Você está na página 1de 12

C r i Ex i

n rá i c sc
C
__
___
___
_l
__b
__
_!

Módul
oExpor
taç
ão

S
imul
adordeSi
scomexExportação:Regis
trodeExportaç
ão( RE)eDeclar
açãopar
a
Despac
hodeExportaç
ão( DDE).Além deFat
uraComer cial
,Pac
kingLis
t,
Cert
ifi
cadodeOr i
gem,entreoutros
.

Abr
ilde2016

51)3
( 396-
8435
ensi
no@vis
onet.
net
www.comexl
abs.c
om.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

Índice

1 - DEFINIÇÕES ....................................................................................................................................................................... 3
1.1 Documentação no Comércio Exterior .............................................................................................................................. 3
1.1.1 Fatura Comercial (Commercial Invoice): ....................................................................................................................... 3
1.1.2 – Lista de Embalagens (Packing List): ............................................................................................................................ 3
1.1.3 - Certificado de Origem (C.O.):...................................................................................................................................... 3
1.1.4 - Contrato de câmbio .................................................................................................................................................... 4
1.1.5 - Pré – Contrato de Câmbio Tipo 01: ............................................................................................................................ 4
1.1.6 - Carta Remessa ao Banco ............................................................................................................................................ 4
1.1.7 - Saque ou Cambiais ...................................................................................................................................................... 4
1.1.8 - Capeamento da Operação .......................................................................................................................................... 4

1.2 Siscomex – Sistema Integrado de Comércio Exterior ...................................................................................................... 5


1.2.1 - Registro de Exportação (RE): ...................................................................................................................................... 5
1.2.2 – Declaração de Exportação (DDE): .............................................................................................................................. 6

2 – HABILITAÇÃO SISCOMEX .................................................................................................................................................. 7


2.1 - HABILITAÇÃO NO SISTEMA COMEXLABS ....................................................................................................................... 7

3 – Orientações sobre acessos aos Simuladores – COMEXLABS ........................................................................................... 8

4 - CONFIGURAÇÕES TÉCNICAS – para utilização do Sistema Comexlabs: .......................................................................... 11

5 - SOBRE A EMPRESA VISONET........................................................................................................................................... 12

Página 2 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

1 - DEFINIÇÕES

1.1 Documentação no Comércio Exterior

A documentação de exportação requer cuidados. Não basta cumprir as exigências do país exportador, é
necessária a preparação dos documentos em face das exigências do país importador, a fim de não causar
atropelos no desembaraço aduaneiro e na tramitação cambial de exportação. A falta de um documento
aparentemente sem importância ou com algum erro no preenchimento poderá causar prejuízos
consideráveis.

A maioria dos documentos de exportação é padronizada, com vistas a facilitar o intercâmbio comercial. No
entanto, alguns países exigem documentação mais específica em razão das particularidades de determinados
produtos e da legislação local. Em linhas gerais, os documentos são de natureza administrativa, comercial e
financeira e são emitidos para fins de despacho aduaneiro, embarque da mercadoria e operações cambiais.

Segue abaixo explicações sobre os principais documentos de exportação, os quais fazem parte do Sistema
Comexlabs.

1.1.1 Fatura Comercial (Commercial Invoice):

Documento emitido pelo vendedor ao comprador, que substitui, no âmbito externo do país, equivale à Nota
Fiscal; contém as características da transação efetuada: tipo de mercadoria, quantidade, preço, condições de
pagamento, entre outras informações. Documento indispensável nas operações de exportação.

1.1.2 – Lista de Embalagens (Packing List):

Lista com as características dos diferentes volumes que compõem um embarque: número, peso, marca,
dentre outras; documento que facilita a localização do produto dentro de um lote, para fins de completa
verificação no decorrer do desembaraço aduaneiro na exportação. Este documento é também importante
para o Operador Logístico identificar as mercadorias, suas embalagens, tamanhos, etc a fim de transportá-las
e entregá-las com segurança. Quem recebe a mercadoria também pode utilizar o Packing Listar para a
conferência da mercadoria de uma forma prática.

1.1.3 - Certificado de Origem (C.O.):

Documento que atesta a origem da mercadoria; é emitido por exigência do importador e de acordo com o
país de destino da mercadoria. Este documento é indispensável para que o importador goze de benefícios
fiscais.

Para que você saiba se o seu produto a ser exportado está enquadrado em algum acordo comercial, bem
como para conhecer se os países envolvidos no seu negócio são signatários de algum acordo, nós indicamos
o site do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior – MDIC
(http://www.desenvolvimento.gov.br/) e também o site da Aladi (http://www.aladi.org) os quais possuem
sistemas de buscas por NCM, NALADI, Por Países, etc.; facilitando o enquadramento.

Além disso, recentemente o MDIC (Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior) lançou o

Página 3 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

sistema web “CAPTA - Consulta aos Acordos de Preferências Tarifárias” o qual é uma ferramenta de
divulgação dos acordos comerciais brasileiros.

O CAPTA tem por objetivo dar conhecimento às preferências tarifárias que o Brasil recebe, ou concede, nos
diversos acordos comerciais em vigor. As preferências tarifárias indicam a redução percentual no imposto de
importação em relação à tarifa aplicada. Para acessar o sistema CAPTA, clique aqui:
http://capta.mdic.gov.br/

Parte Cambial:

1.1.4 - Contrato de câmbio (Este documento não é feito no Sistema Comexlabs – somente o Pré –
Contrato):

Documento firmado entre o exportador e o banco operador, com ou sem a intermediação de corretora, no
qual o exportador (vendedor de divisas) se compromete a transferir ao banco operador (comprador de
divisas) o valor em moeda estrangeira proveniente de uma operação
de exportação; os dados são tele processados pelo SISBACEN.

1.1.5 - Pré – Contrato de Câmbio Tipo 01:

Este documento é uma prévia do que será o Contrato de Câmbio, e é simplesmente um relatório gerado no
“Software de Exportação”, que contém os principais dados que deverão constar no contrato e que
posteriormente será enviado ao banco.

1.1.6 - Carta Remessa ao Banco

- Agrupar toda a documentação necessária à ser enviada ao banco negociador.


- Descrição do tipo de documento, números, números de vias (originais e cópias), etc.;
- Recomendações diversas ao banco negociador.

1.1.7 - Saque ou Cambiais

Documento emitido pelo exportador contra o importador; representa o direito do exportador às divisas
decorrentes da venda de mercadorias a um país estrangeiro; o saque ocorre, normalmente, nas operações
sob a modalidade de cobrança e, em geral, é também exigido nas operações amparadas por carta de crédito.

1.1.8 - Capeamento da Operação (É um resumo do processo)

- Permitir a análise sintética de toda a operação, tanto no aspecto operacional quanto no aspecto gerencial.
- Descrição sintética de todos os documentos e etapas da operação, como tipo, números, datas, valores,
entre outros.

Página 4 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

1.2 Siscomex – Sistema Integrado de Comércio Exterior (ou Novoex)

O Sistema Integrado de Comércio Exterior - SISCOMEX, é um instrumento informatizado, por meio do qual é
exercido o controle governamental do comércio exterior brasileiro.
É uma ferramenta facilitadora, que permite a adoção de um fluxo único de informações, eliminando
controles paralelos e diminuindo significativamente o volume de documentos envolvidos nas operações.
É um instrumento que agrega competitividade às empresas exportadoras, na medida em que reduz o custo
da burocracia.
O Siscomex promove a integração das atividades de todos os órgãos gestores do comércio exterior, inclusive
o câmbio, permitindo o acompanhamento, orientação e controle das diversas etapas do processo exportador
e importador.
O Siscomex começou a operar em 1993, para as exportações e, em 1997, para as importações. É
administrado pelos chamados órgãos gestores, que são: a Secretaria de Comércio Exterior - SECEX, a Receita
Federal do Brasil - RFB e o Banco Central do Brasil - BACEN.
As operações registradas via Sistema são analisadas online tanto pelos órgãos gestores, quanto pelos órgãos
anuentes que estabelecem regras específicas para o desembaraço de mercadorias dentro de sua área de
competência.

(Fonte: http://www.mdic.gov.br/sistemas_web/aprendex/default/index/conteudo/id/150 )

1.2.1 - Registro de Exportação (RE):

O Registro de Exportação (RE) no Siscomex é o conjunto de informações de natureza comercial, financeira,


cambial e fiscal que caracterizam a operação de exportação de uma mercadoria e definem o seu
enquadramento.

O RE é elaborado no ambiente WEB – no Sistema Novoex:

Página 5 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

1.2.2 – Declaração de Exportação (DDE):

Após efetivado o Registro de Exportação - RE, e uma vez estando a mercadoria pronta para o embarque, a
empresa, de posse de todos os documentos exigidos para a exportação, deverá providenciar a Declaração de
Despacho de Exportação (DDE), por meio do SISCOMEX.

A DDE é elaborada no ambiente antigo (telas Pretas):

Obs.: Atualmente, também está em produção o Sistema DE-WEB, o qual pode ser acessado por portal
Siscomex http://portal.siscomex.gov.br/ . No Simulador Comexlabs ainda não temos o Simulador DE-WEB.
Atualmente, as aduanas brasileiras aceitam DDE´s elaboradas em qualquer um dos dois sistemas.

Sistema DE-WEB:

Página 6 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

2 – HABILITAÇÃO SISCOMEX

Para operar o SISCOMEX, o exportador (pessoa física ou jurídica) deve estar habilitado por meio de senha
obtida junto à Receita Federal do Brasil - RFB. Entretanto, poderá ser utilizado serviço de terceiros que
possuam senha, sem descaracterizar sua condição de exportador direto, uma vez que o exportador estará
identificado por seu CPF/CNPJ.

A Instrução Normativa RFB nº 1603, de 15 de dezembro de 2015, estabelece os procedimentos de


habilitação de importadores, exportadores e internadores da Zona Franca de Manaus para operação no
Sistema Integrado de Comércio Exterior (Siscomex) e de credenciamento de seus representantes para a
prática de atividades relacionadas ao despacho aduaneiro.

2.1 - HABILITAÇÃO NO SISTEMA COMEXLABS

Todos os exercícios propostos do Sistema Comexlabs citam a empresa fictícia (Super Comercial Exportadora
e Importadora S/A cujo CNPJ é 03.023.694/0001-70), esta empresa já aparece como habilitada para todos os
usuários e pode ser usada para elaboração de todos os documentos.

Caso, o professor e/ou aluno preferirem elaborar um processo diferente dos exercícios propostos poderão
criar uma nova empresa fictícia; para tanto o usuário deverá entrar na opção “Habilitação Siscomex” do
Menu da Esquerda e efetuar o cadastro:

Página 7 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

3 – Orientações sobre acessos aos Simuladores – COMEXLABS

Acesso ao Siscomex Exportação – Telas Pretas

O número do CPF do aluno será solicitado no momento do preenchimento do perfil (primeira tela). O CPF é
um campo obrigatório, e será requerido para utilização do Simulador de Exportação. Pode ser um número
fictício, porém não deve ficar sem preenchimento.

Na tela do Siscomex Exportação (Telas Pretas) – Simulador de DDE é necessário


preencher 3 informações: CODIGO, SENHA E SISTEMA.
CODIGO: é o CPF informado no perfil.
SENHA: é sempre a palavra SIMULADOR
SISTEMA: informar a palavra SISCOMEX.
E depois teclar ENTER.

Página 8 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

Ainda na DDE:

Na tela abaixo informe o número do CNPJ do Exportador. Este número obrigatoriamente deve estar
cadastrado no módulo Habilitação Siscomex.
O CNPJ 03023694000170 da "Super Comercial Exportadora" é padrão pra todos usuários do Sistema, você
poderá utilizá-lo. Porém, deve estar de acordo com o seu exercício (ver sua Fatura Comercial).

Se desejar elaborar uma DDE para outra empresa fictícia, cadastre-a previamente no Módulo Habilitação
Siscomex. Conforme descrito no capítulo anterior.

Página 9 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

No simulador de RE – Registro de Exportação (no Novoex):

No Simulador de RE funciona da mesma forma que deste para a DDE, o CPF deve ser o mesmo da
HABILITAÇÃO SISCOMEX.
E a senha será sempre a palavra SIMULADOR.
Depois é só clicar em “Avançar”.

Página 10 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

4 - CONFIGURAÇÕES TÉCNICAS – para utilização do Sistema Comexlabs:

- É obrigatório o uso de navegador de internet (browser) ATUALIZADO.

Utilizar, preferencialmente, o Google Chrome 49 ou superior; ou o Mozilla Firefox 45 ou superior.

Não é recomendada a utilização do navegador “Internet Explorer”.

Atenção:
- O navegador escolhido deve estar configurado para "verificar atualizações a cada visita". Ou seja, as
informações não devem ficar em cache na máquina do usuário.
- O navegador também deve estar com as JANELAS POP-UP LIBERADAS para nossos domínios.
- É requerido o Software Acrobat Reader 8 ou Superior (ou outro Leitor de arquivos PDF, similar).

* INTERNET:
- O servidor de acesso a internet deve estar configurado para não salvar cache, inclusive cache de proxy, para
os sites:
www.comexlabs.com.br, www.visonet.net.

Página 11 www.comexlabs.com.br
Sistema Comexlabs
www.comexlabs.com.br
ensino@visonet.net
Fone (51) 3396-8435

5 - SOBRE A EMPRESA VISONET

A VISONET é a empresa desenvolvedora do Sistema Comexlabs.

Ela possui mais de 24 anos de existência e experiência na área do comércio exterior,


atuando com: Prestação de Serviço, Tecnologia e Ensino.

Marca Registrada: VISONET


Razão Social: Viso Tecnologia e Serviços em Comércio Exterior Ltda.
CNPJ: 03.023.694/0001-70
Endereço: Av. João Correa, 933 – Sala 601
CEP 93020-690, Centro – São Leopoldo – RS
+55 51 3396-8435 | ensino@visonet.net

Página 12 www.comexlabs.com.br