Você está na página 1de 59

Capítulo 1 Capítulo 2 →

Mishná 1

A partir de quando pode um recitar o Shema à noite?


A partir do momento em que o Cohanim ir para comer sua terumah .
Até o final do primeiro relógio - assim diz o rabino Eliezer.
E os sábios dizem: Até meia-noite.
Raban Gamliel diz: Até o amanhecer.
Aconteceu uma vez que os filhos [Raban Gamliel de] veio de uma casa de festa .
Eles disseram para [o pai deles]: "Nós não recitou o Shemá".
Ele disse-lhes: "Se o amanhecer não tenha quebrado, você é obrigado a recitá-
lo."
"[Isso é verdade], não só neste caso, mas sim, em todos os casos onde os sábios
disseram que [alguns preceito pode ser realizada somente] até meia-noite - o
preceito é [ainda em vigor] até o romper da aurora.
"[Por exemplo:] queima as gorduras e os órgãos [dos sacrifícios, sobre o altar do
Templo] - este preceito [pode ser executada] até o romper da aurora.
"[Um outro exemplo:] Todos [sacrifícios] que podem ser consumidos por um dia
- o preceito [de comê-los pode ser executada] até o romper da aurora.
Se assim é, por que os sábios dizem, "até meia-noite" ?
Para afastar uma pessoa da transgressão .

Mishná 2

A partir de quando pode se recitar o Shemá da manhã?


Desde quando se pode distinguir entre techelet e branco .
O rabino Eliezer diz: [O primeiro tempo para a Sema é quando se pode
distinguir] entre techelet ea cor do alho-poró ,
e deve terminar recitando ao nascer do sol .
O rabino Yehoshua diz: [A pessoa pode recitar o Shemá] até três horas [do dia],
para tal é o caminho dos filhos de reis, a surgir na terceira hora.
Se uma recita [Shema o] mais tarde do que isso, ele não perdeu fora ,
[Mas sim] como alguém que lê a Torá.

Mishná 3

A escola de Shammai diz:


À noite, todas as pessoas deveriam relaxar e recitar [o Shemá], e de manhã eles
devem estar,
uma vez que diz [no verso (Dt 6:7)], "Quando te deitares e quando você se
levanta."
Mas a escola de Hillel diz:
Cada pessoa pode recitá-lo em sua forma habitual (postura) ,
uma vez que diz (ibid.), "Quando você anda na estrada."
Se for assim, por que dizer "quando te deitares e quando surgir"?
- [Isso significa:] no momento em que as pessoas estão mentindo para baixo, e
no momento em que as pessoas estão surgindo.
, Disse o rabino Tarfon:
"Certa vez eu estava viajando na estrada,
e eu reclinada para recitar [o Shemá] de acordo com o ponto de vista da escola
de Shammai,
e [por isso] me colocar em perigo de [ataque] bandidos. "
Eles [os outros Sábios] disse-lhe: "Você teria merecia ser culpados por seu
próprio destino,
desde que você foi contra a visão da escola de Hillel. "

Mishná 4

Na parte da manhã uma diz duas bênçãos antes que [o Shemá] e um depois,
enquanto que à noite ele diz duas bênçãos antes de ele e dois depois dele,
um longo e um curto .
Onde eles disseram para fazer a bênção tempo - ele não pode encurtar-lo.
[Onde eles disseram] para fazer a bênção curto - ele não pode prolongar-lo.
[Onde eles disseram] para concluir - ele não está autorizado a omitir a
conclusão.
[Onde eles disseram] não concluir - ele não está autorizado a concluir.

Mishná 5

Deve-se mencionar o êxodo do Egito à noite.


Rabi Elazar ben azaryah disse:
"Eis que eu sou como um homem 70 anos de idade ,
ainda que eu não poderia ganhar [o argumento contra os outros sábios], com o
êxodo do Egito recitado à noite,
até que Ben Zoma derivada ela [a partir de uma fonte bíblica]. "
"[Ele derivado da seguinte forma:] '. A fim de que você pode se lembrar o dia
em que deixou o Egito para todos os dias de sua vida" Ele diz (Dt 16:03), "
"Agora, 'dia da sua vida», os dias;
"Todos os dias de sua vida" [inclui também] as noites. "
Mas os sábios dizem:
"Os dias de sua vida", o mundo atual;
"Todos os dias de sua vida", inclui também a era de Mashiach .
Capítulo 2 Capítulo 3 →

Mishná 1

Se um estava lendo [o Shemá] na Torá, e chegou a hora de recitar [o Shemá]:


Se ele dirigiu seu coração [e destinado a cumprir a obrigação de recitar o Shemá
como ele lê-lo], ele cumpriu a sua obrigação.
E se não, ele não cumpriu a sua obrigação.
Nas quebras [entre seções do Shemá], pode-se cumprimentar outro de honra e
retornar uma saudação,
E no meio [de uma seção], pode-se saudar por medo e retornar uma saudação.
Estas são as palavras do rabino Meir.
Rabino Yehuda diz:
No meio, pode-se saudar por medo e retornar uma saudação fora de honra,
E nos intervalos, pode-se saudar por honra e retornar uma saudação a qualquer
pessoa.

Mishná 2

Estas são as quebras de seção:


Entre os primeiro e segundo bênçãos,
Entre a segunda bênção e Sema (Deuteronômio 06:04),
Entre Sema e im V'hayah shamoa ("Se você realmente ouvir") (Deuteronômio
11:13),
Entre V'hayah im shamoa e vayomer ("[Deus] disse") (Números 15:37),
Entre vayomer e v'yatziv Emet ("True e duradouro").
Rabino Yehuda diz:
Entre vayomer e v'yatziv Emet - não se pode fazer uma pausa.
O rabino Yehoshua ben Korchah disse:
Por que a Sema preceder V'hayah im shamoa?
Para que se possa aceitar o jugo do reino dos céus em primeiro lugar,
E depois que aceitar o jugo dos mandamentos.
E [por que] V'hayah im shamoa [preceder] vayomer?
Porque V'hayah im shamoa se aplica durante o dia e à noite,
E vayomer se aplica apenas durante o dia.

Mishná 3

Aquele que recita Shema, mas não torná-lo audível ao ouvido - cumpriu sua
obrigação.
Rabino Yosei diz: não cumpriu sua obrigação.
Aquele que recita, mas não articular cada letra:
Rabino Yosei diz: cumpriu a sua obrigação.
Rabino Yehuda diz: não cumpriu sua obrigação.
Aquele que recita fora de ordem - não cumpriu a sua obrigação.
Aquele que recita e comete um erro - deve retornar ao local onde ele cometeu o
erro.

Mishná 4

Os trabalhadores podem recitar [Sema] em cima de uma árvore ou em cima de


um muro de pedras,
que eles não estão autorizados a fazer por tefilá [oração].

Mishná 5

Um noivo está isento de recitar o Shemá na primeira noite, até a noite de sábado
se ele não fez a escritura.
Uma história sobre Raban Gamliel
que recitou [Sema] na primeira noite que ele se casou.
Seus alunos, disse-lhe:
Será que você não ensinar-nos, nosso professor, um noivo que está isento de
recitar o Shemá na primeira noite?
Ele disse-lhes:
Eu não vou ouvi-lo, para remover o reino dos céus de mim por até uma hora.

Mishná 6

[Raban Gamliel] lavados na primeira noite depois que sua esposa morreu.
Seus alunos, disse-lhe:
Será que você não ensinar-nos, nosso professor, que um enlutado é proibido
lavar?
Ele disse-lhes:
Eu não sou como as outras pessoas.
Eu sou delicada .

Mishná 7

E quando [Raban Gamliel de] escravo Tavi morreu,


Ele recebeu palavras de conforto para ele.
Seus alunos, disse-lhe:
Será que você não ensinar-nos, nosso professor, que um não receber palavras de
conforto para os escravos ?
Ele disse-lhes:
Tavi meu escravo não era como os outros escravos.
Ele era kasher .

Mishná 8

Se um noivo quer recitar Shemá na primeira noite, ele pode recitar [ele].
Raban Shimon ben Gamliel diz:
Nem todo mundo que quer assumir um nome pode assumir.

Capítulo 3 Capítulo 4 →

Mishná 1

editar
Aquele cuja mortos está diante dele ,
ele está isento de recitar o Shema, de dizer a Amidá e de usar tefilin .
Os portadores pall, suas substituições e as substituições das substituições ,
independentemente do facto de serem vigília na frente ou na parte de trás do
esticador estão isentos.
Como para aqueles que não são necessários para transportar a maca, eles são
obrigados a recitar o Shemá.
Essas e esses são os isentos de dizer a Amidá .

Mishná 2

editar
Ele, que enterra os mortos e volta ,
Se ele pode começar e terminar antes de retornar para a linha, ele começa ,
Se não, ele não inicia.
Quanto aos que estavam em uma linha,
Os os internos , eles estão isentos.
Os entes externos , eles são obrigados.

Mishná 3

editar
Mulheres, não-judeus escravos e menores -
são isentos de recitar o Shemá e de tefilin ,
Mas eles são obrigados a recitar a Amidá , a aposição de uma mezuzá e recitar
Hamazon Birkat .

Mishná 4

editar
O keri baal deve pensar sobre o Shemá em seu coração e não em seu coração
recitar as bênçãos ,
não antes e não depois.
E sobre comida: a bênção depois, e não a bênção antes .
Rabino Yehuda diz:
Ele abençoa antes e depois do Shemá e comida.

Mishná 5

editar
Se um está em oração e se lembra que ele é um keri baal,
Ele não pare de orar, mas o privará de oração.
Se ele foi para imergir em um micvê,
Se ele é capaz de chegar, cobrir-se e fazê-lo antes que ele vê a flor dom -
Ele vem para cima, cobre-se e recita o Shemá.
Mas se ele não é capaz de fazê-lo -
Ele se cobre em águas e recita.
Mas ele não se cobrir,
Não em águas sujas.
Nem na água em que linho embebido.
Até que ele coloca mais água para ele.
E o quão longe da sujeira que ele deve ser?
Quatro côvados. (Antebraço)
Mishná 6

editar
A ZAV que viu uma emissão seminal,
um niddah que descarregada sêmen de anteriores relações sexuais.
e uma mulher de ter relações sexuais, que viram a sua menstruação,
requerem imersão em um micvê;
mas rabino Yehuda isenta-los.
Capítulo 4 Capítulo 5 →

Mishná 1

editar
Shacharit pode ser dito até ao meio dia,
Rabino Yehudah diz até quatro horas para o dia.
Mincha pode ser dito até à noite.
Rabino Yehudah diz que até a meio da tarde.
Ma'ariv tem nenhum tempo definido .
Musaf pode ser dito todos os dias.
Rabino Yehudah diz apenas até sete horas no dia.

Mishná 2

editar
Rabino Nechunya ben Hakkana iria oferecer uma breve oração, quando ele
entrou na sala de estudos e quando ele saiu.
[Seus discípulos / alunos] perguntou-lhe: "Qual é o propósito desta oração?"
Ele lhes disse: "Sobre a minha entrada, eu rezo para que nada prejudicial deve
acontecer por causa de mim [incorretamente tornando decisões haláchicas];
e sobre a minha saída, eu ofereço ação de graças pela minha parte. "

Mishná 3

editar
Raban Gamliel diz:
Todos os dias uma pessoa deve rezar [18 bênçãos da Amidá ].
O rabino Yehoshua diz:
[Pode-se dizer] uma [forma de] abreviado 18 [bênçãos].
Rabi Akiva diz:
Se a oração é fluente em sua boca, ele deve dizer 18 [bênçãos];
mas se não é - [ele pode dizer] um 18 abreviada [porque senão ele pode tropeçar
nas palavras].

Mishná 4

editar
O rabino Eliezer diz:
Aquele que faz a sua oração "set" [como se fosse onerosa para ele],
sua oração não constitui uma "súplica" [por misericórdia divina e, portanto, ele
não vai recebê-la].
O rabino Yehoshua diz:
Aquele que está viajando um lugar perigoso deve oferecer uma breve oração, e
dizer:
Salvar, Hashem, o teu povo,
O remanescente de Israel;
Mesmo quando distanciar-se pelo pecado, deixe as suas necessidades antes de
ser você.
Você é a fonte de todas as bênçãos, Hashem, que atende à oração.

Mishná 5

editar
Se um foi montado em um burro, ele deve desmontar a partir dele [enquanto ele
reza].
Se ele é incapaz de desmontar, ele deve virar o rosto [para Jerusalém].
E se ele não é capaz de virar o rosto,
ele deve concentrar seu coração para o Santo dos Santos [no Templo em
Jerusalém].

Mishná 6

editar
Se um estava sentado em um barco ou em um vagão, ou em uma balsa,
[Quando ele reza] ele deve concentrar seu coração para o Santo dos Santos.

Mishná 7

editar
Rabi Elazar ben azaryah diz:
[Um] não diz que a oração adicionais , exceto na presença de um minyan .
Mas os sábios dizem:
[Deve-se sempre rezar o serviço adicional,] com um minyan ou sem minyan.
Rabino Yehuda diz em nome [Rabi Elazar ben azaryah de]:
Qualquer [cidade], em que há um minyan orando,
um indivíduo [que não é com a minyan] está isento da Oração Adicional.
Capítulo 5 Capítulo 6 →

Mishná 1

editar
[Um] não deve levantar-se para orar a menos que ele está em um quadro grave
de mente {iluminada. "Peso da cabeça"}.
Os originais piedosas usados para esperar uma hora e depois rezar,
a fim de orientar os seus corações para o Onipresente.
[Enquanto um está recitando Shemona Esrei ], mesmo que a [judeus]
cumprimenta rei ele {aceso. "Pergunta sobre seu bem-estar"}, ele não deve
responder a ele,
e mesmo se um [não-venenosas] cobra envolve o calcanhar, ele não deve
interromper [verbal].

Mishná 2

editar
[Nós] mencionar o pedido de chuva {iluminada. "A força das chuvas", ref. ao
curto oração Mashiv Haruach} em [a bênção de] Techiyat Hameitim
(ressurreição dos mortos);
e [nós] pedir chuva [adicionando a frase V'tein tal umatar l'vracha ] em Birkat
Hashanim (Bênção das culturas do ano);
e [recitamos] Havdalá (separação entre o sagrado eo mundano) em [a bênção de]
Chonein Hadaat (Imbuer do conhecimento).
Rabi Akiva diz:
Uma recita [Havdalah] como uma bênção quarto por si só [antes Chonein
Hadaat].
O rabino Eliezer diz:
[Uma recita Havdalah] na bênção de Modim (Thanksgiving).

Mishná 3

editar
Aquele que diz [a Hashem]:

 "Para o ninho de um pássaro que Sua compaixão chegar!"


 "No bom deve seu nome ser mencionado!"
 " Modim Modim "(repetição da oração)

[Nós] silenciá-lo.
Aquele que leva o serviço de oração {iluminada. "Passa diante da arca"}, e
vacila;
[A congregação deve] substituí-lo por outro.
E ele [que é chamado para servir como a substituição] não deveria [cortesia]
recusar em um momento.
E de onde deve [líder da substituição] começar?
Desde o início da bênção em que [o primeiro líder] vacilou.

Mishná 4

editar
Aquele que conduz as orações {iluminada. "Passa diante da arca"}
não deve repond depois [o bênção da] kohanim [dizendo] " Amém ",
porque [ele pode] perder sua concentração [e se tornar incapaz de começar a
bênção seguinte].
Se não houver sacerdote há além dele [a recitar a Bênção Sacerdotal],
Ele não deve recitar a Bênção Sacerdotal [próprio] {iluminada. "Ele não deveria
levantar as mãos"}.
Mas, se ele está confiante de que ele vai [ser capaz de] recitar a Bênção
Sacerdotal {iluminada. "Levantar as mãos} e, depois, retornar à sua oração,
[Ele é] permitido.

Mishná 5

editar
Uma pessoa que está orando, e comete um erro,
é um mau presságio para ele;
e se ele era um delegado da congregação , é um mau presságio para suas
delegante (a congregação),
porque "mensageiro de uma pessoa é [considerada] como ele".
Eles costumavam dizer sobre Rabi Chanina ben Dosa
que quando ele ia orar pelos enfermos,
ele diria: "Este vai viver, e este vai morrer".
Eles disseram-lhe: "Como você sabe?"
Ele respondeu-lhes:
"Se a oração é fluente em minha boca, então eu sei que foi aceite;
e se não, então eu sei que foi rasgado [porque a pessoa é melhor morrer]. "
Capítulo 6 Capítulo 7 →

Mishná 1

editar
Como é que um recitar bênçãos para frutas?
Para frutos crescem em uma árvore , um diz: "... Quem criou o fruto da árvore",
Exceto para o vinho ;
Para o vinho, um diz: "... Quem criou o fruto da videira".
Para cultivo de frutas da terra, um diz: "... Quem criou o fruto da terra",
Exceto para o pão ;
Para o pão, um diz: "... Quem traz o pão da terra".
Para legumes , um diz: "... Quem criou o fruto da terra."
Rabino Yehuda diz:
Deve-se dizer que em vez disso, "... Quem criou vários tipos de ervas."

Mishná 2

editar
Se um abençoado para os frutos das árvores com "... Quem criou o fruto do fruto
da terra" - Ele está acabado .
Mas se ele abençoado pelos frutos da terra "... Quem criou o fruto das árvores" -
Ele é não terminou .
Mas para todos , se ele disse:
"Para tudo existe pela palavra de Deus" - Ele está acabado.
Mishná 3

editar
Para as coisas que não crescem da terra , dizem: " Para tudo ".
Para o vinagre, e para frutos verdes e para os gafanhotos, diz: " Para tudo ".
Para o leite, e para o queijo e para os ovos, dizer: " Para tudo ".
Rabino Yehuda diz:
Tudo que é amaldiçoada - Não há bênção para.

Mishná 4

editar
Se um tem diante de si muitas coisas diferentes :
Rabino Yehuda diz:
Se há entre eles uma das sete espécies - Abençoe para que uma .
Mas os sábios dizem:
Abençoe para qualquer que ele deseja .

Mishná 5

editar
[Se um] abençoado para o vinho antes da refeição - [tem] isentos do vinho após
a refeição.
[Se um] abençoado para o aperitivo antes da refeição - [tem] dispensados para a
sobremesa após a refeição.
[Se um] abençoado para o pão - [tem] isenta o aperitivo;
[Mas se um abençoado para] o aperitivo - não [tem] isentos do pão.
A Casa de Shammai diz:
Nem mesmo o que foi feito em uma panela .

Mishná 6

editar
Se [as pessoas] sentar - Todos os abençoe por si.
[Mas se eles] recline - Uma bênção para todos.
[Se] vinho vem em durante a refeição - Todos os abençoe por si.
Para depois da refeição - Uma bênção para todos.
E quem diz para o perfume
Mesmo que o perfume não é trazido até depois da refeição.

Mishná 7

editar
Trouxeram-lhe comida salgada antes de primeira, e pão com ele -
Ele abençoa a comida salgada, e está isenta sobre o pão, porque o pão é
acessória a ele.
Este é o princípio:
Tudo o que é primário, eo secundário é com ele,
A bênção do principal isenta o secundário.

Mishná 8

editar

Aquele que comeu figos, uvas, romãs ou, abençoa três bênçãos depois deles - palavras
de Raban Gamliel.
Os Sábios dizem, uma bênção, com a essência de três.
Rabi Akiva diz, mesmo um que comia vegetais, se esse era seu alimento, abençoa três
bênçãos depois.

Água potável para a sede, abençoe "Isso tudo existe por Sua palavra."
Rabino Tarphon diz: "Quem cria muitas vidas".

Capítulo 7 Capítulo 8 →

Mishná 1

editar
Se três pessoas comem juntos, eles são obrigados a dizer * zimun.
Se ele comeu da comida que não tenha sido dizimados,
Ou a partir do primeiro dízimo que tinha Terumah * separados,
Ou o segundo dízimo que tinha sido santificado e redimido,
Ou um servo que tinha comido uma azeitona * do volume, ou de um * Cusi,
Ele deve dizer zimun com eles.
(Mas) se ele comesse produtos untithed,
Ou o primeiro dízimo que não tinha Terumah separados,
Ou o segundo dízimo que tinha sido santificados e não resgatadas,
Ou um servo que comeram menos do que * uma azeitona de volume, ou um
adorador de ídolos,
Não se pode dizer zimun com eles.

1. Zimun. Um ritual em que o chefe da família convida os outros clientes para bentch,
ou dizer Birkas HaMazon, a bênção após uma refeição 2. Terumah. Dízimo 3. Volume
de uma azeitona. O montante necessário para comer antes de ser capaz de dizer Birkas
HaMazon 4. Cusi. aka Cuthean, uma seita de judeus que se converteram do paganismo e
depois renunciou a Torá Oral. 5. Um servo que comeram menos do que o volume de
uma azeitona. Ele deve dizer uma Acharonah Bracha, ou uma bênção depois de não
comer uma azeitona de volume de pão, e para que não brachah zimun é dito

Mishná 2
editar
Mulheres, escravos e crianças,
Não se pode convocar com eles.
Quanto é necessário para convocar?
Pelo menos, de uma azeitona.
Yehuda R 'diz: "Pelo menos um ovo."

Mishná 3

editar
Como é que uma convocação?
Com três dizer: "Deixe-nos abençoar", com três e ele, ele diz, "Bless",
Com 10 dizem: "Nós te abençoe nosso D'us", com 10 e ele, ele diz, "Bless",
Se há 10 ou 10 multidões.
Quando há cem anos, ele diz: "Deixe-nos abençoar", quando cento e ele, ele diz,
"Bless",
Quando um mil, ele diz: "Vamos abençoar nosso D'us, D'us de Israel" quando
um mil e ele, ele diz "abençoado".
Quando com multidões dizer: "Vamos abençoar a D'us, nosso D'us, D'us de
Israel, D'us de legiões, que habita acima dos querubins, para o alimento que nós
comemos",
Com multidões ea si mesmo, diz ele, "Abençoe".
Como a forma como ele abençoou, eles respondem depois dele,
"Bem-aventurados os que D'us, nosso D'us, D'us de Israel, D'us das legiões, que
habita acima dos querubins, para a comida que temos comido."
Yossi R ', o galileu diz: "De acordo com a grandeza do conjunto,
Eles abençoe como ele diz, "Em assembléias todos abençoar a D'us a partir da
fonte de Israel."
Disse Akiva R "," O que encontramos na casa de montagem?
O mesmo para muitos, como para a minoria, dizem 'tudo abençoar a D'us.' "
Yishmael R 'diz: "Vocês todos abençoe D'us, o bem-aventurado."

Mishná 4

editar
Três que comer juntos não são permitidos a se separar,
E assim por quatro, e assim para cinco.
Seis podem ser separadas até 10,
E 10 não podem ser separados até (há pelo menos) 20.

Mishná 5

editar
Quando dois grupos comer juntos em uma casa, quando o tempo é curto,
Se estes podem ver estes, podem juntar-se a convocar,
E se não, estes convocar para si mesmos, e estes reunirão para si.
A bênção sobre o vinho não pode ser dito até que adicionar água a ele.
Estas são as palavras de Eliezer R ', e os sábios dizem: "Eles te abençoe."
Capítulo 8 Capítulo 9 →

Mishná 1

editar
Essas coisas são [controvertida] entre a escola de Shammai e da escola de Hillel
sobre as refeições:
A escola de Shammai diz: "Abençoe o dia, e depois abençoar o vinho."
A escola de Hillel, "Abençoe o vinho, e depois abençoar o dia."

Mishná 2

editar
A escola de Shammai diz: "Lavar as mãos, e depois despeje a xícara."
A escola de Hillel, "Despeje a taça, e depois lavar as mãos."

Mishná 3

editar
A escola de Shammai diz: "Um limpa suas mãos em um guardanapo, e coloque-
o sobre a mesa."
A escola de Hillel, "sobre a almofada."

Mishná 4

editar
A escola de Shammai diz: "Nós varrer o quarto, e depois lavar as mãos."
A escola de Hillel, "Nós lavar as mãos, e depois varrer a sala."

Mishná 5

editar
A escola de Shammai diz: "Chama, e graça após as refeições , e especiarias, e
havdalah ".
A escola de Hillel, "Chama, e especiarias, e Grace após as refeições, e
havdalah".
A escola de Shammai diz: "Quem criou a luz do fogo."
A escola de Hillel, "Quem criou as luzes de fogo".

Mishná 6
editar
Nós não abençoar:
Nem sobre a chama, nem sobre as especiarias do idólatras.
Nem sobre a chama, nem sobre as especiarias dos mortos.
Nem sobre a chama, nem sobre as especiarias na frente de um ídolo.
Nós não abençoar sobre a chama até que a sua luz é utilizável.

Mishná 7

editar
Aquele que comeu, e esqueci, e não abençoar:
A escola de Shammai diz, ele retorna ao seu lugar e abençoa.
A escola de Hillel, ele abençoa no lugar onde ele se lembrava.
Até quando abençoe?
Até que o alimento em seus intestinos é digerido.

Mishná 8

editar
Se o vinho é trazido para eles após a refeição,
e nada é [disponível], exceto para que a taça:
A escola de Shammai diz: "Abençoe o vinho, e depois abençoará a refeição."
A escola de Hillel, "abençoe a refeição e depois abençoar o vinho."
Responder "Amém" depois de abençoa judeu,
e não há resposta do amém depois de abençoa Samaritano até que se tenha
ouvido a bênção todo.
Tractate Peah,
apítulo 9
Capítulo 1 →

Mishná 1

Ele que vê um lugar onde um milagre foi feito por Israel dizem:
"Bem-aventurados vós, que fez milagres para nossos pais neste lugar."
Um lugar na terra de Israel, que tinha adoração de ídolos arrancadas dele dizer,
"Bem-aventurados vós que adoradores de ídolos desenraizadas de nossa terra."

Mishná 2

Em cometas, e sobre os terremotos, e em um raio e em trovões, tempestades e


dizer:
"Bendito seja Aquele cuja força e pode encher o mundo."
Em montanhas, e sobre as colinas, e em mares e nos rios, desertos e em dizer,
"Bem-aventurados Suas obras que Ele fez no início."
Yehuda R 'diz: "Aquele que vê o mar grande, diz,
"Bendito o que fez o mar grande." Só se vê-lo ocasionalmente. "
Na chuva e em boa notícia diz: "Bendito o que é bom, e faz o bem."
E em más notícias dizem: "Bem-aventurado és o verdadeiro juiz."

Mishná 3

Quando se constrói uma casa nova, e adquire novos navios, diz ele,
"Bem-aventurado é aquele que nos manteve vivos (e nos sustentou e nos trouxe
a este tempo)."
Abençoe sobre o mau que contém boa, e sobre o bem que contém ruim.
Ele, que reza sobre o que já aconteceu, esta oração é em vão.
Como? Se sua esposa estava grávida e ele disse:
"Que seja a sua vontade de que minha esposa dar à luz a um menino."
Esta oração é em vão.
Se ele veio no caminho e ouviu o som de gritos da cidade, e ele disse:
"Que seja a sua vontade de que estes não são os filhos da minha casa."
Esta é uma oração em vão.

Mishná 4

Aquele que entra em uma cidade fortificada devem orar duas vezes.
Uma vez na sua entrada, e uma vez em sua saída.
Ben Azzai disse: "Quatro, duas vezes em sua entrada, e duas vezes em sua saída,
e dar graças por aquilo que é passado, e suplicar para o futuro.

Mishná 5

A pessoa é obrigada a abençoar sobre o mau como ele abençoa sobre o bem.
Como ele diz, "E amarás o Senhor, teu Deus, com todo seu coração e toda tua
alma e com tudo o que você tem."
"Com todo o seu coração" - isto é as duas inclinações, sobre a inclinação do bem
e da inclinação do mal.
"E em toda a sua alma" - mesmo se ele levar a sua alma.
"E, com tudo o que você tem" - Com todo o seu dinheiro.
Alternativamente, "Com tudo o que você tem" - com todas as medidas que é
medida para você agradecer-lhe muito.
O homem não deve ser leve com a cabeça (frívolo) perto do portão oriental;
É perto da fundação da casa do santo dos santos.
Uma pessoa não pode entrar no monte santo com sua equipe,
Ou com sua sandália, ou com o cinto bolsa, ou com a poeira em seus pés,
E não fazer um atalho,
E cuspir é proibido, conforme deduzido do menor para maior.
Tudo o que terminou as bênçãos quando estavam no Templo diria, "Do mundo".
Dos danos dos hereges (Os saduceus),
Eles disseram, "não há mundo, mas este",
Eles (os sábios) corrigiu isso e eles disseram:
"A partir do mundo e até a eternidade."
E eles corrigiram isso que um deve perguntar a paz de seu amigo com o nome de
Deus, como ele diz,
"E eis que Boaz veio de Belém, e disse aos ceifeiros:" Deus esteja com você "
E eles lhe disseram: 'Deus te abençoe'. "(Rute 2:4)
E ele diz que "Deus está com você, um grande e valoroso." (Juízes 6:12)
E ele diz: "Não desprezo, porque sua mãe é velho." (Provérbios 23:22)
E ele diz: "É hora de fazer para Deus, eles quebraram o Torá." (Salmos 119:126)
R 'Nathan diz: "Eles quebraram a sua Torah' -. Porque é tempo de fazer para
Deus"

Mishná ,
Capítulo 2 →
Seder Zeraim , Tractate Peah : Capítulo 1

Mishná 1

editar
Estas são as coisas que não têm nenhuma medida :
O Peah do campo, as primícias , a aparência [no Templo de Jerusalém em
peregrinação Festivais],
atos de bondade, eo estudo da Torá.
Estas são coisas que os frutos do que um homem goza neste mundo,
enquanto o princípio permanece para ele no Mundo Vindouro:
Honrar pai e mãe,
atos de bondade,
e trazer a paz entre um homem e seu companheiro.
Mas o estudo da Torá é igual a todos eles.

Mishná 2

editar
Não se deve fazer a Peah menos de 1/60 de toda a produção,
E, apesar de que não há quantidade definida é dada para Peah.
É tudo com base no tamanho do campo,
o número de pobres que serão cobra-lo,
ea abundância da colheita.

Mishná 3

editar
Deixar o Peah desde o início [da colheita] do campo ou no meio [da colheita].
Rabi Shimon diz:
Só dar fora da medida final .
Rabino Yehuda diz:
Se ele deixou mesmo um talo, ele deve dar Peah.
E se o contrário, ele está dando a sua cultura ao público.

Mishná 4

editar
Em geral, eles dizem sobre o canto,
tudo o que é guarda, alimentos e crescer a partir do solo,
e recolhê-la como uma cultura e trazê-lo para observar a obrigação de Peah.
E os grãos e os legumes estão nesta regra geral.

Mishná 5

editar
E, como para as árvores:
O sumagre, a alfarroba, as nozes, a amêndoa,
as videiras, a romã, a azeitona,
e as datas são obrigados em Peah.

Mishná 6

editar
Continuamente, ele pode dar de Peah
e está isenta de os dízimos até que ele espalha,
e dá-lo como abandonado,
é isento de dízimos até que ele espalha,
e alimentá-lo para os animais e para o animal e para as aves,
e é isentar de dízimos até que ele espalha.
Pode-se tomar a partir da semente celeiro e porca
e é isento de dízimos até que ele espalha,
estas são as palavras de Akiva R '.
Se um sacerdote e um levita tomou um celeiro,
os dízimos são deles até que se espalha.
Dedicado e redimidas produzir são obrigados em dízimos
até que o tesoureiro espalha.

Capítulo 2 Capítulo 3 →

Mishná 1

editar
E estas são as coisas que dividem o canto do campo:
Um rio, valas de irrigação, uma estrada particular, uma via pública,
Um caminho público, um caminho permanente privado para os dias de verão e
inverno,
Um poço, um prado, e uma cultura diferente. Se feno um colheitas, esta é uma
divisão,
Estas são as palavras de Meir R '.
E os sábios dizem: "Isso não é uma divisão menos que seja lavrado."

Mishná 2

editar
Para uma vala de irrigação que não se pode colher a partir de dentro,
Yehuda R 'diz: "Esta é uma divisão."
E todas as colinas que são escavados com uma enxada,
Mesmo que o gado não pode cruzá-los com seu navio,
Ele dá Peah para a coisa toda.

Mishná 3

editar
Tudo isto se divide para culturas de sementes,
E não dividir para árvores com exceção de uma cerca.
Se houvesse ramos que eram mato,
Esta não é uma divisão,
Mas sim uma Peah dá para tudo.

Mishná 4

editar
E para todas as alfarrobeiras, quando este se vê que uma.
Raban Gamliel disse: "Era costume na casa de meu pai para dar uma Peah
Para as oliveiras de todos os lados,
E para as alfarrobeiras, cada um que vê o outro. "
"Eliezer, filho de R 'R Tzadok, diz em seu nome,
"Mesmo para as alfarrobeiras que eles tiveram em toda a cidade."

Mishná 5

editar
Quando um semeia o seu campo com um tipo,
Mesmo que ele faz dois celeiros, ele dá um canto.
Se ele semeia duas espécies, embora ele faz um celeiro,
Ele dá dois cantos.
Se ele semeia seu campo com duas espécies de trigo,
E faz um celeiro, ele dá um canto,
Mas se dois celeiros, dois cantos.
Mishná 6

editar
Aconteceu que Shimon R ', o homem de Mitzpah,
Semeou e vieram antes de Raban Gamliel,
E eles foram até a sala de pedra lavrada (Grande Sinédrio)
E fez uma pergunta lá.
Nachum o secretário disse: "Eu tenho recebido de Meiasha R '
Quem a recebeu de seu pai, que recebeu dos pares
Que recebeu dos Profetas, que a Lei de Moshe no Sinai é:
Aquele que semeia o seu campo com dois tipos de trigo,
Se ele faz um celeiro, ele dá um canto,
Se dois celeiros, ele dá dois cantos. "

Mishná 7

editar
Se um campo foi colhida por samaritanos, ou colhidas por ladrões,
Ou se as formigas mastigou-up (ou gafanhotos consumido),
Ou se foi quebrado pelo vento ou um animal, ele é isento.
Se colher meia e meia ladrões colheita,
Ele é isento como a obrigação do canto é quando a cultura está de pé.

Mishná 8

editar
Se ladrões colhidas metade, e um meio colhida,
Ele dá um canto do que ele colhidas.
Se ele colhidas meia, e vende-lo, e leva metade para si mesmo,
Ele dá um canto para tudo isso.
Se colher meia e dedica meia,
Aquele que redime do tesoureiro dá um canto para tudo.

Capítulo 3 Capítulo 4 →

Mishná 1

editar
Para quadros quadrangulares de grãos que estão entre as oliveiras,
A escola de Shammai diz: "Um canto de todos e cada um."
A escola de Hillel, "Dar uma de tudo isso."
E eles reconhecem que se as linhas principais são misturados,
Um fornece um canto de um sobre todos eles.
Mishná 2

editar
Se um corta o campo e as folhas mais talos de vida,
Akiva R 'diz: "Dê um canto para cada um."
E os sábios dizem: "Dê um canto para todos eles."
E os sábios reconhecem Akiva R 'que,
Para quem semeia endro ou mostarda em três locais,
Ele dá um canto de todos e cada um.

Mishná 3

editar
Que separa as cebolas tomar as maduras para o mercado,
Embora mantendo as secas no celeiro,
Ele dá um canto para cada um respectivo.
E assim é para o feijão, e, portanto, é de uma vinha.
Aquele que se afina o campo dá a partir do resto que sobra,
E aquele que se separa de uma área particular dá do remanescente para o
conjunto.

Mishná 4

editar
As sementes de cebolas mãe são obrigados pela lei da esquina,
E Yosi R 'isenta deste.
Para as camas quadrangulares da cebola que são entre outros vegetais,
Yossi R 'diz, "O canto deve ser tomada a partir de cada um."
E os sábios dizem: "De um abrange todos eles."

Mishná 5

editar
Quando os irmãos de dividir o que foi dado a eles, eles dão dois cantos.
Se eles revisitar a sua parceria, eles dão um canto.
Dois que tomar algumas árvores, dar um canto.
Se esta leva ao norte, e que leva o sul,
Este dá um canto para ele, e que se dá um canto para ele.
Se alguém vende uma árvore em seu campo, ele deve dar um canto para todos e
cada um.
Yehuda R ", disse," Quando é isso?
Em um tempo em que nada é deixado para o proprietário de campo,
Mas se algo sobra para o proprietário do campo,
Ele dá um canto para o todo. "
Mishná 6

editar
Eliezer R 'diz: "Um terreno a quarta é obrigada a dar um canto."
Yehoshua R 'diz: "Se ele fez dois Seah".
Tarfon R 'diz: "Seis por seis palmos".
Yehuda R 'ben B'saira diz: "A fim de colher e repetir."
E a lei é como ele falou.
Akiva R 'diz, "toda a terra é obrigado a dar um canto,
E os primeiros frutos,
E um Prozbul pode ser escrito por ele,
E eles podem comprar o imóvel com ele que não tem garantia
Com o dinheiro, a aquisição de crédito, ou.

Mishná 7

editar
Se um homem morrer, escreve de sua propriedade, se ele tem terra de sobra, seu
dom é um dom.
Se ele não tem terra de sobra, o seu dom não é um dom.
Se ele escreve sua propriedade para seus filhos, e escreve à sua esposa nada do
terreno que ele tem,
Ela perdeu seu contrato de casamento.
Yossi R 'diz: "Se ela recebe-lo, mesmo que ele não foi escrito para ela,
Ela perde o contrato de casamento. "

Mishná 8

editar
Se uma propriedade escreve ao seu escravo, ele sai um homem livre.
Se algum de sua terra permanece, ele não sai como um homem livre.
Shimon R 'diz: "Ele sempre é um homem livre, a menos que ele diz:
"Na verdade, toda a minha propriedade é dado a tal e assim, meu escravo, fora
de uma multidão deles."
Capítulo 4 Capítulo 5 →

Mishná 1

editar
O canto é dado enquanto está ligado à terra.
Para a vinha, e por palmeiras, o dono da casa traz-los e separa-los para os
pobres.
Shimon R 'diz: "Mesmo castanheiras separados."
Mesmo que 99 dizem para separar e uma diz para saque,
Ouça-o como ele falou como é a lei.
Mishná 2

editar
Para tamareiras e videiras, isso não é assim.
Mesmo se 99 dizer à pilhagem, e um diz para separar,
Ouça a esta, para que ele tenha falado como é a lei.

Mishná 3

editar
Se um tomou um canto da colheita e jogou-o no descanso, não há nada para ele.
Mesmo se ele cair sobre ele, e se espalha o xale sobre ele, ele já foi transferido.
E assim é para os rabiscos dos pobres, e, portanto, é para o molho esquecido.

Mishná 4

editar
O canto não pode ser colhido com uma foice,
E não se pode arrancá-lo com uma pá,
Para não bater seu amigo.

Mishná 5

editar
Três vezes ao dia, em que havia mendigos, de manhã, ao meio-dia, e na parte da
tarde.
Raban Gamliel diz: "Eles não disseram isso, exceto para os fins que eles não
devem ser reduzidas."
Akiva R 'diz: "Eles não disseram isso, exceto para os fins que eles não devem
aumentar."
Dos que estavam em Beth Nameir, eles recolhem com uma corda e dar um canto
de cada linha e sulco.

Mishná 6

editar
Um adorador de ídolos que as colheitas seu campo,
E, depois torna-se assim um convertido ao judaísmo,
Ele está isento de deixar os rabiscos,
E de esquecer (os molhos) e de sair de um canto.
Yehuda R 'obrigado ele no esquecimento (os molhos),
Como ele não pode esquecer, exceto na hora em que os feixes seriam deixados.
Mishná 7

editar
Aquele que se dedica a uma cultura que estava de pé, e resgata-lo,
O que estava em pé é obrigado (em rabiscos).
Um que dedicou feixes e os remiu, os molhos são obrigados.
Aquilo que foi dedicado em pé e, em seguida, foi resgatado,
Os feixes são isentos, pois na hora que ele seria obrigado, era isento.

Mishná 8

editar
Como o que saiu sobre isso,
Se um dedica seu fruto, mas não era a época de dar o dízimo, e resgata-los,
Eles são obrigados.
Se a temporada a décima parte deles vem e resgata-los,
Eles são obrigados.
Se ele dedicou-los, e eles não estavam maduros,
E eles amadureceram enquanto possuído pelo tesoureiro,
E, depois, portanto, ele os remiu,
Eles são isentos,
Porque na hora que eles teriam sido obrigados, estavam isentos.

Mishná 9

editar
Quem recolhe o canto e diz:
"Na verdade, isso é para fulano de tal, um homem pobre."
Eliezer R 'diz: "Ele adquiriu para ele."
E os sábios dizem: "Ele dá-lo para o primeiro homem pobre que encontra."
Os rabiscos, os feixes esquecidos, e os cantos de um adorador de ídolos,
Eles são obrigados a ser dizimado,
Exceto se ele a abandonou.

Mishná 10

editar
O que é um rabisco?
O que cai na hora da colheita.
Se ele colhido um punhado, ou pegou um punhado,
E um espinho espetou ele,
E caiu de sua mão para a terra,
Na verdade, ele pertence ao dono da casa.
Se fosse de dentro de sua mão, ou a partir da lâmina da foice,
Ele pertence aos pobres.
Se do lado de fora sua mão, ou a parte de trás da foice,
Ele pertence ao dono da casa.
Além disso, se é a partir da ponta da mão ou a ponta da foice.
Yishmael R ', diz, "é para os pobres."
Akiva R ', diz, "é para o dono da casa."

Mishná 11

editar
Qualquer coisa em formiga-buracos que está dentro de uma cultura permanente,
Na verdade, esta pertence ao dono da casa.
Se esta é depois das colheitadeiras,
As partes superiores pertencem aos pobres,
E sob a peças pertencem ao dono da casa.
Meir R 'diz: "Tudo é para os pobres,
Como o que é uma respiga duvidoso ainda é um respiga ".
Capítulo 5 Capítulo 6 →

Mishná 1

editar
Uma pilha de grãos a partir da qual tudo debaixo dela que tocou o solo não foi
recolhido,
Na verdade, isso é para os pobres.
Se o vento espalha as polias,
Ele vê o quanto havia de recolher e dá aos pobres de forma adequada.
Raban Shimon ben Gamliel diz: "Dê aos pobres o montante que (normalmente)
cai."

Mishná 2

editar
Se, durante a colheita, a orelha de um grão toca a cultura de pé,
Se ele pode ser colhida com a cultura de pé,
Na verdade, ele pertence ao dono da casa.
E se não for, de fato, pertence aos pobres.
Se um grão de orelha é misturado na pilha,
Deve ser dizimados e um deles deve ser dado aos pobres.
Eliezer R 'disse: "E como é que essa troca pobre essa coisa que não veio para ser
permitido a ele?
Em vez disso, conceder-lhe a pilha inteira e dizimar uma orelha a ser dado a ele.
"

Mishná 3
editar
Não pode haver nenhuma roda de irrigação;
Estas são as palavras de Meir R '.
E os sábios dizem,
"É permitido do que é possível."

Mishná 4

editar
Se o dono da casa estava passando de um lugar para outro lugar,
E se ele precisa tomar os rabiscos, as roldanas esquecidos,
O canto, e os dízimos dos pobres, ele pode tomar,
E quando ele volta para sua casa, ele paga por eles;
Estas são as palavras de Eliezer R '.
E os sábios dizem: "Ele era pobre em seu tempo (da necessidade)."

Mishná 5

editar
Se ele troca com os pobres, na sua, ele é isento, e no item a pessoa pobre, ele é
obrigado.
Se dois receberam um campo para a fazenda juntos, este dá um dízimo de sua
parte aos pobres,
E isso se dá o dízimo de sua parte aos pobres.
Se o receptor das colheitas área de TI,
Os rabiscos, os feixes esquecidos, eo dízimo pobres são proibidos para ele.
Yehuda R ", disse," Quando?
No momento em que ele recebe dela um meio, um terceiro, ou quarto.
Mas se ele disse a ele, você pode colher uma terceira para si mesmo,
Ele é permitida para os rabiscos, as roldanas esquecidos, e que o canto,
E proibido o dízimo dos pobres ".

Mishná 6

editar
Se ele vende o seu campo, o vendedor é permitido, e que o comprador não é.
Ele não pode contratar um homem para trabalhar em sua parte para ter seu filho
recolher depois dele.
Aquele que não permitir que os pobres de recolher, ou ele permite, e não outra,
ou ele ajuda a um,
Na verdade, ele abertamente rouba dos pobres, como se diz,
"Não retirar a fronteira eterna." (Provérbios 22:28)

Mishná 7
editar
Se os molhos são esquecidos pelos trabalhadores,
E o dono da casa não esquecê-lo,
Ou o dono da casa e esqueceu os trabalhadores não esquecê-lo,
Ou se os pobres estavam diante dele, ou se a palha foi coberto,
Na verdade, esta não é esquecido.

Mishná 8

editar
Aquele que cobre molhos para uma pilha temporária, estes não podem ser
esquecidos,
Mas se eles são levados de lá para o celeiro, eles podem ser esquecidos.
Se as roldanas estão empilhados, eles podem ser esquecidos.
Se estes são levados para o celeiro, eles não podem ser esquecidos.
Esta é a regra geral:
Sempre as polias estão em um lugar que o trabalho é concluído com eles,
Eles podem ser esquecidos,
Mas se eles são levados para o celeiro, eles não podem ser esquecidos.
Se é um lugar onde o trabalho não for concluído, não pode ser esquecido,
Se eles são levados para o celeiro, eles podem ser esquecidos.
Capítulo 6 Capítulo 7 →

Mishná 1

editar
A escola de Shammai diz:
"Abandonar a propriedade para os pobres, este é abandono".
E a escola de Hillel,
"Ele não pode abandonar até que ele também o faz para o rico, como o ano
sabático."
Se todos os feixes de campo são de um Kav,
E um maço é de quatro Kav e foi esquecido,
A escola de Shammai diz: "Ele não se esqueceu dele."
E a escola de Hillel, "Ele já esqueceu."

Mishná 2

editar
O molho que foi inclinou-se contra uma parede de pedra,
Ou contra a pilha, ou contra o gado, ou contra navios,
E foi esquecido,
A escola de Shammai diz: "Ele não esquecê-lo."
A escola de Hillel, "Ele fez esquecer."
Mishná 3

editar
Na cabeça da fila, o molho que toca confirma.
Se um pegou o maço, e trouxe-o para a cidade, e esqueceu-se lá,
Reconhece-se que ele não é esquecido.

Mishná 4

editar
E estes são os chefes das linhas:
Se dois começaram a partir do meio da linha, esta voltada para o norte, e este
para o sul,
E eles se esqueceram de alguns feixes depois deles, os que vieram antes deles
são esquecidos,
E os que estavam atrás deles não são esquecidos.
Se uma parte da cabeça da linha e ele se esquece de si mesmo,
Aqueles antes dele não são esquecidos e aqueles depois dele são esquecidas,
E ele não pode voltar para eles.
Esta é a regra geral,
Tudo o que ele não pode voltar para, estes são esquecidos,
E aqueles que ele pode retornar para, ele não esqueceu.

Mishná 5

editar
Dois feixes são esquecidos, e três não são esquecidos,
E duas pilhas de azeitonas ou alfarroba são esquecidos, e três não são
esquecidos,
E duas de linho-hastes são esquecidos, e três não são esquecidos,
E duas uvas individuais são rabiscos, e três não são rabiscos,
E duas espigas são rabiscos e três não são rabiscos,
Estas são as palavras da escola de Hillel.
E em tudo isso a escola de Shamai disse:
"Três são para os pobres e quatro são para o dono da casa."

Mishná 6

editar
Se um maço é de dois Seah (um Seah é 8,29-14,4 L) e ele esquece-lo, não é
esquecido.
"Se dois feixes são dois Seah, Raban Gamliel diz:" É para o dono da casa. "
E os sábios dizem: "É para os pobres."
Raban Gamliel disse: "É isso mesmo?
A maioria dos feixes boas estão garantidos para o dono da casa
E você enfraquecer o que foi garantido por ele. "
Eles disseram a ele: "Sua parte é assegurada por ele."
Ele disse-lhes: "E uma vez que, no seu tempo, teve um maço, e foi duas Seah,
E ele esqueceu, no entanto, não é esquecido,
Então, se ele tinha dois molhos e eram duas Seah, não é a lei que ele não
esqueceu? "
Eles disseram-lhe: "Não, se você diz que um maço era como uma pilha,
"Você vai dizer que dois feixes são como pequenos pacotes?"

Mishná 7

editar
Se talos de pé que eram dois Seah foram esquecidos,
Eles não são esquecidos.
Se não houvesse duas Seah, mas está apto para duas Seah,
Mesmo que seja um feijão inferior, é como uma boa colheita de cevada.

Mishná 8

editar
A colheita, salva um maço e da cultura de pé.
O molho não salva o molho ou uma cultura de pé.
Colheita, o que economiza um maço?
Qualquer coisa que não seja esquecido,
Mesmo um único talo.

Mishná 9

editar
A Seah de grãos arrancadas e um Seah de grãos que não é arrancado,
E, assim, para as árvores, alho e cebolas não estão unidos para fazer duas Seah,
Pelo contrário, são para os pobres.
Yossi R 'diz: "Se o pobre homem vem com a autorização (ou seja, para o canto),
Não há união,
E se não for, de facto, estas são unidas. "

Mishná 10

editar
Grãos que é dado para feno ou para um maço
E assim é para um pacote de alho ou feixes de alho e cebola,
Estes não podem ser esquecidos.
E qualquer coisa que está escondido na terra,
Como Serpentina e alho e cebola.
Yehuda R 'diz: "Eles não podem ser esquecidos."
E os sábios dizem: "Eles podem ser esquecidos."

Mishná 11

editar
Se um colheitas durante a noite e que ele faz molhos, e também para uma pessoa
cega, eles podem esquecer.
E se uma intenção de tomar os grosseiros, os grosseiros, não pode ser esquecido.
Se ele disse, "Na verdade, estou colhendo para que eu possa pegar o que eu
esqueça,"
Agora, pode ser esquecido.
Capítulo 7 Capítulo 8 →

Mishná 1

editar
Para cada oliveira que existe no campo,
Mesmo se o gotejamento azeitonas no em sua estação, e ele esquece,
Isso não é esquecido.
Sobre o que eles disseram isso?
Naquele que é conhecido por sua produção e está em um lugar conhecido.
"Naquele que é conhecido" - uma árvore rica conhecido oliva ou oliveira seca,
ou se produz uma grande quantidade.
"E está em um lugar conhecido" - Se ele está perto de uma prensa de vinho ou
perto de uma cerca.
E para o resto de todas as oliveiras, quando se esquece dois, eles são esquecidos,
Mas, se três, eles não são esquecidos.
Yossi R ", disse," Oliveiras não pode ser esquecido. "

Mishná 2

editar
Uma oliveira que foi encontrado parado entre três fileiras de dois retângulos,
Se ele se esquece-lo, não é esquecido.
Uma oliveira que tem duas Seah sobre ele, e ele esquece-lo, não é esquecido.
Sobre o que eles disseram isso?
Quando não era a época para começar a escolher, mas se a colheita começou,
Mesmo se o gotejamento azeitonas como em sua época, e ele esquece-lo, isso é
esquecido.
Todas as vezes que existe produzir sob ele, isso é para o proprietário.
Meir R 'diz: "Esta é apenas quando o pesquisador produtos desistiu."

Mishná 3

editar
O que é uma única uva?
Que caiu na época da colheita da uva.
Se um estava colhendo uvas, e ele estava cortando cachos de uvas que estavam
enredados em folhas,
E caíram de sua mão para a terra, e eles foram feitos em uvas individuais,
Na verdade, esta pertence ao dono da casa.
Se um deixa uma cesta sob a videira, na temporada que ele colhe uvas,
Na verdade, ele é abertamente roubando dos pobres.
Por isso, é dito: "Não retirar suas fronteiras eternas." (Provérbios 22:28)

Mishná 4

editar
Quais são rabiscos uva?
Tudo o que não é um ombro (um grupo único de um único ramo)
E nem uma gota (uma uva no talo).
Se há um ombro ou uma queda, que pertence ao dono da casa.
Se houver dúvida, que pertence aos pobres.
Se rabiscos uva que estão no joelho (articulação entre os ramos ou o tronco e
tronco) são colhidas com o cluster,
Na verdade, ele pertence ao dono da casa.
E se não for, de fato, pertencem aos pobres.
Para uma única peça, Yehuda R 'diz: "É um conjunto."
E os sábios dizem: "É uma respiga uva."

Mishná 5

editar
Aquele que poda das videiras pode podar seu como ele os poda para os pobres.
Estas são as palavras de Yehuda R '.
Meir R 'diz: "Ele tem a permissão para o seu, mas não tem permissão para
aqueles dos pobres."

Mishná 6

editar
Para uma vinha em seu quarto (ano, Levítico 19.23-25),
A escola de Shammai diz: "Não há quinta sobre ele, e não há remoção sabático."
E a escola de Hillel, "Tem-los."
A escola de Shammai diz: "Ele é obrigado em uvas individuais e em rabiscos de
uva, e os pobres redimir por si mesmos."
E a escola de Hillel, "É tudo para a imprensa de vinho."

Mishná 7
editar
Se uma vinha consiste inteiramente de rabiscos uva,
Eliezer R ', diz, "é para o dono da casa."
Akiva R ', diz, "é para os pobres."
R 'Eliezer disse: "Porque você colher, você não recolher". (Deuteronômio 24:21)
Se você não colher, onde os rabiscos veio? "
Akiva R ', disse-lhe: "E sua vinha não é adquirida por você (Levítico 19:10),
Mesmo que seja inteiramente respiga.
Se sim, por que ele diz ", porque você colhe você não recolher '?
Isto é para os pobres que recolher antes da colheita. "

Mishná 8

editar
Para um dedica a sua vinha, se não era conhecida a ele que havia rabiscos,
rabiscos são para os pobres.
Se ele foi conhecido a ele que havia rabiscos, são rabiscos dos pobres.
Yossi R 'diz: "Ele dá um pagamento de seu valor para o tesouro do Templo."
O que é esquecido em uma treliça?
Qualquer coisa que ele era incapaz de tomar, esticando o braço.
Se nos corredores, quando ele avançou longe de lá.
Capítulo 8

Mishná 1

editar
A partir de quando é permitida a todos para recolher?
Quando o mais fraco dos pobres fizeram a sua pesquisa.
E quando de uvas individuais e Seleção de uva?
A partir de quando os pobres eram capazes de passar por vinha e eles voltam.
E quando, por oliveiras?
Quando a chuva segundo chegou.
Yehuda R ", disse," E se não colheu suas oliveiras até depois da chuva segundo
veio?
Pelo contrário, quando os pobres sair, e eles não trouxeram de volta quatro Issar
".

Mishná 2

editar
Eles são de confiança com os rabiscos e as roldanas esquecidas,
E o canto, eo dízimo pobre em todos os anos,
E um filho de Levi é confiável sempre.
E nós não confiar, exceto para o que as pessoas são assim acostumado.
Mishná 3

editar
Eles são confiáveis sobre o trigo,
Mas eles não são confiáveis sobre a farinha, e não sobre o pão.
Eles são confiáveis sobre a cevada de arroz,
Mas não é de confiança sobre a diferença entre cru e cozido.
Eles são confiáveis sobre favas cozidas,
Mas não é de confiança sobre grãos, se eles são matérias-primas, ou se eles são
cozidos.
Eles são confiáveis para falar do óleo do homem pobre,
Mas não é de confiança para falar do óleo de azeitonas recolhidas.

Mishná 4

editar
Acredita-se relativa-primas vegetais,
Mas não acreditava sobre os cozidos,
Exceto se houver uma coisa pequena,
Porque é comum que o dono da casa leva-lo para fora do seu pote de sopa.

Mishná 5

editar
Não se deve reduzir a parte pobre do celeiro abaixo de meio Kav uma de trigo e
um Kav de cevada.
Meir R ', diz, "Metade Kav um."
A Kav e meio de kasha, e um Kav de figos secos ou 100 Dinar de figos.
Akiva R ', diz, "a metade."
Meio log de vinho.
Akiva R 'diz: "Um quarto".
Um quarto de um Registo de petróleo.
Akiva R ', diz, "um oitavo do que isso."
E para o resto do produto,
Abba Shmuel disse: "É o suficiente para vender e comprar o suficiente para duas
refeições."

Mishná 6

editar
Esta medida aplica-se aos sacerdotes e levitas, e só em Jerusalém.
Se alguém quiser poupar algum, ele leva de meia e dá metade.
Se ele tem uma pequena quantidade, ele dá-lo antes deles, e eles dividem entre
si.
Mishná 7

editar
Não se deve reduzir o vencimento do pobre que vagueiam de lugar para lugar,
Abaixo de um Kikor de duas moedas libras quando 4 Seah de custo trigo um
Sela.
Se ele ficar, dar-lhe o apoio para ficar.
Se ele ficar para o Shabat, dê-lhe três refeições.
Para um país que tem apenas 2 refeições, ele não deve tomar a partir da sopa.
Se ele tem 14 refeições, ele não tomar a partir da caixa de dinheiro,
E a caixa de dinheiro é trazida em volta em pares e dividida em três partes.

Mishná 8

editar
Se ele tem 100 Dinar, ele não leva os rabiscos, as roldanas esquecidos, o canto,
ou o dízimo pobres.
Se ele tem 200 Dinar que é deficiente por um dinar, mesmo se ele é dado 1000
de uma vez,
Na verdade, isso está tomando.
Se eles se comprometeram a seu credor, ou contrato de sua esposa casamento,
Na verdade, isso está tomando.
Ele não é obrigado a vender sua casa ou suas roupas.

Mishná 9

editar
Para um país que tem 50 Zuz, e ele leva-los e dá-los,
Com efeito, esta não é uma tomada.
E todos os que não precisam de tomar, mas tomar de qualquer maneira,
Ele não vai ser escondido do mundo até que ele vai ficar dependente de
humanidade.
E todos os que precisam tomar, e não tomar;
Ele não vai morrer de velhice, até que ele irá fornecer para os outros a partir de
sua porção.
E sobre isso, o versículo diz: "Bendito o homem que confia em Deus, e Deus irá
contar com ele." (Jeremias 17:7)
E, assim, é a lei que o juiz julga de verdade em verdade.
E aquele que não é coxo, nem cegos, nem mole, mas ele faz a si mesmo como
um destes,
Ele não vai morrer de velhice, até que ele é como um deles,
Como ele diz, "Aquele que procura o mal, ele virá com ele." (Provérbios 11:27)
E ele diz: "Justiça, justiça será que você persegue." (Deuteronômio 16:20)
E cada juiz que aceita suborno e justiça desvia,
Ele não vai morrer de velhice até que seus olhos se apagarem,
Como ele diz, "E você não deve tomar um suborno, porque o suborno cega os
que podem ver e compreender, etc" (Êxodo 23:8)

Mishná
Seder Zeraim , Tractate Berakhot Capítulo 1, Mishná 2 →
Capítulo 1 , Mishná 1

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Em Deuteronômio 6:6-7 , a Torá comandos judeus a recitar "estas palavras ... e quando
te deitares e ao levantar-te." As "palavras" em questão são Deuteronômio 6:4-9 (com a
adição de uma linha tirada do Talmud , Pesachim 56a), Deuteronômio 11:13-21 e
Números 15:37-41 . Estes conjuntos de versos são, em conjunto, o Shema Yisrael , após
as primeiras palavras em Deuteronômio 06:04 .

Como o Shemá é a oração mais importante no judaísmo , é o primeiro assunto discutido


na Mishnah. A Mishná, portanto, começa com uma discussão sobre o que a Torá quer
dizer quando diz em Deuteronômio 06:07 "quando te deitares". Especificamente, esta
frase pode significar tanto "quando as pessoas vão dormir" ou "quando as pessoas já
estão dormindo", as várias opiniões neste mishnah refletir essa ambigüidade.

Texto em hebraico
?‫קֹורין אֶ ת ְׁש ַמע ְׁבעַ ְׁר ִבית‬ ִ ‫ימ ַתי‬
ָ ֵ‫ֵמא‬
.‫רּומ ָתן‬
ָ ‫ִמ ָשעָ ה ֶשהַ כֹּהֲ נִים נִ כְׁ נ ִָסים לֶ אֱ כֹּל ִב ְׁת‬
.‫ ִד ְׁב ֵרי ַר ִבי אֱ ִליעֶ זֶר‬- ‫מּורה הָ ִראשֹונָה‬ ָ ‫עַ ד סֹוף הָ אַ ְׁש‬
.‫ עַ ד חֲ צֹות‬:‫אֹומ ִרים‬ ְׁ ‫וַחֲ כ ִָמים‬
.‫ עַ ד ֶש ַיעֲלֶ ה עַ ּמּוד הַ ָשחַ ר‬:‫אֹומר‬ ֵ ‫ַרבָ ן ג ְַׁמ ִליאֵ ל‬
.‫ֲשה ֶשבָ אּו בָ נָיו ִמבֵ ית הַ ִּמ ְׁש ֶתה‬ ֶ ‫ַמע‬
.‫ ל ֹּא ָק ִרינּו אֶ ת ְׁש ַמע‬:‫אָ ְׁמרּו לֹו‬
.‫ חַ י ִָבין אַ ֶתם ִל ְׁקרֹות‬- ‫ ִאם ל ֹּא עָ לָ ה עַ ּמּוד הַ ַשחַ ר‬:‫אָ ַמר לָ הֶ ם‬
‫ ִמצְׁ ו ָָתן עַ ד‬- "‫ אֶ לָ א כָל ַמה ֶשאָ ְׁמרּו חֲ כ ִָמים "עַ ד חֲ צֹות‬:‫וְׁל ֹּא זֹו ִב ְׁלבַ ד‬
.‫ֶש ַיעֲלֶ ה עַ ּמּוד הַ ָשחַ ר‬
.‫ ִמצְׁ ו ָָתן עַ ד ֶש ַיעֲלֶ ה עַ ּמּוד הַ ָשחַ ר‬- ‫הֶ ְׁקטֵ ר חֲ לָ ִבים וְׁאֵ בָ ִרים‬
.‫ ִמצְׁ ו ָָתן עַ ד ֶש ַיעֲלֶ ה עַ ּמּוד הַ ָשחַ ר‬- ‫ְׁוכָל הַ נֶאֱ כ ִָלין ְׁליֹום אֶ חָ ד‬
?"‫ לָ ָּמה אָ ְׁמרּו חֲ כ ִָמים "עַ ד חֲ צֹות‬,‫ִאם כֵן‬
.‫כְׁ ֵדי ְׁלהַ ְׁר ִחיק אָ ָדם ִמן הָ עֲבֵ ָרה‬

Tradução Inglês
A partir de quando pode um recitar o Shema à noite?
A partir do momento em que o Cohanim ir para comer sua terumah .
Até o final do primeiro relógio - assim diz o rabino Eliezer.
E os sábios dizem: Até meia-noite.
Raban Gamliel diz: Até o amanhecer.
Aconteceu uma vez que os filhos [Raban Gamliel de] veio de uma casa de festa .
Eles disseram para [o pai deles]: "Nós não recitou o Shemá".
Ele disse-lhes: "Se o amanhecer não tenha quebrado, você é obrigado a recitá-
lo."
"[Isso é verdade], não só neste caso, mas sim, em todos os casos onde os sábios
disseram que [alguns preceito pode ser realizada somente] até meia-noite - o
preceito é [ainda em vigor] até o romper da aurora.
"[Por exemplo:] queima as gorduras e os órgãos [dos sacrifícios, sobre o altar do
Templo] - este preceito [pode ser executada] até o romper da aurora.
"[Um outro exemplo:] Todos [sacrifícios] que podem ser consumidos por um dia
- o preceito [de comê-los pode ser executada] até o romper da aurora.
Se assim é, por que os sábios dizem, "até meia-noite" ?
Para afastar uma pessoa da transgressão .

Explicação
Recitar: Literalmente, "ler". Como é explicado em 02:03 Berakhot que um pode falar
ou ler a Sema para executar esta mitzvah, ele não precisa realmente "ler", então a
tradução de "recitar" é dado em seu lugar.

Terumah: Veja terumah . Alguns tipos de tumah (impureza ritual) pode ser removido
por um processo de três etapas: imersão em um micvê , esperando até o anoitecer e
depois oferecer um sacrifício no Templo. O terceiro passo, no entanto, não é necessária
para que um kohen comer terumah, assim, anoitecer - definida como quando três
médias estrelas aparecem - é quando um kohen (que se tornou impuro e imergiu-se)
podem "entrar [cidade , como o micvê foi normalmente localizado fora dos limites da
cidade (Tiferet Yisrael)] para comer sua terumah ". Esta é, portanto, a primeira vez que
o Shema noite pode ser dito.

Primeiro relógio: o Gemara (em Berakhot 3a) questiona se a noite é dividido em três
ou quatro relógios e notas que R. Eliezer é menos claro em sua escolha de palavras. Ele
explica com base em uma citação do Baraisa que R. Eliezer disse que há três relógios,
de modo que o fim do primeiro turno é de quatro horas após o anoitecer. (De acordo
com opiniões mais haláchicas, essas "horas" são horas proporcionais, o que significa
que o período do crepúsculo ao amanhecer é dividido em 12 partes iguais, cada um dos
quais é designado um "horas"; seu comprimento, portanto, varia de acordo com a
latitude ea estação do ano.)
O ponto de opinião rabino Eliezer é que ele declara o versículo (ver Introdução) como
"quando as pessoas vão dormir", o "fim do primeiro relógio" é tipicamente a última hora
em que as pessoas vão para a cama, portanto, é a prazo para recitar o Shema noite.

No entanto, a fim de reduzir a necessidade de luz artificial, algumas pessoas durante a


era talmúdica iria se aposentar mais cedo, ao cair da noite. Daí cair da noite, quando os
sacerdotes "ir para comer sua terumah", é a primeira vez para recitar o Shema noite.

Por outro lado, os Sábios e Raban Gamliel concorda que o versículo significa "no
momento em que as pessoas estão dormindo", o que significaria a noite inteira. (Como
Raban Gamliel aponta, na verdade não há discordância entre ele e os outros sábios:
todos eles concordam que a Sema deve preferencialmente ser recitado antes de meia-
noite, como medida de precaução, mas que, se isso não foi feito - como no caso de
Raban Gamliel filhos - ele pode ser recitado até o amanhecer A Halachá segue este
ponto de vista ideal, porém, deve ser recitado como no início da noite do possível)...

Raban Gamliel: Raban Gamliel II , também chamado de Yavneh Gamliel, que assumiu
a liderança do Sinédrio , após a destruição do Segundo Templo . Sua reputação e
posição pode tê-lo ajudado anular os Sábios e assim estender o tempo para recitar o
Shemá.

Casa de festa: literalmente, uma casa de beber, ou seja, uma casa onde uma festa estava
ocorrendo.

Queima as gorduras e órgãos: quando os sacrifícios eram oferecidos no Templo, as


partes essenciais do serviço incluem: o abate do animal, polvilhar um pouco do sangue
sobre o altar, e colocando certas gorduras e órgãos na pira altar. Essas etapas devem ser
realizadas durante o dia, as gorduras e os órgãos podem ser queimados a qualquer
momento durante a noite, mas se algum deles são deixados pela manhã, tornam-se
invalidados e devem ser queimados fora dos recintos do Templo.

Todos os sacrifícios que podem ser consumidos por um dia: Alguns sacrifícios têm
porções que são designadas para a kohanim, ou para os proprietários, para comer, e não
há uma obrigação específica para eles a fazê-lo. Sacrifícios mais poderão ser
consumidos apenas no dia em que foram oferecidas mais a noite seguinte, qualquer
coisa que se mantém intactos na manhã seguinte fica invalidado e tem que ser
queimado, e aquele que come as porções restantes incorre na pena de kareit (excisão
espiritual) . Como medida de precaução, em seguida, os Sábios instituíram uma decisão
de que estas porções são para ser comido até meia-noite. A mesma regra é aplicada no
caso de recitar o Shema, desde falta de recitá-lo em seu próprio tempo é uma violação
de um mandamento bíblico.

Até meia-noite: Refere-se a declaração dos Sábios anteriormente neste mishnah.

Para afastar uma pessoa da transgressão: Evidentemente, os sábios estavam


preocupados que, se alguém não dizer o Shemá antes da meia-noite, ele pode esquecer e
perder a noção do tempo e acidentalmente deixar de executar esta mitsvá.

Mishná
Capítulo 1, Mishná 3 →
Seder Zeraim , Tractate Berakhot
Capítulo 1 , Mishná 2

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Na mishná anterior, os sábios explicou o que significava a Torá quando comandou o
recital da noite Shema "quando te deitares". Este mishnah continua abordando o assunto
da Sema manhã discutindo "ao levantar-te". ( Devarim 06:07 )

Texto em hebraico
?‫קֹורין אֶ ת ְׁש ַמע ְׁב ַשחֲ ִרית‬ ִ ‫ימ ַתי‬ ָ ֵ‫ֵמא‬
.‫ִמ ֶשיַכִ יר בֵ ין ְׁתכֵלֶ ת ְׁללָ בָ ן‬
,‫ בֵ ין ְׁתכֵלֶ ת ְׁלכ ְַׁר ִתי‬:‫אֹומר‬ֵ ‫ַר ִבי אֱ ִליעֶ זֶר‬
.‫ְׁגֹומ ָרּה עַ ד הָ נֵץ הַ חַ ּמָ ה‬
ְׁ ‫ו‬
,‫ עַ ד ָשֹלש ָשעֹות‬:‫אֹומר‬ ֵ ַ‫ַר ִבי יְׁהֹושֻׁ ע‬
.‫ֶשכֵן ֶד ֶרְך ְׁבנֵי ְׁמלָ כִ ים לַ ֲעמֹּד ְׁב ָשֹלש ָשעֹות‬
,‫ ל ֹּא ִה ְׁפ ִסיד‬- ‫ּקֹורא ִמכַאן ָואֵ ילָ ְך‬ ֵ ַ‫ה‬
.‫תֹורה‬ ָ ַ‫ּקֹורא ב‬ֵ ַ‫כְׁ אָ ָדם ה‬

Tradução Inglês
A partir de quando pode se recitar o Shemá da manhã?
Desde quando se pode distinguir entre techelet e branco .
O rabino Eliezer diz: [O primeiro tempo para a Sema é quando se pode
distinguir] entre techelet ea cor do alho-poró ,
e deve terminar recitando ao nascer do sol .
O rabino Yehoshua diz: [A pessoa pode recitar o Shemá] até três horas [do dia],
para tal é o caminho dos filhos de reis, a surgir na terceira hora.
Se uma recita [Shema o] mais tarde do que isso, ele não perdeu fora ,
[Mas sim] como alguém que lê a Torá.

Explicação
Techelet e branco refere-se às cores dos tzitzit tópicos. (O recital de Sema está
intimamente associada com o mandamento de usar tsitsit (franjas) sobre as vestimentas
e, de fato, o terceiro parágrafo do Shemá é sobre esse mandamento.) A Torá (Números
15:38) ordena que alguns dos tópicos tzitzit ser tingido uma cor azul-como determinado,
chamado techelet, usando uma tinta feita a partir do sangue do chilazon, uma criatura
marinha. (Hoje a identidade da criatura não se sabe ao certo, por isso a prática comum é
deixar todos os segmentos tzitzit não tingido. Há uma minoria, no entanto, que o
identifica como o choco ou algum outro marisco.)

Uma vez que há o suficiente (natural) de iluminação para distinguir entre os tópicos
tzitzit, então, a autoridade (anônimo) do nosso mishnah considera que é o momento em
que as pessoas estão começando a acordar ("quando você se levanta"). O rabino Eliezer
especifica um tempo um pouco mais tarde, quando cores mais intimamente relacionados
são distinguíveis. [A Halachá real segue uma terceira opinião, dada no Gemara
(Berachot 9b), que o tempo "quando surgir" começa quando um é capaz de reconhecer
um conhecido a uma distância de quatro côvados (cerca de 6-8 pés) . Várias opiniões
haláchicas identificar este como o momento em que o sol é de 11 ° ou 10,2 ° abaixo do
horizonte.]

Ao nascer do sol: Uma vez que a maioria das pessoas (nos tempos antigos) foram até
lá, o rabino Eliezer considera nascer do sol para ser a última vez vista rabino Yehoshua
é que "quando surgem" significa "quando todo mundo está acordado", e "quando você
se levanta." uma vez que existem algumas pessoas (ou seja, príncipes) que dormem em
até um quarto do dia já passou, o tempo até que eles acordam ainda pode ser
considerado "quando você se levanta." [A Halachá segue a opinião rabino Yehoshua,
embora seja preferível a agir de acordo com o rabino Eliezer e para recitar o Shema
partida poucos minutos antes do nascer do sol - Maimonides, em seu Código (Leis de
recitar o Shemá 1:11), dá um valor de cerca de seis minutos - de modo que uma
completa-a exatamente no nascer do sol.]

Ele não perdeu fora significa que, mesmo após o prazo (do nascer do sol de acordo
com o rabino Eliezer, ou três horas "proporcionais" para o dia de acordo com o rabino
Yehoshua), pode-se recitar o Shemá dia com suas bênçãos próprias (como descrito na
mishná 4) . (De acordo com algumas opiniões, não se pode recitar as bênçãos após a
quarta hora "proporcional" do dia). Enquanto esta pessoa perdeu a oportunidade de
realizar o preceito de recitar o Shemá dia, ele, no entanto, recebe recompensa celestial
para o estudo da Torá ( desde o Shema em si é parte da Torá).

Mishná
Seder Zeraim , Tractate Berakhot Capítulo 1, Mishná 4 →
Capítulo 1 , Mishná 3

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
O versículo que os mandatos o recital de Sema, ‫"( ּובְ שָׁ כְ בְ ָך ּובְ קּומֶ ָך‬quando se deitar e
quando surgir"), pode se referir a determinados períodos de tempo (como explicado no
mishnayot dois anteriores) ou às posturas deve-se adotar durante a recitação . Esta
Mishná registra uma controvérsia sobre o assunto.

Texto em hebraico
:‫אֹומ ִרים‬
ְׁ ‫בֵ ית ַש ַּמאי‬
,‫ ּובַ ב ֶֹּקר יַעַ ְׁמדּו‬,‫בָ עֶ ֶרב כָל אָ ָדם יַּטּו ְׁוי ְִׁק ְׁראּו‬
."‫קּומָך‬
ֶ ‫ּוב‬ ְׁ ‫"ּוב ָשכְׁ ְׁבָך‬ְׁ :‫ֶשנֶאֱ ַמר‬
:‫אֹומ ִרים‬ְׁ ‫ּובֵ ית ִהלֵ ל‬
,‫קֹורא כְׁ ַד ְׁרכֹו‬ ֵ ‫כָל אָ ָדם‬
."‫"ּובלֶ כְׁ ְׁתָך בַ ֶד ֶרְך‬
ְׁ :‫ֶשנֶאֱ ַמר‬
?"‫קּומָך‬ֶ ‫ּוב‬ ְׁ ‫"ּוב ָשכְׁ ְׁבָך‬
ְׁ ‫ִאם כֵן לָ ָּמה נֶאֱ ַמר‬
.‫ּוב ָשעָ ה ֶש ְׁבנֵי אָ ָדם עֹו ְׁמ ִדים‬ ְׁ ,‫ְׁב ָשעָ ה ֶש ְׁבנֵי אָ ָדם שֹוכְׁ ִבים‬
:‫אָ ַמר ַר ִבי טַ ְׁרפֹון‬
,‫ִיתי בָ א בַ ֶד ֶרְך‬ִ ‫אֲ נִי הָ י‬
,‫יתי ִל ְׁקרֹות כְׁ ִד ְׁב ֵרי בֵ ית ַש ַּמאי‬ ִ ֵ‫ו ְִׁהּט‬
.‫ַנְׁתי ְׁבעַ צְׁ ִמי ִמ ְׁפנֵי הַ ִל ְׁס ִטים‬
ִ ‫ו ְִׁסכ‬
,‫ִית לָ חּוב ְׁבעַ צְׁ ְׁמָך‬ ָ ‫ כְׁ ַדי הָ י‬:‫אָ ְׁמרּו לֹו‬
.‫ֶשעָ בַ ְׁר ָת עַ ל ִד ְׁב ֵרי בֵ ית ִהלֵ ל‬

Tradução Inglês
A escola de Shammai diz:
À noite, todas as pessoas deveriam relaxar e recitar [o Shemá], e de manhã eles
devem estar,
uma vez que diz [no verso (Dt 6:7)], "Quando te deitares e quando você se
levanta."
Mas a escola de Hillel diz:
Cada pessoa pode recitá-lo em sua forma habitual (postura) ,
uma vez que diz (ibid.), "Quando você anda na estrada."
Se for assim, por que dizer "quando te deitares e quando surgir"?
- [Isso significa:] no momento em que as pessoas estão mentindo para baixo, e
no momento em que as pessoas estão surgindo.
, Disse o rabino Tarfon:
"Certa vez eu estava viajando na estrada,
e eu reclinada para recitar [o Shemá] de acordo com o ponto de vista da escola
de Shammai,
e [por isso] me colocar em perigo de [ataque] bandidos. "
Eles [os outros Sábios] disse-lhe: "Você teria merecia ser culpados por seu
próprio destino,
desde que você foi contra a visão da escola de Hillel. "
Explicação
Em sua forma normal - ou seja, em qualquer postura, ele passa a ser na hora: sentado,
em pé, deitado, equitação, etc (Assim, por exemplo, se uma pessoa passa a ser reclinado
quando a noite cai, ele pode recitar Shema nessa posição.) A Halachá segue este ponto
de vista.

Eu reclinada para recitar [o Shemá]: Rabino Tarfon estava viajando em um jumento


(o meio de transporte habitual em tempos antigos), quando chegou a hora de recitar o
Shema noite, ele desceu do burro e reclinada [presumivelmente no chão] , de acordo
com a visão da escola de Shammai. O atraso extra ao fazer isso o colocou em risco de
ataque por bandidos. (De acordo com o comentário de Melechet Shlomo, na verdade ele
foi atacado por bandidos e roubado dos seus bens, o atraso extra colocá-lo em risco de
dano corporal também.)

Há várias abordagens nos comentários a respeito de porque o rabino Tarfon foi


condenado por ir além da letra da lei (já que a escola de Hillel concorda que se pode
recitar o Shemá na forma prescrita pela escola de Shammai, só que este é não
obrigatório):

 De acordo com a escola de Hillel, não há nada a ser adquirida, seguindo a


opinião adversária (uma vez que explicar o verso como não se referindo à
postura corporal em tudo). Portanto, não há "opinião mais rigorosa" a seguir.
(Vilna Gaon, Shenot Eliyahu)

 Rabino Tarfon colocar-se em risco desnecessário a seguir a visão da escola de


Shammai. Se não houvesse risco envolvido, ele teria sido correto em fazer isso.
(Rishon LeZion)

 A divisão entre as escolas de Hillel e Shammai tinha sido de longa data (devido
a circunstâncias históricas durante o século antes da destruição do Templo, o que
impediu os Sábios de montagem como um órgão para resolver os muitos pontos
de discórdia entre as duas escolas) , e só recentemente foi resolvido (geralmente
em favor da escola de Hillel). Por isso, foi extremamente importante para
demonstrar de forma inequívoca que o veredicto era definitiva e que as opiniões
da escola Shammai não foram aceites. Assim, quando o rabino Tarfon escolheu
agir de acordo com a escola de Shammai, isso constituía não um ato de piedade
pessoal, mas sim uma que poderia subverter esse consenso duramente
conquistada. (Mesillat Yesharim)

Mishná
Seder Zeraim , Tractate Berakhot Capítulo 1, Mishná 5 →
Capítulo 1 , Mishná 4

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Depois de lidar com o tempo para recitar o Shema (1:1-2) ea posição física para a sua
recitação (1:3), o Mishnah presente agora discute seu contexto litúrgico. A Sema não é
recitado sozinho, mas "ensanduichado" entre as bênçãos "antes" e as bênçãos que os
"depois".

As duas bênçãos antes Shema de manhã são Yozer ha-Me'orot (sobre a luz ea vinda do
dia) e Ahavah (sobre o amor de Deus para Israel, especialmente como expresso em seu
dom da Torá). A bênção de amor é chamado também de Ahavah Rabá ("grande amor")
ou Ahavat Olam ("amor eterno"), em diferentes tradições. A bênção após Shemá da
manhã é Ge'ulah (resgate), começando com o Emet palavras-ve Yaziv.

As duas bênçãos antes Shema em paralelo à noite os da manhã. São eles: Ha-Ma `ariv
Aravim (sobre a vinda de noite) e Ahavat Olam (sobre o amor de Deus por Israel, como
acima). À noite, as duas bênçãos após Shema são Emet ve-Emunah (cerca de redenção
de Deus de Israel de seus inimigos, em paralelo com a bênção manhã) e Hashkivenu
("vamos deitar em paz ..."). A última bênção (a segunda após Sema) não tem nenhuma
bênção manhã correspondente.

[Em alguns ritos há uma terceira bênção durante a semana, Barukh Hashem le-Olam
("Bem-aventurado é D'us para sempre ..."). Esta bênção foi instituído na era pós-
talmúdica, porém, e, portanto, não é mencionado em nossa mishná.]

De acordo com o Talmud de Jerusalém, Sema é "ensanduichado" entre quatro bênçãos à


noite e três da manhã, para um total de sete a cada dia, para que ele irá corresponder ao
verso: "Eu te louvo sete vezes cada dia para seu leis justas "(Salmos 119:164). Os
elogios sete mencionado no versículo são as sete bênçãos da Sema, e as "leis justas" são
aqueles refered no Shema si.

Texto em hebraico
, ָ‫בַ ַשחַ ר ְׁמבָ ֵרְך ְׁש ַתיִם לְׁ פָ נֶיהָ וְׁאַ חַ ת ְׁלאַ חֲ ֶריה‬
, ָ‫ּוש ַתיִם ְׁלאַ חֲ ֶריה‬
ְׁ ָ‫ּובָ עֶ ֶרב ְׁש ַתיִם ְׁלפָ נֶיה‬
.‫אַ חַ ת אֲ רּוכָה וְׁאַ חַ ת ְׁקצָ ָרה‬
.‫ אֵ ינֹו ַר ָשאי ְׁל ַקצֵ ר‬- ‫ָמקֹום ֶשאָ ְׁמרּו ְׁלהַ אֲ ִריְך‬
.‫ אֵ ינֹו ַר ָשאי ְׁלהַ אֲ ִריְך‬- ‫ְׁל ַקצֵ ר‬
.‫ אֵ ינֹו ַר ָשאי ֶשל ֹּא לַ ְׁחתֹּם‬- ‫לַ ְׁחתֹּם‬
.‫ אֵ ינֹו ַר ָשאי לַ ְׁחתֹּם‬- ‫ְׁשל ֹּא לַ ְׁחתֹּם‬ ֶ ‫ו‬

Tradução Inglês
Na parte da manhã uma diz duas bênçãos antes que [o Shemá] e um depois,
enquanto que à noite ele diz duas bênçãos antes de ele e dois depois dele,
um longo e um curto .
Onde eles disseram para fazer a bênção tempo - ele não pode encurtar-lo.
[Onde eles disseram] para fazer a bênção curto - ele não pode prolongar-lo.
[Onde eles disseram] para concluir - ele não está autorizado a omitir a
conclusão.
[Onde eles disseram] não concluir - ele não está autorizado a concluir.

Explicação
Um longo e um curto: As bênçãos "antes" e "depois" já foram esclarecidas na
introdução. Mas qual é o significado de "um longo e um curto" - que duas bênçãos que
isso se refere? Também não é claro o que é uma bênção "longo" ou "curto" realmente
significa. As duas explicações principais dessas incertezas são por Maimônides e Rashi.

De acordo com Maimonides, uma bênção muito tempo é aquele que abre e fecha com a
estereotipada "Barukh Attah ..." ("Bendito és Tu ..."). Uma bênção falta essa fórmula
seja no início ou no final é uma bênção "curto". Agora, a segunda bênção antes Shema
(em ambos manhã e à noite), uma vez que é a segunda bênção em uma "cadeia" de
bênçãos e segue na esteira dessa fórmula na bênção anterior, não se, portanto, começar
com " . abençoado "É uma bênção curto de acordo com Maimonides, e que é o
significado de" um longo e um curto ": A primeira bênção antes Sema abre e fechando
com a" "fórmula, o que o torna um" Bem-aventurados longo "bênção. Mas a segunda
bênção antes Shema omite a fórmula em sua abertura, tornando-se uma bênção "curta".

De acordo com Rashi, "longo" e "curto" referem-se ao conteúdo de uma bênção, ou


seja, quantos assuntos diferentes que se refere. Assim, "um longo e um curto", por
Rashi, consulte a "dois depois que" à noite (mencionado imediatamente antes da
Mishná). Estas duas bênçãos, em termos de conteúdo, são de fato uma "longa", seguido
por um "curto".

Mishná
Seder Zeraim , Tractate Berakhot Capítulo 2, Mishná 1 →
Capítulo 1 , Mishná 5

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Uma das razões que o vayomer seção ("Deus falou a Moisés ..." Números 15:37-41) é
anexado ao Shema é porque ele menciona o êxodo do Egito. No entanto, como o
assunto principal deste número é o mandamento do tsitsit, que está em vigor apenas
durante o dia, pode-se pensar que ele não precisa ser recitado à noite. Esta Mishná
registra um debate sobre o assunto.

Parece que este mishná, que discute um dos três parágrafos do Shemá em si, deveria ter
vindo antes do anterior, que discute as bênçãos de enquadramento da Sema. Tiferet
Israel sugere que este mishná é colocado aqui, porque as bênçãos após o Shema (tanto
no período da manhã e as recitações à noite) se concentram principalmente no resgate
de Israel do Egito.

Este mishnah (exceto para o primeiro stich) também é citado na Hagadá Páscoa, de
acordo com o tema de discutir o êxodo longamente durante o Seder.

Texto em hebraico
.‫ַמזְׁ כִ ִירין יְׁצִ יאַ ת ִמצְׁ ַריִם בַ לֵ ילֹות‬
:‫אָ ַמר ַר ִבי אֶ ְׁלעָ זָר בֶ ן ֲעז ְַׁריָה‬
,‫הֲ ֵרי אֲ נִ י כְׁ בֶ ן ִש ְׁב ִעים ָשנָה‬
,‫יתי ֶש ֵתאָ ַמר יְׁצִ יאַ ת ִמצְׁ ַריִם בַ לֵ ילֹות‬ ִ ִ‫וְׁל ֹּא זָכ‬
,‫זֹומא‬
ָ ‫עַ ד ֶש ְׁד ָר ָשּה בֶ ן‬
."‫אתָך ֵמאֶ ֶרץ ִמצְׁ ַריִם ֹּכל ְׁי ֵמי חַ יֶיָך‬ ְׁ ֵ‫"ל ַמעַ ן ִתזְׁ כֹּר אֶ ת יֹום צ‬ ְׁ :‫ֶשנֶאֱ ַמר‬
,‫ הַ י ִָמים‬- "‫"י ְֵׁמי חַ יֶיָך‬
.‫ הַ לֵ ילֹות‬- "‫"כֹּל י ְֵׁמי חַ יֶיָך‬
:‫אֹומ ִרים‬
ְׁ ‫וַחֲ כ ִָמים‬
,‫ הָ עֹולָ ם הַ זֶ ה‬- "‫"י ְֵׁמי חַ יֶיָך‬
. ַ‫ ְׁלהָ ִביא ִלימֹות הַ ָּמ ִשיח‬- "‫"כֹּל י ְֵׁמי חַ יֶיָך‬

Tradução Inglês
Deve-se mencionar o êxodo do Egito à noite.
Rabi Elazar ben azaryah disse:
"Eis que eu sou como um homem 70 anos de idade ,
ainda que eu não poderia ganhar [o argumento contra os outros sábios], com o
êxodo do Egito recitado à noite,
até que Ben Zoma derivada ela [a partir de uma fonte bíblica]. "
"[Ele derivado da seguinte forma:] '. A fim de que você pode se lembrar o dia
em que deixou o Egito para todos os dias de sua vida" Ele diz (Dt 16:03), "
"Agora, 'dia da sua vida», os dias;
"Todos os dias de sua vida" [inclui também] as noites. "
Mas os sábios dizem:
"Os dias de sua vida", o mundo atual;
"Todos os dias de sua vida", inclui também a era de Mashiach .

Explicação
Como um homem 70 anos de idade: Em um ponto os Sábios votou temporariamente
para rebaixar o nassi (presidente do Sinédrio), Raban Gamliel, de sua posição. (Os
detalhes da história são dadas no Gemara, Berachot 27b-28a). Eles se estabeleceram em
Rabi Elazar ben azaryah, que era então 18 anos de idade (ou, de acordo com o Talmud
de Jerusalém, 16), para substituí-lo. Milagrosamente, a barba se tornou cinza durante a
noite, dando-lhe a aparência de um sábio venerável, a fim de reforçar sua autoridade.
Rabi Elazar é assim dizendo: "Embora eu seja um dos principais sacerdotes, tanto assim
que Deus fez um milagre em meu nome para ratificar minha posição como nassi, mas
não fui eu, mas sim um dos alunos mais novos (veja abaixo) que foi capaz de chegar a
uma prova sólida para esta lei. "

Eu não poderia ganhar (Bartenura). Outros comentários (Maimônides, Aruch) traduzir


esta frase: ". Que eu não merecia [para encontrar uma fonte para essa lei]"

Ben Zoma foi um dos estudantes líderes na academia de Yavneh, onde este episódio
aconteceu. Seu nome completo era Shimon ben Zoma, mas ele é geralmente referida por
seu patronímico (e nunca é referido com o título "Rabi"), porque ele morreu em uma
idade jovem e nunca recebeu semikhah (ordenação rabínica).

De acordo com Ben Zoma, na era futura de Mashiach o êxodo do Egito não mais taxa
de mencionar, já que os milagres associados terão sido completamente ofuscados por
aqueles da era messiânica. Por isso, ele é forçado a explicar que a palavra "todos" no
versículo como referindo-se às noites. Os Sábios contador que o êxodo do Egito vai
continuar a ser lembrado nesse momento, mas vai ser relegado a uma importância
secundária e, portanto, a palavra "todos" não precisa consultar as noites em tudo.
(Alguns comentários, no entanto, explicar que os Sábios interpretam a expressão "dias
de sua vida" para incluir tanto os dias e as noites, de modo que eles concordam como
uma questão prática que o vayomer seção deve ser recitado à noite também, a sua
disputa com Ben Zoma diz respeito apenas a questão do recital na era messiânica.)

Mishná
Capítulo 2, Mishná 2 →
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 1

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Capítulo 2 continua a discussão da Sema. Este mishná começa por abordar o foco
mental que se deve ter, a fim de cumprir uma obrigação de dizer o Shemá.

O Shemá é parte da Torá, é suficiente para apenas ler este parágrafo como se depara no
texto? Podem interromper a recitação do Shema?
Texto em hebraico
:‫ ו ְִׁהגִ יעַ זְׁ ַמן הַ ִּמ ְׁק ָרא‬,‫תֹורה‬
ָ ַ‫קֹורא ב‬ ֵ ‫הָ יָה‬
,‫ יָצָ א‬- ‫ִאם כִ ּוֵן ִלבֹו‬
.‫ ל ֹּא יָצָ א‬- ‫ו ְִׁאם לָ או‬
,‫ּומ ִשיב‬ ֵ ‫ שֹואֵ ל ִמ ְׁפנֵי הַ כָבֹוד‬- ‫בַ ְׁפ ָר ִקים‬
;‫ּומ ִשיב‬ ֵ ‫ שֹואֵ ל ִמ ְׁפנֵי הַ יִ ְׁראָ ה‬- ‫ּובָ אֶ ְׁמצַ ע‬
.‫ִד ְׁב ֵרי ַר ִבי ֵמ ִאיר‬
:‫אֹומר‬
ֵ ‫ְׁהּודה‬ ָ ‫ַר ִבי י‬
;‫ּומ ִשיב ִמ ְׁפנֵי הַ כָבֹוד‬ ֵ ,‫ שֹואֵ ל ִמ ְׁפנֵי הַ יִ ְׁראָ ה‬- ‫בָ אֶ ְׁמצַ ע‬
.‫ּומ ִשיב ָשלֹום ְׁלכָל אָ ָדם‬ ֵ ,‫ שֹואֵ ל ִמ ְׁפנֵי הַ כָבֹוד‬- ‫בַ ְׁפ ָר ִקים‬

Tradução Inglês
Se um estava lendo [o Shemá] na Torá, e chegou a hora de recitar [o Shemá]:
Se ele dirigiu seu coração [e destinado a cumprir a obrigação de recitar o Shemá
como ele lê-lo], ele cumpriu a sua obrigação.
E se não, ele não cumpriu a sua obrigação.
Nas quebras [entre seções do Shemá], pode-se cumprimentar outro de honra e
retornar uma saudação,
E no meio [de uma seção], pode-se saudar por medo e retornar uma saudação.
Estas são as palavras do rabino Meir.
Rabino Yehuda diz:
No meio, pode-se saudar por medo e retornar uma saudação fora de honra,
E nos intervalos, pode-se saudar por honra e retornar uma saudação a qualquer
pessoa.

Explicação
Interromper "fora de honra" se refere a uma situação em que a outra parte se ofenderia
se estivesse ignorado. Interromper "por medo", por outro lado, aplica-se em uma
situação em causa a ofensa outra parte pode resultar em morte. Por exemplo, se um rei
gentio fosse passar e não ser recebido corretamente, ele seria responsável por executar o
adorador se ele não entender a gravidade da Sema.

Mishná
Capítulo 2, Mishná 3 →
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 2

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
O mishná anterior refere-se à perakim (quebras de seção), que são os lugares mais
aceitáveis para interromper que no meio de uma seção. Este mishná esclarece onde as
quebras de seção são.

Texto em hebraico
:‫אֵ לּו הֵ ן בֵ ין הַ ְׁפ ָר ִקים‬
,‫בֵ ין ְׁב ָרכָה ִראשֹונָה ִל ְׁשנִ יָה‬
,"‫"ש ַמע‬ ְׁ ‫בֵ ין ְׁשנִ יָה ִל‬
," ַ‫"ש ַמע" ִל "וְׁהָ יָה ִאם ָשמֹּע‬ ְׁ ‫ּובֵ ין‬
," ‫ֹּאמר‬ֶ ‫בֵ ין "וְׁהָ יָה ִאם ָשמֹּעַ " ל"וַי‬
."‫ֹּאמר" לֶ "אֱ ֶמת ְׁויַצִ יב‬ ֶ ‫בֵ ין " ַוי‬
:‫אֹומר‬
ֵ ‫ְׁהּודה‬ ָ ‫ַר ִבי י‬
.‫ ל ֹּא י ְַׁפ ִסיק‬- "‫ֹּאמר" לֶ "אֱ ֶמת ְׁויַצִ יב‬ ֶ ‫בֵ ין " ַוי‬
:‫אָ ַמר ַר ִבי יְׁהֹושֻׁ עַ בֶ ן ָק ְׁרחָ ה‬
?" ַ‫"ש ַמע" ִל "וְׁהָ יָה ִאם ָשמֹּע‬ ְׁ ‫לָ ָּמה ָק ְׁד ָמה‬
,‫אֶ לָ א כְׁ ֵדי ֶשיְׁ ַקבֵ ל עָ לָ יו עֹּ ל ַמ ְׁלכּות ָש ַמיִם ְׁת ִחלָ ה‬
.‫וְׁאַ חַ ר כְַך י ְַׁקבֵ ל עָ לָ יו עֹּ ל ִמצְׁ ֹות‬
?" ‫ֹּאמר‬ ֶ ‫"וְׁהָ יָה ִאם ָשמֹּעַ " ל"וַי‬
,‫ֶש "וְׁהָ יָה ִאם ָשמֹּעַ " נֹוהֵ ג בַ יֹום ּובַ לַ ילָ ה‬
.‫ֹּאמר" אֵ ינֹו נֹוהֵ ג אֶ לָ א בַ יֹום‬ ֶ ‫"וַי‬

Tradução Inglês
Estas são as quebras de seção:
Entre os primeiro e segundo bênçãos,
Entre a segunda bênção e Sema (Deuteronômio 06:04),
Entre Sema e im V'hayah shamoa ("Se você realmente ouvir") (Deuteronômio
11:13),
Entre V'hayah im shamoa e vayomer ("[Deus] disse") (Números 15:37),
Entre vayomer e v'yatziv Emet ("True e duradouro").
Rabino Yehuda diz:
Entre vayomer e v'yatziv Emet - não se pode fazer uma pausa.
O rabino Yehoshua ben Korchah disse:
Por que a Sema preceder V'hayah im shamoa?
Para que se possa aceitar o jugo do reino dos céus em primeiro lugar,
E depois que aceitar o jugo dos mandamentos.
E [por que] V'hayah im shamoa [preceder] vayomer?
Porque V'hayah im shamoa se aplica durante o dia e à noite,
E vayomer se aplica apenas durante o dia.
Explicação
Emet v'yatziv ("True e duradouro") é a bênção que segue o Shema na liturgia manhã,
enfocando o tema da redenção.

O terceiro parágrafo do Shemá, vayomer, contém o mandamento de tzitzit (franjas), que


se aplica apenas durante o dia. Isso está ligado à frase "vê-lo" em Números 15:39; tzitzit
só precisa ser usado quando eles podem ser vistos pela luz natural.

Mishná
Capítulo 2, Mishná 4 →
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 3

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Tendo discutido, onde as quebras de seção entre as diferentes partes do Shemá são, o
Mishnah agora discute a prática de dizer o Shemá.

Texto em hebraico
.‫ ָיצָ א‬- ‫ּקֹורא אֶ ת ְׁש ַמע וְׁל ֹּא ִה ְׁש ִמיעַ ְׁלאָ זְׁ נֹו‬
ֵ ַ‫ה‬
.‫ ל ֹּא יָצָ א‬:‫אֹומר‬
ֵ ‫ַר ִבי יֹוסֵ י‬
- ָ‫יֹותיה‬
ֶ ‫אֹות‬
ִ ‫ָק ָרא וְׁל ֹּא ִד ְׁק ֵדק ְׁב‬
;‫ יָצָ א‬:‫אֹומר‬ ֵ ‫ַר ִבי יֹוסֵ י‬
.‫ ל ֹּא יָצָ א‬:‫אֹומר‬ֵ ‫ְׁהּודה‬ ָ ‫ַר ִבי י‬
.‫ ל ֹּא יָצָ א‬- ַ‫ּקֹורא ְׁל ַמ ְׁפ ֵרע‬
ֵ ַ‫ה‬
.‫ ַיחֲ זֹּר ִל ְׁמקֹום ֶשּטָ עָ ה‬- ‫ָק ָרא וְׁטָ עָ ה‬

Tradução Inglês
Aquele que recita Shema, mas não torná-lo audível ao ouvido - cumpriu sua
obrigação.
Rabino Yosei diz: não cumpriu sua obrigação.
Aquele que recita, mas não articular cada letra:
Rabino Yosei diz: cumpriu a sua obrigação.
Rabino Yehuda diz: não cumpriu sua obrigação.
Aquele que recita fora de ordem - não cumpriu a sua obrigação.
Aquele que recita e comete um erro - deve retornar ao local onde ele cometeu o
erro.

Explicação
Torná-lo audível ao ouvido: Ou seja, a pessoa é capaz de ouvir o recital.

Cumpriu: O Gemara discute esse assunto longamente na 15a Berachot - 15b , devido
ao desacordo entre o rabino Yehuda e Yosei rabino e do fato de que suas opiniões
expressas segundo (ou seja, sobre uma articulação adequada) parecem contradizer as
suas opiniões primeiro. A defesa dado para vista Rabino Yehudá é Terumot 01:02 , que
afirma que uma pessoa surda dizendo a bênção para Terumot é válido, mesmo que
apenas após o fato. Além disso, o rabino Yehuda interpreta o "‫"( "שמע‬ouvir") da Sema
para significar "entender" (ou seja, em qualquer língua que a pessoa entende), em vez de
ouvir as palavras literalmente.

Não tenham cumprido: A Guemará cita Meguilá 19b como prova em apoio de vista
rabino Yosei, como ele afirma que uma pessoa surda não é qualificado para ler a
Meguilá. Considerando o rabino Yehuda diz que "‫ "שמע‬significa entender, o rabino diz
que Yosei que significa literalmente ouvir. Em última análise, no entanto, a lei segue
vista Rabino Yehudá, neste caso, uma pessoa que recita o Shema silenciosamente está
cumprindo a sua obrigação.

Deve voltar ao lugar: Ou seja, onde quer que ele errou. Se ele não sabe onde ele errou,
ele deve retornar para o último lugar que ele está certo de que ele recitou corretamente,
como no início do parágrafo. Se ele não sabe onde ele errou em tudo, ele deveria
começar de novo (por 16 Berakhot ).

Mishná
Capítulo 2, Mishná 5 →
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 4

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Texto em hebraico
,‫קֹורין ְׁבר ֹּאש הָ ִאילָ ן אֹו ְׁבר ֹּאש הַ נִ ְׁדבָ ְך‬
ִ ‫הָ אֻׁ ָּמנִ ין‬
.‫ַמה ֶשאֵ ינָן ַר ָש ִאין לַ ֲעשֹות כֵן ִב ְׁת ִפלָ ה‬
Tradução Inglês
Os trabalhadores podem recitar [Sema] em cima de uma árvore ou em cima de
um muro de pedras,
que eles não estão autorizados a fazer por tefilá [oração].

Explicação
Vemos em Mishná Berakhot 01:03 que a postura física não importa quando recitando
Shema (seguindo a opinião de Beit Hillel), enquanto o tefilá deve ser dito em uma
posição de pé (citar?).

Capítulo 2,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 6
Mishná 7 →

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Este mishnah segue com a história sobre Raban Gamliel no mishná anterior , e oferece
uma outra história em que ele faz uma exceção para si mesmo da regra geral que ele
ensinou aos seus alunos.

Texto em hebraico
.‫ָרחַ ץ לַ יְׁלָ ה הָ ִראשֹון ֶש ֵּמ ָתה ִא ְׁשתֹו‬
:‫ידיו‬ ָ ‫אָ ְׁמרּו לֹו ַת ְׁל ִמ‬
?‫ ֶשאָ בֵ ל אָ סּור ִל ְׁרחֹּ ץ‬,‫ ַרבֵ נּו‬,‫ל ֹּא ִל ַּמ ְׁד ָתנּו‬
:‫אָ ַמר לָ הֶ ם‬
,‫אֵ ינִ י כִ ְׁשאָ ר כָל אָ ָדם‬
.‫ִא ְׁס ְׁטנִיס אֲ נִ י‬

Tradução Inglês
[Raban Gamliel] lavados na primeira noite depois que sua esposa morreu.
Seus alunos, disse-lhe:
Será que você não ensinar-nos, nosso professor, que um enlutado é proibido
lavar?
Ele disse-lhes:
Eu não sou como as outras pessoas.
Eu sou delicada .

Explicação
Delicada: Rabban a isto estava velho e doente e precisava de lavar para manter sua
saúde. Como alternativa, ele foi profundamente afetado pela sujeira, e não lavar teria lhe
causou sofrimento desmedido.

Mishná , Capítulo 2,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 7 Mishná 8 →

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Este mishnah continua a partir Mishná Berakhot 02:06 e 02:07 Berakhot Mishná e
fornece uma terceira história sobre Raban Gamliel. Mais uma vez, ele faz uma exceção
à regra geral de que ele ensinou aos seus alunos.

Texto em hebraico
.‫חּומין‬
ִ ְׁ‫ ִקבֵ ל עָ לָ יו ַתנ‬- ‫ּוכְׁ ֶש ֵּמת טָ ִבי עַ ְׁבדֹו‬
:‫ידיו‬ ָ ‫אָ ְׁמרּו לֹו ַת ְׁל ִמ‬
?‫חּומין עַ ל הָ עֲבָ ִדים‬
ִ ְׁ‫ ֶשאֵ ין ְׁמ ַק ְׁב ִלין ַתנ‬,‫ ַרבֵ נּו‬,‫ל ֹּא ִל ַּמ ְׁד ָתנּו‬
:‫אָ ַמר לָ הֶ ם‬
,‫אֵ ין טָ ִבי עַ ְׁב ִדי כִ ְׁשאָ ר כָל הָ עֲבָ ִדים‬
.‫ָשר הָ יָה‬ֵ ‫כ‬

Tradução Inglês
E quando [Raban Gamliel de] escravo Tavi morreu,
Ele recebeu palavras de conforto para ele.
Seus alunos, disse-lhe:
Será que você não ensinar-nos, nosso professor, que um não receber palavras de
conforto para os escravos ?
Ele disse-lhes:
Tavi meu escravo não era como os outros escravos.
Ele era kasher .

Explicação
Escravo: Ao que parece, as perguntas feitas aos Raban Gamliel que Tavi era um
escravo cananeu.

Kasher: Literalmente, "encaixar". Não é incomum para as pessoas para lamentar as


mortes de homens de bolsa Torá grande. Evidentemente, Tavi foi um tal homem, apesar
de ele ser um escravo.

Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 2 , Mishná 8 Mishná 1 →

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Este mishnah continua a partir Mishná Berakhot 02:05 , que diz que o noivo está isento
de recitar o Shemá na primeira noite.

Texto em hebraico
.‫קֹורא‬
ֵ - ‫ ִאם ָרצָ ה ִל ְׁקרֹות ְׁק ִריאַ ת ְׁש ַמע לַ יְׁלָ ה הָ ִראשֹון‬,‫חָ ָתן‬
:‫אֹומר‬
ֵ ‫ַרבָ ן ִש ְׁמעֹון בֶ ן ג ְַׁמ ִליאֵ ל‬
.‫ יִּטֹּ ל‬,‫ל ֹּא כָל הָ רֹוצֶ ה ִלּטֹּ ל אֶ ת הַ ֵשם‬

Tradução Inglês
Se um noivo quer recitar Shemá na primeira noite, ele pode recitar [ele].
Raban Shimon ben Gamliel diz:
Nem todo mundo que quer assumir um nome pode assumir.

Explicação
Nem todo mundo: Nem todo mundo pode ser tão piedoso e observador como
necessário para recitar o Shema de acordo com R. Shimon ben Gamliel. A halachá, no
entanto, segue a opinião dos sábios, que, se um sente que ele é capaz de recitar
corretamente, ele pode fazê-lo.

um nome: A reputação positiva que ele é particularmente cuidadoso em sua prática


religiosa. (Barte

Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , Mishná 1 Mishná 2 →
A tradução é de domínio público e pelos colaboradores do Projeto Mishná Aberto .
Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Lei judaica prevê isenções de alguns mandamentos para os indivíduos que não são
capazes, por alguma razão ou outra, para cumpri-las corretamente. Berakhot 03:01
descreve uma tal isenção.

Texto em hebraico
- ‫ִמי ֶש ֵּמתֹו מּוטָ ל ְׁלפָ נָיו‬
.‫ּומן הַ ְׁת ִפ ִלין‬
ִ ,‫ ִמן הַ ְׁת ִפלָ ה‬,‫פָ טּור ִמ ְּׁק ִריאַ ת ְׁש ַמע‬
,‫ ו ְִׁחלּופֵ י ִחלּופֵ יהֶ ן‬,‫ ו ְִׁחלּופֵ יהֶ ן‬,‫נֹושאֵ י הַ ִּמּטָ ה‬
ְׁ
:‫אֶ ת ֶש ִל ְׁפנֵי הַ ִּמּטָ ה וְׁאֶ ת ֶש ְׁלאַ חַ ר הַ ִּמּטָ ה‬
,‫טּורין‬
ִ ‫ ְׁפ‬- ‫אֶ ת ֶשלַ ִּמּטָ ה צ ֶֹּרְך בָ הֶ ן‬
.‫ חַ י ִָבין‬- ‫וְׁאֶ ת ֶשאֵ ין לַ ִּמּטָ ה צ ֶֹּרְך בָ הֶ ן‬
.‫טּורין ִמן הַ ְׁת ִפלָ ה‬ ִ ‫ ְׁפ‬- ‫אֵ לּו וָאֵ לּו‬

Tradução Inglês
editar
Aquele cuja mortos está diante dele ,
ele está isento de recitar o Shema, de dizer a Amidá e de usar tefilin .
Os portadores pall, suas substituições e as substituições das substituições ,
independentemente do facto de serem vigília na frente ou na parte de trás do
esticador estão isentos.
Como para aqueles que não são necessários para transportar a maca, eles são
obrigados a recitar o Shemá.
Essas e esses são os isentos de dizer a Amidá .

Explicação
De quem morto está diante: ou seja, aquele que está atualmente em um estado de luto
.

Ele: Mulheres não são obrigados a recitar o Shemá ou vestir tefilin enquanto rezava
assim mesmo, embora possam fazê-lo se assim o desejarem.

Amidá: O texto hebraico da Mishná usa a palavra Tefilah, o que significa a oração.
Entende-se que esta é uma referência para a Amidá . Também é importante reconhecer
que, como ninguém está isento de recitar o Shemá e de tefilin ele seria naturalmente
isentos da Amidá de qualquer maneira, mas não deixa de ser indicados de forma a ser
claro sobre o assunto.

Portadores Pall, suas substituições e as substituições dos substitutos: Na época, a


Mishná foi compilada, que era uma tradição que o caixão na maca seria realizada por
várias pessoas, com os portadores pall mudar com freqüência.

nura)

Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , Mishná 2 Mishná 3 →
A tradução é de domínio público e pelos colaboradores do Projeto Mishná Aberto .
Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Tendo discutido as rezadeiras e os portadores pall, o Mishnah se vira para discutir
participantes funerários. Alguns são isentos de recitar a Shema, alguns não são.

Texto em hebraico
,‫ָק ְׁברּו אֶ ת הַ ֵּמת וְׁחָ זְׁ רּו‬
,‫ י ְַׁת ִחילּו‬- ‫שּורה‬
ָ ַ‫ְׁכֹולין ְׁלהַ ְׁת ִחיל ו ְִׁלגְׁ מֹּר עַ ד ֶשל ֹּא יַגִ יעּו ל‬
ִ ‫ִאם י‬
.‫ ל ֹּא י ְַׁת ִחילּו‬- ‫ו ְִׁאם לָ או‬
:‫שּורה‬ָ ַ‫עֹומ ִדים ב‬ ְׁ ָ‫ה‬
,‫טּורין‬
ִ ‫ ְׁפ‬- ‫ימים‬ ִ ִ‫הַ ְׁפנ‬
.‫ חַ י ִָבין‬- ‫וְׁהַ ִחיצֹונִ ים‬

Tradução Inglês
editar
Ele, que enterra os mortos e volta ,
Se ele pode começar e terminar antes de retornar para a linha, ele começa ,
Se não, ele não inicia.
Quanto aos que estavam em uma linha,
Os os internos , eles estão isentos.
Os entes externos , eles são obrigados.

Explicação
Enterra os mortos e volta: Após o enterro, as pessoas passam a sepultura e depois
ficar em dois conjuntos de linhas frente para o outro. O enlutado ou enlutados, então,
passar entre as linhas para receber o conforto dos participantes. "Enterra os mortos e
volta", portanto, refere-se às pessoas que estão nessas linhas, depois de ter passado o
túmulo, mas antes de terem tomado os seus lugares na fila.

Começa: Isto é, começa a recitar o Shemá.

Os internos: isto é, os que estão na primeira fila, perto do enlutado. Eles são isentos
porque se estivesse recitando o Shemá o enlutado ou enlutados notarão isso e se sentir
desconfortável por não dizer isso.

Os externos: Ou seja, os que não estão na primeira linha. Como o enlutado ou


enlutados não pode vê-los diretamente e, portanto, não se incomodar com a sua
recitação do Shema, eles são obrigados a recitar.

Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , Mishná 3 Mishná 4 →
A tradução é de domínio público e pelos colaboradores do Projeto Mishná Aberto .
Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Tendo apenas discutidas por pessoas que estão de luto ou que estão envolvidos no
processo de um funeral pode ser isento, a Mishná discute agora outros indivíduos que
são isentos.

Texto em hebraico
- ‫ּוקטַ נִים‬ ְׁ ‫נ ִָשים ַועֲבָ ִדים‬
,‫ּומן הַ ְׁת ִפ ִלין‬
ִ ‫טּורין ִמ ְּׁק ִריאַ ת ְׁש ַמע‬ ִ ‫ְׁפ‬
.‫ּוב ִב ְׁרכַת הַ ָּמזֹון‬ְׁ ,‫ ּובַ ְּׁמזּוזָה‬,‫וְׁחַ י ִָבין בַ ְׁת ִפלָ ה‬

Tradução Inglês
editar
Mulheres, não-judeus escravos e menores -
são isentos de recitar o Shemá e de tefilin ,
Mas eles são obrigados a recitar a Amidá , a aposição de uma mezuzá e recitar
Hamazon Birkat .

Explicação
Escravos: escravos cananeus que haviam sido submetidos ao procedimento pseudo-
conversão que foi exigido deles foram tratados como mulheres judias para os efeitos da
lei judaica, mesmo se eles eram do sexo masculino.

Menores: Normalmente, um "menor" refere-se a um menino que ainda não atingiu a


idade de bar mitzvah (13 anos). Neste caso, como o Shema é a primeira coisa que os
judeus deveriam ser ensinados a dizer, porém, o significado de "menor" é mais vaga.
Assim, neste contexto, refere-se menor para um menino que ainda não sabe como dizer
o Shemá corretamente. Um menino que sabe dizer o Shemá corretamente e compreende
o significado da mitsvá é, assim, obrigado a fazer isso.

Isento: Em Kiddushin 29a, o Gemara explica que as mulheres são isentas de


mandamentos positivos para os quais existe um tempo Biblicamente estabelecida em
que devem ser executados. (Tal como o Shema.) Alguns mandamentos, no entanto, ao
faltar um tempo biblicamente estabelecido para cumprimento pode ter um tempo
estabelecido pelos rabinos (como a Amidá) e as mulheres são, assim, obrigados a
cumprir aqueles.

Há uma exceção a esta regra, discussesd em Berachot 20b da Gemara, considerando


especificamente o de Kidush no Shabat . Neste caso, como "guardar o sábado" (
Devarim 05:12 ) é uma versão negativa da ordem para "lembrar o sábado" ( Shemot
20:08 ), isto é, para dizer o Kidush. Como as mulheres são esperadas para acompanhar
todos os mandamentos negativos, independentemente de terem ou não um determinado
momento, eles são, portanto, obrigados a dizer Kidush independentemente da sua
isenção de outros mandamentos positiva relacionada a um determinado ponto no tempo.
Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , 4 Mishná Mishná 5 →
A tradução é de domínio público e pelos colaboradores do Projeto Mishná Aberto .
Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Tendo discutido várias pessoas que estão isentos da recitação do Shema, o Mishnah
agora se volta para as pessoas que, por razões de impureza ritual não são capazes de
recitar o Shema (decretado por Esdras ).

Texto em hebraico
,‫ ְׁמהַ ְׁרהֵ ר ְׁבלִ בֹו וְׁאֵ ינֹו ְׁמבָ ֵרְך‬- ‫בַ עַ ל ֶק ִרי‬
. ָ‫ל ֹּא ְׁלפָ נֶיהָ וְׁל ֹּא ְׁלאַ חֲ ֶריה‬
.‫ וְׁאֵ ינֹו ְׁמבָ ֵרְך ְׁלפָ נָיו‬,‫ ְׁמבָ ֵרְך ְׁלאַ חֲ ָריו‬- ‫וְׁעַ ל הַ ָּמזֹון‬
:‫אֹומר‬ ֵ ‫ְׁהּודה‬ ָ ‫ַר ִבי י‬
.‫ּולאַ חֲ ֵריהֶ ם‬ ְׁ ‫ְׁמבָ ֵרְך ִל ְׁפנֵיהֶ ם‬

Tradução Inglês
editar
O keri baal deve pensar sobre o Shemá em seu coração e não em seu coração
recitar as bênçãos ,
não antes e não depois.
E sobre comida: a bênção depois, e não a bênção antes .
Rabino Yehuda diz:
Ele abençoa antes e depois do Shemá e comida.

Explicação
Baal keri: Baal keri é um eufemismo Mishnaic para uma pessoa que teve uma emissão
seminal, mas ainda não foram purificados de acordo com as leis aplicáveis.

Pense: isto é, ele deve dizer as palavras em sua cabeça, concentrando-se em seus
significados.

Bênçãos: Ou seja, as bênçãos da Sema.


Sobre comida ... antes: Refere-se às bênçãos antes de comer, que são descritos em
mais detalhes posteriormente neste tratado. Essas bênçãos deve ser recitado em sua
cabeça, semelhante à Sema. Os 'bênçãos depois de' se refere especificamente a Birkat
Hamazon (Grace após as refeições).

Mishná , Capítulo 3,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , Mishná 5 Mishná 6 →
A tradução é de domínio público e pelos colaboradores do Projeto Mishná Aberto .
Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Tendo tomado conhecimento de que o keri baal não se pode dizer o Shemá e bênçãos
no que diz respeito à alimentação na mishná anterior, o Mishnah agora discute o
impacto que tem sobre a rezar se um é um keri Baal (ou pensa que pode ser um) e já
está no processo de orar.

Texto em hebraico
- ‫ וְׁנִ זְׁ כַר ֶשהּוא בַ עַ ל ֶק ִרי‬,‫עֹומד בַ ְׁת ִפלָ ה‬ ֵ ‫הָ יָה‬
.‫ אֶ לָ א י ְַׁקצֵ ר‬,‫ל ֹּא י ְַׁפ ִסיק‬
:‫י ַָרד ִל ְׁטבֹּל‬
- ‫ּול ִה ְׁתכַּסֹות ו ְִׁל ְׁקרֹות עַ ד ֶשל ֹּא ָתנֵץ הַ חַ ָּמה‬
ְׁ ‫ִאם יָכֹול לַ עֲלֹות‬
.‫ ְׁוי ְִׁק ָרא‬,‫ַיעֲלֶ ה ְׁוי ְִׁתכַּסֶ ה‬
- ‫ו ְִׁאם לָ או‬
.‫ ְׁוי ְִׁק ָרא‬,‫י ְִׁתכַּסֶ ה בַ ַּמיִם‬
,‫אֲ בָ ל ל ֹּא י ְִׁתכַּסֶ ה‬
,‫ל ֹּא ְׁב ַמיִם הָ ָר ִעים‬
,‫וְׁל ֹּא ְׁב ֵמי הַ ִּמ ְׁש ָרה‬
.‫עַ ד ֶשי ִַּטיל ְׁלתֹוכָן ַמיִם‬
?‫ּומן הַ צֹואָ ה‬ ִ ‫ְׁוכ ַָּמה י ְַׁר ִחיק ֵמהֶ ם‬
.‫אַ ְׁרבַ ע אַ ּמֹות‬

Tradução Inglês
editar
Se um está em oração e se lembra que ele é um keri baal,
Ele não pare de orar, mas o privará de oração.
Se ele foi para imergir em um micvê,
Se ele é capaz de chegar, cobrir-se e fazê-lo antes que ele vê a flor dom -
Ele vem para cima, cobre-se e recita o Shemá.
Mas se ele não é capaz de fazê-lo -
Ele se cobre em águas e recita.
Mas ele não se cobrir,
Não em águas sujas.
Nem na água em que linho embebido.
Até que ele coloca mais água para ele.
E o quão longe da sujeira que ele deve ser?
Quatro côvados. (Antebraço)

Explicação
Vê a flor de sol: Ou seja, quando o sol nasce.

Mishná , Capítulo 4,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 3 , 6 Mishná Mishná 1 →

Conteúdo
 1 Introdução
 2 texto hebraico
 3 Tradução Inglês
 4 Explicação

Introdução
Texto em hebraico
,‫זָב ֶש ָראָ ה ֶק ִרי‬
,‫וְׁנִ ָדה ֶשפָ ְׁלטָ ה ִשכְׁ בַ ת ז ֶַרע‬
- ‫וְׁהַ ְׁמ ַש ֶּמ ֶשת ֶש ָראֲ ָתה נִ ָדה‬
.‫צְׁ ִריכִ ין ְׁט ִבילָ ה‬
.‫ְׁהּודה פֹוטֵ ר‬
ָ ‫ו ְַׁר ִבי י‬

Tradução Inglês
editar
A ZAV que viu uma emissão seminal,
um niddah que descarregada sêmen de anteriores relações sexuais.
e uma mulher de ter relações sexuais, que viram a sua menstruação,
requerem imersão em um micvê;
mas rabino Yehuda isenta-los.
Explicação
Mishná , Capítulo 4,
Seder Zeraim , Tractate Berakhot : Capítulo 4 , Mishná 1 Mishná 2 →

Introdução
A Mishná, tendo completado sua discussão da Sema , agora se volta para a Amidá .
Neste mishná, discute quando o Shacharit (manhã), Minchá (da tarde), Ma'ariv (à noite)
e Mussaf (adicional) Amidá devem ser realizados. Em termos práticos, isso também
indica quando os relevantes serviços são realizados como os serviços são desenvolvidos
em torno da Amidá si.

Texto em hebraico
.‫תפילת השחר עד חצות‬
.‫ עד ארבע שעות‬:‫רבי יהודה אומר‬
.‫תפלת המנחה עד הערב‬
.‫ עד פלג המנחה‬:‫רבי יהודה אומר‬
.‫ אין לה קבע‬- ‫תפלת הערב‬
.‫ כל היום‬- ‫ושל מוספין‬
.‫ עד שבע שעות‬:‫רבי יהודה אומר‬
‫ עַּ ד‬,‫ ַּר ִבי יְהּודָׁ ה אֹומֵ ר‬.‫ ְתפִ לַּת הַּ ִמנְ חָׁ ה עַּד הָׁ ע ֶֶרב‬.‫ עַּד אַּ ְרבַּ ע שָׁ עֹות‬,‫ ַּרבִ י יְ הּודָׁ ה אֹומֵ ר‬.‫ עַּד חֲצֹות‬,‫א ְתפִ לַּת הַּ שַּ חַּ ר‬
(‫ עַּד שֶ בַּ ע שָׁ עֹות‬,‫)ר ִבי יְ הּודָׁ ה אֹומֵ ר‬ ַּ .‫ וְ שֶ ל מּוסָׁ פִ ין כָׁל הַּ ּיֹום‬.‫ ְתפִ לַּת הָׁ ע ֶֶרב אֵ ין לָּׁה קֶ בַּ ע‬.‫ פְ לַּג הַּ ִמנְ חָׁ ה‬:

Explicação
Horas: Na Lei Judaica, uma "hora" é 1/12 do dia (ou um duodécimo da noite). Assim, o
comprimento real de uma hora varia um pouco dependendo da latitude e da atual
temporada. Há duas opiniões sobre quando o dia começa e termina: o Vilna Gaon diz
que o dia começa ao nascer do sol e termina no pôr do sol. O Magen Avraham diz que
começa de madrugada e termina quando três estrelas aparecem. Meio-dia é, assim, seis
horas após o início do dia, em vez de o meio-dia.

Não há tempo definido: ou seja, pode-se dizer a noite toda.

Musaf: Há uma Amidá adicional no Shabat , Rosh Chodesh , Rosh Hashanah , Yom
Kippur , Sucot, Shemini Atzeret , Simchat Torá , Pessach e Shavuot .