Você está na página 1de 20

SDAERGS

EDIÇÃO 022 Março/Abril 2011

BASTIDORES
Em Brasília, SDAERGS reivindica por
fiscais da ANVISA no Chuí
Pág. 09

ESPECIAL
MAPA fala sobre mudanças na
fiscalização com a implantação do SIGVIG
Pág. 10

MURAL DE RECADOS
Saiba como participar na sugestão
de cursos e palestras do Sindicato
Pág. 18

POR DENTRO DO COMEX


O Operador Econômico qualificado na visão
da advogada Vanessa Ventura
Pág. 17
alavra SDAERGS
Presiden te
Avanços para a categoria
O ano de 2011 inicia para nós com extraordinária disposição
para o trabalho, sendo que neste seu início, elegemos duas metas
como prioritárias em nossa ação administrativa.
A primeira é a implantação do SIMPLES NACIONAL nas
empresas de despachos aduaneiros - objetivo que estamos
perseguindo com dedicação e continuidade. Neste particular,
informamos que no dia 24 de fevereiro passado, em conversação
mantida com o Senador Paulo Paim, fomos informados que a
senhora Presidente da República, Dilma Rousseff estará, muito em
breve, encaminhando ao Congresso Nacional medida provisória
com a inclusão no Simples Nacional de diversas novas categorias
empresariais, nelas incluindo as empresas de DespachoAduaneiro.
A segunda se refere à implementação da prova de acesso à
condição de Despachante Aduaneiro, nos termos preconizados pelo
Regulamento Aduaneiro (modificado em 2010). Para o
cumprimento desta disposição será necessário definir, primeiramente, qual a
entidade que irá cuidar da elaboração e aplicação das provas, especialmente as
de legislação e Comércio Exterior.Estaremos empenhados, também, na
criação de cursos à distancia para o preparo intelectual dos interessados.Nesta
área, a Receita Federal do Brasil já nomeou o agente responsável para a
normatização. No nosso entendimento, é urgente a implantação desta forma de
ingresso na profissão, uma vez que irá beneficiar toda a categoria de uma forma
dinâmica e abrangente.
O plano estratégico de ação da Diretoria tem outras importantes metas
que serão objeto de análises futuras. Estamos voltados ao crescimento pessoal
e profissional do Despachante, consolidando, assim, a presença e atuação de
nosso Sindicato.

Lauri Kotz
Presidente SDAERGS

SEDE:
EXPEDIENTE

Diretoria
SDAERGS

Porto Alegre: Rua Caldas Júnior, 20 -


Presidente: Lauri Kotz 10º. Andar - CEP: 90010-260
Vice-Presidente: José Luis Kralik Fone: (51) 3228.2563
Tesoureiro: Marcial Humberto Estivalet Antunes
Secretário: Clesio Jacques DELEGACIAS:
Jornalista Responsável: Priscila Almeida - Mtb-RS 14117 Uruguaiana - Fone: (55) 3411.4324
Rio Grande - Fone: (53) 3231.5851
Tiragem: 1000 exemplares
Projeto Gráfico: Claudia Melo N. Hamburgo - Fone:(51)3527.5116
Impressão/Arte: Gráfica Universitária São Borja - Fone: (55) 3431.1834

2 www.sdaergs.com.br
Aniversariantes
Agenda Parabéns!
Intermodal South America
Maior encontro de Logística
e Comércio Exterior das
Américas
Data: 5 a 7 de abril Abril
Hora: 13h às 21h
Porto Alegre Uruguaiana
Local: Transamérica Expo - Adriana Gracia Celiberto 03/04 - Homero Maydana R. de Freitas Neto 02/05
Center -SP - Carlos Alberto Rodrigues da Silva 03/04 - Antonio Carlos Goulart de Almeida 05/05
- Jadir Marks 04/04 - Laura Regina Cademartori Gonçalves Rott 08/05
- Joelcio de Freitas 10/04 - Carlos Alberto Muniz da Silveira 09/05
TRAFFIC – 4ª Feira - Luiz Carlos Aydos Celiberto 10/04 - Thiarlen Marcolan Godoy de Souza 10/05
Internacional de Tecnologia - Nara Lucia de Oliveira Bernieri 13/04 - Tisa Helena Monteiro de Quadros 11/05
- Vicente José Costa Cabral Junior 13/04
Viária e Equipamentos para - Dagoberto Lucas Cezimbra 13/05
- Cláudio Luiz Merlin 15/04 - Marcio Soares Mateus 14/05
Rodovias
- Francisco Carlos G. Cardoso 17/04 - Patricia Romeiro Cervino 19/05
Data: 26 a 28 de abril
- Carlos Leandro Brasseiro Bouza 25/04 - Cristian Peruzzi Fioravanti 20/05
Local: Centro de Exposições - Alexandre Rodrigues da Silva 26/04 - Alessandra Flores do Amaral 22/05
Imigrantes – SP - Fábio Moraes Marques 30/04 - Andréa Lindemayer de Oliveira 22/05
Promoção: Cipa Ltda.
Uruguaiana Rio Grande
- Mônica Terezinha Silva Tomazetti 01/04 - Mario José Souza Lucas 09/05
BITS SOUTH AMERICA – 25ª - Fabio Freitas Ciocca 05/04 - Adriano Farias Baptista 12/05
Feira e Exposição de - Iran Souza Monteiro 06/04 - Carlos André Farias Baptista 17/05
- Eduardo Marcelo Brum Gomes 07/04
Produtos e Serviços da
- Paulo Sérgio Quintana Lopes 11/04
Indústria de TI e Logística
- Enizio Moraes Maia 13/04
para Empresas Colaboradores
- Tania Marizete Muller Falcão 18/04
Data: 10 a 12 de maio - Gilberto Reginaldo Reis de Abreu 26/04
Local: Centro de Eventos - José da Silva Nicorena 28/04 Abril
FIERGS – Porto Alegre - Antonio Augusto Petry 29/04 - Diego Delgado Mascia 05/04
Promoção: Hannover Fairs - Juliana Kotz Preussler 30/04 - Lisiane de Barros Pinto 10/04
Sulamérica Ltda. - Carla Cristiane Silveira Magnus 20/04
- Wagner da Silva Flores 27/04
Rio Grande:
- Francisco Eduardo Lemos Collazzo 30/04
- Emerson Soares Moreno 07/04
- Simei da Silveira Teixeira 30/04
5º Logicom - Seminário de - Fernando Albandes Martins Macedo Jr. 08/04

Logística e Comércio - Jesus Cecere Cadaval 10/04 Maio


- Edson José Jardim 22/04 - Luiz Geraldo de Souza 01/05
Exterior
- Luiz Arthur Souto Pereira 22/04 - Flavia Barcelos Reck 10/05
Data: 24 de Maio
- Jorge Castro de Azambuja 28/04 - Caroline de Freitas Alvim 15/05
Local: Cinema Rosalina
- Janete da Silva Diogo 15/05
Lisboa – Uruguaiana/RS
Maio
Promoção: SDAERGS,
Porto Alegre
CRA/RS e ABTI Nossas felicitações ao SDAERJ pelo
- Melissa Stanguerlin Almeida 01/05 aniversário de 78 comemorado dia 17
- Miron Korenowski Junior 02/05 de fevereiro e ao SDAEES pelos seus 20
- Vilson Rodrigues 02/05
anos de atuação comemorados dia 28
25 de Maio – Dia da de fevereiro e ao SDAS pelos seus 100
- Iasir Souza Muhd 06/05 anos completados no dia 26 de março.
Indústria - Maria Luisa Gracia Celiberto 24/05 Nossos parabéns ao Porto de Santos que
- Olmiro Fernandes da Rosa Junior 25/05 completou 115 anos de atividades no
dia 2 de fevereiro.
- Djalma Rodrigues Oliveira 26/05
- Ronaldo Lemos Machado 28/05

3
BASTIDORES

SDAERGS e
Aduaneiras
firmam parceria

O SDAERGS e a Edições Aduaneiras LTDA. (SP) Produtos


firmaram parceria para melhor atender os associados do Da linha publicações técnicas poderão usufruir com
Sindicato. Os benefícios irão contemplar os associados descontos de 30% sobre o preço da lista, conforme
que estão em dia com a mensalidade com descontos em tabela vigente no mês da aquisição. As condições de
cursos, palestras e seminários, além de linha de publica- pagamento podem ser feitas em até 3 parcelas (sendo
ções técnicas e consultoria realizados pela Aduaneiras. uma parcela no ato e as demais iguais e sucessivas).
Os descontos serão reavaliados a cada semestre, portan-
to fique atento e aproveite! Consultoria
Na condição de assinantes, terão acesso ao serviço de
Cursos, palestras e seminários consultoria nas respectivas áreas da publicação adquiri-
Em cursos, palestras e seminários presenciais promo- da, ficando estipulado o limite de consultas/ano,
vidos pela Aduaneiras, associados têm o descontos de conforme versão adquirida. Caso o limite da versão
até 30%. As condições de pagamento podem ser feitas contratada seja ultrapassado, o assinante deverá
em até 3 parcelas (sendo uma parcela no ato e as demais adquirir, separadamente, os complementos necessários
iguais e sucessivas). para a sequencia do serviço.

Os associados do SDAERGS, desde que em dia com a contribuição sindical,


passarão a receber gratuitamente, por um ano:

Sem Fronteiras
Publicação mensal, dirigida aos profissionais da área de comér- neiras.com.br).
cio exterior. Abrange temas atuais, contando com articulistas e
colaboradores especializados, o que assegura a qualidade da Atrelado ao Sem Fronteiras, os associados, também receberão
informação. Elaborado com linguagem simples e textos objeti- bônus de 24 consultas para utilizar nos serviços de consultoria
vos, proporciona ao leitor esclarecimentos sobre legislação sobre as áreas de comércio exterior ou tributária. Para este ser-
aduaneira, câmbio, transportes, tributação, acordos internaci- viço, a Aduaneiras disponibilizará a linha telefônicas (11) 4003-
onais, entre outros assuntos. 1313 para atendimento em todo o território nacional, com o
mesmo custo de uma ligação local.
Resenha de Comércio Exterior
Diariamente, os associados do SDAERGS receberão em seus e- A Aduaneiras reservará gratuitamente cinco vagas, anualmen-
mails uma sinopse da legislação que é publicada no Diário Ofi- te, em seus cursos regulares de 8hs/aula, para serem sorteadas
cial. Assim como terão acesso a muitas outras informações dis- nos eventos promovidos pelo SDAERGS e apoiados pela Adua-
ponibilizadas na página da internet da Aduaneiras (www.adua- neiras.

4 www.sdaergs.com.br
BASTIDORES

Convênio com a Unisinos


Vestibular
oferece descontos aos associados
O SDAERGS e a Unisinos reafirmaram parceria em 2011, ofere- Mais de 6,4 mil alunos disputaram o
cendo desconto de 10% nos cursos de graduação da universidade, vestibular nos 60 cursos da Universidade
MBAs, cursos de especialização e no Instituto de Línguas - Unisinos para o primeiro semestre deste ano. Só nos
Unilínguas. Quem optar pelo curso de Graduação Tecnológica em cursos de Administração – Comércio
Comércio Exterior na modalidade à distância terá um desconto ainda Exterior e Graduação Tecnológica em
maior, de 15% para pagamento à vista, e 10% a prazo. Comércio Exterior, na modalidade à
Quem usufrui deste benefício é o associado Fabio Belau. Ele faz distância, foram 255 candidatos. Estes
parte da primeira turma de Comércio Exterior EAD da Unisinos, mesmos cursos formaram 120 alunos em
iniciada em 2010. “Está sendo uma experiência incrível, pois voltar 2010.
aos estudos depois de muitos anos está me oxigenando com novas Em junho ocorre o vestibular de
informações e atualização didática”, afirma. Belau trabalha no inverno, por isso, fique atento às datas de
comércio exterior desde 1987 e é despachante desde 2005. Mesmo inscrição e provas e aproveite!
com a vasta experiência profissional no setor, ele acredita que o
curso é benéfico. “Atualmente é muito difícil sermos competitivos Polos EAD
sem atualização profissional”.
O associado Rodolfo Preussler também aproveita os descontos A Unisinos possui polos EAD em São
proporcionados através do convênio com a Universidade. Ele iniciou Leopoldo, nos colégios Maria Auxiliadora
o curso à distância de Comércio Exterior em Março deste ano e tem (Canoas), Catarinense (Florianópolis) e
boas expectativas em relação ao aprendizado. “As expectativas são Medianeira (Curitiba). Além destes, há
as melhores possíveis, tanto em relação ao curso de educação à polos no Instituto Educacional Facsul
distância, que hoje em dia facilita muito a vida das pessoas e vem (Porto Alegre), no centro de Caxias do Sul e
sendo cada vez mais reconhecido, como referente ao aprendizado, na Fadisma (Santa Maria).
que é sempre bom abrir novos caminhos para o conhecimento”, M a i s i n f o r m a ç õ e s w w w. u n i s i-
afirma. nos.br/vestibular e www.unisinos.br/ead

www.sdaergs.com.br 5
BASTIDORES

URUGUAIANA

Dia do Agente Fiscal é


comemorado no Porto Seco

@
A partir de Abril, o Sindicato oferece um
novo serviço para seus filiados. É o Plantão
de Notícias SDAERGS. Trata-se um informa-
tivo online para associados através de e-
mail. O diferencial é a rapidez e exclusivida-
de nas informações, que terão como tema o
Comércio Exterior, com ênfase nas ativida-
des do Sindicato, como reuniões, palestras
Agentes da RFB foram elogiados pelo presidente Lauri Kotz. e demais eventos realizados ou participa-
dos pela entidade e sua diretoria. Em menos
No final de fevereiro, a EADI Sul de Uruguaiana de 24h após o acontecimento, o filiado
realizou café da manhã comemorativo ao Dia do Agente estará informado. A idéia é tornar a comu-
Fiscal e Dia do Agente Fiscal da Receita Federal, celebra-
nicação mais eficaz e a atuação da diretoria
dos nos dias 2 e 27 de fevereiro, respectivamente.
Aproximadamente 40 profissionais de Comércio Exterior mais transparente.
que atuam no município participaram do evento. Entre
eles, gestores da concessionária, do Sindicato dos
Despachantes Aduaneiros do Estado do Rio Grande do
Sul (SDAERGS), Associação Brasileira dos Transportado-
res Internacionais (ABTI), Receita Federal do Brasil (RFB), SDAERGS no
além dos agentes fiscais.
“Estivemos em reunião com o secretário da RFB em Twitter
Brasília, Carlos Alberto Barreto e falamos do ótimo
trabalho que vocês vêm realizando em nossa cidade”,
assinalou o presidente do SDAERGS, Lauri Kotz. Na O SDAERGS passou a integrar o Twitter, através
ocasião, os agentes receberam felicitações de Kotz, do de seu perfil www.twitter.com/SDAERGS. Este é
delegado da RFB em Uruguaiana, Jorge Luiz Hergessel, mais um canal de comunicação da entidade e seus
do gerente da EADI Sul, Flávio Evaristo e do presidente da associados e comunidade em geral. Nele, você
ABTI, José Carlos Becker. Atualmente 20 auditores fiscais encontra informações sobre as atividades da
entidade e os principais assuntos de Comércio
atuam no setor em Uruguaiana, sendo 17 no Porto Seco Exterior. Follow us!
Rodoviário de Uruguaiana, dois na Ponte Internacional e
um no Porto Seco ferroviário.
6 www.sdaergs.com.br
BASTIDORES

PORTO ALEGRE SÃO BORJA

Divulgação da revista Cresce a emissão


Aduaneiro News de Certificados de Origem

Em sete meses houve um aumento de 45% neste serviço.


Os colaboradores do SDAERGS, Mônica Pereira e Michael Magalhães no TECA.

Nos dias 9 e 10 de fevereiro a assessora de O SDAERGS e Fecomércio-RS comemorarm o


imprensa do SDAERGS, Priscila Almeida, e o sucesso dos serviços de Certificado de Origem (CO)
assessor comercial, Diego Mascia visitaram as em São Borja iniciados em julho de 2010. Desde a
dependência do Terminal de Cargas Aéreas (TECA) sua implantação até início de Março de 2011, o
do Aeroporto Salgado Filho, o Banrisul Armazéns volume de emissões de COs cresceu 45%. Entre as
Gerais (BAGERGS), em Canoas e a Multiarmazéns, vantagens oferecidas pelo SDAERGS, pode-se citar
em Novo Hamburgo. O objetivo era divulgar e a agilidade na emissão, o conhecimento técnico
distribuir a revista Aduaneiro News e salientar a dos colaboradores, rápido acesso à legislação
importância de uma boa comunicação entre o pertinente ao assunto e facilidade de emissão via
SDAERGS e os Portos e Armazéns do Estado. O site da entidade.
SDAERGS agradece a hospitalidade da gerente de Uma empresa de Comércio Exterior do municí-
Logística de Carga da Infraero Cargo, Gisele pio passou a emitir 100% dos seus COs pelo
Feilstrecker, do gerente da BAGERGS, Emir Benelli e Sindicato. “Esse aumento significativo nas emis-
do gerente comercial da Multiarmazéns, Alexandre sões deve-se ao trabalho cuidadoso que é realiza-
Brittes. do de forma a colaborar para que o Despachante
No mesmo mês, o responsável comercial do Aduaneiro preste serviço eficiente ao seu cliente”,
SENAC - Uruguaiana, Rodrigo Bessow e o diretor salienta o administrativo- financeiro do SDAERGS,
do SEST-SENAT de Uruguaiana, Paulo Ivan Beux Alexandre dos Santos.
receberam a visita da assessoria de imprensa e
receberam diversos exemplares da revista Aduanei- Serviço – Para realizar a emissão de Certificado
ro News. As mesmas podem ser utilizadas pelos de Origem via SDAERGS, o associado necessita
alunos dos cursos realizados por estas entidades levar o Certificado em seis vias, duas cópias da
como forma de pesquisa e consulta de dados fatura comercial e cópia da Procuração do seu
relevantes sobre o Comércio Exterior. cliente.
www.sdaergs.com.br 7
BASTIDORES

RIO GRANDE

Departamento Comercial Doação em orfanato


visita despachantes alegra crianças e adolescentes

Nos dias 9 e 10 de março, a delegacia de Rio


Grande entregou os kits de material de limpeza e
higiene ao Orfanato Maria Carmen. A doação faz
parte da Campanha de Natal da delegacia. A assisten-
te administrativo-financeiro do SDAERGS, Tatiane
Ávila e o delegado do Sindicato, Paulo Ricardo Ávila
realizaram a entrega dos 24 kits. Ao total, 11 despa-
chantes aduaneiros associados participaram da
Campanha de Natal, alegrando cerca de 20 crianças e
adolescentes que são assistidas pela entidade.
O SDAERGS agradece a contribuição dos associa-
dos que fazem o dia-a-dia do Orfanato mais fácil e
Diego Mascia e Breno Luz integram o novo setor.
feliz:
· Luis Fernando Figurelli
Desde junho de 2010 foi implantado o setor
· Graziella Figurelli
comercial no SDAERGS. Os assessores do departa-
· Tilmar Antelo Machim
mento comercial, Diego Mascia e Breno Luz, são · Almir Freitas Marques
responsáveis por divulgar a importância do recolhi- · Ana Lapa
mento de honorários, mostrar os benefícios da · João carlos Silva Lapa
entidade aos seus filiados e ouvir o que o despa- · Edison José Jardim
chante aduaneiro tem a dizer sobre o Sindicato · Emerson SaoresMoreno
através de críticas e sugestões. Mascia atende as · Mario José Souza Lucas
regiões de Porto Alegre, Grande Porto Alegre, Chuí, · Marcio Coimbra A Goulart
Rio Grande e Jaguarão e Luz, Uruguaiana, Santana · Luciano Duval Barbosa
do Livramento e São Borja.
Sobre a instituição
De 15 a 17 de fevereiro, Diego Mascia esteve em
Rio Grande visitando despachantes instalados no O Orfanato Maria Carmen, localizado na Rua Dr.
local. “Acredito que eles ficaram satisfeitos em ver o Nascimento, 157 - Centro, em Rio Grande, atua há
Sindicato procurando o seu associado, pois desta mais de 20 anos abrigando crianças que são abando-
forma, conseguimos ter um canal direto de relacio- nadas na maternidade ou retiradas de seus lares por
namento entre SDAERGS e o despachante”, assina- abuso sexual, violência e demais motivos. Uma
lou. Na opinião dos despachantes visitados, a equipe técnica formada por psicóloga e assistente
iniciativa é muito produtiva. “Essas simples atitudes social realiza o tratamento das crianças e adolescen-
de estar presente e procurar saber nossas dificulda- tes do orfanato, além de acompanhar a reintegração
das mesmas às suas famílias ou o processo de
des operacionais no Porto e sugestões ao Sindicato
adoção.
são muito importantes. Esperamos que aconteçam
mais vezes”, afirmou o associado Ilmar Canary.

8 www.sdaergs.com.br
BASTIDORES

BRASÍLIA

SDAERGS
reivindica
agilidade nas
liberações
de mercadorias
A reivindicação é a falta de fiscais da Anvisa lotados no Chuí.

No final de fevereiro, o presidente SDAERGS, assessores da senadora Ana Amélia Lemos, que
Lauri Kotz participou, em Brasília, de reunião informaram que a senadora defendeu a realiza-
com o diretor-presidente em exercício da ção de concursos públicos para o ingresso de
Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvi- servidores na Anvisa de forma regionalizada,
sa), Dirceu Barbano e com o diretor José Age- para que sejam contratados servidores locais
nor da Silva. “Não há servidores da Anvisa para o desempenho de funções aduaneiras.
lotados no Chuí para inspeção de mercadorias A Anvisa garantiu que trabalhará no assunto
na fronteira. Por este motivo, a fiscalização de e que irá acelerar estudos de efetuar convênios
produtos é dependente de fiscais de Porto com as Prefeituras locais para fornecer técnicos
Alegre e Rio Grande. Além disso, 60% dos que devem ser treinados para realizar a fiscali-
fiscais da Agência estão em condições de zação. Além disso, dará continuidade nas
requerer a aposentadoria”, salientou Kotz. forças tarefas, anuindo as Licenças de Importa-
Na ocasião, foi entregue um documento ção via Brasília. Deve publicar um Edital de
elaborado em conjunto com a Associação remoção interna para contemplar duas vagas
Brasileira de Transportadores Internacionais, definitivas para o Chuí e demais fronteiras do
Fecomércio-RS e Federação das Câmaras de Rio Grande do Sul. A Agência informou que
Comércio Exterior, sugerindo soluções para a trabalhará com propostas de melhorias futuras
facilitação do ingresso de mercadorias no para fiscais lotados em cidades fronteiriças.
Chuí. Estiveram presentes na reunião, os

www.sdaergs.com.br 9
ESPECIAL

Mudanças na fiscalização do MAPA - Ministério

O Sistema de Informa-
ções Gerenciais de
Importação e Exporta-
ção do Vigiagro está em
fase de implantação em
todo o Brasil.

Jorge Vargas – Fiscal Federal Agropecuário do MAPA

Até julho, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Em que fase se encontra a implan-


Abastecimento (MAPA) pretende implantar em todo o tação do novo procedimento?
país o SIGVIG - Sistema de Informações Gerenciais de
Importação e Exportação do Sistema de Vigilância Em Uruguaiana estamos na fase
Agropecuária Internacional (Vigiagro). Até início de inicial de treinamento dos FFA e simulta-
março, os portos de Santos e Corumbá no Mato neamente tendo ações junto com o
Grosso haviam implantado o sistema. No RS, no Sindicato no cadastramento de usuários
mesmo período, os fiscais federais agropecuárias para conseguir acesso ao sistema.
estavam sendo treinados e tendo ações em conjunto
com o SDAERGS para cadastramento dos usuários. Quais serão os próximos passos?
Após ser implantado nos portos, o SIGVIG chegará às
unidades de fronteira e logo, nos aeroportos. Após os usuários terem senha de
O Aduaneiro News conversou com o fiscal federal acesso ao sistema, faremos reuniões de
agropecuário (FFA) Jorge Vargas sobre esta novidade treinamento para ensinar como fazer a
para saber como a mesma irá funcionar e de que inclusão de representante legal e impor-
forma irá transformar o desembaraço aduaneiro. tador / exportador.
10 www.sdaergs.com.br
da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

O que muda para os Qual é a data prevista Para o MAPA, como o


despachantes aduaneiros para finalização da implan- SIGVIG irá auxiliar?
após a instalação do tação do sistema em todo o
SIGVIG? território nacional? Vai auxiliar na gestão da
Vigilancia Agropecuária
Os mesmos poderão fazer Informações do Coordena- Internacional com a padroni-
seus requerimentos de qual- dor Geral do Vigiagro Marcos zação de informações e
quer ponto que tenha acesso Barros Valadão, que esteve gerenciamento da movimen-
a Internet, além da possibili- em Uruguaiana no mês de tação dos portos, aeroportos,
dade de acompanhar toda a fevereiro, é que até julho de pontos de fronteira, eadi do
movimentação do processo 2011 o sistema esteja implan- interior, sendo possível obter
dentro do SVA ou Uvagro de tado em todo o país. relatórios em tempo real do
sua área de atuação. que está entrando ou saindo
do país. Possibilitará, tam-
De que forma o SDAERGS bém, que a Coordenação em
vai auxiliar na divulgação e Brasília saiba o histórico de
Em geral, qual será a
adaptação ao SIGVIG? toda a movimentação de um
maior mudança com a
requerimento dentro do
instalação deste sistema?
Auxiliando seus associados serviço. Também possibilitará
nesta fase inicial com distribu- a avaliação da necessidade da
A possibilidade do usuário ição de manual sobre o análise de risco pragas de
do serviço acompanhar via SIGVIG, disponibilizando acordo com a origem do
sistema a situação em que se espaço para treinamento, produto, entre outros.
encontra o requerimento mantendo um banco de
apresentado para a fiscaliza- dados com dúvidas e proble-
ção e ficar sabendo de possí- mas que forem surgindo
veis pendências para a libera- durante a utilização do
ção da mercadoria. SIGVIG.

www.sdaergs.com.br 11
PARECER JURÍDICO

RETORNO DE MERCADORIA NACIONAL


2ª PARTE/4 – (REPARO OU SUBSTITUIÇÃO)

Como abordado no periódico anteriormente publicado,


o retorno de mercadoria exportada, ou seja, a reimporta-
ção, é um fato completo a ser manejado pelos operadores
aduaneiros.
Assim sendo, após termos anteriormente analisado o
retorno de mercadoria nacional por fatores alheios,
cumpre-nos agora na presente edição analisar o retorno
para fins de reparo ou substituição, os quais estão também
sob a égide da não incidência de tributos conforme Inciso II
do artigo 11 do Decreto Lei 491, de 1969.
Nesse passo, pelo menos na prática, muitos retornos
como é o caso em estudo, exige preliminarmente que seja
efetuado um exame dos fatos e da finalidade proposta
pelo importador/exportador. Logo é de supina importância
salientar que para aplicação correta do procedimento
aduaneiro, é mister antes de tudo discernir se o bem que
ora retorna vai ser substituído por outro ou vai sofrer
reparo.
No que tange ao reparo, existe uma controvérsia acerca
do prazo que o bem deve retornar ao Brasil, tomando por
base a sua saída, pois o Fisco em muitas jurisdições adua-
neiras entende que se o prazo for significativo não é legal o
retorno com não incidência, exceto se haja um contrato de
garantia entre as partes.
Diante disso, não havendo contrato e o se a mercadoria
ingressa para reparo, isto é, o mesmo bem que ingressou
Walter Veppo - Assessor Jurídico
do SDAERGS irá sair para o exterior, então o interessado poderá optar
pelo regime especial de admissão temporária, previsto no
artigo 5º da IN SRF 285, de 2003, cujos tributos ficarão
suspensos sob termo de responsabilidade, in verbis: § 1º O
disposto no caput deste artigo aplica-se, ainda, na impor-
tação temporária de: II - bens a serem submetidos a
ensaios, testes de funcionamento ou de resistência,

12 www.sdaergs.com.br
conserto, reparo ou restauração. O dilema é que a fiscalização entende que a
Considerando, todavia, que o propósito seja mercadoria nacional ao ser exportada perde seu
retorno para substituição, ou seja, a mercadoria status e é para todos efeitos legais considerada
que irá retornar seja outra idêntica ou similar, estrangeira.
aplicar-se-á a não incidência sob despacho para Contudo, tendo em vista que a Constituição
consumo. O importador então deverá providenciar Federal afirma que os tributos somente podem ser
a confecção da competente Declaração de Importa- exigidos de produtos estrangeiros haja vista que a
ção, (DI), sendo facultado a DSI (Declaração Simpli- lei não pode ampliar o conceito de mercadoria
ficada de Importação), pois no caso é inadmissível a estrangeira, ou seja, dizer que ainda é considerada
aplicação do regime de admissão temporária estrangeira a mercadoria nacional quando retornar
porque o mesmo, ressalvado os bens aeronáuticos ao País, sendo assim, não podem ser tributadas,
não admite a substituição no regime suspensivo. então é incabível exigir nessa operação o imposto
Como já foi pregado no periódico anterior, no de importação, IPI, Pis e COFINS-Importação e
artigo 1º do Decreto Lei 37 de 1966, estabelece o também o AFRMM.
conceito de mercadoria estrangeira na legislação Em suma, muito embora tenha sido firmado
aduaneira, isto é, considera-se estrangeira a merca- Termo de Responsabilidade, a sua origem é viciosa,
doria nacional exportada exceto nos casos ali cabível de anulação. A questão é remansosa na
enumerados, dentre os quais encontramos o jurisprudência. Se por ventura for exigido do
retorno por fatores alheios a vontade do exporta- importador os referidos tributos, haja vista o
dor. descumprimento da devolução, o interessado se
A primeira problemática a ser enfrentada é que não estiver disposto a pagar o valor do crédito
nos casos de inadimplemento do retorno, isto é, deverá recorrer junto ao poder judiciário a fim de
caso exportador brasileiro resolva não devolver que seja dado ordem judicial para que a mercadoria
mais o bem, o Fisco irá intimá-lo para pagar tributos seja desembaraçada sem o pagamento dos Impos-
tendo em vista que considera que o ingresso perdeu tos e demais gravames.
o tratamento porque não vai mais substituir o bem.

Walter Machado Veppo – Advogado e Consultor de Empresas - Sócio Diretor da


Veppo Advogados Associados SS– Formado em Direito pela PUC-RS – Pós Graduado
em Direito Aduaneiro e Comércio Exterior pela UNIVALI-SC; Professor de Direito
Aduaneiro, Legislação Aduaneira e de Sistemática de Comércio Exterior da PUC-RS e
Assessor Jurídico da Associação Brasileira dos Transportadores Internacionais (ABTI) e
Sindicato dos Despachantes Aduaneiros do Estado do Rio Grande do Sul (SDAERGS).

www.sdaergs.com.br 13
PLANEJAMENTO

Comunicação nas
empresas de serviços

Durante muito tempo as empresas de servi- relação com as pessoas e outra relação com o
ços foram gerenciadas do ponto de vista mercado. A hora e a vez da comunicação.É
mercadológico como se empresas de produtos papel da comunicação deixar claro aos colabo-
fossem. Há, entretanto, peculiaridades em radores o que se espera deles em termos de
serviços que os distinguem e provocam outras atenção aos clientes. Qual o jeito de atender e
demandas dos gestores.Estas peculiaridades quais padrões estão estabelecidos. Há que
devem-se a algumas características, entre elas: comunicar a todos, em geral, mais de uma vez.
variabilidade, perecibilidade, e intangibilidade. Com esta estratégia estaremos evitando que
A variabilidade dá conta que se trocarmos a cada pessoa preste um serviço segundo precei-
pessoa que executa um serviço, e nada mais tos pessoais.
fizermos, muito provavelmente, haverá A regulagem da demanda pelo serviço
mudanças no padrão de serviço prestado. Para também pode ser apoiada pela comunicação
melhor ou para pior. com os clientes. Há que administrar a deman-
A perecibilidade por sua vez indica que, ao da, induzir a demanda, principalmente nos
contrário dos produtos, serviços não podem ser momentos nos quais a inflexão é para baixo.
estocados: o assento de um avião que viaja Finalmente, há que tangibilizar o intangível.
vazio, nunca poderá ser vendido há um cliente. Ainda que sem a experimentação, estratégias
Finalmente, a priori, não é possível avaliar de comunicação podem estimular a decisão de
um serviço sem usufruir dele. Um tratamento um potencial comprador. É o momento de
odontológico só pode ser conhecido em princí- mostrar, através de gráficos, o modelo de
pio depois de utilizado. funcionamento da empresa, seus processos
Ora, serviços, portanto implicam outra internos, evocar testemunhais dos clientes e

14 www.sdaergs.com.br
mostrar as evidências físicas que dão
sustentação aos serviços.
Vale para todos os serviços, sejam um
consultório médico, um escritório de
advocacia ou uma rede de fast food.
Os despachantes aduaneiros serão todos
iguais até que um deles aja e comunique
suas ações de forma diferenciada. André Arnt – Consultor empresarial e professor universitário.

André Arnt
Consultor empresarial e professor universitário. Como consultor, já prestou assesso-
ria a mais de cinquenta organizações de médio e grande porte no Brasil e Mercosul nas
áreas de estratégia, branding e marketing, entre elas destacam-se Mars, FCC, Rexnord,
Timac, Roullier Argentina, EBCT, Ambev, Fitesa, entre outras. Na atividade de professor,
leciona nos curso de graduação e pós-graduação de instituições como Centro Universi-
tário Metodista do Sul e Universidade de Santa Cruz do Sul nas Áreas de Negócios e
Comunicação Social. Coordena o curso de pós-graduação de Marketing do Luxo da
ESADE.

www.sdaergs.com.br 15
BENEFÍCIOS

O associado SDAERGS conta com uma gama de serviços gratuitos


O objetivo é proporcionar bem-estar e qualidade de vida
aos despachantes aduaneiros.

Assistência médica (Unimed);


Seguro de Vida;
Serviço de coleta de documentos (Planalto);
Salas de apoio em recintos alfandegados; Rotnet
Serviços & Tecnologias
Consulta da Legislação (Aduaneiras);
Informativo bimestral Aduaneiro News;
SDAERGS Digital – provedor, internet e aceso ao Siscomex (Rotnet);
Linha de crédito com taxas especiais (Bradesco);
Pesquisa de produtos com melhores preços – Central de Administra-
ção de Fornecedores (CAF);
Seguro de Responsabilidade Civil do Despachante Aduaneiro;
Certificação Digital para acesso SISCOMEX/SISCARGA - SAFEWEB
Aquisição de software com preços especiais;
Legislação com descontos especiais;
Palestras e cursos voltados à qualificação profissional do associado.

CAF – Central de Administração de Fornecedores


Pesquisa de qualidade e preço de fornecedores de
material de: escritório, cozinha, copa, limpeza,
impressora e informática
Ligue: (51) 3751-1520 ou (51) 9994-3344

SDAERGS
E-mail: caf.nolibos@sdaergs.com.br
ou nolibos@pannet.com.br
Serviço exclusivo aos associados do SDAERGS

16 www.sdaergs.com.br
POR DENTRO DO COMEX

Operador Econômico
Qualificado

O programa brasileiro de Operador Econômico


Qualificado (OEQ) será denominado PASS Programa
Aduaneiro de Segurança, Controle e Simplificação, cujo
objetivo é simplificar, agilizar e oferecer segurança ao
fluxo logístico do comércio exterior.
A certificação no PASS é voluntária e destina-se a
pessoas físicas ou jurídicas que operam com regularida-
de no comércio exterior, podendo ser concedida nas
modalidades Ágil-PASS, Log-PASS ou Total-PASS, sendo Vanessa Ventura - Advogada da Tradeworks Logística
que nas duas primeiras o interessado poderá escolher os Com base nas informações supracitadas antecipa-se
estabelecimentos que pretende certificar. que se trata de um programa muito similar ao do Regime
Para fins de certificação, a empresa deverá efetuar de Despacho Aduaneiro Expresso – Linha Azul, exposto
uma auto-avaliação e estar apta a responder positiva- de forma mais simples e direta.
mente as questões dirigidas à modalidade de certifica- Desta forma, dada minha atuação em mais de 70%
ção pretendida, elencadas no sítio da Receita Federal. (setenta por cento) dos Atos Declaratórios Executivos,
Para se certificar, será necessário, também, preencher que conferiram às empresas brasileiras suas respectivas
alguns requisitos quantitativos e qualitativos, como um habilitações ao Linha Azul, consolida-se minha vasta
volume mínimo anual de operações de importação e/ou experiência e conhecimento técnico em prestar consulto-
exportação e a inexistência de sócio em paraíso fiscal, ria necessária à sua certificação no PASS .
como exemplos. De qualquer forma, recomenda-se as empresas, que
O objetivo do OEQ será alcançado mediante aplica- estejam interessadas no OEQ, que enquanto aguardam a
ção de medidas como priorização no atendimento na publicação da norma oficial, prevista ainda para 2011,
inspeção de cargas selecionadas, como também na não se abstenham de habilitarem-se ao regime Linha
redução do percentual de seleção de cargas para canais Azul, que deverá se constituir em um importante e
de conferência aduaneira e autorização de embarque seguro trampolim para o OEQ, certamente.
antecipado nas operações de exportação.
Vale ressaltar que, uma vez encerrado o processo de
certificação, o operador passará por um monitoramento Vanessa Ventura - Graduada em Direito pela Faculdade Padre
Anchieta de Jundiaí - Pós graduada em Direito Tributário pela
periódico da RFB, devendo comprovar as condições Pontifícia Universidade Católica de Campinas - Possui formação de
necessárias à manutenção do programa, sempre que Auditoria Interna da Qualidade - Participação, em conjunto com a
notificado. Entretanto, independente da notificação, o Receita Federal, na elaboração do ADE COANA 19/08, que disciplina a
operador deverá manter seus documentos e registros retificação de processos das empresas habilitadas no Linha Azul ou
em processo de habilitação – Participação na reestruturação do
atualizados e garantir acesso direto e irrestrito à fiscaliza- departamento de Comércio Exterior da Companhia Vale.
ção nas dependências da empresa. vanessabventura@gmail.com - telefone (19) 9266-4735.

www.sdaergs.com.br 17
MURAL DE RECADOS

Atualização de dados Cursos, Palestras e


dos associados Seminários

Estamos atualizando os e-mails, endereço A principal meta da gestão atual do


comercial e datas de aniversários de nossos SDAERGS é oferecer cursos, palestras e
associados. A equipe de Marketing e Comuni- seminários de qualidade para seus filiados.
cação passará a enviar várias novidades aos Desta forma, a classe se torna mais
associados via e-mail. qualificada e forte.
Portanto, pedimos a gentileza de enviar Para que isso seja possível, e buscando
estes dados para o endereço eletrônico infor- atender as reais necessidades do
me@sdaergs.com.br ou telefonar para a despachante aduaneiro, solicitamos que
delegacia de Uruguaiana - Telefone: (55) 3411- você dê sua opinião. Envie para
4324 e informar estes dados à colaboradora marketing@sdaergs.com.br sugestões de
Priscila Almeida. temas ou palestrante que lhe interessa para
Nosso objetivo é sempre oferecer o melhor que possamos realizar o evento de acordo
serviço aos nossos associados! com o seu interesse. Participe!

SDAERGS Errata
Comentários sobre o conteúdo
@ editorial do informativo,
sugestões e críticas:
Bastidores
Na foto veiculada na edição de Janeiro/Fevereiro estão o
associado Fabio Belau, sua esposa Neli Scipioni e o diretor
tesoureiro do SDAERGS, Marcial Humberto Antunes. E não
Telefone: (55) 3411.4324 o associado Miron Korenowski.
E-mail: priscila@sdaergs.com.br
Aniversariantes
Endereço: Rua Andradas, 2024 Quem fez aniversário dia 14 de fevereiro foi o associado
Uruguaiana - RS - 97500-041 Leoni Machado Etcheverry, e não seu pai e também
associado, Leoni Samuel Etcheverry.

18
SDAERGS
SDAERGS PORTO ALEGRE
Rua Caldas Júnior, 20 – 10º andar
Estrutura SDAERGS CEP: 90010- 260
Fone: (51) 3228 2563

Delegacias

SDAERGS NOVO HAMBURGO


Rua Benjamin Constant, nº. 515
Tel./Fax: +55 51 3527 5116
ÃO BORJA
E-mail: nh@sdaergs.com.br SDAERGS S sala 203
ra l O só ri o , nº. 2341,
Rua Gene 5 55 3431 1
834
Tel./Fax: +5 m .br
sdaergs.co
E-mail: sb@

SDAERGS U
RUGUAIANA
Rua dos An
dradas, nº.
Tel./Fax: +5 2024
Salas de Apoio E-mail: ur@
5 55 3411 4
sdaergs.com
324
.br
SALA DO EXPORTADOR
Av. Borges de Medeiros nº 1501/16°A - Bairro Centro
CAFF ( Centro Administrativo Fernando Ferrari)
Porto Alegre - RS- Tel: +55 51 3288 1000

SALA AEROPORTO - AEROPORTO INTERNACIONAL


SALGADO FILHO
Av. dos Estados, nº. 747 - Terminal de Carga Aérea - Sala 10
Porto Alegre - RS - Tel.: +55 51 3371 1620

SALA BAGERGS - TERMINAL DE CARGAS BANRISUL


Av. Getúlio Vargas, nº. 8201 - Canoas - RS
Tel.: +55 51 3475 7936

SALA EADI SUL – PORTO SECO RODOVIÁRIO SDAERGS RIO GRANDE


BR 290, KM 718 - Uruguaiana - RS
Rua Mal. Floriano, nº. 286
Tel./Fax: +55 53 3231 5851
SALA TECON - TERMINAL DE CONTAINERS
Via 1, 700 lote 14, Distrito Industrial - 4ª. Secção da Barra E-mail: rg@sdaergs.com.br
Rio Grande - RS - Tel.: +55 51 3234 1028