Você está na página 1de 5

COLÉGIO PEDRO II - UNIDADE SÃO CRISTÓVÃO III

3ª SÉRIE – MATEMÁTICA I – PROFº WALTER TADEU


www.professorwaltertadeu.mat.br

MÉDIAS ESTATÍSTICAS – 2010 - GABARITO

1. (FUVEST-93) A distribuição dos salários de uma empresa é dada na


tabela a seguir:
a) Qual é a média e qual é a mediana dos salários dessa empresa?
b) Suponha que sejam contratados dois novos funcionários com salários de
Cr$2.000.000,00 cada, A variância da nova distribuição de salários ficará
menor, igual ou maior que a anterior?
Solução. a) A média (aritmética) é o quociente entre o produto das variáveis pela freqüência em que
ocorreram e o total de dados:
(500000).10  (1000000).5  (1500000).1  (2000000).10  (5000000).4  (10500000).1
X 
31
62000000
X   R$2000000,00
31
A mediana é o elemento que ocupa a posição que divide os valores ordenados em subconjuntos de

31  1
mesma quantidade. Como há 31 dados. A Mediana ocupará a  16 ª posição. Somando as
2
frequências verificamos que Md = R$1500000,00.

 f . X  x 
n
2
i i
i 1
b) A variância para dados agrupados é: n
. Representando os salários em milhões,
f i 1
i

10( 2  0,5) 2  5( 2  1) 2  1.(2  1,5) 2  10.(2  2) 2  4.(2  5) 2  1.(2  10,5) 2


temos: V .
31
Adicionando mais dois trabalhadores com 2 milhões, a nova média será

62000000  4000000
X '  R$2000000,00 . A nova variância V’ será:
33

10.(2  0,5) 2

 5.(2  1) 2  1.(2  1,5) 2  10.(2  2) 2  4.(2  5) 2  1.(2  10,5) 2  2.(2  2) 2
 V ' V
33
. Repare que os dois novos valores anularam-se, pois são iguais à média. Logo a variância diminui .

2. (UNIRIO-98) Um dado foi lançado 50 vezes. A tabela a seguir


mostra os seis resultados possíveis e as suas respectivas
freqüências de ocorrências. A frequência de aparecimento de um
resultado ímpar foi de:
( ) 2/5 ( ) 11/25 ( X ) 12/25 ( ) 1/2 ( ) 13/25
Solução. Observando a tabela os resultados ímpares foram 1 (7 vezes); 3 (8 vezes) e 5 (9 vezes).

789 24 12
Logo, a frequência em relação ao total é:   .
7  9  8  7  9  10 50 25

3. (UnB-99) A tabela adiante apresenta o levantamento das quantidades de peças defeituosas para cada lote
de 100 unidades fabricadas em uma linha de produção de
autopeças, durante um período de 30 dias úteis.
Considerando S a série numérica de distribuição de
freqüências de peças defeituosas por lote de 100 unidades,
julgue os itens abaixo (V – verdadeiro; F – falso).
( F ) A moda da série S é 5.
( V ) Durante o período de levantamento desses dados, o
percentual de peças defeituosas ficou, em média, abaixo de
3,7%.
( V ) Os dados obtidos nos 10 primeiros dias do levantamento geram uma série numérica de distribuição de
freqüências com a mesma mediana da série S.
Solução. Organizando os dados numa distribuição de freqüência, temos:

i) O número de peças com maior freqüência foi 3 peças,


ocorrendo 6 vezes. Logo, Mo = 3.
ii) A média nos 30 dias é:

(1.4)  ( 2.5)  (3.6)  ( 4.5)  (5.5)  (6.3)  (7.2)


X ' 
30
.
109
  3,63  3,7
30
iii) O número de dados é par em ambos. Logo para 30 dias as posições serão a 15ª e 16ª. A mediana é:

3 4 3 4
Md   3,5 . Para os 10 dias as posições são 5ª e 6ª. A mediana é: M d   3,5 .
2 2
4. (FUVEST) Numa classe com 20 alunos, as notas do exame final podiam variar de 0 a 100 e a nota mínima
para aprovação era 70. Realizado o exame, verificou-se que oito alunos foram reprovados. A média
aritmética das notas destes 8 alunos foi 65, enquanto a média dos aprovados foi 77. Após a divulgação dos
resultados, o professor verificou que uma questão havia sido mal formulada e decidiu atribuir 5 pontos a
mais para todos os alunos. Com essa decisão, a média dos aprovados passou a ser 80 e a dos reprovados
68,8.
a) Calcule a média das notas da classe toda antes da atribuição dos 5 pontos extras.
Solução. As médias de cada grupo é o quociente do somatório de suas notas pelo número do grupo.

 8
 X R  8  65 8.(65)  12(77) 520  924
Para cada caso temos:   X Turma    72,2
 X A  12  77 20 20
 12
b) Com a atribuição dos 5 pontos extras, quantos alunos, inicialmente reprovados, atingiram a nota para a
aprovação?
Solução. Utilizando a propriedade que se um conjunto de valores é aumentado da mesma quantidade,
a média aritmética fica aumentada deste mesmo valor, temos:

 R
 X R  R  68,8 68,8R  80(20  R) 56
   72,2  5  11,2R  1600  1544  R   5
 X A   20R  80 20 11,2
 20  R
Logo, após a atribuição dos 5 pontos extras o número de reprovados passou a ser 5 alunos. Significa
que 3 alunos que estavam reprovados atingiram a nota de aprovação.
5. (UFF) Para que a média aritmética das notas de uma turma de 20 alunos aumentasse em 0,1, alterou-se
uma dessas notas para 7,5. Antes da alteração, de quanto era essa nota?
( X ) 5,5 ( ) 6,0 ( ) 7,4 ( ) 7,5 ( ) 8,5

 19  N
Solução. A média original é dada por X  , onde N é a nota que será mudada. Após a
20

19  7,5
mudança da nota N para 7,5 a média ficou X '   X  0,1 . Substituindo os valores e
20

19  7,5 19  N


resolvendo, temos:   0,1  19  7,5  19  N  2  N  7,5  2  5,5 .
20 20
6. (FGV-2001) Um investidor aplicou seu patrimônio em 5 ações por 1 ano. A taxa média de rentabilidade
(média aritmética) foi de 12% ao ano. A ação mais lucrativa rendeu 25% ao ano. Se essa ação for eliminada,
qual será a taxa média de rentabilidade das 4 restantes?
( X ) 8,75% ao ano ( ) 9% ao ano ( ) 9,25% ano ( ) 9,5% ao ano ( ) 9,75% ao ano
Solução. Representando a situação de cada ação, temos:

(25%)   A2  A3  A4  A5 
 0,12   A2  A3  A4  A5   0,6  0,25   A2  A3  A4  A5   0,35
5
Retirando a ação de 25%, temos: X 4 
 A2  A3  A4  A5  0,35
  0,0875  8,75% .
4 4
7. (Enem) Um pátio de grandes dimensões vai ser revestido por pastilhas quadradas brancas e pretas,
segundo o padrão representado ao lado, que vai ser repetido em toda a
extensão do pátio. As pastilhas de cor branca custam R$ 8,00 por metro
quadrado e as de cor preta, R$10,00.
O custo por metro quadrado do revestimento será de:

( ) R$ 8,20 ( X ) R$ 8,40 ( ) R$ 8,60 ( ) R$ 8,80 ( ) R$ 9,00


Solução. Há vinte colunas e dez linhas num total de 200 pastilhas. Em cada coluna há duas pastilhas
pretas, logo o total de pastilhas pretas é 20 x 2 = 40 e consequentemente (200 – 40) = 160 brancas. O
160.8  (40).10  1680  8,4
preço do metro quadrado será equivalente ao deste padrão: X 4  .
200 200
8. (UERJ-2000) Observe o demonstrativo do consumo de energia elétrica. Para conhecimento,
demonstramos a seguir a evolução do consumo de energia elétrica nos últimos
meses.

Considere que o consumo médio, de agosto/98 a dezembro/98, foi igual ao que


ocorreu de janeiro/99 a abril/99.
Qual foi o consumo no mês de abril de 99, em kWh?

( X ) 141 ( ) 151 ( ) 161 ( ) 171


Solução. Calculando a média inicial e comparando com a final, temos:

 235  150  182  215  248 1030


X i (ago  dez / 98)    206
 5 5 683  x
   206  x  824  206  141
X ( jan  abr / 99)  268  158  257  x  683  x 4
 f 4 4
9. (UERJ-2002) Observe os gráficos a seguir, que representam, em reais, as vendas e os lucros anuais de uma
empresa no período de 1990 a 1995.
De acordo com os gráficos, calcule:
a) a média, em milhões de reais, das vendas dessa empresa no
período considerado;
Solução. Calculando a média aritmética nos dados do 1º
2  4  6  3  1  2 18
gráfico, temos: X vendas    3milhões
6 6

b) a razão entre o lucro e a venda em 1992.


600000 1
Solução. Calculando a razão pedida no 2º gráfico, temos: X lucro / 92  
6000000 10

10. (UNESP) Numa certa empresa, os funcionários desenvolvem uma jornada de trabalho, em termos de
horas diárias trabalhadas, de acordo com o gráfico:
a) Em média, quantas horas eles trabalham por dia durante uma
semana?
Solução. Pela leitura do gráfico temos:
8  7  10  11  4 40
X horas    8horas / semana
5 5

b) Numa dada semana ocorrerá um feriado de 1 dia. Qual a probabilidade de eles trabalharem ao menos 30
horas nessa semana?
Solução. O único dia cuja diferença entre suas horas e 40 horas é menor que 30 horas é 5ª feira, pois
40  11  29 horas . O feriado em qualquer outro dia ainda garante ao menos 30 horas semanais.

4
Logo quatro dias dentre cinco possíveis satisfazem a probabilidade pedida: P(  30h)  .
5

11. Dados os números reais positivos a e b, sua média harmônica h é definida como o inverso da média
aritmética dos inversos de a e de b. Considerando essa definição, julgue os itens em (V) ou (F).
( F ) Se a = 7 e b = 5, então h  35 .
( V ) Se b é o dobro de a, então a média harmônica entre a e b é 4a/3.
( V ) Se os números positivos a, b, c, nesta ordem, formam uma progressão aritmética, então 1/b é a média
harmônica entre 1/a e 1/c.
( V ) A média harmônica entre dois números positivos e distintos é menor do que a média aritmética desses
números.
1 1
1 1 ab
     ab
1
2ab
Solução. De acordo com a definição, temos: H  a b   ab     .
 2   2   2ab  ab
   
2(7)(5) 70 2(a )( 2a ) 4a 2 4a
i) a = 7 e b = 5, temos: H    5,83  5  2,23 . ii) H   
75 12 a  2a 3a 3
1
ac 2 1 2ab a  b 4ab  a 2  2ab  b 2 (a  b) 2
iii) H      b 1  iv)    0
 2  ac b ab 2 2( a  b) 2( a  b)

12. (FUVEST) Num determinado país a população feminina representa 51% da população total. Sabe-se que
a idade média (média aritmética das idades) da população feminina é de 38 anos e a da masculina é de 36
anos. Qual a idade média da população?
( X ) 37,02 anos ( ) 37,00 anos ( ) 37,20 anos ( ) 36,60 anos ( ) 37,05 anos
Solução. Se 51% são mulheres, então 49% são homens. Expressando a média aritmética, temos:
(0,51).(38)  (0,49)(36) 19,38  17,64
X    37,02 .
0,51  0,49 1

Você também pode gostar