Você está na página 1de 2

Colégio Estadual Rômulo Galvão Data: __/__/2017

Professor: Bruno Lago Série: 2° ano Disciplina: Física


Aluno(a):________________________________________________________________

Dilatação Térmica dos Sólidos


(Atividade avaliativa I – Unidade II)

1. João precisa abrir um recipiente de conserva cuja tampa devido ao aumento de temperatura a que eles ficam
esta emperrada. O recipiente é de vidro comum, e a tampa é submetidos. Os comprimentos desses intervalos devem ser..
de alumínio. Para facilitar a abertura, sugeriu-se que ele a) independentes do coeficiente de dilatação linear do
colocasse a tampa próximo da chapa do fogão por alguns material.
segundos e, imediatamente após afastar o recipiente da b) independentes do comprimento dos módulos.
chama, tentasse abri-lo. O procedimento sugerido vai
favorecer a separação entre a tampa e o recipiente, facilitando c) inversamente proporcionais ao coeficiente de dilatação
a tarefa de destampá-lo, porque: linear do material.
a) O coeficiente de dilatação térmica do vidro é maior que o d) inversamente proporcionais ao comprimento dos módulos.
do alumínio. e) diretamente proporcionais ao comprimento dos módulos.
b) O coeficiente de dilatação térmica do alumínio é maior que
o do vidro. 6. Em uma aula de laboratório, para executar um projeto de
c) O calor da chama diminui a pressão interna do líquido da construção de um termostato que controle a temperatura de
conserva. um ferro elétrico de passar roupa, os estudantes dispunham
d) O calor da chama diminui o volume do recipiente. de lâminas de cobre e de alumínio de dimensões idênticas. O
termostato em questão é formado por duas lâminas metálicas
2. (PUC-RJ) Uma porca está muito apertada no parafuso. O soldadas e, quando a temperatura do ferro aumenta e atinge
que você deve fazer para afrouxá-la? determinado valor, o par de lâminas se curva como ilustra a
figura, abrindo o circuito e interrompendo a passagem da
corrente elétrica.

a) É indiferente esfriar ou esquentar a porca.


b) Esfriar a porca.
c) Esquentar a porca.
d) É indiferente esfriar ou esquentar o parafuso. Dados: Coeficiente de dilatação linear do cobre = 1,7 x 10-5
e) Esquentar o parafuso. °C-1 e o coeficiente de dilatação linear do alumínio = 2,4 x
10-5 °C-1, ou seja, numa mesma temperatura o alumínio se
3. (PUC-RS) Uma barra metálica A tem comprimento inicial dilata mais que o cobre.
L e sofre variação de temperatura T. Se outra barra B, de Para que o termostato possa funcionar adequadamente,
mesmo material, possuir um comprimento inicial 2L e
experimentar a mesma variação de temperatura, pode-se dizer
a) a lâmina de cima deve ser de cobre e a de baixo de
que a dilatação da barra A é:
alumínio.
a) igual à dilatação da barra B.
b) a lâmina de cima deve ser de alumínio e a de baixo de
b) duas vezes maior do que a dilatação da barra B.
c) duas vezes menor do que a dilatação da barra B. cobre.
d) quatro vezes menor do que a dilatação da barra B. c) ambas as lâminas devem ser de cobre.
e) quatro vezes maior do que a dilatação da barra B. d) ambas as lâminas devem ser de alumínio.
e) as lâminas não podem ser do mesmo material e é
4. Um ferro elétrico automático mantém praticamente fixa a indiferente qual delas está em cima.
sua temperatura. Quando ela se eleva, o ferro elétrico desliga-
se automaticamente, voltando a ligar se a temperatura cair 7. Em um dia típico de verão utiliza-se uma régua metálica
além de certo valor. Isto se justifica, pois no seu interior para medir o comprimento de um lápis. Após medir esse
encontramos um: comprimento, coloca-se a régua metálica no congelador a
a) termômetro clínico; uma temperatura de -10ºC e esperam-se cerca de 15 min para,
b) anemômetro; novamente, medir o comprimento do mesmo lápis. O
c) pirômetro; comprimento medido nesta situação, com relação ao medido
d) termostato; anteriormente, será:
a) maior, porque a régua sofreu uma contração.
5. (UFPA) Edificações com grandes extensões horizontais
b) menor, porque a régua sofreu uma dilatação.
como pontes, linhas ferroviárias e grandes prédios são
construídos em módulos, separados por pequenos intervalos c) maior, porque a régua se expandiu.
denominados juntas de dilatação. Essas juntas são espaços d) menor, porque a régua se contraiu.
reservados para o aumento de comprimento dos módulos, e) o mesmo, porque o comprimento do lápis não se alterou.
8. Uma jarra de vidro encontra-se fechada, de modo bem 11. A distância entre dois pedaços de trilhos consecutivos em uma
justo, com uma tampa metálica. Ninguém, numa sala com estrada de ferro é:
vários estudantes, consegue abri-la. O professor informa que a) menor no inverno;
os coeficientes de dilatação térmica volumétrica do vidro e do b) praticamente constante;
metal são respectivamente iguais a 2,7 x10–5 °C–1 e 6,9 x10–5 c) maior no inverno;
°C–1 , e pede a um estudante que utilize esta informação para d) maior no verão.
abrir a jarra. O estudante consegue fazê-lo colocando a jarra
em contato com um jato de: 12. Quando você tem dificuldade para retirar a tampa metálica de
a) água fria, pois a tampa irá se contrair mais que a jarra vidros de conserva, deve:
devido à variação de temperatura. a) colocá-la em água fria;
b) água fria, pois a tampa irá se contrair menos que a jarra b) bater na tampa com um martelo;
devido à variação de temperatura. c) aquecer a tampa;
c) água fria, pois a tampa irá se dilatar mais que a jarra d) colocar o vidro na água quente;
devido à variação de temperatura.
d) água quente, pois a tampa irá se dilatar mais que a jarra 13. A dilatação térmica por aquecimento:
devido à variação de temperatura. a) provoca aumento de massa de um corpo;
e) água quente, pois a tampa irá se dilatar menos que a jarra b) ocorre somente nos sólidos;
devido à variação de temperatura. c) diminui a densidade do material;
d) não ocorre para os líquidos;
9. A figura 1, abaixo, mostra o esquema de um termostato
que utiliza uma lâmina bimetálica composta por dois metais 14. Ao colocar um fio de cobre entre dois postes, num dia de verão,
diferentes – ferro e cobre – soldados um sobre o outro. um eletricista deve:
Quando uma corrente elétrica aquece a lâmina acima de uma a) deixá-lo muito esticado;
determinada temperatura, os metais sofrem deformações, que b) deixá-lo pouco esticado;
os encurvam, desfazendo o contato do termostato e c) é indiferente se pouco ou muito esticado;
interrompendo a corrente elétrica, conforme mostra a figura2. d) nenhuma das anteriores;

15. Um ferro elétrico automático mantém praticamente fixa a sua


temperatura. Quando ela se eleva, o ferro elétrico desliga-se
automaticamente, voltando a ligar se a temperatura cair além de
certo valor. Isto se justifica, pois no seu interior encontramos um:
a) termômetro clínico;
b) anemômetro;
c) pirômetro;
d) termostato;

A partir dessas informações, é correto afirmar que a lâmina Nome


bimetálica encurva-se para cima devido ao fato de:
Data Turma
a) o coeficiente de dilatação térmica do cobre ser maior que o
do ferro.
b) o coeficiente de dilatação térmica do cobre ser menor que
AB C D E ABCDE
o do ferro. 1 A B C D E 11 A B C D E

c) a condutividade térmica do cobre ser maior que a do ferro. 2 A B C D E 12 A B C D E


d) a condutividade térmica do cobre ser menor que a do ferro. 3 A B C D E 13 A B C D E

4 A B C D E 14 A B C D E
10. Um motorista de caminhão costuma passar sob um
conjunto de cabos de alta tensão, em dias frios, sem maiores 5 A B C D E 15 A B C D E

problemas, porém com pequena folga. Num dia quente, ao 6 A B C D E 16 A B C D E


passar por baixo dos fios, estes se prenderam na carroceria do
caminhão. Isto ocorreu por que:
7 A B C D E 17 A B C D E

a) o motorista distraiu-se; 8 A B C D E 18 A B C D E

b) os pneus aumentaram de volume elevando a carroceria do 9 A B C D E 19 A B C D E


caminhão;
10 A B C D E 20 A B C D E
c) os postes de sustentação sofreram uma dilatação negativa;
d) os fios aumentaram o comprimento por dilatação térmica,
abaixando assim a altura.