Você está na página 1de 2

28/11/2017 BDQ Prova

DAIANE DE QUEIROZ MATOS


Voltar
201403429091 MOREIRA CAMPOS

DIREITO FINANCEIRO E TRIBUTÁRIO I

Simulado: CCJ0030_SM_201403429091 V.1

Aluno(a): DAIANE DE QUEIROZ MATOS Matrícula: 201403429091


Desempenho: 0,5 de 0,5 Data: 24/10/2017 20:48:19 (Finalizada)

1a Questão (Ref.: 201404059204) Pontos: 0,1 / 0,1

Assinale a opção que corresponda à corrente doutrinária majoritária quanto à natureza jurídica do crédito público:

contrato de direito administrativo


ato legislativo
contrato de direito privado
lei formal, mas seu conteúdo é de ato administrativo
ato de soberania

2a Questão (Ref.: 201403555579) Pontos: 0,1 / 0,1

A Lei de Responsabilidade Fiscal estabelece como requisitos essenciais da responsabilidade na gestão fiscal a
instituição, previsão e efetiva arrecadação de todos os tributos da competência constitucional do ente da Federação
(art. 11). Em relação a essa previsão legal, é correto afirmar que:

o Município, ente da Federação, não pode receber transferências voluntárias da União se se omite na
arrecadação de suas taxas.
o Município não pode receber transferências voluntárias se não institui taxas sobre a prestação de serviços
de transporte ocorrida em seu território.
o Município não pode receber transferências voluntárias se não prevê a arrecadação do imposto sobre
transmissão inter vivos de bens imóveis.
a renúncia de receita é vedada na Lei de Responsabilidade Fiscal.
o Município, ente da Federação, não pode receber transferências voluntárias se não prevê a arrecadação do
imposto sobre a propriedade territorial rural.

3a Questão (Ref.: 201403727088) Pontos: 0,1 / 0,1

Com a gradativa evolução das despesas públicas, para atender às mais diversas necessidades coletivas, tornou-se
imprescindível ao Estado lançar mão de uma fonte regular e permanente de recursos financeiros. Assim, assentou-
se sua força coercitiva para a retirada parcial das riquezas dos particulares, sem qualquer contraprestação. Dessa
forma, o tributo, passou a ser a principal fonte dos ingressos públicos, necessários ao financiamento das atividades
estatais, chegando aos dias de hoje ser obrigatório o pagamento de tributos por meio de lei. No Brasil, de acordo
com a Lei n. 4.320/64, a receita pública arrecadada com os tributos pode ser classificada como:

receita de capital.
transferência corrente.
receita corrente.

http://simulado.estacio.br/alunos/ 1/2
28/11/2017 BDQ Prova
transferência de capital
receita patrimonial.

4a Questão (Ref.: 201404231556) Pontos: 0,1 / 0,1

Escolha a alternativa que não tem erro.

O Tribunal de Contas é órgão auxilia do Poder Legislativo.


A matéria financeira (Normas Gerais), sobre finanças públicas, dívida pública e fiscalização financeira, deve
ser regulada, obrigatoriamente, por Lei Complementar (CF/88).
Não existe controle externo de contas públicas.
O Tribunal de Contas é órgão AUXILIAR do Poder Executivo ao qual compete o controle INTERNO.
O controle Interno é exercido por toda a sociedade com auxílio do Tribunal de Contas.

5a Questão (Ref.: 201403733305) Pontos: 0,1 / 0,1

Assinale a alternativa INCORRETA:

As receitas derivadas são aquelas decorrentes da exploração patrimonial e realização de atividade


empresarial pelo Estado.
Receita pública e ingressos públicos não são sinônimos.
A atividade financeira do Estado tem caráter instrumental.
Despesas correntes são aquelas necessárias à execução dos serviços públicos, sendo, assim, verdadeiras
despesas operacionais e economicamente improdutivas.
São elementos da atividade financeira do estado: despesa, receita, orçamento e crédito público.

http://simulado.estacio.br/alunos/ 2/2