Você está na página 1de 5

LOJAS AKI

COMO TRATAR
AKI Alverca AKI Gaia AKI Penafiel

JARDIM
Quinta da Verdelha E.N.10 Alverca Park Lugar da Barrosa CityPark Penafiel - Loja A
Alverca do Ribatejo Santa Marinha Rua do Tapadinho - Guilhufe
2610-501 Alverca 4400 Vila Nova de Gaia 4560-163 Penafiel
tel. +351 219 936 700

UM BONSAI
tel. +351 223 773 120 tel. +351 255 729 150
fax. +351 219 936 706
fax. +351 223 773 126 fax. +351 255 729 156

AKI Aveiro
Retail Park Aveiro , Lj. A e A1 AKI Guarda AKI Portimão
Zona Industrial da Taboeira Guarda Retail Park Retail Park de Portimão - Loja B
3800-055 Aveiro
tel. +351 234 305 380
VICEG – Quinta da Várzea
6300-653 Guarda
Vale de Arrancada, Chão das Donas
8500-473 Portimão
Saiba como tratar um bonsai.
fax. +351 234 305 386 tel. +351 282 490 220
tel. +351 271 210 810
fax. +351 271 210 816 fax. +351 282 490 226
AKI Braga
Vale de Lamaçães AKI Porto
AKI Guimarães
Lugar de Bretas
Rua Capitão Salgueiro Maia Estrada da Circunvalação, 13941-75
4700 Braga
tel. +351 253 240 080 Silvares 4100 Porto
fax. +351 253 240 086 4835-604 Guimarães tel. +351 226 165 860
Tel. +351 253 439 020 fax. +351 226 165 866
AKI Caldas da Rainha Fax. +351 253 439 026
City Park Caldas da Rainha AKI Santarém
Av. Infante Dom Henrique AKI Leiria Santarém Retail Park
2500-918 Caldas da Rainha Quinta do Pisão Quinta das Cegonhas,
tel. +351 262 889 680
Parceiros Rua O - Parque CNEMA
fax. +351 262 889 686
2400-473 Leiria 2000-471 Santarém
tel. +351 243 303 150
AKI Cascais tel. +351 244 850 650
fax. +351 244 850 656 fax. +351 243 303 156
Estrada Nacional N9
2645-544 Alcabideche
tel. +351 214 608 620 Lisboa - AKI Colombo AKI Setúbal
fax. +351 214 608 626 CC. Colombo, Lj. A003 Azeda de Baixo
Av. Lusíada São Sebastião
AKI Coimbra 2900-411 Setúbal
CC. Dolce Vita - Euro Stadium Loja 10 1500-392 Lisboa
tel. +351 217 110 750 tel. +351 265 528 470
Stº António dos Olivais fax. +351 265 528 476
fax. +351 217 110 756
3030-397 Coimbra
tel. +351 239 793 050
fax. +351 239 793 056 Lisboa - AKI Expo AKI Torres Vedras
Av. de Berlim, 10 Bairro de Arenes
AKI Évora 1800-038 Lisboa S. Pedro
Quinta do Alcaide tel. +351 218 540 880 2560-628 Torres Vedras
S. José da Ponte fax. +351 218 540 886 tel. +351 261 339 140
7005-312 Évora fax. +351 261 339 146
tel. +351 266 780 100
fax. +351 266 780 106
Lisboa - AKI Telheiras
CC. Continente, Lj. 41 AKI Viana do Castelo
Av. das Nações Unidas Estrada Nacional 203
AKI Faro
1600-528 Lisboa Lugar da Estação
Faro Shopping
Estrada Nacional 125, km 103 tel. +351 217 112 410 4935-238 Darque, Viana do Castelo
fax. +351 217 112 416 tel. +351 258 359 120
8005-145 Faro
tel. +351 289 870 530 fax. +3351 258 359 126
fax. +351 289 870 536 AKI Loures
CC. Continente de Loures, Lj. MS.1 AKI Viseu
AKI Funchal Av. da Bélgica
Estrada Nacional N250
Caminho do Poço Barral, 57 E.N. nº 2 - Km 170, 550
Santo Amaro Quinta Casal da Pipa
2670 Loures 3510-159 Viseu
9000-157 Funchal tel. +351 232 427 300
tel. +351 291 724 160 tel. +351 219 898 920
fax. +351 232 427 306
fax. +351 291 724 166 fax. +351 219 898 926

www.aki.pt
FERRAMENTAS

Exterior
Plantas de climas como o nosso ou mais frio, devem ser cultiva-
das no exterior todo o ano, em local que apanhem 2 a 3 horas de
sol directo por dia (ideal de manhã ou final do dia).
Ancinho espátula Tesoura de poda Tesoura de poda Alicate para cortar Alicate côncavo
para transplante para ramos finos para ramos arame Dupla localização
Espécies que devido à sua grande capacidade de adaptação tan-
to poderão viver no interior como no exterior.

Independentemente da sua localização todas deverão ser roda-


das 180º semanalmente, para crescerem uniformes.
Borrifador Regador para Peneira para Rede de drenagem Arame de
bonsai solo alumínio

3 A rega
As raízes dos Bonsai respiram, pelo que devemos deixar secar a

1 Introdução camada superficial do solo entre as regas, quando regamos de-


vemos fazê-lo abundantemente (até sair bastante água pelos
furos do vaso), sempre com um regador de ralos muito finos
(nunca por imersão); não deveremos deixar nenhum prato com
Bonsai é uma arte milenar oriental, com um forte lado espiritual água debaixo da planta pois apodrece as raízes.
e de respeito pela natureza, de fazer árvores e arbustos viverem
em vasos e adquirirem as formas das árvores na natureza. Para confirmarmos se a planta necessita de água, tocamos a ter-
Bonsai conjuga características horticulturais, técnicas de mode- ra com os dedos, a periodicidade entre regas varia ao longo do
lação e princípios estéticos específicos. ano e de planta para planta.
Os Bonsai são plantas extremamente fortes e saudáveis que vi-
vem tanto ou mais tempo que as árvores na natureza e só devem

4 Adubação
o seu tamanho às características anteriormente descritas.

2 Localização A época de adubação e vitaminar é de Fevereiro a Outubro/


Novembro. Nos Bonsai de interior devemos aplicar as vitaminas
todo o ano, o período ideal para colocar estes produtos é à noi-
As várias espécies de árvores que se adaptam a Bonsai podem apresentar 3 tipos de locali- te, guardando um intervalo mínimo, entre cada aplicação, de 48
zação diferentes: horas.

Interior
Plantas de climas tropicais e subtropicais que devem ser manti- Para além do adubo é recomendável aplicar uma vitamina de
das dentro de casa (pelo menos nos meses de Outono e Inverno), manutenção, a função desta é fortalecer a planta facilitando-lhe
devem ser cultivadas muito próximo de uma janela (máximo 40 o seu crescimento e ajudando-a a recuperar quando está debili-
cm), sem cortinas nem persianas, em que apanhem luz directa tada (após ataque de pragas ou fungos, no pós transplante, após
JARDIM

todo o dia, e 2 a 3 horas de sol directo por dia (ideal de manhã

jardim
sede, no Inverno nos Bonsai de interior, etc...), a vitamina não
ou final do dia). Deverão estar longe de correntes de ar ou calor substitui o adubo, complementa-o.
directo (ex. ar condicionado, aquecedor, lareira,...)
Os Bonsai são árvores, logo têm elevados requisitos nutricionais. Transformação
Para os alimentar devemos usar sempre adubos orgânicos com- Poda de ramos e pernadas mais grossos, tem como intuito mo-
pletos (que tenham macronutrientes e micronutrientes). Estes dificar a forma da planta, sendo as suas épocas ideais o Outono e
adubos podem ser líquidos ou sólidos, podem ser para uso no o inicio da Primavera. Usam-se diferentes tipos de alicates. Caso
solo e/ou foliar, devemos respeitar sempre, a dose e método de o corte tenha um diâmetro superior a 5 mm devemos colocar
aplicação. um cicatrizante. As ferramentas de Bonsai devem estar sempre
bem afiadas para fazer cortes perfeitos. Devemos desinfectar a
ferramenta, sempre, com álcool, antes e após as utilizações. Para
evitar que enferrujem podemos colocar um spray antiferrujem
na zona de corte, tendo o cuidado de o remover antes de usar.

5 Rega e adubo
A poda pode ser de manutenção ou transformação, a técnica a aplicar depende do tipo de 6 Transplante
folha da planta.

Manutenção O transplante em Bonsai consiste na remoção da terra velha, análise do estado de raízes, corte
Visa a manutenção da forma da planta, a redução do tamanho das folhas e o aumento da das raízes grossas estimulando o aparecimento de raízes novas (de captação) e de tempos a
densidade de folhas. tempos aumento do vaso.

Os vasos de Bonsai para além de formas específicas têm caracte-


Folhosas rísticas físicas e químicas próprias para o seu cultivo.
Corta-se por cima de uma folha, devolvendo a forma inicial da O transplante de Bonsai deve ser feito de 2 em 2 anos, em Feve-
planta. Usam-se tesouras e pode realizar-se todo o ano. reiro/Março nos de exterior e dupla localização, em Abril/Maio
nos de interior. Devemos utilizar sempre uma terra própria para
Bonsai, específica para a espécie que vamos transplantar e para
o nosso clima.

1.º Prepara-se o vaso novo, coloca-se a rede de drenagem no fun-


do do vaso e 2 arames (de alumínio) de sustentação através dos
Pinheiros
furos de drenagem para temporariamente prendermos a planta
Cortam-se os novos lançamentos do pinheiro (velas), na altu- (2 a 3 meses) evitando desta forma que ela se solte e abane.
ra em que eles crescem mas antes das agulhas se começarem
a alongar. Normalmente faz-se uma primeira poda em Março e
depois uma segunda em Maio/Junho. Usam-se as pontas dos
dedos.

2.º Peneira-se o solo removendo as partículas de pó (inferiores a


1 mm) que iriam interromper a drenagem do excesso de água.
Escamiformes No fundo do vaso colocam-se as partículas de solo maiores, o
(plantas que têm folhas como os Juniperus) restante solo é usado à volta da planta.
Cortam-se os novos crescimentos com as pontas dos dedos tor-
cendo (como que beliscando), se podarmos com tesouras as zo- 3.º Poda-se fortemente a planta para a equilibrar hidricamente
JARDIM

jardim
nas de corte secam. Pode realizar-se ao longo de todo o ano. no período pós transplante, devemos reduzir ao máximo o nú-
mero de folhas para evitar a desidratação, devemos eliminar to-
dos os gomos apicais e rebentos novos e, caso a poda não seja
suficiente, poderemos arrancar algumas das folhas mais velhas
da planta.
4.º Com uma espátula removemos o Bonsai do vaso velho, e
As épocas ideais para colocar arames são durante a Primavera e
com um escarificador e as mão começamos a “desmanchar” cui-
no início do Outono, de qualquer forma podem colocar-se todo
dadosamente o solo velho removendo-o e esticando as raízes,
o ano desde que se tenha cuidado ao dar a forma à pernada
(se necessário podemos usar um jacto de água forte para retirar
(principalmente no Inverno, que partem facilmente)..
toda a terra), após analisar as raízes devemos cortar as grossas
garantindo que ficam sempre raízes finas suficientes para tem-
A remoção dos arames deve ser sempre feita através do corte
porariamente alimentar a planta.
dos mesmos, com um alicate corta arame próprio para Bonsai,
que não marca a planta. Deve-se ir cortando o arame em vários
5.º Coloca-se a planta no vaso prende-se com os arames de sus- pontos sem o desenrolar, pois poderíamos partir a planta.
tentação e distribui-se a terra à sua volta, devemos com a ajuda
das pontas dos dedos garantir que não ficam espaços de ar entre
as raízes, não devemos pressionar a terra com muita força pois

8 Pragas e doenças
esmagaríamos as raízes novas.

6.º Após o transplante faz-se uma rega abundante com vitami-


na, se necessário, acrescenta-se mais terra e iniciam-se os cuida-
dos pós transplante. O transplante em si tem um risco reduzido
quando realizado em plantas saudáveis. É no pós transplante
Os Bonsai são atritos às mesmas pragas e doenças das restantes plantas. Normalmente a
que devemos ter muita atenção.
maioria das pragas e doenças, quando combatidas a tempo e em plantas saudáveis conse-
guem-se solucionar. Deve-se ter especial atenção ao Bonsai e aos cuidados anteriormente
Cuidados pós transplante (mínimo 30 dias) descritos.

• Não adube, aumente a dose de vitamina. Os sintomas comuns são alterações de cor e forma das folhas, diminuição do consumo de
• Coloque a planta protegida de sol directo (mas com bastante água e do crescimento da planta sem motivo aparente, pequenos insectos que se deslocam
luz) e de ventos fortes. em torno da planta nas suas folhas (principalmente por baixo) ou, no solo.
• Redobre a atenção com a rega evitando falta ou excesso.
Existem produtos próprios para Bonsai que têm acção de largo espectro contra estas pra-
gas, devemos respeitar sempre as recomendações do produtor, aplicando o produto com a
planta bem regada mas com as folhas secas e não a expor ao sol directo após a aplicação.

7 Modelação
Sempre que um Bonsai está doente, interrompemos a adubação e aumentamos a dose de
vitamina até à sua total recuperação.

Os Bonsai são modelados através da poda e da colocação de ara-


mes. Só se devem utilizar arames de alumínio específicos para
Bonsai (a ferrugem e oxidação de outros materiais é tóxica para
Bonsai). Os arames devem ser colocados ao longo da época de
crescimento e permanecer na planta o tempo suficiente até ela
adquirir a forma desejada. Caso comecem a marcar a planta de-
vemos removê-los e colocar outros no seu lugar.

O arame utilizado deve ser de uma resistência ligeiramente su-


perior à da pernada a modelar. Numa pernada podemos usar
JARDIM

jardim
diferentes arames consoante a espessura. Os arames são enro-
lados em torno da pernada, em ângulos de 45º, junto à casca da
planta sem a ferir.
9 Épocas de realização de técnicas
de bonsai
JARDIM

jardim

Interesses relacionados