Você está na página 1de 6

Introdução

História é uma ciência humana que estuda o desenvolvimento do homem ao longo do tempo.
É importante ressaltar que a história estuda o passado, mas não somente o passado isolado,
desligado aos acontecimentos do mundo atual.

4 A partir do estudo do passado, podemos compreender o constante processo de mudanças e


permanências ocorridas ao decorrer dos tempos, aquilo que somos hoje, individual ou
coletivamente, é resultado de um amplo e complexo processo de transformações repassadas
por nossos antepassados.

5 Conceito de História

A palavra história é de origem grega e seu significado, remete-se basicamente sobre o ato de se
“investigar”. Sabe-se que o primeiro homem a fazer uso de alguns métodos investigativos para
um determinado fim, foi o grego Heródoto, considerado por muitos historiadores como o pai
da história.

Em suma podemos afirmar que a História é uma ciência humana, tem por princípios básicos
analisar vários tipos de processos históricos, sejam eles: pessoas, sujeitos, fatos,
acontecimentos, lugares, culturas, sociedades, memórias e etc, para-se poder compreender um
determinado período histórico no seu tempo e espaço. Para isso podemos citar como exemplo
o estudo de uma civilização ou sociedade antiga.

8 Objetivos do Estudo da História

Um dos princípios e objetivos básicos do estudo da História baseia-se em poder resgatar


através de estudos e pesquisas investigativas uma melhor compreensão do tema proposto. É
fundamental ressaltar que não é possível recuperar através de pesquisas todo o passado tal
como ele aconteceu. Seria impossível resgatar todas as experiências humanas vividas, primeiro
porque todas elas não foram registradas.

10 Nós historiadores focamos nossas análises em temas específicos e bem delimitados, o


recorte temporal e espacial, faz-se necessário para que por meio de pesquisa, possamos
elaborar um conhecimento histórico aprofundado e mais próximo do ideal pretendido.
Em suma devemos compreender o passado, para-se entender o tempo presente, e a partir
desta percepção de mudanças e permanências, propor ações possibilitando assim um melhor
planejamento do futuro.

11 Tempos da História

Para-se melhor compreender o estudo da História, a mesma foi dividida em dois períodos: a
Pré-História e a História. Tal divisão segue uma concepção eurocêntrica de visão de mundo,
pois sua divisão esta associada a eventos e fatos do contexto histórico do continente europeu.
É importante destacar que o marco ou acontecimento divisor entre os dois períodos, se dá pelo
surgimento da “escrita” inventada pelos Sumérios (povo mesopotâmico) por volta do ano a.C.
Esta forma primitiva de grafia ganhou o nome de “escrita cuneiforme”, pelo fato da mesma ser
grafada ou “cunhada” em pedaços de argila.

14 .

15 Tempos da História

O tempo não para! Quantas vezes você já ouviu esta frase? Para organizar melhor o tempo, os
seres humanos criaram ao longo dos tempos diversas unidades de medida de tempo, tais como
a hora, o dia, o mês, os anos e os séculos. O tempo é um dado fundamental no trabalho do
historiador. Seguindo esta lógica de raciocínio, podemos citar como exemplos, os diversos tipos
de calendários. Obs: O Calendário Cristão tem como início (ano 1) o nascimento de Cristo.
Onde atualmente estamos há 2013 d.C (depois de Cristo).

*Calendário Judaico (Hebreus)

*Calendário Cristão (Nascimento de Cristo)

*Calendário Islâmico (Maomé)

*Calendário Maia

17 Fonte Histórica

CONCEITO: Consideramos como fonte histórica, todo tipo de vestígio deixado pelo homem ao
longo dos tempos e que ao ser investigadas e estudadas por nós historiadores passam a ser um
tipo de documento ou fonte histórica. Atualmente até a memória das pessoas é considerada
como um tipo de fonte histórica.

20 Tipos de Fontes da Pré-História

*Ossos;

*Ferramentas em geral;

*Objetivos de Pedra e Cerâmica; *Fósseis;

*Pintura Rupestre;

*Esculturas;

23 Tipos de Fontes da História

*Roupas;

*Imagens (fotos, pinturas, arte e etc);

*Gravações (áudio e vídeo);

*Objetos criados pelo homem;

* Documentos escritos (livros, jornais, revistas, cartas, testamentos, registros escritos em geral
antigos e atuais).

Ciências Auxiliares da História

*Antropologia;

*Psicologia;

*Filosofia;

*Sociologia;

*Arqueologia;

*Paleografia;

*Paleontologia;

*Geografia;
*Ciências.

26 Trabalho do Históriador

Em suma o trabalho do Historiador esta relacionado ao estudo e análise de fontes históricas


diversas, tanto da Pré-História como as da História deixadas pelos homens ao longo dos
tempos. É importante levar em consideração as metodologias de cunho científicas para este
fim. E que também sempre que for necessário, pode haver o auxílio de outras ciências afins
para uma melhor compreensão e entendimento do assunto estudado.

27 Pré-História

Introdução:Podemos definir a pré-história como um período anterior ao aparecimento da


escrita. Portanto, esse período é anterior há 4000 a.C, pois foi por volta deste ano que os
sumérios desenvolveram a escrita cuneiforme. Foi uma importante fase, pois o homem
conseguiu vencer as barreiras impostas pela natureza e prosseguir com o desenvolvimento da
humanidade na Terra.

29 Paleolítico; Neolítico; Idade dos Metais.

O ser humano foi desenvolvendo, aos poucos, soluções práticas para os problemas da vida.
Com isso, inventando objetos e soluções a partir das necessidades. Ao mesmo tempo foi
desenvolvendo uma cultura muito importante. Esse período pode ser dividido em três fases:

Paleolítico;

Neolítico;

Idade dos Metais.

30 Anzóis, Arpões, facas, agulhas e lanças.

Paleolítico

Também conhecido como período da “Pedra Lascada”;


Homens viviam em pequenos grupos e em cavernas.

Eram nômades (sem moradia fixa);

Usavam o fogo para cozinhar alimentos, aquecer do frio, na defesa contra animais selvagens e
iluminar o ambiente, principalmente as cavernas;

Alimentavam-se da caça, pesca e coleta de frutos e raízes (eram denominados homens


caçadores e coletores);

Fabricavam seus próprios utensílios e ferramentas de uso cotidiano, a partir de pedras e ossos
de animais, tais como:

Anzóis, Arpões, facas, agulhas e lanças.

33 Neolítico Também conhecido como período da “Pedra Polída”;

Homem desenvolve melhores técnicas de domínio sobre a natureza;

Começam a viver em grandes grupos e clãs;

Surgem as primeiras aldeias e tribos;

Homem deixa de ser nômade e se torna sedentário (moradia fixa);

Os homens deixam de viver em cavernas e constroem suas próprias habitações;

Aperfeiçoam seus utensílios e ferramentas de uso domestico, feitos de pedra e ossos, polindo-
os;

Surgem lâminas mais cortantes e ferramentas como enxadas, machados e foices;

Utilizam o barro para fazer potes e objetos de cerâmica;

Praticam a agricultura e criação de animais;

Domínio do modo de se produzir o fogo;

Presenças de crenças e rituais religiosos;

Divisão do trabalho em homens (proteção e sustento do grupo) e mulheres (criação das


crianças e cuidados com a habitação).

35 Muitas coisas vão mudar, mais ai já é outra História…


Idade dos Metais

Tema da próxima aula…

Muitas coisas vão mudar,

mais ai já é outra História…