Você está na página 1de 3

O poder da graça na família

Efésios 2:4-9

4 Mas Deus, que é riquíssimo em misericórdia, pelo seu muito amor com
que nos amou,
5 Estando nós ainda mortos em nossas ofensas, nos vivificou juntamente
com Cristo (pela graça sois salvos),
6 E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares
celestiais, em Cristo Jesus;
7 Para mostrar nos séculos vindouros as abundantes riquezas da sua
graça pela sua benignidade para conosco em Cristo Jesus.
8 Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós,
é dom de Deus.
9 Não vem das obras, para que ninguém se glorie;
10 Porque somos feitura sua, criados em Cristo Jesus para as boas
obras, as quais Deus preparou para que andássemos nelas.

A salvação é pela graça!

Não só a salvação da nossa alma, mas a salvação dos nossos sonhos, planos, família
e projetos!

A vida precisa de graça!

A graça é uma grande carência na sociedade

Não é de hoje... desde os tempos bíblicos, podemos ver o que a falta de graça no
lar pode gerar.

Quando há carência, nascem deficiências e suas consequências


 Relacionamentos quebrados
 A instituição da família enfraquecida
 Pais, filhos e irmãos se tornam inimigos
 Sociedade doente e adoecendo
 Pessoas profundamente amarguradas e feridas
1
A Bíblia traz exemplos de famílias vivendo debaixo da graça e de famílias
sem ela...

A indiferença – Davi e Absalão - 2Sm 14:28-33, 18:31-33

II SAMUEL 14
24 E disse o rei: Torne para a sua casa, e não veja a minha face. Tornou, pois,
Absalão para sua casa, e não viu a face do rei.
28 Assim ficou Absalão dois anos inteiros em Jerusalém, e não viu a face do
rei.

II SAMUEL 14

31 E eis que vinha Cusi; e disse Cusi: Anunciar-se-á ao rei meu SENHOR que hoje o
SENHOR te vingou da mão de todos os que se levantaram contra ti.
32 Então disse o rei a Cusi: Vai bem com o jovem, com Absalão? E disse Cusi:
Sejam como aquele jovem os inimigos do rei, meu senhor, e todos os que se
levantam contra ti para mal.
33 Então o rei se perturbou, e subiu à sala que estava por cima da porta, e
chorou; e andando, dizia assim: Meu filho Absalão, meu filho, meu filho, Absalão!
Quem me dera que eu morrera por ti, Absalão, meu filho, meu filho!

Davi não agiu com graça diante de Absalão. Não o abraçou, não disse que o amava...
Davi deu a Absalão o maior inimigo da graça: a indiferença
E a indiferença deu a Davi o pior dos seus inimigos: seu filho Absalão
 Deus não foi indiferente conosco!
 Ele trata com o homem!
 Ele nos disciplina porque nos ama!
 Ele ampara!

A tolerância – José e Maria quando esqueceram Jesus no templo – Lc 2:41-48


José e Maria não ficaram colocando a culpa um no outro.

LUCAS 2
49 E ele lhes disse: Por que é que me procuráveis? Não sabeis que me convém tratar
dos negócios de meu Pai?
50 E eles não compreenderam as palavras que lhes dizia.
51 E desceu com eles, e foi para Nazaré, e era-lhes sujeito. E sua mãe guardava no seu
coração todas estas coisas.
52 E crescia Jesus em sabedoria, e em estatura, e em graça para com Deus e os homens.
2
 Quantas famílias perdidas procurando responsáveis quando deveriam se juntar e
lutar juntos pelo sucesso do casamento!
 Quantas vidas tem sido feridas por causa da intolerância!
 Porque pensa diferente; Porque possui gostos diferentes; Porque falhou;

O pai do filho pródigo não se importou com o dinheiro que o filho gastou porque
estava feliz pelo retorno do seu filho – Lc 15:21-24

 Coisas existem para serem usadas; vidas para serem amadas!


 Coisas não são mais importantes que pessoas!

O que precisamos saber sobre a graça?

1. A graça é um grande desafio!

Para o homem carnal é muito difícil praticar a graça de Deus.

 Amar é uma atitude da graça!

2. A graça provém de Deus!


Deus nos dá a graça comum e a graça salvadora!
 A graça comum
Foi derramada sobre todas as pessoas, independente da sua fidelidade a Deus.
 A graça salvadora
É concedida aqueles que se arrependeram de seus pecados e creram em Cristo.

Nós não merecemos nenhuma delas, mas nos é oferecida diariamente.


Talvez a pessoa em nossa casa de fato não mereça a nossa bondade, mas como
imitadores de Deus, nós vamos dá-la!

3. A graça é fonte de benção na família!


 A graça gera cura - “Um dia estava brigado com meu pai e ele me deu um tênis...
eu não merecia, mas aquilo me levou de volta a ele.”
 A graça gera prazer de estar perto
 A graça gera laços além dos de sangue
 Restaura relacionamentos falidos
 Criar um ambiente de aceitação e segurança

4. A graça pode ser praticada!

Como praticar a graça de Deus?


 Sendo mais tolerante para com o defeito do outro
 Se colocando no lugar do outro (Empatia)
 Tratar as pessoas melhor do que elas merecem
 Tratar as pessoas melhor do que você espera ser tratado