Você está na página 1de 4

Partes do TCC

Introdução

 Características básicas do TCC:

 Objetivo (apresenta resultados de uma pesquisa);


 Forma (neste curso pede-se um texto sintético com no mínimo
6 páginas e no máximo 8 páginas);
 Atividades que o autor desenvolve (seleciona bibliografia,
delimita e analisa um problema, discute e avalia resultados do
estudo frente à pesquisa prévia na área).

 Razões para escrever um TCC

 Reportar um estudo
 O autor descreve o estudo, expõe e avalia seus
resultados, faz uma proposta de implementação e
conclui, utilizando convenções próprias àquela área.

 Por onde começamos a escrever um TCC?

Primeiramente, selecionamos as referências


bibliográficas relevantes ao assunto. Podemos rever textos
trabalhados no curso, que tratam de estudos anteriores na
área, ler anotações feitas ou atividades realizadas. Depois,
refletimos sobre esses textos e delimitamos um problema
ainda não totalmente estudado na área. Podemos aproveitar
nossa experiência para delimitar um problema a ser estudado,
fazendo-o ser uma excelente justificativa na introdução do
TCC. Também precisamos elaborar uma metodologia para
examinar esse problema, delimitando, muitas vezes, um
conjunto de dados representativo do universo sobre o qual
deseja alcançar generalizações. Essa etapa é necessária
para apresentarmos e discutirmos a implementação do AEE e,
finalmente, concluir, elaborando generalizações a partir
desses resultados, conectando-as aos estudos prévios
dentro da área de conhecimento trabalhada.

Movimentos

 Partes do TCC/movimentos

O primeiro movimento retórico/primeira parte tem como objetivo


apresentar um território de conhecimento, podendo:

1. descrever a importância do assunto;


2. fazer generalização(ões) sobre ele;
3. revisar itens de pesquisa prévia/estado da arte.
A implementação do AEE pode ser um nicho (assunto pouco
pesquisado) dentro da área, tendo em vista que há carência de estudos sobre
sua implementação na educação profissional e tecnológica.
 Dicas de redação

 Delimitar um território de estudo


o Por muito tempo/nos últimos anos/em anos recentes, tem havido
um crescente interesse em x; a maioria dos estudos de x
estabelece/argumenta/propõe y; frequentemente tem sido
afirmado/argumentado que x; muitas das perspectivas adotadas
para x preveem/descrevem/avaliam que y; uma das mais
controversas/importantes xs (na literatura recente) é y; de acordo
com x é/indica/significa.

 Estabelecer um nicho
o Este trabalho trata/discute/afirma/argumenta que x; no presente
trabalho/estudo x; meu/nosso argumento é essencialmente que x;
eu/nós busco(amos) argumentar que x.

 Objetivo (ou hipótese)


o O presente trabalho tem por objetivo x; este trabalho foi elaborado
para x; a ênfase/a proposta/o objetivo (geral) do trabalho é x;
eu/nós pretendemos demonstrar/ilustrar que /debater x; o objetivo
do (a) trabalho/estudo/análise/discussão é x; a hipótese
(central/básica) é x.

• Organização
o Este trabalho compara/contrasta/descreve/demonstra...., em
primeiro lugar......, em seguida......, e finalmente......, no restante
deste TCC, x será examinado em termos de ....., o presente artigo
inclui uma análise/comparação/demonstração de....... Em
seguida, deverá...... E concluirá por......
• Seja simples e direto. Tente deixar o leitor interessado, informando-o
sobre o texto que virá adiante.
• O leitor tem que entender o contexto e a base do seu trabalho. Use
algumas referências fundamentais.

• Justifique de forma clara por que você fez e por que isso é importante.
Seus argumentos devem ser construídos a partir de critérios relevantes
para a área de estudo em questão. Razões pessoais, experiências
profissionais, por exemplo.

 É IMPORTANTE:

 Ler e preparar anotações da bibliografia com referências completas,


dando crédito ao autor pelas ideias citadas;

 Observar as normas da ABNT para referências.