) a fragaio fluida, tal como o plasma. (B) a fragao fiuida, tal como as plaquetas sanguineas. (C) 0s elementos figurados, tal camo o plasma. (D) 08 elementos figurados, tal como as plaquetas sanguineas. Uma das fungdes das hemécias é (A) a defesa do arganismo. (B) o transporte de oxigénio. (C) a coagulacao. > {D) a requlagao da temperatura. Os trombécitos sao. (A) fragmentos de células em forma de disco bicéneavo. (B) células esférioas sem cor. (C) fragmentos de células sem nucleo. (D) células com a capacidace de mudar a sua forma ooo oo o 239 DOSSIE DO PROFESSOR COMPAEENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 2 4. Afagocitose é um processo que envolve.. (A) os glébulos brancos, que emitem pseudépodes. o (B) 0s gldbulos vermethos que produzem anticorpos. a (C) as hemacias, que possuem a propriedade de diapedese. o (D) as plaquetas sanguineas, que produzem fatores de coagulagao. Oo 5. Osangue do tipo AB+, colhido num Centro Regional de Sangue ou Hospital com servigo de colheita, pode salvar a vida a um individu... (A)At 8 ABE. (B) AB+ (C)B+ e ABs. (D) Ate B+ 6. Caso um individuo com 0 tipo de sangue O+ necessite de receber uma transfuséio sanguinea, podera ser usado sangue do tipo. (A) 0-2 A Oo (B)O+ e As. o (C)O+60- o (D) de todos os tipos de sangue. Oo 7, Um individuo apresenta os sequintes resultados para uma andlise sanguinea’ * Hemoglobina: 14,3 g/dL (11,5 16,5 a/dL) * Globulos vermelhos: 5,3 milhdes/mm' (4,5 a 5,5 milhdes/mm?) * Leucécitos: 7110/mm? (3500 - 11 000/mm*) * Plaquetas sanguineas: 363 210/mm* (150 000 ~ 400 000/mm*) * Colesterol Tolal: 314 mg/dL (<200 mg/dL) Nota: Os valores de referéncia encontram-se entre paréntesis, ‘Atendendo aos resultados da andlise sanguinea apresentada, indique que doenga 0 indivicuo podera apresentar. Justifique a sua resposta, 240 AVALIAGAD SUMATIVA SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SANGUE, SISTEMA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LINFATICO Grupo Il A angioplastia é uma técnica cirtirgica efetuada para desobstruir uma artéria. Nesta técnica é usado um balao de pequena dimensao que se encontra na ponta de um cate- ter € 6 insutlado dentro da artéria, que se encantra obstruida. Depois da zona estar alargada, 0 baldo ¢ esvaziado e retirado deixando um stent, uma rede de ago inoxidé- vel, Na Figura 1 encontra-se representada, de forma esquematica, uma angioplastia. ‘Adeptado de manualmerck.net(consultade em outubro de 2014) Arteria Placa aterosclerotica Placa sterascerotica - cateter Lstent stent ser AS expandido aterosclerstica e ‘comprimida Arteria aleraada elostent a Placa. ateroscletética ‘comprimida | Figura 1 Na resposta a cada uma das questées de 1 a 4, selecione a unica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. 1. Numa angioplastia, 0 cateter é colocado numa artéria. Esto vaso sanguineo. (A) apresenta uma Unica camada de células. (B) possui nas suas paredes vélvules, (C) possui paredes espessas e eldsticas {D) estabelece a ligagao entre as arterfolas e as vénulas, 2. No Homem, o sangue venoso circula. (A) nas veias pulmonares, na artéria aorta e na auricula esquerda. Oo (B) nas veias pulmonares, na artéria aorta e na auricula direita. o . __ (C)nas artérias pulmonares, nas veias cavas ¢ na auricula esquerda. Oo a (D) nas artérias pulmonares, nas veias cavas e na auricula direita o 241 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO & FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 2 a} z 242 Durante a pequena circulagdo, 0 sangue que circula na artéria pulmoner. (A) sai do coragao em diregao aos pulmées, (B) enira no coragao vindo dos pulmées. (C) sal do coragao em diregao a todas as partes do corpo. (D) entra no coragaio vindo de todas as partes do corpo. A presséo diastélica é a presséo arterial. (A) maxima alcancada quando 0 coragao relaxa. (B) minima aleangada quando 0 coragao relaxa. (C) minima alcangada quando 0 coragao contra. () maxima alcangada quando o coragao contrai Faga corresponder cada um dos elementos expressos na coluna A & respeliva caracteristica apresentada na coluna B. Coluna A Coluna B ‘A= Auricula = Evita a mistura do sangue venoso com o sangue arterial B~ Artéria aorta, 2— Cavidade muscular de paredes espessas, (C= Septo '3= Impede o refluxo sanguine. D—Ventriculo “4= Vasos Sanguineos que transportam o sangue para a auricula direita, E- Veias cavas ‘5 Cavidade muscular superior de paredes finas. F = Vaivula mitral (6 = Vaso sanguinea que recebe 0 sangue a partir do ven- triculo esquerdo. AD BO COOOEOREO Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se seguem, (A) As auriculas contraem-se durante a sistole auricular. (B) Durante a sistole ventricular, as valvulas semilunares fecham-se. (C) 0 ciclo cardiaco possui trés fases. (D) Durante a diastole, o sangue proveniente da veia pulmonar chega a auricula direita. (E) A trequéncia cardiaca é a pressao exercida pelo sangue nas paredes dos vasos sanguinoos. (F)A pressao arterial 6 influenciada pela hora do dia (G) 0 aneurisma é uma dilatagao na parede de um vaso sanguineo. ‘A angioplastia 6 usada para combater situagdes em que depésitos de gordura se acumulam na parede das artérias, Indique duas medidas que contribuam para evitar a deposigéo de gordura patede das artérias. ooo0 nDoao ooo00o0o0g na -AVALIAGAO SUMATIVA SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SANGUE, SISTEMA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LINFATICO Grupo Ill A drenagem linfatica ¢ ideal para quem apresenta sinais de retengao de liquidos, dado que permite ajudar a expelir gorduras € toxinas. Este tipo de procedimento ajuda a descongestionar os vasos linfaticos, a ativar o sistema imunolégico e a promover a desintoxicagao do organismo. Adaptado de http://saude.sapo. pl’ [adaptado e consultado em 13 de outubro de 2014] Na resposta a cada uma das questdes de 1 a 4, selecione a Unica op¢ao que permite obter uma afirmacao correta. S40 constituintes da linfa (A) as hemacias e o plasma. (B) 0s leucécitos e o plasma. (C) as plaquetas sanguineas o o plasma. oooa (D) as hemacias e os leucécitos. A linfa intersticial encontra-se. (A) nos espagos intercelulares e move-se por impulsdio do coragao. (B) no interior dos vasos linfaticos e move-se por impulsao do coracao. (C) nos espagos intercelulares e mave-se passivamente. oo00 (D) no interior dos vasos linféticos e move-se passivamente. Os gAnglios linfaticos so zonas onde ocorre. (A) filtragem de protetnas. (B) produgao de trombécitos. (C) produgao de glébulos vermelhos. oooa (0) filtagem de bactérias. Para além dos vasos linfaticos, o sistema linfatico apresenta outros orgaos, tais como... (A) 0 timo e 0 bago. oo (B) a vesioula biliar e a tiroide. (C) 08 ganglios linfaticos e 0 figado. oo (D) 0 pancreas e a hipotise. Relacione a drenagem linfética com a fungao do sistema linfatico 243 DDOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANS FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 2 GRUPO! 1 0) 2B) a 4A) 5. (8) & (0) 1. CO individuo poderd apresontar risco de doengas cardiovasculares dado que apresenta elevados valores de colesteral Por um lado, o sangue doado é rapidamente repasto pelo nosso organisma; por outro lado, no hé qualquer possibilidade de contrair doangas atra- ves da dadiva de sangue, pois todo o material utli- zado 6 estéril, dascartavel e usado uma tnica vez. GRUPO II © (2) @ ® (A) 5; (B) 8; (C) 15 (0) 2 (E) 4:1), AV, B)F OVID): ©) FF) (GY. Por exemplo: a pratica de exercicio fisico regular © eve ser evitado 0 consumo excessivo de alimentos rigos em gordura, GRUPO I 1 @ 2 © 3. ©) 4.) 5. O sistema linfatico 6 responsavel por manter a quantidade de liquid intersticial dentro de certos, limites. Quando este aumenta acima deste limite, 0 sistema linfatico drena 0 excesso de lfquido para 0 sangue. Uma vez que a linla se move passivamente, 1 drenagem linfética promove 0 descongestiona- mento dos vasos linfaticos, 244 AVALIAGAO SUMATIVA SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SANGUE, SISTEMA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LINFATICO ANALISE DA FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA2 ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMAND EM EQUILIBRIO | SANGUE, SISTEMA CARDIOVASCULAR, SISTEMA LNFATICO DISTRIBUIGAD DOS RESULTADOS: I CLASSIFICAGAD (2) OR Wive's oGNITIVOS 028 ang S074 75:09 90-100 | CONHEGIMENTO [ COMPREENSAO | _APLIGAGAO Pon ennd POR CONTENDOS + Importncia d songueparao uit ‘+ Importincia do sistema cardiovascular no equ- | « importéncia do sistema inftico no equi ‘iganismo humane. iro do organisme humno, so organismo numane [ice ‘Tends com mais ato: = Poss casas: “Temas oom maiores deuce: “= Possviscausas “Nts cognitos com mais xo * Posies causes: Nive coonitios com meio difeuitates: + Posse cosas 245 DDOSSIE D0 PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 3 FICHA DE AVALIACAO SUMATIVA 3 Un nan a ‘ans de construed: tesposta rest, + importinia da funggo error ra eguago do crganisme furan ~62 SUBDONINIO: ORGANISMO HUMAN EM EQUILIBRIO | SISTEMA RESPIRATORIO; SISTEMA EXCRETOR ConTEGo0s | TPOLOGIADE Tens | __nive1scooumivos BLASSFICAGFO BALAN sinfuznda do ambiente | sens dsele; | Contecimenta {00 ports aisrbudos | Comedimana — 47% os estas de vitsno | ~escoha mail; : apeonadanents por sta espa, Ferraz, | | Comprersio sfnéne do anbanie@ | ComeeersioS7% simganareiadatungn | ~veragerfse; | apizaga Scsestiosdovidano | apacio— 16% treet na tepane do | —essocngn? | Somareepaera 8 | trganso humana caresponncta ce ena) NES COGNITIVOS| aa cconreuos, CONEOINENTO COMPREENSHO APLICAGAO avesTao [_coraeko | ovesio | como | questi | compio | ouestio | cotagho * aa ain ciadoambientee | 1-4 4 A 7 as ext ae 3 4 Atel eeee M1 1 3 8% vidarossura | 1-7 7 ie : repratra oonpredera | W=4 4 imino | 2 a | (ndoeceer | 4 ee 7 raveqlagioco | lm 4 He y ie ‘ a a orgasm ut 4 nae : humana uz 4 m3 4 tind 4 TOTAL 7 a 7 7 z i a 0% 246 AVALIAGAO SUMATIVA ): ORGAN!SMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SISTEMA RESPIRATORIO, SISTEMA EXCRETOR Nome Ne____ Tura Data / t Avaliagcao Professor(a) Grupo! A tabela 1 representa o numero de dbitos por doenga respiratéria em Portugal entre 2007 € 2011. A tabela 2 traduz a taxa de mortalidade relativa a doencas respiratérias, Por 100 000 habitantes, por sexo e por grupo etario. Tabela 1 2007-2008 2009 2010201 10949 11555 12170-11776 +1917 Ghlios porgoengas = ME. s007, cz. gaa. ates zag respiratérias 5042-5429 S791 5588 6EB Legenda: Hi - Homens e mulheres | H — Homens | M~Mulheres Fonte: INE, IP 2013, Tabela 2 Total <1ano 1-4 5-14 15-24 25-34 35-44 45-54 55-64 65-74 75 0u+ Sones 1084 04 18 14 38 118 299 1148 10557 doonces MMM 11360 18 19 58 179 453 1759. 19650 respiratérias Bi co.s 0 . 19 10 21 60 149 650 9627 Legenda: HM Homens e mulheres | H- Homens |M-Mulheres |. sem dados Fonte: INE, IP, 2013 Na resposta a cada um dos itens de 1 a 6, selecione a tinica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. De acordo com a tabela 1, podemos afirmar que o numero de ébitas por doengas respiratorias. (A) diminuiu entre 2007 e 2008. o (B) diminuiu entre 2010 2011 5 (C) aumentou entre 2007 e 2008. Oo (D) tom vindo a aumentar todos os anos. o 2. De acordo com a andlise das tabelas 1 @ 2, podemos afirmar que o numero de ébitos por doen- cas respiratorias, (A) é maior nos homens do que nas mulheres. oO (B) é maior nas mulheres do que nos homens. a ; (C) tem vindo a aumentar nos homens e a diminuir nas mulheres. o 4 (B) tem vindo a aumentar nas mulheres € a diminuir nos homens. Oo i 247 ‘DOSSIE D0 PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 3 cs 248 De acordo com a tabela 2, podemos afirmar que. (A) o risco de dbito por doenga respiratéria diminui com a idade. (B) 0 risco de obito por doenga respiratoria aumenta com a idade. duo com 47 anos. ci (C) um individuo com 36 anos ter maior risco de dito par doenga respiratoria do que um indivi- Oo (D) uma mulher com 20 anos tera menor risco de dbito por doenga respiratéria do que uma mulher com 27 anos. Fazem parte das vias respiratorias. (A) 0s bronquiolos, que se ramificam em brénquios. (B) a faringe, que contém a epiglote. (C) 08 brénquios, que efetuam as trocas gasosas. {D) as fossas nasais, que filtram, humedecem @ aquecem 0 ar inspirado. Nos pulmes, (A) a pressao intrapulmonar diminui durante a expiragao. (B) a pressao intrapulmonar aumenta durante a inspiragaeo. (C) a pleura é a membrana que os reveste. (D) ocorre eliminagao de oxigénio do sangue para o exterior. A hematose alveolar da-se quando... (A) ocorre troca de gases entre os capilares sanguineos e os alvéolos pulmonares. (B) a pressao parcial de CO, € superior & de O» nos alvéolos pulmonares. (C) 0 sangue venoso possui uma pressdo de O, superior & do CO, (D) o sangue arterial possui uma press&o de O, inferior a do CO-. Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as alirmagdes que se seguem. (A) A frequéncia respiratoria corresponde ao nlimero de ciclos respiratérios por minuto. (B) A atividade fisica ndo influencia a frequéncia respiratéria. (C) Um adulto em repouso inspira mais vezes por minuto do que uma erianca. (D) 0 cancro do pulmao tem maior incidéncia nos fumadores. (E) Aasma provoca uma melhoria da capacidade respirat6ria (F) Os broncodilatadores podem ser usados em caso de asma (G) A pneumonia é uma doenga que afeta exclusivamente a traqueia. Estabelega a relagaio entre a incidéncia de canoro no pulmao ¢ os hdbitos tabagicos. o oo00 ooa0aag oooa oo0o0000 AVALIAGRO SUMATIVA SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SISTEMA RESPIRATORIO, SISTEMA EXCRETOR Grupo Il Investigadores da Universidade de Sydney, na Australia, efetuaram um estudo em cerca de 2400 pessoas com mais de 50 anos. Verificaram que aquelas que bebiam mais liquidos (cerca de trés ltros por dia) tinham um risco significativamente mais baixo de contrair doenga renal crénica do que as que bebiam menos agua por dia. ‘Adapiado de nytimes.com (consuitado om 14 de outubro do 2014) Na resposta a cada um dos itens de 1 a 4, selecione a Unica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. 4. Adoenca renal crdnica afeta o sistema urinario. Deste faz(em) parte. (A) os rins, que se ligam ao exterior pelos ureteres. (B) a bexiga, érgao elastico onde & armazenada a urina. (C) a uretra, que liga a bexiga 0 rim (D) a cépsula renal, que envolve internamente o rim. ooo00 2. Orim apresenta, (A) bacinete, cavidade para onde é enviada a urina. (B) pirdmides renais, situadas no o6rtex. (C) zona medular, camada externa de aspeto granuloso, (D) zona cortical, camada interna de aspecto estriado. ‘A unidade funcional do rim 6 0 nefrénio que apresenta. (A) 0 tubo coletor, onde ¢ filtrado o sangue. (B) a ansa de Henle, um enovelado de capilares. (C) uma parte tubular renal, que engloba a capsula de Bowman. (D) 0 corpiisculo de Malpighi, onde ocorre a filtragao do sangue, o oO Oo o Durante a formago de urina, ocorre a. (A) fitragao, que permite a fitragao de moléculas de grande tamanho. (B) secrego de substancias, como a aménia, que passam para sangue. (C) reabsoredo de substancias, quando o filtrado atravessa a ansa de Henle (0) filtragao de substancias dos nefrénios para os capilares sanguineos, o000 Estabeleca a correspondéncia entre cada um dos tipos de fatores que influenciam o funciona- mento do sistema urinario expressos na coluna A ao respetivo exemplo apresentado na coluna’B. ‘Coluna A Coluna B = Idace ‘A—Fatores extrinsecos 2— Temperatura ‘3 Doengas hereditarias| B —Fatores intinsecos 4=Alimentacao = Ingestao de agua 6— Sexo 1:0) 2:0; 30; 40; § 0; 60 249 ‘DOSsié D0 PROFESSOR GOMPREENDER O CORPO HUMAN & FICHA DE AVALIAGAQ SUMATIVA 3 250 Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se seguem. (A) As elevadas temperaturas conduzem a uma menor produgéo de urina. (B) O excesso de sédio na alimentagao é prejudicial para o sistema urinario. (©) 0 aumento de idade nao interfere na fungao urinaria (D) A ingestao de aqua leva a uma concentragao adequada dos constituintes da urina, (E) A eliminagdo de célculos renais faz-se através do suor. (F) Alimentos diuréticos contribuem para uma maior produgao de utina (G) A litiase 6 uma técnica de diagnéstico da fungao renal. Relacione a insuficiéncia renal orénica com a necessidade da realizagao de hemodidlise. oooo0o0a0a AAVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | SISTEMA RESPIRATORIO, SISTEMA EXCRETOR Grupo Ill Os cremes hidratantes séo produtos destinados a ajudar a hidratar a pele e a restau- rar a oleosidade perdida devido a secure da pele. Manter a pele limpa e bem hidratada so medidas que devem ser implementadas para promover a proteco da pele. Na resposta a cada um dos itens de 1 a 4, selecione a unica opcao que permite obter uma afirmacao correta. So camadas da pele a... (A) derme, que atua como isolante térmico. (B) hipaderme, constituida por células achatadas e resistentes. (C) epiderme, onde podemos encontrar a camada epidérmica basal. oo0aa (D) derme, onde se formam os melanécitos, E fungao da pele a. (A) excrecao de subsiancias, tais como 0 didxido de carbono. (B) protecao, pois impede a entrada de substéncias nocivas para o interior do organismo (C) reguacao, pois produz substancias que impedem a entrada de radiagao UV. oooa (D) requiagdo da temperatura através da produgao de melanina. Elevadas temperaturas conduzem a. (A) diminuigao da produgao do sucr. (B) eregao dos pelos. (C) consirigao dos vasos sanguineos. 100 o (0) dilatagao dos vasos sanguineos Para além do uso de cremes hidratantes, 6 uma medida que contribui para o bom funcionamento da pele a. (A) implementagao de bons habitos de higiene. ao (B) ingestao de alimentos ricos em sédio. oO (C) exposicao ao Sol nas horas de maior calor. 0 (D) frequéncia de ambientes com fumo. oO Relacione o melanoma com o ntimero de horas de exposig&o solar. FIM 251 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 3 PROPOSTA DE CORRE nu GRUPO! © “wy B) (0) co) ww (A) V: (8) F: (C)F: (0) VE) FV. GF. O cigarro contém substancias cancerigenas que, Uma vez inaladas, padem obstruir as vias rospicaté- rlas @ aificultar a oxigenagao do tecido e prejudicam ‘a hematose pulmonar. Assim, os hdbitos tabagioos ccontribuem para 0 aumento da incidéncia do canoro do pulmao. GRUPO It e ) o © A-2,4,5;B-1,3,6 (A) V5 (B) V. (C) F(D) Vs ©) F: (FV. (G) F. Os doentes com insuficiéncia renal erénica nAo rea- lizam naturalmente a produgao de urina pelo que & necessario recorrer a hemodilise, Nesta técnica de fitragem, uma membrana aritcial € 0 elemento prin- cipal de um dispositivo designado dialisador, tam: ‘56m conhecido por “rim aici’ GRUPO It 1 © 2 (8) 3. (0) @ 5. _O melanoma ¢ um dos tipos de cancro de pele mais ‘comuns @ surge quando os melanécitos se tornam malignas. A incid®ncia de melanomas esié direta- mente rolacionada com um elevado numero de horas de exposigao ao Sol, sobretudo nas horas de ‘maior calor. 252 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISM HUMANO EM EQUILIBRIO | SISTEMA RESPIRATORIO, SISTEMA EXCRETOR We SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMAN EM EQUILIBRIO| SISTEMA RESPIRATORIO; SISTEMA EXCRETOR Domed POR CLASSIFICAGAO (2) OR MIVEIS CoGNTVOS 1 ang 5074 7580 0-100 | conmecmenro [ CoMPREENSAO | APLICAGAD DISTRIBUIGAO DOS RESULTADOS POR cOMTEUDOS ‘ lnfludnia do ambiont o dos oss de vida no sistema respira. ‘= Importneia 6s tung exratora na reguagao oorganismo humane Dice nd * Temdtias com mais ato: + Possvels casas: ‘= Teticas com raloresamiulades + Possveis causa = Nive copitvos com mais xo: + Poscvis casas , “Nive copritvos com mais tculdades: + Possuis causa: 253 DDOSSIE D0 PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO S FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 4 FICHA DE AVALIACAO SUMATIVA 4 PRM eee ee ee SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO Eft EQUILIBRIO | REGULACAO DO ORGANISMO HUMAN | SUPORTE BASICO DE VIDA CONTENDS | WROLOGADETENS | _Nivascocumvos | _CLASSFICARIO BALAN + Papldo sistema neraso | tne d selon: | Conecimeto 100 ponies distibuitos | Connecimant— 45% nacre do argaismo | escaha muti: | sproximataret pr tumano | -orderagio; © * | Comoreensio *Papelde sstorarervoso | Comprersio~ 38% + Pape do siseme ~vertadenfase; | ppicarso no ela doorparismo | spicaein— 1h homotaraeniodo | esau) | = tonto 38 aioe aris, ‘eorespondécia, | + Medias de suport bsico + Pape do sister hormond evi + tens de consti: ‘raregulco de orgarismo | espe” | = | | “+ Medidas de suporte basico | | evida 28 fnaTaz DE OBJETIVOS-CONTEUDOS: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | REGULACAO DO ORGANISWO HUTAAND Wes eoawrvos ae conmE005 CONHEGIMENTO coMPaeeNsko APLCAGAO ‘QUESTAO COTAGAO. QUESTAD COTAGAD QUESTAO COTAGAG QUESTAO COTAGAD [Avatsaropipel | foe | td ‘ 1-3 | vosoroeadtbie | 1°2 ‘ 6 iy 7 8 my ‘bowoansmo te} : it ‘nn [Sesto ppl |"dossemanor | = ‘ ut ‘ | | onainargut | 15 ‘ a3 4 a7 wolf a a fae 1-6 ‘ a 4 |_organismo. | “oer despot tsa 3 4 te vida | m6 7 m2 | 4 6 28% TL 0 6 z % 3 7 a 100% 254 AVALIAGAO SUMATIVA SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EN! EQUILIBRIO | REGULAGAO D0 ORGANISMO HUMANO | SUPORTE BASICO DE VIDA FICHA DE AVALIACAO SUMATIVA 4 Nome Ne Turma Avaliagao Professor(a) Grupo! A epilepsia 6 uma doenga crénica que afeta cerca de 1 em cada 200 individuos, 0 que pressupée, para Portugal, uma prevaléncia entre 80 a 50 mil pessoas com epilepsia As crises comegam com a ativagao de um pequeno nimero de neurdnios, habitual- mente num dos hemisférios cerebrais, a qual pode manter-se localizada ou generalizar- -se através de todo 0 cérebro, Pensa-se que as crises generalizadas sdo a consequén- cia da ativagao dos neurénios de ambos os hemisférios cerebrais. Considera-se como epilepsia o aparacimento de duas ou mais crises de inicio brusco e inesperado. Uma crise isolada nao é epilepsia; assim, as crises surgidas no decurso de um processo agudo (febre, infegao, etc.) denominam-se de crises ocasio- nais e no constituem uma epilepsia ile 1 rit mo uM mpestade repentina’ no cs Hé uma falha temporaria na rede de ligagdes entre os milhdes de células cerebrais Estas células cerebrais trocam informagées continuamente. Normaimente isto ocorre de um modo maravilhosamente estruturado. No caso de pessoas com epilepsia, grandes grupos de células cerebrais comegam a trocar informagao umas com as outras ao mesmo tempo. Deste caos resulta uma crise epilética. Felizmente, o cérebro é capaz de restaurar a ordem por si proprio e consequentemente a crise termina. Em algumas pes- soas, a crise pode demorar mais do que noutras. janssen.pt(adaptado © consultado em 16 de outubro de 2014) Na resposta a cada um dos itens de 1 a 6, selecione a Unica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. As crises de epilepsia comegam com a ativacao de um pequeno nimero de neurénios. Estes possuern. (A) dendrites e encéfalo, (B) corpo celular € meninges. (C) corpo celular € axénio. oo0o00a (0) dendrites ¢ circunvolugdes ‘As crises de epilepsia generalizadas so a consequéncia da ativagéo dos neuronios de ambos os hemistérios cerebrais que constituem 0 cérebro. O cérebro faz parte do. (A) cerebelo. Oo (B) bolbo raquidiano. oO (C) encéfalo. ao (D) medula espinal a 255 DDOSSIE D0 PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 4 3. Durante a epilepsia, hd uma falha temporéria na rede de ligagGes entre as células cerebrais. A transmissao de um impulso nervoso de um neurénio para outro ocorre através de neurotransmis- sores, substancias de natureza (A) quimica langadas na fenda sinaptica. (B) elétrica langadas na fenda sinaptica. (C) elétrica langadas pelo neurénio pré-sinaptico, OO Oo (D) quimica langadas pelo neurénio pés-sinaptico. 4. Osistema nervoso simpatico faz parte do sistema nervoso. (A) autonomo e esta relacionado com situagées de relaxamento. (B) auiGnomo e esta relacionado com situagées de excitacdo. (C) somatico e esta relacionado com situagdes de excitagao. OO Et (D) somatico @ esta relacionado com situagdes de relaxamento, Numa situagao em que um indivicuo se queima, retirando de imediato a mo, ocorre um ato. (A) voluntario, controlado pelo sistema nervoso central (B) refiexo, controlado pelo sistema nervoso central. (©) voluntério, controlado pelo sistema nervoso periférico. ono0a (D) refiexo, controlaco pelo sistema nervoso periférico. ‘A manutengao da temperatura do corpo é conseguida através de um fendmeno de termorregula- 90, cujo principal responsavel 6 o. (A) cerebelo, que integra o sistema nervoso central. (B) hipotélamo, que integra 0 sistema nervoso central (C) hipotalamo, que integra o sistema nervoso periférice. ooo0 (D) cerebelo, que integra o sistema nervoso periférico. Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se seguem. (A) O sistema nervoso periférico € constituido por nervos, ganglios e encéfalo. (B) Alguns axénios estdo envolvidos por uma bainha de mielina, (C) As fibras nervosas agrupam-se em neurénios. (D) Os neurdnios motores térn como fungo transportar mensagens para o sistema nervoso central (E) 0s impulsos recebidos pelos nervos eferentes tio conduzidos alé ao sistema nervoso central (F) 0 encétalo apresenta circunvolugdes. onDooaoo0oo (G) A medula espinal prolonga-se desde 0 bolbo raquidiano até regiao lomber. 8. Explique 0 significado da frase sublinhada no texto. 256 1 i uate mores. AVALIAGRO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | REGULAGAO D0 ORGANISMO HUMANO } SUPORTE BASICO DE VIDA Grupo It O hipotiroidismo € uma afecéo em que a glandula tiroide tem um funcionamento and- malo e produz muito pouca quantidade de hormona tiroidea. O hipotiroidismo trata-se com a substituicao da hormona tiroidea deficiente por diver- 80s preparados orais existentes, rmanualmerck.net (adaptado e cansultado em 16 de outubro de 2014) Na resposta a cada um dos itens de 1 a 4, selecione a ui afirmagao correta. A tiroide 6 uma glandula. (A) endécrina, porque segrega substéncias que s4o langadas na corrente sanguinea. (B) exécrina, porque segrega substéncias que séo langadas na corrente sanguinea. (C) exécrina, porque segrega substéncias que sao langadas em cavidades. (0) endécrina, porque segrega substéncias que s4o langadas em cavidades. Para além da hormona tiroidea, a tiroide segrega. (A) insulina. (B) calcitonina. (C) metatonina, (D) adrenalina A diabetes, cutra doenga do sistema hormonal, é causada pela deficiente produedo de. (A) caicitonina pelas glandulas suprarrenais. (B) metatonina pela glandula pineal (C) adrenalina pelos iinéus de Langerhans. (0) insulina pelo pancreas, A acao do sistema nervoso 6, geralmente, (A) controlada por glandulas endocrinas. (B) mais duradoura do que a do sistema endécrino. (C) promovida por hormonas. (D) mais r4pida do que a do sistema endocrine. ‘opgao que permite obter uma o000 oo0o00 oo000 ooa0o 257 ‘DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO S FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 4 5. Estabelega a correspondéncia entre cada uma das gléndulas expressas na coluna A a respetiva hormona produzida e que é apresentada na coluna B. Coluna A Coluna 8 ‘A Suprarrenals 1 Insulina B- Hipofise 2—Melatonina — Ovarios '3—Adrenalina D- Testiculos “4— Estrogenios E— Pancreas 5 Tostosierona F - Glndula pineal 6 — Hormona de crescimento AD BOCO DO EO FO x Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagées que se seguem. (A) Os sintomas do hipotircidismo incluem 0 aumento do ritmo metabdlico. (B) 0 tratamento da diabetes tipo 2 envolve injegdes frequentes de insulina. (C) A sindrome de Cushing corresponde & hiperatividade das hormonas corticoesteroides. (D) A ecografia é um método de diagndstico que permite tratar lesdes em ossos. (E) O bistenol 6 considerado um composto quimico desregulador endécrino, Boopuoo (F) A bomba de insulina pode ser considerada um desregulador endécrino. me Relacione a ingestao prolongada de corticoesteroides com a irregularidade do ciclo menstrual. 258. 2. AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | REGULAGAQ DO ORGANISMO HUMANO | SUPORTE BASICO DE VIDA Grupo Itt © Numero Europeu de Emergéncia 112 foi criado em 1991 e desde 2008 passou a ser 0 Unico numero de emergéncia que pode ser usado de qualquer telefone fixo, mével ou telefone publico para aceder gratuitamente aos servigos de emergéncia em qual- quer pais da Unido Europeia No dia 11 de fevereiro de cada ano, em todos os paises da Unido Europeia sao rea- lizadas varias agdes e eventos, de modo a alertar todos os cidadaos para a importancia da correta utiizagao do 112. EENA - EUROPEAN EMERGENCY NUMBER ASSOCIATION (adaptado) Na resposta a cada um dos itens de 1 a 4, selecione a Unica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. Ligar 0 112. (A) permite aceder & emergéncia médica em todo 0 mundo. (B) 6 um cuidado de pés-reanimagao, (C) deve ser feito apés a desfibrilhagao precoce. (D) marca o inicio da cadeia de sobrevivencia. A obstrugao da via aérea. (A) quando ligeira, deve-se iniciar RCP. (B) é inciciada pela coloracao azul arroxeada dos labios. (C) quando grave, deve-se encorajar a tosse. (D) quando grave, deve-se colocar a vitima em PLS. A técnica de elevagao do mento deve ser realizada, (A) inclinando a cabeca da vitima para tras. (B) pressionando a zona mole do mento. (C) executando a manobra de Heimlich. (D) colocando a vitima em PLS. Durante uma OVA dever-se aplicar palmadas interescapulares se a vitima estiver. (A) inconsciente. (B) consciente. (C) em paragem cardiorrespiratoria. (D) desmaiaca oo0a oo ‘* Poo oo000 259 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO & FIGHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 4 5. Orden os conceitos que se seguem relativos ao procedimento a seguir em caso de SBV pediatrico. (A) Permeabilizar a via aérea, (B) Realizar ventilagao boca a boca e nariz. (C) Iniciar compresses torécicas, (D) Abordar a vitima com cuidado. (E) Avaliar 0 estado de consciéncia. > ° > a 6. Explique o significado de procedimento "ABC" FIM 260 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | REGULAGAD DO ORGANISMO HUMANO | SUPORTE BASICO DE VIDA GRUPO! 1. (C) | 2. (C) | (A) © ® ® | (A) F; (B) Vi (C) F; (D) F; (E) F: (F) V: (@) V. Uma crise epilética implica a comunicagéo anormal centre um elevado nimero de neurénios, durante um certo intervalo de temo, o que conduz a ume esorganizacao na comunicagao do influx nnervoso, GRUPO IL 1 @ 2. 8) (0) (0) (A) 3; (B) 6: (C) 4; (D) 8; (E) 1; (F}2. (ADF; (8) Fi (DV (DFE) VF) A ingestao prolongada de corticoesteroides orais pode lovar a Sindrome de Cushing, 0 que conduz a uma desregulagao das hormonas produzidas pelos varios, o que leva a alteragaio do ciclo menstrual ‘GRUPO I 1. (D) 2 8) | 2) | 4 6) 5. D-E-A-B-C 8. Osignneado do procedmea “ABC vem douse | das iniciais das palavras om inglés Away, Broa- thing ® Circulation: A — Airway (Via aérea), B - Brea thing (Ventilagao) ¢ C ~ Circulation (Circulagao), 281 DOSSIé D0 PROFESSOR COMPREENDER O CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 4 Tee ‘SUBDONINIO: ORGANISMO HUMANO EM EQUILIBRIO | REGULAGAO DO ORGANISM HUMANO | SUPORTE BASICO DE VIDA Gonna OR CLASSIFICAGAD(%) ‘POR NiVE!S COGNITIVOS 02 m9) 5074 75-89 0-100 | OONHECINENTO | COMPREENSAO | APLICAGAO DISTRIBUIGAD DOS RESULTADOS OR CONTEUDOS ‘= Papal do sistema nervoso no eguliiio do | Pape do sistema hormonal na regulagdo do organismo human. organism. INTERPRETACAO 008 RESULTADOS “= Temitcas com mais xi + Possvis casas ‘= Teticas com maloresdfiuldades: + Poss causes ves copivas com mais xt: Posies causa + ves copnves com aires dfcldades: + Polis causas 262 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: TRANSMISSAO DA VIDA | SISTEMA REPRODUTOR HUMANO ae Neer eR OU) 5 ‘GUIAO DE CONSTRUCAO DA FIGHA DE AVALIAGAO SUNATI SUBDOMINIOTRANSMISSKO DAVIDA | SISTEMA REPRODUTOR HUMAND conTedDos TIPOLOGIADE TENS | NIVEISCOaNTIVOS —[/_CLASSIFICAGKO BALANGO ‘Tunconaman do sistema | «tens salto: | consent 100 pons distibuies | Conhesmene 5% repo humana eset mi - 5roxmacamant por, ene orden "08 comproanslo’ SMartiguefetopado Compreenséo ~ 35% —Moroiopaefsiogado | verges, | Merrtacso sem eredta humana sista proton assoomo | Agh “s human comespondinca_ | “O° pags 18%6 *Fecuniacne ~Feaundagioe tens de consrug deena desanvokmento resoota cut ombioari= 25 mbienio = repos rest + Sade do tema ~ Snide do sitema "epaiutrhumano ~20 repredor humana | (nn oa re NIVEIS COGNITIVOS: sill conTednos CONHECIMENTO COMPREENSAQ APLIGAGAO ‘QuESTAO | COTAGKO | QUESTO | cOTAGAO | QUESTAO | cOTAgAO | QUESTAO | coragho sheraga eto: |» i 1 Igeanscens | 73 A i or 7 poskiat tee 4 ‘ ica 4 “ 60% ta 4 4 tes 4 ica 4 4 = Fecundagao e as 3 Stsonanento | =P 7 ‘embrionario W841 4 ace 4 * = nee i ~ Sided sma 7 ‘err a2 ‘ | rs 3 ‘ 5 1% ToL rn « a @ a 6 aw 10% 263 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 5 Nome _ Ne Tuma Data f_/ Avaliagéo Professor(a) Grupo! O sistema reprodutor visa garantir a perpetuacao da espécie e € 0 sistema de orgéios que, na espécie humana, € diferente entre os individuos do sexo feminino € do sexo mas- culino, A figura 1 representa o sistema reprodutor feminino visto em corte transversal. Bexiga Figura 1 Na resposta a cada um dos itens de 1 a4, selecione a tinica op¢ao que permite obter uma afirmagao correta. 1. Asletras C, De E correspondem, respetivamente, (A) ao utero, a vagina e a vulva (B) 20 Utero, & vagina e aos grandes labios. (C) a vulva, 20 miamétrio e a0 utero, ooaaq (D) a vulva, a vagina e ao utero. 2. O 6rgo assinalado com a letra A tem como fungao produzir. (A) progesterona, estrogénios e ovos. (B) estrogénios, testosterona e odcitos. (C) testosterona, progesterona € ovos. oo0o0 (D) estrogénios, progesterona e oécitos. 264 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: TRANSMISSAO DA VIDA | SISTEMA REPRODUTOR HUMANO 3. 0 érgo assinalado com a letra B (A) estabelece a ligacao entre o avario e a vagina. (B) permite a passagem do odcito ou do ovo desde 0 ovarlo até ao utero. (C) produz hormonas que desenvolvem 0 ovo caso ocorra fecundagao. oo0oo0 (D) participa na formagao e na condugao do ovo até a vagina 4, Na puberdade, o crescimento da glandula maméria corresponde ao aparecimento de um cardcter sexual (A) primério feminino que nesta fase inicia o seu desenvolvimento. oO (B) secundario feminino em resposta a estimulos fisicos. o (C) secundario feminino em resposta a estimulos hormonais, a (D) primério femninino que resulta do aumento de estatura do individuo, Oo 5. Estabelega a correspondéncia entre os termos das etiquetas abaixo apresentadas e as afirma- Ges relativas a fungdes desempenhadas por érgaos do sistema reprodutor feminino, (A) Génadas (8) Vias genitais (C) Orgaos genitais externos (1) Os grandes labios protegem o orifcio genital a (2) O clitéris é um drgao de grande sensibilidade situado na regio dos pequenos labios. oO (8) A vagina ¢ um canal flexivel que comunica com 0 exterior pelo orficio genital g (4) O utero é 0 drgao onde, caso ocorta fecundacdo, se dé 2 nidacao do futuro embrido. a (8) Os avarios sao responséveis pela produgao de gametas femininos g (6) As trompas de Fal6pio iniciam-se proximo do ovario e recebem o odcito. a 6. Leia, com atengdo, o texto que se segue, O cancro da mama é um problema de satide publica, apesar de nao ser dos mais letais, tem uma alta incidéncia e uma alta mortalidade, sobretudo na mulher (apenas 1 om cada 100 cancros se desenvolvem no homem). Atuaimente em Portugal, com uma populacao feminina de § milhdes, surgem 4500 novos casos de canoro da mama por ano, isto é, 11 novos casos por dia, morrendo por dia 4 mulheres com esta doenca. ‘adaplado de ligacontracancro.pt [consuitado em outubro de 2014)» 6.1. Identifique 0 sexo dos individuos em que se verifica maior incidéncia do cancro da mama DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIACAO SUMATIVA 5. Grupo Il Analise, atentamente, as figuras 2 © 3 @ responda as quest6es a seguir formuladas. Figura 2 — Representagao de um corte esquematico de parte do sistema reprodutor feminine. rs Varagio de hipofisarias ‘no sangue OL hogus 7 b a 8 2% Dias Estrogénio — Progesterona Variagdo de hormonas ‘ovircas ‘no sangue 2728 o1 3 5 7 $ bh pes v wa & 4 Figura 9 — Relagao entre a concentragéo de hormonas ao longo do ciclo menstrual e a espessura da parede do utero. 266 1 2. a AVALIAGAD SUMATIVA ‘SUBDOMINID: TRANSMISSAO DA VIDA | SISTEMA REPRODUTOR HUMANO Identifique os fenémenos representados pelas letras X e Y na figura 2. No 6rgao identificado pelo algarismo 3 na figura 2 ocorre o ciclo... (A) ovérico, caracterizado pela variagao da espessura do endométrio. a (B) uterino, caracterizado pela variagao da espessura do endométrio. og (C) ovérico, caracterizado pelo aumento da espessura do endométri. a (D) uterino, caracterizado pelo aumento da espessura do endomeétrio. a fenémeno representado na figura 2 pela letra Y é provocado pela concentragao das hormonas iiustradas na figura 3 pela letra (A) ae leva a libertagao do odcito. (B) ac leva a regressao do corpo amarelo. (C) b, porque © teor de progesterona é baixo. oooo (D) c, quando a concentracao de hormonas ovéricas é mais elevada. Na figura 3, 0 fenémeno representado pela letra d corresponde a fase. (A) proilferativa (B) secretora oog (C) menstrual (0) folicuiar. A hormona produzide peta hipéfise, cuja agao esta representada na figura 2 pela letra A, corres- ponde a. (A) LH & provoca o desenvolvimento do corpo amarelo. (B) FSH ¢ provoca 0 desenvolvimento do corpo amarelo (C) LH e provoca o amadurecimento folicular o000 () FSH e provoca 0 amadurecimento foliculer. Se tivesse ocorrido 0 processo representado pela letra B na figura 2, a concentragao de progesterona. (A) manter-se-ia em valores préximos dos do 21° dia da fase ¢ representada na figura 3. a (B) teria valores préximos dos que esta hormona apresenta na fase b representada na figura 3. [] (C) manter-se-ia em valores préximos dos do 14.° dia da fase a representada na figura 3. a (0) teria valores proximos dos que apresenta no 27.° dia da fase c representada na figura 3. 267 DDOSSIE D0 PROFESSOR CONPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FICHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 5. 7 Classifique como verdadeiras (V) ou como falsas (F) as afirmagdes que se sequem. (A) Os estrogénios s40 produzidos pelo corpo amarelo. (B) As oélulas foliculares, depois de acorrer a ovulacao, transformam-se no corpo amarelo, (C) A placenta impede a passagem de dlcool da mae para 0 embriao. (P) 0 ciclo ovarico é regulado pelas hormonas produzidas durante 0 ciclo uterino. {E) Abolsa amniética que contém o liquido amnidtico protege o novo ser da desidratacao. (F) O inicio da fase menstrual no utero coincide com o inicio da fase folicular no ovario. ooo0o0o000g (G) 0 periodo fetal termina com o nascimento. 8. Lela, com atengao, 0 texto que se segue. De acordo com a UNICEF ‘As vantagens do aleitamento materno sao miiltiplas @ jé bastante reconhecidas, quer a curto, quer a longo prazo, existindo um consenso mun- dial de que a sua pratica exclusiva é a melhor maneira de alimentar as criangas até aos 6 meses de vida." hitp://werw.unicef.pt [consultado em outubro de 2014] 8.1. Refira uma vantagem do aleitamento materno para a sade dos recém-nascidos. 8.2. Indique uma vantagem do aleitamento materno para o bem-estar da mae. 268 AVALIAGAD SUMATIVA SUBDOMINIO: TRANSMISSAO DA VIDA | SISTEMA REPRODUTOR HUMANO Grupo Ill O sistema reprodutor mas- culino tem como principal fun- ao a produgao de gaémetas hormonas sexuais, mas tam- bém tem a capacidade de depositar o esperma, contendo esses gAmetas, no sistema reprodutor feminino. Figura 4 — Vista em corte do sistema reprodutor masculino. Na resposta a cada um dos itens de 1 a 5, selecione a tnica opcao que permite obter uma afirmagao correta, As letras E, C, Ae D corespondem, respetivamente, (A) a présiata, ao epididimo, ao pénis @ ao canal deferente. (B) 20 epididimo, & préstata, ao pénis e ao canal deferente. (C) & préstata, ao canal deferente, ao pénis ao epididimo. BOs (D) a0 epididimo, ao pénis, a préstata e ao canal deferente. 0 orgao assinalado com a letra C produz liquido. (A) prostatico capaz de neutralizar 0 pH da vagina. (B) seminal, rico em nutrientes que fornecem energia aos espermatozoides. (C) prostatico, rico em nutrientes que fornecem energia aos espermatozoides oo0a (D) seminal capaz de neutralizar o pH da vagina. Aletra F assinala 0 6rgéo responsavel pela produgao de espermatozoides e de. (A) progesterona, responsével pelo desenvolvimento dos caracteres sexuais secundérios masculinos, ["] (B) progesterona, que contribui para o desenvolvimento dos caracteres sexuais primérios masculinos. ["] (C) testosterona, responsaivel pelo desenvolvimento dos caracteres sexuais secundérios masculinos. (D) testosterona, que contribui para o desenvolvimento dos caracteres sexuais primérios masculinos. [] A hormona sexual masculina € responsavel pelo amadurecimento dos espermatozoides e pelo. (A) crescimento da barba e adelgagamento da cintura. (8) aumento da pilosidade e descida dos testiculos para a bolsa escrotal (C) crescimento de pelos pubicos ¢ alargamento da bacia. (D) aparecimento da barba ¢ aumento de tamanho do pénis, s8o000 DOSSIE DO PROFESSOR COMPREENDER 0 CORPO HUMANO 9 FIGHA DE AVALIAGAO SUMATIVA 5 5. Durante a fecundago, os espermatozoides deslocam-se até ao odcito ocorrendo a. (A) fusdo do nucleo das duas oélulas formando-se 0 ovo. (B) entrada do espermatozoide na célula feminina dando origem ao ovo. (C) formagao do ovo e a desintegrago do flagelo dentro desta estrutura, (D) fusdo das duas células formando-se 0 ovo, 6. Estabelega a correspondéncia entre os termos das etiquetas abaixo apresentadas ¢ as afirma- goes relativas a fungdes desempenhadas por érgdis do sistema reprodutor masculino, ooaogo (A)Gonadas | (B)Viasgenitais | (C) Orgaos genitais externos | (0) Glandulas anexas 4 — O escroto aloja e protege as génadas masculinas. 2- Avesicula seminal produz o liquide seminal. 3-0 pénis introduz os espermatozoides dentro da vagina. 4-Nas células de Leydig dos testiculos é produzida testosterona. 5 — Os canais deferentes conduzem os espermatozoides desde o testiculo até a uretra. 6 — Nos testiculos formam-se os gametas masculinos. Z Leia, com atengao, o texto que se segue. Em Portugal, cancro da prostata € 0 tipo de cancro mais importante o frequente no homem (superior 20 cancro da pele). [...] A investigagao constante, numa rea de inter- vene&0 tao importante como 0 cancro da préstata, é, inquestionavelmente, necesséria. Estdo a ser estudadas novas formas de o prevenir, detetar e tratar, tendo sempre em atengao a melhoria da qualidade de vida das pessoas com cancro da prostata, durante € apos 0 tratamento. htipuwewigacontacancro,pt! [consultado em outubro de 2014] 7,1. Refira um dos sintomas associados ao cancro da prostata. 72. Indique duas medidas preventivas do cancro da préstata. FIM 270 ooo00g0n0 AVALIAGAO SUMATIVA ‘SUBDOMINIO: TRANSMISSAO DA VIDA| SISTEMA REPRODUTOR HUMANO nero GRUPO! 1. A) 2 (0) 3. (8) 4. (©) 5. (1) ©; (2) G; (8) B; (4) B: (5) A; (6) B. 6.1 Ocorre maior incidéncia de cancro da mama nos individuos do sexo feminino, 6.2 Pode referir-se, por exemplo, 0 exame clinico @ a mamogratia, GRUPO X—Fecundagaio; ¥ - Ovulagao. (8) 4) co (0) (a) ADF B)MICIR FE) WAM IG)V. |. Pode ser referido, por exemplo, que o leite materno previne infegdes gastrointestinals, respiratérias e uri- arias, tem um efeito protetor sobre as alergias @ facilta a adaptagéo dos bebés aos outros alimentos, 8.2. Pode ser referido, por exemplo, que a amamenta- (940 facilita que 0 dtero recupere mais facilmente o tamanho inicial e associa-se a uma menor probabill- dade de ocorréncia de cancro da mama, entre outros, GRUPO I 1. ®) 2) 3. 4. ©) 5. (A) 8 (1) (©): 2) O}:B)-(©): (4) (AY @)- (Bh @)- 7.1. Pode reteri-se, por exerplo, a alleragéo do fuxo normal de rina 7.2. Pode reteri-se, por exerplo, a vigilancia médica e a atengdo a sinais de alerta, oni

Você também pode gostar