Você está na página 1de 2

Externealidades -> falhas de mercado -> ineficiência

Def: Quando um sujeito ( singular ou plural ) pratica uma ação que provocará consequências no
bem-estar de terceiros que não participam na mesma ação.

Tipos de Externealidades:

i. positivas -> quem é beneficiado pela ação


ii. negativas -> quem é prejudicado pela ação

ii. externealidades negativas:


CUSTO
custo privado: quem participa na ação SOCIAL
custo provocado a terceiros: quem é prejudicado na ação.

Q mercado > Q óptimo

i. externealidades positivas:
VALOR
valor privado: valor dos agentes da ação SOCIAL
valor para terceiros: impacto para terceiros

Q mercado < Q óptimo

-> códigos morais / sanções sociais: estabelecem o comportamento da sociedade

-> TEOREMA DE COASE: caso entre as partes existam conflitos, não se pode esperar que o
Estado resolva-o por si só. Tem que haver um acordo entre as duas partes em que as mesmas
sejam beneficiadas.

-> Externealidade Política Pública:

Políticas de Comando e Controlo:

i. Regulamentação: Proíbe (relacionado com a externealidade negativa) ou obriga a fazer (


relacionado com a externealidade positiva)
ii. Licença de poluição: (licenças de controlo)

Políticas baseado no Mercado: + importante porque provoca mais eficiência


O estado dá liberdade de escolha, ou seja, a possibilidade de o fazer ou não.

i. Imposto de Pigou: (retira) específico para diminuir as externealidades negativas. Impostos que
sustentam as necessidades de cada um. Ex. tabaco
ii. Subsídio de Pigou: (atribui) especifico para aumentar as externealidades positivas. Subsídios
que geram estabilidade. Ex. subsídio para comprar um carro, casa, etc…
Tipos de Bens:

i. Bens Privados: está no mercado a um determinado preço, há interesse em vender e comprar


aquele bem.
ii. Bens públicos: oferecer as necessidades coletivas (ex. defesa nacional, educação, emprego) é
oferecido através do imposto.

Características:

a) concorrência: disponibilidade natural do bem. utilização de um bem por parte de alguém,


impede naturalmente a utilização desse mesmo bem por parte de terceiros.
b) Exclusão: Quando um sujeito (singular ou plural) pode impedir terceiros a utilização de um
bem.

Bens Públicos: N EXCLUÍVEL / N RIVAL -> imposto -> análise custo-benefício


Bens Privados: eXCLUÍVEL / RIVAL -> preço -> mercado

iii. Bens semi-públicos: EXLCUÍVEL / RIVAL / TAXA POLITICA SOCIAL ( há uma troca, não
negociável)

necessidade de satisfação ativa: (Ex. quero uma coisa tenho de ir adquiri-la ex. comida)
a) bem privado -> necessidades individuais
b) bem semi-público -> necessidades individuais com interesse coletivo

necesidades de satisfação passiva: (Ex. defesa nacional)


a) bem publico -> necessidades coletivas

iv. Recurso Comum: Dado maioritariamente pela natureza, ex. as praias, NÃO EXCLUÍVEL /
RIVAL (Ex. ar e água, aniamis selvagens)