Você está na página 1de 3

MODELOSDECOMANDOSQUÂNTICOS(HOMEOSTASEQUÂNTICADAESSÊ

NCIA)

Em primeira mão, tenho que dar algumas informações sobre como utilizar estes
comandos:

Origem das informações:


Tudo teve início quando conheci e participei de um curso sobre homeostase quântica da
essência idealizado pelo advogado, terapeuta e pesquisador Sergio Ceccato, ministrado
pela também terapeuta Sandra Carrilho, quando foram feito experimentos e evoluções
das quais se teve benefícios palpável, de minha parte, como também da parte de outras
pessoas que participaram do curso.
Ao final do curso, e com a participação em outros cursos do mesmo gênero ministrados
pela terapeuta Sandra em Dourados-MS, buscando a evolução, não restou a mim
nenhuma dúvida de que os fundamentos dos comandos, desde que feitos com dedicação
e bem direcionados, os resultados positivos eram, e são, vistos sem muito esforço.
Alguns fatos que me perturbavam, desde minha infância, tornaram-se visíveis e
facilmente tratáveis, traumas estes superados de forma surpreendente.
Logicamente que a evolução humana, e comigo não é diferente, deve ser uma constante,
portanto não tenho nada pronto e acabado, pois, conforme dito no início, trato aqui de
modelos e, certamente, cada pessoa, que vá deles fazer uso, poderá criar o seu, do seu
jeito, somente seguir algumas regras que já estão catalogadas nos estudos de Sergio
Ceccato, como visto a seguir.
Quando falo de regras devemos esclarecer o seguinte:
1. Quando fizermos comandos quânticos para questões ligadas a nossa
personalidade, a nossa formação humana, nossas questões emocionais e nossas
maneiras comportamentais, devemos usar a palavra “alma”;
2. Quando lidarmos com o mundo externo, com as questões materiais, satisfação
pessoal e questões econômicas/resultado, questões mentais, devemos usar a
palavra “espírito”;
3. Quando eu lido com a palavra alma, questões interiores (emocionais), o método
é mais simples, pois se trata de anulação de registros que se encontram
arraigados dentro do meu subconsciente, bastando comandos curtos, objetivos,
como se fosse um estalar dos dedos;
4. Quando se trata do mundo externo que tenho que usar a palavra espírito, devo
usar uma oração complementar, ou seja, tenho que envolver a minha consciência
para a determinação, comandos mais elaborados, pois podem, se mal
formulados, causar danos ao invés de benefício. Veja uma forma negativa que
deve ser evitada: faço um comando para progredir de cargo dentro do meu
trabalho, mesmo sabendo que para tanto outra pessoa ficará sem emprego. Não
se esqueça, nunca, “a grande consciência (consciência cósmica) é perfeita, ela
age sempre em direção à perfeição”. Portanto, o resultado pode ser alcançado,
mas pode o custo ser muito alto. O meu subconsciente não conhece a razão, ou
seja, não tem capacidade analítica, somente providencia os resultados, mas a
consciência cósmica não, esta lida com a perfeição, ou seja, aperfeiçoa, mas o
custo pode ser maior.
As pessoas fazem comandos sem perceber, note este:
“Eu não quero mais nem ver o fulano (João)”.
Como o João sempre está diante de quem fez o comando, este pode se tornar cego (ou
com uma grave doença nos olhos), pois ele pediu para não ver mais o João.
Como seu subconsciente não tem capacidade para avaliar a vontade de quem fez o
comando, simplesmente executará o pedido ao superconsciente, e neste caso a
consciência maior (consciência cósmica) não interferirá por ser uma expressão de
vontade. Lembra-se do livre arbítrio que as religiões propalam?
É isto que a consciência cósmica faz, respeita o livre arbítrio.
Mais um detalhe!
Você se lembra do poder da palavra?
Pois é, a grande maioria dos seres humanos ainda não se convenceu de que a palavra
(comando mental) é inserida em um corpo cósmico (grande consciência ou consciência
maior) e ali será processada e executada em forma de energia (realizações), isso é real
para todas as culturas e crenças humanas, queiram elas ou não. Isto é científico,
portanto, não depende de religiosidade ou crença.
Então, os primeiros modelos:
Questão interna: Minha querida alma, os traumas (desgostos) que senti e carreguei por
toda a minha vida até este momento quando apanhei do meu pai porque não fechei
direito o portão de entrada de nossa casa, neste momento estão sendo anulados e não
mais existem.
Questões externas: “Meu querido espírito, minha consciência escolhe, que as espinhas
que insistem em aparecer no meu rosto desaparecerão de imediato, restabelecendo a
química natural do meu corpo, sem as espinhas”.
Note que foram, nos dois casos, usadas as palavras “querida” para a alma e “querido”
para o espírito, isto não foi feito de forma aleatória e sim faz parte do estudo de Sergio
Ceccato onde foi percebido que a aceitação do comando quântico, pelo poder interior de
cada um, reagiu melhor quando tratado carinhosamente com a palavra “querida(o)”.
Adscreve-se aqui que estes comandos não é bruxaria, ou qualquer outra coisa do gênero,
e sim fruto de estudo científico procedido por Sergio Ceccato, respeitável professor em
Campinas-SP, onde trabalha como terapeuta, local onde centraliza seus estudos, estudos
estes que podem ser acompanhados em programas de rádio e televisão, através da
internet e farão parte de uma tese que será defendida nos E.U.A.
Você tem em tuas mãos algo que te vai custar muito pouco. Então, por que não
experimentar?
Lembra-se da passagem das Escrituras Sagradas, contida no Novo Testamento, onde
Tomé questionava os outros apóstolos sobre o reaparecimento de Jesus.
Porque você não faz o mesmo? Você não vai precisar por o dedo em chagas de
ninguém, é só fazer os comandos dentro do que lhe é apresentado.
Faça o teste, e se te servir não terá nem que comentar com ninguém, a menos que
queira.
Se te fizer bem, eu já estou satisfeito e meu intento já foi atingido!
Foi-me ensinado a chamar de limpeza todos os comandos que faço com relação às
questões internas; e de resultado os comandos que se relacionam com as questões
externas, ou seja, material, satisfação pessoal e financeira/econômica.

MODELOS:
Questões internas:
1. Minha querida alma, todos os traumas que herdei de meus antepassados neste
momento são anulados;
2. Minha querida alma, todos os pesos espirituais que me vieram através de meus
antepassados neste momento são todos anulados;
3. Minha querida alma, os traumas de existência que existem em meu interior em
decorrência do que eu vi e senti na minha formação (até os sete anos) neste
momento são anulados;
4. Minha querida alma, as tristezas que senti quando, aos meus três anos, o meu
avô gritou comigo quando eu estava brincando no quarto dele neste momento
são anulados do meu subconsciente;
5. Minha querida alma, a tristeza que senti quando minha mãe me bateu porque
desarrumei as roupas no guarda-roupa neste momento estão sendo anuladas por
completo.