Você está na página 1de 19

GRUPO DE ORAÇÃO

SANTA MÔNICA
Pais e mães que rezam pelos filhos
BIOGRAFIA DE SANTA MÔNICA

Santa Mônica nasceu no norte da África, em Tagaste, no ano


332 depois de Cristo, numa família cristã, casando-se, porém, com um
jovem pagão, que se chamava Patrício. Como boa cristã, Mônica
preocupava-se com a conversão de sua família. Tinha três filhos, dois
dos quais já convertidos; faltavam, porém, o esposo rude e violento, e
o filho mais velho, Agostinho, que tinha sólida formação intelectual,
procurava ardentemente a verdade, mas se recusava a aceitar Jesus
Cristo, perdendo-se em falsas doutrinas filosóficas e religiosas da
época, como o maniqueísmo.
No entanto, Mônica não desistia, animada pelos conselhos de
seu diretor espiritual, Santo Ambrósio, bispo de Milão, que lhe dissera
certa vez: “Continue a rezar, pois é impossível que se perca um filho
de tantas lágrimas”. Foi muito difícil o seu caminho, cheio de ultrajes
e sofrimentos, até que finalmente pôde ver a conversão e o batismo
tanto de seu esposo, quanto do seu filho (Agostinho se tornaria Bispo,
santo e doutor da Igreja, autor de obras teológicas que figurariam entre
as mais importantes do catolicismo).
Depois da conversão de Agostinho, aos 33 anos, ela pôde
finalmente confessar ao filho: “Uma única coisa me fazia desejar viver
ainda um pouco: ver-te cristão antes de morrer”. Deus atendeu o seu
pedido: logo depois de ver cumprida a sua missão, morreria no dia 27
de agosto de 387, data em que a Igreja comemora o seu nascimento
para o Céu. Santo Agostinho escreveria, em suas “Confissões”: “Ela
me gerou seja na sua carne, para que eu visse a luz do tempo, seja com
o seu coração, para que eu nascesse à luz da eternidade”.
Senhor, quem entrará no santuário pra te louvar?
Quem tem as mãos limpas e o coração puro,
Quem não é vaidoso e sabe amar.

(Salmo 14)

ORAÇÕES

I - INVOCAÇÃO AO ESPÍRITO SANTO

Vinde, Espírito Santo,


Enchei os corações dos vossos fiéis,
E acendei neles o fogo do vosso Amor,
Enviai o vosso Espírito,
E tudo será criado e renovareis a face da terra.
Oremos:
Ó Deus, que instruístes os corações dos vossos fiéis
Com a luz do Espírito Santo,
Fazei que apreciemos retamente todas as coisas,
Segundo o mesmo Espírito,
E gozemos sempre da sua consolação.
Por Cristo, Senhor Nosso. Amém.

II - VINDE, ESPÍRITO CRIADOR

Vinde, Espírito Criador,


A nossa alma visitai
E enchei os corações
Com vossos dons celestiais.
Vós sois chamado
O Intercessor de Deus,
Excelso dom sem par,
A fonte viva, o fogo, o amor,
A unção divina e salutar.
Sois o doador dos sete dons
E sois poder nas mãos do Pai,
Por Ele prometido a nós.
Por nós, seus feitos proclamai,
A nossa mente iluminai,
Os corações enchei de amor,
Nossa fraqueza encorajai,
Qual força eterna e protetora.
Nosso inimigo repeli,
Concedei-nos a Vossa paz.
Se pela graça nos guiais,
O mal deixamos para traz.
Ao Pai e ao Filho Salvador,
Por vós possamos conhecer;
Que procedeis do seu amor,
Fazei-nos sempre firmes crer. Amém.
Louvemos a Deus Pai e a seu Filho,
Que ressuscitou dos mortos,
E ao Espírito Paráclito,
Agora e pelos séculos sem fim. Amém.

“TUDO PODE SER MUDADO PELA FORÇA DA ORAÇÃO”


(Santa Mônica de Tagaste)

III - ORAÇÃO A SANTA MÔNICA (1)

Ó Senhor, que confortastes a Mônica em suas provas, confortai a


quantos sofrem de solidão e abandono em nossa sociedade, roguemos ao
Senhor.
Ó Senhor, que trocastes em gozo as lágrimas de Mônica, concedei-nos
que jamais contristemos a ninguém, senão que mais bem sejamos causa de
alegria para nossos irmãos, roguemos ao Senhor.
Ó Senhor, que confortastes a Mônica em suas orações pela conversão
de seu filho, ajudai-nos a não desesperar no tempo de prova, senão a pôr nele
toda nossa esperança, roguemos ao Senhor.
Ó Senhor, que concedestes a Santa Mônica superar com fortaleza as
dificuldades de seu matrimônio, concedei-nos a todos os cônjuges, que têm
dificuldades, que saibam oferecer-se mutuamente consolo, roguemos ao
Senhor.
Ó Senhor, que quisestes que Santa Mônica fosse modelo de virtudes
na vida familiar, olhai a todas as mães do mundo, para que sempre saibam
conduzir a seus filhos para vós, roguemos ao Senhor.
Ó Senhor, nossa mãe Santa Mônica que, em seu leito de morte, pedira
aos seus que a recordassem diante de vosso altar, aceitai as orações de nossas
comunidades por nossos irmãos e irmãs falecidos, roguemos ao Senhor.

IV - ORAÇÃO A SANTA MÔNICA (2)

Ó Santa Mônica, que pela oração e pelas lágrimas alcançastes de Deus


a conversão de vosso filho transviado, depois santo, Santo Agostinho, olhai
para o meu coração amargurado pelo comportamento do meu filho
desobediente, rebelde e inconformado, que tantos dissabores causou ao meu
coração e a toda a família. Que vossas orações se juntem às minhas, para
comover o bom Deus, a fim de que ele faça meu filho cair em si e voltar ao
bom caminho. Santa Mônica, fazei que o Pai do Céu chame de volta à casa
paterna o filho pródigo. Dai-me esta alegria e eu serei sempre agradecido.
Santo Agostinho, rogai por nós! Santa Mônica, atendei-me! Amém.

V - ORAÇÃO A SANTA MÔNICA (3)

Santa Mônica, esposa e mãe exemplar: Tu que experimentaste as


alegrias e as dificuldades da vida conjugal; tu que conseguiste levar à fé teu
esposo Patrício, homem de caráter desregrado e irascível; tu que choraste
tanto e oraste dia e noite por teu filho Agostinho, e não o abandonaste,
mesmo quando te enganou e fugiu de ti. Intercede por nós, ó grande Santa,
para que saibamos transmitir a fé em nossa família; para que amemos
sempre e realizemos a paz. Ajuda-nos também a gerar nossos filhos à vida da
Graça. Conforta-nos nos momentos de tristeza e alcança-nos da Santíssima
Virgem, Mãe de Jesus e Mãe nossa, a verdadeira paz e a Vida Feliz.
Santa Mônica, rogai por nós! Amém.

VI - ORAÇÃO A SANTA MÔNICA (4)


(Pelo filho afastado de Deus)

(Em nome do Pai). Sob o peso do meu fardo, volto-me a Ti, querida
Santa Mônica. E peço a tua ajuda e intercessão, desde o teu lugar no Céu, e
imploro que ores pelo meu filho *, que perdeu a fé em tudo que tentamos lhe
ensinar. Eu sei, querida Santa Mônica, que nossos filhos não pertencem a
nós, mas a Deus, e que Deus permite, muitas vezes, que eles se percam, para
que isso seja parte da sua caminhada em direção a Ele.
Seu filho, Agostinho, também se perdeu, mas encontrou a fé e passou
a acreditar, tornando-se nessa crença um verdadeiro professor. Ajuda-me,
portanto, a ter paciência e acreditar que todas as coisas, inclusive longe da
fé, acontecem de acordo com os propósitos de Deus. Por causa da alma de
meu filho, oro para compreender e nisto confiar.
Santa Mônica, por favor, ensina-me a persistir fielmente na oração,
como tu fizeste pelo bem do teu filho. Inspira-me, para que eu me comporte
de maneira a não afastar o meu filho de Cristo, mas o conduza gentilmente
em direção à Sua luz maravilhosa. Ensina-me o que sabes sobre esse
mistério de separação, reconciliação e reorientação de nossos filhos para o
Céu.
Ó Santa Mônica, que amas a Cristo e a Sua Igreja, roga por mim e
meu filho (...), para que ganhemos o Céu e nos juntemos a ti, oferecendo um
constante agradecimento e louvor a Deus.
Santa Mônica, rogai por nós! (Em nome do Pai)

VII - ORAÇÃO AO BOM PASTOR

Senhor,
Tu chamas pelo nome cada um de nossos filhos,
Tu o "pastor-modelo" que conheces Tuas ovelhas.
Para Ti, eles não são indivíduos perdidos na massa.
São pessoas únicas e diferentes, cada um com sua riqueza própria.
Quando vieste para o meio dos homens, foi cada pessoa que quiseste
chamar.
Teu amor não abrange somente a humanidade. Ele se dirige a cada um
de nós.
Cada um é escolhido, amado pelo que é, desejado por Teu coração.
Tu conheces nossos filhos a fundo, muito melhor do que nós mesmos
os conhecemos.
Tu os segues com Teu olhar.
E, mesmo constatando suas faltas, suas deficiências, Tu os estimas,
apesar de tudo.
Tens confiança em cada um deles, na graça que lhes dás e que os faz
te seguir.
Tu os chamas, sem cessar, murmurando seus nomes com Tua voz
misteriosa.
Faze-os perceber Teu amor, quando pronunciares seus nomes,
E que cada um deles siga o Teu chamado.
Obrigado Senhor!

VIII - ORAÇÃO AOS SANTOS ANJOS DA GUARDA DE


NOSSOS FILHOS

“Aos Seus Anjos Ele mandou que te guardem em todos os teus


caminhos” (Salmo 91, 11)

Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,


seus conselheiros, inspirai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus defensores, protegei-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus fiéis amigos, pedi por eles.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus consoladores, fortificai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus irmãos, defendei-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus mestres, ensinai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
testemunhas de todas as suas ações, purificai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus auxiliares, amparai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus intercessores, falai por eles.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
seus guias, dirigi-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
sua luz, iluminai-os.
Santos Anjos da guarda dos nossos filhos*,
a quem Deus encarregou de conduzi-los, governai-os.
Santos Anjos do Senhor, zelosos guardiões de nossos filhos*,
Já que a vós lhes confiou a piedade divina,
Sempre os rejam, os guardem, os governem e os iluminem. Amém!
Glória ao Pai, ao Filho e ao Espírito Santo, como era no princípio,
agora e sempre. Amém!

IX - DEVOTAS INVOCAÇÕES AO ANJO DA GUARDA

Senhor, tende piedade de nós.


Cristo, tente piedade de nós.
Senhor, tende piedade de nós.
Cristo, ouvi-nos.
Cristo, atendei-nos.
Deus Pai celeste, tende piedade de nós.
Deus Filho, Redentor do mundo, tende piedade de nós.
Deus Espírito Santo, tende piedade de nós.
Santíssima Trindade, que sois um só Deus, tende piedade de nós.
Santa Maria, Rainha dos Céus, rogai por nós.
Santo Anjo, meu Guardião,
Santo Anjo, meu protetor em todos os perigos,
Santo Anjo, minha defesa em todas as aflições,
Santo Anjo, meu mais fervoroso amante,
Santo Anjo, meu preceptor,
Santo Anjo, meu guia,
Santo Anjo, testemunha de todas as minhas ações,
Santo Anjo, meu ajudante em todas as minhas dificuldades,
Santo Anjo, meu advogado,
Santo Anjo, amante da castidade,
Santo Anjo, amante da inocência,
Santo Anjo, mais obediente a Deus,
Santo Anjo, diretor de minha alma,
Santo Anjo, modelo de pureza,
Santo Anjo, modelo de doçura,
Santo Anjo, meu conselheiro na dúvida,
Santo Anjo, meu guardião pela vida,
Santo Anjo, meu escudo na hora da morte.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
Perdoai-nos Senhor!
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
Atendei-nos, Senhor.
Cordeiro de Deus, que tirais o pecado do mundo,
Tende piedade de nós.
Oremos:
Ó Senhor, que com indizível providência concordastes em enviar
Vossos Anjos para ser nossos Guardiões, profundamente agradecidos nós
Vos suplicamos a graça de poder ser sempre defendidos por sua proteção e
participar de sua eterna companhia, por Jesus Cristo, Vosso Filho, Nosso
Senhor, que vive convosco e reina na unidade do Espírito Santo, por todos os
séculos dos séculos. Amém.

X - ORAÇÃO PELA PROTEÇÃO DOS FILHOS

Meu Deus e Senhor, Vós sois o Criador e o Pai verdadeiro dos meus
filhos;
Eles Vos pertencem; por isso eu Vo-los ofereço, e Vos peço que os
abençoeis,
Quando eu os abençoo em Vosso Nome.
Não peço riqueza para eles,
Mas somente o que é necessário para viverem honradamente.
Peço-Vos que imprimais neles um verdadeiro horror ao pecado;
Que os afasteis de todo o mal;
Que os preserveis do contágio do mundo,
Dando-lhes sentimentos nobres, cristãos, sinceros e simples
E que os inundeis com Vosso Amor.
A todas essas graças, peço-Vos que acrescenteis a de viverem longos
anos de vida,
Sendo fiéis aos Vossos Mandamentos.
Tenha eu a consolação, Senhor, de ver meus filhos em torno do meu
leito,
De lhes dar a última bênção e de os tornar a ver no céu em Vossa
companhia,
Por toda a eternidade. Amém.

XI - PELA CURA DAS GERAÇÕES

Em Nome do Senhor Jesus Cristo, eu louvo o meu Pai Celestial,


Porque Ele me confiou * como meu filho,
eu aceito todas as responsabilidades que advierem dessa paternidade
(maternidade).
Em vista disso, e sabendo que meus filhos
Foram resgatados pelo Sangue do Senhor Jesus Cristo,
Aqui e agora repudio todos os pecados das gerações passadas de *.
Em Nome do Senhor Jesus Cristo, eu neutralizo toda operação
demoníaca
Que possa estar influenciando meus filhos, vinda de seus
antepassados.
Decididamente, e com autoridade de batizado,
Renuncio a Satanás e a todos os seus seguidores.
Eu cubro os meus filhos com a proteção do Sangue do Senhor Jesus
Cristo
E com a obra do Espírito Santo.
Investido dessa autoridade, estando unido ao Senhor Jesus,
Repudio todo e qualquer caminho através do qual Satanás
Possa reivindicar seu senhorio sobre meus filhos.
Derrubo toda a cegueira que Satanás possa ter colocado sobre os olhos
deles
Para evitar que entendam as verdades espirituais,
E assim possam crescer no amor e no serviço a Jesus Cristo, Nosso
Senhor e Salvador.
Na condição de pai (mãe) eu quero, neste momento, em Nome de
Jesus Cristo,
E na presença de Deus Pai e do Divino Espírito Santo,
Anular toda ação demoníaca na vida de meus filhos,
E retomar todo espaço que possa haver sido concedido ao Maligno por
seus antepassados.
Eu reivindico esse espaço em Nome de Jesus Cristo, pela Sua
vitoriosa Obra Redentora,
E para que Satanás nenhuma influência tenha sobre meu filho,
Eu os cubro com o preciosíssimo sangue de Jesus.
Tudo isto, ó Pai, eu faço em Nome e pela autoridade do senhor Jesus
Cristo,
Para que eles aceitem em suas vidas somente
O que vier através da Cruz e da Graça de Deus.
Pai Nosso. Três Ave-Marias. Glória ao Pai.
Jesus Maria e José, nossa família vossa é!
XII - ORAÇÃO DAS MÃES CRISTÃS PELA FÉ DOS FILHOS

Senhor, nosso Pai, fonte de toda vida, somos mães cristãs. Com vossa
benção, e a cooperação de nossos maridos, trouxemos nossos filhos à luz
deste mundo passageiro. Mas nossa missão não termina com o nascimento
dos filhos: queremos também gerá-los para a vida eterna. Para que o
consigamos, insistimos com a mesma devoção e constância de Santa
Mônica, repetindo esta súplica:
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai!
Como Santa Mônica, guiemos nossos filhos a vós com nossa própria
vida decididamente cristã a cada dia:
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai.
Que nos esmeremos em conseguir a plena cooperação de nossos
esposos em semear e consolidar a fé dos filhos:
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai!
Como Santa Mônica, tratemos bem a nossos filhos e procedamos em
todas as circunstâncias com doce serenidade, autoridade e amor.
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai!
Que estejamos atentas à evolução do caráter de nossos filhos e aos
diversos ambientes em que se passa boa parte de sua vida:
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai!
De tal modo comuniquemos a fé a nossos filhos, que eles se
disponham a vivê-la e transmiti-la aos demais:
— Ajudai-nos, Senhor, nosso Pai!
Sejamos generosas colaboradoras de sua vocação, se brotar em algum
de nossos filhos ou filhas o germe da consagração religiosa ou sacerdotal:
— Ajudai-nos, Senhor nosso Pai!
Que transmitamos a nossos filhos o conhecimento e o amor à Diocese
e à Paróquia em que vivemos, e lhes ensinemos a colaborar nas tarefas
apostólicas das mesmas:
— Ajudai-nos, Senhor nosso Pai!
Se algum filho nosso se desviar do bom caminho, que saibamos cercá-
lo de amor, orações e conselhos, até conseguir seu retorno à fé e à prática
religiosa:
— Ajudai-nos, Senhor nosso Pai!
Que nos interessemos pelas necessidades de outras mães, e no trato
com elas, despertemos sua responsabilidade cristã e consigamos integrá-las à
vida da Igreja:
— Ajudai-nos, Senhor nosso Pai!
XIII - ORAÇÕES À NOSSA SENHORA DA CONSOLAÇÃO

I - Virgem Maria, mãe da consolação, que consolaste Santa Mônica


dando-lhe a imensa alegria de ver como o Espírito Santo transformava a
inteligência e o coração de seu filho Agostinho tornando-o cristão; sê
também nosso consolo. Dá-nos a alegria de ver nossos filhos firmes e felizes
na prática da fé que em suas almas semeamos desde que os concebemos em
nosso ser. E se algum se desviar, dá-nos, Mãe nossa, a alegria de vê-lo
retornar à fé, e assim poder alegrar-nos na realização plena de nossa vocação
de mães cristãs. Amém.

II - Santa Maria, Mãe de Deus, roga pelas mães abandonadas, pelas


mães sofridas, roga pelos filhos sem família, pelos órfãos sem amor. Maria,
Mãe de Deus, foste escolhida para trazer Jesus ao mundo. Ajudai a todas as
mães a cuidar dos seus filhos, a amá-los e ajudá-los a ver em si a luz de
Cristo a cada dia. Amém.

XIV - ORAÇÃO A SANTO AGOSTINHO

Bem-aventurado pai Santo Agostinho, chegaste à fé pela oração de tua


Bendita mãe Santa Mônica. Acreditavas, e assim o ensinavas, que uma mãe
cristã só realiza plenamente sua missão, quando consegue pôr seus filhos nas
mãos de Deus e no seio da Igreja católica. Pedimos que atenda nossas
súplicas em favor de nossos filhos e netos, para que os ajudemos a viver na
verdade. E se chegarem a se desviar de nossa fé, os façamos voltar ao bom
caminho.
Glorioso Santo Agostinho que, uma vez convertido, te consagraste ao
serviço divino como religioso e ao serviço da Igreja, como sacerdote e bispo,
alcança-nos de nosso Deus e Pai que, se algum de nossos filhos ou filhas
sentir-se chamado à vida sacerdotal ou religiosa, o ajudemos em sua decisão
e em sua fidelidade ao chamado.
Por Jesus Cristo, Nosso Senhor. Amém.

XV- ORAÇÃO DO DESEMPREGADO

Jesus, abre-me uma porta!


Senhor, atende este clamor que brota do mais íntimo do meu coração:
"Abre-me uma porta!".
Só tu conheces, Jesus, o momento de dificuldade
Que eu e toda minha família estamos passando por causa do
desemprego.
Tu sabes também, Senhor, com quanta esperança eu me aproximo de
Ti
Para pedir que vás à minha frente, abrindo uma porta,
E preparando-me um emprego, para que eu possa, por meio de um
trabalho digno,
Dar à minha família "o pão nosso de cada dia".
"Porque Vós sois, Ó Meu Deus, minha esperança..." (Salmo 7, 5)
Peço ainda que me concedas todo ânimo, confiança, destemor e
fortaleza
Para sair de minha casa em busca deste trabalho,
Na certeza de que tuas mãos baterão nestas portas antes de mim,
Preparando a minha entrada num emprego, segundo a tua vontade.
Confiando inteiramente na Tua Palavra, que diz:
"Batei, e abrir-se-vos-á. A quem bate abrir-se-lhe-á”. (Lucas 11, 9)
Já agradeço de todo o meu coração,
Porque acredito que "para Deus nada é impossível”. (Lucas 1, 37).

XVI - SANTO ROSÁRIO PELOS FILHOS

Senhor, eu quero entrar no santuário pra te louvar!


Ó dá-me mãos limpas e um coração puro,
Arranca a vaidade, ensina-me a amar.
(Salmo 14)

Mistérios gozosos

Primeiro mistério: Anunciação


Anjo da guarda de cada um de nossos filhos, anuncia-lhes o
nascimento de Jesus. Que eles possam concebê-Lo no coração, dizendo
"sim", como Maria.
Segundo mistério: Visitação
Nossa Senhora, vai à casa dos nossos filhos não só para visitá-los, mas
para morar com eles. Que eles possam, como Isabel, ficar muito felizes e
exultar de alegria.
Terceiro mistério: Nascimento de Jesus
Jesus, renasce no coração de nossos filhos a cada dia, para que a vida
deles seja um eterno Natal.
Quarto mistério: Apresentação de Jesus no Templo
Maria, ajuda-nos a apresentar nossos filhos ao Templo. Para o
Batismo e a Primeira Eucaristia eu os levei, mas para a Crisma e demais
Sacramentos, é preciso que eles mesmos demonstrem seu querer.
Quinto mistério: Encontro de Jesus no Templo
Jesus querido, faça que nossos filhos possam Te encontrar. Mostra-
lhes o caminho. Permite-lhes encontrar-Te, porque Tu és o Caminho. E
quando Te encontrarem, que nunca mais Te percam.

Senhor, já posso entrar no santuário pra te louvar!


Teu sangue me lava, teu fogo me queima,
O Espírito Santo inunda meu ser.
(Salmo 14)

Mistérios Luminosos

Primeiro mistério: Batismo de Jesus no Rio Jordão


Senhor Jesus, que nossos filhos, através do Batismo, assumam a
herança que receberam como filhos de Deus e a façam frutificar.
Segundo mistério: Auto-revelação nas Bodas de Caná
Nossa Senhora, por tua intervencão nas bodas de Caná, não deixastes
faltar o vinho da alegria. Interceda, Ó Mãe, para que em nossas famílias
consigamos transformar nossas dores em alegria.
Terceiro mistério: Proclamação do Reino de Deus
Como pais, temos a missão de ser anunciadores do Reino de Deus.
Faça, Senhor, que nossos filhos acolham essa mensagem, para que também
sejam anunciadores.
Quarto mistério: Transfiguração de Jesus
Na qualidade de pais, peçamos a Deus as graças para que as nossas
famílias sejam transfiguradas na Luz do Senhor.
Quinto mistério: Instituição da Eucaristia
Que nossos filhos valorizem o sabor do Alimento Eucarístico e que
eles busquem sempre esse precioso tesouro: Jesus, Pão da Vida.
Mistérios dolorosos

Primeiro mistério: Agonia de Jesus


Que o coração de nossos filhos, Senhor, não se angustie. Que em seus
corações possam estar somente a Tua alegria, Tua paz, Teu amor e os frutos
do Teu Espírito.
Segundo mistério: Flagelação
Pela Tua flagelação, Jesus, alivia nossos filhos em suas dores
espirituais e físicas. Que o corpo deles não lhes pertença, mas seja Teu. Que
eles sejam Templo de Teu Espírito.
Terceiro mistério: Coroação de espinhos
Tira, Jesus, cada espinho que possa estar afligindo a cabeça dos nossos
filhos. Que seus pensamentos sejam puros e retos. Lava-os, Senhor, com Teu
Sangue; e que, por Tuas chagas, eles sejam curados.
Quarto mistério: Jesus leva a Cruz às costas
Ajuda-os, Jesus, a carregar suas cruzes. Seja para eles um Simão
Cireneu. Que cada uma de suas quedas não seja uma derrota, mas um
aprendizado e um novo ânimo para continuarem a caminhada Contigo.
Quinto mistério: Jesus morre na cruz
Jesus amado, que nossos filhos morram para o pecado e renasçam para
a vida da graça. "Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem.”

Mistérios gloriosos

Primeiro mistério: Ressurreição de Jesus


Que nossos filhos possam, Contigo, ressurgir para uma vida nova. Que
eles saibam que estás vivo no meio deles e que em Teu túmulo está escrito:
"Não está aqui, ressuscitou!"
Segundo mistério: Ascensão de Jesus
Que um dia nossos filhos possam subir ao céu, pois lá são acolhidos
os pecadores arrependidos.
Terceiro mistério: A vinda do Espírito Santo
Que o Divino Espírito Santo desça sobre cada um de nossos filhos,
tirando-lhes o medo de aceitar e de anunciar Jesus.
Quarto mistério: Assunção de Nossa Senhora
Maria, Mãe querida, tu que amas nossos filhos mais do que nós
mesmos, faça que eles possam um dia encontrar-te no céu. Que sejas sempre
a Advogada deles perante Teu Filho Jesus.
Quinto mistério: Coroação de Nossa Senhora
Que nossos filhos possam coroá-la, nesta e na outra vida, como rainha
de seus corações.

XVII - TERÇO PELOS FILHOS

Em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Amém


CREDO
PAI NOSSO
TRÊS AVE-MARIAS

NAS CONTAS GRANDES:


Quero de joelhos ver meus filhos de pé!
Ó Deus, me sustenta e aumenta a minha fé.

NAS CONTAS PEQUENAS:


Ó Deus, mantém os meus filhos de pé! (10 vezes)

XVIII - CONSAGRAÇÃO AO SAGRADO CORAÇÃO DE


JESUS

Dulcíssimo Jesus, Redentor do gênero humano,


Humildemente Vos suplico: lançai sobre meus filhos o Vosso olhar.
Quero que meus filhos sejam totalmente vossos.
E a fim de que eles possam viver mais intimamente unidos a Vós,
Eu os consagro neste dia ao Vosso Sacratíssimo Coração.
Muitos, desprezando Vossos Mandamentos, Vos renegam.
Tende piedade de todos e trazei-os todos ao Vosso Sagrado Coração.
Sede Rei, não somente de quem nunca se afastou de Vós,
Mas também dos filhos pródigos, para que retornem o quanto antes à
casa paterna
Para não perecerem de miséria e de fome.
Sede Rei dos que vivem iludidos no erro ou separados de Vós pela
discórdia;
Trazei-os ao porto da verdade e à unidade da Fé,
A fim de que em breve haja um só rebanho e um só Pastor.
Sede Rei de todos aqueles que ainda estão sepultados nas trevas da
idolatria
E não recuseis conduzi-los à Vossa luz.
Volvei também um olhar de misericórdia ao povo que, outrora, foi o
povo eleito,
Concedendo-lhes um batismo de redenção e de vida!
Conservai incólume a Vossa Igreja e dai-lhe urna liberdade segura e
sem peias!
Concedei ordem e paz a todos os povos!
Fazei que, dum polo a outro do mundo, ressoe uma só voz:
Louvado seja o Coração Divino de Jesus, que nos trouxe a Salvação.
Honra e glória a Ele, por todos os séculos dos séculos. Amém.

XIX - CONSAGRAÇÃO A SÃO JOSÉ

Ó glorioso São José,


Quanto vos valeu o anjo do Senhor nas vossas tribulações!
Valei-nos também nas aflições dos nossos corações em relação aos
nossos filhos!
Intercedei por nossas famílias, para que possamos fazer de nossos
lares
Um modelo semelhante à Casa de Nazaré.
Jesus, Maria e José, nossa família, vossa é!
São José, rogai por nós!

XX - CONSAGRAÇÃO DOS FILHOS A NOSSA SENHORA

I - Nossa Senhora do Imaculado Coração,


Confio meus filhos à vossa maternal solicitude,
E vo-los consagro inteiramente desde sua mais tenra infância.
Que vossa poderosa proteção os acompanhe por toda parte.
Velai sobre eles. Conservai-lhes a inocência da alma e a saúde do
corpo,
Obtendo-lhes da Divina Bondade a luz em sua inexperiência,
O apoio em suas fraquezas, o freio às suas paixões,
A fim de que eles se encaminhem sempre pela vereda da verdade e da
virtude.
Penetrai suas almas com o temor salutar de Deus, princípio de toda
Sabedoria,
E de uma luta enérgica contra o respeito humano, companhias
funestas,
Ocasiões perigosas e amizades que os afastem do bem.
E, depois de terem constantemente servido ao Senhor nesta terra,
Possam receber no céu a eterna recompensa por uma vida santa e
edificante. Assim seja.

II - Nossa Senhora, querida Mãe Maria, queremos amar-vos sempre


mais
E vos servir com toda alegria e fidelidade.
Vimos à tua presença, para pedir que abençoeis nossos filhos.
Queremos consagrá-los ao vosso coração amoroso.
Aceitai-os, guardai-os sob o vosso manto protetor.
Pedimos ainda: ficai conosco, Mãe amada, guardai-nos de todo o Mal
E capacitai-nos a seguir o vosso exemplo e a imitar as vossas virtudes.

III - Ó Virgem Santa, rogai por nossos filhos.


Que eles possam sempre dizer "sim" aos planos de Deus.
Cobri-os, ó Mãe querida, com o manto com que cobristes vosso filho
Jesus,
Para que eles sejam protegidos de todos os males deste mundo.
Ó Maria, medianeira de todas as graças, abençoai nossos lares e
nossas famílias,
E que vossa humildade, ó Mãe querida, seja o caminho de santidade
para nossos filhos.
Amém!

XXI - ORAÇÃO CONCLUSIVA

Senhor nosso Deus, fonte de toda família,


Concedei-nos que, imitando a Santa Mônica,
Vivamos nossa fé cristã com dedicação e alegria em nossos lares.
E que, com ela, saibamos influir positivamente sobre a fé de nossos
filhos,
De tal modo que, nalgum dia, tenhamos a imensa alegria de tê-los
junto a nós
Em Vossa Glória, por toda a eternidade. Assim seja.
Jesus, Maria e José: nossa família vossa é!
CONSAGRAÇÃO A NOSSA SENHORA (Canto)

Óh minha Senhora,
E também minha Mãe,
Eu me ofereço, inteiramente, todo a vós
E, em prova da minha devoção, eu hoje vos dou meu coração.
Consagro a vós meus olhos, meus ouvidos, minha boca.
Tudo o que sou, desejo que a vós pertença.
Oh incomparável Mãe, guardai-me e defendei-me,
Como coisa e propriedade vossa. Amém. (bis)