Você está na página 1de 274

SINAPI

SISTEMA NACIONAL DE PESQUISA DE CUSTOS E ÍNDICES DA


CONSTRUÇÃO CIVIL

CADERNOS TÉCNICOS DE COMPOSIÇÕES PARA

ESTRUTURA E TRAMA PARA COBERTURA

LOTE 1
Versão: 005
Vigência: 12/2015
Última atualização: 12/2016
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

GRUPO ESTRUTURA E TRAMA – COBERTURA – LOTE 1

A CAIXA apresenta o grupo de composições de serviços que representam a execução de


estrutura e trama para cobertura, que serão incorporadas ao Sistema Nacional de Pesquisas
de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI). Tais composições estão divididas em:

 Estrutura e trama, em madeira, para cobertura;


 Estrutura e trama, em aço, para cobertura.

Página | 1
ESTRUTURA E TRAMA, EM MADEIRA, PARA
COBERTURA
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

GRUPO ESTRUTURA E TRAMA EM MADEIRA - COBERTURA – LOTE 01

A CAIXA apresenta o grupo de composições de serviços que representam a execução de


estrutura e trama, em madeira, para cobertura (33 composições), incorporadas ao Sistema
Nacional de Pesquisas de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI). Tais composições
estão divididas em:

 Trama e Estrutura em Madeira:


 Trama composta por ripas, caibros e terças;
 Trama composta por terças;
 Fabricação e instalação de tesouras inteiras e meias tesouras com vãos
de 3 a 12 m;
 Instalação de tesouras (inteiras ou meias) com vãos maiores ou iguais a 3
m e menores que 6 m; maiores ou iguais a 6 m e menores que 8 m;
maiores ou iguais a 8 m e menores que 10 m e maiores ou iguais a 10 m
e menores que 12 m;
 Fabricação e instalação de estrutura de apoio PONTALETADA.

As variedades de telhas para cobertura são: cerâmica; concreto de encaixe; cerâmica capa-
canal; onduladas de fibrocimento, alumínio ou plástica e estrutural. Quanto a configuração da
cobertura, foram considerados até 2 águas ou com mais de 2 águas.

Página | 1
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

NORMAS E LEGISLAÇÃO

 NBR 6123: ABNT NBR 6123, Forças devidas ao vento em edificações


 NBR 7190:1997 - Projeto de estruturas de madeira
 NBR 7196:2014 - Telhas de fibrocimento - Execução de coberturas e
fechamentos laterais - Procedimento
 NBR 7581-1:2014 - Telha ondulada de fibrocimento. Parte 1: Classificação e
requisitos
 NBR 13858-1:1997 - Telhas de Concreto. Parte 1: Projeto e execução de
telhados
 NBR 13858-2:2009 - Telhas de Concreto. Parte 2: Requisitos e métodos de
ensaio
 NBR 15210-1:2014 - Telha ondulado de fibrocimento sem amianto e seus
acessórios. Parte 1: Classificação e requisitos
 NBR 15310:2009 - Componentes cerâmicos - Telhas - Terminologia, requisitos
e métodos de ensaio
 NBR 15575-5:2013 - Edificações habitacionais - Desempenho. Parte 5:
Requisitos para os sistemas de coberturas
 NBR 8800:2008 – Projeto de estruturas de aço e de estruturas mistas de aço e
concreto de edifícios
 NBR 14513:2008 – Telhas de aço revestido de seção ondulada – Requisitos
 NBR 14514:2008 – Telhas de aço revestido de seção trapezoidal – Requisitos

BIBLIOGRAFIA

 FLACH, R.S. Estruturas para telhados: análise técnica de soluções.


Monografia. UFRGS. Porto Alegre, 2012
 Antonio Moliterno e Reyolando M.L.R.F. Brasil. Caderno de Projetos de
Telhados em Estruturas de Madeira – Editora Blucher, 4ª Edição, São Paulo,
2012.
 Blessmman, J. Ação do Vento em Telhados. Editora Sagra, Porto Alegre.
 SILVA, E.L.; SILVA, V.P. Dimensionamento de Perfis Formados a Frio
conforme NBR14762 e NBR 6355
 Catálogo Técnico de engradamento metálico da Eternit. Site:
http://www.eternit.com.br/produtos/solucoes-construtivas/engradamento-
metalico/engradamento-metalico-2
 http://www.jorsil.com.br/perfil-para-estrutura-de-telhado/

Página | 2
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

COMPOSIÇÕES AFERIDAS

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E
01.COBE.ETMM.03/01 TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA DE
6
ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92539 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E
01.COBE.ETMM.06/01 TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS QUE 2 ÁGUAS PARA TELHA
9
DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92540 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E
01.COBE.ETMM.09/01 TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
12
CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
92541 AF_12/2015
TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E
01.COBE.ETMM.12/01 TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS QUE 2 ÁGUAS PARA TELHA
15
CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
92542 AF_12/2015
TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR TERÇAS PARA TELHADOS
01.COBE.ETMM.15/01 DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
18
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92543 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.17/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR TERÇAS PARA TELHADOS
DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA ESTRUTURAL DE FIBROCIMENTO, 21
92544 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.59/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 3 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 24
92545 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.60/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 4 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 28
92546 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.61/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 5 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 32
92547 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.62/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 6 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 36
92548 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.63/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 7 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 40
92549 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.64/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 8 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 44
92550 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.65/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 9 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 48
92551 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.66/01 52
NÃO APARELHADA, VÃO DE 10 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE

Página | 3
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


92552 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.67/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 11 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 56
92553 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.68/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA


NÃO APARELHADA, VÃO DE 12 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE 60
92554 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.69/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 3 M, PARA TELHA ONDULADA DE
64
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92555 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.70/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 4 M, PARA TELHA ONDULADA DE
68
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92556 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.71/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 5 M, PARA TELHA ONDULADA DE
72
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92557 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.72/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 6 M, PARA TELHA ONDULADA DE
76
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92558 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.73/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 7 M, PARA TELHA ONDULADA DE
80
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92559 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.74/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 8 M, PARA TELHA ONDULADA DE
84
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92560 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.75/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 9 M, PARA TELHA ONDULADA DE
88
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92561 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.76/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 10 M, PARA TELHA ONDULADA DE
92
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92562 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.77/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 11 M, PARA TELHA ONDULADA DE
96
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92563 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM MADEIRA
01.COBE.ETMM.78/01 NÃO APARELHADA, VÃO DE 12 M, PARA TELHA ONDULADA DE
100
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
92564 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.139/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA, EM
MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 104
92259 3,0 M E MENORES QUE 6,0 M, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA, EM
01.COBE.ETMM.140/01 107
MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A

Página | 4
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


92260 6,0 M E MENORES QUE 8,0 M, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.141/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA, EM


MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 110
92261 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.142/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA, EM


MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 113
92262 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA PONTALETADA DE
01.COBE.ETMM.147/01 MADEIRA NÃO APARELHADA PARA TELHADOS COM ATÉ 2
116
ÁGUAS E PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92565 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA PONTALETADA DE
01.COBE.ETMM.150/01 MADEIRA NÃO APARELHADA PARA TELHADOS COM ATÉ 2
ÁGUAS E PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO, 119
92566 METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA PONTALETADA DE
01.COBE.ETMM.153/01 MADEIRA NÃO APARELHADA PARA TELHADOS COM MAIS QUE 2
122
ÁGUAS E PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92567 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

Página | 5
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.03/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2
Código SIPCI
ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA M2
92539 OU DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE
VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,3670
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,3940
COMPLEMENTARES
RIPA DE MADEIRA NAO APARELHADA *1,5 X 5*
I 4408 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 3,1530
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X 6*
I 4430 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 1,8740
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,6310
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48
I 40568 KG 0,0300
(4 1/4 x 5)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 0,0500
(3 1/4 X 9)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 15 X 15
I 20247 KG 0,0700
(1 1/4 X 13)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0413
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0572
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 6
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 1,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Prego polido com cabeça 15 x 15;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 7
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre
eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m, distanciamento entre eixos
das terças entre 1,5 e 2,0 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 0,55
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes;
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros na estrutura de apoio, cravando os pregos 19 x 36
aproximadamente a 45° em relação à face lateral do caibro, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na terça;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Pregar as ripas nos caibros, utilizando pregos 15x15 com cabeça;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 8
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.06/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS
Código SIPCI
QUE 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE M2
92540 CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,6410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,4710
COMPLEMENTARES
RIPA DE MADEIRA NAO APARELHADA *1,5 X 5*
I 4408 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 3,1730
DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X 6*
I 4430 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 1,8930
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 0,6350
REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48 (4
I 40568 KG 0,0300
1/4 x 5)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 0,0500
1/4 X 9)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 15 X 15 (1
I 20247 KG 0,0700
1/4 X 13)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0416
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0577
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 9
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 1,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Prego polido com cabeça 15 x 15.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 10
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre
eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m, distanciamento entre eixos
das terças entre 1,5 e 2,0 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 0,55
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros na estrutura de apoio, cravando os pregos 19 x 36
aproximadamente a 45° em relação à face lateral do caibro, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na terça;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Pregar as ripas nos caibros, utilizando pregos 15x15 com cabeça;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 11
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.09/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2
Código SIPCI M2
ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL,
92541 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,4000
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,3970
COMPLEMENTARES
RIPA DE MADEIRA NAO APARELHADA *1,5 X 5*
I 4408 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 2,5230
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X 6*
I 4430 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 2,2900
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,7210
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48
I 40568 KG 0,0300
(4 1/4 x 5)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 0,0500
(3 1/4 X 9)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 15 X 15
I 20247 KG 0,0700
(1 1/4 X 13)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0404
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0560
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 12
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 1,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Prego polido com cabeça 15 x 15;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;

Página | 13
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre


eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m, distanciamento entre eixos
das terças entre 1,5 e 2,0 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 0,45
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,4 m.
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros na estrutura de apoio, cravando os pregos 19 x 36
aproximadamente a 45° em relação à face lateral do caibro, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na terça;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Pregar as ripas nos caibros, utilizando pregos 15x15 com cabeça;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 14
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.12/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS
Código SIPCI
QUE 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA- M2
92542 CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,6760
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,4890
COMPLEMENTARES
RIPA DE MADEIRA NAO APARELHADA *1,5 X 5*
I 4408 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 2,5380
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X 6*
I 4430 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 2,3140
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 1,0170
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48
I 40568 KG 0,0300
(4 1/4 x 5)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 0,0500
(3 1/4 X 9)
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 15 X 15
I 20247 KG 0,0700
(1 1/4 X 13)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0428
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0594
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 15
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 1,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Prego polido com cabeça 15 x 15;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 16
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre
eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m, distanciamento entre eixos
das terças entre 1,5 e 2,0 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 0,45
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,4 m.
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros na estrutura de apoio, cravando os pregos 19 x 36
aproximadamente a 45° em relação à face lateral do caibro, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na terça;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Pregar as ripas nos caibros, utilizando pregos 15x15 com cabeça;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 17
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.15/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR TERÇAS


PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, M2
92543 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,1180
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,0650
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,6310
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48
I 40568 KG 0,0300
(4 1/4 x 5)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0046
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0064
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 18
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre
eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m; distanciamento entre eixos
das terças de 1,6 m.
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes.

Página | 19
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o transporte vertical;


 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 20
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.17/01 TRAMA DE MADEIRA COMPOSTA POR TERÇAS


PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI M2
ESTRUTURAL DE FIBROCIMENTO, INCLUSO
92544 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,0990
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,0480
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16*
I 4472 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 0,4040
DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 22 X 48 (4
I 40568 KG 0,0200
1/4 x 5)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0029
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0041
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 21
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Prego polido com cabeça 22 x 48 (4 1/4 x 5);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a área de projeção do telhado.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 A composição é válida para tramas de madeira com distanciamento entre
eixos das estruturas de apoio entre 2,4 e 3,2 m; distanciamento entre eixos
das terças de 2,5 m.
 A trama descrita pode ser apoiada sobre tesouras ou pontaletes.

Página | 22
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o transporte vertical;


 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na es44trutura de apoio, cravando os pregos 22 X 48
aproximadamente a 45° em relação à face lateral da terça, de forma que
penetrem cerca de 3 a 4 cm na peça de apoio;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 23
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.59/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 3 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92545 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 7,4940
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 1,7290
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 7,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 0,8250
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 24
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;

Página | 25
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o içamento da tesoura;


 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 26
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 7,4940
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 1,7290
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 2,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 7,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 0,6750
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS
C 92259 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE 6,0 M.
AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 27
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.60/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 4 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92546 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 2,5000
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 9,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 1,1000
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 28
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 29
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 30
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 4,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 4,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 10,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 0,9000
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92259 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE
6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 31
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.61/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 5 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92547 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X
I 4400 8* CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 3,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 11,5000
EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE
I 21142 FERRO FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO UN 1,0000
"U", PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 1,3750
(3 1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 32
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 33
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 34
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 4,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 4,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 12,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 1,1250
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92259 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE
6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 35
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.62/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 6 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92548 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 3,5000
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 14,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 1,3750
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92260 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E
MENORES QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 36
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 37
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 38
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 5,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 5,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 14,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 1,3500
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92260 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE
8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 39
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.63/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 7 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92549 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X
I 4415 5 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 3,5000
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 6,0000
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 16,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 1,9250
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92260 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E
MENORES QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 40
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade com seção de 2,5 x 20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição

Página | 41
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os


operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 42
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 11,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 8,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 17,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 1,5750
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92260 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE
8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 43
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.64/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 8 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92550 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 4,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 9,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 2,4000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92261 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 44
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão média;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços

Página | 45
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se


as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;

Página | 46
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto (caso


tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 13,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 12,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 11,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 8,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 2,0000
1/4 X 9)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 2,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92261 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 47
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.65/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 9 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92551 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 4,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 7,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO UN 1,0000
DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 2,7000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 1,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92261 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 48
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão média;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

Página | 49
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 50
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 20,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 10,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 12,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 9,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 2,2500
1/4 X 9)
PREGO DE AÇO POLIDO COM CABEÇA 17X27 (2
I 5069 KG 0,2455
1/2 X 11)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, PAR 2,0000
4 FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92261 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E
MENORES QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 51
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.66/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 10 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92552 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 5,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 8,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 12,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,0000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 52
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão média;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

Página | 53
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;

Página | 54
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto


(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 28,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 12,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 13,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 10,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 2,5000
X 9)
PREGO DE AÇO POLIDO COM CABEÇA 17X27 (2
I 5069 KG 0,5091
1/2 X 11)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, PAR 2,0000
4 FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92262 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E
MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 55
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.67/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 11 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92553 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 26,2290
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,0530
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 13,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 12,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,5750
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 56
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão média;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.
3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

Página | 57
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 58
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 29,9760
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,9180
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 38,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 16,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 15,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 11,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 3,0250
1/4 X 9)
PREGO DE AÇO POLIDO COM CABEÇA 17X27 (2
I 5069 KG 0,5455
1/2 X 11)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, PAR 2,0000
4 FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92262 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E
MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 59
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.68/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI UN
DE 12 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE
92554 CONCRETO, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 26,2290
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,0530
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 11,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 14,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 13,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,9000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 60
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão média;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

Página | 61
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

Página | 62
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 29,9760
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,9180
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 47,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 17,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 18,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 13,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 3,3000
1/4 X 9)
PREGO DE AÇO POLIDO COM CABEÇA 17X27 (2
I 5069 KG 0,8364
1/2 X 11)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, PAR 2,0000
4 FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92262 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E
MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 63
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.69/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 3 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92555 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 7,4940
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 1,7290
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 7,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 0,8250
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 64
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com
as diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;

Página | 65
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o içamento da tesoura;


 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 66
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 7,4940
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 1,7290
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 2,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 6,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 0,6750
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 67
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.70/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 4 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92556 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 2,0000
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 9,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 1,1000
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 68
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 69
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 70
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 2,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 3,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 9,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 0,9000
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92259 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE
6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 71
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.71/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 5 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92557 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE M 2,5000
DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 11,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", UN 1,0000
PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 1,3750
1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92259 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E
MENORES QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 72
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 73
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 74
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 2,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 4,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 11,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 1,1250
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92259 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE
6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 75
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.72/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 6 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92558 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 11,2410
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 2,5940
COMPLEMENTARES
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X
I 4400 8* CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 3,5000
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 13,5000
EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE
I 21142 FERRO FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO UN 1,0000
"U", PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 1,6500
(3 1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92260 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E
MENORES QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 76
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 77
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.

Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;

Página | 78
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e


coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 14,9880
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,4590
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 2,5000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 5,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 18,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X
I 6193 M 3,0000
8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4
I 39027 KG 1,3500
X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92260 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE
8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 79
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.73/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 7 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92559 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5
I 4415 X 5 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 2,5000
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X
I 4400 8* CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 5,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 16,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE
I 21142 FERRO FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO UN 1,0000
"U", PARA MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36
I 39027 KG 1,9250
(3 1/4 X 9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92260 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E
MENORES QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 80
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5 x 20,0
cm com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição

Página | 81
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os


operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 82
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 5,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 7,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 16,0000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8")
I 6193 M 3,0000
NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X
I 39027 KG 1,5750
9)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92260 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE 8,0
M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 83
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.74/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 8 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92560 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 2,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 9,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 9,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO UN 1,0000
DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 2,4000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 1,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92261 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 84
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5x20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

Página | 85
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;

Página | 86
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto


(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 7,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 8,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8")
I 6193 M 3,0000
NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X
I 39027 KG 2,0000
9)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO
I 4344 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA UN 8,0000
SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 2,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92261 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE
10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 87
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.75/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO DE
Código SIPCI
9 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO, UN
92561 METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 2,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 6,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 10,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 2,7000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92261 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 88
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5x20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

Página | 89
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

Página | 90
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:
COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 8,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 9,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8")
I 6193 M 3,0000
NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X
I 39027 KG 2,2500
9)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO
I 4344 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA UN 8,0000
SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 2,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA
C 92261 UN 1,0000
VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE
10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 91
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.76/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO DE
Código SIPCI
10 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO, UN
92562 METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 18,7350
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 4,3230
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 3,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 7,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 11,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO DE UN 1,0000
TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,0000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12 MM,
I 4344 COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 1,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 92
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5x20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços

Página | 93
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se


as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

Página | 94
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 22,4820
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 5,1880
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5
I 4415 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 7,0000
REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8*
I 4400 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 9,5000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 12,0000
REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA M 10,5000
REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1
I 6193 M 3,0000
X 8") NAO APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3
I 39027 KG 2,5000
1/4 X 9)
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO,
DIAMETRO 12 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM
I 4344 UN 8,0000
PORCA SEXTAVADA E ARRUELA DE PRESSÃO
MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, PAR 2,0000
4 FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
C 92262 UN 1,0000
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E
MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 95
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.77/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 11 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92563 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 26,2290
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,0530
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 9,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 12,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 12,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO UN 1,0000
DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,5750
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 1,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 96
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5x20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.
3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

Página | 97
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

Página | 98
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 29,9760
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,9180
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 13,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 11,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO UN 1,0000
DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,0250
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 8,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 2,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 99
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.78/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM MADEIRA NÃO APARELHADA, VÃO
Código SIPCI
DE 12 M, PARA TELHA ONDULADA DE
UN
FIBROCIMENTO, METÁLICA, PLÁSTICA OU
92564 TERMOACÚSTICA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 26,2290
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,0530
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 6,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 10,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 13,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 13,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO FUNDIDO
I 21142 DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA MADEIRAMENTO UN 1,0000
DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,9000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 4,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 PAR 1,0000
FUROS, LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), BIAPOIADA,
C 92262 EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS MAIORES OU UN 1,0000
IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 100
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

MADEIRA NÃO
APARELHADA

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 2,5 x 5,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 7,5 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm;
 Tábua de madeira não aparelhada, 2ª qualidade, com seção de 2,5x20,0 cm
com a função de interligar os elementos dos nós de apoio e de cumeeira
(cobre-juntas);
 Estribo com parafuso em chapa de ferro fundido para ligação entre a linha /
tirante e o pendural central, podendo ainda interligar esses elementos com as
diagonais que concorrem nesse nó central;
 Prego polido com cabeça 19 x 36 (3 1/4 x 9);
 Parafuso francês métrico zincado, diâmetro 12 mm, comprimento 150 mm,
com porca sextavada e arruela de pressão;
 Chapa reta de emenda de viga, 4 furos, e=4,75 mm, bitola 3/16, largura 45
mm, comprimento 50 cm, fornecido o par.
3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

Página | 101
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
Fabricação da tesoura:
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes se atentando aos entalhes para encaixe das peças;
 Fixar as peças da tesoura utilizando pregos e cobre-juntas em madeira,
conforme especificado no projeto da estrutura de madeira;
 Rebater as cabeças de todos os pregos, de forma a não causar ferimentos
nos montadores do telhado ou em futuras operações de manutenção;
 Conferir inclinação e posicionamento das peças.
Instalação da tesoura:
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos.

7. Informações Complementares

Página | 102
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 29,9760
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 6,9180
COMPLEMENTARES
SARRAFO DE MADEIRA NAO APARELHADA 2,5 X 5 CM,
I 4415 M 11,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NÃO APARELHADA *6,0 X 8* CM,
I 4400 M 12,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12 CM,
I 4425 M 14,0000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16* CM,
I 4472 M 12,5000
MACARANDUBA, ANGELIM OU EQUIVALENTE DA REGIAO
TABUA MADEIRA 2A QUALIDADE 2,5 X 20,0CM (1 X 8") NAO
I 6193 M 3,0000
APARELHADA
ESTRIBO COM PARAFUSO EM CHAPA DE FERRO
I 21142 FUNDIDO DE 2" X 3/16" X 35 CM, SECAO "U", PARA UN 1,0000
MADEIRAMENTO DE TELHADO
I 39027 PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 19 X 36 (3 1/4 X 9) KG 3,3000
PARAFUSO FRANCES MÉTRICO ZINCADO, DIAMETRO 12
I 4344 MM, COMPRIMENTO 150 MM, COM PORCA SEXTAVADA E UN 8,0000
ARRUELA DE PRESSÃO MÉDIA
CHAPA PARA EMENDA DE VIGA, EM ACO GROSSO,
I 40623 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16, E=4,75 MM, 4 FUROS, PAR 2,0000
LARGURA 45 MM, COMPRIMENTO 500 MM
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA, PARA VÃOS
C 92262 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M.
AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 103
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.139/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
Código SIPCI
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E UN
92259 MENORES QUE 6,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 3,3440
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM
C 88239 H 1,5830
ENCARGOS COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 9,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X
I 5075 KG 1,1250
30 (2 3/4 X 10)
PARAFUSO, AUTO ATARRACHANTE, CABECA
I 40552 CHATA, FENDA SIMPLES, 1/4” (6,35 MM) X 25 CENTO 0,0400
MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 104
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm,
utilizada em frechal e contraventamento de tesouras;
 Pregos com cabeça 18x30 para fixação das diagonais de contraventamento
nas tesouras;
 Parafuso rosca soberba, cabeça chata simples 6,3 x 25 mm, para fixação
entre tesoura e frechal.
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHP diurno;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHI diurno.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição;

Página | 105
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a metragem de frechal e a quantidade de diagonais previstas no


projeto estrutural (caso existam).

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos 18x30.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 106
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.140/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
Código SIPCI
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E UN
92260 MENORES QUE 8,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 5,3430
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM
C 88239 H 2,0440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 9,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X
I 5075 KG 1,1250
30 (2 3/4 X 10)
PARAFUSO, AUTO ATARRACHANTE, CABECA
I 40552 CHATA, FENDA SIMPLES, 1/4” (6,35 MM) X 25 CENTO 0,0400
MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 107
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm,
utilizada em frechal e contraventamento de tesouras;
 Pregos com cabeça 18x30 para fixação das diagonais de contraventamento
nas tesouras;
 Parafuso rosca soberba, cabeça chata simples 6,3 x 25 mm, para fixação
entre tesoura e frechal;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHP diurno;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHI diurno.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição;

Página | 108
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a metragem de frechal e a quantidade de diagonais previstas no


projeto estrutural (caso existam).

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos 18x30.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 109
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.141/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
Código SIPCI
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E UN
92261 MENORES QUE 10,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 7,2810
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM
C 88239 H 2,4910
ENCARGOS COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 9,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X
I 5075 KG 1,1250
30 (2 3/4 X 10)
PARAFUSO, AUTO ATARRACHANTE, CABECA
I 40552 CHATA, FENDA SIMPLES, 1/4” (6,35 MM) X 25 CENTO 0,0400
MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 110
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm,
utilizada em frechal e contraventamento de tesouras;
 Pregos com cabeça 18x30 para fixação das diagonais de contraventamento
nas tesouras;
 Parafuso rosca soberba, cabeça chata simples 6,3 x 25 mm, para fixação
entre tesoura e frechal;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHP diurno;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHI diurno.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição;

Página | 111
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a metragem de frechal e a quantidade de diagonais previstas no


projeto estrutural (caso existam).

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos 18x30.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 112
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.142/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


BIAPOIADA, EM MADEIRA NÃO APARELHADA,
Código SIPCI
PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E UN
92262 MENORES QUE 12,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 10,4010
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 3,2110
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 9,0000
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X 30
I 5075 KG 1,1250
(2 3/4 X 10)
PARAFUSO, AUTO ATARRACHANTE, CABECA
I 40552 CENTO 0,0400
CHATA, FENDA SIMPLES, 1/4” (6,35 MM) X 25 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE
C 93287 CHP 0,1133
MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260 KW- CHP DIURNO.
AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE
C 93288 CHI 0,1570
MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260 KW - CHI DIURNO.
AF_03/2016

Página | 113
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm,
utilizada em frechal e contraventamento de tesouras;
 Pregos com cabeça 18x30 para fixação das diagonais de contraventamento
nas tesouras;
 Parafuso rosca soberba, cabeça chata simples 6,3 x 25 mm, para fixação
entre tesoura e frechal;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHP diurno;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW - CHI diurno.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40m, capacidade
máxima 60 T, potência 260 KW.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição;

Página | 114
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Utilizar a metragem de frechal e a quantidade de diagonais previstas no


projeto estrutural (caso existam).

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Ancorar o frechal sobre a alvenaria, conforme designação do projeto;
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar cada tesoura sobre os frechais, com parafusos cabeça chata com
fenda;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço e
pregos 18x30.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 115
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.147/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA


PONTALETADA DE MADEIRA NÃO APARELHADA
Código SIPCI
PARA TELHADOS COM ATÉ 2 ÁGUAS E PARA M2
92565 TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,3730
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,1380
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16*
I 4472 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,1850
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,2220
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X
I 4430 6* CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,5560
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X 30
I 5075 KG 0,2400
(2 3/4 X 10)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA,
CAPACIDADE 400 KG, COM MOTO FREIO,
C 93281 CHP 0,0070
MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHP DIURNO.
AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA,
CAPACIDADE 400 KG, COM MOTO FREIO,
C 93282 CHI 0,0103
MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHI DIURNO.
AF_03/2016

Página | 116
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO E
INSTALAÇÃO DE
PONTALETES

MADEIRA NÃO
APARELHADA

≤ 2 ÁGUAS > 2 ÁGUAS

TELHA ONDULADA
TELHA EM
DE FIBROCIMENTO,
CERÂMICA OU
ALUMÍNIO OU
CONCRETO
PLÁSTICA

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm, para
atuar como pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm, para
atuar como berços dos pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm, para
atuar como mão francesa da terça e contraventar os pontaletes;
 Prego polido com cabeça 18x30;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar área em projeção do telhado, considerando-se as características da
composição.

Página | 117
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
 O desenho típico utilizado para cálculo dos consumos de peças de madeira é
ilustrado nas figuras a seguir.

6. Execução
 Cortar a madeira de acordo com os comprimentos de pontaletes descritos
em projeto;
 Prever berço de no mínimo 40 cm sob cada pontalete e mãos-francesas nas
duas direções, para dar estabilidade ao conjunto;
 Prever recortes para fixação da terça de modo a garantir inclinação e perfeito
encaixe das peças;
 Fixar os contraventamentos / mãos-francesas nas duas direções.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 118
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.150/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA


PONTALETADA DE MADEIRA NÃO APARELHADA
Código SIPCI
PARA TELHADOS COM ATÉ 2 ÁGUAS E PARA
M2
TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
92566 METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA,
INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,1160
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,0730
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16*
I 4472 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,0740
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,2220
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X
I 4430 6* CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,5560
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X 30
I 5075 KG 0,1200
(2 3/4 X 10)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA,
CAPACIDADE 400 KG, COM MOTO FREIO,
C 93281 CHP 0,0062
MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHP DIURNO.
AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA,
CAPACIDADE 400 KG, COM MOTO FREIO,
C 93282 CHI 0,0091
MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHI DIURNO.
AF_03/2016

Página | 119
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO E
INSTALAÇÃO DE
PONTALETES

MADEIRA NÃO
APARELHADA

≤ 2 ÁGUAS > 2 ÁGUAS

TELHA ONDULADA
TELHA EM
DE FIBROCIMENTO,
CERÂMICA OU
ALUMÍNIO OU
CONCRETO
PLÁSTICA

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm, para
atuar como pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm, para
atuar como berços dos pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm, para
atuar como mão francesa da terça e contraventar os pontaletes;
 Prego polido com cabeça 18x30;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar área em projeção do telhado, considerando-se as características da
composição.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;

Página | 120
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o transporte vertical;


 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
 O desenho típico utilizado para cálculo dos consumos de peças de madeira é
ilustrado nas figuras a seguir.

6. Execução
 Cortar a madeira de acordo com os comprimentos de pontaletes descritos
em projeto;
 Prever berço de no mínimo 40 cm sob cada pontalete e mãos-francesas nas
duas direções, para dar estabilidade ao conjunto;
 Prever recortes para fixação da terça de modo a garantir inclinação e perfeito
encaixe das peças;
 Fixar os contraventamentos / mãos-francesas nas duas direções.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 121
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.153/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE ESTRUTURA


PONTALETADA DE MADEIRA NÃO APARELHADA
Código SIPCI
PARA TELHADOS COM MAIS QUE 2 ÁGUAS E M2
92567 PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO,
INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
CARPINTEIRO DE FORMAS COM ENCARGOS
C 88262 H 0,2600
COMPLEMENTARES
AJUDANTE DE CARPINTEIRO COM ENCARGOS
C 88239 H 0,1180
COMPLEMENTARES
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA *6 X 16*
I 4472 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,1300
EQUIVALENTE DA REGIAO
VIGA DE MADEIRA NAO APARELHADA 6 X 12
I 4425 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,1850
EQUIVALENTE DA REGIAO
CAIBRO DE MADEIRA NAO APARELHADA *5 X 6*
I 4430 CM, MACARANDUBA, ANGELIM OU M 0,7410
EQUIVALENTE DA REGIAO
PREGO DE ACO POLIDO COM CABECA 18 X 30
I 5075 KG 0,2400
(2 3/4 X 10)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHP 0,0077
DE 1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO CHI 0,0118
DE 1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 122
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

FABRICAÇÃO E
INSTALAÇÃO DE
PONTALETES

MADEIRA NÃO
APARELHADA

≤ 2 ÁGUAS > 2 ÁGUAS

TELHA ONDULADA
TELHA EM
DE FIBROCIMENTO,
CERÂMICA OU
ALUMÍNIO OU
CONCRETO
PLÁSTICA

2. Itens e suas Características


 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 16,0 cm, para
atuar como pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 6,0 x 12,0 cm, para
atuar como berços dos pontaletes;
 Peça de madeira de lei não aparelhada, com seção de 5,0 x 6,0 cm, para
atuar como mão francesa da terça e contraventar os pontaletes;
 Prego polido com cabeça 18x30;
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar área em projeção do telhado, considerando-se as características da
composição.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 Foram consideradas perdas por entulho;

Página | 123
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote
1

 Foi considerado o transporte vertical;


 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.
 O desenho típico utilizado para cálculo dos consumos de peças de madeira é
ilustrado nas figuras a seguir.

6. Execução
 Cortar a madeira de acordo com os comprimentos de pontaletes descritos
em projeto;
 Prever berço de no mínimo 40 cm sob cada pontalete e mãos-francesas nas
duas direções, para dar estabilidade ao conjunto;
 Prever recortes para fixação da terça de modo a garantir inclinação e perfeito
encaixe das peças;
 Fixar os contraventamentos / mãos-francesas nas duas direções.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 124
ESTRUTURA E TRAMA, EM AÇO, PARA
COBERTURA
LOTE 1
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

GRUPO ESTRUTURA E TRAMA EM AÇO - COBERTURA – LOTE 01

A CAIXA apresenta o grupo de composições de serviços que representam a execução de


estrutura e trama, em aço, para cobertura (39 composições), incorporadas ao Sistema Nacional
de Pesquisas de Custos e Índices da Construção Civil (SINAPI). Tais composições estão
divididas em:

 Trama e Estrutura em Aço:


 Trama composta por ripas, caibros e terças;
 Trama composta por ripas e caibros;
 Trama composta por terças;
 Trama composta por ripas;
 Fabricação e instalação de tesouras inteiras e meias tesouras com vãos
de 3 a 12 m em unidade e por kg;
 Instalação de tesouras (inteiras ou meias) com vãos maiores ou iguais a 3
m e menores que 6 m; maiores ou iguais a 6 m e menores que 8 m;
maiores ou iguais a 8 m e menores que 10 m e maiores ou iguais a 10 m
e menores que 12 m.

As variedades de telhas para cobertura são: cerâmica; concreto de encaixe; cerâmica capa-
canal; onduladas de fibrocimento, alumínio ou plástica e estrutural. Quanto a configuração da
cobertura, foram considerados até 2 águas ou com mais de 2 águas.

Página | 1
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

NORMAS E LEGISLAÇÃO

 NBR 6123: ABNT NBR 6123, Forças devidas ao vento em edificações


 NBR 7190:1997 - Projeto de estruturas de madeira
 NBR 7196:2014 - Telhas de fibrocimento - Execução de coberturas e
fechamentos laterais - Procedimento
 NBR 7581-1:2014 - Telha ondulada de fibrocimento. Parte 1: Classificação e
requisitos
 NBR 13858-1:1997 - Telhas de Concreto. Parte 1: Projeto e execução de
telhados
 NBR 13858-2:2009 - Telhas de Concreto. Parte 2: Requisitos e métodos de
ensaio
 NBR 15210-1:2014 - Telha ondulado de fibrocimento sem amianto e seus
acessórios. Parte 1: Classificação e requisitos
 NBR 15310:2009 - Componentes cerâmicos - Telhas - Terminologia, requisitos
e métodos de ensaio
 NBR 15575-5:2013 - Edificações habitacionais - Desempenho. Parte 5:
Requisitos para os sistemas de coberturas
 NBR 8800:2008 – Projeto de estruturas de aço e de estruturas mistas de aço e
concreto de edifícios
 NBR 14513:2008 – Telhas de aço revestido de seção ondulada – Requisitos
 NBR 14514:2008 – Telhas de aço revestido de seção trapezoidal – Requisitos

BIBLIOGRAFIA

 FLACH, R.S. Estruturas para telhados: análise técnica de soluções.


Monografia. UFRGS. Porto Alegre, 2012
 Antonio Moliterno e Reyolando M.L.R.F. Brasil. Caderno de Projetos de
Telhados em Estruturas de Madeira – Editora Blucher, 4ª Edição, São Paulo,
2012.
 Blessmman, J. Ação do Vento em Telhados. Editora Sagra, Porto Alegre.
 SILVA, E.L.; SILVA, V.P. Dimensionamento de Perfis Formados a Frio
conforme NBR14762 e NBR 6355
 Catálogo Técnico de engradamento metálico da Eternit. Site:
http://www.eternit.com.br/produtos/solucoes-construtivas/engradamento-
metalico/engradamento-metalico-2
 http://www.jorsil.com.br/perfil-para-estrutura-de-telhado/

Página | 2
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COMPOSIÇÕES AFERIDAS

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E TERÇAS
01.COBE.ETMM.20/01 PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE
6
DE CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE
92568 VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E CAIBROS PARA
01.COBE.ETMM.23/01 TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE
10
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE
92569 VERTICAL. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.26/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA TELHADOS DE
ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE 13
92570 CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E TERÇAS
01.COBE.ETMM.29/01 PARA TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA DE
16
ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92571 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E CAIBROS PARA
01.COBE.ETMM.32/01 TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE
20
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE
92572 VERTICAL. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.35/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA TELHADOS DE
MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU 23
92573 DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.38/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E TERÇAS


PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA 26
92574 CAPA-CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.41/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E CAIBROS PARA


TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA- 30
92575 CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.44/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA TELHADOS DE


ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO 33
92576 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.47/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS, CAIBROS E TERÇAS


PARA TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA 36
92577 CAPA-CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.50/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E CAIBROS PARA


TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA 40
92578 CAPA-CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.53/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA TELHADOS DE


MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL, 43
92579 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR TERÇAS PARA TELHADOS DE
01.COBE.ETMM.56/01 ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
46
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92580 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.58/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR TERÇAS PARA TELHADOS DE
ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA ESTRUTURAL DE FIBROCIMENTO, 49
92581 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015

Página | 3
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


01.COBE.ETMM.99/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
VÃO DE 3 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 52
92582 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.100/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 4 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 56
92584 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.101/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 5 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 60
92586 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.102/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 6 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 64
92588 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.103/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 7 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 68
92590 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.104/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 8 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 72
92592 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.105/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 9 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 76
92594 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.106/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 10 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 80
92596 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.107/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 11 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 84
92598 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.108/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,


VÃO DE 12 M, PARA TELHA CERÂMICA OU DE CONCRETO, 88
92600 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.109/01 VÃO DE 3 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
92
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92602 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.110/01 VÃO DE 4 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
96
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92604 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.111/01 VÃO DE 5 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
100
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92606 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.112/01 VÃO DE 6 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
104
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92608 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.113/01 VÃO DE 7 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
108
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92610 IÇAMENTO. AF_12/2015

Página | 4
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CÓDIGO DESCRIÇÃO PÁG.


FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.114/01 VÃO DE 8 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
112
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92612 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.115/01 VÃO DE 9 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
116
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92614 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.116/01 VÃO DE 10 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
120
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92616 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.117/01 VÃO DE 11 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
124
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92618 IÇAMENTO. AF_12/2015
FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
01.COBE.ETMM.118/01 VÃO DE 12 M, PARA TELHA ONDULADA DE FIBROCIMENTO,
128
METÁLICA, PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
92620 IÇAMENTO. AF_12/2015
01.COBE.ETMM.104/02 (COMPOSIÇÃO REPRESENTATIVA) FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO
DE TESOURA INTEIRA EM AÇO, PARA VÃOS DE 3 A 12 M E PARA 132
92593 QUALQUER TIPO DE TELHA, INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.143/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), EM AÇO, PARA


VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE 6,0 M, 135
92255 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.144/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), EM AÇO, PARA


VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE 8,0 M, 138
92256 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.145/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), EM AÇO, PARA


VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES QUE 10,0 M, 141
92257 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

01.COBE.ETMM.146/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA), EM AÇO, PARA


VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES QUE 12,0 M, 144
92258 INCLUSO IÇAMENTO. AF_12/2015

Página | 5
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.20/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2
Código SIPCI
ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA M2
92568 OU DE CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE
VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,3390
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,1910
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 2,1090
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO DOBRADO
I 40535 KG 2,1820
75 X *40* MM, E = 2,65 MM
PERFIL “U” ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40537 KG 4,6310
DOBRADO, 200 X 75 X 25 MM, E = 3,75 MM
CHAPA DE ACO GROSSA, ASTM A36, E = 1/4” (6,35 MM)
I 1330 KG 0,4500
49,79 KG/M2
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE, FLANGEADO,
I 40547 CENTO 0,0600
4,2 X 19"
PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO,
I 40549 CENTO 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHP 0,0139
CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHI 0,0193
CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 6
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 38 x 2,65mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 200 x 75 x 3,75mm
para apoio dos caibros metálicos (terças);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros nas terças;
 Chapa de aço A-36, espessura de 6,35 mm para fixação das terças nas
estruturas de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2x19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

Página | 7
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 4,0 m, distanciamento entre eixos das
terças entre 1,5 e 2,5 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 1,0 a 1,4
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre tesouras metálicas, pontaletes
metálicos ou diretamente sobre alvenaria (oitão).
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d = 12,7
mm;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;

Página | 8
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos


de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 9
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.23/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E


CAIBROS PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS
Código SIPCI
PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE M2
92569 CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,1430
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0860
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 2,1090
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,1820
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0067
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0093
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 10
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros na estrutura
de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços

Página | 11
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço.
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista.
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,5 e 2,5 m, distanciamento entre eixos dos
caibros de 1,0 m a 1,4 m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 12
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.26/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA


TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA DE
Código SIPCI M2
ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE CONCRETO,
92570 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,0670
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0420
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30
I 40664 KG 2,1090
X 10* MM, E = 0,8 MM
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHP 0,0033
1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHI 0,0046
1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 13
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço.

Página | 14
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista.
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,0 e 1,4 m e distanciamento entre eixos das
ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre estrutura PONTALETADA
(pontalete + caibro) ou diretamente sobre tesouras com distanciamento
similar aos caibros.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 15
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.29/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS
Código SIPCI
DE 2 ÁGUAS PARA TELHA DE ENCAIXE DE M2
92571 CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,5880
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,2590
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 2,1220
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO DOBRADO
I 40535 KG 2,1920
75 X *40* MM, E = 2,65 MM
PERFIL “U” ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40537 KG 4,6970
DOBRADO, 200 X 75 X 25 MM, E = 3,75 MM
CHAPA DE ACO GROSSA, ASTM A36, E = 1/4” (6,35 MM)
I 1330 KG 0,4500
49,79 KG/M2
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE, FLANGEADO,
I 40547 CENTO 0,0600
4,2 X 19"
I PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO, CENTO
40549 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHP 0,0140
CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CV- CHI 0,0195
CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 16
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 200 x 75 x 3,75 mm
para apoio dos caibros metálicos (terças);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros nas terças;
 Chapa de aço A-36, espessura de 6,35 mm para fixação das terças nas
estruturas de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

Página | 17
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço.
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista.
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 4,0 m, distanciamento entre eixos das
terças entre 1,5 e 2,5 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 1,0 a 1,4
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre tesouras metálicas ou
pontaletes metálicos.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d = 12,7
mm;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;

Página | 18
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos


de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 19
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.32/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E


CAIBROS PARA TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS
Código SIPCI
PARA TELHA DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE M2
92572 CONCRETO, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,3020
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,1300
COMPLEMENTARES
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 2,1220
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,1920
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0067
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0093
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 20
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros na estrutura
de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

Página | 21
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço.
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,5 e 2,5 m, distanciamento entre eixos dos
caibros de 1,0 a 1,4 m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 22
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.35/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA


TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI M2
DE ENCAIXE DE CERÂMICA OU DE CONCRETO,
92573 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,1790
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,0720
COMPLEMENTARES
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 2,1220
10* MM, E = 0,8 MM
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0033
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0046
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 23
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 24
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,0 e 1,4 m e distanciamento entre eixos das
ripas de 0,32 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre estrutura PONTALETADA
(pontalete + caibro) ou diretamente sobre tesouras com distanciamento
similar aos caibros.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 25
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.38/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE ATÉ 2
Código SIPCI M2
ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL,
92574 INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,3700
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,2080
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 1,6870
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,5570
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
PERFIL “U” ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40537 KG 5,4950
DOBRADO, 200 X 75 X 25 MM, E = 3,75 MM
CHAPA DE ACO GROSSA, ASTM A36, E = 1/4” (6,35
I 1330 KG 0,4500
MM) 49,79 KG/M2
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO,
I 40549 CENTO 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0152
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0211
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 26
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 200 x 75 x 3,75 mm
para apoio dos caibros metálicos (terças);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros nas terças;
 Chapa de aço A-36, espessura de 6,35 mm para fixação das terças nas
estruturas de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

Página | 27
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 4,0 m, distanciamento entre eixos das
terças entre 1,5 e 2,1 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 1,0 a 1,2
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre tesouras metálicas, pontaletes
metálicos ou diretamente sobre alvenaria (oitão).
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d = 12,7
mm;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;

Página | 28
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos


de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 29
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.41/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E


CAIBROS PARA TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS
Código SIPCI M2
PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO
92575 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,1420
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0860
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 1,6870
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,5570
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0066
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0092
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 30
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros na estrutura
de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

Página | 31
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,5 e 2,1 m, distanciamento entre eixos dos
caibros de 1,0 a 1,2 m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 32
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.44/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA


TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI M2
CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO
92576 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,0530
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0330
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 1,6870
10* MM, E = 0,8 MM
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0026
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0036
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 33
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 34
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,0 e 1,2 m e distanciamento entre eixos das
ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre estrutura PONTALETADA
(pontalete + caibro) ou diretamente sobre tesouras com distanciamento
similar aos caibros.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 35
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.47/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS,


CAIBROS E TERÇAS PARA TELHADOS DE MAIS
Código SIPCI
DE 2 ÁGUAS PARA TELHA CERÂMICA CAPA- M2
92577 CANAL, INCLUSO TRANSPORTE VERTICAL.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,6150
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,2760
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 1,6970
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,6150
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
PERFIL “U” ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40537 KG 5,5800
DOBRADO, 200 X 75 X 25 MM, E = 3,75 MM
CHAPA DE ACO GROSSA, ASTM A36, E = 1/4” (6,35
I 1330 KG 0,4500
MM) 49,79 KG/M2
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
I PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO, CENTO
40549 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0154
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0214
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 36
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 200 x 75 x 3,75 mm
para apoio dos caibros metálicos (terças);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros nas terças;
 Chapa de aço A-36, espessura de 6,35 mm para fixação das terças nas
estruturas de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).
3. Equipamentos

Página | 37
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV;

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 4,0 m, distanciamento entre eixos das
terças entre 1,5 e 2,1 m, distanciamento entre eixos dos caibros de 1,0 a 1,2
m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre tesouras metálicas ou
pontaletes metálicos.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d = 12,7
mm;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d = 6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;

Página | 38
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos


de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 39
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.50/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS E


CAIBROS PARA TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS
Código SIPCI M2
PARA TELHA CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO
92578 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,2830
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,1240
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30 X
I 40664 KG 1,6970
10* MM, E = 0,8 MM
PERFIL “U” SIMPLES DE ACO GALVANIZADO
I 40535 KG 2,6150
DOBRADO 75 X *40* MM, E = 2,65 MM
CHAPA DE ACO CARBONO LAMINADO A QUENTE,
I 40424 QUALIDADE ESTRUTURAL, BITOLA 3/16", E =4,75 MM KG 0,2000
(37,29 KG/M2)
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
PARAFUSO, ASTM A307 - GRAU A, SEXTAVADO,
I 40839 CENTO 0,0050
ZINCADO, DIAMETRO 3/8" X 1" (9,52 MM X 25,4 MM)
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93281 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHP 0,0067
CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE 400
C 93282 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE 1,25 CHI 0,0093
CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 40
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “U”, 75 x 40 x 2,65 mm, para
apoio das ripas metálicas (caibro p/ telhado);
 Chapa de aço, espessura de 4,75 mm para fixação dos caibros na estrutura
de apoio;
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 3/8” para
fixação dos caibros.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços

Página | 41
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,5 e 2,1 m, distanciamento entre eixos dos
caibros de 1,0 a 1,2 m e distanciamento entre eixos das ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre pontaletes.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar os caibros conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
terças ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do pano,
distanciamento, esquadro e paralelismo entre os caibros;
 Fixar os caibros nas terças com os parafusos ASTM A307, d =6,35 mm;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.
8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 42
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.53/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR RIPAS PARA


TELHADOS DE MAIS DE 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI M2
CERÂMICA CAPA-CANAL, INCLUSO
92579 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,1430
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0570
PERFIL CARTOLA DE ACO GALVANIZADO, *20 X 30
I 40664 KG 1,6970
X 10* MM, E = 0,8 MM
PARAFUSO ZINCADO, AUTOBROCANTE,
I 40547 CENTO 0,0600
FLANGEADO, 4,2 X 19"
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHP 0,0026
1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHI 0,0037
1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 43
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo cartola, 21 x 30 x 13 x 0,8
mm, para apoio das telhas (ripa p/ telhado);
 Parafuso zincado autobrocante flangeado, 4,2 x 19, para fixação das ripas.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 44
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 1,0 e 1,2 m e distanciamento entre eixos das
ripas de 0,40 m;
 A trama descrita é geralmente apoiada sobre estrutura PONTALETADA
(pontalete + caibro) ou diretamente sobre tesouras com distanciamento
similar aos caibros.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Marcar a posição das ripas conforme previsto no projeto, conferindo distância
entre caibros, extensão do pano, galga estipulada de acordo com a telha a
ser empregada, esquadro e paralelismo entre as ripas;
 Aparafusar as ripas nos caibros em ambas as abas, utilizando os parafusos
de 4,2 x 19.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 45
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.56/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR TERÇAS PARA


TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, M2
92580 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,2130
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,1050
PERFIL "U" ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40536 KG 4,3110
DOBRADO, 150 X 60 X 20 MM, E = 3,00 MM
PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO,
I 40549 CENTO 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHP 0,0067
1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHI 0,0093
1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 46
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 150 x 60 x 20 x 3 mm
para apoio das telhas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 47
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 3,0 m, distanciamento entre eixos das
terças de 1,6 m.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d = 12,7
mm.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 48
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.58/01 TRAMA DE AÇO COMPOSTA POR TERÇAS PARA


TELHADOS DE ATÉ 2 ÁGUAS PARA TELHA
Código SIPCI M2
ESTRUTURAL DE FIBROCIMENTO, INCLUSO
92581 TRANSPORTE VERTICAL. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 10/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,1890
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,1020
PERFIL "U" ENRIJECIDO DE ACO GALVANIZADO,
I 40537 KG 4,6060
DOBRADO, 200 X 75 X 25 MM, E = 3,75 MM
PARAFUSO, COMUM, ASTM A307, SEXTAVADO,
I 40549 CENTO 0,0070
DIAMETRO 1/2"” (12,7 MM X 25,4 MM (1")
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93281 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHP 0,0072
1,25 CV- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINCHO ELÉTRICO DE COLUNA, CAPACIDADE
C 93282 400 KG, COM MOTO FREIO, MOTOR TRIFÁSICO DE CHI 0,0100
1,25 CV- CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 49
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

TRAMA

MADEIRA AÇO

RIPA+CAIBRO+TERÇA RIPA+CAIBRO RIPA TERÇA

TELHA TELHA ONDULADA DE TELHA


TELHA ENCAIXE
CERÂMICA FIBROCIMENTO, FIBROCIMENTO
CERÂMICA OU CONCRETO
CAPA-CANAL ALUMÍNIO OU PLÁSTICA ESTRUTURAL

> 2 ÁGUAS ≤ 2 ÁGUAS

2. Itens e suas Características


 Perfil em aço galvanizado conformado a frio tipo “UE”, 200 x 75 x 3,75 mm
para apoio das telhas;
 Parafuso comum ASTM A307, aço carbono, cabeça sextavada, d = 12,7 mm
(1/2”) para fixação das terças.
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Produtivo (CHP);
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV – Custo Horário Improdutivo (CHI).

3. Equipamentos
 Guincho Elétrico de Coluna, capacidade 400 kg, com moto freio, motor
trifásico de 1,25 CV.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a área de projeção do telhado.

5. Critérios de Aferição

Página | 50
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os


operários envolvidos diretamente com o serviço;
 A perda foi considerada nula, pois os perfis são fornecidos nos comprimentos
especificados pelo projetista;
 A composição é válida para tramas de aço com distanciamento entre eixos
das estruturas de apoio entre 2,5 e 3,0 m, distanciamento entre eixos das
terças de 2,5 m.
 Foi considerado o transporte vertical;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Verificar o posicionamento da estrutura de apoio e do comprimento das
peças de acordo com o projeto;
 Posicionar as terças conforme previsto no projeto, conferindo distância entre
tesouras, pontaletes ou outros apoios, declividade da cobertura, extensão do
pano, distanciamento, esquadro e paralelismo entre as terças;
 Fixar as terças na estrutura de apoio com os parafusos ASTM A307, d =
12,7mm.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 51
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.99/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 3 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92582 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 41,0400
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 12,9800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2340
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 52
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 53
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura, conforme projeto. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo
inferior (uma cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 54
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 30,7800
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 20,3000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2700
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 55
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.100/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 4 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92584 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Unidad Coeficiente
Item Código Descrição
e Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 51,3000
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 16,6400
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D =
I 10997 KG 0,2340
4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),
SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS MAIORES
C 92255 UN 1,0000
OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES QUE 6,0 M.
AF_12/2015

Página | 56
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 57
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 58
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 51,3000
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 23,9600
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2700
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 59
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.101/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 5 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92586 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 61,5600
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 20,3000
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2340
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 60
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 61
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 62
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 61,5600
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 27,6200
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3060
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 63
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.102/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 6 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92588 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 71,8200
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 31,2800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3780
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 64
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).
3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se
a tesoura ilustrada na figura a seguir:

Página | 65
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

6. Execução

 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;


 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 66
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 82,0800
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 45,9200
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 67
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.103/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 7 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92590 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 82,0800
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 34,9400
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D =
I 10997 KG 0,3780
4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES QUE
8,0 M. AF_12/2015

Página | 68
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 69
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 70
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 92,3400
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 50,2000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 71
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.104/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 8 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92592 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 92,3400
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 38,6000
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3780
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 72
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 73
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 74
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 102,6000
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 63,0800
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 75
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.105/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 9 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92594 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,8440
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 102,6000
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E=
3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 53,2400
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718)
I 10997 KG 0,5220
D = 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 76
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 77
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 78
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 112,8600
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 10953 KG 18,2800
(QUALQUER BITOLA), E = 3/16 "
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 78,3400
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 79
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.106/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 10 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92596 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 112,8600
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 57,5200
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 80
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 81
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 82
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 123,1200
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 10953 KG 27,4200
(QUALQUER BITOLA), E = 3/16 "
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 73,4000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 83
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.107/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 11 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92598 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 123,1200
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 61,1800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 84
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 85
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares

 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades


relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 86
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 133,3800
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 10953 KG 40,3600
(QUALQUER BITOLA), E = 3/16 "
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 76,5600
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 87
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.108/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 12 M, PARA TELHA
Código SIPCI UN
CERÂMICA OU DE CONCRETO, INCLUSO
92600 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 133,3800
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 68,5000
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 88
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 89
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 90
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 3,0220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 153,9000
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 10953 KG 60,5400
BITOLA), E = 3/16 "
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 64,9400
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 91
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.109/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 3 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92602 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 41,0400
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 12,9800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2340
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 92
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 93
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 94
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 41,0400
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 16,6400
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2700
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 95
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.110/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 4 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92604 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 06/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 51,3000
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 12,9800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2340
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 96
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 97
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 98
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 51,3000
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 20,3000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2700
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 99
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.111/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 5 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92606 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 1,4220
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3280
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 61,5600
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 16,6400
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2340
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

Página | 100
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 101
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 102
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 1,6000
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,3690
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 61,5600
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 23,9600
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,2700
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92255 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 3,0 M E MENORES
QUE 6,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 103
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.112/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 6 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92608 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 71,8200
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 23,9600
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3780
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 104
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 105
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 106
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 71,8200
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 34,9400
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 107
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.113/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 7 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92610 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 82,0800
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 27,6200
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3780
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

Página | 108
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 109
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 110
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 82,0800
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 38,6000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92256 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 6,0 M E MENORES
QUE 8,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 111
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.114/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 8 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92612 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,1330
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,4920
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 92,3400
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 31,2800
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,3780
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 112
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 113
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 114
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 2,3110
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,5330
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 92,3400
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 42,2600
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,4140
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 115
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.115/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 9 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92614 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 102,6000
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 38,6000
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

Página | 116
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 117
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 118
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 102,6000
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 56,9000
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92257 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 8,0 M E MENORES
QUE 10,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 119
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.116/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 10 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92616 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 112,8600
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 46,5400
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 120
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 121
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 122
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 112,8600
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 60,5600
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 123
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.117/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 11 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92618 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 123,1200
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 50,2000
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 124
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 125
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 126
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 123,1200
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 67,8800
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 127
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.118/01 FABRICAÇÃO E INSTALAÇÃO DE TESOURA


INTEIRA EM AÇO, VÃO DE 12 M, PARA TELHA
Código SIPCI
ONDULADA DE FIBROCIMENTO, METÁLICA, UN
92620 PLÁSTICA OU TERMOACÚSTICA, INCLUSO
IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,8440
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6560
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
I 40598 SIMPLES DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, KG 133,3800
ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 53,8600
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5220
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

Página | 128
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA TELHAS
PARA TELHAS
CERÂMICAS OU
ONDULADAS
DE CONCRETO

VÃO 3 M VÃO 4 M VÃO 5 M VÃO 6 M VÃO 7 M VÃO 8 M VÃO 9 M VÃO 10 M VÃO 11 M VÃO 12 M

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras previstas para o telhado, considerando-se
as características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;

Página | 129
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Para fins de cálculo de consumo de materiais e produtividade, considerou-se


a tesoura ilustrada na figura a seguir:

6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;
 Realizar os cortes das peças;
 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação de meia tesoura com o mesmo vão considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

Página | 130
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA
C 88278 H 3,0220
COM ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 0,6970
COMPLEMENTARES
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA)
SIMPLES DE ACO LAMINADO,
I 40598 KG 133,3800
GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3
MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS
I 4777 (QUALQUER BITOLA), ESPESSURA ENTRE KG 71,5400
1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D
I 10997 KG 0,5580
= 4MM (SOLDA ELETRICA)
INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU
MEIA), SOBRE LAJE, EM AÇO, PARA VÃOS
C 92258 UN 1,0000
MAIORES OU IGUAIS A 10,0 M E MENORES
QUE 12,0 M. AF_12/2015

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 131
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0073 - MADEIRAMENTO

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.104/02 (COMPOSIÇÃO REPRESENTATIVA) FABRICAÇÃO


E INSTALAÇÃO DE TESOURA INTEIRA EM AÇO,
Código SIPCI
PARA VÃOS DE 3 A 12 M E PARA QUALQUER KG
92593 TIPO DE TELHA, INCLUSO IÇAMENTO.
AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 12/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 0,0587
ENCARGOS COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0197
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA) SIMPLES
I 40598 DE ACO LAMINADO, GALVANIZADO, ASTM A36, KG 0,7052
127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER
I 4777 KG 0,2948
BITOLA), ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D =
I 10997 KG 0,0029
4MM (SOLDA ELETRICA)
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR
I 11964 PARABOLT, DIAMETRO 3/8", COMPRIMENTO 75 UN 0,0912
MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO, COM
C 93287 LANÇA TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE MÁXIMA CHP 0,0008
60 T, POTÊNCIA 260 KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO, COM
C 93288 LANÇA TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE MÁXIMA CHI 0,0011
60 T, POTÊNCIA 260 KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 132
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

FABRICAÇÃO DE
TESOURAS

AÇO

PARA QUALQUER
TIPO DE TELHA

PARA VÃOS
ENTRE 3 A 12
METROS

2. Itens e suas Características


 Perfil de aço comum ASTM A36 tipo “U” 127 x 50 x 3,0 mm para composição
dos banzos superiores e inferiores da tesoura, fornecido em peças de 6 m;
 Cantoneira de abas iguais, espessura 1/8”;
 Eletrodo AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) d = 4 mm (solda elétrica).
3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.
4. Critérios para quantificação dos serviços
 Utilizar o peso total das tesouras previstas para o telhado, com vãos entre 3
a 12 metros, considerando-se as características da composição.
5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com corte e solda das peças para a
tesoura metálica;
 Foram consideradas perdas por entulho;
 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado
6. Execução
 Verificar as dimensões das peças que compõem a tesoura;

Página | 133
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Realizar os cortes das peças;


 Apoiado sobre gabarito, posicionar e fixar primeiramente os banzos da
tesoura e posteriormente os montantes e as diagonais. As ligações entre as
peças deverão ser executadas por meio de soldas com eletrodo E7018;
 Fixar perfis tipo cantoneira ao banzo inferior nas extremidades e meio da
tesoura. Estes perfis serão soldados nas abas do banzo inferior (uma
cantoneira de cada lado);
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), conforme e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central
e em cada apoio das extremidades, conforme projeto;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.
7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso;
 Para fabricação e instalação de meia tesoura considerar os itens e
coeficientes listados abaixo:

COEFICIENTE
ITEM CÓDIGO DESCRIÇÃO UNID
AFERIDO

MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM ENCARGOS


C 88278 H 0,0564
COMPLEMENTARES
C 88316 SERVENTE COM ENCARGOS COMPLEMENTARES H 0,0192
PERFIL UDC (“U” DOBRADO DE CHAPA) SIMPLES DE ACO
I 40598 KG 0,6193
LAMINADO, GALVANIZADO, ASTM A36, 127 X 50 MM, E= 3 MM
CANTONEIRA ACO ABAS IGUAIS (QUALQUER BITOLA),
I 4777 KG 0,3807
ESPESSURA ENTRE 1/8" E 1/4"
ELETRODO AWS E-7018 (OK 48,04; WI 718) D = 4MM (SOLDA
I 10997 KG 0,0025
ELETRICA)
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR PARABOLT, DIAMETRO
I 11964 UN 0,0724
3/8", COMPRIMENTO 75 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO, COM LANÇA
C 93287 TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260 CHP 0,0008
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO, COM LANÇA
C 93288 TELESCÓPICA 40 M, CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260 CHI 0,0011
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 134
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.143/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


EM AÇO, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 3,0
Código SIPCI UN
M E MENORES QUE 6,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
92255 AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 2,5530
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 1,4400
COMPLEMENTARES
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR
I 11964 PARABOLT, DIAMETRO 3/8", COMPRIMENTO UN 12,0000
75 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 135
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Parafuso de aço tipo chumbador Parabolt, diâmetro de 3/8", comprimento 75
mm para fixação da tesoura na laje.
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHP diurno. AF_03/2016
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw - – CHI diurno. AF_03/2016

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 136
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central e em
cada apoio das extremidades;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 137
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.144/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


EM AÇO, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 6,0
Código SIPCI UN
M E MENORES QUE 8,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
92256 AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 4,0790
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 1,7520
COMPLEMENTARES
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR
I 11964 PARABOLT, DIAMETRO 3/8", COMPRIMENTO UN 12,0000
75 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 138
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Parafuso de aço tipo chumbador Parabolt, diâmetro de 3/8", comprimento 75
mm para fixação da tesoura na laje.
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHP diurno. AF_03/2016
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw - – CHI diurno. AF_03/2016

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 139
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Foram consideradas perdas por entulho;


 Foi considerado o içamento da tesoura;
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central e em
cada apoio das extremidades;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 140
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.145/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


EM AÇO, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A 8,0
Código SIPCI UN
M E MENORES QUE 10,0 M, INCLUSO IÇAMENTO.
92257 AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 5,5590
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 2,0940
COMPLEMENTARES
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR
I 11964 PARABOLT, DIAMETRO 3/8", COMPRIMENTO UN 12,0000
75 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 141
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Parafuso de aço tipo chumbador Parabolt, diâmetro de 3/8", comprimento 75
mm para fixação da tesoura na laje.
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHP diurno. AF_03/2016;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHI diurno. AF_03/2016.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 142
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Foram consideradas perdas por entulho.


 Foi considerado o içamento da tesoura
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central e em
cada apoio das extremidades;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 143
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

CADERNO TÉCNICO DO SERVIÇO

1. COMPOSIÇÃO ANALÍTICA DE SERVIÇO

CLASSE: COBE - COBERTURA


TIPO: 0291 – ESTRUTURA METÁLICA

Código / Seq. Descrição da Composição Unidade

01.COBE.ETMM.146/01 INSTALAÇÃO DE TESOURA (INTEIRA OU MEIA),


EM AÇO, PARA VÃOS MAIORES OU IGUAIS A
Código SIPCI UN
10,0 M E MENORES QUE 12,0 M, INCLUSO
92258 IÇAMENTO. AF_12/2015
Vigência: 12/2015 Última atualização: 03/2016

COMPOSIÇÃO

Coeficiente
Item Código Descrição Unidade
Aferido
MONTADOR DE ESTRUTURA METÁLICA COM
C 88278 H 7,9400
ENCARGOS COMPLEMENTARES
SERVENTE COM ENCARGOS
C 88316 H 2,6430
COMPLEMENTARES
PARAFUSO DE ACO TIPO CHUMBADOR
I 11964 PARABOLT, DIAMETRO 3/8", COMPRIMENTO UN 12,0000
75 MM
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93287 CHP 0,1133
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW- CHP DIURNO. AF_03/2016
GUINDASTE HIDRÁULICO AUTOPROPELIDO,
COM LANÇA TELESCÓPICA 40 M,
C 93288 CHI 0,1570
CAPACIDADE MÁXIMA 60 T, POTÊNCIA 260
KW - CHI DIURNO. AF_03/2016

Página | 144
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

INSTALAÇÃO DE
TESOURAS

TESOURA EM TESOURA EM
MADEIRA AÇO

TESOURA INTEIRA
BIAPOIADA

3,0 m ≤ VÃO < 6,0 m 6,0 m ≤ VÃO < 8,0 m 8,0 m ≤ VÃO < 10,0 m 10,0 m ≤ VÃO < 12,0 m

2. Itens e suas Características


 Parafuso de aço tipo chumbador Parabolt, diâmetro de 3/8", comprimento 75
mm para fixação da tesoura na laje;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHP diurno. AF_03/2016;
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw – CHI diurno. AF_03/2016.

3. Equipamentos
 Guindaste hidráulico autopropelido, com lança telescópica 40 M, capacidade
máxima 60T, potência 260Kw.

4. Critérios para quantificação dos serviços


 Utilizar a quantidade de tesouras utilizadas no telhado, considerando-se as
características da composição.

5. Critérios de Aferição
 Para o levantamento dos índices de produtividade foram considerados os
operários envolvidos diretamente com o serviço;

Página | 145
Cadernos Técnicos das Composições de Estrutura e Trama – Cobertura - Lote 1

 Foram consideradas perdas por entulho.


 Foi considerado o içamento da tesoura
 Foram separados o tempo produtivo (CHP) e o tempo improdutivo (CHI) do
equipamento da seguinte forma:
o CHP: considera o tempo em que o equipamento está efetivamente
transportando os materiais;
o CHI: considera os tempos em que o equipamento está parado.

6. Execução
 Posicionar as tesouras nos locais definidos no projeto, verificando
espaçamento, paralelismo, nivelamento e prumo de cada uma delas;
 Fixar a tesoura com o auxílio de cantoneiras de aço já previstas na tesoura
(uma em cada lado da linha da tesoura, na parte central e nas
extremidades), e chumbadores Parabolt dispostos no apoio central e em
cada apoio das extremidades;
 Fixar as diagonais de contraventamento nos locais indicados no projeto
(caso tenham sido previstas), com o emprego de cantoneiras de aço.

7. Informações Complementares
 Os dados apresentados não abrangem todas as especificidades
relacionadas a cada projeto, portanto somente o projetista será capaz de
dimensionar as peças conforme cada caso.

8. Pendências
 Não se aplica.

Página | 146