Você está na página 1de 15

MÉTODOS SISTEMÁTICOS

• PREMISSAS
• CONCEITO DE “CAIXA-PRETA”
• MÉTODOS UTILIZADOS
• CIRCUITOS

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
PREMISSAS

Metodologia empregada com o


objetivo de elaborar, de maneira
rápida e confiável,cadeias de
comandos complexas.
_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
PREMISSAS
Em linhas genéricas, os métodos sistemáticos
conduzem a circuitos com mais componentes;
assim, usa-se o método intuitivo quando um
determinado programa puder também ser por ele
resolvido, desde que nas mesmas condições de
confiabilidade e segurança de um método
sistemático.
_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
PREMISSAS

CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton


MÉTODOS SISTEMÁTICOS
CONCEITO DE “CAIXA-PRETA”

Para que se possa fazer uso dos


métodos sistemáticos, é
fundamental entender o significado
do conceito de “caixa-preta”.
_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
CONCEITO DE “CAIXA-PRETA”
Uma série de componentes
de circuito,
convenientemente ligados
entre si, de forma a permitir a
correspondência
biunívoca entre uma entrada
“in” e uma saída “qn”.
_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
CONCEITO DE “CAIXA-PRETA”

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
CONCEITO DE “CAIXA-PRETA”
in ⇒ q n ; ∀ n ∈ N (saídas)
q n ⇒ in ; ∀ n ∈ N (entradas)

portanto,

in ⇔ q n ; ∀ n ∈ N

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
MÉTODOS UTILIZADOS
• MÉTODO DE SEQÜÊNCIA MÍNIMA
DE CORTE DE SINAIS*
• MÉTODO DE SEQÜÊNCIA MÁXIMA
DE CORTE DE SINAIS (M.S.M.)*

* Ambos admitindo versões pneumáticas ou eletropneumáticas


_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
MÉTODOS UTILIZADOS
•MÉTODO DE SEQÜÊNCIA MÍNIMA
DE CORTE DE SINAIS

A+/B+/B-/C+/C-/A-/

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
CONCLUSÕES ACERCA DO MÉTODO
CASCATA
O método cascata, embora sendo um grande avanço
comparado ao método intuitivo, vem sendo cada vez
menos empregado. Suas limitações principais são:
• ligação em série das memórias;
• limitação do número de grupos;
• o valor de pressão para a linha de sinais é aumentado.

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
MÉTODO DE SEQÜÊNCIA MÁXIMA DE CORTE DE SINAIS
LIGAÇÃO DAS VÁLVULAS
MÉTODO PNEUMÁTICO (PASSO-A-PASSO)

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
MÉTODO DE SEQÜÊNCIA MÁXIMA DE CORTE DE SINAIS
LIGAÇÃO DAS MEMÓRIAS - MÉTODO ELETROPNEUMÁTICO

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton
MÉTODOS SISTEMÁTICOS
SEQÜÊNCIA MÁXIMA COM CADEIA ESTACIONÁRIA

_______________________________
CURSO DE ENGENHARIA MECÂNICA – 2ºsem.2000 Prof. Clayton