Você está na página 1de 4

ⓘ Otimizada pelo Google 23 horas atrás Ver original

https://www.passeidireto.com/arquivo/5191230/radiologia-digital---cr-e-dr

Entrar
GRÁTIS

4 pág.

Radiologia Digital - CR e DR
Disciplina:
Radiologia Digital I

remove_red_eye VISUALIZAR ARQUIVO COMPLETO


Enviado por
Marcelo Henrique
star star
star
star_half star

flag

PRÉ-VISUALIZAÇÃO 1 PÁGINA
ESCOLA DE EDUCAÇÃO PROFISSIONAL NOSSA SENHORA DE FÁTIMA

CURSO TÉCNICO EM RADIOLOGIA


RADIOLOGIA DIGITAL

MARCELO HENRIQUE PANTE

QUESTÕES

CAXIAS DO SUL
2014

1° - O que é Radiologia Digital?

Radiologia digital é a uma forma de radiologia executada quase que igualmente a convencional, sedo apenas
diferenciada pela substituição da forma de captação e processamento de imagem, que ocorre parcial ou totalmente
digital (CR e DR)

2° - Qual o Princípio Básico da Radiologia Computadorizada (Sistema de imagem por CR)?

Introduzido pela Fuji em 1981, se caracteriza por utilizar chassis de sistema eletrônico em substituição ao conjunto
filme écran convencionais. Gera imagens com características digitais (eletrônicas), permitindo seu manuseio através
de software e melhor resolução, aumentando de forma significativa a qualidade da imagem gerada para diagnóstico.
Sistema receptor CR Elimina a câmara escura, permitindo a redução da área física. Permite a exclusão do sistema
automático de processamento, com uso de produtos químicos, sendo substituído por scanner de alta definição.

3° - Qual o Princípio Básico da Radiologia Digital? (Sistema de Imagem por DR)

Evoluindo do sistema CR, e introduzida no final da década de 90, tem como fator principal a substituição do chassi
eletrônico por um detector capaz de transmitir a variação da intensidade diferenciada de radiação, resultante da
interação com o tecido, diretamente a um sistema digitalizador gráfico (CPU), gerando uma imagem para diagnóstico.

4° - Como é a aquisição na Radiologia Convencional?

Obedece a sequência: Exposição, onde o paciente fica exposto ao raio do cabeçote, revelação, onde o filme com a
imagem latente passa pelos produtos químicos tornando-se uma imagem radiológica, diagnóstico onde é efetuado o
laudo da imagem e resultado quando é exposto ao paciente o laudo do exame.

5° - O que é “Work Station”? Explique.

A Workstation (estação de trabalho) é o ponto onde se processam as imagens digitais com diversas finalidades,
destacando-se:
Reformatações Multiplanares; Reconstruções 3D (Tridimencionais); Reconstruções vasculares; Medidas lineares, de
ângulos, e de volumes; Análise de densidades; Adição ou subtração de imagens; Análises Funcionais.
6° - O que é HIS? Explique

HIS: Hospital Information System (Sistema e Informação do Hospital), contém um grande conjunto de informações
digitais, as quais incluem dados financeiros, gerenciais, informações de paciente (PEP – Prontuário Eletrônico de
Paciente e RIS– Radiology Information System)

7° - O que é RIS? Explique

RIS: Radiology Information System (Sistema de Informação de Radiologia)


Engloba o conjunto de operações dedicadas ao manejo das informações administrativas, estoque, gerenciamento,
estatísticas, faturamento, atendimento, banco de dados e pacientes, Etc... das imagens radiológicas.

8° o que é DICOM? Explique

DICOM: Digital Imaging Communication in Medicine (Comunicação de Imagens digitais em Medicina) é o conjunto de
normas para tratamento armazenamento e transmissão de informação médica (imagens médicas) num formato
eletrônico, estruturando um protocolo. Foi Criado, portanto, com a finalidade de padronizar as imagens diagnósticas
como Tomografias, Ressonâncias Magnéticas, Radiografias, Ultra Sonografias, Etc... O Padrão DICOM permite que
sejam trocadas informações e imagens médicas entre equipamentos de diagnóstico geradores de imagens,
computadores e hospitais.

9° - O que é PACS? Explique

PACS: Picture (Capturar Imagem) Archive (Armazenar a Imagem) Communication (Distribuir a Imagem) System
(Gerenciar a Imagem) em português: SACI (Sistema de Arquivamento e Comunicação de Imagens). Suas principais
vantagens são:
Acessibilidade: A informação está disponível para todo o pessoal médico no momento em que se requeira. Não é
preciso contar com processos intermediários de solicitação, nem longos tempos de espera.
Segurança: O acesso da informação está predefinido e controlado por meios eletrônicos (senhas de acesso, perfis de
controle, etc.).
Facilidade de armazenamento: Os processos de armazenamento de informações estão automatizados. A intervenção
do pessoal técnico-administrativo se minimiza.
Economia: Os custos da implantação e operação deste sistema não são superiores aos custos de manejo de filmes
em sistemas de radiologia convencional. Conta-se também que os benefícios ao paciente devido ao incremento na
eficiência são importantes.
Emprego das bases de dados: A qualidade do cuidado ao paciente se incrementa significativamente ao se permitir
buscas e comparações entre imagens e procedimentos bem como se manter por longo prazo seu histórico digital.
Visualização múltipla: Uma imagem pode ser visualizada em lugares distintos simultaneamente, de tal maneira que
um especialista possa fazer um diagnóstico no serviço de radiologia enquanto, ao mesmo tempo, um médico no
consultório examina as imagens preliminarmente.
Intercâmbio de imagens: Vários hospitais e clínicas poderão transferir, via Internet, as imagens relativas a pacientes
transferidos, ou atendidas em emergências.

10° - Qual as vantagens e desvantagens da imagem digital?

Facilidade de exibição da imagem – Na radiografia digital a imagem vai ser mostrada em um monitor de vídeo, em vez
do processo tradicional de expor o filme contra a luz.
Redução da dose de raios-X – Ajustando-se a dose para que a imagem tenha uma relação sinal ruído conveniente,
consegue-se uma diminuição real da radiação absorvida pelo paciente.
Facilidade de processamento de imagem – O aumento do contraste ou a equalização por histograma são técnicas
digitais que podem ser usadas. A técnica de subtração de imagens pode remover grande parte da arquitetura de fundo
não desejado, melhorando assim a visualização das características importantes da radiografia.
Facilidade de aquisição, armazenamento, comunicação e recuperação da imagem – Armazenamento em bases de
dados eletrônicas, facilitando a pesquisa de dados e a transmissão para longas distâncias, usando redes de
comunicações de dados.
Uso de Inteligência Artificial (Redes Neurais, por exemplo) para auxiliar no diagnóstico médico – Isso já é uma
realidade em muitos países (sistemas CAD)