Você está na página 1de 5

APARELHOS, SISTEMAS, ÓRGÃOS, TECIDOS, CÉLULA

ANATOMIA HUMANA
A anatomia humana é a parte da Biologia voltada para o estudo da forma e estrutura do nosso corpo. Sem ela seria impossível
compreender o funcionamento do organismo.
A anatomia humana é o campo da Biologia responsável por estudar a forma e a estrutura do organismo humano, bem como
as suas partes. O nome anatomia origina-se do grego ana, que significa parte, e tomnei, que significa cortar, ou seja, é a parte da
Biologia que se preocupa com o isolamento de estruturas e seu estudo.
A anatomia utiliza principalmente a técnica conhecida como dissecação, que se baseia na realização de cortes que permitem
uma melhor visualização das estruturas do organismo. Essa prática é muito realizada atualmente nos cursos da área da saúde, tais
como medicina, odontologia e fisioterapia.

A história da Anatomia Humana


Acredita-se que as primeiras dissecações em seres humanos tenham acontecido no século II a.C. por intermédio de Herófilo e
Erasístrato em Alexandria. Posteriormente, a área ficou praticamente estagnada, principalmente em decorrência da pressão da Igreja,
que não aceitava esse tipo de pesquisa.
Os estudos na área retornaram com maior força durante o período do Renascimento, destacando-se as obras de Leonardo da
Vinci e Andreas Vesalius. Leonardo da Vinci destacou-se na anatomia por seus espetaculares desenhos a respeito do corpo humano, os
quais preparou por cerca de 15 anos. Para a realização de desenhos, esse importante artista fez vários estudos, participando, inclusive,
de dissecações.
O primeiro livro de atlas de anatomia, o “De Humani Corporis Fabrica”, foi produzido em 1543 por Vesalius, atualmente
considerado o pai da anatomia moderna. Seu livro quebrou falsos conceitos e contribuiu para um aprofundamento maior na área,
marcando, assim, a fase de estudos modernos sobre a anatomia.

Divisões da Anatomia
Essa área foi e é, sem dúvidas, extremamente importante para a compreensão do funcionamento do corpo humano.
Atualmente, podemos dividi-la em várias partes, mas duas merecem destaque:
→ Anatomia Sistêmica
→ Anatomia Regional ou Topográfica

Anatomia Sistêmica
Essa parte da anatomia estuda os sistemas do corpo humano, tais como o sistema digestório e o circulatório. Ela não se
preocupa com o todo, realizando uma descrição mais aprofundada das partes que compõem um sistema.

Anatomia Regional ou Topográfica


Essa parte da anatomia estuda o corpo humano por regiões, e não por sistemas. Esse estudo facilita a orientação correta ao
analisar um corpo.

Os livros de anatomia humana geralmente dividem o corpo nos seguintes grupos regionais:
→ Cabeça e Pescoço: inclui tudo que está acima da abertura torácica superior
→ Membro Superior: inclui a mão, antebraço, braço, ombro, axila, região peitoral e região escapular.
→ Tórax: é a região do peito compreendida entre a abertura torácica superior e o diafragma torácico
→ Abdômen: é a parte do tronco entre o tórax e a pelve.
→ Costas: a coluna vertebral e seus componentes, as vértebras e os discos intervertebrais
→ Pelve e Períneo: sendo aquele a região de transição entre tronco e membros inferiores e este a região superficial entre sínfise
púbica e cóccix
→ Membro Inferior: geralmente é tudo que está abaixo do ligamento inguinal, incluindo a coxa, articulação do quadril, perna e pé.

A cabeça se liga ao tronco através do pescoço, região estreita e de anatomia interna bastante complexa, pois é por onde
passam as estruturas musculares, vasculares e nervosas.
O tronco é a maior porção do corpo, e pode ser divido em tórax, abdômen e pelve
Os membros inferiores podem ser divididos, em: região glútea, coxa, joelho, perna, tornozelo e pé.
O corpo é revestido totalmente pela pele. Abaixo dela há uma camada de tecido subcutâneo, com quantidade variável de
gordura, e mais abaixo a camada muscular. Em alguns pontos do corpo não existe camada muscular, como na região anterior da perna,
onde se percebe a superfície óssea da tíbia abaixo do subcutâneo, o que torna as pancadas na canela especialmente dolorosas.
Entremeados às camadas musculares encontram-se os vasos sanguíneos e os nervo. Abaixo fica a estruturas ósseas e articular,
formando o arcabouço do corpo.

Principais Sistemas Estudados em Anatomia Humana


Normalmente, ao estudar anatomia humana no Ensino Fundamental e Médio, o foco maior é dado à anatomia sistêmica. Os
sistemas estudados normalmente são o tegumentar, esquelético, muscular, nervoso, cardiovascular, respiratório, digestório, urinário,
endócrino e reprodutor.
Há uma diferença entre aparelhos e sistemas do corpo humano. Sistemas são os conjuntos de órgãos, o que está correto.
Porém, os aparelhos são os conjuntos de sistemas, como por exemplo, o aparelho locomotor, aparelho urogenital

CÉLULA DO CORPO HUMANO


O corpo humano é formado por uma quantidade enorme de células. As células são consideradas a menor parte dos
organismos vivos, sendo, portanto, elementos estruturais e funcionais.
O corpo humano é pluricelular (várias células). É constituído de 10 trilhões de células que trabalham de maneira integrada,
donde cada uma possui uma função específica, a saber: nutrição, proteção, produção de energia e reprodução.

A célula típica é composta das seguintes partes:


→ Núcleo Celular: envolvido pela membrana nuclear, o núcleo contém o material genético das células (DNA).
→ Citoplasma: o citoplasma carrega o conteúdo celular donde cada organela possui uma função vital. É constituído de hialoplasma,
substância fluida e viscosa, região chamada citosol e de uma espécie de esqueleto que dá forma e sustenta as organelas, o
citoesqueleto.
→ Membrana Plasmática: membrana fina e flexível com permeabilidade seletiva (regula a passagem e a troca de substâncias) que
envolve as células.
→ Organelas Celulares: as organelas são como pequenos órgãos, cada uma possui uma função específica, dentre respiração, nutrição e
excreção das células. São elas: mitocôndrias, retículo endoplasmático, complexo de Golgi, lisossomos, peroxissomos, centríolos e
→ vacúolos. Os ribossomos não são considerados organelas pois não possuem membranas.
O corpo humano é constituído por diversos tipos de células; são aproximadamente 130 tipos que se distinguem mediante suas
formas e funções específicas.
O agrupamento de células forma os tecidos. As células em maior quantidade no corpo humano são as células epiteliais,
aquelas que envolvem o corpo e os órgãos.

Dentre as células que fazem parte do corpo humano temos:


→ Células do Cérebro
→ Células do Sangue
→ Célula dos Ossos
→ Células dos Músculos
→ Células Epiteliais
→ Células Sexuais

Células do Cérebro
Composto por milhões de células, o cérebro é formado por diversos tipos delas, a saber:
→ a micróglia: defesa do sistema nervoso.
→ a célula dendrítica: células imunes que transportam antígenos.
→ o neurônio: transmissão de mensagens.
→ a célula de Schwann: produção de mielina que auxiliam na produção dos impulsos nervosos.
Os neurônios necessitam de muito oxigênio para funcionarem, portanto são as primeiras células do corpo à morrerem.

Células do Sangue
O sangue humano é formado por diversos tipos de células, cada qual com sua função, as mais importantes são:
→ as hemácias chamadas de glóbulos vermelhos ou eritrócitos (transporte de oxigênio);
→ os leucócitos ou glóbulos brancos (atuam no sistema imunológico do corpo na medida em que combate e eliminam micro-
organismos);
→ os trombócitos ou plaquetas (coagulação sanguínea).

Célula dos Ossos


Os ossos são formados por células chamadas de:
→ osteócitos (secreção de substâncias);
→ osteoclastos (grande células com vários núcleos responsável pela reabsorção e remodelação do tecido ósseo);
→ osteoblastos (síntese de componentes orgânicos).

Células dos Músculos


As células musculares, podem apresentar vários núcleos, sendo as mais importantes as células de sarcômero (contração
muscular) e os fibroblastos (síntese de proteínas).

Células Epiteliais
As células epiteliais estão presentes nos tipos de epitélios revestindo o corpo externamente na pele, e internamente em
diversos órgãos. São células que possuem formas diferentes que podem ser achatadas, cúbicas ou colunares.
As células epiteliais da córnea são as últimas células do corpo humano à morrerem, visto que necessitam de menos oxigênio
para realizar suas funções.
Células Sexuais
Ilustração dos espermatozoides nadando para fertilizar um óvulo. Compare a diferença de tamanhos.
A maior célula humana é o óvulo, gameta sexual feminino. As mulheres já nascem com todos os seus óvulos, que começam a
amadurecer na época da puberdade, cujo sinal é a primeira menstruação.
A liberação dos óvulos na ovulação cessa com a menopausa. Por outro lado, as menores células são os espermatozoides, que
nos homens são produzidos a partir da puberdade e continua ao longo da vida, embora diminua em idade mais avançada.

TECIDOS DO CORPO HUMANO


O corpo humano é formado por 4 tipos de tecidos e vale lembrar que os tecidos são formados pelo agrupamento de diferentes
células, cada qual com sua função.

→ Tecidos Epitelial
→ Tecidos Conjuntivo (adiposo, cartilaginoso, ósseo e sanguíneo)
→ Tecidos Muscular (liso, esquelético e cardíaco)
→ Tecidos Nervoso

Tecido Epitelial
As funções do tecido epitelial são de revestimento do corpo, sensibilidade e secreção de substâncias. Para tanto, esse tipo de
tecido é composto por um agrupamento de células justapostas em diferentes formas: cilíndricas, achatadas ou cúbicas.
Curioso notar que nos tecidos epiteliais não há presença de vasos sanguíneos. Um exemplo notório de tecido epitelial é a pele
humana, formada pela epiderme (tecido epitelial) e a derme (tecido conjuntivo).

Tecido Conjuntivo
O tecido conjuntivo possui as funções de sustentação, preenchimento e o transporte de substâncias; suas fibras são formadas
por dois tipos de proteínas: colágeno e elastina.
De modo que suas células são bem diversificadas quanto à forma, tamanho e funções, o tecido conjuntivo é dividido em:
→ Tecido Adiposo: Composto de células adiposas que acumulam gordura (adipócitos), esse tipo de tecido tem como principal função
o isolamento térmico do corpo, sendo assim, o maior depósito corporal de energia. A partir disso, basta notar que uma pessoa magra
sente mais frio que uma pessoa gorda, uma vez que esta possui mais tecido adiposo que a outra (magra).
→ Tecido Cartilaginoso: Possui consistência firme, contudo flexível; sua função é de sustentação e revestimento, por exemplo, a
orelha, o nariz, a traqueia. Além disso, a cartilagem amortece o impacto dos movimentos na coluna vertebral.
→ Tecido Ósseo: Tecido rígido, rico em sais minerais, cálcio e colágeno o que torna os ossos rígidos e resistentes. Além disso, é
inervado e irrigado por sangue, sendo sua principal função a sustentação do corpo, uma vez que compõe o esqueleto humano.
→ Tecido Sanguíneo: Formado por diversos tipos de células, esse tecido possui as funções de defesa do organismo e transporte de
nutrientes. Vale lembrar que o sangue é um tecido líquido, composto de hemácias, leucócitos, plaquetas e plasma.

Tecido Muscular
O tecido muscular é formado por células alongadas e especializadas em contração (proteínas contráteis: miosina e actina);
apresentam grande inervação e vascularização, e são divididos em:
→ Tecido muscular liso (não-estriado): Caracterizado por movimentos involuntários, seu nome corresponde à ausência de estrias
transversais, são exemplos, o útero, a bexiga e o intestino.
→ Tecido muscular esquelético: Recebe esse nome, pois a maior parte desse tecido está junto ao esqueleto; possui células longas,
presença de estrias transversais e movimentos voluntários.
→ Tecido muscular cardíaco: Encontrado no coração, esse tipo de tecido possui movimento involuntários sendo formado por células
longas e cilíndricas além de possuir estrias transversais.

Tecido Nervoso
O tecido nervoso é formado principalmente por células nervosas denominadas neurônios. Apresenta células longas e
estreladas que possuem a capacidade de transmitir impulsos nervosos. São exemplos os nervos, o cérebro e a medula espinhal.

ÓRGÃOS DO CORPO HUMANO


→ Baço
→ Bexiga Urinária
→ Cérebro
→ Coração
→ Dentes
→ Esôfago
→ Esqueleto
→ Estômago
→ Faringe
→ Fígado
→ Glândulas Salivares
→ Intestino Delgado
→ Intestino Grosso
→ Laringe
→ Pâncreas
→ Pulmão
→ Rins
→ Sangue
→ Traqueia
→ Vesícula Biliar

SISTEMAS DO CORPO HUMANO


→ Sistema Digestório (Digestão)
→ Sistema Endócrino (Hormônios)
→ Sistema Excretor (Urinário)
→ Sistema Linfático
→ Sistema Muscular
→ Sistema Nervoso
→ Sistema Reprodutor
→ Sistema Respiratório
→ Sistema Sensorial (Sentidos)
→ Sistema Tegumentar
→ Sistema Esquelético
→ Sistema Articular
→ Sistema Circulatório (Sistema Cardiovascular)

Sistema Digestório (Digestão)


Composto pela boca, faringe, esôfago, estômago, intestino delgado, intestino grosso e glândulas associadas, tais como as
salivares, o fígado e o pâncreas, esse sistema quebra os alimentos em partículas menores para que possam ser aproveitadas pelo
organismo.

Sistema Endócrino (Hormônios)


Ele é formado por todas as glândulas endócrinas do corpo, tais como a hipófise, tireoide, pâncreas, testículos e ovários. Sua
função principal é garantir a produção de hormônios e, portanto, o controle das funções biológicas e a homeostase.

Sistema Excretor (Urinário)


Formado por rins, ureteres, bexiga e uretra, esse sistema elimina as substâncias tóxicas e em excesso no organismo.

Sistema Linfático
Constituído pela linfa, vasos linfáticos, linfonodos e órgãos linfoides, esse sistema recolhe o líquido intersticial e devolve
para o sangue, além de ajudar na defesa do organismo.

Sistema Muscular
Composto pelos músculos, esse sistema garante a movimentação do nosso corpo e a contração de órgãos.

Sistema Nervoso
Formado pelo Sistema Nervoso Central, constituído por encéfalo e medula espinhal, e pelo Sistema Nervoso Periférico, constituído
pelos nervos e gânglios, esse sistema capta estímulos do meio externo e interno, bem como formula respostas para esses estímulos.

Sistema Reprodutor
O sistema genital masculino é formado por testículos e vias espermáticas, enquanto o feminino é formado por ovários, tubas uterinas,
útero e vagina. A principal função desse sistema é garantir a reprodução e produção de hormônios.

Sistema Respiratório
Formado por nariz, faringe, laringe, traqueia, brônquios, bronquíolos e pulmões, esse sistema garante a hematose e,
consequentemente, que oxigênio seja levado às células.

Sistema Sensorial (Sentidos)


Consiste em neurônios sensoriais(incluindo as células receptoras sensoriais), caminhos neurais e partes do cérebro envolvidas na
percepção sensorial. Sistemas sensoriais comumente reconhecidos são aqueles para visão, audição, toque, gosto, cheiro e equilíbrio.

Sistema Tegumentar
Formado pela pele e seus anexos, tais como pelos, unhas e glândulas. Atua, entre outras funções, isolando o corpo, evitando a
perda excessiva de água e regulando a temperatura
Sistema Esquelético
Constituído basicamente por ossos e cartilagens. A principal função desse sistema é garantir a movimentação e sustentação
do nosso organismo; proteger órgãos de impactos; produzir células sanguíneas e atuar como depósito de cálcio.

Sistema Articular
Formado pelas articulações, esse sistema proporciona a união das peças do esqueleto humano.

Sistema Circulatório (Sistema Cardiovascular)


É composto pelo tecido sanguíneo, vasos sanguíneos e o coração. O objetivo desse sistema é garantir que oxigênio e nutrientes sejam
levados até as células e os produtos indesejáveis sejam removidos. (temos pequena e grande circulação)

APARELHO DO CORPO HUMANO