Você está na página 1de 78

ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 1/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Perda de Estabilidade das • Colisão da AHTS • Visual • Possibilidade de queda de C IV RM • Cumprir o procedimento de observar 1
Embarcações AHTS (Embarcação de • Sonora equipamentos e produtos no continuamente o radar
lançamento de âncoras • Radar mar (óleo diesel, lubrificante, • Cumprir programa de treinamento para as
Embarcações escolhidas com: • Alarme no painel etc) situações de emergência
para atividade de • outro AHTS, • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento e atualização dos
lançamento do sistema de • rebocador, homem ao mar operadores
ancoragem • FPSO • Possibilidade de incêndio • Seguir procedimento de contratação de mão de
• RSV • Possibilidade de emborca- obra qualificada
Far Senior • Outra embarcação mento, adernamento e ou
OU • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
externa à operação afundamento da embarcação SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
Far Sailor (ex.: barcos de • Interrupção das operações
OU • Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
pesca) da embarcação haja ignição do produto vazado
Far Santana
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
• Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no equipamentos e linhas
distribuição do lastro ou mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
carga • Possibilidade de queda de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
homem ao mar pressão, inundação a água etc)
• Possibilidade de tombamento • Seguir programa de treinamento e atualização dos
ou adernamento da embarcação operadores
• Danos materiais
• Seguir procedimento de contratação de mão de
• Interrupção das operações da obra qualificada
embarcação
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir os procedimentos movimentação de cargas
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 2/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 1 Ver Hip 1 Ver Hip 1 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 1
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no Pág 1 / 78 Pág 1 / 78 Pág 1 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda de Estabilidade das monitoramento das mar válvulas etc)
Embarcações AHTS condições do navio • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
• Consulta a Boletins homem ao mar de emergência
Embarcações escolhidas meteorológicos • Possibilidade de • Interromper operação caso as condições climáticas
para atividade de tombamento ou adernamento sejam superiores à 8 na escala Beaufort
lançamento do sistema de da embarcação
ancoragem • Seguir procedimento de registro e investigação das
• Interrupção das operações da causas do acidente
embarcação
Far Senior • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
• Danos materiais
OU Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
Far Sailor atingir o mar
OU • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
Far Santana
• Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
navio • Alarme equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
mar válvulas etc)
• Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
da embarcação causas do acidente
• Danos materiais
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 3/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Erro na ancoragem • Falha/ Erro no • ROV • Ãncora lançada não atende D I RB • Seguir procedimento de contratação de mão de 2
lançamento/ cravamento aos parâmetros de queda e obra qualificada.
das âncoras cravação, ângulo etc • Seguir os procedimentos de lançamento dos
previstos no projeto componentes do sistema de ancoragem
• A âncora é descravada e re- • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
lançada dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
geradores, válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Emergência Local - PEL
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamento de óleo diesel, • Ruptura de linhas/ • Visual • Perda de óleo diesel, C IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 3
lubrificantes e/ou derivados tanques devido a queda lubrificantes e/ou derivados
• Cumprir programa de contratação de mão de obra
de cargas na com possibilidade de
qualificada
embarcação AHTS por contaminação do mar
• Cumprir programa de treinamento para as
erro de operação
situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 4/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Corrosão • Visual • Perda de óleo diesel, Ver Hip 3 Ver Hip 3 Ver Hip 3 • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos 3
lubrificantes e/ou derivados Pág 3 / 78 Pág 3 / 78 Pág 3 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Vazamento de óleo diesel, com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
lubrificantes e/ou derivados contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
• Desgaste de material • Visual • Perda de óleo diesel, • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos
lubrificantes e/ou derivados equipamentos e linhas
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

Perda de Estabilidade da • Colisão da embarcação • Visual • Possibilidade de queda de C IV RM • Cumprir o procedimento de observar 4
Embarcação RSV RSV com: • Sonora equipamentos e produtos no continuamente o radar
• AHTS, • Radar mar (óleo diesel, lubrificante, • Cumprir programa de treinamento para as
• rebocador, • Alarme no painel etc) situações de emergência
• FPSO • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento e atualização dos
• Outra embarcação homem ao mar operadores
externa à operação • Possibilidade de incêndio • Seguir procedimento de contratação de mão de
(ex.:barcos de pesca) • Possibilidade de emborca- obra qualificada
mento, adernamento e ou • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
afundamento da embarcação SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
•Interrupção das operações da • Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
embarcação haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 5/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 4 Ver Hip 4 Ver Hip 4 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 4
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no Pág 4/ 78 Pág 4 / 78 Pág 4 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Perda de Estabilidade da distribuição do lastro ou mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
Embarcação RSV carga • Possibilidade de queda de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
homem ao mar pressão, inundação a água etc)
• Possibilidade de tombamento • Seguir programa de treinamento e atualização dos
ou adernamento da embarcação operadores
• Danos materiais
• Seguir procedimento de contratação de mão de
• Interrupção das operações da obra qualificada
embarcação
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir os procedimentos movimentação de cargas
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação

• Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
monitoramento das mar válvulas etc)
condições do navio • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
• Consulta a Boletins homem ao mar de emergência
meteorológicos • Possibilidade de • Interromper operação caso as condições climáticas
tombamento ou adernamento sejam superiores à 8 na escala Beaufort
da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Interrupção das operações da causas do acidente
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
• Danos materiais
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 6/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
• Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 4 Ver Hip 4 Ver Hip 4 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 4
navio • Alarme equipamentos e produtos no Pág 4 / 78 Pág 4 / 78 Pág 4 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
mar válvulas etc)
• Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
da embarcação causas do acidente
• Danos materiais
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação

Vazamento de óleo diesel, • Ruptura de linhas/ • Visual • Perda de óleo diesel, C IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 5
lubrificantes e/ou derivados tanques devido a queda lubrificantes e/ou derivados
• Cumprir programa de contratação de mão de obra
de cargas na com possibilidade de
qualificada
embarcação RSV / por contaminação do mar
• Cumprir programa de treinamento para as
erro de operação
situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Corrosão • Visual • Perda de óleo diesel, • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos
lubrificantes e/ou derivados equipamentos e linhas
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 7/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
• Desgaste de material • Visual • Perda de óleo diesel, Ver Hip 5 Ver Hip 5 Ver Hip 5 • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos 5
lubrificantes e/ou derivados Pág 6 / 78 Pág 6 / 78 Pág 6 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

Perda de Estabilidade da • Colisão da DSV com: • Visual • Possibilidade de queda de C IV RM • Cumprir o procedimento de observar 6
Embarcação DSV • rebocador, • Sonora equipamentos e produtos no continuamente o radar
• FPSO • Radar mar (óleo diesel, lubrificante, • Cumprir programa de treinamento para as
Embarcações de suporte a • Outra embarcação • Alarme no painel etc) situações de emergência
mergulho externa à operação • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento e atualização dos
(ex.: barcos de homem ao mar operadores
Acercy Harrier pesca) • Possibilidade de incêndio • Seguir procedimento de contratação de mão de
OU • Possibilidade de emborca- obra qualificada
Toisa Sentinel mento, adernamento e ou • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
afundamento da embarcação SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
•Interrupção das operações da • Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
embarcação haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 8/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 6 Ver Hip 6 Ver Hip 6 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 6
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no Pág 7 / 78 Pág 7 / 78 Pág 7 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Perda de Estabilidade da distribuição do lastro ou mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
Embarcação DSV carga • Possibilidade de queda de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
homem ao mar pressão, inundação a água etc)
Embarcações de suporte a • Possibilidade de tombamento • Seguir programa de treinamento e atualização dos
mergulho ou adernamento da embarcação operadores
• Danos materiais
Acercy Harrier • Seguir procedimento de contratação de mão de
• Interrupção das operações da obra qualificada
OU embarcação
Toisa Sentinel • Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir os procedimentos movimentação de cargas
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação

• Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
monitoramento das mar válvulas etc)
condições do navio • Possibilidade de queda de • Interromper operação caso as condições climáticas
• Consulta a Boletins homem ao mar sejam superiores à 8 na escala Beaufort.
meteorológicos • Possibilidade de • Seguir programa de treinamento para as situações
tombamento ou adernamento de emergência
da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Interrupção das operações da causas do acidente
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
• Danos materiais
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
haja ignição do produto vazado
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 9/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 6 Ver Hip 6 Ver Hip 6 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 6
navio • Alarme equipamentos e produtos no Pág 7 / 78 Pág 7 / 78 Pág 7 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda de Estabilidade da mar válvulas etc)
Embarcação DSV • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
Embarcações de suporte a • Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
mergulho da embarcação causas do acidente
• Danos materiais
Acercy Harrier • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
OU Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
Toisa Sentinel atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
haja ignição do produto vazado

Vazamento de óleo diesel, • Ruptura de linhas/ • Visual • Perda de óleo diesel, C IV RM Cumprir programa de contratação de mão de obra 7
lubrificantes e/ou derivados tanques devido a queda lubrificantes e/ou derivados qualificada
de cargas na com possibilidade de Cumprir programa de treinamento para as
embarcação DSV / por contaminação do mar situações de emergência
erro de operação Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Corrosão • Visual • Perda de óleo diesel, • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos
lubrificantes e/ou derivados equipamentos e linhas
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 10/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
ATIVIDADE: Ancoragem do FPSO
OBSERVAÇÕES: Ancoragem do FPSO com uso de embarcações AHTS de
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas manuseio de componentes de ancoragem (Anchor Handling Tug Supply) , DSV
(Diver support vessel) e RSVs barcos de apoio (Remote Survey Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
• Desgaste de material • Visual • Perda de óleo diesel com Ver Hip 7 Ver Hip 7 Ver Hip 7 • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos 7
possibilidade de Pág 9 / 78 Pág 9 / 78 Pág 9 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
contaminação do mar • Cumprir programa de treinamento para as
situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

Queda de cargas pesadas • Erro operacional • Visual • Perda de equipamentos e/ou D IV RM • Cumprir procedimentos operacionais 8
no mar durante as produtos com possibilidade • Cumprir programa de contratação de mão de obra
operações da embarcação de contaminação do mar qualificada
de lançamento de • Possibilidade de lesões • Cumprir programa de treinamento para as
componentes de graves aos operadores situações de emergência
ancoragem AHTS • Possibilidade de atingir • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
OU da RSV estruturas submarinas SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
OU da DSV próximas • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Adversidades Climáticas • Visual • Perda de equipamentos e/ou • Cumprir programa de contratação de mão de obra
produtos com possibilidade qualificada
de contaminação do mar • Interromper operação caso as condições climáticas
• Possibilidade de lesões sejam superiores à 8 na escala Beaufort
graves aos operadores • Cumprir programa de treinamento para as
• Possibilidade de atingir situações de emergência
estruturas submarinas • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
próximas SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 11/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


LINHAS DE PRODUÇÃO/ UMBILICAIS / ANULARES QUE INTERLIGAM OS POÇOS PRODUTORES À UNIDADE DE
INSTALAÇÃO FASE ATIVIDADE: Lançamento por Embarcação de Lançamento
PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
de Linhas - LSV
OBSERVAÇÕES: Lançamento da linha de produção/ umbilicares/ anulares entre
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas o poço 9-BD-18HP-RJS e o FPSO com uso de embarcações LSV (Laying
Support Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Perda de Estabilidade das • Colisão da LSV • Visual • Possibilidade de queda de D IV RM • Cumprir o procedimento de observar 9
Embarcações LSV (Embarcação de • Sonora equipamentos e produtos no continuamente o radar
lançamento de âncoras • Radar mar (óleo diesel, lubrificante, • Cumprir programa de treinamento para as
Embarcações escolhidas com: • Alarme no painel etc) situações de emergência
para atividade de • rebocador, • Possibilidade de queda de • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
lançamento de linhas: • FPSO homem ao mar SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Outra embarcação • Possibilidade de incêndio • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
Sunrise 2000 externa à operação • Possibilidade de emborca- • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
OU (ex.: barcos de mento, adernamento e ou Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
Acergy Condor pesca) afundamento da embarcação atingir o mar
OU •Interrupção das operações da
Lochnagar • Cumprir procedimento de registro e investigação
embarcação das causas do acidente
OU
Kommandor 3000
• Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de • Cumprir os procedimentos previstos no Plano de
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no Ancoragem
distribuição do lastro ou mar • Cumprir programa de contratação de mão de obra
carga • Possibilidade de queda de qualificada
homem ao mar • Cumprir programa de treinamento e atualização
• Possibilidade de tombamento dos operadores
ou adernamento da embarcação • Cumprir programa de treinamento para as
• Danos materiais situações de emergência
• Interrupção das operações da • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
embarcação SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• A Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 12/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


LINHAS DE PRODUÇÃO/ UMBILICAIS / ANULARES QUE INTERLIGAM OS POÇOS PRODUTORES À UNIDADE DE
INSTALAÇÃO FASE ATIVIDADE: Lançamento por Embarcação de Lançamento
PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
de Linhas - LSV
OBSERVAÇÕES: Lançamento da linha de produção/ umbilicares/ anulares entre
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas o poço 9-BD-18HP-RJS e o FPSO com uso de embarcações LSV (Laying
Support Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 9 Ver Hip 9 Ver Hip 9 • Cumprir os procedimentos operacionais 9
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no Pág 11 / 78 Pág 11 / 78 Pág 11 / 78 • Cumprir programa de contratação de mão de obra (continuação)
Perda de Estabilidade das monitoramento das mar qualificada
Embarcações LSV condições do navio • Possibilidade de queda de • Cumprir o procedimento operacional relativo a
• Consulta a Boletins homem ao mar abastecimento de diesel
meteorológicos • Possibilidade de • Cumprir programa de treinamento e atualização
tombamento ou adernamento dos operadores
da embarcação • Cumprir procedimento de registro e investigação
• Interrupção das operações da das causas do acidente
embarcação • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
• Danos materiais SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar

• Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
navio • Alarme equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
mar válvulas etc)
• Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
da embarcação causas do acidente
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da unidade caso
haja ignição do produto vazado
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 13/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


LINHAS DE PRODUÇÃO/ UMBILICAIS / ANULARES QUE INTERLIGAM OS POÇOS PRODUTORES À UNIDADE DE
INSTALAÇÃO FASE ATIVIDADE: Lançamento por Embarcação de Lançamento
PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
de Linhas - LSV
OBSERVAÇÕES: Lançamento da linha de produção/ umbilicares/ anulares entre
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas o poço 9-BD-18HP-RJS e o FPSO com uso de embarcações LSV (Laying
Support Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de óleo diesel, • Ruptura de linhas/ • Visual • Perda de óleo diesel, C III RM • Cumprir programa de contratação de mão de obra 10
lubrificantes e/ou derivado tanques devido a queda lubrificantes e/ou derivados qualificada
de cargas por erro de com possibilidade de • Seguir os procedimentos movimentação de cargas
operação contaminação do mar • Cumprir programa de treinamento para as
situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Corrosão • Visual • Perda de óleo diesel, • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos
lubrificantes e/ou derivados equipamentos e linhas
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Desgaste de material • Visual • Perda de óleo diesel, • Cumprir programa de inspeção e manutenção dos
lubrificantes e/ou derivados equipamentos e linhas
com possibilidade de • Cumprir programa de treinamento para as
contaminação do mar situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 14/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


LINHAS DE PRODUÇÃO/ UMBILICAIS / ANULARES QUE INTERLIGAM OS POÇOS PRODUTORES À UNIDADE DE
INSTALAÇÃO FASE ATIVIDADE: Lançamento por Embarcação de Lançamento
PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
de Linhas - LSV
OBSERVAÇÕES: Lançamento da linha de produção/ umbilicares/ anulares entre
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas o poço 9-BD-18HP-RJS e o FPSO com uso de embarcações LSV (Laying
Support Vessel)

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Queda de cargas pesadas • Erro operacional • Visual • Perda de equipamentos e/ou D IV RM • Cumprir procedimentos operacionais 11
durante as operações da produtos com possibilidade • Cumprir programa de contratação de mão de obra
embarcação de de contaminação do mar qualificada
lançamento de linhas -LSV • Possibilidade de lesões • Cumprir programa de treinamento para as
graves aos operadores situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

• Adversidades Climáticas • Visual • Perda de equipamentos e/ou • Cumprir programa de contratação de mão de obra
produtos com possibilidade qualificada
de contaminação do mar • Interromper operação caso as condições climáticas
• Possibilidade de lesões sejam superiores à 8 na escala Beaufort
graves aos operadores • Cumprir programa de treinamento para as
situações de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• A Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 15/78

INSTALAÇÃO FPSO PETROJARL Cid. de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE ATIVIDADE: Conexão do FPSO ao poço produtor 9-BD-
18HP-RJS
OBSERVAÇÕES: Operação de conexão do FPSO ao poço produtor 9-BD-
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
18HP-RJS

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de óleo e gás • Queda de carga sobre • PALL com fechamento • Danos materiais D IV RB • Seguir programa de treinamento dos responsáveis 12
na operação de conexão outras linhas ou automático das SDVs e • Possibilidade de vazamento pela conexão do FPSO
do FPSO ao poço produtor estruturas submarinas SSVs de óleo/ gás no mar
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
9-BD-18HP-RJS existentes • Visual dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• DHSV válvulas etc)
OBSERVAÇÕES:
1.Ressalta-se que como neste • Seguir programa de treinamento para as situações
momento a unidade não de emergência
estará em operação não se • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI da
esperam vazamentos, pois o Plataforma mais próxima (P-12), se o produto
poço estará fechado; atingir o mar
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
2. Não se espera a presença de
• Seguir procedimento de registro e investigação das
outras estruturas submarinas
causas do acidente
próximas
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 16/78

LINHA DE PRODUÇÃO/ UMBILICAL / ANULAR QUE INTERLIGA O POÇO PRODUTOR À UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
INSTALAÇÃO FASE
PETROJARL Cidade de Rio das Ostras SISTEMA: Poço de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Trecho de linha (flowlines) entre o poço (coluna de produção)
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
produtor 9-BD-18HP-RJS até o riser (exclusive)

Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de óleo / gás • Falha na ANMH • PALL com fechamento • Descontrole do Poço blowout D IV RM • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 13
no trecho de linha (horizontal) automático das SDVs e se o sistema de bloqueio e dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
(flowlines) entre o poço de SSVs controle estiver indisponível válvulas, EDP etc)
produção de petróleo 9-BD- • Visual • Perda de produto no mar;
• Seguir programa de treinamento para as situações
18HP-RJS e o riser de • Danos materiais de emergência
produção do FPSO • Parada de Produção
(exclusive) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Ruptura da linha de • PALL com fechamento • Descontrole do Poço blowout • Cumprir o procedimento operacional relativo a
produção(flowline) por automático das SDVs e se o sistema de bloqueio e bastecimento de diesel
choque mecânico (por SSVs controle estiver indisponível • Solicitar a inclusão das instalações em Cartas
exemplo: queda de carga • Visual • Perda de produto no mar; Náuticas
ou peça pesada) • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Parada de Produção dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas, EDP etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Sobrepressão - Falha • PALL com fechamento • Descontrole do Poço blowout • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
da HV (choke) da ANM automático das SDVs e se o sistema de bloqueio e equipamentos e linhas
SSVs controle estiver indisponível
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Alarme • Perda de produto no mar; dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Visual • Danos materiais válvulas etc)
• Parada de Produção
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 17/78

LINHA DE PRODUÇÃO/ UMBILICAL / ANULAR QUE INTERLIGA O POÇO PRODUTOR À UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
INSTALAÇÃO FASE
PETROJARL Cidade de Rio das Ostras SISTEMA: Poço de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Trecho de linha (flowlines) entre o poço (coluna de produção)
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
produtor 9-BD-18HP-RJS até o riser (exclusive)

Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Descontrole do Poço blowout Ver Hip 13 Ver Hip 13 Ver Hip 13 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 13
fechamento de válvula a automático das SDVs e se o sistema de bloqueio e Pág 16 / 78 Pág 16 / 78 Pág 16 / 78 operadores (continuação)
Vazamento de óleo / gás jusante (erro de operação SSVs controle estiver indisponível
• Seguir os procedimentos operacionais
no trecho de linha ou falha intrínseca) e falha • Alarme • Perda de produto no mar
(flowlines) entre o poço de da proteção (PAH sem • Visual • Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
produção de petróleo 9-BD- fechamento automático • Parada de Produção equipamentos e linhas
18HP-RJS e o riser de das SDVs e alarme) • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
produção do FPSO dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
(exclusive) válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Corrosão • Alarme • Perda de produto no mar • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Danos materiais equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Falha de material • Alarme • Perda de produto no mar • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Danos materiais equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção, manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 18/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO POÇO DE PRODUÇÃO 9-BD-18HP-RJS FASE
SISTEMA: Riser de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Chegada da linha de produção no riser balcony do FPSO,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
até o scrapper lançador Z-101 inclusive

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A , Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura do riser de • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Descontrole do Poço se o D IV RM • Solicitar a inclusão das instalações em Cartas 14
produção na chegada ao exemplo queda de carga automático das SDVs e sistema de bloqueio e controle Náuticas
FPSO ou peça pesada) SSVs através do ESD estiver indisponível
• Cumprir o procedimento operacional relativo a
• Visual • Perda de produto no mar;
abastecimento de diesel
• Danos materiais
• Parada de Produção • Consultar o Sistema de Gerenciamento de
Obstáculos – SGO;
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas, EDP etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Sobrepressão - Falha • PALL com fechamento • Descontrole do Poço se o • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
da HV (choke) automático das SDVs e sistema de bloqueio e controle equipamentos e linhas
SSVs através do ESD estiver indisponível
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Visual • Perda de produto no mar; dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Danos materiais válvulas etc)
• Parada de Produção
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 19/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO POÇO DE PRODUÇÃO 9-BD-18HP-RJS FASE
SISTEMA: Riser de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Chegada da linha de produção no riser balcony do FPSO,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
até o scrapper lançador Z-101 inclusive

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A , Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Descontrole do Poço se o Ver Hip 14 Ver Hip 14 Ver Hip 14 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 14
fechamento de válvula a automático das SDVs e sistema de bloqueio e controle Pág 18 / 78 Pág 18 / 78 Pág 18 / 78 operadores (continuação)
Ruptura do riser de jusante (erro de operação SSVs através do ESD estiver indisponível
• Seguir os procedimentos operacionais
produção na chegada ao ou falha intrínseca) e falha • Alarme • Perda de produto no mar;
FPSO da proteção (PAH sem • Visual • Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
fechamento automático • Parada de Produção equipamentos e linhas
das SDVs e alarme) • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo no riser de produção • Corrosão • Alarme • Perda de produto no mar; C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 15
na chegada ao FPSO • Danos materiais equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Falha de material • Alarme • Perda de produto no mar; • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Danos materiais equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 20/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO POÇO DE PRODUÇÃO 9-BD-18HP-RJS FASE
SISTEMA: Riser de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Chegada da linha de produção no riser balcony do FPSO,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
até o scrapper lançador Z-101 inclusive

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A , Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Alarme • Perda de produto no mar C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 16
instrumento perda da integridade física • Danos materiais equipamentos e linhas
ou mecânica
• Seguir programa de inspeção, manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI

Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem - • Alarme • Perda de produto no mar A II RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 17
juntas e conexões acoplamento incorreto ou equipamentos e linhas
desgaste do material
• Seguir programa de inspeção, manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI

Vazamento no scrapper • Erro de operação • Alarme • Perda de produto C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 18
recebedor Z-01 • Produto será contido nas equipamentos e linhas
bacias na área de processo
• Seguir programa de inspeção, manutenção e teste
sendo enviado para o tanque de
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
slop
válvulas etc)
• Danos materiais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 21/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO POÇO DE PRODUÇÃO 9-BD-18HP-RJS FASE
SISTEMA: Riser de Produção do FPSO
OBSERVAÇÕES: Chegada da linha de produção no riser balcony do FPSO,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
até o scrapper lançador Z-101 inclusive

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A , Caracterização da Atividade

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Abertura indevida da PSV • Falha da válvula, erro • Detector de gás • Perda de gás para a B I RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 19
de calibração ou erro de • Sonora atmosfera, seguindo para o vaso equipamentos e linhas
montagem V-104 de knock out (KO) do
• Seguir os procedimentos que garantam a
sistema de flare
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 22/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Coletor De Produção (header)
OBSERVAÇÕES: Da saída do scrapper recebedor Z-101, passando pela linha
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de alimentação do pré-aquecedor E-104 A/B, permutadores E-105 e E-101 A/B
até a entrada do vaso do 1º estágio de separação V-101 A/B

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura no coletor • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 20
(header) de produção exemplo: queda de carga automático das SDVs e com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
ou peça pesada) SSVs mar
disponibilidade do sistema de coleta
• Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de
• Alarme incêndio • Seguir programa de treinamento para as situações
• Visual • Danos materiais de emergência
• Parada de Produção • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
• Possibilidade de afundamento SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
da unidade caso a explosão • Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
ocorra na área do turret haja ignição do produto vazado
(chegada dos risers) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de treinamento e atualização dos
fechamento de válvula a automático das SDVs e com possibilidade de atingir o operadores
jusante (erro de operação SSVs mar
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
ou falha intrínseca) e falha • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de
equipamentos e linhas
da proteção (PAH sem • Alarme incêndio
fechamento automático • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
das SDVs e alarme) • Parada de Produção disponibilidade do sistema de coleta
• Possibilidade de afundamento • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
da unidade caso a explosão dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
ocorra na área do turret válvulas etc)
(chegada dos risers) • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 23/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Coletor De Produção (header)
OBSERVAÇÕES: Da saída do scrapper recebedor Z-101, passando pela linha
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de alimentação do pré-aquecedor E-104 A/B, permutadores E-105 e E-101 A/B
até a entrada do vaso do 1º estágio de separação V-101 A/B

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Furo no coletor (header) de • Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 21
produção • Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Falha de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 22
instrumento perda da integridade física • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
ou mecânica • Visual equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 24/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Coletor De Produção (header)
OBSERVAÇÕES: Da saída do scrapper recebedor Z-101, passando pela linha
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de alimentação do pré-aquecedor E-104 A/B, permutadores E-105 e E-101 A/B
até a entrada do vaso do 1º estágio de separação V-101 A/B

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem - • Detector de gás • Perda de produto no FPSO A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 23
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Alarme equipamentos e linhas
desgaste do material • Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Abertura indevida da PSV • Falha da válvula, erro • Detector de gás • Perda de gás para a B II RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 24
de calibração ou erro de • Sonora atmosfera em local seguro equipamentos e linhas
montagem
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 25/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Coletor De Produção (header)
OBSERVAÇÕES: Da saída do scrapper recebedor Z-101, passando pela linha
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de alimentação do pré-aquecedor E-104 A/B, permutadores E-105 e E-101 A/B
até a entrada do vaso do 1º estágio de separação V-101 A/B

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de óleo nas • Ruptura por choque • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 25
linhas dos permutadores mecânico (por exemplo • Alarme com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
de calor E-104 A/B, E-105 queda de carga ou peça • Visual mar
disponibilidade do sistema de coleta
e E-101 A/B (bateria de pesada) • Possibilidade de ocorrência de
pré-aquecimento do óleo incêndio • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
produzido) • Danos materiais equipamentos e linhas
• Parada de Produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar

• Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 26/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Coletor De Produção (header)
OBSERVAÇÕES: Da saída do scrapper recebedor Z-101, passando pela linha
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de alimentação do pré-aquecedor E-104 A/B, permutadores E-105 e E-101 A/B
até a entrada do vaso do 1º estágio de separação V-101 A/B

Desenho 06-PE0003A-5-2001 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Erro de montagem ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, Ver Hip 25 Ver Hip 25 Ver Hip 25 • Seguir programa de treinamento e dos 25
fadiga do material • Alarme com possibilidade de atingir o Pág 25 / 78 Pág 25 / 78 Pág 25 / 78 responsáveis pela montagem e manutenção (continuação)
Vazamento de óleo nas • Visual mar
• Seguir os procedimentos que garantam a
linhas dos permutadores • Possibilidade de ocorrência de disponibilidade do sistema de coleta
de calor E-104 A/B, E-105 incêndio
e E-101 A/B (bateria de • Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
pré-aquecimento do óleo equipamentos e linhas
produzido) • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar

• Fadiga de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 27/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Superenchimento do • Falha no LSHH/ LAHH • Visual LG • Aumento de nível de líquido D I RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 26
vaso V-101 A/B do 1º • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
estágio de separação • ESD sistema de flare
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
de KO do sistema de flare sistema, não havendo
válvulas etc)
vazamento para o ambiente
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Bloqueio indevido a • Visual LG • Aumento de nível de líquido • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
jusante • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
• ESD sistema de flare
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
• LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no
operadores
de KO do sistema de flare sistema, não havendo
vazamento para o ambiente • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura na linha de • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 27
saída de óleo do vaso exemplo: queda de carga automático das SDVs e com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
V-101 A/B do 1º estágio ou peça pesada) SSVs mar
disponibilidade do sistema de coleta
de separação • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de
• Alarme incêndio • Seguir programa de treinamento para as situações
• Visual • Danos materiais de emergência
• Parada de Produção • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
• Possibilidade de afundamento SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
da unidade caso a explosão • Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
ocorra na área do turret haja ignição do produto vazado
(chegada dos risers) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 28/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO Ver Hip 27 Ver Hip 27 Ver Hip 27 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 27
fechamento de válvula a automático das SDVs e com possibilidade de atingir o Pág 27 / 78 Pág 27 / 78 Pág 27 / 78 operadores (continuação)
Ruptura na linha de saída jusante (erro de operação SSVs mar
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
de óleo do vaso V-101 A/B ou falha intrínseca) e falha • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de equipamentos e linhas
do 1º estágio de separação da proteção (PAH sem • Alarme incêndio
fechamento automático • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
das SDVs e alarme) • Parada de Produção disponibilidade do sistema de coleta
• Possibilidade de afundamento • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
da unidade caso a explosão dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
ocorra na área do turret válvulas, etc)
(chegada dos risers) • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha de saída de • Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 28
óleo do vaso V-101 A/B do • Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
1º estágio de separação • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 29/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Falha de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO Ver Hip 28 Ver Hip 28 Ver Hip 28 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 28
Furo na linha de saída de • Alarme • Danos materiais Pág 28 / 78 Pág 28 / 78 Pág 28 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
óleo do vaso V-101 A/B do • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
1º estágio de separação
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura da linha de vent • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 29
do vaso V-101 A/B do 1º perda da integridade física • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
estágio de separação ou mecânica • Visual equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Superenchimento do • Falha no LSHH/ LAHH • Visual LG • Aumento de nível de líquido D I RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 30
vaso V-107 A/B • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
degaseificador • ESD sistema de flare
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
de KO do sistema de flare sistema, não havendo
válvulas etc)
vazamento para o ambiente
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 30/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Bloqueio indevido a • Visual LG • Aumento de nível de líquido Ver Hip 30 Ver Hip 30 Ver Hip 30 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 30
jusante • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do Pág 29 / 78 Pág 29 / 78 Pág 29 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Superenchimento do • ESD sistema de flare
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
vaso V-107 A/B • LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no operadores
degaseificador de KO do sistema de flare sistema, não havendo
vazamento para o ambiente • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura na linha de • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 31
saída de óleo do vaso exemplo: queda de carga automático das SDVs e com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
V-107 A/B degaseifica- ou peça pesada) SSVs mar
disponibilidade do sistema de coleta
dor • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de
• Alarme incêndio • Seguir programa de treinamento para as situações
• Visual • Danos materiais de emergência
• Parada de Produção • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
• Possibilidade de afundamento SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
da unidade caso a explosão • Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
ocorra na área do turret haja ignição do produto vazado
(chegada dos risers) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 31/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO Ver Hip 31 Ver Hip 31 Ver Hip 31 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 31
fechamento de válvula a automático das SDVs e com possibilidade de atingir o Pág 30 / 78 Pág 30 / 78 Pág 30 / 78 operadores (continuação)
Ruptura na linha de saída jusante (erro de operação SSVs mar
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
de óleo do vaso V-107 A/B ou falha intrínseca) e falha • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de equipamentos e linhas
degaseificador da proteção (PAH sem • Alarme incêndio
fechamento automático • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
das SDVs e alarme) • Parada de Produção disponibilidade do sistema de coleta
• Possibilidade de afundamento • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
da unidade caso a explosão dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
ocorra na área do turret válvulas etc)
(chegada dos risers) • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha de saída de • Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 32
óleo do vaso V-107 A/B • Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
degaseificador • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 32/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Falha de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO Ver Hip32 Ver Hip32 Ver Hip32 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 32
• Alarme • Danos materiais Pág 31 / 78 Pág 31 / 78 Pág 31 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Furo na linha de saída de • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
óleo do vaso V-107 A/B
disponibilidade do sistema de coleta
degaseificador
• Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura da linha de vent • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 33
do vaso V-107 A/B perda da integridade física • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
degaseificador ou mecânica • Visual • Parada de Produção equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas, etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Superenchimento do • Falha no LSHH/ LAHH • Visual LG • Aumento de nível de líquido D I RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 34
vaso V-102 A/B tratador • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
eletrostático • ESD sistema de flare
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
(2º estágio de • LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
separação) de KO do sistema de flare sistema, não havendo
válvulas etc)
vazamento para o ambiente
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 33/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Bloqueio indevido a • Visual LG • Aumento de nível de líquido Ver Hip 34 Ver Hip 34 Ver Hip 34 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 34
jusante • LAHH do V-101 A/B no vaso V-104 de KO do Pág 32 / 78 Pág 32 / 78 Pág 32 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Superenchimento do • ESD sistema de flare
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
vaso V-102 A/B tratador • LAHH do vaso V-104 • O líquido fica contido no operadores
eletrostático de KO do sistema de flare sistema, não havendo
(2º estágio de vazamento para o ambiente • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
separação) dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura na linha de • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 35
saída de óleo do vaso exemplo: queda de carga automático das SDVs e com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
V-102 A/B tratador ou peça pesada) SSVs mar
disponibilidade do sistema de coleta
eletrostático • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de
(2º estágio de • Alarme incêndio • Seguir programa de treinamento para as situações
separação) • Visual • Danos materiais de emergência
• Parada de Produção • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
• Possibilidade de afundamento SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
da unidade caso a explosão • Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
ocorra na área do turret haja ignição do produto vazado
(chegada dos risers) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 34/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO Ver Hip 35 Ver Hip 35 Ver Hip 35 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 35
Ruptura na linha de fechamento de válvula a automático das SDVs e com possibilidade de atingir o Pág 33 / 78 Pág 33 / 78 Pág 33 / 78 operadores (continuação)
saída de óleo vaso V- jusante (erro de operação SSVs mar
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
102 A/B tratador ou falha intrínseca) e falha • Detector de gás • Possibilidade de ocorrência de equipamentos e linhas
eletrostático da proteção (PAH sem • Alarme incêndio
(2º estágio de fechamento automático • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
separação) das SDVs e alarme) • Parada de Produção disponibilidade do sistema de coleta
• Possibilidade de afundamento • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
da unidade caso a explosão dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
ocorra na área do turret válvulas etc)
(chegada dos risers) • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO caso
haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha de saída • Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 36
de óleo do vaso V-102 • Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
A/B tratador • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
eletrostático
disponibilidade do sistema de coleta
(2º estágio de
separação) • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 35/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Falha de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO Ver Hip 36 Ver Hip 36 Ver Hip 36 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 36
• Alarme • Danos materiais Pág 34 / 78 Pág 34 / 78 Pág 34 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Furo na linha de saída • Visual • Parada de Produção • Seguir os procedimentos que garantam a
de óleo do vaso V-102
disponibilidade do sistema de coleta
A/B tratador
eletrostático • Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
instalação e teste hidrostático
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura da linha de vent • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 37
do vaso V-102 A/B perda da integridade física • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
tratador eletrostático ou mecânica • Visual equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura de tomadas de • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 38
instrumento perda da integridade física • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
ou mecânica • Visual equipamentos e linhas
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 36/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem - • Detector de gás • Perda de produto no FPSO A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 39
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Alarme equipamentos e linhas
desgaste do material • Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamento através das • Falha na montagem ou • Alarme • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 40
bombas de transferência P- desgaste do selo da • Visual equipamentos e linhas
001 A/B/C na operação de bomba
• Seguir os procedimentos que garantam a
envio do óleo (tratado) para
disponibilidade do sistema de coleta
os tanques de
armazenamento • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção

• Vazamentos em • Alarme • Perda de produto no navio • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
válvulas, juntas e • Visual equipamentos e linhas
conexões
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 37/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de óleo nas • Ruptura por choque • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 41
linhas dos permutadores mecânico (por exemplo • Alarme com possibilidade de atingir o
• Seguir os procedimentos que garantam a
de calor E-102 A/B queda de carga ou peça • Visual mar
disponibilidade do sistema de coleta
(Resfriamento do óleo pesada) • Possibilidade de ocorrência de
produzido) incêndio • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Danos materiais equipamentos e linhas
• Parada de Produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar

• Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 38/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
• Erro de montagem ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, Ver Hip. 41 Ver Hip. 41 Ver Hip. 41 • Seguir programa de treinamento e dos 41
fadiga do material • Alarme com possibilidade de atingir o Pág 37 / 78 Pág 37 / 78 Pág 37 / 78 responsáveis pela montagem e manutenção (continuação)
• Visual mar
• Seguir os procedimentos que garantam a
• Possibilidade de ocorrência de disponibilidade do sistema de coleta
incêndio
• Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar

• Fadiga de material • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Visual • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 39/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Separação / Transferência para Tancagem
OBSERVAÇÕES : Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas FPSO. Considera os vasos V-101 A/B, V-107 e V-102 A/B, bomba P-001 A/B e
permutador E-102 até a entrada nos tanques de armazenamento

Desenho 06-PE0003A-5-2002 Rev.A, Desenho 06-PE0003A-5-2010 Rev.A e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Abertura indevida de PSV • Falha da válvula, erro • Sonora • Perda de gás na área em B II RM • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 42
de calibração ou erro de local seguro dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
montagem válvulas etc)
• Seguir procedimentos operacionais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 40/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Caldeiras
OBSERVAÇÕES: Além da geração de vapor, os gases resultantes da
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas combustão na caldeira são usados como Gás de Inertização dos tanques de
armazenamento de petróleo.

Diagrama Esquemático e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura da linha de água • Choque mecânico • Alarme • Superaquecimento da C III RM • Seguir os procedimentos de movimentação de 43
para alimentação da • Visual caldeira com possibilidade de carga
caldeira explosão
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Parada de Produção geradores, válvulas etc)
• Falta de gás de inertização
dos tanques • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Local - PEL.
• Registrar e investigar as causas do acidente

Vazamento de água • Falha na montagem ou • Alarme • Superaquecimento da D III RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 44
através das bombas desgaste do selo da • Visual caldeira com possibilidade de equipamentos e linhas
bomba explosão
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Parada de Produção geradores, válvulas etc)
• Falta de gás de inertização
dos tanques • Registrar e investigar as causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Local - PEL.
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
Sobrepressão no tubulão • Falha da válvula PSV, • Indicação no painel • Explosão da caldeira de baixa D III RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 45
da caldeira erro de calibração ou erro pressão devido a sobrepressão equipamentos e linhas
de montagem • Campo de sobrepressão;
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Projeção de fragmentos a alta dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
temperatura geradores, válvulas etc)
• Parada de Produção
• Seguir programa de treinamento para as situações
• Falta de gás de inertização
de emergência
dos tanques
• Acionar o Plano de Emergência Local - PEL.
• Registrar e investigar as causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 41/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Vent e Flare de Alta e Baixa Pressão
OBSERVAÇÕES: Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
FPSO – Não se espera presença de óleo no Flare.

06-PE0003A-5-2018 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura da linha principal • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de gás para a D IV RM • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 46
(header) do sistema de exemplo: queda de carga automático da XV e SDVs atmosfera
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
flare ou peça pesada) • Detector de gás • Possibilidade de incêndio e
equipamentos e linhas
• Alarme explosão
• Visual • Danos matérias • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Parada de Produção dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha principal • Corrosão • Detector de gás • Perda de gás para atmosfera; D II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 47
(header) do sistema de • Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
flare
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Falha de material • Detector de gás • Perda de gás para atmosfera; • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme • Danos materiais equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 42/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Vent e Flare de Alta e Baixa Pressão
OBSERVAÇÕES: Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
FPSO – Não se espera presença de óleo no Flare.

06-PE0003A-5-2018 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Superenchimento do • Falha no LICAH • Visual LG • Aumento de nível de líquido D II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 48
vaso V-104 de knock • LAHH do V-104 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
out do sistema de flare sistema de flare
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
de alta e de baixa • O líquido fica contido no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
pressão sistema, não havendo
válvulas etc)
vazamento para o ambiente
• Possibilidade de presença de • Seguir procedimento de registro e investigação das
gotículas de líquido no flare causas do acidente
levando ao incêndio destas
pequenas gotas (fire rain) caso o
tanque não seja esgotado pela
bomba P-007 A/B

• Falha na bomba de • Visual LG • Aumento de nível de líquido • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
condensado P-007 A/B • LICAH do V-104 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
(não esgota o condensado sistema de flare
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
armazenado) • O líquido fica contido no operadores
sistema, não havendo
vazamento para o ambiente • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Possibilidade de presença de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
gotículas de líquido no flare válvulas etc)
levando ao incêndio destas • Seguir procedimento de registro e investigação das
pequenas gotas (fire rain) caso o causas do acidente
tanque não seja esgotado pela
bomba P-007 A/B

• Presença de líquido na • Visual LG • Aumento de nível de líquido • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
linha principal do sistema • LICAH do V-104 A/B no vaso V-104 de KO do equipamentos e linhas
de flare (header) devido • LAHH do V-104 A/B sistema de flare
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
ao superenchimento de • O condensado fica contido no
operadores
algum vaso no sistema de sistema, não havendo
processamento do óleo vazamento para o ambiente • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
produzido • O condensado é retornado ao dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
V-102 A/B através da linha de válvulas etc)
esgotamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 43/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Vent e Flare de Alta e Baixa Pressão
OBSERVAÇÕES: Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
FPSO – Não se espera presença de óleo no Flare.

06-PE0003A-5-2018 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura do Vaso V-104 de • Choque mecânico (por • PAL com fechamento • Perda de gás para a D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 49
knock out do sistema de exemplo queda de carga automático da XV e SDVs atmosfera
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
flare de alta e de baixa ou peça pesada) • Detector de gás • Possibilidade de incêndio e dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
pressão • Alarme explosão
válvulas etc)
• Visual • Danos materiais
• Parada de Produção • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Detector de gás • Perda de gás para atmosfera C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas 50
instrumento perda da integridade física • Alarme • Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção
ou mecânica
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem – • Detector de gás • Perda de gás para atmosfera A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 51
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Alarme equipamentos e linhas
desgaste do material
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 44/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Vent e Flare de Alta e Baixa Pressão
OBSERVAÇÕES: Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
FPSO – Não se espera presença de óleo no Flare.

06-PE0003A-5-2018 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de GLP / • Ruptura do mangote • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, D III RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 52
propano dos cilindros do flexível • Alarme Possibilidade de ocorrência de equipamentos e linhas
sistema alternativo de • Visual incêndio e explosão
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
manutenção do piloto do • Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
flare aceso
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação

• Ruptura do cilindro por • Detector de gás • Perda de produto no FPSO, • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
choque mecânico • Alarme Possibilidade de ocorrência de equipamentos e linhas
• Visual incêndio e explosão
• Seguir procedimento de contratação de mão de
• Danos materiais
obra qualificada
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 45/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Vent e Flare de Alta e Baixa Pressão
OBSERVAÇÕES: Neste sistema os vazamentos de óleo ficam restritos ao
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
FPSO – Não se espera presença de óleo no Flare.

06-PE0003A-5-2018 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Corrosão • Detector de gás • Perda de produto no FPSO Ver Hip. 52 Ver Hip. 52 Ver Hip. 52 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 52
• Alarme • Danos materiais Pág 44 / 78 Pág 44 / 78 Pág 44 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Vazamento de GLP / • Visual • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
propano dos cilindros do
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
sistema alternativo de
válvulas etc)
manutenção do piloto do
flare aceso • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação

• Erro de montagem ou • Detector de gás • Perda de produto no FPSO • Seguir os procedimentos movimentação de cargas;
fadiga do material • Alarme • Danos materiais
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Visual equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 46/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Sistema de Drenagem
OBSERVAÇÕES: Corresponde às águas de lavagem da planta industrial, área
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de armazenamento de insumos combustíveis, setor de lavagem de peças e
equipamentos associados às águas pluviais que incidem sobre estas áreas.

T7352-0 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura de linha principal • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 53
do sistema (header coletor) exemplo: queda de carga automático da XV e SDVs • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
do sistema de drenagem ou peça pesada) • Alarme • Parada temporária de disponibilidade do sistema de coleta
• Visual produção
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO • Seguir programa de treinamento e atualização dos
fechamento de válvula a automático da XV e SDVs • Danos materiais operadores
jusante (erro de operação • Alarme; • Parada temporária de • Seguir os procedimentos que garantam a
ou falha intrínseca) e falha • Visual produção disponibilidade do sistema de coleta
da proteção (PAH sem
fechamento automático • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
das SDVs e alarme) equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha principal do • Corrosão • Alarme • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 54
sistema (header coletor) de • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
drenagem
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 47/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Sistema de Drenagem
OBSERVAÇÕES: Corresponde às águas de lavagem da planta industrial, área
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de armazenamento de insumos combustíveis, setor de lavagem de peças e
equipamentos associados às águas pluviais que incidem sobre estas áreas.

T7352-0 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Falha de material • Alarme • Perda de produto no FPSO Ver Hip 54 Ver Hip 54 Ver Hip 54 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 54
• Visual • Danos materiais Pág 46 / 78 Pág 46 / 78 Pág 46 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Furo na linha principal do
• Seguir os procedimentos que garantam a
sistema (header coletor) de
disponibilidade do sistema de coleta
drenagem
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura do slop tank No 2 • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de produto no FPSO D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 55
(óleo recuperado) exemplo queda de carga automático da XV e SDVs • Possibilidade de ocorrência de • Seguir os procedimentos que garantam a
ou peça pesada) • Alarme; incêndio
disponibilidade do sistema de coleta
• Visual • Danos materiais
• Parada temporária de • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
produção equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 48/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Sistema de Drenagem
OBSERVAÇÕES: Corresponde às águas de lavagem da planta industrial, área
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de armazenamento de insumos combustíveis, setor de lavagem de peças e
equipamentos associados às águas pluviais que incidem sobre estas áreas.

T7352-0 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Transbordamento do slop • Erro operacional - • Alarme • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de treinamento e atualização dos 56
tank No 1 esquecimento da válvula • Visual • Danos materiais operadores
de dreno aberta para o
• Seguir os procedimentos que garantam a
slop tank
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Alarme • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 57
instrumento perda da integridade física • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
ou mecânica
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
equipamentos e linhas
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem – • Alarme • Perda de produto no FPSO A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 58
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
desgaste do material
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 49/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Sistema de Drenagem
OBSERVAÇÕES: Corresponde às águas de lavagem da planta industrial, área
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas de armazenamento de insumos combustíveis, setor de lavagem de peças e
equipamentos associados às águas pluviais que incidem sobre estas áreas.

T7352-0 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento nas bombas de • Falha na montagem ou • Alarme • Perda de produto no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 59
reciclo P-003 A/B do desgaste do selo da • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
sistema de drenagem bomba
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 50/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura na linha de • Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de água de produção no D II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 60
saída de água de exemplo: queda de carga automático das SDVs e FPSO
• Seguir os procedimentos que garantam a
produção do vaso V-101 ou peça pesada) SSVs • A água será captada nas disponibilidade do sistema de coleta
A/B do 1º. estágio de • Alarme bacias de contenção da área d
separação • Visual processo, seguindo para o • Seguir programa de treinamento para as situações
tanque de slop da unidade de emergência
(linha de fundo do vaso • Danos materiais • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
V-101 A/B e • Parada de Produção SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
alimentação dos • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
hidrociclones LHC-101
A/B/C) • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de água de produção a • Seguir programa de treinamento e atualização dos
fechamento de válvula a automático das SDVs e no FPSO operadores
jusante (erro de operação SSVs • A água será captada nas • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
ou falha intrínseca) e falha • Alarme bacias de contenção da área d
equipamentos e linhas
da proteção (PAH sem • Visual processo, seguindo para o
fechamento automático tanque de slop da unidade • Seguir os procedimentos que garantam a
das SDVs e alarme) • Danos materiais disponibilidade do sistema de coleta
• Parada de Produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 51/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Furo na linha de água • Corrosão • Alarme • Perda de água de produção C I RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 61
de produção (água • Visual no FPSO equipamentos e linhas
oleosa) do vaso V-101 • A água será captada nas • Seguir os procedimentos que garantam a
A/B do 1º. estágio de bacias de contenção da área d
disponibilidade do sistema de coleta
separação processo, seguindo para o
tanque de slop da unidade • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
(linha de fundo do vaso V- • Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
101 A/B e alimentação dos • Parada de Produção válvulas etc)
hidrociclones LHC-101 • Seguir procedimento de registro e investigação das
A/B/C) causas do acidente

• Falha de material • Detector de gás • Perda de água de produção • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Alarme no FPSO equipamentos e linhas
• Visual • A água será captada nas
• Seguir os procedimentos que garantam a
bacias de contenção da área d
disponibilidade do sistema de coleta
processo, seguindo para o
tanque de slop da unidade • Seguir os procedimentos para compra, inspeção,
• Danos materiais instalação e teste hidrostático
• Parada de Produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura do hidrociclone • Choque mecânico (por • Alarme • Perda de água de produção C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 62
LHC-101 A/B/C exemplo queda de carga • Visual no FPSO equipamentos e linhas
ou peça pesada) • A água será captada nas
• Seguir os procedimentos movimentação de cargas;
bacias de contenção da área d
processo, seguindo para o • Seguir os procedimentos que garantam a
tanque de slop da unidade disponibilidade do sistema de coleta
• Danos materiais • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Parada de Produção dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 52/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Furo nas linhas de topo do • Corrosão • Alarme • Perda de óleo no FPSO C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 63
hidrociclone LHC-101 • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
A/B/C
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
(óleo que retorna ao
processo) • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura da linha de fundo • Falha de material • Alarme • Perda de água tratada no D II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 64
do hidrociclone LHC-101 • Visual FPSO equipamentos e linhas
A/B/C • Danos materiais
• Seguir os procedimentos que garantam a
• Parada de Produção disponibilidade do sistema de coleta
(água tratada)
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Choque mecânico (por • PALL com fechamento • Perda de água tratada no • Seguir os procedimentos movimentação de cargas;
exemplo: queda de carga automático das SDVs e FPSO
• Seguir os procedimentos que garantam a
ou peça pesada) SSVs • Danos materiais
disponibilidade do sistema de coleta
• Alarme • Parada de Produção
• Visual • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 53/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PALL com fechamento • Perda de água tratada no Ver Hip 64 Ver Hip 64 Ver Hip 64 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 64
fechamento de válvula a automático das SDVs e FPSO Pág 52 / 78 Pág 52 / 78 Pág 52 / 78 operadores (continuação)
Ruptura da linha de fundo jusante (erro de operação SSVs • Danos materiais • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
do hidrociclone LHC-101 ou falha intrínseca) e falha • Alarme • Parada de Produção equipamentos e linhas
A/B/C da proteção (PAH sem • Visual
fechamento automático • Seguir os procedimentos que garantam a
(água tratada) das SDVs e alarme) disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 54/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Furo nas linhas de fundo do • Corrosão • Alarme • Perda de água tratada no C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 65
hidrociclone LHC-101 • Visual FPSO equipamentos e linhas
A/B/C • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
(água tratada)
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Falha de material • Alarme • Perda de água tratada no • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Visual FPSO equipamentos e linhas
• Danos materiais
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamento de água tratada • Falha na montagem ou • Alarme • Perda de água tratada no C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 66
através das bombas de desgaste do selo da • Visual FPSO equipamentos e linhas
transferência P-002 A/B bomba • Danos materiais
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 55/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Vazamentos em • Alarme • Perda de água tratada no Ver Hip 66 Ver Hip 66 Ver Hip 66 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 66
válvulas, juntas e • Visual FPSO Pág 54 / 78 Pág 54 / 78 Pág 54 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Vazamento de água tratada conexões • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
através das bombas de
disponibilidade do sistema de coleta
transferência P-002 A/B
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção

Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Alarme • Perda de água tratada no C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 67
instrumento perda da integridade física • Visual FPSO equipamentos e linhas
ou mecânica • Danos materiais
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 56/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento de água de • Ruptura por choque • Alarme • Perda de água tratada no D II RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 68
produção do permutador mecânico (por exemplo • Visual FPSO, com possibilidade de
• Seguir os procedimentos que garantam a
de calor E-103 queda de carga ou peça atingir o mar
disponibilidade do sistema de coleta
pesada) • Possibilidade de ocorrência de
(resfriador de água de incêndio • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
produção antes do • Danos materiais equipamentos e linhas
descarte final) • Parada de Produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar

• Corrosão • Alarme • Perda de água tratada no • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
• Visual FPSO equipamentos e linhas
• Danos materiais
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 57/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tratamento da Água de Produção
OBSERVAÇÕES: Inclui a linha de saída (fundo) do vaso V-101 A/B,
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas hidrociclones LHC-101 A/B/C, linha de alimentação do V-103 A/B e a bomba P-
002 A/B e o permutador E-103 e deste para o descarte final

Desenho 06-PE0003A-5-2003 Rev.A, 06-PE-0003A-5-1001 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Erro de montagem ou • Detector de gás • Perda de água tratada no Ver Hip 68 Ver Hip 68 Ver Hip 68 • Seguir programa de treinamento e dos 68
fadiga do material • Alarme FPSO Pág 56 / 78 Pág 56 / 78 Pág 56 / 78 responsáveis pela montagem e manutenção (continuação)
Vazamento de água • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
produzida do permutador
disponibilidade do sistema de coleta
de calor E-103
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
(resfriador da água equipamentos e linhas
produzida antes do • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
descarte final) dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 58/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tancagem
OBSERVAÇÕES: O armazenamento do óleo é feito nos tanques centrais da
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
unidade. Os tanques laterais são de lastro e a tancagem é inertizada.

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura dos tanques de • Falha do sistema de • Alarme; • Possibilidade de ocorrência de D IV RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 69
estocagem inertização (criação de • Visual incêndio e explosão; equipamentos e linhas
atmosfera explosiva no • Possibilidade de afundamento • Seguir os procedimentos que garantam a
interior dos tanques) da unidade por ruptura do casco disponibilidade do sistema de coleta
com perda de produto no mar; • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Parada de produção válvulas etc)
• Perda de produto • Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
OBSERVAÇÔES:
O armazenamento do óleo é • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
feito nos tanques centrais da • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
unidade. Os tanques laterais são o produto atingir o mar
de lastro e a tancagem é • Seguir procedimento de registro e investigação das
inertizada. causas do acidente

• Sobrepressão nos • Alarme; • Possibilidade de ocorrência de • Seguir programa de treinamento e atualização dos
tanques (Falha na • Visual incêndio e explosão; operadores
expulsão de gás pelo • Possibilidade de afundamento • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
sistema de alívio de gás da unidade por ruptura do casco equipamentos e linhas
inerte do tanque (ex: com perda de produto no mar; • Seguir os procedimentos que garantam a
bloqueio a jusante da • Danos materiais disponibilidade do sistema de coleta
saída de gás)) • Parada de produção
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Perda de produto dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
OBSERVAÇÔES:
O armazenamento do óleo é • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
feito nos tanques centrais da SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
unidade. Os tanques laterais são • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de lastro e a tancagem é • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
inertizada. o produto atingir o mar.
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 59/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tancagem
OBSERVAÇÕES: O armazenamento do óleo é feito nos tanques centrais da
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
unidade. Os tanques laterais são de lastro e a tancagem é inertizada.

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
• Implosão dos tanques • Alarme; • Possibilidade de ocorrência de Ver Hip 69 Ver Hip 69 Ver Hip 69 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 69
(Continuação) (falha na admissão de gás • Visual incêndio e explosão Pág 58 / 78 Pág 58 / 78 Pág 58 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
pelo sistema de gás inerte • Possibilidade de afundamento • Seguir os procedimentos que garantam a
Ruptura dos tanques de do tanque (ex: bloqueio a da unidade por ruptura do casco disponibilidade do sistema de coleta
estocagem montante da saída de gás, com perda de produto no mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
não geração de gás inerte • Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
etc)) • Parada de produção válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
OBSERVAÇÔES: • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
O armazenamento do óleo é SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
feito nos tanques centrais da • Acionar o Plano de Contingência da embarcação
unidade. Os tanques laterais são • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
de lastro e a tancagem é o produto atingir o mar
inertizada. • Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Colisão com outras • Radar • Possibilidade de afundamento • Seguir o procedimento de observar continuamente
embarcações • Alarme da unidade por ruptura do casco o radar
• Visual com perda de produto no mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Possibilidade de ocorrência dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
de incêndio e explosão válvulas etc)
• Danos materiais • Seguir programa de treinamento para as situações
• Parada de produção de emergência
• Perda de produto • Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

NOTA: Os tanques de carga do FPSO, são envoltos


pelos tanques de lastro.
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 60/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tancagem
OBSERVAÇÕES: O armazenamento do óleo é feito nos tanques centrais da
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
unidade. Os tanques laterais são de lastro e a tancagem é inertizada.

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Furo nos tanques de • Corrosão, desgaste de • Detector de gás • Perda de produto, com C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 70
armazenamento de óleo material • Alarme; possibilidade de atingir o mar equipamentos e linhas
produzido • Visual • Danos materiais • Seguir os procedimentos que garantam a
• Possibilidade de ocorrência de disponibilidade do sistema de coleta
incêndio • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Alarme • Perda de produto no navio C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 71
instrumento perda da integridade física • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas;
ou mecânica • Seguir os procedimentos movimentação de cargas;
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta;
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 61/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Tancagem
OBSERVAÇÕES: O armazenamento do óleo é feito nos tanques centrais da
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
unidade. Os tanques laterais são de lastro e a tancagem é inertizada.

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem - • Alarme • Perda de produto no navio A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 72
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Visual equipamentos e linhas
desgaste do material • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 62/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Exportação De Óleo - Offloading
OBSERVAÇÕES: Inclui as linhas de exportação de óleo produzido e as
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
bombas P-001 A/B/C na operação de exportação e o scrapper lançador Z-102

06-PE0003A-5-2004 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Vazamento através da • Falha na montagem ou • Alarme • Perda de produto no navio C III RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 73
bomba de transferência P- desgaste do selo da • Visual • O óleo será captado nas equipamentos e linhas
001 A/B/C na operação de bomba bacias de contenção da área d • Seguir os procedimentos que garantam a
exportação (offloading) processo, seguindo para o disponibilidade do sistema de coleta
tanque de slop da unidade • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Possibilidade de ocorrência de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
incêndio válvulas etc)
• Danos materiais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Parada de Produção causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção

Ruptura de linha de • Choque mecânico (por • PSLL com fechamento • Perda de produto no navio D III RB • Seguir os procedimentos movimentação de cargas; 74
exportação de óleo exemplo queda de carga automático da XV e SDVs • O óleo será captado nas • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
(offloading) da FPSO ou peça pesada) • Detector de gás bacias de contenção da área d equipamentos e linhas
• Alarme processo, seguindo para o • Seguir os procedimentos que garantam a
• Visual tanque de slop da unidade disponibilidade do sistema de coleta
• Possibilidade de ocorrência de
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
incêndio
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Danos materiais válvulas etc)
• Parada de Produção
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 63/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Exportação De Óleo - Offloading
OBSERVAÇÕES: Inclui as linhas de exportação de óleo produzido e as
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
bombas P-001 A/B/C na operação de exportação e o scrapper lançador Z-102

06-PE0003A-5-2004 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Sobrepressão devido a • PSLL com fechamento • Perda de produto no navio Ver Hip 74 Ver Hip 74 Ver Hip 74 • Seguir programa de treinamento e atualização dos 74
fechamento de válvula a automático da XV e SDVs • O óleo será captado nas Pág 62 / 78 Pág 62 / 78 Pág 62 / 78 operadores (continuação)
Ruptura de linha de jusante (erro de operação • Detector de gás bacias de contenção da área d • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
exportação de óleo ou falha intrínseca) e falha • Alarme processo, seguindo para o equipamentos e linhas
(offloading) da FPSO da proteção (PSH sem • Visual tanque de slop da unidade • Seguir os procedimentos que garantam a
fechamento automático • Possibilidade de ocorrência de disponibilidade do sistema de coleta
das SDVs e alarme) incêndio
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
• Danos materiais dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Parada de Produção válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Ship Oil Pollution Emergency Plan –
SOPEP caso não haja ignição do produto vazado
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI,
se o produto atingir o mar
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Furo na linha de • Corrosão • Alarme • Perda de produto no navio C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 75
exportação de óleo • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
(offloading) da FPSO • O óleo será captado nas • Seguir os procedimentos que garantam a
bacias de contenção da área d disponibilidade do sistema de coleta
processo, seguindo para o • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
tanque de slop da unidade dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 64/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Exportação De Óleo - Offloading
OBSERVAÇÕES: Inclui as linhas de exportação de óleo produzido e as
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
bombas P-001 A/B/C na operação de exportação e o scrapper lançador Z-102

06-PE0003A-5-2004 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Falha de material • Alarme • Perda de produto no navio Ver Hip 75 Ver Hip 75 Ver Hip 75 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 75
• Visual • Danos materiais Pág 63 / 78 Pág 63 / 78 Pág 63 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Furo na linha de • O óleo será captado nas • Seguir os procedimentos que garantam a
exportação de óleo bacias de contenção da área d disponibilidade do sistema de coleta
(offloading) da FPSO processo, seguindo para o • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
tanque de slop da unidade dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Abertura indevida da PSV • Falha da válvula, erro • Alarme sonoro • Perda de gás na área, em B II RM • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 76
de calibração ou erro de local seguro dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
montagem válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamento no scrapper • Erro de operação • Alarme • Perda de produto no navio C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 77
lançador Z-102 • O óleo será captado nas equipamentos e linhas
bacias de contenção da área d
• Seguir programa de inspeção, manutenção e
processo, seguindo para o
teste dos sistemas de segurança (alarmes,
tanque de slop da unidade
sensores, válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 65/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Exportação De Óleo - Offloading
OBSERVAÇÕES: Inclui as linhas de exportação de óleo produzido e as
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
bombas P-001 A/B/C na operação de exportação e o scrapper lançador Z-102

06-PE0003A-5-2004 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Ruptura de tomada de • Choque mecânico ou • Alarme • Perda de produto no navio C II RB • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 78
instrumento perda da integridade física • Visual • Danos materiais equipamentos e linhas
ou mecânica • Seguir os procedimentos movimentação de cargas;
• Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem – • Alarme • Perda de produto no navio A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 79
juntas e conexões acoplamento incorreto ou • Visual equipamentos e linhas
desgaste do material • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
Ruptura do mangote de • Erro de operação – • PSLL com fechamento • Perda de produto no mar C III RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 80
transferência entre o FPSO realização da automático da XV • Danos materiais equipamentos e linhas
e o navio aliviador transferência foras das • Alarme • Parada de produção • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
condições estabelecidas • Visual dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
nos procedimentos para
válvulas etc)
realização do offloading
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela operação de exportação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 66/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Exportação De Óleo - Offloading
OBSERVAÇÕES: Inclui as linhas de exportação de óleo produzido e as
DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas
bombas P-001 A/B/C na operação de exportação e o scrapper lançador Z-102

06-PE0003A-5-2004 e Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Desconexão do • PSLL com fechamento • Perda de produto no mar Ver Hip 80 Ver Hip 80 Ver Hip 80 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 80
mangote de transferência automático da XV • Danos materiais Pág 65 / 78 Pág 65 / 78 Pág 65 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Ruptura do mangote de entre o FPSO e o navio • Alarme • Parada de produção • Seguir os procedimentos que garantam a
transferência entre o FPSO aliviador por desgaste do • Visual disponibilidade do sistema de coleta
e o navio aliviador material ou Erro de
operação – realização da • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
transferência foras das dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
condições estabelecidas válvulas etc)
nos procedimentos para • Seguir programa de treinamento para as situações
realização do offloading de emergência
• Acionar o Plano de Contingência da FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela operação de exportação
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN BC DATA Out/ 2006 FOLHA 67/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Estabilidade Da Plataforma FPSO

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
Perda de Estabilidade do • Colisão outra • Visual • Possibilidade de queda de C IV RM • Solicitar a inclusão das instalações em Cartas 81
FPSO embarcação • Radar equipamentos e produtos no Náuticas;
(embarcação de apoio, • Sonora mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
navio aliviador, etc.) • Alarme • Possibilidade de incêndio dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
• Possibilidade de lesões válvulas etc)
graves aos operadores • Seguir o procedimento de observar continuamente
• Possibilidade de queda de o radar
homem ao mar
• Seguir programa de treinamento para as situações
• Possibilidade de afundamento de emergência
da FPSO por ruptura do casco.
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO
• Danos materiais
• Parada de produção • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar.
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção e manutenção do


equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no equipamento
distribuição do lastro ou mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
carga • Possibilidade de queda de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
homem ao mar pressão, inundação a água etc)
• Possibilidade de tombamento • Seguir os procedimentos operacionais
ou adernamento da FPSO
• Registrar e investigar as causas do acidente
• Danos materiais
• Seguir programa de treinamento para as situações
• Parada de produção
de emergência
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
operadores
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN BC DATA Out/ 2006 FOLHA 68/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Estabilidade Da Plataforma FPSO

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 81 Ver Hip 81 Ver Hip 81 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 81
navio • Alarme no painel equipamentos e produtos no Pág 67 / 78 Pág 67 / 78 Pág 67 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda de Estabilidade do mar válvulas etc)
FPSO • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Acionar o Plano de Contingência do FPSO
da FPSO
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
• Danos materiais o produto atingir o mar.
• Parada de produção
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
monitoramento das mar válvulas etc)
condições do navio • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
• Consulta a Boletins homem ao mar de emergência
meteorológicos • Possibilidade de • Acionar o Plano de Contingência do FPSO
tombamento ou adernamento
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
do FPSO
o produto atingir o mar.
• Danos materiais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Parada de produção
causas do acidente

Perda de posição do • Falha estrutural do • Visual • Possibilidade de falha nos D IV RM • Cumprir procedimentos de inspeção, manutenção e 82
FPSO sistema de amarras risers, levando a perda de substituição periódica do sistema de amarras
produto (óleo + gás) • Adquirir correntes e amarras de fornecedores
• Perda de produto no mar certificados
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
• Parada de produção o produto atingir o mar
• • Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

OBSERVAÇÂO:
1. Os sistemas de ancoramento e amarração são
projetados com fatores de segurança para a proteção
dos risers e dos cabos de amarração
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN BC DATA Out/ 2006 FOLHA 69/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Estabilidade Da Plataforma FPSO

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Condições • Visual • Possibilidade de falha nos Ver Hip 82 Ver Hip 82 Ver Hip 82 • Cumprir procedimentos de inspeção, manutenção e 82
meteorológicas e de risers, levando a perda de Pág 68 / 78 Pág 68 / 78 Pág 68 / 78 substituição periódica do sistema de amarras (continuação)
Perda de posição do correntes marítimas produto (óleo + gás) • Adquirir correntes e amarras de fornecedores
FPSO severas • Perda de produto no mar certificados
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

OBSERVAÇÂO:
1. Os sistemas de ancoramento e amarração são
projetados com fatores de segurança para a proteção
dos risers e dos cabos de amarração

• Instalação incorreta • Visual • Possibilidade de falha nos • Cumprir procedimentos de inspeção, manutenção e
do cabo de amarração risers, levando a perda de substituição periódica do sistema de amarras
produto (óleo + gás) • Adquirir correntes e amarras de fornecedores
• Perda de produto no mar certificados
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

OBSERVAÇÂO:
1. Os sistemas de ancoramento e amarração são
projetados com fatores de segurança para a proteção
dos risers e dos cabos de amarração
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN BC DATA Out/ 2006 FOLHA 70/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Estabilidade Da Plataforma FPSO

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Excesso de tensão • Visual • Possibilidade de falha nos Ver Hip 82 Ver Hip 82 Ver Hip 82 • Cumprir procedimentos de inspeção, manutenção e 82
sobre as amarras risers, levando a perda de Pág 68 / 78 Pág 68 / 78 Pág 68 / 78 substituição periódica do sistema de amarras (continuação)
Perda de posição do produto (óleo + gás) • Adquirir correntes e amarras de fornecedores
FPSO • Perda de produto no mar certificados
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
• Cumprir procedimento de registro e investigação
das causas do acidente

OBSERVAÇÃO:

1. Os sistemas de ancoragem e amarração são


projetados com fatores de segurança para a proteção
dos risers e dos cabos de amarração.
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 71/78

INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
SISTEMA: Abastecimento de Óleo Diesel e Combustível

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
Ruptura do mangote de • Erro de operação – • Visual • Perda de produto no mar B III RM • Seguir os procedimentos operacionais 83
transferência de óleo diesel realização da • Danos materiais • Seguir programa de treinamento e atualização dos
e/ou óleo combustível entre transferência foras das operadores
o Barco de Apoio e o FPSO condições estabelecidas
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
nos procedimentos
equipamentos e linhas
relativos a transferência
de combustível • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente

• Desconexão do • Visual • Perda de produto no mar; • Seguir os procedimentos operacionais


mangote de transferência • Danos materiais • Seguir programa de treinamento e atualização dos
entre Barco de Apoio e o operadores
FPSO por desgaste do
• Seguir programa de inspeção e manutenção dos
material de engate ou erro
equipamentos e linhas
de operação – realização
da transferência foras das • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
condições estabelecidas dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
nos procedimentos válvulas etc)
relativos a transferência • Seguir programa de treinamento para as situações
de combustível de emergência
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 72/78

INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras
SISTEMA: Abastecimento de Óleo Diesel e Combustível

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES:

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
Vazamentos em válvulas, • Erro de montagem - • Visual • Perda de produto com A I RM • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 84
juntas e conexões acoplamento incorreto ou possibilidade de atingir o mar equipamentos e linhas
desgaste do material • Seguir os procedimentos que garantam a
disponibilidade do sistema de coleta
• Seguir programa de treinamento dos responsáveis
pela montagem e manutenção
• Seguir programa de inspeção manutenção e teste
dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
válvulas etc)
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Emergência Individual - PEI, se
o produto atingir o mar
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 73/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO UNIDADE DE PRODUÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras FASE
SISTEMA: Heliponto

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB. CONS. RISCO ACIDENTAL
Queda/ Colisão de • Choque com estruturas • Visual • Possibilidade de danos aos D III RB • Seguir os procedimentos de restringir o uso dos 85
helicóptero com o FPSO elevadas no FPSO equipamentos / estruturas na guindastes durante as operações de aterrissagem/
Unidade decolagem do helicóptero
• Seguir procedimento de contratação de mão de
• Possibilidade de obra qualificada
incêndio/explosão • Seguir procedimento que garanta que a empresa
contratada cumpra as normas de proteção ao vôo
• Possibilidade de queda do de aeronaves nas proximidades de embarcações
helicóptero no mar • Seguir programa de treinamento e atualização dos
operadores
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO
• Acionar o PEI, no caso de derramamento de óleo
no mar

•Condição de tempo • Visual • Possibilidade de danos aos • Seguir os procedimentos operacionais (atender as
adversa equipamentos / estruturas na condições climáticas limites)
Unidade • Seguir procedimento que garanta que a empresa
contratada cumpra as normas de proteção ao vôo
• Possibilidade de de aeronaves nas proximidades de embarcações
incêndio/explosão • Seguir programa de treinamento e atualização dos
operadores
• Possibilidade de queda do • Seguir programa de treinamento para as situações
helicóptero no mar de emergência
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Acionar o Plano de Contingência do FPSO
• Acionar o PEI, no caso de derramamento de óleo
no mar
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 74/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO BARCO DE SUPRIMENTO, NAVIO ALIVIADOR e NAVIO MENSAGEIRO FASE
SISTEMA: Estabilidade Das Embarcações

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES: Operações no entorno do FPSO

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
Perda da Estabilidade do • Colisão com outra • Radar • Possibilidade de queda de D IV RM • Seguir os procedimentos operacionais 86
Barco de Apoio embarcação • Alarme equipamentos e produtos no • Seguir o procedimento de observar continuamente
• Visual mar o radar
• Sonora • Possibilidade de queda de • Seguir procedimento de registro e investigação das
homem ao mar causas do acidente
• Possibilidade de incêndio
• Seguir programa de treinamento para as situações
• Possibilidade de afundamento de emergência
da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Danos materiais
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio

• Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção e manutenção dos
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no equipamentos e linhas
distribuição do lastro ou mar • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
carga • Possibilidade de queda de dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
homem ao mar pressão, inundação a água etc)
• Possibilidade de tombamento • Seguir programa de treinamento e atualização dos
ou adernamento da embarcação operadores
• Danos materiais
• Seguir procedimento de contratação de mão de
• Interrupção das operações da obra qualificada
embarcação
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 75/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO BARCO DE SUPRIMENTO, NAVIO ALIVIADOR e NAVIO MENSAGEIRO FASE
SISTEMA: Estabilidade Das Embarcações

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES: Operações no entorno do FPSO

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 86 Ver Hip 86 Ver Hip 86 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 86
navio • Alarme equipamentos e produtos no Pág 74 / 78 Pág 74 / 78 Pág 74 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda da Estabilidade do mar válvulas etc)
Barco de Apoio • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
da embarcação causas do acidente
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Interrupção das operações da
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
embarcação
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio

• Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
monitoramento das mar válvulas etc)
condições do navio • Possibilidade de queda de • Interromper operação caso as condições climáticas
• Consulta a Boletins homem ao mar sejam superiores à 8 na escala Beaufort
meteorológicos • Possibilidade de • Seguir programa de treinamento para as situações
tombamento ou adernamento de emergência
da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Danos materiais causas do acidente
• Interrupção das operações da
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 76/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO BARCO DE SUPRIMENTO, NAVIO ALIVIADOR e NAVIO MENSAGEIRO FASE
SISTEMA: Estabilidade Das Embarcações

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES: Operações no entorno do FPSO

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Choque mecânico p. ex. • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 86 Ver Hip 86 Ver Hip 86 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 86
queda de material, carga equipamentos e produtos no Pág 74 / 78 Pág 74 / 78 Pág 74 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda da Estabilidade do ou peça pesada (ex.: mar válvulas etc)
Barco de Apoio bombonas, tambores, • Possibilidade de queda de • Interromper operação caso as condições climáticas
cilindros de GLP etc) homem ao mar sejam superiores à 8 na escala Beaufort
• Possibilidade de • Seguir programa de treinamento para as situações
tombamento ou adernamento de emergência
da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Danos materiais causas do acidente
• Interrupção das operações da
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio

Perda da Estabilidade do • Colisão com outra • Radar • Possibilidade de queda de D IV RM • Seguir os procedimentos operacionais 87
Navio Aliviador embarcação • Alarme equipamentos e produtos no • Seguir o procedimento de observar continuamente
• Visual mar o radar
• Sonora • Possibilidade de queda de • Seguir procedimento de registro e investigação das
homem ao mar causas do acidente
• Possibilidade de incêndio
• Seguir programa de treinamento para as situações
• Possibilidade de afundamento de emergência
da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Danos materiais
• Interrupção das operações da • Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
embarcação • Acionar o Plano de Contingência do navio aliviador
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 77/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO BARCO DE SUPRIMENTO, NAVIO ALIVIADOR e NAVIO MENSAGEIRO FASE
SISTEMA: Estabilidade Das Embarcações

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES: Operações no entorno do FPSO

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Erro de operação ou • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 87 Ver Hip 87 Ver Hip 87 • Seguir programa de inspeção e manutenção dos 87
equipamento durante a • Alarme equipamentos e produtos no Pág 76 / 78 Pág 76 / 78 Pág 76 / 78 equipamentos e linhas (continuação)
Perda da Estabilidade do distribuição do lastro ou mar • Cumprir procedimento de movimentação de carga
Navio Aliviador carga • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
homem ao mar dos sistemas de segurança (alarmes, sensores de
• Possibilidade de tombamento pressão, inundação a água etc)
ou adernamento da embarcação
• Seguir programa de treinamento e atualização dos
• Danos materiais operadores
• Interrupção das operações da
• Seguir procedimento de contratação de mão de
embarcação
obra qualificada
• Seguir os procedimentos operacionais
• Seguir procedimento de registro e investigação das
causas do acidente
• Seguir programa de treinamento para as situações
de emergência
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência do navio aliviador

• Incêndio/ explosão no • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
navio • Alarme equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
mar válvulas etc)
• Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
homem ao mar de emergência
• Possibilidade de afundamento • Seguir procedimento de registro e investigação das
da embarcação causas do acidente
• Danos materiais • Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência do navio aliviador
ANÁLISE PRELIMINAR DE PERIGOS - APP

CLIENTE PETROBRAS – E&P UN-BC DATA Out/ 2006 FOLHA 78/78

OPERAÇÃO FPSO PETROJARL Cidade de Rio das Ostras


INSTALAÇÃO BARCO DE SUPRIMENTO, NAVIO ALIVIADOR e NAVIO MENSAGEIRO FASE
SISTEMA: Estabilidade Das Embarcações

DOCUMENTOS DE REFERÊNCIA Caracterização da Atividade/ EIA-RIMA ANALYTICAL SOLUTIONS, Memorial Descritivo, Fluxogramas OBSERVAÇÕES: Operações no entorno do FPSO

Caracterização da Atividade.

CAT. CAT. CAT HIPÓTESE


PERIGOS CAUSAS DETECÇÕES EFEITOS MEDIDAS PREVENTIVAS / MITIGADORAS
PROB CONS.. RISCO ACIDENTAL
(Continuação) • Condições de mar • Visual • Possibilidade de queda de Ver Hip 87 Ver Hip 87 Ver Hip 87 • Seguir programa de inspeção manutenção e teste 87
adversas • Equipamentos de equipamentos e produtos no Pág 76 / 78 Pág 76 / 78 Pág 76 / 78 dos sistemas de segurança (alarmes, sensores, (continuação)
Perda da Estabilidade do monitoramento das mar válvulas etc)
Navio Aliviador condições do navio • Possibilidade de queda de • Seguir programa de treinamento para as situações
• Consulta a Boletins homem ao mar de emergência
meteorológicos • Possibilidade de • Seguir procedimento de registro e investigação das
tombamento ou adernamento causas do acidente
da embarcação
• Interromper operação caso as condições climáticas
• Interrupção das operações da sejam superiores à 8 na escala Beaufort
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
• Danos materiais
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência do navio aliviador

Choque mecânico p. ex. • Visual • Possibilidade de queda de • Seguir programa de inspeção manutenção e teste
queda de material, carga equipamentos e produtos no dos sistemas de segurança (alarmes, sensores,
ou peça pesada mar válvulas etc)
• Possibilidade de queda de • Interromper operação caso as condições climáticas
homem ao mar sejam superiores à 8 na escala Beaufort
• Possibilidade de • Seguir programa de treinamento para as situações
tombamento ou adernamento de emergência
da embarcação
• Seguir procedimento de registro e investigação das
• Danos materiais causas do acidente
• Interrupção das operações da
• Acionar o Plano de Emergência da embarcação
embarcação
• Acionar o Plano de Emergência Individual – PEI
• Acionar o Plano de Contingência da embarcação
de apoio