Você está na página 1de 15

RESUMO E AULA DACRISTIANA E MEDEIROS – PPR E DELINEADORs

Aparelhos são destinados a substituir um ou mais dentes em ambos os arcos ou


em apenas um dos arcos, vai substituir um ou mais dentes ausentes, podendo ser removida da
boca com devida facilidade.

PARTES CONSTITUINTES DE UMA PPR

As próteses podem ser dento suportadas – é o grupo das PPR e Próteses Fixas.
Próteses dentomucossuportadas – compreende os aparelhos parciais removíveis de
extremidade livre e os destinados aos casos de alavanca anterior.
Próteses mucossuportardas – corresponde ao grupo de PT

Classificação de Kennedy – seguindo o critério topográfico as classes são divididas


em algarismos Romanos I, II, III e IV. A base topográfica preocupa-se exclusivamente com a
distribuição dos dentes remanescentes e dos espaços desdentados. Permite a identificação do tipo
de suporte. A classificação de Kennedy é puramente topográfica, não considera o número de
dentes remanescentes nem a dimensão dos espaços edentados.
* sempre que for classificar é de trás para frente, ou seja de posterior para anterior
CLASSE I – desdentado posterior bilateral
CLASSE II – desdentados posteriores unilaterais – é aquele tipo de caso em que a sela
é unilateral e se situa atrás dos dentes suportes, isto é, quando se tiver todos os dentes presentes
de um lado da boca e todos os posteriores ausentes do lado oposto.
CLASSE III – desdentado lateral com suporte posterior pode ser uni ou bilateral.
CLASSE IV – desdentado anterior, tenho que ter a ausência dos 2 centrais, ou seja, ter
o rompimento da linha mediana. É aquele tipo de caso em que a sela é inteiramente anterior aos
suportes. O caso mais comum é aquele no qual foram perdidos os quatro incisivos e nenhum
outro dente.
Outros espaços protéticos que certamente ocorrerão, além do principal, serão
considerados suplementares e determinarão modificações dentro da mesma classe. À exceção da
classe IV, todas as outras classes poderão modificações. Enquanto a identificação da classe é feita
por meio de algarismos romanos, as modificações serão representadas por algarismos arábicos.
Assim, teremos por exemplo, Classe I – Modificação 2; Classificação 2; Classe II – Modificação
3 etc.
A classificação de Kennedy está baseada nas relações entre as selas e os dentes
destinados a receber os retentores.
Regras de Applegate:
1 – A classificação deve ser posterior ao preparo da boca, visto que novas extrações
poderão alterá-la.
2 – Se o terceiro molar está ausente, não se deve levarem conta a zona edentada
correspondente, pois os terceiros molares não serão recolocados.
3 – Se estão presentes os terceiros molares e vão ser utilizados como suportes, devem ser
considerados na classificação.
4 – A área correspondente aos segundos molares ausentes - que por alguma razão
especial, como por exemplo, a ausência de seu antagonista, não devem ser reposicionadas – não
deve ser considerada para efeito da classificação.
5 – quando existem zonas edentadas adicionais na mesma arcada, a zona ou zonas mais
posteriores (com exceção da correspondente aos terceiros molares) regem a classificação.
7 – A extensão da zona modificante não influi, mas o fator determinante é o seu número.
8 – Só as classes I, II e III podem ter modificações, ou subdivisões, visto que na classe
IV as zonas edentadas adicionais resultariam posteriores à “zona edentada bilateral simples”.

observação: para ser caracterizado classe IV , há necessidade que a área edentada


que a determina envolvatambém a linha mediana, ou seja, que os dois incisivos centrais estejam
ausentes.
SISTEMAS DE RETENÇÃO EM PPR
É constituído pelos elementos encarregados de prover a retenção e a estabilização da
prótese, durante a função mastigatória e os movimentos normais da musculatura bucal,
decorrentes da deglutição, fonação, sucção etc. Tais elementos são os seguintes:
- Grampos e ou encaixes
- Apoios
- Barras ou conectores maiores

GRAMPOS
São classificados por circunferenciais ou de Ackers ou por ação de pontas, a barra ou de
Roach.
os grampos servem para dar retenção a PPR, porém não devem conferir ação
retentiva somente para impedir o desalojamento desta prótese durantes atos funcionais
musculares, sendo que a PPR deve ser retirada com facilidade pelo portador, para sua
higienização. A PPR não deve ter retenção exagerada pois isso pode estimular o paciente a não
remove-la para higienização.
Os grampos promovem ação retentiva pela flexibilidade dos chamados braços de retenção
enquanto que os encaixes pelo atrito de paredes intimamente justapostas entre si.
Os grampos são constituídos das seguintes partes:
Braço de retenção: é encarregado de fazer a retenção quando as forças de deslocamento
atuam sobre ela, no sentido gengivo-oclusal, responde também pela estabilidade, sempre
que forças horizontais atuarem sobre a prótese e geralmente localiza-se por vestibular do
dente de suporte. no caso dos grampos a barra, o inicio do afilamento uniforme acontece
a partir de uma sela plástica, ou não, ou de um conector maior, onde tem sua origem.
O braço de retenção de um grampo circunferencial é constituído de três partes: a
ponta ativa de flexibilidade máxima, que se localiza na zona retentiva da coroa; o terço médio,
que tem sua flexibilidade limitada e cruza o equador protético; e o terço rígido que fica
junto ao corpo do grampo e localiza-se totalmente na zona não-retentiva, sendo esta última
parte como ombro. O braço de retenção é mais flexível o que o de oposição.
Braço de oposição: toda ação corresponde a uma reação de igual grandeza e direção em
sentido contrário, ele irá neutralizar a força impressa pelo braço de retenção sobre o dente, isto
quando o paciente for remover ou colocar a PPR, ele age sobre o princípio da RECIPROCIDADE.
Também confere estabilidade.
O braço de oposição deverá se situar sobre os planos-guias, de extensão oclusogengival
no mínimo igual a distância de ação do grampo ou braço de retenção. Sua localização ideal no
sentido oclusogengival é o terço médio. O braço de oposição deve ser rígido e volumoso, em
formato de meia-cana, retangular ou ainda triangular, como geralmente acontece com os braços
de oposição de aplicação indireta.
.
Apoio: assegura que as cargas incidentes sobre a base da prótese sejam transmitidas
ao osso por via dental. Atende o princípio biomecânico da FIXAÇÃO. Confere suporte.
Corpo: estabelece a união das partes entre si. Deverá ser rígido, e se relacionar com
os planos-guia proximais, sempre que possível. É responsável pela estabilização da prótese.

FUNÇÕES DO GRAMPO:
- resistir as forças de deslocamento, conferindo retenção, suporte e estabilidade, e
preservar a integridade dos dentes e das estruturas de suporte direta ou indiretamente
relacionadas a este.

Classificação dos grampos:


Segundo o espaço desdentado ou segundo sua retenção:
* grampos de retenção direta: se relacionam com os dentes principais de suporte, ficam
adjacentes ao espaço protético.
* grampos de retenção indireta: relacionam-se com os dentes secundários de suporte,
portanto, a distância dos espaços protéticos.
Segundo a Coroa dental: os extracoronários e os intracoronários
Segundo a construção:
* grampos fundidos: são resultantes de uma fundição, feitos de ligas áureas e as de Cr
Co.
* grampos adaptados: são construídos com fios de aço inoxidável ou de ouro trefilado.
*grampos combinados: caracterizam-se por apresentarem uma parte fundida e outra
adaptada, esta
apresentada pelo braço de retenção.

PRINCIPIOS FUNDAMENTAIS DOS GRAMPOS segundo Roach que são


considerados fundamentais para o bom funcionamento da prótese e a durabilidade de seus
tecidos de sustentação são quatro, porém foram acrescentadosmais dois que são Abraçamento
e Passividade.

PRINCIPIOS FUNDAMENTAIS DOS GRAMPOS.


Suporte - é o princípio pela qual o grampo resiste as forças no sentido ocluso -
gengival. E a estrutura responsável
é o Apoio(oclusal, incisal e de cíngulo).
Retenção - principio pelo qual o grampo resiste as forças que tendem a remover
o aparelho do seu local de
assentamento. É proporcionada pelos braços de retenção do grampo.
Reciprocidade - principio pelo qual o dente fica estabilizado frente às forças ho
rizontais que tendem a desloca-lo no ato da inserção ou retirada do aparelho removível,
bem como durante a função. Baseia -se no princípio da física que duas forças iguais na
mesma direção e de sentido contrário tendem a se anular, por isso essa reciprocidade é
conferida pelo braço de oposição.
Estabilidade - principio pelo qual o aparelho removível se mantem estável a despeito
das forças que atuam sobre ele durante o repouso e os atos funcionais. Estrutura
responsável todas as partes do aparelho, em trabalho simultâneo ou seja todo o grampo.
Abraçamento: entende-se que a ação de abraçamento do grampo envolva mais de
180 graus da circunferência total dado dente suporte.
A passividade é comprometida em quais situações?
Resposta: a passividade estará comprometida quanto o braço de retenção tenha se alterado

MECANISMO DÇÃO Dos GRAMPOs


CIRCUNFERENCIAL: o grampo circunferencial é composto por quatro estruturas: apoio,
corpo, braço de retenção, e braço de oposição e cada um tem sua função específica. Sua
ação de abraçamento abrange grande parte da circunferência da coroa. a retenção é
propiciada devido a resistência que a liga metálica oferece à deformação. a deformação
elástica do braço de retenção pode ocorrer pela flexão sofrida ao passar pelo equador
protético no momento da remoção e colocação da prótese. Os grampos circunferenciais por
si só, por meio de suas partes constituintes como uma unidade ativa que é, conferem
suporte, retenção, reciprocidade, estabilidade e abraçamento adequados que correspondem a
cinco dos seis requisitos básicos para o funcionamento de um grampo.
O formato do grampo é de oclusal para gengival, e quando for inseri-lo devemos
empurrá-lo e quando formos
remove-lo devemos arrasta-lo.
AÇÃO DE PONTAS: recebe este nome pelo pequeno contato que tem com a estrutura
dentária, seu traçado vai de
gengival para oclusal, e alcançam a zona retentiva sem cruzar a linha equatorial
protética. somente a extremidade da
ponta ativa entrará em contato com a coroa na zona retentiva. Sua retenção é consequência
da resistência que o metal
oferece à deformação, e sua deformação é por torção. O movimento de arraste vai ocorrer no
momento da inserção do
grampo no dente, e de empurrar no momento da remoção, o inverso do circunferencial.
Segundo Stewart et al. os
grampos em barra apresentam melhor ação retentiva do que os circunferências já que
empurrar é mais difícil do que
arrastar, e uma deformação por torção exige m ais força doq eu por flexão. Porém vale
ressaltar que os grampos
circunferências sozinhos atendem os princípios biomecânicos fundamentais e
indispensáveis a preservação dos tecidos
de suporte, ao passo que os grampos em barra sempre necessitaram de complementação
do apoio oclusal, de o utro
grampo a barra ou de braço de oposição de um grampo circunferencial.
Tipos de grampos:
- Grampo circunferencial Simples:
- Grampo duplo ou geminado:
Indicações: Molares e pré-molares
Retenção à distância do espaço protético.
- Grampo múltiplo:
indicações: molares e pré-molares, servem para dar contenção periodontal, a ponta de
retenção deve estar
abaixo da linha do equador, eo braço de reciprocidade fica acima da linha do equador.
- Grampo Circunferencial laço reverso:
Indicações: Molares e pré-molares apresentando área de retenção abaixo do apoio e coroas
clinicas altas.
pode-se substituir este pelo circunferencial reverso ou aumentar o equador protético.
- Grampo circunferencial em anel:
indicados: para molares inclinados, posteriormente aos espaços protéticos. Classe III ou
II, com ou sem
modificação.
- Grampo circunferencial em anel modificado: ottolengui
tem uma distancia gengival maio r do que o grampo circunferencial comum, é indicado
para molares inclinados,
posteriores aos espaços protéticos. Rebordo automaticamente retentivo por lingual. Classe
III e II com ou sem
modificações.
- Grampo meio a meio (Half-Half)
é indicado para usar em pré-molares e molares em posição normal e intercalados por espaços
protéticos.
- Grampos M.D. L =mésio-disto-lingual
São indicados para dentes anteriores, sendo a estética fator preponderante.
- Grampo MDL modificado:
Grampo retentivo de Kennedy -indicado para Classe I ou seja extremidades livres.

- Grampo por ação de ponta, à barra ou de roach.


indicados nos casos de extremo livre ou espaços amplos, em próteses dentosuportadas ou
mucossuportadas.

a Ponta terminal pode ser em


T, U, L, I, C, 7 o u r, o que
vai determinar a escolha do
grampo é a altura do equador
protético.
- Grampo por ação de ponta em
T ou r
é uma modificação do grampo
em T, áreas retentivas mesio-
vestibular ou disto-vestibular.

- Grampo por ação de ponts em


I
são mais estéticos, não
alteram demasiadamente o
contorno dental, diminui a
possibilidade de retenção de
alimentos.indicados para
caninos e pré-molares
superiores em casos que
apresentem suporte dentário
na reg ião
posterior.

De acordo com a s forças


rotacionais e conforme o
planejamento executado
qual o objetivo do braço de
retenção e de reprocidade?
seus objetivos são estabilizar
e dar retenção a prótese,
uma vez que exercem força
iguais em direções e módulo,
porém em sentidos opostos, e
com isso as forças se
anulam, não causando efeito
nocivos ao periodonto, e
proporcionando todos os
princípios necessários para uma
boa retenção e estabilidade da
PPR.
os braços devem ser do mesmo
tamanho mas o de
reciprocidade deve ser mais
largo.
Retenção direta:é quando a
retenção é realizada ao lado
oposto protético, ou seja,
sobre os dentes principais de
suporte, e os elementos que a
efetuam são os grampos e
encaixes, que são considerados
retentores diretos.
Retenção I ndireta: realizada
a distância do espaço
protético, os elementos que a
efetuam(grampos, encaixes,
ou
simples apoios) se dá através
dos conectores menores e
maio res e das barras. ela
pode ser passiva quando tem
por
objetivo neutralizar tendências
de rotação que possam se
instalar sobre a prótese em
determinadas circunstancias,
ela
é realizada por meio de um
apoio devidamente assentado
em seu descanso, ligado à
barra por meio de um
conector
menor, podendo ser também
um braço de oposição
circunferencial com objetivo
de neutralizar, possíveis
cargas
horizontais. E de maneira
ativa,quando além dos
elementos de estabilizeação ,
são postos em função
elementos
normalmente encarregados de
manter a prótese em seu lugar
de assentamento, contra as
forças que atuam no sentido
gengivo-oclusal, ou sejam
grampos de retenção ou
encaixes.
Selas – é o elemento
encarregado de fixar os
dentes artificais e efetuar a
transferência das forças
oclusais às
estruturas bucais de suporte.
As selas podem ser passivas
ter um relacionamento
passivo quando não
exerceram
suporte fibromucoso na
sustentação da prótese, sendo
as forças m
astigatóriostransmitadas ao te
cido ósseo totalmente
pelos dentes de suporte, ou
ter um relacionamento ativo
que se dá quando o conector
m aior maxilar é encarregado
de
prover junto as bases de ambos
os hemiarcos , o suporte
fibromucoso da prótese.
as selas são constituidas de
metal e de resina acrílica.
seleção dentes artificais:
devem ter o tamanho, a
forma e a cor dos naturais,
ora perdidos, da maneira
mais
aproximada possível. os dentes
podem ser de resina ou de
porcelana.
SISTEMA DE CONEXÃO:é
representado pelos elementos
que unem os retentores
(grampos ou encaixes)à sela ou
a
barra, estabelecem também a
união entre os apoios de
estabilização e a barra.
BARRAS OU CONECTORES
MENORES
são classificados segundo sua
rigidez – podem ser RÍGIDOS,
ELÁSTICOS OU
ARTICULADOS.
conexões Rígidos:
correspondem aos conectores
que estabelecem uma união
direta entre o grampo e a
sela ou
barra. são considerados
caudas dos grampos, e sua
rigidez e sua pequena exte
nsão asseguram que as cargas
mastigatórias , incidentes
sobre os elementos artificiais,
sejam transmitidas aos dentes
suportes de maneira direta e
total sem desvios das cargas no
seu trajeto.
conexões elásticas: tende a
aliviar o dente suporte da
ação do torque exercida so
bre ele, quando da solicitação
pela sela, propicia também
condições para uma
distribuição equinanime das
cargas mastigatórias entre a
fibromucosa e
os dentes suportes.
conexões articuladas: ??????