Você está na página 1de 56

História do Brasil 4

Brasil República II

Capítulo 1
01. UECE b) pela linha insurrecional dos comunistas que pre-
A respeito das posições assumidas pelo governo do tendiam iniciar uma revolução a curto prazo.
general Eurico Dutra, pode-se dizer corretamente: c) por ser o Partido Comunista frágil e destituído de
a) no contexto da redemocratização, Dutra instalou expressão social.
um governo amplo, democrático, que permitia d) por um acordo partidário firmado pela UDN, o PSD
todas as manifestações políticas, inclusive dos e PTB.
comunistas.
e) pelo desejo de acalmar as Forças Armadas que
b) Dutra, apesar de ter sido eleito pelo voto popular, ameaçavam interromper o jogo democrático.
reforçou as instituições e métodos do Estado Novo,
fechando o Congresso e outorgando uma nova 07. PUC-RJ
Constituição.
Nos anos de 1941 e 1942, houve mudanças na
c) apesar do apoio aos EUA durante a guerra, Dutra
configuração das alianças políticas e militares que
procurou manter uma posição independente no
plano internacional. então caracterizavam a Segunda Grande Guerra
(1939-1945). Frente a tais alterações, o governo do
d) alinhando-se totalmente com o bloco liderado pelos
presidente Getúlio Vargas imprimiu novos rumos à po-
EUA, no contexto de fermentação da Guerra Fria,
Dutra procurou meios para perseguir ou neutralizar lítica externa brasileira. Sobre esses acontecimentos,
a influência dos comunistas. podemos afirmar que:
I. o ataque japonês a Pearl Harbor, em 1941, deflagrou
02. a participação militar ostensiva dos EUA na guerra.
Dê as principais características da Constituição bra- II. a invasão alemã, na União Soviética, em 1941,
sileira de 1946. interferiu, entre outros aspectos, na aproximação
diplomática e militar entre EUA, URSS e Inglaterra.
03. III. a crescente aproximação diplomática com os EUA
O Plano Salte priorizava como metas de governo: condicionou a declaração de guerra ao Eixo, por
saúde, alimentação, transporte e energia. O Plano parte do governo Vargas, em 1942.
corresponde ao governo de: IV. a participação militar brasileira na guerra, associada
a) Jânio Quadros. d) Getúlio Vargas. ao envio da FEB, conjugou-se à ofensiva das tropas
b) Juscelino Kubitschek. e) João Goulart. aliadas, no front europeu, em meados de 1944.
c) Eurico Gaspar Dutra. Assinale a alternativa correta.
a) Apenas as afirmativas I e III estão corretas.
04. Cesgranrio-RJ
b) Apenas as afirmativas I e II estão corretas.
Durante a presidência de Harry Truman (1945-53),
c) Apenas as afirmativas II e IV estão corretas.
criou-se a Doutrina de Segurança Nacional, cujo ob-
jetivo era conter o avanço do comunismo no mundo. d) Apenas as afirmativas I, III e IV estão corretas.
Na Europa, adotou-se o Plano Marshall. Na América e) Todas as afirmativas estão corretas.
Latina, os Estados Unidos buscaram uma política de
alianças, cuja expressão foi o(a): 08. Unirio-RJ
a) Pacto Andino. A redemocratização do Brasil, em 1945, e o fim da
b) Tratado Interamericano de Assistência Recíproca. Segunda Guerra Mundial consolidaram uma política
c) Tratado de Bryan-Chamorro. externa, já esboçada durante o conflito mundial, que
pode ser caracterizada pelo(a):
d) Tratado de Guadalupe-Hidalgo.
a) “pragmatismo responsável”, no qual os interesses eco-
e) Primeira Conferência Pan-Americana.
nômicos prevaleceram sobre as posições políticas.
05. b) alinhamento aos Estados Unidos e ao Bloco Ca-
Relacione o rompimento das relações diplomáticas entre pitalista no contexto da Guerra Fria.
o Brasil e a União Soviética, em 1947, à Guerra Fria. c) “política externa independente”, que priorizava
a aproximação com as antigas colônias recém-
06. Fuvest-SP independentes.
Em 1947, o Partido Comunista foi colocado na d) valorização da integração e formação de blocos,
PV2D-07-HB-44

ilegalidade no Brasil. Essa decisão se explica basi- dentro de uma concepção latino-americanista.
camente: e) aproximação com os países europeus, visando a
a) pela bipartição do mundo em blocos antagônicos, recuperar os mercados perdidos durante a Segun-
conseqüência da Guerra Fria. da Guerra.
57
09. UEL-PR a) a elevação drástica das taxas inflacionárias, devido
... criou em 1945 um partido social-democrata que, aos aumentos reais concedidos ao salário mínimo.
como todos sabemos, se consolidou como o mais b) uma forte recessão, devido aos termos ortodoxos
importante partido agrário do país. (...) criou também do acordo então firmado com o FMI.
um partido trabalhista, e há quem diga que buscou c) graves dificuldades no setor exportador, devido
inspirar-se no Labour Party...
à elevação de taxas protecionistas condenadas
O texto permite associar:
formalmente pelo GATT.
a) Jânio Quadros ao PDS e ao PSB.
d) falhas no abastecimento interno de insumos in-
b) Eurico Gaspar Dutra ao PCB e ao PFL.
dustriais, devido ao cancelamento unilateral de
c) Juscelino Kubitschek ao PRM e ao PDT. acordos comerciais com os Estados Unidos.
d) Getúlio Vargas ao PSD e ao PTB.
e) o esgotamento das divisas internacionais do país,
e) João Batista Figueiredo ao MDB e ao PRN. devido à abertura então praticada no setor das
importações.
10. Unirio-RJ
O fim do Estado Novo e o processo de redemocratiza- 14. Unifesp
ção do país criaram novas estruturas partidárias que Sobre o processo de industrialização no Brasil, no
não representavam, em sua totalidade, uma ruptura
século passado, é correto afirmar que:
com a Era Vargas porque:
a) sofreu, na década passada, um salto de qualidade,
a) os novos partidos surgiram dos movimentos de
oposição reprimidos durante o Estado Novo. perdendo seu caráter dependente e tecnologica-
mente atrasado.
b) os partidos eram representativos apenas das po-
pulações e lideranças urbanas mais politizadas. b) consolidou-se somente quando o Estado, depois
c) o PTB (Partido Trabalhista Brasileiro) reuniu as de 1930, tomou a iniciativa de assegurar sua im-
principais lideranças do movimento operário sob plementação.
a influência do socialismo soviético. c) conheceu sua fase de maior crescimento a partir
d) o PSD (Partido Social Democrático) foi organizado do momento em que o país aderiu à globalização
com base nas administrações estaduais do próprio e ao neoliberalismo.
Estado Novo. d) passou por suas duas maiores fases de estagna-
e) a UDN (União Democrática Nacional) agregou os ção durante as duas guerras mundiais.
diversos grupos políticos e sociais ligados a Getúlio e) vivenciou durante o milagre econômico dos anos
Vargas. 1969-1973 várias greves operárias generalizadas.
11. 15. FAAP-SP
Qual foi o contexto político no qual Dutra elegeu-se Durante o seu governo, o desenvolvimento da Guerra
presidente da República? Fria e o alinhamento do Brasil com os EUA provoca-
ram o rompimento das relações diplomáticas com a
12. UEL-PR União Soviética e o Partido Comunista foi posto na
O processo de redemocratização, instaurado no Brasil, ilegalidade, sendo cassados os mandatos de seus
em 1946, foi ameaçado durante o governo de Eurico representantes nas câmaras legislativas:
Gaspar Dutra, em razão da sua posição política, uma
vez que o presidente: a) Washington Luís.
a) alinhou-se à União Soviética, o que provocou b) Getúlio Vargas.
pressões políticas e econômicas dos Estados c) Marechal Dutra.
Unidos. d) Café Filho.
b) cassou os mandatos dos representantes do Par- e) Nereu Ramos.
tido Trabalhista Brasileiro, por ser um partido de
oposição ao seu governo. 16. UFF-RJ
c) perseguiu os integralistas e tornou ilegal a Ação A partir de 1945 e até a década de 50, observaram-se
Integralista Brasileira, prendendo, inclusive, o seu intensas transformações na esfera política brasileira,
líder Plínio Salgado. impulsionadas pelos resultados da Segunda Guerra
d) desenvolveu uma política econômica planificada, Mundial. Dentre tais transformações, destaca-se:
que provocou insatisfação das multinacionais
a) o processo de “redemocratização” baseado no mul-
instaladas no país.
tipartidarismo oriundo do fim do Estado Novo.
e) colocou o Partido Comunista do Brasil na ilegali-
dade, rompendo inclusive relações diplomáticas b) a modernização industrial sob a liderança das
com a URSS. oligarquias nordestinas.
c) a manutenção da economia agroexportadora
13. PUC-RS brasileira com o fim do processo de substituição
O Plano Salte (Saúde, Alimentação, Transporte e de importações.
Energia) foi uma tentativa de planificação estatal da d) a industrialização regional do Vale do Cariri forta-
economia no governo Dutra. Pode-se afirmar que um lecida pela ação do Estado Novo.
dos fatores que condicionaram o relativo fracasso do e) a consolidação dos poderes locais determinada
plano foi a política econômica inicialmente adotada por pelos projetos de modernização industrial do
aquele governo, a qual determinou: governo Dutra.
58
17. UFMG 19.
Leia este trecho:
Durante o governo do general Eurico Gaspar Dutra,
foi criada, em 1948, uma Comissão Técnica Mista
com o objetivo de promover o desenvolvimento eco-
nômico brasileiro atrelado aos capitais e interesses
norte-americanos. Essa comissão, chefiada pelo
economista brasileiro Otávio Gouveia de Bulhões
e pelo norte-americano John Abbink, produziu em
1949 um documento conhecido como relatório
Abbink. Segundo os princípios do liberalismo, o
relatório dizia que o crescimento econômico nacio-
nal deveria se dar pela dinamização da iniciativa
privada, pela contenção da especulação imobiliária
nos principais centros urbanos e, sobretudo, pela
expansão e modernização dos meios de transporte
e da produção de energia.
BERTOLLI FILHO, Cláudio. De Getúlio a Juscelino. 1945-1961.
São Paulo: Ática, 2000. p. 16.
Algumas propostas apresentadas por essa Comis-
são Técnica Mista tiveram desdobramentos que se
efetivaram ainda durante o governo Dutra. Entre
esses desdobramentos, inclui-se a:
“How do you do, Dutra?” “ How tru you tru, Truman?”, teria
a) expansão da malha rodoviária e a abertura do respondido o presidente, segundo piada corrente na época
Brasil a empresas multinacionais norte-ameri-
A foto acima faz referências:
canas produtoras de automóveis, caminhões e
tratores. a) ao estreitamente das relações diplomáticas entre
Brasil e Inglaterra no sentido de aproximar o Brasil
b) nacionalização de todas as companhias estran-
dos países aliados durante a Segunda Guerra
geiras de energia elétrica que atuavam no País,
Mundial.
visando a diminuir o custo de operação das
b) ao período da Guerra Fria, logo após a Segunda
empresas nacionais.
Guerra Mundial, quando da visita do presidente
c) privatização das empresas estatais, alocadas, a brasileiro aos Estados Unidos.
partir de então, nas mãos da iniciativa privada,
c) à Segunda Guerra Mundial, quando o Brasil con-
com base numa política de subsídios fiscais.
firmou sua participação junto aos aliados, congra-
d) adoção de um plano econômico governamental tulando-se com o presidente norte-americano.
de investimentos, que priorizava as áreas de d) ao período do Estado Novo, quando da visita do
saúde, alimentação, transporte e energia. presidente norte-americano ao Brasil, tendo sido
recebido pelo ministro das Relações Exteriores.
18. UFES
e) ao estreitamento das relações econômicas entre
A história econômica da presidência de Dutra pode
Brasil e Estados Unidos, durante o período da
ser dividida em duas fases: 1946-47 e 1947-50. No
política café-com-leite, em substituição à presença
primeiro período ensaiou-se o retorno aos princípios inglesa no país, que vinha desde o Império.
do liberalismo do laissez faire, uma política que
foi abalada pelo rápido esgotamento das reservas 20.
brasileiras de divisas e do resultante déficit no ba- Qual era a composição social do Partido Democrático
lanço de pagamentos em 1937. A reintrodução de (PSD), ao qual pertencia o general Dutra?
controles cambiais, em junho de 1947, marcou o
começo da transição para o segundo período com 21.
o aceleramento da ‘industrialização espontânea’ e Benedito Valadares, em suas Memórias (Tempos Idos e
uma inclinação para formas rudimentares de plane- Vividos, 1966), assim descreve os fundadores de um dos
jamento geral dos gastos federais. partidos políticos que surge no fim do Estado Novo:
SKIDMORE, Thomas E. Brasil: de Getúlio a Castelo Branco ... os que não aceitaram a Revolução de 30; os que
(1930-1964). Rio de Janeiro: Editora Saga, 1969, p. 96. a fizeram e se sentiram traídos...; os que a fizeram e
Considerando que o governo do presidente Euri- se desentenderam com o presidente...; os que assi-
co Gaspar Dutra (1946-1950) transcorreu numa naram o “Manifesto dos Mineiros”; todos aqueles que
conjuntura internacional demarcada pelo início da
PV2D-07-HB-44

por questões políticas e/ou pessoais não aceitavam


Guerra Fria, cite e caracterize quatro fatos políticos a organização ditatorial montada sob a Constituição
significativos, contemplando as duas fases mencio- de 37.
nadas no texto. O partido em questão chama-se:
59
a) Partido Trabalhista Brasileiro (PTB). 26. Mackenzie-SP
b) Partido Comunista Brasileiro (PCB). A crise do segundo governo Vargas, em agosto de
c) Partido Social Democrático (PSD). 1954, foi desencadeada, dentre outros fatos, porque:
d) União Democrática Nacional (UDN). a) a eleição de Vargas fora impugnada pelo Supremo
e) Partido Socialista Brasileiro (PSB). Tribunal.
b) o governo populista de Vargas não tinha apoio e
22. PUCCamp-SP controle das massas urbanas.
Urbanização descontrolada c) o projeto do governo chocava-se com os interes-
Na verdade, o grande período da sociedade brasileira ses do capital estrangeiro e setores da burguesia
foi o pós-guerra, quando é adotado o padrão da socie- nacional.
dade de “bem-estar social”. Esse é o melhor momento d) a política externa brasileira, totalmente alinhada
tanto em termos de crescimento econômico quanto de aos EUA, gerava forte oposição interna.
crescimento ligado a uma política redistributiva. Foram e) a UDN, partido do governo, era pressionada pela
abertos canais de promoção social, com investimentos aliança PTB e PSD, em virtude de suas propostas
públicos em infra-estrutura, em serviços de base, edu- nacionalistas.
cação, saúde e urbanização. Isso perdurou até os fins
dos anos 1970, mas a partir daí o país voltou a patinar e 27. Fuvest-SP
tornou-se cada vez mais concentrador de renda. Como, Os governos de Getúlio Vargas (1930-45/1951-54),
mesmo com retração econômica, a população continuou no Brasil, de Juan Domingo Perón (1946-55), na
a crescer, passamos a ter cada vez mais marginalizados Argentina, de Victor Paz Estensoro (1952-56/1960-
e excluídos. Hoje, o que era um problema social virou 64), na Bolívia, e de Lázaro Cárdenas (1934-40), no
um problema de segurança e vivemos o agravamento México, foram alguns dos mais significativos exemplos
de um quadro que era excludente. Temos uma situação do populismo latino-americano, que se caracterizou
de confronto entre o contingente de excluídos e aqueles notadamente:
que concentram as possibilidades. a) pela aliança com as oligarquias rurais na luta contra
Nicolau Sevcenko. In: Carta Capital, 8/10/2003, p. 38.
os movimentos de caráter solialista.
Se o pós-guerra foi importante para a sociedade bra- b) pelo predomínio político do setor agrário-exporta-
sileira, para a economia ele representou: dor em detrimento do setor industrial.
a) o reaquecimento das exportações do café que c) pelo nacionalismo, e intervenção do Estado na
passou a ser plantado no norte do Paraná. economia, priorizando o setor industrial.
b) a ocupação de grandes extensões do Centro- d) por propostas radicais de mudanças nas estruturas
Oeste e da Amazônia com a agropecuária. socioeconômicas, em oposição ao capitalismo
c) a redução das desigualdades regionais que volta- internacional.
ram a se acentuar na década de 1970. e) por ter concedido às multinacionais papel estraté-
d) um grande impulso no processo de industrialização gico nos setores agrário e industrial.
comandado pelo Estado.
e) o início da descentralização industrial através da 28. UFMG
atuação das transnacionais. Observe esta figura:

23. UERJ
O ano de 1946 traz de volta as eleições para o cenário
mundial político brasileiro, com o fim do Estado Novo.
O governo Dutra (1946-1951), contudo, reflete sua
participação nos quadros da Guerra Fria, caracterizada
pela Doutrina Truman e pelo Plano Marshall.
a) Explique o significado do Plano Marshall relacio-
nando-o ao surgimento da Guerra Fria.
b) Cite dois acontecimentos ocorridos durante o
governo Dutra que evidenciem a influência do
contexto da Guerra Fria.
24. Fuvest-SP
No que consistiu o fenômeno do populismo na história
política brasileira, depois de 1945?

25. Fuvest-SP
Depois da Segunda Guerra Mundial, os Estados
Unidos conquistaram um lugar hegemônico tanto no
plano mais geral da América Latina quanto no plano
mais específico do Brasil. Isso ocorreu, também, na
área cultural.
Discorra sobre essa afirmativa, fundamentando seus
argumentos.
60
BRASILEIROS! e) da reestruturação do Estado através da revisão de
Não assumam sua política industrial, associada à construção de
compromissos uma capital federal (Brasília).
com políticos
reacionários. 31. UPF-RS
ELE VOLTARÁ O ano de 2004 marca o cinqüentenário do suicídio de
conduzido Getúlio Vargas, o estadista que defendeu, ao longo de
pelo povo. sua conturbada carreira política, idéias como a contida
TEIXEIRA, Francisco M. P. Brasil: História e sociedade. na citação “... empenhar-me-ei a fundo em fazer um
São Paulo: Ática, 2000, p. 274.
governo nacionalista. O Brasil ainda não conquistou
Essa figura está relacionada: sua independência econômica e, nesse sentido, farei
a) à campanha eleitoral de 1950, quando Getúlio tudo para consegui-la”. A partir desse posicionamento,
se apresentou como um candidato democrático pode-se afirmar que:
apoiado pela massa de trabalhadores. I. Vargas propunha um nacionalismo que consistia
b) à propaganda da Aliança Liberal, que defendia a em preservar, para o capital estatal e os capitais
coligação dos tenentes com a oligarquia gaúcha, privados nacionais, os setores estratégicos da
tendo Getúlio Vargas como seu líder. economia brasileira.
c) ao culto do regionalismo político, que os órgãos de II. o nacionalismo de Vargas consistia na promoção
propaganda do Estado Novo alimentaram usando de uma política voltada para o atendimento das
a origem gaúcha de Getúlio Vargas. reivindicações dos trabalhadores urbanos e se
d) ao movimento conhecido como queremismo, que, opunha a colaborar com o capitalismo dos países
ao final do Estado Novo, uniu comunistas e traba- mais avançados.
lhistas na luta pela Constituinte com Getúlio. III. as potencialidades do setor agrícola eram as que,
de fato, levariam o país a ser completamente
29. UFJF-MG independente dos imperialismos externos.
Quis criar a liberdade nacional na potencialização de nossas IV. a força política de Vargas residia, principalmente,
riquezas através da Petrobras; mal esta começa a funcionar, nas massas trabalhadoras dos centros urbanos, or-
a onda de agitação se avoluma. A Eletrobrás foi obstaculi- ganizadas em sindicatos controlados pelo Estado.
zada até o desespero. Não querem que o trabalhador seja V. Vargas tinha como meta principal desenvolver o
livre. Não querem que o povo seja independente. setor agroexportador, baseado na cafeicultura.
VARGAS, Getúlio. Carta Testamento. In: D’ARAÚJO, Maria Celina
(org). As instituições políticas brasileiras da Era Vargas. É correto o que se afirma em:
Rio de Janeiro: Ed. Uerj/Ed. FGV, 1999, p. 160. a) I e II apenas. d) II, III e IV apenas.
Sobre a Petrobras, é correto afirmar que: b) I, III e IV apenas. e) III, IV e V apenas.
a) foi instituída como empresa pública em 1953, em- c) I e IV apenas.
bora não tenha sido definido o monopólio estatal
da prospecção de petróleo. 32.
b) sua aprovação no Congresso foi precedida de ampla Na década de 1950, durante o segundo governo de
campanha de massas, envolvendo estudantes, mi- Getúlio Vargas (1950-1954), setores da sociedade
litares, trabalhadores e setores do empresariado. brasileira se mobilizaram numa campanha:
c) pela primeira vez, é instalada uma empresa estatal a) por uma política externa independente, que fez
e inaugura-se no Brasil uma política de desenvol- como presidente criasse, sem a ajuda de capitais
vimento que vai caracterizar-se pela destacada estrangeiros, a Companhia Siderúrgica Nacional.
participação do Estado. b) pela nacionalização da pesquisa, exploração e
d) foi uma importante vitória política de Vargas, refino do petróleo, que culminou com a criação da
representando um momento significativo do na- Petrobrás, símbolo do nacionalismo econômico.
cionalismo da década de 1950, que tinha na UDN
o seu principal suporte partidário. c) que exigia reformas de fase, forçando o Congresso
a votar leis que permitissem a reforma agrária e a
e) desde a sua instalação, o Brasil tornou-se suficien-
nacionalização das empresas estrangeiras.
te na produção de petróleo e derivados.
d) pela entrada sem restrições do capital estrangei-
30. Cesgranrio-RJ ro no país, que culminou com a formulação, por
Tendo em vista o processo de democratização iniciado setores governamentais, do Plano de Metas.
em 1946 no Brasil, pode-se afirmar que foi o resultado: e) pela modernização tecnológica do país, que re-
a) das pressões populares, especialmente de setores sultou no investimento estatal em novas fontes de
médios, identificados com a idéia de um Estado energia e na criação de usinas nucleares.
centralizador.
b) do ambiente internacional pós-Segunda Guerra 33. UFRGS-RS
Mundial, favorecendo o aparecimento de períodos No inicío dos anos 50, Getúlio Vargas viu-se às voltas com
de redemocratização opostos às formas autoritárias. várias situações contraditórias de seu governo. Assinale a
c) da liberdade partidária, da economia de mercado e da alternativa que não apresenta uma dessas situações.
industrialização – alguns dos fatores que favoreceram a) Sob o ponto de vista eleitoral, o governo teve que
a redemocratização dirigida por Getúlio Vargas. equilibrar-se numa aliança que envolvia as forças
PV2D-07-HB-44

d) da liberdade de imprensa, da autonomia sindical dos antigos caciques interventores do PSD, con-
e das novas alianças políticas (UDN/PTB e PSD/ troladores das políticas interioranas, com as for-
PCB), criando um clima propício para o processo ças do operariado e das classes médias urbanas,
de democratização brasileiro. aglutinados no PTB.
61
b) Vargas teve de estruturar um governo compos- 35. Fuvest-SP
to por ministros de distintos partidos políticos (...) é fenômeno das regiões atingidas pela intensifi-
(PSD, PSP, PTB e UDN) como uma forma de cação do processo de urbanização. Estabelece suas
ampliar o seu apoio no Congresso Nacional, raízes mais fortes em São Paulo, região de mais
onde sua representação era nitidamente mino- intenso desenvolvimento industrial no país (...) é, no
ritária. essencial, a exaltação do poder público; é o próprio
c) Vargas procurou convencer o trabalhador de que Estado colocando-se através do líder, em contato direto
o patrão não era seu inimigo, e o patrão, de que o com os indivíduos reunidos na massa (...)
trabalhador era elemento indispensável à criação A massa se volta para o Estado e espera dele o “sol
da riqueza, construindo uma política de aproxima- ou a chuva”, ou seja, entrega-se de mãos atadas aos
ção e cooperação entre as classes. interesses dominantes.
d) Vargas manobrou entre duas concepções básicas Este texto de F. Welfort:
sobre o desenvolvimento econômico: por um lado, a) faz considerações sobre o coronelismo no Brasil.
a que defendia o desenvolvimento autônomo e b) caracteriza a política brasileira pós-64.
preservador das riquezas nacionais, e por outro c) descreve uma forma de dominação política que
a que advogava o desenvolvimento associado ao emergiu com a Revolução Constitucionalista de
capital externo, inclusive no caso do petróleo e 1932.
minerais atômicos.
d) caracteriza a forma de poder oligárquico na Repú-
e) O governo Vargas deixou de pagar a dívida externa
blica Velha.
ao FMI sem romper as relações com os Estados
Unidos, aproveitando a participação deste na e) trata do populismo no Brasil.
Guerra da Coréia.
36. PUC-RJ
34. ENEM Leia atentamente trechos da entrevista que o jornalista
Zuenir Ventura, em seu livro Minhas memórias dos Villas-Bôas Corrêa concedeu à revista Nossa História,
em agosto de 2004 (n.10, p. 39-40):
outros (São Paulo: Planeta do Brasil, 2005), referindo-
se ao fim da “Era Vargas” e ao suicídio do presidente Os jornais eram todos muito hostis a Vargas, faziam
em 1954, comenta: uma campanha extremamente violenta.
Quase como castigo do destino, dois anos depois eu A notícia do suicídio [24 de agosto de 1954] explodiu
iria trabalhar no jornal de Carlos Lacerda, o inimigo quando eu estava na altura da [rua] Uruguaiana.
Bem na minha frente estava uma senhora negra,
mortal de Vargas (e nunca esse adjetivo foi tão pró-
baixota, gorda, com duas sacas na mão. Ela parou
prio).
e parecia inchar. De repente, berrou com violência:
Diante daquele contexto histórico, muitos estudiosos “Canalhas, ladrões, mataram nosso amigo, mataram
acreditam que, com o suicídio, Getúlio Vargas atingiu o velhinho!”.
não apenas a si mesmo, mas o coração de seus aliados
O depoimento de Villas-Bôas Corrêa caracteriza algu-
e a mente de seus inimigos.
mas ambigüidades, explicitando rejeições e apoios,
A afirmação que aparece “entre parênteses” no co-
associadas à figura do presidente Getúlio Vargas.
mentário e uma conseqüência política que atingiu os
inimigos de Vargas aparecem, respectivamente, em: a) Caracterize um motivo para a hostilidade de
muitos órgãos de imprensa durante o 2º governo
a) a conspiração envolvendo o jornalista Carlos La-
Vargas.
cerda é um dos elementos do desfecho trágico e
o recuo da ação de políticos conservadores devido b) Caracterize um motivo para o apoio popular a
ao impacto da reação popular. Vargas.
b) a tentativa de assassinato sofrida pelo jornalista
37. UFMG
Carlos Lacerda por apoiar os assessores do presi-
dente que discordavam de suas idéias e o avanço Considerando-se o contexto brasileiro da década de
dos conservadores foi intensificado pela ação dos 1950, é correto afirmar que:
militares. a) era premente a questão do desenvolvimento
c) o presidente sentiu-se impotente para atender nacional, que fez girar em torno dela os principais
a seus inimigos, como Carlos Lacerda, que o impasses e polêmicas e contribuiu para o trágico
pressionavam contra a ditadura e os aliados do desfecho do governo Vargas.
presidente teriam que aguardar mais uma década b) foram grandes as divergências entre o governo e
para concretizar a democracia progressista. o Exército quanto à criação da Petrobras, o que
d) o jornalista Carlos Lacerda foi responsável acabou levando Vargas a nova tentativa de golpe
direto pela morte do presidente e este fato em meados dos anos 1950.
veio impedir definitivamente a ação de grupos c) foram muitos os conflitos entre os trabalhadores e
conservadores. os governos que, à exceção do de Vargas, trataram
e) o presidente cometeu o suicídio para garantir sempre a questão social com dura repressão.
uma definitiva e dramática vitória contra seus d) era forte a oposição articulada pelo PSD a Var-
acusadores e, oferecendo a própria vida, Vargas gas, que, embora eleito com expressiva maioria
facilitou as estratégias de regimes autoritários no de votos, nunca conseguiu se adaptar ao jogo
país. democrático.

62
38. UFF-RJ 40. Fuvest-SP
Em janeiro de 1953 o general Eisenhower assumiu o
mandato presidencial (...). Além de converter o antico-
munismo em uma verdadeira cruzada, o governo dos
Estados Unidos adotou uma postura rígida diante dos
problemas financeiros dos países em desenvolvimento.
A linha dominante consistiria em abandonar a assistên-
cia estatal e dar preferência aos investimentos privados.
As possibilidades de o Brasil obter créditos públicos
para obras de infra-estrutura e para cobrir os déficits do
balanço de pagamentos encolheram sensivelmente.
FAUSTO, Boris. História Concisa do Brasil. SP,
Edusp/Imprensa Oficial, 2002, p. 227.

Partindo da citação, analise a conjuntura histórica


brasileira em relação à política externa americana,
estabelecendo conexões com o suicídio do presidente
Getúlio Vargas.

39.
Mais uma vez, as forças e os interesses contra o povo Olhando para esta tela do pintor brasileiro Cândido
coordenaram-se e novamente se desencadeiam sobre Portinari, Família de retirantes, de 1944, pode-se
mim. Não me acusam, insultam; não me combatem, estabelecer relações com:
caluniam e não me dão o direito de defesa. Precisam
sufocar a minha voz e impedir a minha ação, para que a) as idéias integralistas dos nacionalistas.
eu não continue a defender, como sempre defendi, o b) a doutrina social da hierarquia da Igreja Católica.
povo e principalmente os humildes (...) Lutei contra a c) a propaganda oficial da política de Vargas.
espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. d) a desesperança típica do pós-guerra.
Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a
calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha e) a postura de engajamento e crítica social.
vida. Agora vos ofereço a minha morte. Nada receio.
Serenamente dou o primeiro passo no caminho da 41. Mackenzie-SP
eternidade e saio da vida para entrar na história. Durante o governo de Getúlio Vargas (1951-1954), a
Carta Testamento de Getúlio Vargas política econômica era marcadamente nacionalista. A
Sobre o longo, conturbado e polêmico período de go- adoção de uma política voltada para os interesses da
verno de Getúlio Vargas, é correto afirmar que: nação determinou:
01. a despeito dos seus críticos, é possível dizer a) o choque com os interesses imperialistas, prin-
que Getúlio Vargas sempre governou de forma cipalmente o norte-americano, já que os países
democrática, defendendo os interesses do povo capitalistas, durante a Guerra Fria, se agrupavam-
e se colocando contra os interesses dos grandes
se sob a direção e de acordo com os interesses
empresários e banqueiros, como se lê na sua
dos Estados Unidos.
carta-testamento.
02. em 1934, Getúlio foi eleito presidente por sufrágio b) o estremecimento das relações entre Vargas e os
indireto. Seu mandato deveria durar até 1938, quando EUA. Mas o presidente norte-americano, Eise-
seriam realizadas eleições diretas para a presidência. nhower, viu-se impossibilitado de não conceder
04. em 1937, por meio de um golpe de estado, inau- os empréstimos prometidos, para não perder um
gurou-se o Estado Novo, pondo fim à campanha aliado na América.
para presidente que estava em pleno curso. Terror c) a falência dos projetos ligados à criação de
policial, tortura e prisões ocorreram até 1945. empresas estatais, que monopolizariam setores
08. em 1950, Vargas foi eleito presidente da república, importantes da nossa economia, dada a falta de
pela primeira vez pelo voto direto. Esse período na capital estrangeiro.
presidência foi marcado por um discurso fortemente
d) o afastamento, do governo, do movimento traba-
nacionalista, pelos constantes apelos aos trabalha-
lhista, que criava obstáculos para a implantação
dores e pelos embates com uma oposição, como o
próprio Vargas, nem sempre democrática. do programa econômico.
16. Getúlio Vargas, oriundo da oligarquia gaúcha, e) a retomada de uma campanha liderada pelo próprio
chegou ao poder com um discurso antioligárquico, presidente, que denunciava a remessa de lucros
através de um movimento armado, em 1930. para o exterior por parte das empresas nacionais.
Some os números dos itens corretos.
PV2D-07-HB-44

63
42. UPF-RS 45. PUC-RJ
Tudo parecia indicar, até aquela madrugada de agosto “O petróleo é nosso” foi o lema da campanha que
de 1954, um desfecho melancólico para o velho polí- empolgou grupos políticos, associações profissionais
tico, tão solitário no poder. Uma renúncia imposta, as e organizações diversas no Brasil, entre 1947 e 1953.
malas prontas para o desterro político e a espera da Sobre esse tema, o episódio e suas motivações, são
morte na vastidão dos pampas [...]. Antes disso, uma corretas as afirmativas, à exceção de uma. Assinale
bala encontraria o caminho do seu coração. a opção que apresenta essa exceção.
MENDES, Oswaldo. Getúlio Vargas. Biografias. 2a ed, Moderna, p.7 a) O petróleo foi foco de importantes disputas no
Brasil, porque tornou-se a principal fonte de ener-
O suicídio de Getúlio Vargas foi o dramático desfecho
gia para a indústria contemporânea, devido às
da grave crise que sacudiu o Brasil, quando setores
transformações tecnológicas mundiais ocorridas
conservadores aliados ao imperialismo norte-ameri-
desde a segunda metade do século XIX.
cano se opuseram fortemente à política econômica
getulista. Marque a alternativa que indica a especifici- b) A forte correlação entre petróleo e indústria foi de
dade desta política. grande importância para a formulação de projetos
a) Autoritária d) Privatista de desenvolvimento e para as discussões acerca
das possibilidades de conquista da soberania
b) Nacionalista e) Internacionalista
econômica brasileira, após a Segunda Guerra
c) Neoliberal Mundial.
43. UPF-RS c) Os militares – pelo interesse no desenvolvimento
da indústria brasileira, em especial a de arma-
Na história republicana, Getúlio Vargas é o presi-
mentos – e os estudantes – pelo engajamento
dente que mais tempo ficou no poder (1930-1945 e
nacionalista – foram dois grupos que participaram
1951-1954) e seu governo foi marcado por inúmeras
ativamente dos debates relativos à regulamenta-
transformações na sociedade brasileira. Este período
ção da exploração do petróleo.
foi marcado:
d) A “Campanha do Petróleo” teve como desdo-
a) pela garantia às liberdades democráticas, inclusive
bramento a criação de uma empresa estatal de
com a instituição do voto secreto e do direito de
petróleo – a Petrobras.
voto às mulheres.
b) pela implementação dos direitos dos trabalhado- e) Se o governo Vargas demonstrou interesse na
res, com a criação dos sindicatos, que puderam Petrobrás, o governo de Juscelino Kubitschek
agir livremente em suas reivindicações. foi indiferente à produção de petróleo, preferindo
investir nas pesquisas para o desenvolvimento da
c) pela adoção de um modelo econômico que
energia nuclear.
pretendia industrializar o país; para isto era
necessário um governo forte que pudesse dirigir 46. FGV-SP
este processo.
...Nada mais vos posso dar a não ser meu sangue.
d) pela modernização da agricultura, pois a pre- Se as aves de rapina querem o sangue de alguém,
ocupação governamental era fazer com que o querem continuar sugando o povo brasileiro, eu ofe-
país canalizasse todos os esforços no sentido de reço em holocausto a minha vida... Cada gota de meu
implementar a agroexportação. sangue será uma chama imortal em vossa consciência
e) pela adoção de uma política nacionalista, com e manterá a vibração sagrada para a resistência. Ao
o país ficando fechado para o mundo exterior, ódio respondo com o perdão. E aos que pensam que
isolado do contexto internacional. me derrotaram respondo com a minha vitória... Lutei
contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espolia-
44. Mackenzie-SP ção do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as
A crise de agosto de 1954, que terminou com o suicídio infâmias, a calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos
do presidente Vargas, teve como antecedentes: dei a minha vida. Agora ofereço a minha morte. Nada
a) a oposição dos setores conservadores e antipopulis- receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho
tas à política nacionalista e paternalista de Vargas, da eternidade e saio da vida para entrar na história.
configuradas na criação da Petrobrás, Eletrobras e “Carta-testamento de Getúlio Vargas” in Documentos de História do
no aumento de 100% do salário mínimo. Brasil, organizado por Mary Del Priore e outros.
b) o apoio de Vargas à remessa de lucros sem limites São Paulo: Scipione, 1999, pp. 98-99.
das empresas estrangeiras, desestabilizando suas
A carta-testamento de Getúlio Vargas foi publicada
bases políticas.
pela imprensa brasileira em 24 de agosto de 1954. O
c) o Manifesto dos Coronéis, que, oferecendo seu
suicídio do presidente da República foi um dos episó-
apoio ao governo de Vargas, gerou um estado de
dios mais dramáticos da história brasileira no século
inquietação nas Forças Armadas.
passado e ocorreu em meio a uma grave crise política.
d) a forte oposição do jornal A última hora ao governo,
Analise tal situação, considerando:
denunciando corrupção e escândalos do governo
de Vargas. – o panorama da crise política de 1954;
e) o episódio da Rua Toneleros, no qual morreu – as características da política de massas do
assassinado por pistoleiros o chefe da guarda período;
presidencial. – as conseqüências políticas da morte de Vargas.

64
47. Cesgranrio-RJ Cantada por Francisco Alves, essa música se tornou um
Assinale a opção que apresenta uma caracteristica do recurso de propaganda política do período. Responda.
quadro partidário brasileiro entre 1945 e 1964. a) A letra da música faz referência a qual personagem
a) Todos os partidos surgidos ao final do Estado Novo da história do Brasil?
representavam as forças de oposição à ditadura. b) Comente o significado desse personagem na
b) A UDN (União Democrática Nacional), principal história republicana brasileira.
força de oposição a Getúlio Vargas, foi a grande
vencedora nas eleições nacionais do período. 51. PUC-PR
c) A permanente e radical oposição entre PSD (Parti- A democracia, por pior que seja, dá oportunidade de
do Social Democrático) e PTB (Partido Trabalhista discussão, de crítica, a imprensa publica as críticas,
Brasileiro) pode ser associada à oposição rural X o povo tem liberdade de falar na esquina sem temer
urbano. a prisão, e os detentores do poder não praticam o
d) Os maiores partidos políticos (PSD, UDN e PTB)
erro deliberadamente porque sabem que o povo
eram organizações criadas a partir de cúpulas
tendo limitadas bases populares. denuncia.
e) Os partidos do período eram instituições forte- REZENDE, Íris – Retrato do Brasil – Depoimentos.
São Paulo: Política Editora de Livros, Jornais e Revistas, 1984, p.52.
mente marcadas por práticas democráticas e rigor
Assinale a alternativa em que aparece um período histó-
doutrinário.
rico no qual a democracia foi amplamente praticada.
48. UEL-PR a) No Chile, com o governo de Augusto Pinochet
Tomara que chova (1973-1990).
Três dias sem parar b) Na Alemanha, no período de 1939-1944.
A minha grande mágoa c) Na Itália, no período de 1930-1940.
É lá em casa não ter água d) No Brasil, sob o governo de Getúlio Vargas (1937-
Eu preciso me lavar 1944).
De promessa eu ando cheio
e) No Brasil, sob a presidência de Juscelino Kubits-
Quando eu conto a minha vida
chek (1956-1961).
Ninguém quer acreditar
O trabalho não me cansa 52. Mackenzie-SP
O que me cansa é pensar
A UDN inventou uma argumentação jurídica acusando
Que lá em casa não tem água
os candidatos vitoriosos à presidência e à vice-presi-
Nem pra cozinhar.
dência de receberem apoio do comunismo internacio-
Tomara que chova, Paquito e Romeu Gentil, sucesso do Carnaval de 1951.
nal e de não terem alcançado a maioria dos votos.
O tempo passou, desde o carnaval de 1951. Contudo, O ministro da guerra, general Lott, suspeitando de
na maioria das cidades brasileiras persiste o proble- um golpe, ordenou a ocupação de prédios públicos,
ma da falta de saneamento básico. Considerando os estações de rádio e principais jornais do Rio de Janeiro,
seus conhecimentos sobre a urbanização no Brasil da
garantindo a posse aos eleitos.
década de 1950, é correto afirmar que:
Esse episódio está ligado à eleição de:
a) os imigrantes que habitavam os cortiços nas cida-
des do Rio de Janeiro e São Paulo possuíam rede a) Jânio Quadros e João Goulart.
de esgoto e água encanada. b) Juscelino Kubitschek e João Goulart.
b) a falta de canalização de esgoto e de abastecimen- c) Getúlio Vargas e João Goulart.
to de água, sobretudo nas moradias populares, era d) Eurico Gaspar Dutra e Nereu Ramos.
responsável pela propagação de várias doenças. e) Carlos Lacerda e Café Filho.
c) o Plano de Metas de Getúlio Vargas implementou
soluções para a crise habitacional e de serviços 53. UFES
de infra-estrutura urbana. Presidente Bossa Nova
d) a urbanização tardia do território nacional deso- Bossa Nova mesmo é ser presidente
brigava os políticos de propor soluções para o Desta terra descoberta por Cabral
saneamento básico.
Para tanto basta ser tão simplesmente
e) as letras consagradas nas marchas carnavalescas Simpático, risonho e original (...)
dos anos 1950 revelavam o distanciamento da
Juca Chaves
população urbana dos temas sociais.
A letra da música se refere ao presidente JK, e o
49. Fuvest-SP termo bossa nova, que aparece no final da década
Explique o contexto histórico brasileiro do aparecimen- de 1950 como movimento musical, passa a designar
to da expressão “O petróleo é nosso!” e os resultados tudo que é novidade, diferente, inusitado, inclusive o
da campanha que se seguiu. presidente Juscelino Kubitschek (1956-1961), segundo
Juca Chaves.
50. Vunesp As novidades na cultura, nessa fase, surgiram paralela-
Leia o trecho de uma marchinha do carnaval de 1951. mente à euforia desenvolvimentista, resultante da polí-
tica econômica, que tinha como um dos objetivos:
PV2D-07-HB-44

Bota o retrato do Velho outra vez,


a) nacionalizar o setor mineral e transformar o setor
Bota no mesmo lugar.
estatal e o privado nacional em principais agentes
O sorriso do velhinho faz a gente trabalhar.
do desenvolvimento econômico.
Haroldo Lobo e Marino Pinto, 1951.
65
b) acelerar o desenvolvimento econômico, em particular c) à segunda presidência de Getúlio Vargas, e ma-
o das indústrias, ainda que por meio de uma política nifestam a adesão às posições nacionalistas que
inflacionária e de abertura para o capital estrangeiro. nela imperavam.
c) desencadear um surto de progresso industrial e d) ao governo de Juscelino Kubistchek, e expressam
agrícola, com a redistribuição de terras, resolvendo o clima de otimismo que marcou esse período.
todos os problemas estruturais do campo. 57.
d) transformar os camponeses em trabalhadores Em sua biografia de Juscelino Kubitschek, presidente da
assalariados, com a conseqüente elevação da pro- República entre 1956 e 1961, Claudio Bojunga relata o
dutividade agrícola e dos investimentos no setor. seguinte, a respeito da construção de Brasília:
e) possibilitar o desenvolvimento agrícola, por meio O Congresso decidira, com a emenda do deputado
de um vigoroso monopólio nacional dos chamados Emival Caiado, de agosto de 1958, que o prazo para a
setores de ponta da nossa economia, obtendo conclusão das obras seria de três anos e dez meses.
grande apoio da burguesia nacional. Brasília deveria ser inaugurada a 21 de abril de 1960.
Numa de suas viagens àquele descampado, acompa-
nhado de um grupo de jornalistas, o presidente foi asse-
54. FGV-SP
diado pelas dúvidas de uma correspondente francesa.
Vai minha tristeza/ E diz a ela que sem ela não pode — Mas o senhor vai construir a capital num deserto...
ser/ Diz-lhe numa prece/ Que ela regresse/ Porque isso é absurrrdo!
não posso mais sofrer/ Chega de saudade/ A realida- Juscelino nem piscou:
de é que sem ela/ Não há paz/ Não há beleza/ É só — Não, minha filha, absurdo é o deserto.
tristeza e a melancolia/ Que não sai de mim/ Não sai BOJUNGA, Claudio. JK – O artista do impossível.
de mim/ Não sai. Rio de Janeiro: Objetiva, 2001, p. 397.

Chega de saudade, Tom Jobim e Vinícius de Moraes Entre as justificativas do governo JK para a construção
de Brasília numa área pouco populosa, como o planalto
Esse é um trecho de uma das principais canções da Central, incluíam-se:
bossa nova, gênero que renovou a música brasileira. a) o incentivo à integração da região central do país aos
Nessa época, vivia-se uma fase de otimismo no país. centros industriais avançados do Sudeste e a defesa
Altos índices anuais de crescimento econômico, estratégica do aparato governamental do Estado.
grandes obras públicas, estabelecimento de empresas b) uma base populacional para a construção da
estrangeiras, manutenção da estabilidade política pelo rodovia Belém-Brasília e a geração de empregos
presidente eleito e significativas conquistas esportivas no setor da construção civil.
em competições internacionais eram características: c) a inadequação do Rio de Janeiro para abrigar o
a) do governo de Garrastazu Médici e do chamado governo federal por causa da falta de infra-estru-
“milagre brasileiro”. tura da cidade e as pressões de São Paulo para
b) do governo de João Goulart e da implementação afastar o Sudeste da instabilidade política.
das “reformas de base”. d) a integração regional – já que, através da Sudene,
c) do governo de Getúlio Vargas e da política de
o Nordeste e a Amazônia seriam incorporados às
substituição de importações.
áreas mais desenvolvidas do país –, e a proteção
d) do governo de Jânio Quadros e da desnacionali-
das autoridades diplomáticas estrangeiras.
zação da economia.
e) o cumprimento da meta mais importante do Plano
e) do governo de Juscelino Kubitschek e do chamado
de Metas de JK, com a modernização dos órgãos
“nacional desenvolvimentismo”.
governamentais, e as pressões dos investidores
55. Cesgranrio-RJ estrangeiros interessados no financiamento das
A famosa portaria 113 da Sumoc, Superintendência obras da nova capital.
da Moeda e do Crédito, do Ministério da Fazenda,
na gestão de Café Filho, foi uma das bases para a 58. UFRGS-RS
implantação dos 50 anos em 5 de JK, porque: Leia o trecho abaixo, extraído de uma manifestação
a) possibilitou a ampliação das exportações brasilei- do presidente Juscelino Kubitschek.
ras para atrair divisas.
Industrializar aceleradamente o país, transferir do
b) atraiu investimentos estrangeiros para o setor exterior para o nosso território as bases do desenvol-
agroindustrial, que precisava modernizar-se.
vimento autônomo; fazer da indústria manufatureira o
c) inseriu o Brasil no mercado econômico internacio- centro dinâmico da atividade econômica nacional – isto
nal, por alterar as taxas cambiais.
resumia o meu propósito, a minha opção.
d) possibilitou a atração do capital estrangeiro asso-
ciado ao capital nacional. Considerando a estratégia de desenvolvimento do
e) diminuiu a oferta de moedas e dificultou a conces- governo de Juscelino Kubitschek, assinale com V (ver-
são de empréstimos para conter a inflação. dadeiro) ou com F (falso) as seguintes afirmações.
( ) A prioridade era atrair capital estrangeiro para
56. Uniube-MG todos os setores econômicos que pudessem gerar
A bossa nova, o programa “50 anos em 5” e a implan- divisas via exportação.
tação da indústria automobilística correspondem: ( ) A estratégia do governo visava a recusar a entra-
a) ao governo de João Goulart, e expressam a espe- da de capitais estrangeiros, pois o objetivo era a
rança no programa de reformas de base. industrialização por substituição de importações,
b) ao período dos governos militares pós-64, e refle- como se percebe pela expressão “desenvolvimen-
tem a expectativa de modernização do Brasil. to autônomo”.
66
( ) O objetivo de JK era associar capital e empresas A seqüência correta de preenchimento dos parênteses,
estrangeiras aos programas de desenvolvimento de cima para baixo, é:
industrial, visando a um crescimento rápido. a) V – F – V – V – F
( ) A estratégia do governo era compensar o declínio b) F – V – F – F – V
da exportação de café com o incremento da pro- c) V – V – F – F – F
dução industrial para a exportação, como forma
d) F – F – V – F – V
de acumular divisas.
e) V – V – F – V – F
( ) A transferência de bases industriais do exterior
para o Brasil buscava fomentar e abastecer um
mercado interno que deveria ser expandido, subs-
tituindo as importações de manufaturados.
59. UERJ

Adaptado de Jornal do Brasil, 30/09/2003

O gráfico evidencia, apesar da inflação, uma tendência 60. UEL-PR


de crescimento da economia brasileira. Esta, contudo, Durante o governo do presidente Juscelino Kubitschek,
não foi acompanhada por uma significativa melhora na a política econômica predominante foi o nacional-de-
distribuição de renda. senvolvimentismo, que teve como característica:
Durante o século XX, políticos e intelectuais brasileiros a) a adoção de uma política de substituição das
propuseram inúmeros projetos para promover o desen- importações, de caráter nacionalista, em que o Es-
volvimento auto-sustentado e melhorar esta distribui- tado assumia a produção de bens não-duráveis.
ção. O projeto de Juscelino Kubitschek (1956-61) de b) o incentivo à ampliação do parque industrial, por meio
fazer o país crescer “50 anos em 5” foi um deles. de ações combinadas envolvendo o Estado, as em-
A seguinte estratégia fundamentou a política do nacio- presas privadas nacionais e o capital estrangeiro.
nal-desenvolvimentismo: c) a implementação de reformas no serviço público
a) aumento do mercado consumidor, com a valoriza- e de controle dos meios de comunicação como
ção do trabalhador rural. ainda não se vira antes, destinadas a racionalizar a
máquina estatal e a divulgar as obras do governo.
b) união dos setores de esquerda, com ênfase em
uma política de aumentos salariais. d) a criação de incentivos fiscais voltados para a
diversificação da produção agrícola, visando a
c) fortalecimento do Congresso Nacional, com a tornar concreto o mito de que o Brasil era o grande
participação do empresariado industrial. celeiro do mundo.
PV2D-07-HB-44

d) atração do capital estrangeiro, com destaque para e) o controle estatal da infra-estrutura (transportes,
o setor de bens de consumo duráveis. comunicação e energia) e da indústria básica,
ficando as outras áreas de atividade econômica
com a empresa privada nacional.
67
61. UFR-RJ Com base no texto e nos conhecimentos sobre o
Observe a foto. período JK, é correto afirmar:
a) o discurso nacionalista sob a ótica desenvolvimen-
tista de JK possuía conteúdo semelhante àquele
estabelecido na Era Vargas: ambos minimizaram
a importância do capital externo.
b) a ideologia do “desenvolvimentismo” no período
JK assumiu a entrada de capitais estrangeiros no
país como um recurso legítimo que expressava o
verdadeiro patriotismo.
c) o “desenvolvimentismo” do período JK objetivou
a consolidação da vocação agrícola da economia
brasileira, promovendo a “Marcha para Oeste”, po-
Comício da Fome, organizado por sindicalistas. Rio de Janeiro, setem- lítica que alavancou a agricultura de exportação.
bro de 1959 – Acervo Iconographia – In: NOVAIS, Fernando. História d) para a indústria brasileira, que passava por uma fase
da vida privada (4), São Paulo: Companhia das Letras, 1998. p. 545.
de retração, o “desenvolvimentismo” de JK foi perni-
Manifestações como a focalizada anteriormente des- cioso, pois propunha um nacionalismo xenófobo.
mentem, ao menos parcialmente, a caracterização do e) o “Plano de Metas”, programa de governo do então
período de governo de Juscelino Kubitschek como o candidato JK, colocado em prática logo após sua
dos “anos dourados”, em especial os seus dois últimos eleição, visava primordialmente ao desenvolvimen-
anos. Esses protestos podem ser explicados como: to da agricultura de exportação, instituindo, para
a) uma ação do Partido Comunista do Brasil, líder da esse fim, o “confisco cambial”.
oposição radical ao governo e que pregava a sua
deposição. 64. UERJ
b) uma revolta dos sindicalistas vanguardistas ainda
inconformados com a morte de seus líderes, tra-
mada com a anuência de Kubitschek.
c) um movimento chefiado pela UDN para desesta-
bilizar o governo e conseguir eleger o seu su-
cessor.
d) o resultado da incapacidade do governo em garan-
tir a ampliação do mercado de trabalho, reduzindo
o grande desemprego. FREIRE, Américo e outros. História em curso. Rio de Janeiro: FGV, 2004.
e) uma conseqüência do modelo “nacional-desen- As propagandas acima, publicadas na revista “O
volvimentista” que ampliou a inflação reduzindo o Cruzeiro”, no período de 1954 a 1964, apresentam
poder de compra dos salários. bens de consumo que estavam sendo incorporados
ao cotidiano de parte da população brasileira.
62. Vunesp
Esses novos padrões de consumo foram favorecidos
Durante o governo de Juscelino Kubitschek (1956- pelo incentivo do Estado brasileiro à:
1961), o país viveu uma decisiva experiência de
a) produção de bens duráveis.
planejamento econômico governamental, o Plano de
b) pesquisa tecnológica nacional.
Metas.
a) Quais setores econômicos foram destacados pelo c) implantação da indústria pesada.
plano como prioritários para o desenvolvimento do d) fixação dos preços das mercadorias.
país ?
65. Fuvest-SP
b) Como se explica a expansão industrial brasileira
no período referido ? A questão seguinte é composta por três proposições
I, II e III que podem ser falsas ou verdadeiras. Exami-
63. UEL-PR ne-as identificando as verdadeiras e as falsas e em
Em um de seus discursos, o presidente Juscelino seguida marque a alternativa correta dentre as que
Kubitschek afirmou: O puro, o nobre e inteligente se seguem.
nacionalismo não se confunde com xenofobia. Da I. A crise de 1929, no Brasil, acelerou o processo de
mesma maneira que a independência política de uma substituição de importações.
nação não significa animosidade contra os estrangei- II. Com o fim da Segunda Guerra e do Estado Novo, o
ros, nem a recusa aos intercâmbios econômicos ou setor industrial emergiu como a área mais dinâmica
relações financeiras com os países mais ricos ou mais da economia brasileira.
favorecidos em valores econômicos. III. O “desenvolvimentismo” – ao utilizar como estraté-
In: CARDOSO, Miriam Limoeiro. Ideologia do Desenvolvimento. gia a realização de investimentos diretos, financia-
Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1977. p. 158. dos por meio de emissões monetárias – contribuiu
para agravar o processo inflacionário.

68
a) se todas as proposições forem verdadeiras. Estão corretas as afirmativas:
b) se apenas forem verdadeiras as proposições I e II. a) I e II
c) se apenas forem verdadeiras as proposições I e III. b) I, II e IV
d) se apenas forem verdadeiras as proposições II e III. c) I, III e IV
e) se todas as proposições forem falsas. d) II e III
e) III e IV
66. UFSCar-SP
Uma peça de grande importância para o teatro brasilei- 68. UFRN
ro é Eles não usam black-tie, escrita por Gianfrancesco Na década de 1950, o Brasil viveu os “anos dourados”,
Guarnieri em 1955, e montada pela primeira vez em quando o governo adotou uma política industrializante,
1958 pelo teatro de arena de São Paulo. É correto afir- estimulada pelo processo de internacionalização da
mar que a importância da peça deve-se ao fato de: economia. No que diz respeito às zonas urbanas,
a) inaugurar o teatro de arena como espaço de mo- essas mudanças se refletiram na vida das pessoas
bilização contra o poder instituído. na medida em que foram:
b) salientar o papel da burguesia urbana no desen- a) ampliados os níveis de automação das indústrias
volvimento econômico nacional. nacionais, com vistas a conseguir maior qualidade
c) ter ressaltado uma dramaturgia de cunho social, e melhores preços de seus produtos no mercado
que punha em cena a classe operária. internacional.
d) mostrar a decadência da aristocracia rural diante b) adotados novos modelos de organização do tra-
do desenvolvimento social nas cidades. balho e aplicadas novas tecnologias, gerando o
denominado “desemprego estrutural”.
e) incorporar uma estética norte-americana na dra-
c) introduzidas as técnicas de propaganda com a
maturgia do teatro brasileiro.
criação de um grande complexo de comunicação
67. PUC-RS e informação, voltado para os mais variados tipos
de consumidores.
Considere a análise da imagem e as afirmativas a
seguir, que a interpretam no contexto da época. d) desenvolvidas as indústrias de bens de consumo
duráveis, cujos produtos ajudaram a mudar os
costumes dos brasileiros.

69. UFABC-SP
Futebol: de olho no lance
Em 1958, quando a seleção brasileira de futebol ga-
nhou a Copa do Mundo, músicas populares afirmavam
que a “copa do mundo é nossa” porque “com o brasi-
leiro não há quem possa”, e o brasileiro era descrito
como “bom no couro” e “bom de samba”. A celebração
consagrava o tripé da imagem da excelência brasileira:
COTRIM, Márcio (org). Brasília: sob o olhar de Jesco / Wolfjesto von
café, carnaval e futebol.
Puttkamer. Goiânia: Ed. UCG, Brasília: Marilena Chauí, Brasil, mito fundador e sociedade autoritária. 2000.
Fundação Assis Chateaubriand, 2000. p. 55
O futebol – como a música, o cinema, a televisão, o
I. O projeto urbano e arquitetônico modernista de
jornalismo etc. – tem sido muito usado pelo Estado
construção da nova cidade correspondia à utopia
para reforçar sua atuação político-ideológica e seus
política modernizadora de um futuro grandioso
mecanismos de controle social. No contexto histórico
para o Brasil, em consonância com a teoria eco-
da década de 1950, os aspectos descritos pela autora
nômica do desenvolvimentismo.
do texto refletem, além da ideologia:
II. A construção da nova cidade pretendia dotar o país
a) o otimismo e o projeto desenvolvimentista dos anos
de um centro industrial atravessado por grandes
JK.
avenidas para a circulação dos automóveis que
começavam a ser produzidos pelas montadoras b) o autoritarismo e o projeto de estatização da Era
recém-instaladas no Brasil. Vargas.
III. A nova cidade, no meio do cerrado do Planalto c) a censura e o projeto do Brasil Grande do regime
Central, buscava ser o novo centro de integração militar.
da vida nacional e um estímulo à ocupação do d) a crítica social e o projeto conciliatório da Nova
Centro-Oeste. República.
IV. O projeto urbanístico da nova cidade tinha um de- e) o conservadorismo e o projeto ditatorial do governo
senho inovador e era uma promessa de campanha João Goulart.
do Presidente quando ainda governador de Minas
Gerais, estado cuja capital também tinha nascido
PV2D-07-HB-44

como uma capital administrativa planejada.

69
70. PUC-RS 73. Fuvest-SP
É hoje de consenso que a estrutura agrária brasileira, I. A orientação fundamental do governo resume-se
arcaica, não satisfaz às necessidades de nossa ex- no propósito de fortalecer a economia nacional.
pansão econômica. Todos nós que nos batemos pela Esta diretriz condiciona a posição do Brasil no
emancipação econômica brasileira estamos certos de panorama internacional, que se tem pautado em
que só podemos alcançar nosso objetivo através da intuitos pacíficos e amistosos em relação aos
industrialização intensiva. outros países. Sem sacrifícios desses intuitos,
CASTRO, Josué de, deputado federal, PTB/PE, década de 1950. temos procurado libertar o país de influências
O texto de Josué de Castro exemplifica um posicionamento incompatíveis com os seus interesses, único
no intenso debate acerca dos caminhos para o desenvol- modo de progredir realmente, porque, enquanto
vimento econômico brasileiro, na década de 1950. dependentes, estaremos sempre sujeitos a retro-
a) Identifique dois elementos da estrutura agrária cessos.
brasileira, na década de 1950, que permitem Getúlio Vargas. Mensagem ao Congresso Nacional, 1954.
classificá-la como arcaica.
b) Explique uma característica do desenvolvimento
II. Ainda no que toca à política geral, outra medida a
econômico industrial brasileiro, nesse período.
que o governo atribui grande importância, refere-se
à atração dos empresários estrangeiros que, com
71. Fatec-SP
sua técnica e seu capital, poderão prestar valiosa
Afirmou o economista Luís Carlos Bresser Pereira ajuda na construção do nosso parque industrial.
sobre o período em que Juscelino assumiu a Presi- (...) Fato de grande importância ocorrido em 1956
dência do Brasil: foi o renascimento do interesse dos capitalistas
... as empresas estrangeiras exportadoras de produtos estrangeiros pelo desenvolvimento industrial do
manufaturados (...) em face do surgimento de empre- país. Esse renascimento deve-se principalmente
sas nacionais e às barreiras cambiais e tarifárias à ao clima de confiança que o novo governo conse-
entrada de seus produtos no Brasil, viram-se diante guiu estabelecer no exterior.
da alternativa de ou realizar grandes investimentos
Juscelino Kubitschek, Mensagem ao Congresso Nacional, 1957.
industriais no Brasil ou perder o mercado brasileiro. É
evidente que optaram pela primeira solução. Essas duas mensagens ao Congresso nacional re-
Nesse período: velam que os presidentes Getúlio Vargas e Juscelino
a) a entrada maciça de investimento foi dificultada Kubitschek não tinham o mesmo ponto de vista sobre
pela Instrução 113 da Sumoc (Superintendência a questão da participação do capital estrangeiro no
da Moeda e do Crédito). processo de desenvolvimento econômico do Brasil.
b) a vertiginosa expansão industrial ocorrida entre Como as diferentes visões sobre esse tema são apre-
1956 e 1961 significava que a chamada Revolução sentadas nessas mensagens?
Industrial Brasileira, iniciada nos anos 30 por Ge-
túlio, consolidava-se e encerrava a primeira fase. 74. Vunesp
c) pela instrução 113, as empresas estrangeiras eram Comente as reais intenções do Plano de Metas de
prejudicadas em relação às empresas nacionais. Juscelino Kubitschek e o resultado de sua implantação
d) visando ao desenvolvimento, o governo cercou-se para o povo brasileiro.
de uma equipe de técnicos, notadamente econo-
mistas, ligados à Comissão do Petróleo Brasileiro
75. Fuvest-SP
para a América Latina (Cepal).
e) diminuíram as diferenças entre as populações dos Na memória dos brasileiros, os cinco anos do go-
grandes centros industrializados (como São Paulo verno Juscelino são lembrados como um período de
e Rio de Janeiro), e as esfomeadas populações do otimismo, associado a grandes realizações cujo maior
Norte-Nordeste, concentradas em latifúndios, pois exemplo é a construção de Brasília.
Bóris Fausto, História do Brasil, 1994, p. 429
estes também receberam investimentos externos.
a) A que outras realizações se refere o texto?
72. Vunesp b) Foram elas planejadas? Comente.
A preponderância da sociedade rural marcou a for-
mação e a evolução das vilas e cidades brasileiras 76. PUCCamp-SP
durante séculos. Salvador e Rio de Janeiro, centros Leia o texto.
político-administrativos importantes, desenvolveram-se Assumiu freqüentemente a figura do ridículo sem se
estreitamente vinculados e dependentes do secular desgastar, compensando-a com sua poderosa eloqü-
domínio rural. Na dissolução desta tendência tradicio- ência: sua maneira de se expressar, ou em público
nal, com a subseqüente transição para a sociedade ou em particular, era original. Estilista, preferia os
urbanizada, atuaram inúmeros fatores: a economia vocábulos eruditos, utilizando frases de esdrúxula
mineradora, a transferência da Corte portuguesa para sintaxe, pronunciando sílaba a sílaba das palavras
o Brasil, a cultura cafeeira, o movimento migratório cuidadosamente escolhidas, como que saboreando-as,
e o crescimento demográfico, o êxodo do campo, a e obedecendo com excessivo rigor à pontuação. Muitos
ideologia desenvolvimentista e tantos outros. o achavam demagogo. Outros procuravam ridicularizá-
Identifique nesse texto e, em seguida, discorra sobre: lo. Mas ele, indiferente, continuava batendo-se contra
a) o fator que motivou a escolha do Rio de Janeiro os moinhos de vento (...).
para a capital do Brasil; Wilson Gomes. ln: Antonio Carlos Meira. Brasil: recuperando a nossa
b) o fator que concorreu para a fundação de Brasília. história. São Paulo: FTD, 1998. p. 231.

70
No Brasil, o populismo despertou o surgimento de
políticos carismáticos que criavam uma imagem vi-
sando a atrair a atenção do eleitorado. O texto revela
a personalidade característica de:
a) Carlos Lacerda que foi presidente do Congresso
Nacional.
b) João Goulart que foi vice-presidente e presidente
da República.
c) Jânio da Silva Quadros que foi presidente da
República.
d) Juscelino Kubitschek que foi presidente da Repú-
blica.
e) Tancredo Neves que foi primeiro ministro no go- a) Qual o contexto histórico a que a charge se refere?
verno João Goulart. b) Qual a crítica feita pelo autor na charge?

77. UFPE 80. Vunesp


Sobre o governo do Presidente Jânio Quadros, iden- A contradição inerente do governo provocou um clima
tifique a afirmação incorreta.
de equilíbrio precário, cuja ruptura esperava-se a
a) Sua renúncia gerou uma crise política, assumindo qualquer momento. A dramaticidade em que viveu o
a presidência da República o presidente da Câma-
ra dos Deputados, Ranieri Mazzilli. período era sempre renovada pelas atitudes inespera-
das e, às vezes, burlescas do presidente da República.
b) Afonso Arinos, então ministro das Relações Exte-
riores, procurou estabelecer uma política externa O episódio de condecoração de Che Guevara, então
independente dos Estados Unidos. ministro de Castro, com a Ordem do Cruzeiro do Sul,
c) Sua política externa buscou um relacionamento foi momento capital desse drama de curta duração.
mais intenso com os países socialistas. Nilo Odália. Brasil em perspectiva.

d) Durante seu governo foram restabelecidas as a) A partir do texto, identifique o presidente que go-
relações diplomáticas com a União Soviética. vernava o país.
e) Sua política externa de governo foi totalmente b) Caracterize os novos rumos da política externa no
apoiada pelo governo dos Estados Unidos da
período.
América.
81. Mackenzie-SP
78. UERJ
O presidente acusava as misteriosas “forças ocultas”
Varre, varre, varre, varre, vassourinha. como responsáveis pelo seu ato. Hoje, há poucas dú-
Varre, varre a bandalheira, vidas de que a renúncia fazia parte de uma estratégia
Que o povo já está cansado
golpista. Minoritário no Congresso, criticado duramente
De sofrer desta maneira.
Jânio Quadros é a esperança deste povo abandonado. por Carlos Lacerda, o presidente esperava voltar nos
Nosso Século. São Paulo: Abril Cultural, 1980.
braços do povo, fato que não se confirmou.

Esse jingle acompanhou o candidato Jânio Quadros Por meio do texto, identifique o acontecimento histórico
durante a sua campanha à presidência da República, em questão.
em 1960. a) Suicídio do presidente Getúlio Vargas
A letra sintetiza a seguinte política de resolução dos b) Impeachment do presidente Collor de Mello
problemas da época:
c) Queda do governo Goulart
a) A austeridade do governo e o controle dos gastos
públicos conteriam a inflação e a corrupção oficial. d) Deposição de Carlos Luz
b) A disputa de mercados externos e a ideologia e) Renúncia de Jânio Quadros
nacionalista aumentariam o superávit comercial e
a geração de renda. 82. Mackenzie-SP
c) O atendimento à economia popular e à produção Sobre o breve governo Jânio Quadros (de janeiro a
de alimentos baixariam o custo de vida e os gastos agosto de 1961) e sua conseqüente renúncia, não
do governo. podemos afirmar que:
d) A defesa dos interesses nacionais e a adoção a) adotou uma política externa independente, bus-
de uma política externa independente gerariam
cando para o Brasil uma terceira via entre os
emprego e novas possibilidades econômicas.
blocos capitalista e socialista, gerando oposição
79. nos segmentos conservadores.
PV2D-07-HB-44

Esta charge, que faz referência ao presidente Jânio b) o plano financeiro de Jânio Quadros, baseado na
Quadros, foi publicada no jornal Última Hora, no Rio contenção dos gastos públicos e expansão mone-
de Janeiro, no ano de 1961. tária, foi bem recebido pelos credores e FMI.

71
c) ocupou-se de assuntos desconcertantes como Este era o jingle da campanha de Jânio Quadros para
proibição das brigas de galo, biquínis, lança- presidente da República, em 1960. Jânio, que tinha
perfumes, desgastando-se e decepcionando o como símbolo de campanha uma vassoura (com a
eleitorado. qual iria varrer a corrupção), foi eleito com uma ex-
pressiva votação.
d) Agindo sempre de acordo com o partido do go-
Assinale a(s) proposição(ões) correta(s) sobre este
verno, a UDN, e tendo sólida base parlamentar, período da História do Brasil.
o presidente articulava suas propostas com 01. Jânio Quadros foi eleito graças ao apoio de Jusce-
facilidade. lino Kubitschek, o construtor de Brasília, a quem
e) Em nenhum momento a renúncia foi interpretada, sucedeu.
posteriormente, pelos historiadores e cientistas 02. O candidato a vice-presidente na chapa de Jânio
políticos como um erro de cálculo ou golpe fra- Quadros e seu aliado na disputa que travava com
cassado. a UDN era João Goulart, ex-ministro do trabalho de
Getúlio Vargas, a quem os militares se opunham.
83. UERJ 04. Apesar de eleito com uma grande maioria dos vo-
tos populares, Jânio governava sem base política.
Não conseguindo aprovar as medidas que achava
importantes, decretou o fechamento do Congresso,
dando início a um governo ditatorial.
08. No governo, Jânio Quadros adotou uma política
externa de aproximação com os países do bloco
socialista. Condecorou Ernesto Che Guevara com
a Ordem do Cruzeiro do Sul.
16. Jânio Quadros não chegou a concluir o seu manda-
to. Pressionado pela oposição, renunciou, atribuindo
a sua renúncia a forças terríveis (ou ocultas).
32. A renúncia de Jânio Quadros gerou uma grave crise
política. As forças armadas, por meio da chamada
“Segunda Revolta da Armada”, tomaram o poder.
64. Jânio Quadros voltou ao poder nas eleições
seguintes. Teve apoio do movimento conhecido
A política dos bilhetinhos é uma das características como “Queremismo”. O povo, nas ruas, exigia a
do governo Jânio Quadros (1961), que foi marcado sua volta.
por uma: Some os números dos itens corretos.
a) forma descentralizada de governo, concretizada
pela delegação de poderes. 86. FGV-SP
b) aliança com grupos de esquerda, exemplificada Quais os partidos políticos que dominaram a vida
pela condecoração de Che Guevara. parlamentar brasileira durante o período democrático
c) integração ao projeto populista de governo, apoia- de 1946 a 1964:
da pelos partidos getulistas PSD e PTB. a) PTB, UDN e PCB.
d) ação moralizadora de combate à corrupção, acres- b) PL, UDN e PSD.
cida do estilo personalista do presidente. c) PDS, MDB e PCB.
d) PSB, UDN e PTB.
84. Mackenzie-SP
e) PSD, UDN e PTB.
No plano interno, o governo ocupava-se de coisas
triviais como briga de galo e jogo do bicho. Na política 87. Cesgranrio-RJ
externa, o habitual alinhamento do Brasil em relação Durante o governo do presidente Jânio Quadros foram
aos EUA era rompido e nos aproximávamos do bloco alteradas as diretrizes da política externa. Essas alte-
neutralista do Terceiro Mundo. Isolado, criticado pela rações ficaram conhecidas como:
UDN, sem apoio do Congresso, a 25 de agosto de
a) política externa independente, com aproximação
1961, o presidente surpreendia a nação por meio:
comercial e cultural dos países africanos, espe-
a) da renúncia de seu mandato. cialmente os de língua portuguesa.
b) do golpe que introduziu o Estado Novo. b) política externa independente, com aproximação
c) do pedido de licença. cultural e econômica dos países da Europa Central
d) da emenda parlamentarista. e Ocidental.
e) da decretação de Atos lnstitucionais. c) política externa independente, com aproximação
comercial e industrial, dos países comunistas.
85. UFSC d) política externa dependente, com definição do prag-
Varre, varre vassourinha, varre, varre a bandalheira, o matismo econômico sob a direção americana.
povo já está cansado de viver dessa maneira. e) política externa dependente, com aproximação co-
BUENO, Eduardo. Brasil: uma História. mercial e cultural dos países latino-americanos.
São Paulo: Editora Ática, 2003. p. 355

72
88. UECE 91. UEPG-PR
Sobre a política estabelecida por Jânio Quadros na Os anos que separam a queda de Vargas da ascensão
presidência da República, pode-se afirmar correta- militar de 64 constituem um período de grande diver-
mente que: sificação e criatividade cultural. Sobre esse período,
a) no plano interno, Jânio ocupava-se muitas vezes assinale o que for correto.
de questões menores, como a briga de galos ou os 01. As classes médias nesse período rejeitavam as
trajes das misses, enquanto procurava estabelecer novidades culturais e de bens de consumo.
uma independente e confusa política externa. 02. Nele surgiu a bossa-nova, movimento de moder-
b) apesar das hesitações com relação às reformas de nização e internacionalização da música popular
base prometidas na campanha eleitoral, Jânio im- brasileira.
plementou uma arriscada e independente política
04. Jânio Quadros, eleito presidente pela coligação
externa, chegando a condecorar Che Guevara.
PTB/PSD, fortaleceu a hegemonia desses partidos
c) Jânio elegeu-se prometendo “varrer” a corrupção da
em níveis regional e nacional.
política brasileira, mas foi deposto sob acusação de
enriquecimento ilícito com verbas de campanha. 08. Desenvolveu-se o Cinema Novo, iniciado com os
d) procurando implementar as promessas de cam- filmes de Glauber Rocha, marcando a passagem
panha a respeito da reforma agrária e querendo do cinema de arte para uma revolução de lingua-
dissolver o Congresso, Jânio renunciou quando gem e de temas.
encontrou resistências entre os sindicatos operá- 16. Fundaram-se os Centros Populares de Cultura
rios que o haviam apoiado. (CPCs), envolvendo estudantes, artistas e intelec-
tuais, para levar arte e cultura aos trabalhadores.
89. Cesgranrio-RJ Some os números dos itens corretos.
A política de relações internacionais do Estado brasilei-
ro contemporâneo teve entre seus marcos o(a): 92. Fatec-SP
a) não-alinhamento à Guerra Fria, definido na Con- O populismo manifesta-se já no fim da ditadura e
ferência do Rio de Janeiro, em 1947. permanecerá uma constante no processo político
b) afastamento dos Estados Unidos depois de 1964, até 1964.
quando os militares adotaram uma política terceiro- Francisco Weffort. O Populismo no Brasil.

mundista. O fenômeno político conhecido sob o nome de po-


c) criação do Mercosul com a Argentina, tendo a pulismo no Brasil e na América Latina caracteriza-se:
integração dos países sido iniciada no contexto a) como fenômeno político desvinculado do processo
da Independência. de urbanização e industrialização.
d) valorização do Nafta como forma de integração b) como um poder político das massas e suas reivin-
continental, recebendo o Brasil apoio dos EUA à sua dicações.
candidatura para a Conselho de Segurança da ONU. c) por movimento de massas sem lideranças caris-
e) política externa independente a partir do início do máticas.
governo Jânio Quadros, reaproximando o Brasil d) por grupos políticos identificados exclusivamente
dos países do bloco socialista. com as elites econômicas.
e) como um estilo de governo sempre sensível às
90. UFF-RJ
pressões populares, principalmente as rurais.
Após a renúncia de Jânio Quadros, greves e para-
lisações fortaleceram os movimentos de esquerda, 93. PUCCamp-SP
provocando o período de tensões que antecedeu a Leia os versos do folheto de cordel.
queda de João Goulart. Além de tudo o patrão
A derrubada do governo João Goulart – em 1o de abril
Não deixa o pobre criar
de 1964 – está inspirada na interpretação de que o
Uma cabrinha leiteira
país estava sendo campo de uma verdadeira guerra
Para os filhos sustentar
revolucionária. Segundo se afirmava, destinava-se esta
a instaurar a República Sindicalista. Quer criar ele não deixa
IANNI, Octávio. O colapso do populismo no Brasil.
Pede leite ele não dá
Se o camponês discordar
O populismo no Brasil, a cuja crise o texto se refere, Dessa vida desgraçada
pode ser associado: Vê do dia para a noite
a) ao processo de extinção dos partidos e à proposta Sua casa destelhada
de substituí-los pelos sindicatos. Seus troços jogados fora
b) à guerrilha praticada pelos movimentos de esquer- E a lavoura arrancada.
da com vistas à implantação do socialismo.
c) às aspirações das classes populares ao papel de Uni-vos homens do campo
protagonista no cenário político brasileiro. Na vossa associação
PV2D-07-HB-44

d) ao paternalismo dos políticos brasileiros inaugu- Até conseguir um dia


rado por Arthur Bernardes. Completa libertação
e) aos benefícios, como o PIS e o Pasep, concedidos Ela está dependendo
às camadas populares do Brasil. Da vossa organização...
73
Os versos do folheto de cordel, inspirado na vida de 96. UFMG
Francisco Julião, revelam as tensões sociais no campo, Fui vencido pela reação e assim deixo o governo.
no Nordeste brasileiro, no fim da década de 1950. As Nestes sete meses cumpri o meu dever [...] Forças
idéias contidas nos versos deram origem à formação: terríveis se levantaram contra mim e me intrigaram
a) do Movimento dos Sem Teto, que propunham aos ou inflamam, até com a desculpa da colaboração [...]
camponeses o êxodo para as cidades. Assim não falta a coragem da renúncia [...] Retorno
b) do Partido dos Trabalhadores, que lutava pela agora ao meu trabalho de advogado e professor [...].
Fragmento da Carta Renúncia de Jânio da Silva Quadros – Manifesto
reforma agrária e pela construção de casas po- à Nação. Brasília, 25 de agosto de 1961.Apud. Ivan Alves Filho. Brasil,
pulares. 500 anos em documentos. Rio de Janeiro: Mauad, 1999, p. 535.
c) do Partido Trabalhista Brasileiro, cuja reivindicação A renúncia do presidente Jânio Quadros provocou, no
central era a defesa de uma reforma agrária. Brasil, uma crise institucional que culmina com a:
d) das Ligas Camponesas, que tinham como objetivo a) ascensão ao poder do vice-presidente e a implan-
a luta dos trabalhadores pela posse da terra. tação do sistema parlamentarista de governo.
b) ação golpista desencadeada pelo alto comando
e) da União Democrática Ruralista, que mobilizava
militar para impedir a posse do vice-presidente.
os camponeses contra os latifundiários.
c) convocação extraordinária do Congresso com a
94. UFPR finalidade de emendar a carta constitucional.
d) mobilização imediata da sociedade civil, para exigir
Em fins da década de 1950 e início dos anos 1960,
o cumprimento das normas constitucionais.
no Brasil:
01. a burguesia nacionalista aderiu à euforia do de- 97. PUC-RJ
senvolvimento pregado pelo governo, que tinha Ao compararmos a sociedade brasileira na década de
como ponto-chave a emancipação do país pela 1970 à sociedade brasileira na década de 1950, identi-
industrialização acelerada e pela entrada de in- ficamos diversas transformações sociais, econômicas,
vestimentos estrangeiros. políticas e culturais. Sobre essas transformações,
02. a arquitetura de Brasília, concebida a partir das estão corretas as afirmativas a seguir, à exceção de:
teorias do urbanismo modernista, deveria sig- a) O maior desenvolvimento dos meios de comuni-
nificar a inauguração de um novo tempo para o cação transformou a televisão em um importante
país. instrumento de integração nacional.
04. a música popular de Pixinguinha, Ismael Silva, Ary b) A mudança do regime político implicou restrições
Barroso e Noel Rosa impôs-se como instrumento à cidadania, especialmente quanto ao exercício
de protesto contra o governo, sendo intensamente do voto.
veiculada pelas emissoras de televisão. c) A concentração da população em áreas urbanas
ultrapassou a das áreas rurais.
08. o “cinema novo” introduziu na tela tipos regionais d) O desenvolvimento econômico repercutiu na
e urbanos, como cangaceiros e marginais, cola- melhoria das condições de vida da população
borando com a tendência de alterar os rumos da rural e urbana, por meio da maior distribuição de
cultura nacional. renda.
16. nesse período, o teatro assumiu aspectos doutri- e) O investimento estatal na construção de rodovias
nários em relação à cultura popular, em obras de interestaduais atendeu ao objetivo de promover a
autores como Oduvaldo Viana Filho. melhoria das ligações regionais.
32. o CPC (Centro Popular de Cultura) da União
Nacional dos Estudantes foi um movimento que 98. Unifesp
se indispôs com a ideologia populista do período, É conhecida a tese segundo a qual o regime militar
assumindo a posição de porta-voz dos interesses instaurado no Brasil, a partir de abril de 1964, teve
políticos das camadas mais conservadoras da seu início adiado por dez anos em virtude do suicídio
população. do presidente Getúlio Vargas, em agosto de 1954.
Nesse decênio, de sobrevida da democracia popu-
64. na literatura e nas artes plásticas, poucos autores
lista, o país:
fizeram a crítica da realidade nacional; a maioria
a) amargou um descontrole inflacionário, que derru-
das obras expressava os interesses de uma
bou como nunca o poder de compra dos assala-
burguesia emergente bastante afinada com os
riados.
modelos europeus.
b) conheceu um de seus momentos culturais mais
Some os números dos itens corretos. altos e criativos, como no campo da música.
c) sofreu uma permanente instabilidade política,
95. PUC-MG
marcada pelo revezamento de civis e militares no
O populismo no Brasil, iniciado após a Revolução de poder.
1930, termina com: d) recebeu um grande afluxo de imigrantes externos,
a) a promulgação da Constituição Federal, em 1946. provenientes, sobretudo, do cone sul, por razões
b) o suicídio de Getúlio Vargas, em 1954. políticas.
e) passou de uma economia agrário-exportadora e
c) a renúncia de Jânio Quadros, em 1961.
industrial para uma economia agrário-exportadora
d) o movimento civil-militar, em 1964. e de serviços.
74
99. UFG-GO 100. Fuvest-SP
Na história política brasileira, no período de 1937 a
1945, houve o exercício do autoritarismo no poder. No
entanto, entre 1945 e 1964, assiste-se à emergência
de partidos políticos que garantiram o exercício de-
mocrático na escolha de representantes do povo nos
Poderes Executivo e Legislativo. No que se refere ao
processo de alternância de poder na era Vargas e a
composição dos partidos políticos, analise:
a) a escolha dos governos estaduais durante a dita-
dura de Vargas;
b) a base de apoio dos partidos PTB (Partido Traba-
lhista Brasileiro) e o PSD (Partido Social Demo-
crático), que atuaram no Brasil durante o período
de 1945 a 1964. Esta fotografia mostra São Paulo, em 1950. Observe-a
e responda ao que se pede.
a) Que símbolos da modernidade nela aparecem?
b) Por que São Paulo, a exemplo de outras cidades bra-
sileiras, cresceu tanto a partir da década de 1950?

Capítulo 2
101. Mackenzie-SP Esses acontecimentos provocaram:
A renúncia de Jânio deixou o país à beira do caos e de a) o fim do pacto populista e o golpe de 1964, liderado
uma guerra civil. A ameaça à legalidade institucional po- pelos segmentos conservadores que temiam o avan-
deria trazer conseqüências drásticas para o país. O Rio ço das forças populares e das reformas sociais.
Grande do Sul, cujo governador era Leonel Brizola, trans- b) a consolidação do governo João Goulart e a exe-
formou-se no foco principal da luta pró João Goulart. cução das reformas de base.
Francisco de Assis Silva. História do Brasil. c) a mobilização maciça das Forças Armadas para
Essa crise política foi temporariamente controlada em sustentar militarmente o governo Goulart.
1961, por meio: d) a negociação entre governo e setores conserva-
a) do suicídio de Jango. dores, adotando-se a solução parlamentarista.
b) do Ato Institucional número 5. e) o acirramento dos conflitos no campo entre forças
c) da Emenda Parlamentarista. populares e conservadoras, forçando o governo
d) das Reformas de Base. Goulart a renunciar à presidência.
e) do golpe militar.
104. Cesgranrio-RJ
102. UFPE O golpe que derrubou o presidente João Goulart, em
Indique a alternativa que corresponde a uma série 1964, representou a culminância de uma crise iniciada
de acontecimentos políticos vivenciados durante o no fim da década anterior. Assinale a opção que não
governo Goulart. apresenta um elemento dessa crise.
a) O parlamentarismo, o plebiscito, as reformas de base, a) O apoio da maioria conservadora do Congresso
a marcha da família com Deus pela liberdade. Nacional ao programa de Reformas de Base.
b) O “milagre brasileiro”, o plebiscito, a ditadura b) As resistências à posse de João Goulart, quando
militar, a doutrina de segurança nacional. da renúncia de Jânio Quadros.
c) O presidencialismo, o plebiscito, as reformas de c) O agravamento do quadro econômico com a as-
base e o “milagre brasileiro”. censão da inflação.
d) As reformas de base, o “milagre brasileiro” e a d) A politização crescente de vários movimentos
Nova República. sociais, como as Ligas Camponesas.
e) A renúncia de Jânio Quadros, o plebiscito e a esta- e) Os movimentos de indisciplina militar de marinhei-
tização do petróleo e das companhias telefônicas ros e sargentos.
do país.
105. Fuvest-SP
103. Mackenzie-SP Sobre o governo de João Goulart (1961-1964), é
Naquele comício, passando por cima das possível afirmar que:
decisões do Congresso, João Goulart decretou a a) tomou medidas claras e definidas para a implan-
PV2D-07-HB-44

nacionalização das refinarias particulares de petróleo tação do socialismo no Brasil.


e assinou a reforma agrária (...) Jango saiu daquele b) propôs as chamadas “reformas de base” que
comício carregado em triunfo nos braços do povo. pretendiam promover, entre outras, as reformas
Francisco de Assis Silva – História do Brasil agrária e urbana.
75
c) fechou os olhos às lutas guerrilheiras que se im- 109. Fuvest-SP
plantavam em diversos pontos do Brasil. Com base nos documentos apresentados, assinale a
d) foi antiimperialista, promovendo a ruptura das alternativa correta.
relações diplomáticas com os Estados Unidos. I. Excelentíssimo sr. Deputado Ranieri Mazzilli. DD.
e) tomou medidas drásticas contra os capitais exter- presidente da República em exercício
nos, nacionalizando as empresas estrangeiras. Senhor Presidente:
106. UECE Em face da próxima chegada do sr. doutor João
O período imediatamente anterior ao golpe de 64 foi Belchior Marques Goulart a Brasília, com o fito
de intensas movimentações sociais e manifestações de prestar compromisso perante o Congresso
públicas. Sobre as “passeatas” que ocorreram durante Nacional e indicar à aprovação dele o nome do
este período, pode-se dizer corretamente: presidente do Conselho e a composição do
a) Não só a “esquerda” se movimentou, mas também Primeiro Conselho de Ministros, bem como para
outros setores manifestaram-se publicamente, receber em sessão do Congresso Nacional posse,
como as “Marchas da Família com Deus pela juntamente com aquele Conselho e o seu presi-
Liberdade” organizadas por grupos conservadores dente, tudo nos termos do Artigo 21, parágrafo
contra o governo de João Goulart. único da Emenda Constitucional no 4 (Ato Adicio-
b) Foram monopolizadas pelas organizações comu- nal de 02/09/1961), venho, na minha condição
nistas lideradas pelo Partido Comunista do Brasil de presidente do Congresso, solicitar de Vossa
para derrubar o governo populista de João Goulart Excelência as indispensáveis garantias ao desem-
e impedir a efetivação das reformas de base. barque, permanência em Brasília e investidura
c) As manifestações de rua foram intensamente na Presidência da República do senhor doutor
reprimidas pelas organizações de soldados e João Goulart (...).
marinheiros que se formaram para defender o Auro de Moura Andrade (Presidente do Congresso
governo e a hierarquia militar ameaçada pelos Nacional, em 03/09/1961).
comunistas.
d) As passeatas aconteceram somente em São Paulo II. Excelentíssimo Senhor Senador Auro de Moura
e Belo Horizonte, refletindo o descontentamento Andrade
destas cidades para com o governo centralizador
Senhor Presidente:
de Juscelino Kubitschek.
Nos termos e para os efeitos do Ato Adicional,
107. Mackenzie-SP tenho a honra de comunicar à Vossa Excelên-
cia e ao Congresso Nacional que indico para o
A democracia populista durante o governo Goulart
Cargo de Primeiro-Ministro o Senhor Tancredo
apoiou várias reivindicações populares que assustaram
de Almeida Neves, que, por meu intermédio
os setores conservadores, terminando por acelerar o
submete à patriótica consideração desse ple-
golpe de 1964. Dentre elas citamos:
nário o seguinte Gabinete: (segue-se a lista dos
a) as reformas de base. Ministros) (...).
b) a extinção dos partidos políticos. João Belchior Marques Goulart
c) o fim da política externa independente. (presidente da República, em 08/09/1961).
d) o monopólio estatal sobre os meios de comuni-
cação. a) Os dois documentos contêm indícios que revelam
e) a preservação da estrutura fundiária do país. ser presidencialista o sistema de governo na
ocasião.
108. UFSCar-SP b) Esses documentos não contêm informações que
O nome de República Populista designa o período permitam saber se o sistema de governo, na
histórico que se estende da queda de Getúlio Vargas, ocasião, era o presidencialismo, ou o parlamen-
em 1945, ao golpe militar de 1964. Alguns presidentes tarismo.
da República, por razões diversas, não completaram c) O primeiro documento – e somente ele – revela
seus mandatos nesse período. que era parlamentarista o sistema de governo na
a) Indique os nomes desses presidentes. ocasião.
b) Em março de 1964, o presidente João Goulart d) Os dois documentos contêm informações que
participou de um comício no Rio de Janeiro com revelam ser parlamentarista o sistema de governo
a finalidade de formalizar o início das reformas de na ocasião.
base. Que medidas foram tomadas pelo presidente e) O segundo documento – e somente ele – revela
em consonância com esse projeto de reformas e que era parlamentarista o sistema de governo na
quais foram as suas conseqüências? ocasião.

76
110. UFRGS-RS b) O governo João Goulart aproximou-se de forças
A renúncia de Jânio Quadros, na seqüência das rea- populares e nacionalistas, como a Confederação
ções à condecoração de Che Guevara pelo presidente Geral dos Trabalhadores (CGT), as Ligas Campo-
brasileiro, apenas sete meses após iniciado o governo, nesas e o Movimento Estudantil, mas tinha uma
gerou uma crise política que teve como conseqüência base de sustentação parlamentar muito frágil.
imediata: c) Militares e grupos civis de direita já haviam amea-
a) o não reatamento diplomático com a União Sovi- çado a legalidade democrática em três tentativas
ética e o abandono da Política Externa Indepen- anteriores de golpe: nos eventos que levaram ao
dente. suicídio de Vargas, na tentativa de impedimento
b) o desenvolvimento do Movimento da Legalida- da posse de Juscelino Kubitschek e na crise da
de, que tinha como objetivo manter Quadros no renúncia de Jânio Quadros.
poder. d) O programa nacionalista de João Goulart, com
c) a introdução do Parlamentarismo, fórmula de a regulamentação das remessas de lucros das
compromisso para garantir a posse do vice-presi- empresas estrangeiras e as “reformas de base”,
dente. especialmente a reforma agrária, trazia desconten-
d) a implantação do regime militar, que tinha como tamento aos setores conservadores do empresa-
objetivo esmagar a esquerda. riado e das elites agrárias.
e) a ruptura de relações com Cuba e o apoio aos EUA e) A conjuntura da Guerra Fria, especialmente o
para expulsar esse país da OEA. momento seguinte à Revolução Cubana e à crise
dos mísseis de 1962, intensificou a hostilidade
111. UFAM dos Estados Unidos a governos nacionalistas e
O período posterior à renúncia de Jânio Quadros foi populistas na América Latina.
marcado por fortes tensões políticas, que culminaram
com o golpe militar de 1964. Marque a alternativa que 113. Mackenzie-SP
caracteriza corretamente este período. Como se dava tão freqüentemente na História brasilei-
a) Aproximação de João Goulart com facções da ra (1889, 1930, 1937, 1945), o confronto político civil
direita radical, propondo medidas contrárias aos foi abreviado por um golpe de Estado militar.
interesses dos trabalhadores rurais. Thomas E. Skidmore

b) Crise econômica do Estado populista, gerada A respeito do Golpe de Estado de 1964, não é correto
pela excessiva abertura ao capital estrangeiro no afirmar que:
governo Vargas. a) os udenistas estavam entre os vencedores, já que,
c) Excepcional politização popular, cuja manifestação frustrados na luta contra Vargas e seus herdeiros,
em universidades, fábricas, áreas rurais e outros chegavam ao poder pela intervenção militar.
não tem paralelo em todo o processo histórico b) o regime populista e as possibilidades de um
brasileiro. capitalismo autônomo estavam esgotados no
d) Tendência política para o bloco socialista, que contexto da época, para alguns historiadores e
originou a Intentona Comunista liderada por Plínio economistas.
Salgado. c) o presidente João Goulart era pressionado, cons-
e) Repressão institucionalizada para combater atos tantemente, tanto pela direita, que o tachava de co-
terroristas de direita e de esquerda, relacionados munista, quanto pela esquerda, que o considerava
com o posicionamento bipolar da Guerra Fria. excessivamente moderado, e que esta polarização
ideológica contribuiu para o movimento golpista.
112. UFV-MG d) os setores conservadores e a grande imprensa
Estaríamos, brasileiros, ameaçando o regime se apoiavam as reformas de base e não admitiam
nos mostrássemos surdos aos reclamos que, de Norte interferências do capital estrangeiro e de seus
a Sul, de Leste a Oeste, levantam o seu grande clamor aliados na política brasileira.
pelas reformas de base e estrutura, sobretudo pela e) sua implantação interrompeu um período de flores-
reforma agrária, que será o complemento da abolição cimento da cultura brasileira, de forte politização de
do cativeiro de dezenas de milhões de brasileiros, massas, e foi, em parte, o resultado da falta de unidade
que vegetam no interior, em revoltantes condições da esquerda e de lideranças muito personalistas.
de miséria.
Discurso do presidente João Goulart, Comício da Central do Brasil, 13
114. ENEM
de março de 1964. In: SILVA, Hélio. 1964: Golpe ou Contragolpe? A moderna democracia brasileira foi construída entre
Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1975. p. 457. saltos e sobressaltos. Em 1954, a crise culminou no
Com base no texto acima e nos seus conhecimen- suicídio do presidente Vargas. No ano seguinte, outra
tos sobre os fatores que contribuíram para o Golpe crise quase impediu a posse do presidente eleito,
Militar de 31 de março de 1964, assinale a afirmativa Juscelino Kubitschek. Em 1961, o Brasil quase chegou
incorreta. à guerra civil depois da inesperada renúncia do presi-
a) O Golpe Militar tinha como causa fundamental dente Jânio Quadros. Três anos mais tarde, um golpe
PV2D-07-HB-44

as profundas transformações que se haviam militar depôs o presidente João Goulart, e o país viveu
operado na economia e na sociedade brasileiras, durante vinte anos em regime autoritário.
conhecidas como “milagre brasileiro”, alterando as A partir dessas informações, relativas à história repu-
relações de forças entre os grupos sociais. blicana brasileira, assinale a opção correta.
77
a) Ao término do governo João Goulart, Juscelino d) a literatura de Cordel tornou-se a expressão mais
Kubitschek foi eleito presidente da República. acabada da alienação e ignorância do povo
b) A renúncia de Jânio Quadros representou a primei- brasileiro;
ra grande crise do regime republicano brasileiro. e) nos anos cinqüenta a cultura foi pensada em sua
c) Após duas décadas de governos militares, Getúlio relação com as elites intelectuais do país. Revelou
Vargas foi eleito presidente em eleições diretas. ainda o apego aos valores patrióticos, sintetizados
d) A trágica morte de Vargas determinou o fim da na frase: “Brasil, ame-o ou deixe-o”.
carreira política de João Goulart.
117. Mackenzie-SP
e) No período republicano citado, sucessivamente,
um presidente morreu, um teve sua posse con- Entre os fatores que precipitaram o golpe militar de
testada, um renunciou e outro foi deposto. 1964 esteve o programa de Reformas de Base, do
presidente João Goulart.
115. UFR-RJ Não estava entre as reformas:
Chegou-se a proclamar, trabalhadores brasileiros, que a) a agrária, que pretendia uma divisão de terras
esta concentração seria um ato atentatório ao regime socialmente mais justa.
democrático, como se no Brasil a reação ainda fosse b) a educacional, que buscava ampliar o ensino
dona da democracia, (...). O que eles querem é uma público, quer básico quer universitário.
democracia de um povo emudecido (...). A democracia c) a política, substituindo o regime presidencialista
que eles desejam impingir-nos é a democracia do anti- pelo parlamentarista.
povo, (...) da anti-reforma, (...) do anti-sindicato, ou d) a administrativa, lutando pela desburocratização
seja, aquela que melhor atenda aos seus interesses ou das instituições públicas.
dos grupos que eles representam, (...) é a democracia e) a urbana, que visava o combate aos problemas
dos monopólios nacionais e internacionais, (...). relacionados à pobreza nas cidades.
Discurso de João Goulart, em 13/03/1964, In: Ivan Alves Filho, Brasil:
500 anos em Documentos, 2a ed., Ed. Mauad, 1999, pg. 577 118. Unicamp-SP
O “Discurso da Central” pronunciado pelo presidente O Instituto Brasileiro de Ação Democrática (Ibad) e
da República foi um de seus últimos atos públicos o Instituto de Pesquisa e Estudos Sociais (Ipes) se
antes do golpe militar que resultou em sua deposição destacaram na oposição ao governo de João Goulart
dias após. No pronunciamento, Goulart lança um (1961-1964) e no combate ao comunismo. Ambos fi-
programa de reformas e denuncia a ação dos setores nanciavam dezenas de programas semanais de rádio,
que estariam fomentando um projeto anti-popular como o “Cadeia de Democracia”, opondo-se a emis-
para o Brasil. soras de orientação legalista, como a Rádio Mayrink
Baseado em seu conhecimento sobre o período: Veiga, fechada após o golpe militar de 1964.
a) retire do texto e comente uma denúncia de Goulart Adaptado de René A. Dreifuss, 1964: A conquista do Estado. Petrópo-
lis, Vozes, 1981, p. 149 e de Lia Calabre, A era do rádio.
contra a “reação” que acabou concretizada pelo Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2004, p. 50.
regime ditatorial pós-1964;
a) Por que o rádio era o meio de comunicação mais cobi-
b) cite uma das propostas de reforma apresentadas çado pelos políticos no período apontado no texto?
por Goulart à época e que era repudiada pelos
b) Por que instituições como as mencionadas no
setores conservadores.
texto consideravam João Goulart um presidente
comunista?
116. UFF-RJ
Antes do golpe de 64, o Centro Popular de Cultura c) Quais os significados da expressão “orientação
(CPC), órgão da União Nacional dos Estudantes legalista”, acima mencionada, no contexto do
(UNE), catalisou a proposta de deselitizar a arte e a governo de João Goulart e no contexto do regime
cultura, levando-as ao povo e revitalizando – quando militar de 1964?
necessário – expressões da cultura popular como o
119. UFSCar-SP
teatro mambembe e a literatura de cordel.
Sobre essa nova concepção de cultura, desenvolvi- Leia as duas notícias seguintes com atenção.
da nos anos cinqüenta do século passado, pode-se (...) ninguém poderá negar - porque está à vista de
afirmar que: todos, porque é público e ostensivo - que os elementos
a) o golpe de 64 e a censura foram responsáveis pelo chamados de “formação marxista” não somente conse-
fim da proposta de manifestações culturais críticas guiram infiltrar-se facilmente em todos os postos, como
e engajadas. A saída foi a produção de texto em também são os preferidos pelo governo para esses
metáforas direcionadas à atuação dos grupos de postos, sobretudo os de comando e de direção.
esquerda, como o CPC; Atualmente, no presente governo, que ainda se diz
b) no cinema, seu maior expoente foi Nelson Pereira democrata, a ideologia marxista e mesmo a militância
dos Santos, responsável pela consagração do comunista indisfarçada constituem recomendação es-
Cinema Novo, com os filmes “Terra emTranse” e “O pecial aos olhos do governo. Como se já estivéssemos
Dragão da Maldade contra o Santo Guerreiro”; em pleno regime “marxista-leninista”, com que sonham
c) foi a partir de uma determinada visão de povo que a os que desejam incluir sua pátria no grande império
intelectualidade de esquerda pensou em intervir no soviético, às ordens do Kremlin. (...)
social, rompendo o estigma e a própria realidade Diário de Notícias, 1º de abril de 1964.
do subdesenvolvimento;
78
Ao primeiro minuto de hoje teve início a greve geral em 121. Vunesp
todo o país, por determinação do Comando Geral dos O presidente João Goulart, apesar dos entraves parla-
Trabalhadores e em apoio ao presidente João Goulart, mentares, instrumentou um projeto nacional-reformista
paralisando de imediato os trens da Central do Brasil visando aglutinar determinadas forças. Relacione os
e da Leopoldina, o Porto de Santos e os bondes da
setores que as “reformas de base” abrangiam e indique
Guanabara, com a adesão de universitários.
a camada social que acabou dando apoio ao projeto.
A decisão da greve foi precipitada pela prisão ontem,
no Sindicato dos Estivadores, de vários líderes sindi-
122. UFMG
cais pela Polícia Política da Guanabara. A Federação
Nacional dos Marítimos, que decretou a greve ontem Leia o texto.
à noite, denunciou o desaparecimento de quatro esti-
... Espero que nestas circunstâncias V. Exa. sentirá
vadores, um líder sindical de Vitória e do Dr. Antônio
que o seu país deseja unir-se ao nosso, expressando
Pereira Filho, líder dos bancários.
O Partido Comunista Brasileiro responsabilizou os seus sentimentos ultrajados frente a este compor-
ontem os grupos radicais pela precipitação da crise tamento cubano e soviético e que V. Exa. achará
política, tachando de imprudente a tática utilizada por bem expressar publicamente os sentimentos
por líderes extremados. Acha o PCB que tal atitude do seu povo.
conduzirá à união do centro com a direita, neutra- Quero convidar V. Exa. para que suas autoridades
lizando assim a ação dos setores mais moderados militares possam conversar com os meus militares
da esquerda, e que, no seu entender, levará à de- sobre a possibilidade da participação em alguma
posição do presidente da República, com lastro na base apropriada com os Estados Unidos e outras
opinião pública. forças do Hemisfério em qualquer ação militar que se
Jornal do Brasil, 1º de abril de 1964. torne necessária pelo desenvolvimento da situação
a) A quais acontecimentos da história brasileira as em Cuba...
duas notícias se referem? Do arquivo pessoal de João Goulart, citada por Moniz Bandeira.
Esse é um trecho de uma carta pessoal enviada
b) Identifique diferenças de opinião entre os artigos
por John Kennedy, presidente dos Estados Unidos,
dos dois jornais, explicando-as, a partir das posi-
a João Goulart, presidente do Brasil , no início da
ções políticas que cada jornal assume no texto.
década de 60.
Os termos dessa carta podem ser associados:
120. UFMG
Leia o texto. a) à crítica à política externa independente adotada
O IPES (Instituto de Pesquisa e Estudos Sociais) foi pelo Brasil, desde o governo Jânio Quadros, a
qual identificava o país com os governos não-ali-
fundado no final de 1961, por empresários e militares
nhados.
do eixo Rio-São Paulo que, unidos em torno de projeto
de readequação e reformulação do Estado nos moldes b) à pressão sobre o governo brasileiro para que
ambicionados pelo setor multinacional associado, fossem adotadas medidas drásticas contra o
procuraram estimular em todo o país uma ‘reação crescimento das idéias comunistas no país.
empresarial ao que foi percebido como a tendência c) à sugestão para o governo brasileiro apoiar
esquerdista da vida política brasileira’. o programa Aliança Para o Progresso que
STARLING, Heloísa Maria Murguel. fornecia recursos aos estados e municípios
Os Senhores das Guerras. Petrópolis: Vozes, 1986. p. 46 brasileiros.
d) ao estímulo às ações da Escola Superior de Guerra
Todas as alternativas contêm afirmações corretas
(ESG) que baseava suas ações no binômio De-
sobre o papel do IPES, exceto:
senvolvimento e Segurança.
a) A derrubada do governo do presidente João Gou-
e) ao incentivo aos investimentos privados, à livre
lart foi um dos principais alvos estratégicos do
concorrência e à abertura do mercado brasileiro
IPES nos anos 60 por temor da formação de uma
ao capital estrangeiro.
república sindicalista.
b) A desarticulação das forças sociais do bloco nacio- 123. UFU-MG
nal-populista foi fruto de uma sofisticada campanha Leia os versos da música a seguir.
político-ideológica desenvolvida pelo IPES entre
O subdesenvolvido
1961 e 1964.
Carlos Lyra/Chico de Assis
c) A setorização do IPES, expandindo agências e * Lançada em 1963 pelo CPC (Centro Popular de Cultura) da UNE
similares para outros estados, como Minas Gerais, (União Nacional dos Estudantes).
visava a uma ação política em âmbito nacional. E passado o período colonial
d) O comando político efetivo do aparelho de Esta- O país se transformou num bom quintal
do não estava incluído nos planos do IPES, que E depois de dadas as contas a Portugal
visava somente ao desmantelamento dos grupos Instaurou-se o latifúndio nacional, ai!
de esquerda do país. Subdesenvolvido, subdesenvolvido (refrão)
PV2D-07-HB-44

e) O IPES empreendeu uma articulação para fundir a) Analise o significado desses versos.
as forças e os grupos de oposição, do que resul-
tou uma mobilização conservadora da sociedade b) Em que contexto histórico brasileiro esta música
civil. foi lançada?

79
124. UFMG O golpe de 1964, que derrubou o governo Jango e
No Nordeste do Brasil, desde 1955, a luta pela terra as- instalou a ditadura militar, pode ser explicado pelos
sumiu a importância da luta política. Nesse ano surgiu, seguintes fatores:
no município de Vitória de Santo Antão, a Sociedade I. A introdução do parlamentarismo em 1961 teve
Agrícola e Pecuária dos Plantadores, mais tarde de- o objetivo de aumentar o poder das massas po-
nominada Ligas Camponesas. As Ligas Camponesas pulares, alienadas da participação política desde
constituíram, sob a liderança de Francisco Julião, o 1954.
centro de mobilização popular no campo. II. O comício da Central do Brasil, em 13 de março de
Buscando solucionar o problema agrário, o governo 1964, no qual Jango abordou a questão da refor-
João Goulart tomou, a partir de 1963, algumas me- ma agrária, o voto para os analfabetos, soldados,
didas concretas. marinheiros, cabos e sargentos e a legalidade para
a) Apresente uma das medidas adotadas pelo gover- o Partido Comunista Brasileiro (PCB), acirrou de
no João Goulart que visava amenizar o problema forma definitiva os temores das classes conserva-
agrário do Brasil. doras e da alta cúpula do Exército.
b) Cite duas dificuldades encontradas pelo governo III. A criação da Petrobras por Jango criou descon-
na implementação dessas medidas. fianças nas companhias multinacionais.
c) Apresente a posição das Ligas Camponesas quan-
IV. A movimentação de Leonel Brizola, ex-governador
to às medidas adotadas pelo governo João Goulart
do Rio Grande do Sul, com a criação dos Grupos
para resolver o problema agrário no Brasil.
de Onze, radicalizou o processo de defesa das
125. UPF-RS anunciadas “reformas de base”.
E nós sabíamos, confiávamos na vitória. E houve uma É correto o que se afirma em:
reunião mesmo nossa em que, antes, estávamos todos a) I e II apenas.
imaginando o tempo que duraria (... a revolução). A pre- b) I e III apenas.
visão era de durar uns seis meses de luta, no mínimo.
c) I, III e IV apenas.
Eu era considerado um otimista, achava que em um
mês se acabava. O único que acertou foi o Golbery, d) II apenas.
que disse: “Cai como um castelo de cartas”. e) II e IV apenas.
General Muricy – líder da Revolução de 1964.

Capítulo 3
126. Unicamp-SP c) a ascensão de Getúlio Vargas em 1930 e o golpe
A palavra revolução tem sido empregada de modo a de 1964.
provocar confusões... No essencial, porém, há pouca d) o início da presidência de Campos Sales e o final
confusão quanto ao seu significado central: sabe-se da Repúclica Velha.
que a palavra se aplica para designar mudanças drás- e) o fim da era FHC e o início do governo Lula.
ticas e violentas na estrutura da sociedade.
Florestan Fernandes. O que é Revolução. 128. Vunesp
Explique por que, segundo o conceito proposto por Estávamos, pois, diante de três alternativas. A pri-
Florestan, o movimento político de 1964 não foi uma meira, ceder aos exaltados e mergulhar na ditadura
revolução. total (...). A segunda era desamparar o presidente
e deixá-lo à mercê dos que haviam desencadeado
127. UPF-RS a guerrilha de inspiração comunista. A terceira era
Não há povo amorfo. Não há massa bruta e indiferente. aceitar um Ato Institucional para conter a contra-
A massa é formada de homens e a natureza de todos revolução (...).
os homens é a mesma: dela é a paixão, a gratidão, a Depois de participar ativamente do movimento de
cólera, o instinto de luta e o instinto de defesa. 1964, uma personagem do cenário político atual,
Rachel de Queiroz não obstante o diálogo da força, procura dissimular e
amenizar a “escolha” tomada em 1968 como a menos
Podemos relacionar o texto acima com um fenômeno dolorosa para o povo brasileiro, conforme expressa o
político latino-americano que consistiu sobretudo na trecho anterior.
manipulação, pelo Estado, das camadas urbanas e Responda às questões propostas.
de suas reivindicações. Esse fenômeno é marcante, a) Indique a “alternativa” que prevaleceu.
no Brasil, no período compreendido entre:
b) Quem era o presidente militar que governava o
a) o período da Independência, 1822, até a Procla- Brasil em 1968?
mação da República, 1889.
c) Procure caracterizar as implicações e os desdo-
b) a queda do Estado Novo e a renúncia de Jânio bramentos políticos que decorrem daquela decisão
Quadros. tomada.

80
129. Fuvest-SP 132. Mackenzie-SP
Um perverso crescimento, baseado na sofisticação
do consumo da classe média alta e da burguesia e na
exportação, apoiado nos capitais externos e nos subsí-
dios e investimentos estatais a serviço das elites (...). O
símbolo deste período foi a Copa do Mundo de 1970.
Emir Sader. O Anjo Torto.

A respeito dessa fase da vida brasileira, é correto


afirmar que:
a) a vitória na Copa coincidia com o grande cresci-
mento econômico e salarial, sobretudo para as
A análise do quadro acima permite concluir que: camadas de baixa renda.
a) a classe média (45% da população economica- b) futebol e política não foram utilizados como formas
mente ativa) foi a maior beneficiária do desenvol- de alienação popular e ufanismo pela ditadura.
vimento econômico, dado que sua participação na c) o modelo econômico desenvolvido correspondia a
renda cresceu sensivelmente no período. menor concentração de renda e a uma distribuição
b) a política econômica desenvolvimentista, acentu- de benefícios sociais para todos os segmentos.
ada pelo regime militar, foi acompanhada por um d) a vitória na Copa desviava a atenção do arrocho
processo de concentração de renda. salarial, das prisões, das torturas e da censura à
c) o desenvolvimento econômico do período resultou imprensa.
no aumento da participação do segmento dos 80% e) foram desencadeadas, nesse período, ações
mais pobres na renda nacional. guerrilheiras, rurais e urbanas, que conseguiram
d) houve transferência de parte da renda dos 5% derrubar a ditadura.
mais ricos para a faixa dos 15% correspondentes
à classe média. 133. UFRGS-RS
e) o resultado mais significativo da política econômica Em agosto de 1969, quando o presidente Costa e Silva
desenvolvimentista foi um processo de redistribui- adoeceu gravemente, ficando impedido de exercer o
ção da renda. governo, o poder foi:
a) devolvido ao grupo político civil, rival do governo
130. Goulart, que havia apoiado o golpe de 1964.
O regime militar brasileiro (1964-1985) caracterizou-se b) passado ao vice-presidente civil Pedro Aleixo, que
pela perseguição aos seus opositores e pelo cresci- reabriu o Congresso Nacional, fechado pelo AI-5.
mento econômico. O golpe também pode ser enten- c) delegado ao Congresso Nacional, até a eleição do
dido como um momento da Guerra Fria em território general Médici para um novo mandato.
brasileiro, já que os militares afirmavam que evitaram d) equilibrado entre a Arena e o MDB, que passaram
que o comunismo chegasse ao poder no Brasil. A partir a exercer o poder de forma colegiada.
disso, assinale a alternativa que identifica as reformas e) exercido por uma Junta Militar das três armas,
pretendidas por João Goulart e o nome pelo qual ficou devido à desconfiança dos militares em relação
conhecido o desenvolvimento industrial do Brasil no aos civis.
período dos militares respectivamente.
a) Plano de Metas e Plano Cruzado. 134. UFBA
b) Plano Verão e Milagre Econômico. A crítica subjacente na charge a seguir, remete às
c) Reformas de Base e Plano Real. seguintes conjunturas históricas:
d) Milagre Econômico e Política do Encilhamento.
e) Reformas de Base e Milagre Econômico.

131. Mackenzie-SP
O ano de 1968 foi crucial. O movimento estudantil se
espalhou por todo o país, sofrendo violenta repressão
do governo. Diante das pressões da sociedade, o
governo militar reagiu, decretando:
a) a deposição do presidente João Goulart, cujo
modelo populista de governo dava sinais de es-
gotamento.
b) o Ato Institucional nº 5, que conferia ao presidente
Costa e Silva poderes totais para reprimir as opo-
sições.
c) a Abertura Democrática, lenta e gradual, que
reconduzia o país à democratização. Faça a soma das afirmativas corretas.
PV2D-07-HB-44

d) a Anistia, que, embora não fosse irrestrita, permitiu 01. Legislação autoritária e imprensa amordaçada
o retorno de muitos exilados políticos. compuseram a conjuntura política do Brasil tri-
e) a solução parlamentarista, que possibilitou contro- campeão, enquanto a luta pela cidadania ganha
lar a grave crise institucional em que vivia o país. espaço no Brasil tetracampeão.
81
02. Crescimento econômico e reajuste salarial de- IV. a formação de “esquadrões da morte” durante o
monstram que, tanto no Brasil tricampeão quanto regime militar tem fortes relações com as chacinas
no tetracampeão, a renda nacional é eqüitativa- praticadas recentemente, tais como as ocorridas
mente distribuída. em Vigário Geral, na Candelária e na Baixada
04. Elevados níveis de pobreza, no Brasil do tricam- Fluminense. A continuidade das chacinas pode ser
peonato, persistem no Brasil do tetracampeonato, atribuída à fragilidade e morosidade das apurações
provocando a multiplicação das “doenças da e à impunidade de muitos criminosos.
miséria”, como a malária e a cólera. Assinale a alternativa correta.
08. Repressão armada e tortura de presos políticos a) Apenas I e III são corretas.
marcaram o Brasil tricampeão, enquanto crises b) Apenas II e III são corretas.
de governabilidade e escândalos políticos estão c) Apenas III e IV são corretas.
presentes no Brasil tetracampeão. d) Apenas I e IV são corretas.
16. Soluções emergenciais, algumas de caráter
assistencial, como a Campanha contra a Fome, 136. Fatec-SP
procuram, no Brasil tetracampeão, combater a O chamado “milagre econômico” do período da
situação de apartheid social, já grave no Brasil ditadura militar brasileira, entre 1968 e 1973, re-
tricampeão. sultou de:
32. Pluripartidarismo e eleições diretas para preenchi-
a) arrocho salarial; situação internacional vantajosa,
mento de todos os cargos eletivos caracterizam
preços dos produtos brasileiros mais altos e dos
tanto o Brasil do tricampeonato quanto o Brasil do
estrangeiros mais baixos; grandes investimentos
tetracampeonato.
estatais; taxas de juros internacionais baixas;
Some os números dos itens corretos. grande endividamento externo público e particular;
participação de multinacionais.
135 . UFU-MG b) arrocho salarial; situação internacional vantajosa,
Munido de fuzil Fal, “doutor Ângelo” executou Walquí- pois o preço dos produtos brasileiros era mais
ria. Era Walquíria Afonso Costa, 28, uma das últimas alto, e o dos estrangeiros, mais baixo; pequeno
guerrilheiras mortas. Fora capturada na véspera. endividamento externo e interno; taxas de juros
Estava debilitada. Enterraram-na atrás da enfermaria internacionais baixas.
da base... c) arrocho salarial; situação internacional complicada,
Os depoimentos, todos gravados, revelam: para favorecendo o mercado externo para nossos produ-
prevalecer sobre os cerca de 70 guerrilheiros que o tos; taxas de juros internacionais altas; pequenos
PC do B mantinha enfurnados na selva amazônica, o investimentos das estatais e participação das mul-
Exército brasileiro humilhou, espancou e deu choques tinacionais na implantação de indústrias de base.
elétricos em guerrilheiros e colonos; fuzilou e decapitou
d) situação internacional vantajosa; taxas de juros
inimigos rendidos.
internacionais altas; pequeno endividamento ex-
Ex-militares relatam tortura do Exército contra guerrilha.
terno público e particular; transferência de capital
Folha de S. Paulo, 1 de maio de 2005.
de multinacionais para o Brasil; privatização das
estatais.
No início da década de 1970, conforme trechos da
matéria acima, vivia-se no Brasil o período mais duro e) situação internacional vantajosa; taxas de juros in-
da ditadura militar implantada em 1964, marcado pela ternacionais baixas; desenvolvimento do mercado
censura, repressão e torturas. A respeito deste contex- interno, devido à política de aumentos salariais;
to e de seus desdobramentos, podemos afirmar que: participação de multinacionais.
I. a guerrilha urbana foi conduzida por militantes da
137.
Ação Libertadora Nacional (ANL), da Ação Popular
(AP), do Movimento Revolucionário 8 de outubro A crise política que o Brasil vem enfrentando desde ju-
(MR8) e da Vanguarda Popular Revolucionária nho deste ano não teria ocorrido nos tempos da ditadura
(VPR), que passaram a assaltar bancos para militar. Só a democracia permite o debate público.
financiar o movimento da luta armada. De um observador, em setembro de 2005.

II. as ações vitoriosas da guerrilha no seqüestro do Essa frase remete às diferenças nas relações entre
embaixador norte-americano e na região do Ara- Estado e sociedade no período da ditadura militar e
guaia aconteceram devido ao treinamento obtido na democracia presente.
pelos guerrilheiros em Cuba, juntamente com o Discorra sobre algumas dessas diferenças no que
apoio da população, insatisfeita com o endureci- se refere:
mento da ditadura e com a crise econômica. a) ao poder legislativo e aos partidos políticos;
III. diferentemente dos governos do Chile e da
b) à imprensa.
Argentina, os governos brasileiros pós-ditadura
empreenderam a investigação dos crimes pra- 138. UFPR
ticados pelos militares e órgãos de repressão,
Sobre a conjuntura do golpe militar no Brasil, nos anos
como o Departamento de Ordem Política e Social
sessenta, assinale a alternativa incorreta.
(DOPS). Além disso, promoveram a indenização
de ex-guerrilheiros, dos parentes de mortos e a) Predominava internacionalmente a tensão ideoló-
desaparecidos, e decretaram a prisão de ex-mili- gica da Guerra Fria e um surto de modernização
tares. e expansão forçada da economia capitalista.
82
b) Apesar da diversidade econômica e política, brasileiros portaram-se não apenas como técnicos ou
setorial e regional, predominava no país um forte profissionais, mas como brasileiros, como cidadãos
apoio às políticas de reforma de base do governo deste grande país, cônscios de seu papel de represen-
Goulart, em especial a reforma agrária. tantes de seu povo. Foi a primeira afirmação do valor
c) O golpe militar de 1964 foi motivado pela insta- do homem brasileiro, como salientou bem o presidente
bilidade do governo João Goulart, caracterizada da República. Que o chefe do governo aproveite essa
pelo esgotamento do modelo nacional-popular de pausa, esse minuto de euforia e de efusão patriótica,
desenvolvimento e de conciliação social e políti- para meditar sobre a situação do país. (...) A realidade
ca. do Brasil é a explosão patriótica do povo ante a vitória
d) A estrutura representativa e democrática, em na Copa.
especial a partidária, apresentava-se fragilizada. Danton Jobim. Última Hora. 23/06/1970 (com adaptações).

e) Havia pressão dos setores trabalhistas organiza- O que explodiu mesmo foi a alma, foi a paixão do povo:
dos, no campo (ligas camponesas) e na cidade. uma explosão incomparável de alegria, de entusias-
mo, de orgulho. (...) Debruçado em minha varanda de
139. Unicamp-SP Ipanema (um velho amigo) perguntava: — Será que
Os artistas que participaram do tropicalismo queriam algum terrorista se aproveitou do delírio coletivo para
entender o país em que viviam e comunicar-se com adiantar uma plano seu qualquer, agindo com frieza
o povo, mas de um modo diferente daquele proposto e precisão? Será que, de outro lado, algum carrasco
pelo CPC (Centro Popular de Cultura) da UNE (União policial teve ânimo para voltar a torturar sua vítima
Nacional dos Estudantes), no início dos anos 60. logo que o alemão apitou o fim do jogo?
Adaptado de Marcus Venicio Ribeiro, Rubem Braga. Última Hora, 25/06/1970 (com adaptações).
Chico Alencar e Claudius Ceccon, Brasil Vivo, 1991.
a) O que foi o tropicalismo? Avalie as seguintes informações a respeito dos dois
b) Quais os argumentos utilizados pela UNE para textos e do período histórico em que foram escritos.
afirmar que os tropicalistas eram alienados? I. Para os dois autores, a conquista do tricampeonato
mundial de futebol provocou uma explosão de
140. UFPE alegria popular.
Uma análise mais geral da política brasileira no século II. Os dois textos salientam o movimento político
XX mostra as grandes dificuldades para se efetivar que o país atravessava ao mesmo tempo em que
práticas democráticas que possibilitem o exercício conquistava o tricampeonato.
da cidadania. Com relação às experiências políticas III. À época da conquista do tricampeonato mundial de
durante o governo do general Médici, que assumiu o futebol, o Brasil vivia sob regime militar, que, embora
poder em 1969, podemos afirmar que: politicamente autoritário, não chegou a fazer uso de
( ) houve mudanças na ordem política, com maiores métodos violentos contra seus opositores.
poderes para o Congresso Nacional, encerrando É correto apenas o que se afirma em:
o período de censura aos jornais mais atuantes do a) I. d) I e II.
Rio de Janeiro e de São Paulo.
b) II. e) II e III.
( ) se desenvolveu um eficiente sistema de propagan-
c) III.
da, que foi responsável por criar a idéia de que a
sociedade vivia o “milagre brasileiro”, ressaltando 142. Vunesp
a importância da modernização tecnológica para
Analise o quadro.
resolver os problemas do Brasil.
( ) foram atualizados os instrumentos de repressão, Distribuição de renda no Brasil.
com a criação do decreto-lei 477, que puniam os
População Participação na renda
estudantes rebeldes politicamente e fechavam as
grandes universidade brasileiras, para evitar atos remunerada 1960 1970 1976
subversivos.
( ) se incentivou o desenvolvimento da indústria cultural, 50% mais pobres 17,71 14,91 11,80
com financiamentos e sem censuras políticas, des- 30% seguintes 27,92 22,85 21,10
tacando-se o apoio a filmes de teor nacionalista. 15% seguintes 26,66 27,38 28,00
( ) Médici ficou conhecido pelo seu poder de repressão 5% mais ricos 27,69 34,86 39,00
e pela política econômica do ministro Delfim Neto, a
Alberto Passos Guimarães. As classes perigosas
qual foi desfavorável aos trabalhadores brasileiros.
A partir dos dados, pode-se concluir que, no período
considerado:
141. ENEM
a) houve concentração de renda no país.
Os textos a seguir foram extraídos de duas crônicas
publicadas no ano em que a seleção brasileira con- b) a distribuição de renda manteve-se inalterada.
quistou o tricampeonato mundial de futebol. c) os índices apontam para a extinção da pobreza no
Textos: Brasil.
PV2D-07-HB-44

O General Médici falou em consistência moral. Sem d) existiu ampla mobilidade no sentido da ascensão
isso, talvez a vitória nos escapasse, pois a disciplina social.
consciente, livremente aceita, é vital na preparação e) aumentou o salário das camadas sociais mais
espartana para o rude teste do campeonato. Os pobres.
83
143. Unicamp-SP – ‘pega, mata e come’ – assumia ares de inflamado
Em 13 de dezembro de 1968, o governo brasileiro hino revolucionário. Mas o que 1964 permitira, talvez
promulgou o Ato Institucional nº 5, que, segundo opi- como necessária e, no fundo, inofensiva válvula de
niões da época, transformava o regime militar em uma escape, 1968 acabara por sufocar.
ditadura “sem disfarces”. Décio de Almeida Prado, História da civilização brasileira.

a) Qual o pretexto utilizado pelo regime militar para a) Relacione as duas datas – 1964 e 1968 – aos
eventos políticos, cujo impacto sobre a cultura é
editar esse Ato?
descrito no texto.
b) Cite duas das principais medidas adotadas por b) Explique a afirmação o que 1964 permitira (...)
esse Ato. 1968 acabara por sufocar.
c) Caracterize dois elementos da democracia que a
diferenciam da ditadura. 146. Fuvest-SP
O Ato Institucional nº 2, baixado em outubro de 1965
144. pelo regime militar brasileiro, extinguiu os partidos
Reflita sobre a charge de Francisco Caruso, de políticos então existentes, abrindo caminho para a
1976. instituição do bipartidarismo.
Aponte as características básicas do bipartidarismo e
suas principais conseqüências.

147. UFF-RJ
No período após 1964, o regime militar inaugurou uma
política econômica que, entre 1968 e 1974, ganhou a
denominação de “milagre brasileiro”.
a) Mencione dois resultados econômico-sociais ob-
servados durante o “milagre brasileiro”.
b) Analise as repercussões desse período histórico
(1968-1974) na sociedade brasileira.

148. Vunesp
Manifestações de repúdio ao Governo Goulart precede-
ram o movimento militar que golpeou as instituições do
país a partir de 31 de março de 1964. Nos protestos vei-
culavam soluções salvacionistas sobre a pátria, a ordem
democrática, a liberdade, Deus e a família, habilmente
In: Piracicaba 30 anos de humor. Imprensa Oficial do Estado/Instituto articuladas por forças políticas de direita, membros da
do Memorial de Artes Gráficas do Brasil. Igreja Católica, grandes proprietários rurais, banqueiros
e empresários nacionais e estrangeiros, que visavam
Tendo como referencial o contexto histórico brasileiro à adesão do povo. Ao final de 1965, estava na praça a
da década de 1970, pode-se considerar como uma seguinte peça musical de Zé Queti: ‘Marchou com Deus
interpretação válida da charge que: pela democracia, agora chia, agora chia (...)’.
a) muitos artistas e escritores do campo político Com base no texto:
de esquerda foram duramente perseguidos pelo a) esclareça o rumo que os militares, detentores do
regime militar. poder, imprimiram ao regime instalado;
b) o povo brasileiro foi e sempre será pacífico, pois b) a partir da expressão ‘agora chia’, procure indicar a
aceitou passivamente as arbitrariedades dos go- quem o autor da composição dirigia sua sátira.
vernos militares.
c) os governos militares pouparam os produtores 149. Unicamp-SP
culturais porque eles não ameaçavam a ordem No Brasil, os partidos foram, na República Velha, par-
vigente no país. tidos republicanos regionais. Após 1945, os partidos
d) os espetáculos promovidos em locais fechados buscaram, sem grande sucesso, tornar-se nacionais,
não eram submetidos à censura prévia por serem como ocorreu na década de 1930 com a Ação Integra-
dirigidos a uma platéia seletiva. lista Brasileira, o primeiro partido nacional de massa.
e) o regime político em vigor reprimiu duramente os O processo de nacionalização dos partidos ocorre em
grupos paramilitares que agiam contra a liberdade pleno regime militar, com a polarização partidária.
de expressão cultural. Adaptado de Hélgio Trindade, “Brasil em Perspectiva: conservado-
rismo liberal e democracia bloqueada”, em Carlos Guilherme Mota
(org.), Viagem incompleta: a experiência Brasileira (1500-2000): a
145. Vunesp grande transação. São Paulo: Ed. SENAC SP, 2000, p. 375.
Logo após 1964, a comunidade teatral conhecera um a) Segundo o texto, qual a diferença fundamental
período de inesperada euforia, imaginando que poderia entre os partidos políticos da República Velha e
desempenhar uma importante função como centro os do regime militar (1964- 1985)?
de oposição ao regime. Tiradentes passou a ser um b) Quais as características políticas da Ação Integra-
símbolo mal visto pelo governo, e uma simples canção lista Brasileira (AIB)?
como Carcará, cantada por Maria Bethânia com a c) Qual a importância do bipartidarismo (ARENA e
energia de uma justiceira e implacável ave de rapina
MDB) para o regime militar?
84
150. Vunesp 154. UPF-RS
O movimento de 31 de março de 1964 foi o estágio Em 1978, último ano do governo Geisel, uma supre-
final de um longo processo iniciado na década de 40, endente força popular abalou o país, incorporando-se
após o término da Segunda Guerra Mundial. Revele o ao processo de luta pela democratização. Marque a
tipo de regime político que derivou do golpe militar e o alternativa que identifica esta força:
que ele significou para a sociedade brasileira. a) Movimento grevista de cerca de 500 mil trabalha-
dores.
151. UFTM-MG
b) Campanha nacional pelas Diretas Já.
“Vlado – 30 anos depois” sobre a vida e morte do jor-
nalista Vladimir Herzog (1937 -1975), é um filme que c) Luta armada organizada por estudantes e intelec-
precisava ser feito (...). Vladimir Herzog, que trabalhava tuais.
então na TV Cultura, foi preso, torturado e morto nas d) Resistência das Ligas Camponesas pela reforma
dependências do DOI-CODI, o mais temido órgão da agrária.
repressão política, em outubro de 1975. Sua morte – que
o 2º Exército tentou canhestramente apresentar como e) Formação da Frente Liberal com dissidentes do
suicídio – chocou a nação (...). PDS (Partido Democrático Social).
José Geraldo Couto, Folha de S.Paulo, 30.09.2005
Esse fato que chocou a nação: 155. Fuvest-SP
a) reforçou a tendência autoritária do governo Geisel, As fotos a seguir evidenciam relações entre política e
que encerrou o processo de abertura. futebol. Observando-as:
b) acentuou as críticas ao regime militar e estimulou
o movimento pela redemocratização.
c) fez o presidente Geisel apoiar o comandante do
2º Exército e implantar a linha dura.
d) aumentou o desgaste dos governos militares e
desencadeou a volta da luta armada.
e) provocou o descontentamento do general Geisel,
que culminou na imposição do AI-5.

152. Fuvest-SP a) responda quais as diferenças políticas entre os


Sobre o fim do período militar no Brasil (1964 - 1985), dois momentos indicados;
pode-se afirmar que ocorreu de forma: b) compare a forma da atuação política dos jogadores
a) conflituosa, resultando em um rompimento entre em ambos os casos.
as forças armadas e os partidos políticos.
b) abrupta e inesperada, como na Argentina do ge- 156. Mackenzie-SP
neral Galtieri.
Tancredo Neves configurou-se como um candidato de
c) negociada, como no Chile, entre o ditador e os
oposição ao regime militar e sua candidatura resultou
partidos na ilegalidade.
de articulações político-partidárias diversificadas. Essa
d) lenta e gradual, como desejavam setores das
composição caracterizou-se:
forças armadas.
e) sigilosa, entre o presidente Geisel e Tancredo a) pelo apoio da Aliança Democrática, construida pelo
Neves, à revelia do exército e dos partidos. PMDB, pela Frente Liberal e demais partidos de
oposição, inclusive os clandestinos, excluindo-se
153. UFTM-MG o PT, que se manteve contrário à ida ao Colégio
Há vinte anos, a eleição de Tancredo Neves e de José Eleitoral.
Sarney para presidente e vice-presidente da República, b) pela ausência do povo, que permaneceu distante
respectivamente, significou um marco importante na da cena política, comparecendo a comícios e
História brasileira, porque: grandes eventos eleitorais, por não se identificar
a) permitiu a retomada do poder pelos civis, numa com o candidato.
eleição direta vencida no primeiro turno, a exemplo
c) pela oposição dos partidos PDT e PTB, que
do ocorrido na Argentina.
não apoiaram o ex-govenor de Minas Gerais e
b) se tornou o primeiro governo civil desde a queda de
exigiram eleições diretas imediatamente, mesmo
João Goulart, apesar de Tancredo não ter chegado
após a derrota da Emenda Dante de Oliveira no
a assumir a presidência.
Congresso.
c) levou à vitória do partido situacionista no Colégio
Eleitoral, o que permitiu a implementação da polí- d) pelo fato de os dissidentes do PDS, representados
tica econômica neoliberal. por figuras de destaque do governo de João Fi-
d) foi a primeira eleição direta desde o golpe militar gueiredo, como Aureliano Chaves e Marco Maciel,
de 1964 e deu início a uma nova fase, chamada apoiarem incondicionalmente Paulo Maluf.
e) pela unidade alcançada por Maulo Maluf em
PV2D-07-HB-44

pela imprensa de Nova República.


e) concretizou os objetivos da campanha Diretas-Já, torno de seu nome, como candidato do sistema e
com a vitória da Aliança Democrática em todos os escolhido por todo o grupo do poder, sem dissi-
estados. dências.
85
157. UFRGS-RS 159. Unicamp-SP
Com relação ao Regime Militar brasileiro, relacione O movimento das Diretas Já em 1984 chegou a reunir
as características políticas e econômicas de cada centenas de milhares de pessoas na Praça da Sé em
governo, expressas no bloco inferior, com o respectivo São Paulo e em outras cidades do Brasil. Ao final de cada
presidente, constante no bloco superior. comício, cantava-se o Hino Nacional, que expressava o
1. Emílio Médici 4. Castelo Branco descontentamento da sociedade civil com o regime políti-
co, cada vez mais antipopular e deslegitimado.
2. João Figueiredo 5. Costa e Silva
a) O que foi o movimento Diretas Já?
3. Ernesto Geisel
b) De que maneira o Hino Nacional, cantado nas
( ) alinhamento com os EUA e recessão econômica.
praças públicas, marcava uma nova relação entre
( ) crise econômica e abertura política.
o Estado e a nação?
( ) repressão política e “milagre econômico”.
( ) divergência com os EUA e projetos estratégicos.
160. Mackenzie-SP
A seqüência correta de preenchimento dos parênteses, A transição lenta, gradual e segura para a democracia,
de cima para baixo, é: iniciada no governo Geisel em 1974, completa-se na
a) 4 – 2 – 3 – 1 d) 5 – 4 – 1 – 3 Constituição de 1988, que pôs fim aos últimos vestígios
b) 4 – 2 – 1 – 3 e) 3 – 1 – 5 – 2 do regime autoritário. Dentre as conseqüências deste
c) 3 – 2 – 4 – 1 processo mencionamos:
a) o não aparecimento de fortes abalos sociais, o
158. UFTM-MG restabelecimento de direitos políticos, embora
No governo do general João Figueiredo (1979 -1985), ainda houvesse desigualdade social e falta de
teve continuidade o processo de distensão política, confiança no Estado, marcado historicamente pelo
que se evidenciou: clientelismo e corrupção.
a) na reforma partidária, que extinguiu o bipartidaris- b) inúmeras crises sociais que obrigaram o regime a
mo e gerou uma divisão da oposição. retroceder e voltar ao autoritarismo anterior.
b) na imposição do Ato Institucional número 5, que c) a instalação de uma economia forte, caracterizada
conferiu plenos poderes ao Executivo. pela igualdade de oportunidades, sem a concen-
c) na revogação da lei de anistia geral e irrestrita, tração de renda.
conforme desejavam os grupos oposicionistas. d) a punição rigorosa de todos os crimes políticos e
d) na aprovação da emenda Dante de Oliveira, que indenização a todas as vítimas deste período.
defendia eleições diretas para presidente. e) a ascensão ao poder de grupos radicais, com
e) na anulação dos resultados eleitorais que garan- práticas contrárias à democracia, inviabilizando a
tiram maioria ao MDB no Legislativo. abertura.

161. UFRGS-RS

CIÇA. Pagando o pato. São Paulo: Circo Editorial, 1986, p. 105


A emenda citada na tira anterior:
a) permitiu anistiar aqueles que estavam exilados.
b) possibilitou eleições diretas, com a vitória de Tancredo Neves.
c) estabeleceu eleições diretas para prefeitos de capitais.
d) permitiu a criação e o registro de novos partidos políticos.
e) não foi aprovada pelo Congresso Nacional.

86
162. Cesgranrio-RJ O texto remete o leitor ao fato de que:
O processo de redemocratização brasileiro, no final da a) As mortes de Wladimir Herzog e Manuel Fiel Filho
década de 1970, combinou pressões da sociedade civil produziram protestos da população e levaram a
e a estratégia de distensão/abertura do próprio regime ditadura militar a decretar o A.I. 5.
militar, como pode ser observado na(no): b) As mortes de Wladimir Herzog e Manuel Fiel
a) vitória do movimento popular das Diretas Já, per- Filho ocorreram onde funcionava o DOI-CODI e
mitindo eleições gerais diretas em 1982. causaram mobilização inédita da sociedade contra
a tortura e a ditadura.
b) concessão de anistia “ampla, geral e irrestrita”, por
c) As mortes de Wladimir Herzog e Manuel Fiel Filho
lei de iniciativa do governo, mas que excluía as
ocorreram sob o governo do presidente Médici, no
principais lideranças ligadas ao governo derrubado auge da ditadura militar.
em 1964.
d) As mortes de Wladimir Herzog e Manuel Fiel Filho
c) total autonomia do movimento sindical, forçada ocorreram sob o governo do presidente João Fi-
pelas greves do ABCD paulista. gueiredo, que tinha como seu ministro do Exército
d) revogação dos Atos Institucionais, por iniciativa do o general Silvio Frota, um dos líderes da chamada
governo, após negociação com setores represen- linha dura do regime.
tativos da sociedade civil. e) As mortes de Wladimir Herzog e Manuel Fiel Filho
e) “pacote de abril” de 1977, que transformou o Con- ocorreram sob o governo do marechal Costa e
gresso Nacional em Assembléia Constituinte. Silva e fizeram parte de uma escalada da repres-
são promovida pela linha dura do regime contra o
163. UFF-RJ Partido Comunista.
O II PND [Plano Nacional de Desenvolvimento] bus-
cava completar o processo de substituição de impor- 166. UEL-PR
tações, instalado havia décadas no país, mudando Analise a imagem a seguir.
seu conteúdo. Já não se tratava agora de substituir a
importação de bens de consumo, mas de avançar no
caminho da autonomia no terreno dos insumos básicos
(petróleo, aço, alumínio, fertilizantes etc.) e da indústria
de bens de capital.
FAUSTO, Boris. História Concisa do Brasil.
São Paulo: Imprensa Oficial / Edusp, 2002, p. 273
Tome por base seu conhecimento da conjuntura
histórica internacional de inícios da década de 1970
e o texto apresentado como referência. Identifique a
opção que contém uma das principais dificuldades
enfrentadas pelo II PND.
a) A tentativa de consolidar novos pólos industriais – E agora, atendendo a inúmeros pedidos cantarei
no extremo sul do país. “Prá não dizer que não Falei das Flores...”
b) A ênfase dada pelo Plano às indústrias privadas Chico Caruso. In: Retrato do Brasil. n. 12,p. 144, s.d.
de bens de consumo duráveis. Com base na charge e nos conhecimentos sobre a Dita-
c) A tentativa de desviar recursos financeiros do dura Militar no Brasil, considere as afirmativas a seguir.
setor de bens de consumo correntes para projetos I. O regime instaurado em 1964 submeteu a política
estatais de energia elétrica. cultural aos preceitos da doutrina de Segurança
d) A espiral inflacionária decorrente da emissão Nacional contando, para isso, com a atuação da
monetária por parte do Estado combinada com a Escola Superior de Guerra.
elevação de salários. II. A partir das disposições legais de 1967, a cen-
e) A significativa elevação da taxa de juros no merca- sura ficou circunscrita ao âmbito municipal, daí
do internacional, provocada pela crise do petróleo a adoção de métodos, diversificados em todo o
de 1973. país, que foram ratificados posteriormente pelo
Ato Institucional n.o 5.
164. Unitau-SP III. A Censura Prévia no regime militar brasileiro esta-
No processo de abertura política e redemocratização va focada na música e no teatro, produtos culturais
(1974-1985), a campanha das Diretas Já foi seu momen- mais consumidos no Brasil, daí serem poupados
to mais empolgante. O que você sabe sobre ela? a mídia impressa e os livros.
IV. A partir de 1978, os protestos de amplos segmentos
165. ESPM-SP da sociedade - sindicatos operários, professores,
Há 30 anos, em outubro de 1975, o jornalista Wladimir entre outros - contra as ações da censura, resul-
Herzog foi morto nas celas do II Exército. Em janeiro do taram em políticas de distensão e de abertura no
ano seguinte, foi a vez do operário Manuel Fiel Filho, governo Geisel, apesar de a legislação pertinente
que apareceu morto no mesmo local. O comando do permanecer quase intocada.
II Exército distribuiu nota dizendo que os prisioneiros Estão corretas apenas as afirmativas:
PV2D-07-HB-44

haviam se suicidado, mas a sociedade repudiou os a) I e III. d) I, II e IV.


assassinatos. b) I e IV. e) II, III e IV.
Antonio Pedro, História do Brasil.
c) II e III.
87
167. FGV-SP 169. UFRJ
No fundo, chegamos à conclusão de que fizemos a Geisel - [...] O Brasil hoje em dia é considerado um
revolução contra nós mesmos. Essa lamentosa frase oásis [...].
de Ademar de Barros sintetizava o ânimo de alguns Coutinho - [...] Ah, o negócio melhorou muito. Agora,
conspiradores civis com os rumos do governo militar. melhorou, aqui entre nós, foi quando nós começamos a
Após duras críticas ao regime, Ademar chegou a exigir matar. Começamos a matar.
a renúncia do presidente Castelo Branco em um ma- Geisel - Porque antigamente você prendia o sujeito e o
nifesto à nação. Em junho de 1966 teve seus direitos sujeito ia lá para fora. [...] Ó Coutinho, esse troço de matar
políticos cassados por dez anos. é uma barbaridade, mas eu acho que tem que ser.
Flávio Campos, Oficina de História: história do Brasil. GASPARI, Elio. A ditadura derrotada.
Carlos Lacerda, outro importante civil articulador do São Paulo, Companhia das Letras, 2003, p. 324.
golpe de 1964, reagiu contra o regime por meio: O diálogo acima, ocorrido no dia 16 de fevereiro de 1974,
a) da criação, no Rio de Janeiro, do Comitê pela entre os generais Ernesto Geisel e Dale Coutinho, se deu
Anistia, em 1968, com o apoio de militares e civis um mês antes da posse do primeiro como presidente da
cassados pelo regime de exceção. República e do segundo como ministro do Exército.
b) da defesa de eleições diretas para a presidência a) Cite uma medida do governo Geisel (1974-1979)
da República e governos estaduais e apoiou, em que o aproximava das aspirações de parte da socie-
1968, contraditoriamente, o AI-5. dade brasileira pela volta ao regime democrático.
c) de um mandado de segurança apresentado, em b) Indique duas ações do mesmo governo que
1969, ao Supremo Tribunal Federal, reivindicando reforçaram o padrão autoritário do regime militar
o afastamento de Costa e Silva.
inaugurado em 1964.
d) de uma representação ao Congresso Nacional,
exigindo a imediata reconsideração acerca do AI-2, 170. Vunesp
que criou a ARENA e o MDB.
Nos anos de 1970 surgiu, no Brasil, uma forma de
e) da organização da Frente Ampla, em 1967, que
contou com a participação dos ex-presidentes imprensa chamada “alternativa”, cujos melhores
Juscelino Kubitschek e João Goulart. exemplos foram O Pasquim, Opinião e Versus, os
quais, com ironia, humor e metáforas, abordavam
168. UFG-GO temas políticos daquele momento. Ao mesmo tempo,
Leia este texto: vários jornais da grande imprensa deixaram de circular,
- “Pegaram alguns?”, perguntou Geisel. como Correio da Manhã e Diário de Notícias, enquanto
- “Pegamos. Pegamos. Foram pegos quatro argentinos outros, como O Estado de S. Paulo e Jornal da Tarde
e três chilenos”, respondeu Pedrozo. publicavam em algumas colunas textos de Camões e
- “E não liquidaram, não?” receitas culinárias.
- “Ah, já, há muito tempo. É o problema, não é? Tem a) A que regime político correspondem os fatos cita-
elemento que não adianta deixar vivo, aprontando. dos no texto?
Infelizmente, é o tipo de guerra suja em que, se não b) Pelo texto, identifique o comportamento da impren-
se lutar com as mesmas armas deles, se perde. Eles sa no seu relacionamento com o governo.
não têm o mínimo escrúpulo.”
- “É, o que tem que fazer é que tem que nessa hora agir 171. Fuvest-SP
com muita inteligência, para não ficar vestígio nessa
…Meu Brasil…
coisa”, falou Geisel.
que sonha com a volta do irmão Henfil
GASPARI, Elio. A ditadura derrotada.
São Paulo: Companhia das Letras, 2003. p. 387. com tanta gente que partiu num rabo de foguete
chora a nossa pátria mãe gentil
O diálogo, mantido em 1974, atesta a aplicação e a choram Marias e Clarices no solo do Brasil…
especificidade das práticas repressivas utilizadas pelo Esse trecho de O bêbado e o equilibrista, de João
governo brasileiro, ao sugerir a: Bosco e Aldir Blanc, expressa qual momento político
a) proibição da entrada, no Brasil, de estrangeiros que brasileiro? Analise o panorama cultural do período
pudessem comprometer a estabilidade do regime retratado.
governamental.
b) contenção dos partidos e das facções que prepara- 172. UEPG-PR
vam a organização de guerrilhas urbanas e ações Sobre o período do Regime Militar no Brasil (1964-
terroristas contra o governo militar. 1985), assinale o que for correto.
c) defesa dos interesses nacionais, ameaçados por 01. Os militares raramente atuaram em bloco na esfera
uma guerra civil travada silenciosamente, graças política. Dividiram-se em diversas correntes, embora
à censura aos meios de comunicação. houvesse pontos de aproximação entre elas. Cas-
d) adoção de uma estratégia de extermínio pela telistas, nacionalistas, a linha-dura, o poder de cada
ditadura militar, consentida pelo chefe do Estado um desses grupos variou ao longo do período.
brasileiro. 02. O regime consistiu num simples instrumento da
e) intolerância das forças armadas em relação ao classe dominante, que foi beneficiária de todas
avanço das forças políticas comprometidas com as políticas governamentais, participando efetiva-
o restabelecimento do regime democrático. mente da condução da esfera econômica.

88
04. Os militares deram destaque a uma burocracia 174. UFG-GO
técnica de Estado, em especial o setor ligado à Vejam bem, se o MDB vencer as eleições de 15 de
política econômica. novembro e somar a isso essa questão de Constituinte,
08. Esse período conheceu três fases de institucio- bem os militares não estão preparados para isso. E
nalização no Estado. Na primeira, abrangendo os aí a coisa explode: ou eu ‘expludo’ junto ou me com-
governos Castelo Branco e Costa e Silva, foram ponho com eles e vamos para um regime muito pior
lançadas as bases do Estado de Segurança do que este.
Nacional; na segunda, governo Médici, foram Jornal do Brasil, 5/2/78.
desenvolvidos o modelo econômico e o aparato
repressivo; e na terceira, governos Geisel e Figuei- Eu continuo cada vez mais militar. Estou fazendo uma
redo, foram adotadas práticas políticas conhecidas força desgraçada para ser político. (…) O que eu gosto
como “dissensão”. é de clarim e de quartel.
Jornal do Brasil, 11/8/78.
16. O regime não teve características fascistas,
pois não se realizaram esforços para organizar
partido único acima do Estado e para organizar Os trechos acima citados revelam bem mais do que o
o apoio das massas ao governo e tampouco foi caráter e a visão de mundo do general João Batista Fi-
desenvolvida uma ideologia capaz de sensibilizar gueiredo. Na verdade, aí está esboçada parte dos conflitos
a intelectualidade. que marcaram o processo de transição democrática no
Some os números dos itens corretos. Brasil. Explique esse processo, destacando a conjuntura
econômica e político-partidária do governo Figueiredo.
173. Vunesp
175. Fuvest-SP
O regime político instalado em 1964 conseguiu, em
Durante o regime militar no Brasil (1964 - 1985), a
cinco anos, reduzir consideravelmente a inflação.
oposição à ditadura também se expressou por meio
Enumere alguns problemas graves que os gover-
da arte (música, literatura, cinema, teatro).
nantes militares não conseguiram resolver, apesar
Comente a afirmação, dando, pelo menos, dois exem-
dos poderes excepcionais que a legislação lhes
plos dessas formas artísticas de expressão.
conferia.

Capítulo 4
176. UPF-RS tudo o que de ruim acontece na Terra. Saco cheiíssimo
O governo Fernando Collor de Mello (1990-1994) foi de de sair do Brasil e enfrentar ares de superioridade e
grande impacto político e econômico na recente histó- desprezo por parte da gringalhada, todos nos olhando
ria política brasileira. Em relação à política econômica como traficantes de cocaína, assassinos de índios e
do seu governo, não é correto o que se afirma em: crianças, corruptos natos e mais uma vasta coleção
de outras coisas, a depender do país e da platéia. (...)
a) A ministra da Economia, Zélia Cardoso de Mello,
Chega desse negócio, eu não sou bandido, nós não
estabeleceu uma política econômica baseada no
somos bandidos, nós somos brasileiros, eles que vão
controle da inflação por meio do congelamento das
se catar, enfurnados lá no frio escuro e triste deles.
poupanças e contas correntes.
RIBEIRO, João Ubaldo. Veja, 31/03/93
b) O programa de privatizações pretendia diminuir o
tamanho do Estado por meio da política de priva- Em 1985, com o fim da ditadura militar, surge, em seg-
tizações do setor estatal. mentos da sociedade brasileira, a esperança de cons-
c) O enxugamento do aparelho estatal dar-se-ia com trução de uma nova sociedade – a Nova República.
a extinção de inúmeros órgãos e a demissão e Contudo, como é ilustrado pelo texto exposto, antigos
desligamento de funcionários públicos. problemas persistem, contribuindo para alimentar uma
d) O Plano Collor II estimulou a política de livre- determinada imagem negativa do Brasil.
importação, promovendo um choque na indústria Dentre os fatores a seguir, aqueles que indicam,
nacional. respectivamente, mudança e permanência na
e) O Plano Collor II restringiu em muito a política de ordem político-econômica, durante a Nova Repú-
blica, são:
importações, promovendo um impacto negativo no
a) supressão do direito de greve – centralização dos
crescimento da indústria nacional.
poderes no Executivo.
177. UERJ b) extensão do direito de voto aos analfabetos – pe-
queno poder de compra dos salários.
Manifesto contra a moda
c) elaboração de leis referentes ao meio ambiente
de se falar mal do Brasil
– restrições à organização dos partidos políticos.
Sim, o Brasil tem problemas medonhos e não é um
d) extensão dos direitos previdenciários aos traba-
PV2D-07-HB-44

exemplo de desenvolvimento e justiça social, mas,


lhadores do campo – sobrevivência da legislação
com o perdão da má palavra, já ando de saco cheio
política de exceção.
desse negócio de tudo aqui ser o pior do mundo, aqui
prestar e nada aqui funcionar e sermos culpados de
89
178. No Brasil, as minorias a que o texto se refere foram res-
Em 1985, com a vitória de Tancredo Neves, no Colégio ponsáveis, recentemente, pela ascensão política de:
Eleitoral, sobre Paulo Maluf, chegava ao fim o Estado a) Roberto Marinho.
Autoritário que, durante 21 anos, vigorou no Brasil. Com b) Herbert de Souza.
o falecimento de Tancredo Neves, assumiu o vice-pre- c) Fernando Collor de Mello.
sidente José Sarney, em cujo mandato foi promulgada d) Luiz Inácio Lula da Silva.
a Constituição de 1988, que atualmente vigora no país. e) José Carlos Alves dos Santos.
Sobre essa Constituição, assinale a alternativa que 182. Unicap-PE
contém medida introduzida a partir de 1988:
O Plano Collor foi anunciado um dia após a posse do
a) Reeleição para os cargos de presidente da repú- novo governo; o programa tinha inspiração neoliberal,
blica e governador estadual. ou seja, o funcionamento da economia segundo as leis
b) Direito de voto para as mulheres. de mercado. O Estado, na teoria neoliberal, quase não
c) Direito de voto para os analfabetos. interfere na atividade produtiva ou nos investimentos de
d) Criação do salário mínimo. interesse social. Principais medidas do Plano Collor:
( ) Confisco temporário de grande parte do dinheiro
179. Mackenzie-SP depositado em contas correntes, cadernetas de
Os anos 80, no Brasil, foram denominados a década poupança e outras aplicações financeiras.
perdida porque: ( ) Volta do cruzeiro como moeda nacional.
a) o país não recobrou a normalidade democrática, ( ) Congelamento de preços e salários.
permanecendo sob regime militar. ( ) Confisco de todo o dinheiro depositado em conta
b) o isolamento político em relação aos países do corrente.
continente dificultou as relações econômicas. ( ) Novo cálculo mensal da inflação aplicado na cor-
c) a economia estagnou e o Estado perdeu a capa- reção de salários, aluguéis, aposentadorias etc.
cidade de investimento nas áreas sociais.
183. Mackenzie-SP
d) o apartheid social foi contornado por melhores
O movimento dos estudantes caras-pintadas, clamando
condições de vida, mas o modelo político excluía
por ética e moralidade na vida pública, está relacionado
a maioria dos cidadãos.
com qual acontecimento da história política brasileira?
e) embora o Estado tenha conseguido eliminar a vio- a) Apoio popular à emenda constitucional que esta-
lência nas grandes cidades, não foi bem sucedido belecia as eleições diretas para presidente.
no controle da corrupção no setor público. b) Sucessivos choques econômicos – Plano Cruzado,
180. UERJ Plano Bresser e Plano Verão – promovidos pelo
Nos barracos da cidade governo Sarney.
c) A CPI da Câmara, que investigou as denúncias
Nos barracos da cidade referentes à Comissão de Orçamento e favoreci-
ninguém mais tem ilusão mento a grandes construtoras.
no poder da autoridade d) Privatização das companhias estatais – Vale do
de tomar a decisão Rio Doce, Usiminas e Petrobras.
e o poder da autoridade e) Denúncias de que o presidente da República
se pode não faz questão estava envolvido com correntistas fantasmas,
se faz questão não consegue maquiagens contábeis e notas frias.
enfrentar o tubarão
ôôô ôô gente estúpida 184. UEM-PR
ôôô ôô gente hipócrita (...) Nas eleições realizadas em 1989, a disputa pela
Gilberto Gil e Liminha – Barracos Presidência da República foi vencida por Fernando
A música de Gilberto Gil é do ano de 1985. Ela repre- Collor de Mello, político alagoano que iniciou sua
senta uma certa desilusão dos segmentos mais pobres carreira na Arena, partido que dava sustentação ao
da população brasileira com o que se convencionou regime militar.
chamar de Nova República. A primeira ação do novo governo foi o lançamento
Esse sentimento pode ser relacionado com: de um plano econômico – conhecido como Plano Collor
a) o fim do milagre econômico. –, que tinha o objetivo de acabar com a inflação.
b) a continuação da crise econômica. PETTA, N. L. de e OJEDA, E.A.B. História – Uma abordagem integrada.
São Paulo: Editora Moderna, s/d, p. 275.
c) a eleição indireta de Tancredo Neves.
Sobre o plano econômico do presidente Collor, assinale
d) a manutenção das medidas de exceção.
a(s) alternativa(s) correta(s).
181. PUCCamp-SP 01. Segundo seus formuladores, as causas da crise
...as elites e camadas superiores do Terceiro Mundo, que inflacionária e da desigualdade social residiam no
já cercaram suas residências de arame farpado, deixaram crescimento excessivo do Estado intervencionista
de pôr o pé em vastas regiões de seu próprio país e e regulador, herdado da era Vargas, Estado esse
somente ousam sair na rua armadas, obviamente já não que gastava mais do que arrecadava e favorecia
consideram seres humanos a maioria dos seus chama- determinados setores do funcionalismo público e
dos concidadãos. São essas minorias que se aferam às da iniciativa privada com privilégios e subsídios
estratégias de privatização e abertura do FMI... econômicos.

90
02. Com o Plano, houve fortalecimento do Estado es- 187. PUC-SP
tatizador e importantes bancos e ferrovias privadas As eleições presidenciais brasileiras, ocorridas neste
foram nacionalizadas, passando para o domínio do ano, envolveram oito candidatos, concorrendo por
governo federal. partidos ou alianças diversas. Alguns candidatos fi-
04. O Plano Collor propôs a diminuição das tarifas de zeram, em suas campanhas, referências a episódios
importação e a revogação da proibição de entrada ou a personagens da história política brasileira do
de computadores estrangeiros; tal medida tinha o século XX. Entre tais referências, pode-se mencionar
objetivo de forçar a indústria brasileira a se tornar a lembrança do:
mais eficiente. a) nascimento de vários partidos entre 1979 e 1982,
08. O Plano Collor foi formulado com base na doutrina momento da “reforma partidária”, quando surgiram,
keynesiana, que postula que o Estado deve, nos entre outros, o PMDB de Orestes Quércia e o PRN
momentos de desaquecimento da economia e de Carlos Gomes.
de aumento do desemprego de trabalhadores, b) golpe militar de 1964, defendido àquela época pelo
aumentar seus investimentos em obras públicas PFL e pelo PSC, que instalou no poder o almirante
e amparar as empresas em dificuldades com Fortuna, presidenciável nas últimas eleições.
empréstimos a juros baixos. c) governo de Juscelino Kubitschek, de 1956 a 1961,
16. Os seus formuladores acreditavam que somente e que fez aparecer a proposta social-democrata, de-
o aumento da concorrência da indústria externa fendida por Esperidião Amin e por Enéas Carneiro.
e a livre importação de capitais e de tecnologia d) impeachment do presidente Fernando Collo de
poderiam preparar a indústria brasileira para a Mello, ocorrido em 1992 e que contou com a par-
“inserção competitiva” no mercado mundial. ticipação favorável, entre outros, de Luís Inácio
Some os números dos itens corretos. Lula da Silva e de Fernando Henrique Cardoso.
e) período presidencial de Getúlio Vargas entre 1951
185. Mackenzie-SP e 1954, quando se formaram os atuais partidos
Dentre os fatores que favoreceram a vitória, por redu- políticos de esquerda – PT e PTB e surgiu a lide-
zida margem de votos, de Fernando Collor de Mello rança política de Leonel Brizola.
sobre Luiz Inácio Lula da Silva, no segundo turno das
eleições em 1989, apontamos: 188.
a) as táticas amedrontadoras de Collor sobre o Ao assumir a presidência da República, estabeleceu
eleitorado conservador, o confronto ideológico e um plano econômico com a finalidade de acabar com
o apoio da mídia. a inflação, confiscando as cadernetas de poupança, as
b) a oposição do governo norte-americano ao candi- aplicações financeiras e as contas correntes, gerando
dato Collor de Mello, já que este se posicionava grave crise na indústria, desemprego e falência de
contra o modelo neoliberal. várias empresas.
c) a proposta social de Collor, francamente favorável O texto acima refere-se a:
à reforma agrária, e a defesa de maior papel do a) José Sarney e o Plano Cruzado.
Estado na economia.
b) Itamar Franco e o Plano Real.
d) a convicção de Lula de privatizar estatais e o c) Garrastazu Médici e o I Plano Nacional de Desen-
discurso moralizante assustaram os segmentos
volvimento.
mais ilustrados da classe média.
d) Fernando Henrique Cardoso e o Plano Real.
e) o apoio da massa para os dois candidatos, mas a
proposta de Luiz Inácio Lula da Silva de abertura e) Fernando Collor de Mello e o Plano Collor.
total do mercado impediu o apoio da burguesia
nacional à sua candidatura. 189. Vunesp
Em seu discurso, ao lançar o plano econômico, o pre-
186. UFRGS-RS sidente descreveu a inflação como “o inimigo público
Os fatos a seguir apresentam fases do processo de número um”. O plano obteve imediato apoio da popu-
transição do regime democrático no Brasil contempo- lação e, da noite para o dia, o presidente e o ministro
râneo. Assinale a seqüência cronológica correta. Funaro se tornaram heróis nacionais. O povo entrava
a) Anistia – Diretas Já – Nova República – Constitui- nos supermercados, verificava os preços e denunciava
ção de 1988 – Plano Cruzado os gerentes quando notava que algum produto havia
b) Diretas Já – Anistia – Eleição do presidente Sarney sido remarcado irregularmente.
– Plano Cruzado – Constituição de 1988 O texto anterior refere-se ao Plano:
c) Anistia – Plano Cruzado – Constituição de 1988 a) Verão.
– Diretas Já – Eleição de Collor b) Cruzado.
d) Diretas Já – Nova República – Plano Cruzado c) Collor.
– Constituição de 1988 – Eleição de Collor
d) Bresser.
e) Anistia – Plano Cruzado – Eleição de Tancredo
e) Campos-Bulhões.
PV2D-07-HB-44

Neves – Constituição de 1988 – Diretas Já

91
190. Fatec-SP c) avançou em relação a questões econômicas e
No mesmo dia da morte de Tancredo Neves, José sociais, como a reforma agrária, mas restringiu
Sarney assumiu a Presidência da República do Brasil. direitos civis, como o aborto para menores de 21
O consenso sobre o processo democrático foi uma das anos.
válvulas mestras que impulsionaram Sarney a enviar d) avançou em relação à defesa do regime demo-
ao Congresso, em maio de 1985, uma série de medi- crático e aos direitos civis, mas não em questões
das democratizantes, transformadas em lei. econômicas e sociais, como a reforma agrária.
Com essas medidas: e) manteve os privilégios de uma minoria que de-
a) restabeleceram-se as eleições diretas para prefeito fendia as empresas estatais, mas avançou em
das capitais, das áreas consideradas de segurança questões econômicas e sociais, como a reforma
nacional e das estâncias hidrominerais. agrária.
b) restabeleceram-se as eleições diretas para presi-
dente e vice, e conseqüentemente manteve-se o 194. PUC-SP
Colégio Eleitoral. Visando a implementar medidas políticas, Sarney
c) criou-se a Lei Falcão, que permitiu a propaganda enviou ao Congresso a emenda constitucional nº 25
eleitoral nos veículos de comunicação, principal- que ficou conhecida como Emendão. Por ela foram
mente TV e rádio. aprovadas, dentre outras:
d) apesar da liberdade de organização de novos a) a manutenção das eleições indiretas para as pre-
partidos políticos, não foi permitida a legalização feituras das capitais, das estâncias hidrominerais e
dos partidos que viviam na clandestinidade. das áreas consideradas de segurança nacional.
e) restabeleceram-se as eleições diretas para prefei- b) a liberalização das atividades sindicais, acaban-
to, mas não para a Presidência da República. do-se com as intervenções governamentais nos
sindicatos.
191. Unirio-RJ
c) a proibição da organização partidária com a im-
O retorno do Brasil ao regime democrático, na década possibilidade da legalização dos partidos.
de 80, teve como um dos seus marcos mais signifi-
cativos a(o): d) a manutenção da proibição do direito de voto aos
analfabetos.
a) vitória do movimento pela eleição direta para
presidente da República. e) a proibição de acesso à TV para propaganda pelo
partido político de oposição.
b) eleição de Fernando Collor pelo Colégio Eleitoral.
c) eleição de Tancredo Neves com apoio do último
195. UFPE
governo militar.
Durante os debates que antecederam a convocação
d) promulgação da nova Constituição, em 1988.
da Assembléia Constituinte que se instalou em 1º de
e) movimento dos ‘caras-pintadas’, a favor do impe- fevereiro de 1987, uma reivindicação da sociedade
achment de Fernando Collor. civil se impôs.
192. Fuvest-SP a) Os deputados e os senadores que não demons-
trassem participação ativa nos debates e nas
A campanha eleitoral de Fernando Collor de Mello
comissões teriam seus mandatos cassados, não
baseou-se, essencialmente, no tema da moralização
podendo voltar a exercer cargo parlamentar du-
administrativa e política. Que outro candidato à Pre-
rante oito anos.
sidência da República explorou, com preferência, a
mesma temática? b) Deveria ser convocada uma Assembléia exclusiva-
a) Eurico Gaspar Dutra mente para elaborar a nova Constituição. Depois
b) Fernando Henrique Cardoso de aprovada, a Assembléia deveria ser dissolvida
c) Tancredo Neves e novas eleições seriam realizadas para compor
d) Jânio Quadros o Congresso Nacional.
e) Getúlio Vargas c) A escolha de deputados e senadores seria propor-
cional à categoria profissional e aos setores excluí-
193. Fatec-SP dos da sociedade, deixando apenas uma pequena
A Constituição de 1988 reflete, dentro do processo parcela de vagas para os candidatos dos partidos.
de modernização do Brasil, conflitos sociais ainda d) Antes de terem início os trabalhos constituintes,
fortes, bem como o nível de organização dos grupos deveria ser aprovada uma reforma agrária, que
sociais. contemplasse amplos setores de trabalhadores
Quanto a essa Constituição, é correto dizer que: sem terra, de forma a diminuir as tensões sociais
a) avançou em relação aos direitos civis e às ques- e, dessa forma, os constituintes não fossem alvo
tões sociais, como a reforma agrária nas pequenas das pressões populares.
e médias propriedades improdutivas. e) A Igreja Católica seria responsável por encaminhar
b) manteve os privilégios de uma minoria que defen- todas as propostas oriundas dos setores populares
dia a reforma agrária em etapas, mas avançou na que estavam organizados em comunidades ecle-
defesa dos monopólios dos setores estratégicos. siais de base.

92
196. Unatec-MG 200. Fuvest-SP
Em 15 de janeiro de 1985, Tancredo Neves derrotou A exclusão dos analfabetos pela Constituição Republi-
Paulo Maluf no Colégio Eleitoral, numa eleição que en- cana (de 1891) era particularmente discriminatória, pois,
cerrava 21 anos de regime militar no país. Quando de ao mesmo tempo, retirava a obrigação do governo de
sua eleição para presidente do Brasil, Tancredo Neves fornecer instrução primária, que constava do texto impe-
pertencia a qual dos partidos políticos abaixo? rial, e exigia para a cidadania política uma qualidade que
a) PDS c) PDT só o direito social da educação poderia fornecer.
b) PMDB d) PSDB Os bestializados, José Murilo de Carvalho.
a) Que relação o texto estabelece entre ensino pú-
197. Unifesp blico e exercício da cidadania política durante a
A Constituição de 1988 dotou o governo do poder Primeira República (1889-1930)?
de legislar por meio de Medidas Provisórias. Desde b) O que a atual Constituição dispõe a respeito desta
então, todos os presidentes, inclusive o atual, têm relação?
feito extenso uso dessa atribuição, seja para assuntos
urgentes ou importantes, seja, até mesmo, para tocar 201. Unitau-SP
o dia-a-dia da administração. Muitos planos econômicos ocorreram nos anos 80,
A isso o Congresso tem, em geral, reagido com: exceto o:
a) independência, estando mais preocupado com as a) Plano de Metas. d) Plano Bresser.
disputas internas. b) Plano Cruzado. e) Plano Verão.
b) docilidade, evidenciando falhas no seu funciona- c) Plano Collor.
mento.
202. PUCCamp-SP
c) indiferença, demonstrando má vontade em cola-
borar com o executivo. ... embora a vontade política do presidente Itamar, dos
ex-ministros Fernando Henrique Cardoso e Rubem
d) oportunismo, possibilitando ao judiciário exorbitar Ricúpero tenha implantado a primeira fase do Plano
em suas atribuições. Real com sucesso, sem a segunda fase (...) o Plano
e) sagacidade, escondendo sua debilidade estrutural não será bem sucedido...
face aos outros poderes. Pelo programa econômico divulgado pelo governo
o sucesso da segunda fase a que o texto se refere
198. Unicamp-SP implica em:
Democracia é a vontade da lei, que é plural e igual para a) ampliar a representação dos Estados no Senado
todos, e não a do príncipe que é impessoal e desigual e reestruturar o poder Judiciário.
para os favorecimentos e privilégios. b) mudanças na legislação trabalhista nas esferas
Ulysses Guimarães federal, estadual e municipal.
c) reformas estruturais nos sistemas tributário, pre-
a) Retire a definição de democracia expressa no texto videnciário e na administração pública.
anterior. d) estimular a criação de mecanismos de proteção ao
b) Por que, segundo esta definição, a democracia consumidor e privatizar as empresas públicas.
deixa de existir nos regimes totalitários? e) centralizar as decisões de política monetária nas
instituições financeiras privadas.
199. UnB-DF
Na década iniciada em 1981, o Brasil e a América La- 203.
tina protagonizaram situações de grande ressonância
Itamar Franco, ex-senador da República, assumiu a
na economia e na política internacionais. Com relação
presidência em quais circunstâncias políticas?
a esses fatos, julgue os itens que se seguem.
01. A Guerra das Malvinas demonstrou a eficácia do 204. PUC-RS
sistema de defesa das Américas, uma vez que to- A vitória de Fernando Henrique Cardoso nas eleições
dos os países do continente agiram solidariamente presidenciais de 1994 teve como fator decisivo a:
em apoio à Argentina, em seu confronto com a
poderosa Grã-Bretanha. a) adoção de uma política eficaz de controle da
natalidade, visando a conscientizar a parcela da
02. A consagrada expressão “década perdida”, usada população menos favorecida.
para definir o contexto latino-americano, asso-
cia-se, em grande medida, aos efeitos da crise b) redução da criminalidade no campo, devido ao pro-
da dívida externa, iniciados pela declaração de grama de reforma agrária que prevê tolerância em
moratória do México em 1982. relação à invasão de terras improdutivas no país.
03. No Cone Sul do continente americano, a transição c) política externa de importação de produtos do
dos governos militares para civis trouxe a rápida Mercosul, com o objetivo de reduzir as taxas al-
retomada de uma cultura democrática, historica- fandegárias, resultando em preços mais atrativos
mente arraigada na tradição política da região. no mercado brasileiro.
04. O fim do ciclo militar no Brasil foi acompanhado d) implantação do Plano Real, que criou uma moeda
PV2D-07-HB-44

pela chamada Nova República, momento-chave estável no país, após décadas de inflação.
para a imediata recondução da vida política à e) queda do desemprego devido à adoção do plano
normalidade e da economia à segurança da esta- de estatização e a intervenção reguladora do
bilidade monetária. Estado na economia.
93
205. Unicamp-SP O texto faz uma severa crítica à imprensa no apoio ao
No corrente ano, os noticiários ocuparam-se intensa- plano que determinou:
mente das CPIs organizadas em Brasília. a) a criação da Unidade Real de Valor, indexador
a) O que quer dizer CPI? provisório da economia, a adoção do real e a
b) Qual o papel das CPIs na relação entre o Legisla- paridade ao dólar.
tivo e o Executivo, em uma República? b) o aumento dos preços de certos produtos e ser-
viços e a manipulação artificial da inflação para
206. UECE conter os índices.
A morte do advogado Paulo César Farias trouxe à tona c) a mudança de moeda, o confisco do dinheiro dos
intensa discussão a respeito dos esquemas de corrup- poupadores e o congelamento e controle de preços.
ção instalados no governo brasileiro e denunciados d) a substituição da antiga moeda, o congelamento dos
após a eleição presidencial de 1989. A respeito disso, preços por um ano, a conversão dos salários em
marque a alternativa correta. cruzados e a instituição do abono salarial de 8%.
a) O esquema de corrupção comandado por P. C. e) o congelamento de preços acima da realidade de
Farias foi denunciado pelo próprio presidente mercado, a contenção dos gastos públicos e a
Fernando Collor, logo após a sua posse. criação de uma nova moeda: o cruzado novo.
b) As eleições de 1989 ficaram marcadas pelas de-
núncias de corrupção por parte dos dois candida- 209.
tos que chegaram ao 2º turno, Collor e Brizola. Descreva a finalidade do plebiscito realizado em 1993,
c) As denúncias de corrupção levaram à renúncia do na presidência de Itamar Franco.
presidente Fernando Collor, que, mesmo assim,
210. Unicamp-SP
acabou absolvido pelo Supremo Tribunal Fede-
ral. Em 1993, o IBGE divulgou dados estatísticos infor-
mando que o Brasil possui 32 milhões de miseráveis.
d) Tanto o “esquema P.C.” quanto a “máfia do orça-
Portanto, democrática na aparência, a sociedade
mento” já foram esclarecidos pela Justiça e seus
brasileira é marcada, na verdade, por um “apartheid
responsáveis julgados e presos.
social”.
207. Cesgranrio-RJ a) Explique a utilização do termo “apartheid social”
para definir a sociedade brasileira atual.
A movimentação causada pelo pedido de impeachment
do Presidente Fernando Collor de Mello, no Congresso b) Por que a idéia de “apartheid social” compromete
Nacional, gerou acirrada discussão acerca dos 3 (três) os princípios da democracia?
poderes nacionais. De acordo com a Constituição em
vigor, assinale a opção correta: 211. PUCCamp-SP
a) O Congresso Nacional tem poder para cassar o I. “Na relação Estado/mercado, o presidente opta
mandato do presidente da República nos casos pelo privilégio deste, fonte do dinamismo, da
de crimes comuns. modernização, dos gastos racionais – o mercado
b) Somente o Supremo Tribunal Federal tem poderes como ‘melhor alocador de recursos’, em contra-
para julgar o presidente da República nos casos posição ao Estado ineficiente, desperdiçador,
de crime de responsabilidade. irracional. Bastaria o Estado ser passado a limpo,
c) O Congresso Nacional deve julgar os crimes de para que a crise brasileira fosse superada, con-
responsabilidade do presidente da República. duzida pela economia privada, livre das travas
d) O presidente da República tem poder de dissolver do Estado.”
o Congresso Nacional, toda vez que este tentar II. “Não é uma estabilidade ancorada num de-
processá-lo. senvolvimento econômico que, ao expressar a
e) O Supremo Tribunal Federal tem poderes para força de nossa economia, pudesse determinar
julgar o Congresso Nacional por crime de respon- a paridade com o dólar pela equiparação das
sabilidade, caso o presidente da República seja duas economias. É um mecanismo basicamente
inocentado. financeiro, que se apóia na entrada maciça de
capitais especulativos, pressionando o preço do
208. PUCCamp-SP dólar para baixo.”
A imprensa transformou-se no maior apoiador do plano Os textos identificam, respectivamente, uma crítica
e do presidente. Desde a indisfarçada manipulação à política:
da Rede Globo e do jornal O Globo, passando pelo a) intervencionista do presidente Ernesto Geisel e ao
liberalismo ultramontano de O Estado de S. Paulo, II Plano Nacional de Desenvolvimento.
até o pós-modernismo ‘epaté’ da Folha de S. Paulo,
b) autoritária do presidente João Batista Figueiredo
e as páginas (...) das grandes revistas semanais Veja
e ao Plano Cruzado II.
e IstoÉ, os louvores ao plano e à coragem, audácia
c) liberal do presidente Fernando Collor de Mello e
e modernidade do presidente compuseram uma adu-
ao Plano Brasil Novo.
lação da imprensa brasileira que só é comparada à
subserviência e indigência mental da época do golpe d) neoliberal do presidente Fernando Henrique Car-
militar de 1964 (...) doso e ao Plano Real.
Francisco de Oliveira. In. Myriam B. Mota e Patrícia R. Braick. História: e) populista do presidente Itamar Franco e ao Plano
das cavernas ao terceiro milênio. São Paulo, 1997, p. 59 Verão.
94
212. UFG-GO 214. Fuvest-SP
Ninguém em sã consciência deixa tantas pistas óbvias Nos últimos 20 anos, houve mudanças socioeconômicas
para se incriminar, na copa, na cozinha, nos jardins da significativas no Brasil. Entre elas, observa-se que:
casa da Dinda. Planejou minuciosamente seus erros. a) a produtividade agrícola avançou, mas não elimi-
Nunca renunciará. Ele quer ser deposto, como numa nou os movimentos sociais no campo.
cruza de Getúlio e Jânio, neto do trabalhismo (Lindolfo) b) o país entrou na era da globalização e a produção
e casado com o latifúndio. Quando Collor sair, deposto industrial alcançou autonomia tecnológica.
ou não, haverá uma real fome de sanidade no país.
c) as crises econômicas não foram superadas, mas o
Uma sanidade menos hipócrita. Analisando-o o país
produto interno bruto (PIB) cresceu continuamente.
se reviu.
A crônica de Arnaldo Jabor, publicada no livro Os d) as políticas para o meio ambiente ocuparam o
Canibais Estão na Sala de Jantar, captou com pre- centro da agenda governamental e suas metas
cisão a conjuntura política que motivou a queda do principais foram implementadas.
governo Collor. e) o desemprego se agravou, mas as políticas públi-
Comparando o governo Collor com outros momentos cas compensaram seus efeitos negativos.
de nossa história política, pode-se afirmar que:
215. UERJ
( ) Collor assumiu o poder numa conjuntura de es-
tabilidade econômica, motivada pelo sucesso do Geração Coca-Cola
Plano Cruzado. Quando nascemos fomos programados
A receber o que vocês nos empurraram
( ) entre Collor, Jânio e Vargas percebe-se a formação
Com os enlatados dos USA, de 9 às 6.
de uma cultura política, fundada no personalismo,
Desde pequenos nós comemos lixo
no uso das imagens como arma política e no apelo
Comercial e industrial
direto ao povo, características associadas ao
Mas agora chegou nossa vez
populismo.
Vamos cuspir de volta o lixo em cima de vocês.
( ) a queda de Collor foi uma decorrência da ação do Somos os filhos da revolução
Tribunal de Contas da União que, ao encontrar Somos burgueses sem religião
sérios indícios de desvio de recursos públicos, Somos o futuro da nação
iniciou o processo de “impeachment”; investigação Geração Coca-Cola.
semelhante motivou a renúncia do presidente Depois de vinte anos na escola
Vargas, nos anos 50. Não é difícil aprender
( ) a herança do governo Collor pode ser percebida Todas as manhas do jogo sujo
nos governos subseqüentes, no que se refere à Não é assim que tem que ser?
orientação econômica acentuadamente liberal. Vamos fazer nosso dever de casa
E aí então, vocês vão ver
213. UERJ Suas crianças derrubando reis
(…) Temos, no governo Collor, a distância entre duas Fazer comédia no cinema com as suas leis.
publicidades: uma publicidade favorável ao governo, Renato Russo
por ele suscitada e mesmo paga, que se expressava O título e a letra da canção expressam a insatisfação
na encarnação da força física, melhor dizendo, de e a visão crítica de parte da juventude brasileira da
uma positividade que não remetia a nenhuma virtude década de 1980, em relação a padrões de comporta-
moral ou política, mas se reduzia ao mero abuso da mento dominantes na sociedade.
animalidade; e outra publicidade, que lhe foi fatal, Dois problemas característicos da juventude dessa
quando o irmão veio a público denunciar o presidente década, que estão identificados na letra e que melhor
enquanto pessoa pública, por corrupção, e enquanto justificam o rótulo “geração coca-cola”, são:
pessoa privada, por atos ilegais, imorais, nem todos, a) decadência moral – rígido controle social.
porém, de relevância para a sociedade brasileira, como
b) pobreza econômica – limitações culturais.
os que se referiam à sua vida sexual.
Ribeiro, R. Janine. In: Dagnino, Evelina (org.).
c) alienação cultural – insatisfação política.
Anos 90: Política e sociedade no Brasil. d) nacionalismo musical – falta de acesso à escola.
Este texto apresenta algumas reflexões sobre a crise 216. UFMG
que desencadeou o impedimento do presidente Fer-
Assinale a alternativa em que o contexto destacado
nando Collor de Mello.
está corretamente relacionado a uma manifestação
A crítica política que apóia as preocupações do autor
cultural de resistência, de setores da sociedade bra-
acerca daquele período pode ser traduzida por:
sileira, aos problemas vivenciados na época.
a) O predomínio da imagem pública é prejudicial à
a) Era Vargas/ Desfiles de escolas de samba com en-
democracia.
redos que criticavam Getúlio e seus assessores.
b) A propaganda positiva é fundamental na consoli-
b) Governo JK / Telenovelas cujas tramas buscavam
dação dos governos atuais.
explicitar os problemas econômicos e sociais ge-
c) A ênfase na pessoa privada decorre da fragilidade rados pela política desenvolvimentista.
PV2D-07-HB-44

das instituições públicas.


c) Governo FHC / Grupos de ‘rap’ com denúncias do
d) A imagem pública fica prejudicada com a difusão racismo, da falta de oportunidades econômicas e
dos meios de comunicação. da miséria que assolam as grandes cidades.
95
d) Governos MILITARES / Pornochanchadas cine- Em 1º de julho de 1994, durante o governo de Itamar
matográficas com roteiros que desmoralizavam as Franco, surgia, no Brasil, uma nova unidade mone-
Forças Armadas e o regime implantado em 1964. tária, num ambiente inflacionário, na tentativa de se
estabilizar a economia.
217. PUCCamp-SP Explique o contexto político no qual foi criado o Real.
Para responder à questão, analise o gráfico a seguir.
221. UFSC
Em 1994, Fernando Henrique Cardoso, na qualidade
de ministro da Fazenda, implantou o Plano Real.
Assumindo como presidente da República em 1995,
além de manter o referido plano, implementou uma
política econômica denominada neoliberal pelos seus
adversários políticos.
Assinale a(s) proposição(ões) que é(são)
considerada(s) conseqüência(s) da referida política
A eleição presidencial de 1989 foi um marco importante econômica.
de redemocratização do Brasil. No processo histórico 01. Aumento significativo do número de empregos e da
das últimas décadas, essa eleição representou o remuneração dos assalariados, de modo especial
resultado: dos servidores públicos.
a) do embate político entre as forças de direita e de 02. Privatização de empresas públicas como a Com-
esquerda, que disputavam o controle do movimen- panhia Siderúrgica Nacional, Vale do Rio Doce e
to pelas “diretas já” desde a eleição, pelo sufrágio Telebrás.
universal, do presidente Tancredo Neves, em 04. Queda da inflação, alto índice de desemprego e
1985. juros elevados.
b) das lutas políticas de setores progressistas da
08. Investimentos maciços nos sistemas públicos de
sociedade brasileira, que objetivavam resgatar o
educação e saúde e facilidade de financiamentos
direito ao voto direto para a Presidência da Repú-
ao consumidor.
blica que tinha sido abolido pelo Ato Institucional
nº 2, em 1965. 16. Balança comercial invariavelmente favorável.
c) do planejamento político delineado pelo presidente Some os números dos itens corretos.
Castelo Branco, que definiu, no Ato Institucional
nº 3, a retomada do processo democrático para o 222. Unirio-RJ
final da década de 1990.
A economia brasileira conheceu, na última década,
d) da luta armada realizada por grupos trotskistas e uma sucessão de crises e de planos de estabilização.
leninistas, que conseguiram neutralizar a ação do Assinale a opção que expressa uma afirmativa correta
aparelho militar, abrindo espaço para a ação dos acerca desses planos econômicos.
setores democráticos que defendiam o direito ao
voto direto. a) Os planos de estabilização priorizaram o acerto
das contas externas e o programa de privatiza-
e) da vitória da atuação dos juristas pela instituição
ção, relegando a segundo plano o controle da
do estado democrático no Brasil, que conseguiram
inflação.
estabelecer as primeiras eleições diretas, por meio
do sufrágio universal, na história do país. b) O Plano Cruzado, que promoveu a abertura da
economia brasileira, favoreceu a retomada do de-
218. senvolvimento financiado pela poupança externa.
Quais foram as causas do impeachment imposto ao c) O Plano Real, que instituiu a nova moeda brasileira,
presidente Fernando Collor? vem conseguindo índices de inflação muito baixos,
mas não conseguiu reduzir o desemprego.
219. d) As políticas de geração de renda e geração de
O governo Itamar Franco (1992 - 94) teve papel fun- empregos, adotadas pelos planos econômicos,
damental na consolidação democrática. O que mais contribuíram para a aceleração do processo in-
marcou esse governo politicamente? fracionário.

220. UFES e) A redução da inflação e a retomada acelerada da


produção têm sido financiados pelos recursos do
Quintilhões – Para calcular a inflação do país, desde
programa de privatização, implantado pelo governo
1829 até 1993, a Andima precisou utilizar um com-
atual.
putador de grande porte (mainframe), com elevada
capacidade de cálculos matemáticos. A inflação bra- 223.
sileira não cabe nos computadores normais por falta
de espaço para tantos números antes da vírgula. O Entre os principais problemas brasileiros, destaca-se
número final calculado foi exatamente 6.666.178.625 a questão da terra, que tem gerado violentos conflitos
.954.199.552%. no campo entre os “sem-terra”, proprietários e governo.
O Estado de S. Paulo, 30/06/95. O que é o movimento dos “sem-terra”?
96
224. Mackenzie-SP 226. Unirio-RJ
Leia o texto. O 3º aniversário do Plano Real coloca em evidência
Este Brasil onde aparentemente não cabem os 150 não só os resultados alcançados pela estabilização
milhões de habitantes das estatísticas demográficas monetária, mas também problemas ainda não resol-
é assim por descaso. Com a produção agrícola atual, vidos da economia brasileira.
poderia alimentar 300 milhões de pessoas. Nada, Assinale a opção que associa corretamente resultados
em sua economia, impede que sejam gerados 9 desse plano e problemas presentes na economia.
milhões de empregos de emergência. Se a posse
a) Ampliação das importações como conseqüência
da terra fosse democratizada de maneira rápida e
da longa recessão do setor agrário.
decidida, abriria lugar para 12 milhões de famílias.
Se as coisas assim acontecessem, 32 milhões de b) Crescimento dos superávits comerciais sustentados
pessoas que estão passando fome teriam comida, pelas exportações de produtos manufaturados.
pelo menos comida (...) c) Redução do ingresso de capitais externos, deses-
Herbert de Souza, Reflexões para o futuro, Revista Veja 25 anos. timulados pelo fim da especulação financeira.
Nos últimos anos, importante campanha relacionada d) Reforma do Estado, equilibrando as contas
com o texto acima vem ocorrendo no Brasil, cuja públicas e gerando recursos para investimentos
denominação é: sociais.
a) Ação da Cidadania contra a Fome e a Miséria e e) Estabilização monetária e desequilíbrio da balança
pela Vida. de comércio pelo aumento das importações.
b) Campanha pela Reforma Agrária da Contag.
c) Movimento de Geração de Emprego do Sebrae. 227. PUC-MG
d) Campanha de Aumento da Produção Agrícola. Sobre os governos do período de democratização do
e) Frente Nacional pela Paz no Campo e na Cidade. Brasil (1984-2002), é correto afirmar, exceto:
a) Fernando Collor ganhou projeção nacional ao
225. PUCCamp-SP adotar um discurso contra altos salários do fun-
Analise os textos. cionalismo alagoano, o que lhe garantiu o título
Diante dos documentos internacionais que começaram de “caçador de marajás”.
a expor a verdadeira situação do Brasil, depois das b) A vitória de Luiz Inácio Lula da Silva por eleições
reformas neoliberais da Constituição e da economia, diretas, em 2002, consolida o processo da demo-
o único álibi que os responsáveis pelo resultado cla- cracia representativa no país.
moroso podem invocar é que o “processo não está c) O governo de Itamar Franco criou o Plano Real,
concluído”. após o confisco da poupança dos brasileiros e do
Jânio de Freitas, Folha de S.Paulo,19/09/99. Cad. 1. p. 5. dinheiro de outras aplicações financeiras.
d) FHC, após coligar-se com setores da direita, como
Nos anos 80 e 90, sob o paradigma neoliberal, diluiu-
o PFL, conseguiu aprovar a ementa constitucional
se a ‘legitimidade’ dos projetos de desenvolvimento e
que lhe permitiu a reeleição.
debilitaram-se os Estados nacionais. Liberalização,
desregulação e privatização passaram a constituir os 228. Fatec-SP
pilares de uma suposta ‘nova ordem’ que promoveria a O Plano Real entrou em vigência em fins de 1993,
modernização e o progresso por força das virtudes da durante o governo de Itamar Franco. Sobre esse plano,
eficiência alocativa dos mercados de capitais. é correto afirmar que:
Luciano Coutinho, Folha de S.Paulo,12/09/99. Cad. 2. p. 2.
a) reduziu a inflação, desenvolveu a indústria nacional
Os dois autores referem-se ao projeto neoliberal e trouxe a estabilização política.
implantado no Brasil pelos últimos governos da Fe- b) reduziu a inflação, desenvolveu a indústria nacional
deração. e ajudou a diminuir o desemprego.
A partir da análise dos textos, pode-se depreender que c) reduziu a inflação, mas as medidas de ajuste ado-
o projeto neoliberal, no Brasil: tadas provocaram recessão econômica, quebras
a) acelerou o processo de distribuição de renda no de bancos e de empresas, assim como um surto
país. de demissões e desemprego.
b) fortaleceu o poder de intervenção do Estado na d) reduziu a inflação, trouxe a estabilidade econômi-
economia. ca, desenvolveu a indústria nacional, resolvendo
c) não alcançou ainda os objetivos pretendidos pelos muitos problemas sociais, com o aumento do poder
aquisitivo da população.
seus idealizadores.
e) reduziu a inflação, estabilizou o setor produtivo
d) ultrapassou a fase de implantação do progresso e
nacional, ajudou a diminuir a desigualdade social
da modernização econômica. existente no campo e na cidade, enfraquecendo
e) alavancou o projeto de desenvolvimento indus- as organizações de oposição, como o Movimento
PV2D-07-HB-44

trial. dos Tabalhadores Rurais Sem Terra.

97
229. UFPR c) A política de privatizações, marca do governo Fernan-
A economia brasileira, a partir dos anos noventa do sé- do Henrique Cardoso, permitiu que o Estado investisse
culo XX, registrou uma série de mudanças estruturais. os recursos obtidos em saúde e educação, contribuin-
Entre elas, podemos considerar como incorreta(s): do para diminuir significativamente as desigualdades
a) a flexibilização dos monopólios e a desregulamen- sociais, de acordo com os mais recentes indicadores
tação dos mercados. do Índice de Desenvolvimento Humano – IDH.
b) a estabilidade monetária e a consagração do Plano d) A orientação política predominante nos anos 90, de
Real. cunho neoliberal, foi responsável pela diminuição
c) a consolidação do Mercosul como um forte gru- acentuada dos níveis de pobreza, pelo aumento
po de pressão para a conquista da soberania e da participação dos salários na renda nacional e
desenvolvimento auto-sustentado dos países do pelo fortalecimento da capacidade do setor público
Cone Sul. em atender às demandas sociais.
d) a reestruturação do sistema produtivo, com o de-
senvolvimento da informática e da robotização. 233. UFF-RJ
e) o desemprego estrutural, a precarização das relações Em julho de 1998, foi privatizado o conjunto de em-
trabalhistas e a fragilização da estrutura sindical. presas estatais brasileiras do sistema Telebrás, dando
prosseguimento ao programa neoliberal do governo
230. Unicamp-SP Fernando Henrique Cardoso.
Segundo a imprensa especializada, existem duas Assinale a opção que melhor define privatização.
maneiras possíveis de se controlar a inflação: uma
a) Aplicação de instrumento legal pelo Estado brasi-
baseada no desenvolvimento e outra na recessão. O
leiro no favorecimento de empresas estrangeiras
que propõe cada uma dessas “fórmulas” e qual delas
é utilizada no Brasil hoje? em leilões das bolsas de valores.
b) Apropriação do Estado pelo capital privado, nacio-
231. PUC-RS nal ou estrangeiro.
Os impasses em torno da reforma da Previdência So- c) Processo de incorporação de novas empresas pri-
cial, proposta pelo atual governo federal do presidente vadas ao Estado – o mesmo que Estado-mínimo.
Luiz Inácio Lula da Silva, estão colocados desde os d) Processo de organização de vendas das empresas
anos 1980, quando o modelo do Welfare State (Estado estatais através de leilões nas bolsas de valores.
de Bem-Estar), defendido pelos ________ em vários e) Transferência do patrimônio público para o controle
países da Europa, passa a sofrer forte concorrência privado de setores empresariais, nacionais ou
do modelo ________, implementado na Inglaterra estrangeiros.
pelas administrações de Margareth Tatcher, visando
à redução da participação do Estado nas políticas 234. UFSC
sociais e ao incremento das políticas econômicas de Assinale a(s) proposição(ões) verdadeira(s) referente(s)
superávit primário. a acontecimentos históricos relevantes ocorridos no
a) social-democratas / neoliberal Brasil nos primeiros anos do século XXI.
b) socialistas / keynesiano
c) liberais / trabalhista
d) verdes / republicano
e) comunistas / monarquista

232. UFU-MG
Sobre os anos 90 no Brasil, assinale a alternativa
correta.
a) Enquanto a pressão do desemprego levou os sindi-
catos a perderem força nas negociações salariais,
o Movimento dos Trabalhadores Sem–Terra (MST)
foi se tornando um dos principais movimentos
sociais dos anos 90, lutando pela ampliação da
reforma agrária.
b) A política de moralização da vida pública foi a
tônica do primeiro governo de Fernando Henrique Folha de S. Paulo. 29 jun. 2003. p. A2.
Cardoso, levando-o a exigir que todos os escân- 01. No Brasil, um cidadão nordestino e metalúrgico
dalos financeiros e as denúncias de corrupção
foi eleito pelo Partido dos Trabalhadores, aliado a
fossem investigados pelo Congresso, por meio
outros partidos, para ocupar o cargo de presidente
de CPIs, que conseguiram julgar e prender todos
da República.
os envolvidos.

98
02. Com a eleição de um presidente filiado ao Partido d) à pressão dos grandes magnatas de consórcios
dos Trabalhadores, as mulheres passaram a econômicos brasileiros, que contratam lobistas
ter seus salários equiparados aos dos homens para influenciar a política externa do governo
quando no exercício da mesma profissão. E os Fernando Henrique Cardoso.
estudantes negros passaram a ter direito a cotas
236. UFRR
nas universidades públicas.
A política social do governo Fernando Henrique Car-
04. Mesmo pertencendo aos quadros do Partido dos doso (1998/2002) foi marcada pela:
Trabalhadores, Luiz Inácio Lula da Silva, já no a) ampliação dos direitos trabalhistas com a implan-
exercício da Presidência, não conseguiu impedir tação do seguro-desemprego.
que as lideranças do Movimento dos Trabalha- b) erradicação da mortalidade infantil nos estados do
Norte e Nordeste.
dores Sem Terra, descontentes com o ritmo da
c) reforma previdenciária, implantando novos critérios
reforma agrária, promovessem invasões de pro-
para a concessão de aposentadoria.
priedades rurais.
d) reforma trabalhista, garantindo o direito de sindi-
08. Os trabalhadores, os empresários e o Movimento calização ao trabalhador rural.
dos Trabalhadores Sem Terra demonstraram e) obrigatoriedade de construção de creches comu-
publicamente seu apoio ao presidente Luiz Inácio nitárias pelo poder público estadual.
Lula da Silva evitando críticas, greves e invasões 237. Uespi
de propriedades rurais após sua posse. A modernização da sociedade brasileira trouxe inven-
16. Os servidores públicos descontentes com a pro- ções tecnológicas que mudaram o cotidiano da popu-
posta de reforma da Previdência, encaminhada ao lação. Há uma massificação da cultura, um sistema de
Congresso Nacional pelo presidente Luiz Inácio comunicação que transforma o mundo numa verdadeira
Lula da Silva, manifestaram publicamente o seu aldeia global. No entanto, podemos afirmar que:
descontentamento. a) a globalização garantiu o fim de muitas diferenças
sociais marcantes e desumanas.
Some os números dos itens corretos.
b) não houve nenhum benefício para as populações
235. UFMG mais pobres, nesse processo de modernização.
Observe esta charge. c) as mudanças no cotidiano não são importantes
para a análise da sociedade, pois disfarçam as
contradições sociais.
d) faltou maior planejamento social no processo de
modernização, sobretudo nas regiões mais pobres,
como o Nordeste.
e) a proximidade garantida pelo sistema de comuni-
cação não está relacionada com a modernização
da sociedade.

238. UFRGS-RS
A crítica feita através da charge refere-se a um aspecto da
política econômica adotada pela administração FHC.

Folha de S. Paulo, 15 jun. 2002. p. A2.


Nessa charge, faz-se referência:
a) ao alinhamento político do governo Fernando Hen-
rique Cardoso com os países da União Européia,
que, mediante diferentes mecanismos de pressão,
determinam a política interna.
b) à frustração do governo Fernando Henrique Cardo- Imprensa, nº 20, setembro de 1997, p. 86.
so, que, devido à ação dos cartolas internacionais,
não pôde capitalizar politicamente as vitórias do Leia as afirmações a seguir sobre a administração
Brasil na Copa do Mundo. FHC.
c) à instabilidade da economia brasileira, economia I. A administração FHC tem privilegiado a abertura
que, devido ao alto grau de endividamento externo, e a desnacionalização da economia do país, a
PV2D-07-HB-44

é permanentemente sujeita à ação dos grandes privatização do setor público e uma política de
grupos de investidores internacionais. compreensão dos salários do funcionalismo pú-
blico federal.

99
II. O governo FHC nega ser um governo de perfil 241. UFRN
neoliberal e justifica a política de desmantelamento Voltei nos braços do povo. A campanha subterrânea
do setor estatal com o discurso da necessidade de dos grupos internacionais aliou-se à dos grupos na-
modernizar a economia brasileira como condição cionais (...) Quis criar a liberdade nacional na poten-
para inserir-se competitivamente no processo de cialização de nossas riquezas através de Petrobras;
globalização. mal ela começa a funcionar, a onda de agitação se
III. O sucesso do Plano Real e o processo de privatiza- avoluma. A Eletrobrás foi obstaculada até o desespero.
ção da economia provocaram sensíveis melhorias Não querem que o trabalhador seja livre. Não querem
sociais junto às massas dos excluídos do campo, que o povo seja independente.
esvaziando quase por completo a luta política dos Carta-testamento do presidente Getúlio Vargas, em 06
movimentos sociais organizados no meio rural. de agosto de 1954.
Quais estão corretas? Del Priore, Mary et al. Documentos de
história do Brasil: de Cabral aos anos 90.
a) Apenas I
b) Apenas II O Estado começou a ser transformado para tornar-
c) Apenas I e II se mais eficiente, evitar o desperdício e prestar
serviços de melhor qualidade à população. (...) Fui
d) Apenas II e III
escolhido pelo povo (...). Para continuar a construir
e) I, II e III uma economia estável, moderna, aberta e compe-
titiva. Para prosseguir com firmeza na privatização.
239. FGV-SP
Para apoiar os que produzem e geram empregos.
Fernando Henrique Cardoso governou o Brasil entre E assim recolocar o país na trajetória de um
1994 e 2002. A respeito desse período, é correto crescimento sustentado, sustentável e com me-
afirmar: lhor distribuição de riquezas entre os brasileiros.
a) Estabeleceu-se uma nova Constituição para o Discurso de posse do presidente Fernando Henrique
Brasil e uma nova política econômica denominada Cardoso, em 2 de janeiro de 1999.
Plano Real. Cardoso, F.H. Por um Brasil solidário.
b) Teve início com o impeachment de Fernando Collor O Estado de S. Paulo, 2 jan. 1999.
de Mello, afastado da Presidência sob acusações Os pronunciamentos de Getúlio Vargas e Fernando
de corrupção. Henrique Cardoso foram proferidos em momentos
c) Estabeleceu-se um governo social-democrata com históricos diferentes. Contudo, os dois governantes
a aliança entre o PSDB e a maioria dos partidos têm em comum o fato de:
de esquerda do Brasil. a) sentirem-se pressionados pelas forças democrá-
d) Foi aprovada a Emenda Constitucional que ticas para adotarem um modelo político capaz de
permitiu a reeleição do presidente da República assegurar a estabilidade das instituições políticas.
Federativa do Brasil b) obterem o apoio em massa dos trabalhadores
e) Caracterizou-se pela reversão do processo de para implementação de suas respectivas políticas
privatizações de empresas estatais que marcara estatais.
os governos anteriores. c) sofrerem campanhas contrárias às suas ações
políticas, lideradas por movimentos nacionais com
240. PUCCamp-SP o apoio clandestino de grupos internacionais.
Estudos mostram avanço positivo do Plano Real: com d) referirem-se ao apoio popular para legitimar suas
a queda da inflação e o crescimento econômico, o país ações, uma vez que chegaram ao poder através
reduziu significativamente o número de miseráveis. do voto direto.
(...) é fundamental, no entanto, que não se cometa o
erro absurdo e imperdoável de avaliar que já somos 242. PUCCamp-SP
menos injustos...
Leia os textos.
Tendo em vista a realidade brasileira, pode-se afirmar,
a partir das idéias do texto, que: A crise econômica recente no Brasil demonstra que
qualquer país está ameaçado por turbulências infor-
a) apesar dos aspectos positivos, possuímos uma mativas e movimentos especulativos nos mercados
das maiores desigualdades de renda do mundo. financeiros globais.
b) a queda da inflação foi acompanhada pela redução Manuel Castells. Folha de S. Paulo, 23/05/99. Cad. Mais, p. 5
no consumo de bens das camadas populares. (...) uma crise aguda da economia brasileira seria
c) o crescimento econômico permitiu solucionar transmitida a toda a América Latina e provocaria uma
o problema do déficit habitacional nos grandes catástrofe nos Estados Unidos, que destinam 20% de
centros. suas exportações a essa região. A Europa, eviden-
temente, também não seria poupada por uma crise
d) a população situada na categoria de miseráveis é
pequena e concentrada nas zonas rurais. geral da economia. Foi menos o futuro do Brasil do
que o medo de uma tal crise mundial que mobilizou
e) a injustiça social permanece, pois os índices de uma ajuda internacional considerável para livrar o
analfabetismo foram reduzidos apenas para 50% país dos apuros.
do total de habitantes. Alain Touraine. Folha de S. Paulo. 31/01/99. Cad. Mais. p. 5

100
O Plano Real, adotado pelo governo de Itamar Fran- 244. Unicamp-SP
co, em 1994, contribuiu para a eleição do presidente Rio de ladeiras
Fernando Henrique Cardoso. No início de 1999, o Civilização de encruzilhada
Plano Real sofreu uma crise que fez cair os índices de Cada ribanceira é uma nação.
popularidade do presidente. De acordo com os textos, À sua maneira
essa crise estava relacionada, principalmente: Com ladrão
a) à fuga de capitais ocorrida no final de 1998, que Lavadeiras, honra, tradição
provocou uma redução nas divisas e a desvalori- fronteiras, munição pesada.
zação cambial. Chico Buarque

b) aos conflitos entre Brasil e Argentina, na definição a) Quais os elementos do cotidiano dos morros ca-
das taxas alfandegárias para importação/exporta- riocas que são reforçados por Chico Buarque?
ção de alimentos. b) Por que, ao falar dos morros cariocas, Chico Buar-
c) aos baixos investimentos do governo nas áreas que afirma que cada ribanceira é uma nação?
sociais, especialmente na saúde, educação e
moradia. 245. Udesc
d) à falta de decisão política do governo para enfren- Episódios recentes da vida política no Brasil, rela-
tar os problemas decorrentes da baixa oferta de cionados com formas constitucionais (como a da
trabalho. Previdência) e com problemas do sistema financeiro
e) ao retorno do processo inflacionário com a con- (como o caso dos bancos Econômico e Nacional),
seqüente adoção da política de indexação da trouxeram de volta preocupações acerca do grau de
economia. independência segundo o qual o Poder Legislativo
acaba por definir suas posições, em votações de
243. Fuvest-SP grande interesse para o país.
Tomando como referência tais acontecimentos, que
Desde 1990, os governos brasileiros vêm desmontan-
dificuldades encontra o Poder Legislativo para repre-
do um modelo de Estado que se cristalizou no período
sentar os anseios da população e, ao mesmo tempo,
varguista (1930-1945). Que principais mudanças estão
auxiliar na governabilidade do país?
ocorrendo no que diz respeito à intervenção do Estado
na economia e nas relações trabalhistas?
PV2D-07-HB-44

101
102
História do Brasil 4 – Gabarito
01. D democracia representativa, 21. D 22. D
02. Foi uma Constituição de caráter com o restabelecimento das 23. a) O Plano Marshall (1947)
democrático e liberal, que res- eleições diretas; – ajuda financeira para a
tabeleceu os direitos civis sus- – após manobras políticas e reconstrução das economias
pensos desde a Constituição de judiciais, o governo conse- européias – tinha como prin-
1937, conhecida como Polaca. guiu a cassação do registro cipal objetivo conter o avan-
03. C 04. B do Partido Comunista Bra- ço das idéias socialistas no
sileiro, em dia 7 de maio de território europeu. Com a
05. O Brasil rompeu diplomatica-
1947; Europa empobrecida após
mente com a União Soviética
– em setembro de 1947, no a destruição da Segunda
devido à ligação do presidente
Rio de Janeiro, ocorreu Guerra Mundial, a possibi-
Dutra com o capital e o governo
a assinatura do Tratado lidade do crescimento dos
norte-americanos. Nessa épo-
Interamericano de Assis- partidos de esquerda e dos
ca, iniciava-se a Guerra Fria
tência Recíproca (TIAR), movimentos sociais de con-
entre Estados Unidos e União
instrumento diplomático testação era muito grande.
Soviética (Doutrina Truman).
destinado a promover a A conjuntura internacional
06. A 07. E 08. B
defesa hemisférica contra cada vez mais demonstrava
09. D 10. D que a disputa pelo poder
agressões externas;
11. Dutra foi eleito em dezembro estava bipolarizada ideolo-
– inspirado pela política an-
de 1945, após 15 anos de gicamente entre os EUA e a
ticomunista, em 20 de ou-
governo Vargas, sendo que URSS (Guerra Fria).
tubro de 1947, o governo
os últimos sete anos desse b) • Rompimento de relações
brasileiro rompe as relações
governo tinham se pautado diplomáticas com a URSS;
diplomáticas com a União
pelo sistema ditatorial. O fim
das Repúblicas Socialistas • Fechamento do Partido
da segunda Guerra e dos go-
Soviéticas (URSS); Comunista;
vernos totalitários europeus,
– início de uma política in- • Cassação de parlamenta-
assim como a vitória dos países
tervencionista, a partir do res do Partido Comunista.
democráticos como Estados
Unidos, Inglaterra e França – a segundo semestre de 1947, 24. O populismo consistiu numa
única exceção a esse grupo é a destacando-se a elaboração política de manipulação dos
União Soviética – , favoreceram do Plano Saúde, Alimen- interesses e das aspirações
o clima de redemocratização no tação, Transporte e Ener- populares pelo Estado.
Brasil. Dutra havia sido ministro gia, ou Plano Salte, como 25. Por meio da chamada Política
militar durante o Estado Novo e tentativa de coordenar os de Boa Vizinhança, os Estados
elegeu-se graças a uma aliança gastos públicos, mediante Unidos exerceram forte influên-
do seu partido, o PSD, com o programa plurianual de in- cia cultural através do cinema e
PTB de Getúlio Vargas. vestimentos; da música, no comportamento
12. E 13. E 14. B – em agosto de 1948, come- de jovens.
çou a funcionar a Missão Destacaram-se, neste contexto,
15. C 16. A 17. D
Abbink para diagnosticar a criação do Zé Carioca, por
18. Considerando que o texto bá-
problemas da economia Walt Disney, e a manipulação
sico subdividiu o governo em
brasileira, inclusive quanto da arte de Carmem Miranda.
duas fases, cujo marco interme-
ao emprego de recursos ex- 26. C 27. C 28. A
diário situa-se em 1947, pode-
ternos no setor petrolífero.
mos citar alguns fatos políticos 29. B 30. B 31. C
19. B
relevantes, correspondentes 32. B 33. E 34. A
aos períodos estabelecidos: 20. O PSD surgiu nos últimos me-
35. E
ses do Estado Novo como um
– reafirmação política da posi- 36. a) O posicionamento político
partido conservador, formado
ção brasileira de alinhamen- de boa parte da grande
por aliados de Getúlio Vargas,
to sem restrições à liderança imprensa contra o nacio-
representantes das elites, es-
dos Estados Unidos; nalismo econômico e o tra-
pecialmente das elites agrárias.
– promulgação da Consti- balhismo defendidos pelo
Esse partido, considerado por
tuição de 1946, como im- governo Vargas; a crítica ao
muitos como um partido de
PV2D-07-HB-44

portante instrumento de financiamento público, pelo


“centro“, exerceu grande influ-
normalização das relações Banco do Brasil, à criação do
ência sobre o cenário político
políticas institucionais e da jornal varguista Última Hora;
brasileiro até o Golpe de 1964.
103
a acusação e o temor gene- tutela do Estado. Vargas en- 62. a) O governo Juscelino priori-
ralizado na grande imprensa frentava também campanhas zou algumas áreas, como
da retomada de práticas na imprensa contra o governo, transportes, construção na-
autoritárias provenientes do sobretudo pelo Jornal Tribuna val, construção civil, gera-
Estado Novo, com destaque da Imprensa de Carlos Lacerda ção de energia, siderurgia.
para as ações de censura. e pela perda de apoio no Exér- Temos alguns exemplos
b) O reconhecimento em rela- cito. O cenário desfavorável como: construção de Brasí-
ção à implementação das agravou-se com o atentado ao lia, GEIA (Grupo de Estudos
leis trabalhistas advindas do jornalista Carlos Lacerda, no de Indústria Automobilística),
primeiro governo Vargas e qual morreu o major Rubens GEICON (Grupo de Estudos
atualizadas neste momento; Vaz, sendo apontadas como da Construção Naval), Man-
o apoio às medidas rela- responsáveis pessoas próximas nesmann etc.
cionadas ao nacionalismo do presidente. Pressionado a b) Além da disposição do
econômico, expresso, por renunciar, Vargas optou pelo presidente e da planifica-
exemplo, na criação da Pe- suicídio. Após sua morte e o ção de alguns setores, foi
trobras. afastamento do vice Café Fi- fundamental a entrada de
37. A lho, em 1955, evidenciaram-se capital externo por meio de
conflitos políticos envolvendo empréstimos e de multina-
38. A contradição, então existente,
o presidente da Câmara dos cionais atraídos por incenti-
entre a política econômica for-
Deputados Carlos Luz e o vos governamentais.
temente nacionalista adotada
Marechal Henrique Teixeira 63. B 64. A 65. A
pelo presidente Vargas e a
Lott que levaram o país a um
mudança verificada na política 66. C 67. C
estado de sítio até a posse
externa norte-americana, uma 68. D 69. A
de Juscelino Kubitschek, em
vez que esse nacionalismo 70. a) 1 – Concentração da pro-
janeiro de 1956.
baseava-se no investimento priedade da terra, expressa
estatal em empresas públicas 47. D 48. B
pela grande quantidade de
produtivas e de serviços – tais 49. A expressão “o petróleo é
latifúndios pouco ou nada
como a Petrobras – que vi- nosso” surgiu num contexto
produtivos e por milhares de
savam a dar continuidade ao de disputa pela prospecção de
minifúndios que não permi-
desenvolvimento do capitalismo petróleo, no Brasil, entre empre-
tiam a subsistência familiar.
no país, via suporte do Estado. sas estrangeiras e representan-
2 – Práticas mandonistas
O suicídio de Vargas, em agos- tes de uma política nacionalista.
e autoritárias por parte dos
to de 1954, foi conseqüência Foi no final do governo Dutra,
proprietários, cerceadoras
dessa oposição de interesses, porém a campanha ganhou
e impeditivas ao exercício
já que havia grupos brasileiros projeção nacional no governo
de direitos civis e sociais
ligados aos objetivos econômi- Getúlio, culminando com a
dos trabalhadores rurais. O
cos dos EUA, representados criação da Petrobras.
cambão (trabalho obrigatório
principalmente pelos políticos 50. a) Getúlio Vargas.
não pago) assim como o
da UDN, enquanto Vargas b) Existem várias discussões barracão (obrigatoriedade
apoiava-se nas massas e no sobre a importância histórica de comprar gêneros no lo-
PTB. de Vargas para o Brasil. Po- cal de venda da fazenda)
39. 30 (02 + 04 + 08 + 16) demos ressaltar seu signifi- foram expressões dessas
40. E 41. A 42. B cado no estabelecimento da práticas.
43. C 44. A 45. E chamada indústria de base,
b) A emancipação econômi-
na criação de uma política
46. De volta ao governo em 1951, ca brasileira era entendida
em que o Estado tornou-se
com um projeto desenvolvi- como relacionada à integra-
o mediador nas relações
mentista e nacionalista, Getúlio lização da industrialização
entre capital e trabalho,
Vargas passou a enfrentar uma no país, isto é, à constituição
como demonstra a Consoli-
intensa oposição de setores de um parque industrial que
dação das Leis do Trabalho
ligados ao capital estrangeiro e propiciasse a produção de
(1943), e na aplicação de um
dos segmentos conservadores maquinário/bens de capital.
nacionalismo econômico,
da sociedade representados Concebia-se, à época, que o
exemplificado pela criação
pela UDN. Estes contestavam desenvolvimento e a resolu-
da Petrobras(1953).
o nacionalismo econômico e a ção das questões da miséria
política populista caracterizada 51. E 52. B 53. B e do atraso, na cidade e no
pela aproximação e incorpora- 54. E 55. D 56. D campo, só se resolveriam
ção das classes trabalhadoras 57. A 58. D 59. D através desse impulso in-
urbanas à cena política, sob a 60. B 61. E dustrializante apoiado e

104
alicerçado pelo Estado. O b) Na visão do autor, Jânio 101. C 102. A 103. A
Plano de Metas, idealizado Quadros estaria “indeciso” 104. A 105. B
e executado no governo de entre os EUA, cujo presi-
106. A 107. A
Juscelino Kubitschek, exem- dente era John Kennedy,
plifica essa estratégia, ao e Cuba, liderada por Fidel 108. a) Getúlio Vargas (suicidou-se
procurar dotar o país de um Castro. Portanto, trata-se de em 1954), Jânio Quadros
setor de indústrias pesadas uma crítica à política externa (renunciou em julho de
(bens de produção duráveis independente adotada por 1961 após sete meses de
e bens de capital). Jânio. governo) e João Goulart
(deposto em 1964 pelo
71. B 80. a) Jânio Quadros
Golpe Militar).
72. a) O principal fator que levou à b) A política externa brasileira
b) João Goulart assinou a
transferência da capital, no afastou-se do contexto da
desapropriação de terras
século XVIII, foi o desenvol- Guerra Fria, praticando uma
para a reforma agrária e a
vimento da mineração em política externa independente.
nacionalização das refina-
Minas Gerais, o que colocou 81. E 82. D
rias de petróleo. Tais me-
o Rio de Janeiro bem pró- 83. D 84. A didas provocaram a reação
ximo do centro minerador
85. 24 (08 + 16) de setores civis e militares
facilitando a exportação do
86. E 87. A contrários ao seu governo
minério.
88. A 89. E 90. C e culminaram com o Golpe
b) Quanto a Brasília, foi a ne-
91. 26 (02 + 08 + 16) Militar de 31 de março de
cessidade de interiorizar a
1964.
população e a produção. 92. B 93. D
94. 27 (01 + 02 + 08 + 16) 109. D 110. C 111. C
73. O texto de Vargas defende o
nacionalismo econômico e ad- 95. D 96. A 112. A 113. D 114. E
voga que o capital estrangeiro 97. D 98. B 115. a) O “povo emudecido” con-
tira a autonomia e a soberania 99. a) Na Era Vargas, os governa- cretizou-se na censura
do país. Já com JK o capital dores ou interventores esta- e na repressão política,
estrangeiro é visto como um duais eram nomeados pelo e “anti-povo” na falta de
auxiliar importante ao desen- presidente da República. participação popular, a
volvimento nacional. b) A base de apoio do PTB (Par- “anti-reforma” nas políticas
74. O Plano de Metas objetivava tido Trabalhista Brasileiro): econômicas conservadoras
um rápido processo de indus- burocracia sindical ligada e o “anti-sindicato” com
trialização do país – 50 anos ao trabalhismo tributário de as intervenções e fecha-
em 5 – e a sua implantação Vargas; camadas populares mentos de sindicatos no
promoveu um aumento nas urbanas. A base de apoio do período ditatorial.
diferenças entre o Sudeste e PSD (Partido Social Demo- b) Reforma agrária; reforma
o Nordeste, como também um crático): oligarquias rurais; bancária.
crescimento da inflação. banqueiros e industriais ha- 116. C 117. C
75. a) Implantação da indústria bituados à negociação com 118. a) O rádio era um eficiente
automobilística, telefonia e o governo central. instrumento de publicidade
bens de consumo. 100. a) A verticalização dos edifí- por seu grande alcance
b) Estavam contidas no seu cios, grandes avenidas e junto às massas, devido à
Plano de Metas. viadutos, automóveis e ilu- facilidade de aquisição se
76. C 77. E 78. A minação elétrica urbana. comparado à televisão, já
79. a) A charge faz refêrencia ao b) O crescimento de São disponível no Brasil desde
presidente Jânio Quadros. Paulo decorreu da ace- a década de 1950, mas
No ano de 1961, houve leração do processo de inacessível à maioria da
um acirramento da Guerra industrialização no Brasil, população.
Fria na América Latina em particularmente na região b) A postura populista de
decorrência do desdobra- Sudeste e durante o gover- João Goulart, na defesa do
mento da revolução Cubana, no Juscelino Kubitschek nacionalismo econômico e
que foi declarada socialista (1956-1961), que provo- do trabalhismo, encontrava
por Fidel Castro. Jânio da cou a atração de popula- ressonância entre setores
Silva Quadros assumiu a ções das áreas rurais de da esquerda brasileira e,
presidência do Brasil e fez diversos estados do país por isso, a interpretação,
PV2D-07-HB-44

um governo efêmero, renun- em direção aos grandes pelos segmentos conser-


ciando ao cargo após sete centros urbanos e indus- vadores da sociedade, de
meses de mandato. triais. um presidente comunista.
105
c) A expressão “Legalismo”, b) O contexto histórico da mú- b) A imprensa, que na época
significa reconhecimento sica corresponde à fase final da ditadura era controla-
ao regime estabelecido ou da República Liberal, mais da pelo Estado através
a uma autoridade legítima, especificamente ao gover- da censura, nos dias de
independentemente da no João Goulart, no qual a hoje é livre para denunciar
origem ou tendência. No discussão sobre a reforma quaisquer problemas que
caso brasileiro, o conceito agrária se intensificou. ocorram no meio político.
de “orientação legalista”, 124. a) Reforma Agrária. 138. B
antes de 1964, significou b) Determinar o que são terras 139. a) Movimento estético e artís-
a defesa do governo do improdutivas e devolutas; tico surgido no contexto do
presidente João Goulart forte reação conservadora regime autoritário.
contra as medidas dos no Congresso. b) Entre os tropicalistas, supos-
segmentos conservadores c) Simpatia e apoio ao pro- tamente, não havia um enga-
no Congresso Nacional de grama, além de contínua jamento político-partidário.
limitar seus poderes com mobilização. 140. F, V, F, F, V
a adoção do Parlamenta- 125. E 141. D 142. A
rismo. Depois de 1964, o 126. O movimento de 1964 não 143. a) A recusa da Câmara dos
“legalista” passou a ser cabe no conceito de “revo- Deputados em autorizar
aquele que defendia o lução”, pois não promoveu que o governo militar pro-
Estado autoritário estabe- mudanças drásticas nas estru- cessasse o deputado fede-
lecido pelos militares, insti- turas da sociedade brasileira. ral Márcio Moreira Alves,
tuído pelo Ato Institucional Ao contrário, seu objetivo foi do MDB, devido ao discur-
nº 1. manter o status quo. so por ele proferido, o qual
119. a) As notícias estão relaciona- 127. C fora considerado ofensivo
das à conjuntura da crise 128. a) Foi decretado o AI nº 5. pelas Forças Armadas.
político-institucional do go- b) Costa e Silva. b) Principais medidas:
verno João Goulart (1961- c) Aumento do poder do – fechamento do Congres-
64) e ao Golpe Militar de 31 presidente, implantando so Nacional;
de março de 1964. censura, cassações, expur- – fechamento das Assem-
b) O artigo do Diário de Notí- gos, suspensão do habeas bléias Legislativas;
cias (1o/4/1964) revela uma corpus etc. – fechamento da Câmara
linha editorial de centro-es- 129. B 130. E dos Vereadores;
querda, responsabilizando – decreto de intervenção
131. B 132. D 133. E
os “grupos radicais” da nos territórios, estados e
134. 29 (01 + 04 + 08 + 16)
esquerda pelo agravamen- municípios;
135. D 136. A – caçados os mandatos
to da crise política e que
137. a) Durante a ditadura militar efetivos;
conseqüentemente levou
(1964-1985), o poder le- – suspensão dos direitos
à deposição do presidente
gislativo esteve submetido políticos dos opositores da
João Goulart.
ao poder executivo, fato ditadura;
120. D
que não pode ser mais – cancelamento das liber-
121. Setor bancário-financeiro do observado nos dias de dades políticas dos cida-
país, setor administrativo do hoje, quando o legislativo dãos brasileiros;
governo e os trabalhadores ru- tem até mesmo o poder de – vigilância sobre os oposi-
rais. Os trabalhadores rurais. investigar o executivo atra- tores do regime;
Os trabalhadores, estudantes vés das CPIs. No caso dos – proibição de reunião nas
de esquerda e alguns intelec- partidos políticos, durante ruas;
tuais. a maior parte do período – manifestações foram
122. A militar prevaleceu o bipar- banidas;
123. a) Os versos enfatizam o ca- tidarismo (Arena e MDB), – patrulhas ideológicas nas
ráter agrário da economia extinto apenas em 1980, escolas.
brasileira durante o período quando o então presidente c) Entre vários elementos
colonial e que não houve João Batista Figueiredo temos, eleições diretas,
muitas mudanças até a liberou o pluripartidarismo, liberdade de expressão, li-
época de 1960. Sugerem mas com algumas restri- berdades individuais, pode-
ainda a dependência da ções, como, por exemplo, a res Executivo, Legislativo e
economia brasileira do manutenção da ilegalidade Judiciário, independentes,
capital estrangeiro. dos partidos comunistas. entre outros.
106
144. A c) Para o regime militar, o bi- 169. a) O fim do AI-5; a suspensão
145. a) Golpe Militar, implantação partidarismo foi fundamen- da censura prévia a parte
regime autoritário (1964) e tal para o controle político da imprensa; e a demis-
o ano do AI-5 (1968). exercido pelo governo, já são de membros da alta
b) 1964 – o golpe foi dado que a ARENA agregava os hierarquia militar ligados à
após o anúncio das refor- políticos aliados do regime, linha-dura do regime.
mas esperadas pelo país enquanto o MDB funcio- b) A elaboração de uma nova
(João Goulart). 1968 – o nava como uma “oposição legislação eleitoral - a Lei
acirramento da ditadura. consentida”, ou seja, permi- Falcão; o fechamento do
tida pelo governo. Contudo, Congresso Nacional; a for-
146. O bipartidarismo foi caracte-
o funcionamento desses mulação do Pacote de Abril; a
rizado pelos partidos ARENA
dois partidos também ser- cassação de parlamentares;
(Aliança Renovadora Nacio-
via para ocultar o caráter e o combate a organizações
nal), que congregava parti-
ditatorial do regime. de esquerda como o PCB e
dários no Regime Militar e
MDB (Movimento Democrática 150. Houve um crescimento econômi- o PC do B, dentre outras.
Brasileiro) que se apresentava co, graças à conjuntura propícia 170. a) Ao Regime Militar (1964-
como oposição. O sistema do capitalismo mundial, mas 1985).
bipartidarismo mantinha a apa- para a sociedade, em sua maio- b) Até a publicação do AI-5, a
rência democrática, porém, na ria, trouxe um regime autoritário, grande imprensa oscilava
torturas, censura, perseguições entre a neutralidade e a ade-
prática, dificultava a represen-
políticas, exílio e uma violenta são aos militares. A partir daí,
tação da sociedade civil sujeita
concentração de renda. com a imposição da censura,
às imposições do Estado.
151. B 152. D parte da imprensa colocou-se
147. a) I. Arrocho salarial sobre os
operários e trabalhadores 153. B 154. A contrária ao regime, utilizan-
de baixa renda; 155. a) O primeiro momento, duran- do-se de textos literários ou
II. Favorecimento das gran- te o governo Médici, carac- receitas culinárias em lugar
des empresas – sobretudo as terizou-se pela repressão e das matérias censuradas.
estrangeiras – pelo Estado. pelo “milagre econômico”, A chamada imprensa alter-
b) A sociedade brasileira enaltecido num nacionalis- nativa se opunha ao regime
assistiu a um tremendo mo encomendado; o segun- através de textos cínicos e
achatamento salarial – que do representa a abertura debochados.
não se recompôs –; perda política, com jogadores se 171. Fase de intensa repressão
da qualidade na assis- engajando no processo cultural e política que abrange
tência médica – surgindo político. o governo Médici e parte do
daí os tais convênios –; a b) No primeiro caso é de governo Geisel (1969-1977).
diminuição da quantidade apoio, no segundo é de Perseguição aos opositores
oposição ao regime. do regime e censura dos
e qualidade do ensino pú-
meios de comunicação são os
blico; e o endividamento do 156. A 157. B 158. A
principais temas abordados no
país junto aos organismos 159. a) Mobilização popular em plano cultural da época.
financeiros internacionais. prol da emenda do deputa-
172. 29 (01 + 04 + 08 + 16)
148. a) Regime autoritário. do Dante de Oliveira pelas
b) O autor se refere a políticos, eleições diretas. 173. Os problemas dos trabalhado-
forças reacionárias e à Igreja res urbanos e rurais, reforma
b) Era o clamor popular exigin-
agrária, miséria, pobreza,
Católica, que, no início, apoia- do, pela maioria, a demo-
dívida externa, saúde pública,
ram o golpe e, depois, passa- cratização plena do país e,
educação, entre outros.
ram a sofrer repressões. dessa forma, deixando de
ser uma relação entre um 174. O Brasil enfrentava grave
149. a) Segundo o texto, enquanto
Estado militar opressor e crise econômica decorrente
na República Velha (1889-
um povo oprimido. do aumento da inflação e o
1930) os partidos eram governo militar enfrentava
regionais, a exemplo dos 160. A 161. E 162. D
protestos dos mais diversos
“PRs”, no regime militar os 163. E setores da sociedade, com
partidos eram nacionais. 164. A Campanha pretendia devol- destaque para as greves no
b) A AIB, apontada pelo au- ver ao povo o direito soberano ABC paulista e campanhas
tor como primeiro partido de escolher, por si mesmo, pela redemocratização. Du-
de massa no Brasil, tinha seus governantes e radicalizar rante o governo Figueiredo foi
PV2D-07-HB-44

cunho fascista: defendia a o processo de abertura. restaurado o pluripartidarismo,


total centralização política e 165. B 166. B suprimindo-se o bipartidarismo
o regime de partido único. 167. E 168. D (Arena e MDB).
107
175. As manifestações de oposição 205. a) Comissão Parlamentar de 224. A 225. C 226. E
ao regime militar ocorreram até Inquérito 227. C 228. C 229. C
a publicação do AI-5 destacan- b) Investigação das ações 230. Desenvolvimento – Ativar o se-
do-se a peça teatral Roda Viva políticas de suspeitos de tor produtivo gerando emprego
de Chico Buarque de Holanda irregularidade na adminis- e equilíbrio entre produção e
e a música de protesto como tração pública. Os poderes consumo.
Pra não dizer que não falei das Executivo, Legislativo e Ju-
Recessão – Refrear o consumo
flores de Geraldo Vandré. diciário, assim como qual-
evitando uma corrida desenfre-
176. E 177. B 178. C quer órgão e funcionário
ada do mercado.
público, podem sofrer CPIs,
179. C 180. B 181. C Hoje não há um modelo “puro”.
caso haja necessidade.
182. V, V, F, F, V Contudo, a política de juros altos
206. C 207. C 208. C
183. E mantida pelo governo Lula para
209. A Constituição de 1988, pro-
184. 21 (01 + 04 + 16) conter a inflação também refreia
mulgada em 5 de outubro de
185. A 186. D 187. D o desenvolvimento econômico.
1988, determinou a realização
188. E 189. B 190. A de um plebiscito, em 21 de 231. A 232. A 233. E
191. D 192. D 193. D abril de 1993, para se decidir 234. 25 (01 + 08 + 16)
194. B 195. B sobre a forma de governo 235. C 236. C 237. D
– república ou monarquia 238. C 239. D 240. A
196. B 197. B
constitucional – e o sistema de 241. D 242. A
198. a) Democracia é a vontade governo – parlamentarista ou
da lei, isto é, liberal-cons- 243. Os programas de privatizações
presidencialista – no Brasil. A
titucional. das empresas estatais iniciados
maioria dos eleitores brasilei-
b) No regime autoritário pre- ros votou para manter a forma no governo Fernando Collor e
valece o poder do executi- de governo vigente, ou seja, a continuados por Fernando Hen-
vo, submetendo os demais república presidencialista. rique Cardoso, aliados à abertu-
poderes. ra para as importações e para o
210. a) Segregação social da
população brasileira mi- capital especulativo, amparados
199. F, V, F, F
serável dentro do quadro pelos programas de estabiliza-
200. a) Ao mesmo tempo que a
produtivo. ção da economia e combate à in-
Constituição de 1891 não
b) Por não serem respeitados flação, refletem a adoção de um
estabelecia obrigatoriedade
os direitos humanos, a modelo econômico neoliberal,
de o Estado fornecer a edu-
cidadania e a democracia. cujos fundamentos prevêm a re-
cação pública, exigia que o
dução da presença do Estado na
cidadão fosse alfabetizado 211. D 212. F, V, F, V
economia. Quanto às relações
para exercer os direitos 213. C 214. A 215. C trabalhistas, a flexibilização das
políticos. Dessa forma, a
216. C 217. B leis, a livre negociação salarial
maior parte da população
entre patrões e empregados, a
ficou alijada da vida política 218. Seu envolvimento no chamado
desindexação dos salários e a
durante a República Velha. esquema PC e as pressões po-
pulares, sobretudo estudantis, reforma previdenciária eviden-
b) A atual Constituição, promul- ciam a extinção do Estado do
pela punição dos envolvidos e
gada em 1988, estabelece Bem-Estar Social.
a moralização na política.
a obrigatoriedade do ensino
219. As CPIs e o discurso morali- 244. a) Violência, costumes, traba-
escolar até a idade de 14
zante das instituições políticas. lho e comunidade.
anos, ou seja, o 1º grau e
A consolidação democrática e b) A população do morro iden-
ao mesmo tempo, concede
o início do plano de estabiliza- tifica-se como uma comuni-
o direito de voto aos anal-
ção da economia. dade com seus costumes e
fabetos, ampliando, assim,
220. No contexto de inflação pro- tradições próprias, fazendo
a participação popular nos
longada e da sucessão pre- com que se torne separa-
destinos do país.
sidencial para neutralizar o da do resto da sociedade
201. A 202. C
crescimento da candidatura – fronteiras.
203. Em um momento de enorme
do PT com Lula. 245. O Congresso Nacional não
crise, decorrente da CPI que
221. 06 (02 + 04) 222. C apresenta na totalidade o
afastou o presidente Collor e o
223. O movimento dos trabalhado- anseio nacional. Círculos eco-
levou à renúncia. O país esta-
res rurais, ex-pequenos pro- nômicos acabam por alterar os
va em colapso moral e Itamar
prietários e ex-arrendatários rumos da democracia no país,
apresentou-se como reserva
moral para, como presidente, de terras que exigem uma ao legislar, algumas vezes, em
“tocar” o país. reforma agrária de grandes causa própria ou para certos
proporções no Brasil. setores da sociedade.
204. D
108
PV2D-07-HB-44

109
110
PV2D-07-HB-44

111
112

Você também pode gostar