Você está na página 1de 4

Pergunta 1

Considerando que crianças de seis anos já estavam frequentando regularmente a pré-


escola e a 1ª série, o governo consolidou o Ensino Fundamental de Nove Anos. Qual o
Ministério responsável por fazer cumprir a função de prestar assistência técnica e
financeira, garantindo um padrão mínimo de qualidade aos sistemas de ensino?

a) da Ciência e Tecnologia

b) da Integração Nacional

c) da Educação

d) do Planejamento

Pergunta 2
A Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (9394/96), afirma que a educação
básica compõe-se das seguintes etapas:

a) Educação fundamental, Ensino médio e Educação superior;


b) Ensino fundamental e médio;
c) Educação infantil, Ensino Fundamental e Ensino Médio;
d) Creches, Pré-escola e Ensino Fundamental.

Pergunta 3
As Diretrizes Curriculares Nacionais Gerais (Resolução CNE/CEB nº 04/2010) traçam as
novas diretrizes para a educação básica. O art. 4º apresenta os princípios
norteadores que orientam todo o processo de elaboração das diretrizes.
Todas as diretrizes curriculares estão corretas, exceto:

a) Igualdade de condições para o acesso, inclusão, permanência e sucesso na


escola.
b) Posicionamento individual nos grupos que integra para demonstrar sua
autonomia.
c) Pluralismo de ideias e de concepções pedagógicas.
d) Liberdade de aprender, ensinar, pesquisar e divulgar a cultura, o pensamento,
a arte e o saber.
Pergunta 4
Os currículos do ensino fundamental e médio devem ter uma base nacional comum, a
ser complementada, em cada sistema de ensino e estabelecimento escolar, e por uma
parte diversificada, exigida pelas características regionais e locais da sociedade, da
cultura, da economia e da clientela. (LDBEN 9394/96). Marque a opção que não
corresponda os conteúdos obrigatórios na base nacional comum do ensino
médio:

a) Língua Portuguesa
b) Educação Física
c) Conhecimento do mundo físico e natural
d) Matemática

Pergunta 5
Sobre o ensino religioso das escolas públicas, é correto afirmar:

a) O indivíduo, desde criança, tem o dever de aceitar a religião oficial do país.


b) A inserção social do cidadão, sob esse ponto de vista, é caracterizado pelo direito de
mudar de religião por determinação voluntária, com restrições de ordem civíl.
c) O Estado brasileiro, no plano social, propicia a caracterização do cidadão com vínculos
na origem do nascimento, etnias e religiões.
d) O ensino religioso, de matrícula facultativa, constitui disciplinas dos horários normais
das escolas públicas do ensino fundamental, sendo oferecido, sem ônus para os cofres
públicos, de acordo com as preferências manifestas pelos alunos ou por seus
responsáveis.

Pergunta 6
A Resolução CNE/CEB nº 07/2010, define as Diretrizes Curriculares Nacionais para o
Ensino Fundamental. Do Art. 9 ao Art. 15 estão traçadas as orientações para o
planejamento da organização curricular a ser definida no projeto pedagógico.

Todas as orientações sobre organização curricular estão corretas, exceto:

a) A base nacional comum é definida no Quadro Curricular com quatro áreas do


conhecimento e seus respectivos componentes curriculares.
b) A carga horária de cada componente curricular é definida pelas equipes da
escola.
c) É obrigatória a oferta de todos os componentes curriculares da base nacional
comum definidos nas diretrizes curriculares nacionais nas escolas do ensino
fundamental e médio.
d) A Música é componente curricular obrigatório da Base Nacional Comum.

Pergunta 7
Algumas escolas optam por adotar a concepção de currículo tradicional, sendo assim,
mais conteudista. Outra característica é uma gestão centralizadora. Já outras escolas
optam por um currículo mais construtivista tomando como suporte uma gestão
pedagógica mais democrática, baseada em um Projeto Político Pedagógico renovado.
Marque a opção que se refere à proposta de currículo tradicional.

a) O currículo é entendido como um conjunto de componentes curriculares,


programas, listas de conteúdos, apresenta uma dicotomia entre a esfera da
decisão e a da execução.
b) O currículo, do ponto de vista teórico-metodológico, é uma proposta de
mediação, fruto da tensão entre a intencionalidade (projeção da finalidade), e a
realidade (análise da realidade) que se tem, buscando a articulação entre a
proposta curricular e o projeto pedagógico.
c) Na perspectiva crítica os educadores consideram como objetivo central da
educação e do currículo a formação humana do aluno, no sentido de que
possam usufruir dos bens materiais e culturais produzidos pela sociedade e que
possam, também, atuar criticamente na sociedade.
d) A concepção de currículo renovadora trabalha com o recorte da cultura,
respeito à diversidade e às etnias, colocam em pauta a organização da escola
como um todo, favorece a sistematização da prática pedagógica no âmbito da
instituição.

Pergunta 8
Uma Escola Estadual desenvolveu, no âmbito de seu planejamento curricular, um
projeto de preservação do meio ambiente junto à comunidade, em parceria com uma
organização não governamental (ONG). O projeto se referia à coleta seletiva e
tratamento de lixo e teve efeitos tanto no aspecto geral da escola quanto no
bairro. Para se concretizar na prática educativa, o planejamento no qual se
inseriu o projeto teve por base:

a) na análise das técnicas de ensino, haja vista a neutralidade que apresentam,


quando devidamente utilizadas;
b) no estudo do contexto cultural, político e econômico da comunidade escolar e
do seu entorno;
c) nos pressupostos que estruturam a criação da ONG;
d) no estudo da Cultura, visando à manutenção do pensamento hegemônico e,
por decorrência, da estrutura social.

Pergunta 9
Quais são os elementos fundamentais que acompanham o processo de construção da
Proposta Curricular de uma escola?

a) Visão da cultura e do fracasso escolar,


b) Visão de trabalho coletivo e visão tradicionalista
c) Visão de mundo, visão de homem, visão de sociedade, visão da cultura.
d) Visão administrativa educacional, visão de projeto coletivo
tradicionalista.

Pergunta 10
A escola ao elaborar o seu currículo, precisa observar algumas diretrizes
fundamentais. Marque a alternativa incorreta que não contemple essas diretrizes.
a) Na organização da proposta curricular, deve-se assegurar o entendimento de currículo
como experiências escolares que se desdobram em torno do conhecimento, permeado pelas
relações sociais, articulando vivências e saberes dos estudantes com os conhecimentos
historicamente acumulados.
b) O Currículo deve difundir os valores fundamentais do interesse social, dos
direitos e deveres dos cidadãos, do respeito ao bem comum e a ordem
democrática.
c) A organização do percurso formativo deve ser fechado e contextualizado, de
forma a privilegiar as peculiaridades do meio e características e interesses dos
professores.
d) A organização curricular deve incluir não só os componentes curriculares
centrais obrigatórios, previstos na legislação e nas normas educacionais, mas
outros também, de modo flexível e variável, conforme cada projeto escolar.