Você está na página 1de 67

Título Módulo Folha

Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO


09 03 2
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Sumário

Sumário ................................................................................................................................................................................................. 2
Objetivo................................................................................................................................................................................................. 3
Descrição ............................................................................................................................................................................................... 3
1 - Vegetação......................................................................................................................................................................................... 5
2 – Abertura de cava .......................................................................................................................................................................... 10
3 - Postes ............................................................................................................................................................................................. 15
4 – Estrutura Primária ...................................................................................................................................................................... 18
5 – Estrutura Secundária .................................................................................................................................................................. 21
6 – Estaiamento e Ancoragem ........................................................................................................................................................... 23
7 – Lançamento de Condutor em MT .............................................................................................................................................. 26
8 – Lançamento de Condutor em BT ............................................................................................................................................... 29
9 – Retensionamento de Condutores ................................................................................................................................................ 31
10 – Ligação, Amarração e Emenda ................................................................................................................................................. 32
11 – Aterramento de Proteção .......................................................................................................................................................... 35
12 – Equipamentos ............................................................................................................................................................................. 37
13 – Iluminação Pública .................................................................................................................................................................... 41
14 – Ligação de Consumidor ............................................................................................................................................................. 45
15 – Atividades Diversas .................................................................................................................................................................... 47
16 – Rede Compacta Protegida ......................................................................................................................................................... 54
17 – Rede Isolada de BT .................................................................................................................................................................... 60
18 – Cabo Óptico COPEL ................................................................................................................................................................. 62
Atividades especiais ........................................................................................................................................................................... 65
Resumo das tarefas (Cód x Grupo) .................................................................................................................................................. 66
Quadro de revisões do documento .................................................................................................................................................... 67
Aprovação ........................................................................................................................................................................................... 67

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 3
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Objetivo
Este Manual de Instrução Técnica tem como objetivo, apresentar os códigos e descrições das tarefas de manutenção que são
lançados nas ordens de manutenção, assim como seus respectivos valores em quantidade de unidades de serviços (US).

Descrição

Código da Tarefa
Código de identificação da tarefa composto por 3 dígitos.
Modalidade
Identifica se a tarefa é realizada em rede energizada ou desenergizada.
Código da tarefa PM
Composição da modalidade, código da tarefa e identificação se a tarefa é de montagem (M), desmontagem (D)ou serviço
(S).
Exemplos :
LV707S
LV - tarefa em rede energizada
707 - Código da tarefa de poda de árvores com recolhimento
S- Tarefa do tipo serviço (aplicados para todas as tarefas de poda de árvores e roçada)

LM828M
LM - Tarefa em rede desenergizada
828 - Para raios
M- Montagem

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 4
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

LM743D
LM - Tarefa em rede desenergizada
743 - Postes
D- Desmontagem

Nome da tarefa
Texto breve para identificação da tarefa e do tipo de aplicação (por unidade, por tempo, m2, m3,... etc).
Quantidade de US
Quantidade de unidades de serviços obtidas através do tempo médio da execução das tarefas.
Quantidade de US PM:
Quantidade de US multiplicadas por 100 unidades para adaptação ao PM devido à restrição do tio do campo que só
permite uma casa decimal.
Grupo
Identificação do grupo a qual a tarefa pertence.
Descrição da tarefa
Descrição completa da tarefa.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 5
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Atividades de Manutenção

1 - Vegetação

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

CORTE DE ÁRVORES DE GRANDE PORTE NA ÁREA


664 Linha Morta LM664S 2,05 205 1
URBANA – POR TEMPO
Este tipo de atividade necessita da supervisão de um técnico responsável.

Compreende o corte de árvore de grande porte que, pelo seu porte ou pela ação de agentes externos, tais como ventos,
erosão, etc., possam atingir a estrutura e/ou cabos e interferir na operação da rede e linha de distribuição de energia.
Inclui os serviços de desbaste de galhos e corte do tronco.
Esta atividade é composta pelo tempo gasto na realização da atividade, a quantidade de pessoas envolvidas na
atividade e um fator que engloba o tempo para o preparo para esta atividade.

Proceder conforme orientação contida no item Atividades especiais

665 Linha Morta LM665S CORTE DE ÁRVORE ISOLADA - POR ÁRVORE 0,09 9 1
Compreende o corte de árvore isolada com motosserra dentro e fora da faixa de servidão, incluindo a limpeza ao nível
do solo com a remoção de todo o entulho dentro da faixa central de 02(dois) metros, bem como das bases das
estruturas com no mínimo 1(um) metro ao redor desses.
Árvore isolada* – árvores que NÃO necessitam de direcionamento da queda com o auxílio de catracas, tirfor ou moitão.

*Essa tarefa não pode ser aplicada simultaneamente na mesma área com as tarefas 669, 670, 671, 672, 673, 674, 675,
676 ou 677.

666 Linha Morta LM666S CORTE DE ÁRVORE NA ÁREA RURAL - POR ÁRVORE. 1 100 1
Compreende o corte de árvore, que pelo seu porte e pela ação de agentes externos , tais como ventos, erosão, etc.,
necessite de direcionamento da queda, pois podem atingir a estrutura e/ou cabos, e interferir na operação da rede e
linha de distribuição de energia. A contabilização desta atividade deverá ser para abate de árvores perigosas, situadas,
dentro e fora da faixa de servidão (*conforme MIT de REDES 160921, ITEM 7.2 ou MIT de LINHAS 164207).
Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização de motosserra e tração com tirfor, moitão ou
catracas para direcionamento da queda.

667 Linha Morta LM667S CORTE DE ÁRVORE NA ÁREA URBANA - POR ÁRVORE. 1,8 180 1
Compreende o corte de árvore com tronco até 49 cm de diâmetro que, pelo seu porte ou pela ação de agentes
externos, tais como ventos, erosão, etc., possam atingir a estrutura e/ou cabos e interferir na operação da rede e linha
de distribuição de energia.
Inclui os serviços de desbaste de galhos, corte de toras e remoção de entulho
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 6
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

668 Linha Morta LM668S CORTE BAMBU POR M² DA BASE 1,28 128 1
Consiste no corte de moitas de bambus, com motosserra ou foice, dentro ou fora da faixa de servidão que pode
interferir na rede de distribuição elétrica, incluindo a limpeza ao nível do solo com a remoção de todo o entulho dentro
da faixa central de 02(dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 1(um) metro ao redor desses.

*As taquaras ou taquaris, Bambu Chinês, Vara de Pesca, Bambu Joelho, etc., são considerados como roçada normal,
remuneradas pelas tarefas 669, 670 ou 671 .

669 Linha Morta LM669S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR M², TIPO 1 0,009 0,9 1
ROÇADA LEVE POR M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio inicial de
desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com a remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02(dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 1(um) metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

670 Linha Morta LM670S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 10 M², TIPO 1 0,09 9 1
ROÇADA LEVE POR 10 M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio inicial de
desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com a remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02(dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 1(um) metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

671 Linha Morta LM671S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 100 M², TIPO 1 0,9 90 1
ROÇADA LEVE POR 100 M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio inicial de
desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com a remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02(dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 1(um) metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 7
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

672 Linha Morta LM672S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR M², TIPO 2 0,013 1,3 1
ROÇADA MÉDIA - POR M2 - estágio médio de desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro e
fora dos limites das faixas de Segurança estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com remoção de
todo o entulho dentro da faixa central de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 1 (um)
metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice e esporádica de motosserra.
* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

673 Linha Morta LM673S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 10 M², TIPO 2 0,13 13 1
ROÇADA MÉDIA - POR 10 M2 - estágio médio de desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada
dentro e fora dos limites das faixas de Segurança estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com
remoção de todo o entulho dentro da faixa central de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no
mínimo 1 (um) metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice e esporádica de motosserra.
* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

674 Linha Morta LM674S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 100 M², TIPO 2 1,3 130 1
ROÇADA MÉDIA - POR 100 M2 - estágio médio de desenvolvimento, a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada
dentro e fora dos limites das faixas de Segurança estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com
remoção de todo o entulho dentro da faixa central de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no
mínimo 1 (um) metro ao redor dessas.

Caracteriza-se este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de foice e esporádica de motosserra.
* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

675 Linha Morta LM675S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR M², TIPO 3 0,018 1,8 1
ROÇADA PESADA - POR M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio avançado de
desenvolvimento a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro e fora dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 01 (um) metro ao redor dessas. Caracteriza-se
este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de motosserra.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 8
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

676 Linha Morta LM676S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 10 M², TIPO 3 0,18 18 1
ROÇADA PESADA - POR 10 M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio avançado de
desenvolvimento a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro e fora dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 01 (um) metro ao redor dessas. Caracteriza-se
este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de motosserra.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

677 Linha Morta LM677S ROÇADA EM FAIXA DE RDR, POR 100 M², TIPO 3 1,8 180 1
ROÇADA PESADA - POR 100 M2 - Compreende o rebaixamento de toda e qualquer vegetação, em estágio avançado de
desenvolvimento a uma altura máxima de 30 cm do solo, situada dentro e fora dos limites das faixas de Segurança
estabelecidas pela COPEL, incluindo a limpeza ao nível do solo com remoção de todo o entulho dentro da faixa central
de 02 (dois) metros, bem como das bases das estruturas com no mínimo 01 (um) metro ao redor dessas. Caracteriza-se
este serviço quando sua execução for feita com utilização intensiva de motosserra.

* Não utilizar simultaneamente com a tarefa 665 na mesma área onde houver roçada.

Linha Morta LM681S


681 CORTE CERCA VIVA, POR TEMPO 2,05 205 1
Linha Viva LV681S
Este tipo de atividade necessita da supervisão de um técnico responsável.

Compreende o corte de cercas vivas que possam atingir a estrutura e/ou cabos e interferir na operação da rede e linha
de distribuição de energia.
Esta atividade é composta pelo tempo gasto na realização da atividade, a quantidade de pessoas envolvidas na
atividade e um fator que engloba o tempo para o preparo para esta atividade.

Proceder conforme orientação contida no item Atividades especiais

Linha Morta LM707S 0,5 50


707 PODA DE ÁRVORE C/ RECOLHIM GALHO, P/ ÁRVORE 1
Linha Viva LV707S 1,95 195
PODA DE ÁRVORE, COM RECOLHIMENTO DE ENTULHO, POR ÁRVORE
Compreende a poda de árvores que, pelo seu porte ou pela ação de agentes externos, tais como ventos, erosão, etc.,
possam atingir a estrutura e/ou cabos e interferir na operação da rede e linha de distribuição de energia em RDU e RDR.
A contabilização desta atividade deverá ser para poda de árvores situadas em passeios públicos, dentro de matas
ciliares e preservação ambiental, dentro e fora da faixa de servidão.

O recolhimento de entulho é caracterizado pelo deslocamento de galhos em veículos apropriados e a correta destinação
dos galhos.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 9
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM799S 0,35 35


799 PODA ÁRVORE S/ RECOLHIM GALHO, P/ ÁRVORE 1
Linha Viva LV799S 1,71 171
PODA DE ÁRVORE, SEM RECOLHIMENTO DE ENTULHO, POR ÁRVORE - Compreende a poda de árvores que, pelo seu
porte ou pela ação de agentes externos, tais como ventos, erosão, etc., possam atingir a estrutura e/ou cabos e
interferir na operação da rede e linha de distribuição de energia em RDU e RDR, incluindo a limpeza ao nível do solo
com a remoção de todo o entulho dentro da faixa central de 02(dois) metros, bem como das bases das estruturas com
no mínimo 1(um) metro ao redor dessas, ou a desobstrução da passagem de pedestres em passeios públicos.

o pagamento A contabilização desta atividade deverá ser para poda de árvores situadas em passeios públicos, dentro de
matas ciliares e preservação ambiental, dentro e fora da faixa de servidão.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 10
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

2 – Abertura de cava

ÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

CAVA EM ROCHA COM USO COMPRESSOR PARA


705 Linha Morta LM705M POSTE ATÉ 12 M DE ALTURA E CONTRAPOSTE, POR 9,92 992 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor e martelete para instalação de postes de 9 a 12 metros
de altura e contra poste de concreto, independente do volume escavado.

CAVA EM AREIA, BREJO OU TURFA, COM


712 Linha Morta LM712M 14,02 1402 2
FORNECIMENTO DO TUBO, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia, brejo ou turfa, utilizando tubo de concreto, para a instalação de qualquer tipo de
poste, independente do volume escavado.
OBS.: Na quantidade de U.S. da atividade, já estão incluídos o fornecimento do tubo de concreto pela empreiteira, o
valor do frete até o local do serviço.

CAVA AREIA COM USO TUBO RESGATÁVEL


713 Linha Morta LM713M 3,11 311 2
POSTE/CONCRETO/ÂNCORA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia e/ou terreno inconsistente, utilizando-se tubo resgatável de qualquer tipo, para
levantamento de poste até 12 metros de altura, contraposte ou estai de âncora, incluindo a confecção e fornecimento
do tubo apropriado, bem como a sua retirada a cada cava realizada.

ABERTURA DE VALETA PARA REDE SUBTERRÂNEA,


714 Linha Morta LM714M 3,91 391 2
POR M3
Compreende o serviço de abertura e fechamento de valeta por metro cúbico (m3) em qualquer tipo de terreno, exceto
rocha, na profundidade e largura compatíveis ao projeto e ao local, para instalar eletroduto(s) subterrâneo e possibilitar
o atendimento a iluminação pública ou consumidor de alta ou baixa tensão.

ABERTURA DE VALETA EM ROCHA C/USO


715 Linha Morta LM715M COMPRESSOR. EXPLOSIVO. RD SUBTERÂNEA., POR 8,03 803 2
M3
Compreende o serviço de abertura e fechamento de valeta por metro cúbico (m3) em rocha, utilizando compressor,
martelete e explosivo, na profundidade e largura compatíveis ao projeto e ao local, para instalar eletroduto subterrâneo
e possibilitar o atendimento a iluminação pública e consumidor da alta ou baixa tensão.

Obs.: A contabilização da cava será efetuado pela predominância do tipo de solo extraído, exceção feita as cavas em
rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, previamente autorizadas pela fiscalização.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 11
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

CAVA TERRA OU ARENITO CAIUÁ P/POSTE ATÉ 600


716 Linha Morta LM716M daN COM ALTURA ATÉ 12M E CONTRAPOSTE, POR 2,19 219 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em terra ou arenito cauiá para a instalação de poste de até 600 daN e com altura de até 12
metros de altura ou contraposte de concreto, independente do volume escavado.

CAVA TERRA OU ARENITO CAIUÁ PARA POSTE DE 13


717 Linha Morta LM717M 3,21 321 2
A 15 METROS DE ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em terra ou arenito cauiá, para a instalação de poste de 13 a 15 metros de altura,
independente do volume escavado.

CAVA TERRA OU ARENITO CAIUÁ P/POSTE ACIMA 15


718 Linha Morta LM718M 5,02 502 2
METROS DE ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em terra ou arenito caiuá, para a instalação de poste acima de 15 metros de altura,
independente do volume escavado.

CAVA PIÇARRA OU TURFA PARA POSTE DE ATÉ 12M


719 Linha Morta LM719M 3,45 345 2
DE ALTURA E CONTRAPOSTE, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em piçarra, moledo, saibro, cascalho, brejo ou turfa, para a instalação de poste de até 12
metros de altura ou contraposte de concreto, independente do volume escavado.

Na abertura da cava em piçarra, está sendo considerada a utilização da alavanca.

CAVA EM PIÇARRA OU TURFA PARA POSTE 13 A 15


720 Linha Morta LM720M 5,34 534 2
METROS, POR UNIDADADE
Consiste na abertura de cava em piçarra, moledo, saibro, cascalho, brejo ou turfa, para a instalação de poste de 13 a 15
metros de altura, independente do volume escavado.
Na abertura da cava em piçarra, está sendo considerado a utilização da alavanca.

CAVA EM PIÇARRA OU TURFA PARA POSTE ACIMA DE


721 Linha Morta LM721M 8,38 838 2
15 METROS DE ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em piçarra, moledo, saibro, cascalho, brejo ou turfa, para a instalação de poste acima de
15 metros de altura, independente do volume escavado.
Na abertura da cava em piçarra, está sendo considerado a utilização da alavanca.

CAVA AREIA PARA POSTE DE ATÉ 12M DE ALTURA E


722 Linha Morta LM722M CONTRAPOSTE, POR UNIDADE 0,74 74 2

Consiste na abertura de cava em areia para a instalação de poste de até 12 metros de altura ou contraposte de
concreto, independente do volume escavado.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 12
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

CAVA EM AREIA PARA POSTE DE 13 A 15 METROS DE


723 Linha Morta LM723M 2,84 284 2
ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia para a instalação de poste de 13 a 15 metros de altura, independente do volume
escavado.

CAVA EM AREIA PARA POSTE ACIMA DE 15 METROS


724 Linha Morta LM724M 2,84 284 2
DE ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia para a instalação de poste acima de 15 metros de altura, independente do
volume escavado.

CAVA AREIA, BREJO OU TURFA COM USO TUBO


725 Linha Morta LM725M 8,38 838 2
CONCRETO, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia, brejo ou turfa, utilizando tubo de concreto, para a instalação de qualquer tipo de
poste, independente do volume escavado.

O tubo de concreto deve ser requisitado à COPEL, no diâmetro correspondente ao poste aplicado.

CAVA ROCHA C/USO ALAVANCA PARA POSTE ATÉ


726 Linha Morta LM726M 4,71 471 2
12M DE ALTURA E CONTRAPOSTE, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de alavanca, e excepcionalmente explosivos, para a instalação de poste
de 9 a 12 metros de altura ou contraposte de concreto, independente do volume escavado.

CAVA ROCHA COM USO DE ALAVANCA PARA POSTE


727 Linha Morta LM727M 11,57 1157 2
DE 13 A 15 METROS DE ALTURA, POR UNIDADE

Consiste na abertura de cava em rocha com uso de alavanca, e excepcionalmente explosivos, para a instalação de poste
de 13 a 15 metros de altura, independente do volume escavado.

CAVA ROCHA C/USO DE ALAVANCA PARA POSTE


728 Linha Morta LM728M 18,14 1814 2
ACIMA DE 15 METROS DE ALTURA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de alavanca, e excepcionalmente explosivo, para a instalação de poste
acima de 15 metros, independente do volume escavado.

CAVA ROCHA COM USO COMPRESSOR E EXPLOSIVO


729 Linha Morta LM729M 14,2 1420 2
PARA POSTE ATÉ 12 E CONTRAPOSTE, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, para instalação de postes de 9 a
12 metros de altura ou contraposte de concreto, independente do volume escavado, incluindo a aquisição e transporte
do explosivo e acessórios.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 13
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

CAVA ROCHA COM USO COMPRESSOR E EXPLOSIVO


730 Linha Morta LM730M PARA POSTE DE 13 A 15 METROS DE ALTURA, POR 24,81 2481 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, para instalação de postes de 13
a 15 metros de altura, independente do volume escavado, incluindo a aquisição e transporte do explosivo e acessórios.

CAVA ROCHA COM USO COMPRESOR E EXPLOSIVO


731 Linha Morta LM731M PARA POSTE ACIMA 15 METROS DE ALTURA, POR 38,95 3895 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, para instalação de postes acima
de 15 metros de altura, independente do volume escavado, incluindo a aquisição e transporte do explosivo e acessórios.

732 Linha Morta LM732M CAVA PARA POSTE AUXILIAR, POR UNIDADE 0,62 62 2
Consiste na abertura de cava em qualquer tipo de terreno, exceto rocha, para a instalação de poste auxiliar de
consumidor, independente do volume escavado.

CAVA PARA POSTE AUXILIAR EM ROCHA COM USO


733 Linha Morta LM733M 2,24 224 2
ALAVANCA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de alavanca, e excepcionalmente explosivos, para a instalação de poste
auxiliar de consumidor, independente do volume escavado.

CAVA PARA POSTE AUXILIAR ROCHA COM USO


734 Linha Morta LM734M 4,93 493 2
COMPRESSOR E EXPLOSIVO, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, para instalação de poste auxiliar
de consumidor, independente do volume escavado.

CAVA EM TERRA OU ARENITO CAIUÁ PARA ESTAI


735 Linha Morta LM735M 2,59 259 2
ÂNCORA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em terra ou arenito caiuá, para a instalação de âncora e placa de concreto para estai,
independente do volume escavado.

CAVA EM PIÇARRA OU TURFA PARA ESTAI DE


736 Linha Morta LM736M 4,34 434 2
ÂNCORA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em piçarra, moledo, saibro, cascalho, brejo ou turfa, para a instalação de âncora e placa de
concreto para estai, independente do volume escavado.
Na abertura da cava em piçarra, está sendo considerado a utilização da alavanca.

737 CAVA AREIA PARA ESTAI DE ÂNCORA, POR


737 Linha Morta LM737M 1,46 146 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em areia para a instalação de âncora e placa de concreto para estai, independente do
volume escavado.
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 14
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

CAVA EM ROCHA C/USO DE ALAVANCA P/ESTAI DE


738 Linha Morta LM738M 9,4 940 2
ÂNCORA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de alavanca, e excepcionalmente explosivos, para a instalação de
âncora e placa de concreto para estai, independente do volume escavado.

CAVA EM ROCHA COM USO COMPRESSOR E


739 Linha Morta LM739M 16,77 1677 2
EXPLOSIVO PARA ESTAI DE ÂNCORA, POR UNIDADE
Consiste na abertura de cava em rocha com uso de compressor, martelete e explosivos, para a instalação de âncora e
placa de concreto para estai, independente do volume escavado, incluindo a aquisição e transporte do explosivo e
acessórios.

CAVA TERRA OU ARENITO CAIUÁ P/POSTE IGUAL OU


750 Linha Morta LM750M SUPERIOR A 1.000 daN COM ALTURA ATÉ 12M, POR 2,85 285 2
UNIDADE
Consiste na abertura de cava em terra ou arenito cauiá para a instalação de poste igual ou superior a 1.000 daN e com
altura de até 12 metros, independente do volume escavado.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 15
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

3 - Postes

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

698 Linha Morta LM698M RECUPERAÇÃO DE POSTE, POR POSTE 1,99 199 3
Consiste na execução de serviços de cimentar poste lascado com fornecimento de material, chapear poste ou qualquer
outra técnica que venha a ser aplicada.

ESCORA PROVISÓRIA DE POSTE DANIFICADO, POR


699 Linha Morta LM699M 1,9 190 3
POSTE
Consiste na cava e instalação de escora para sustentação provisória em poste danificado, eliminando situações de risco,
até que seja providenciado recursos para substituição do poste.

APRUMAR POSTE EXISTENTE EQUIPADO, POR


740 Linha Morta LM740M 1,65 165 3
UNIDADE
Consiste na escavação necessária, prumagem, alinhamento e apiloamento de estrutura montada existente, sem
desconectar as ligações, amarrações e/ou retirar equipamentos.

DESLOCAMENTO POSTE EQUIPADO EXISTENTE ATÉ


741 Linha Morta LM741M 4,5 450 3
0,30M, POR UNIDADE
Compreende o deslocamento de estrutura equipada existente em até 0,30 metros do seu ponto original, para efetuar a
relocação, alinhamento, virada ou a altura de engastamento fora de padrão, incluindo a escavação complementar,
prumagem e apiloamento do po

DESMONTAGEM DO POSTE AUXILIAR PARA ENTRADA


742 Linha Morta LM742D 0,53 53 3
DE SERVIÇO DE CONSUMIDOR, POR UNIDADE
Consiste na desmontagem de poste auxiliar para entrada de serviço de consumidor.
* A retirada do poste inclui a escavação complementar, fechamento da cava e limpeza do local.

MONTAGEM DE POSTE AUXILIAR PARA ENTRADA DE


742 Linha Morta LM742M 1,32 132 3
SERVIÇO DE CONSUMIDOR, POR UNIDADE
Consiste na montagem, prumagem e apiloamento de poste auxiliar para entrada de serviço de consumidor, incluindo a
distribuição no local de aplicação.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 16
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM743D RETIRADA DE POSTE ATÉ 12M DE ALTURA E COM 2,67 267
743 3
Linha Viva LV743D RESISTÊNCIA. ATÉ 1000 daN, POR UNIDADE 3,47 347
Consiste na retirada de postes até 12 metros de altura e resistência nominal até 1000 daN. Incluindo a escavação
complementar, limpeza e fechamento da cava necessários no caso da substituição do poste.

Linha Morta LM743M INSTALAÇÃO DE POSTE ATÉ 12M DE ALTURA E COM 6,68 668
743 3
Linha Viva LV743M RESISTÊNCIA. ATÉ 1000 daN, POR UNIDADE 8,68 868
Consiste na instalação, prumagem, alinhamento e apiloamento de postes até 12 metros de altura e resistência nominal
até 1000 daN. incluindo a escavação complementar, limpeza e fechamento da cava necessários no caso da substituição
do poste.

Linha Morta LM744D RETIRADA DE POSTE ATÉ 12M DE ALTURA COM 4,92 492
744 3
Linha Viva LV744D RESISTÊNCIA. ACIMA 1000 daN, POR UNIDADE 6,39 639
Consiste na retirada de postes até 12 metros de altura e resistência nominal acima 1000 daN, incluindo a escavação
complementar, limpeza e fechamento da cava necessários no caso da substituição do poste.
Nesta atividade já está considerado a utilização de veículo equipado com guindauto especial.

Linha Morta LM744M INSTALAÇÃO DE POSTE ATÉ 12M DE ALTURA COM 12,31 1231
744 3
Linha Viva LV744M RESISTÊNCIA. ACIMA 1000 daN, POR UNIDADE 16 1600
Consiste na instalação, prumagem, alinhamento e apiloamento de postes até 12 metros de altura e resistência nominal
acima 1000 daN, incluindo a escavação complementar, limpeza e fechamento da cava necessários no caso da
substituição do poste.
Nesta atividade já está considerado a utilização de veículo equipado com guindauto especial.

Linha Morta LM745D RETIRADA DE POSTE ENTRE 13 A 15 METROS DE 5,62 562


745 3
Linha Viva LV745D ALTURA, POR UNIDADE 7,3 730
Consiste na retirada de postes entre 13 a 15 metros de altura,. incluindo a escavação complementar, limpeza e
fechamento da cava necessários no caso da substituição do poste.
Nesta atividade já está considerado a utilização de veículo
equipado com guindauto especial.

Linha Morta LM745M INSTALAÇÃO DE POSTE ENTRE 13 A 15 METROS DE 14,04 1404


745 3
Linha Viva LV745M ALTURA, POR UNIDADE 18,25 1825
Consiste na instalação, prumagem, alinhamento e apiloamento de postes entre 13 a 15 metros de altura,. incluindo a
escavação complementar, limpeza e fechamento da cava necessários no caso da substituição do poste.
Nesta atividade já está considerado a utilização de veículo
equipado com guindauto especial.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 17
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DA PROTEÇÃO DE POSTE, POR ELEMENTO


748 Linha Morta LM748D 1,22 122 3
PROTETOR
Compreende os seguintes serviços:

- Retirada da proteção.
- fechamento do buraco e limpeza do local.

INSTALAÇÃO DA PROTEÇÃO DE POSTE, POR


748 Linha Morta LM748M 2,04 204 3
ELEMENTO PROTETOR
Compreende os seguintes serviços:

- preparação do material (poste de madeira, concreto ou trilho)


- abertura da cava
- levantamento e apiloamento do elemento protetor (pedaço de poste)
- fornecimento da tinta
- pintura das faixas nas cores amarela e preta.

INSTALAÇÃO DO CONJUNTO DE SEGURANÇA PARA


812 Linha Morta LM812M 0,429 42,9 3
TRABALHOS EM ALTURA - POR ESTRUTURA
Consiste na preparação do equipamento, ajuste e instalação do cinto paraquedista, analise da estrutura e instalação da
corda de linha de vida utilizando agulhão, gancho ou laço com auxílio da vara de manobra telescópica, junto a estrutura.
Compreende ainda a retirada e acomodação do conjunto antiqueda. Este item deve ser contabilizado por estrutura
onde houver instalação do conjunto, independente da quantidade de eletricistas que escalar a estrutura.

DEFENSA DE POSTE, POR UNIDADE - C\ FORN.


822 LM822M 15,77 1577 3
MATERIAL
Consiste da instalação da defensa do poste incluindo o fornecimento dos materiais e pintura conforme padronização
descrita na Recomendação Técnica 006.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 18
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

4 – Estrutura Primária

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

Linha Morta LM697M REAPERTO DE CRUZETA, ISOLADOR E OUTRAS 0,4 40


697 4
Linha Viva LV697M FERRAGENS, POR ESTRUTURA 0,52 52
Compreende os serviços de reaperto de cruzeta, isolador e ou outras ferragens.

Linha Morta LM751D RETIRADA DE CADEIA DE ISOLADORES DE DISCO, POR 0,13 13 4


751
Linha Viva LV751D CADEIA 0,16 16
Compreende a desmontagem, desinstalação e desafixação da cadeia de isoladores de disco, isoladores poliméricos ou
de porcelana, em condutores e estai, e olhal na cruzeta ou poste, inclusive a abertura e o fechamento da alça pré-
formada. Esta atividade também remunera, quando se tratar de acréscimo ou substituição de isolador(es) na cadeia
existente.

Linha Morta LM751M INSTALAÇÃO DE CADEIA DE ISOLADORES DE DISCO, 0,34 34


751 4
Linha Viva LV751M POR CADEIA 0,44 44
Compreende a montagem, instalação e fixação da cadeia de isoladores de disco, isoladores poliméricos ou de porcelana,
em condutores e estai, e olhal na cruzeta ou poste, inclusive a abertura e o fechamento da alça pré-formada. Esta
atividade também remunera, quando se tratar de acréscimo ou substituição de isolador(es) na cadeia existente.

Linha Morta LM752D RETIRADA DE CRUZETA SIMPLES SEM ISOLADORES, 0,35 35


752 4
Linha Viva LV752D POR UNIDADE 0,45 45
Consiste na desmontagem, desinstalação de cruzeta no poste com mão francesa de cruzeta simples de madeira,
polimérica, concreto ou aço sem isoladores, independente do comprimento e do equipamento utilizado para içar a
mesma. Inclusive a desinstalação e a realização do deslocamento na própria estrutura, de cruzeta simples de qualquer
tipo, sem a retirada de pino(s) existente, independente do comprimento, para melhoria de redes, cotas de afastamento,
cruzamento aéreos ou virada do poste.

Linha Morta LM752M INSTALAÇÃO DE CRUZETA SIMPLES SEM ISOLADORES, 0,87 87


752 4
Linha Viva LV752M POR UNIDADE 1,13 113
Consiste na montagem, instalação no poste com mão francesa ou parafuso, nivelamento e alinhamento de cruzeta
simples de madeira, polimérica, concreto ou aço sem isoladores, independente do comprimento e do equipamento
utilizado para içar a mesma. Inclusive a instalação e a realização do deslocamento na própria estrutura, de cruzeta
simples de qualquer tipo, sem a retirada de pino(s) existente, independente do comprimento, para melhoria de redes,
cotas de afastamento, cruzamento aéreos ou virada do poste.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 19
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM753D RETIRADA DE CRUZETA DUPLA SEM ISOLADORES, 0,75 75


753 4
Linha Viva LV753D POR UNIDADE 0,97 97
Compreende a desmontagem, desinstalação no poste com mão francesa ou parafuso, de cruzeta dupla de madeira,
polimérica, concreto ou aço sem isoladores, independente do comprimento e do equipamento utilizado para içar as
mesmas.

Linha Morta LM753M INSTALAÇÃO DE CRUZETA DUPLA SEM ISOLADORES, 1,89 189
753 4
Linha Viva LV753M POR UNIDADE 2,45 245
Compreende a montagem, instalação no poste com mão francesa ou parafuso, nivelamento e alinhamento de cruzeta
dupla de madeira, concreto ou aço sem isoladores, independente do comprimento.

Linha Morta LM754M REINSTALAÇÃO DE CRUZETA DUPLA MONTADA, POR 2,1 210
754 4
Linha Viva LV754M UNIDADE 2,63 263
Compreende a reinstalação no mesmo poste de cruzeta dupla de madeira, concreto ou aço, independente do
comprimento, sem a retirada dos pinos existentes, para melhoria de rede, cotas de afastamento, cruzamento aéreo ou
virada do poste.

Linha Morta LM755D 0,19 19


755 RETIRADA DE ISOLADOR DE PINO, POR UNIDADE 4
Linha Viva LV755D 0,24 24
Compreende a desmontagem do isolador no pino e a desinstalação na cruzeta ou poste.

Linha Morta LM755M 0,45 45


755 INSTALAÇÃO DE ISOLADOR DE PINO, POR UNIDADE 4
Linha Viva LV755M 0,58 58
Compreende a montagem do isolador no pino e a instalação na cruzeta ou poste.

Linha Morta LM756D RETIRADA DE SUPORTE T PARA FIXAÇÃO DE CHAVES 0,29 29


756 4
Linha Viva LV756D OU PÁRARAIOS, POR UNIDADE 0,36 36
Consiste na desinstalação do suporte T no poste, para desafixação de chaves ou para-raios de distribuição.

Linha Morta LM756M INSTALAÇÃO DE SUPORTE T PARA FIXAÇÃO DE 0,72 72


756 4
Linha Viva LV756M CHAVES OU PÁRARAIOS, POR UNIDADE 0,9 90
Consiste na instalação e nivelamento do suporte T no poste, para fixação de chaves ou para-raios de distribuição.

Linha Morta LM757D RETIRADA DE SUPORTE OU AFASTADOR PARA 0,19 19


757 4
Linha Viva LV757D ISOLADOR PILAR, POR UNIDADE 0,24 24
Consiste na desinstalação do suporte ou afastador para isolador pilar no poste.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 20
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM757M INSTALAÇÃO DE SUPORTE OU AFASTADOR PARA 0,45 45


757 4
Linha Viva LV757M ISOLADOR PILAR, POR UNIDADE 0,58 58
Consiste na instalação do suporte ou afastador para isolador pilar no poste.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 21
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

5 – Estrutura Secundária

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

696 Linha Morta LM696D RETIDADA DE ISOLADOR ROLDANA, POR UNIDADE 0,3 30 5
Compreende a retirada do isolador roldana na armação secundária, incluindo desamarração e amarração do cabo.

696 Linha Morta LM696M INSTALAÇÃO DE ISOLADOR ROLDANA, POR UNIDADE 0,5 50 5
Compreende a instalação do isolador roldana na armação secundária, incluindo desamarração e amarração do cabo.

RETIRADA DE AFASTADOR DE ARMAÇÃO


760 Linha Morta LM760D 0,21 21 5
SECUNDÁRIA, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação do afastador em rede secundária.

INSTALAÇÃO AFASTADOR DE ARMAÇÃO


760 Linha Morta LM760M 0,53 53 5
SECUNDÁRIA, POR UNIDADE
Compreende a instalação e alinhamento do afastador em rede secundária, para atender a cota mínima padronizada
para afastamento de segurança.

RETIRADA DE ARMAÇÃO SECUNDÁRIA. COM 1


761 Linha Morta LM761D 0,16 16 5
ESTRIBO OU PARAFUSO COM OLHAL, POR UNIDADE
Compreende a desmontagem e desinstalação no poste, da armação secundária com 1 (um) estribo completa, fixada
através de cinta ou parafuso.
Nesta atividade contabiliza-se também, a retirada do parafuso com olhal no poste, para fixação do ramal de entrada de
consumidor ou para substituir transformador monofásico, quando se utiliza elo fusível tipo olhal.

INSTALAÇÃO DE ARMAÇÃO SECUNDÁRIA. COM 1


761 Linha Morta LM761M 0,39 39 5
ESTRIBO OU PARAFUSO COM OLHAL, POR UNIDADE
Compreende a montagem e instalação no poste, da armação secundária com 1 (um) estribo completa, fixada através de
cinta ou parafuso.
No deslocamento, considerar a mão- de- obra como uma montagem e uma desmontagem. Nesta atividade contabiliza-
se também, a aplicação de parafuso com olhal no poste, para fixação do ramal de entrada de consumidor ou para
substituir transformador monofásico, quando se utiliza elo fusível tipo olhal.

RETIRADA DE ARMAÇÃO SECUNDÁRIA COM MAIS DE


762 Linha Morta LM762D 0,26 26 5
1 ESTRIBO, POR UNIDADE
Compreende a desmontagem e desinstalação no poste ou no afastador, da armação secundária com mais de (1) um
estribo completa, fixada através de cintas ou parafusos.
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 22
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DE ARMAÇÃO SECUNDÁRIA COM MAIS


762 Linha Morta LM762M 0,65 65 5
DE 1 ESTRIBO, POR UNIDADE
Compreende a montagem e instalação no poste ou no afastador, da armação secundária com mais de (1) um estribo
completa, fixada através de cintas ou parafusos.

DESLOCAM./REINSTALAÇÃO DE ARMAÇÃO
763 Linha Morta LM763M 0,68 68 5
SECUNDÁRIA + 1 ESTRIBO MONTADA, POR UNIDADE
Consiste no deslocamento ou reinstalação da armação secundária com mais de 1 (um) estribo, com aproveitamento da
mesma fixação, inclusive a mudança da face do poste, para respeitar as cotas de afastamentos ou alteração do tipo de
montagem.

RETIRADA DE SUPORTE AFASTADOR OU SUPORTE L


947 Linha Morta LM947D 1 100 5
PARA REDE ANTIFURTO, POR SUPORTE
Compreende a desinstalação de suporte em cruzeta, utilizada na fixação de luminária, armação secundária, caixa de
ligação e medição centralizada.

INSTALAÇÃO DE SUPORTE AFASTADOR OU SUPORTE


947 Linha Morta LM947M 1 100 5
L PARA REDE ANTIFURTO, POR SUPORTE
Compreende a instalação de suporte em cruzeta, para fixação de luminária, armação secundária, caixa de ligação e
medição centralizada.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 23
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

6 – Estaiamento e Ancoragem

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

CORTE POSTE CONCRETO OU MADEIRA PARA ESCORA


767 Linha Morta LM767M 0,57 57 6
SUBSOLO, POR UNIDADE
Consiste no corte de poste de concreto danificado, para aproveitamento como escora de subsolo ou para facilitar
transporte/devolução de poste quebrado (inclusive o de madeira), por poste independente da quantidade de cortes.

768 Linha Morta LM768M ESCORA DE SUBSOLO SIMPLES, POR UNIDADE 1,34 134 6
Consiste na abertura complementar da cava, na instalação de placa de concreto armado ou pedaço de poste de
concreto, com 1,00 metro, para funcionar como escora simples (superfície) em poste ou contraposte, incluindo o
apiloamento e fechamento da cava.

769 Linha Morta LM769M ESCORA DE SUBSOLO DUPLA, POR UNIDADE 4,78 478 6
Consiste na abertura complementar da cava, na instalação de placa de concreto armado ou pedaço de poste de
concreto, com 1 (um) metro, para funcionar como escora dupla, (fundo e superfície), em poste ou contraposte,
incluindo o apiloamento e fechamento da cava

RETIRADA DO ESTAI DE ÂNCORA SIMPLES OU


770 Linha Morta LM770D 0,68 68 6
REFORÇADO PARA MT/BT, POR UNIDADE
Consiste na desmontagem e retirada da haste de âncora incluindo a desafixação do cabo de aço simples ou reforçado,
para média ou baixa tensão.
*A retirada compreende além do cabo de aço e acessórios de fixação, o corte da haste de âncora a 0,60 metros de
profundidade

ESTAIAMENTO EM ÂNCORA SIMPLES OU REFORÇADO


770 Linha Morta LM770M 1,7 170 6
PARA MT/BT, POR UNIDADE
Consiste na locação do estai no terreno, a distribuição, montagem e aplicação da haste de âncora e placa de concreto
armado, em cava já aberta, incluindo o lançamento, tensionamento e fixação do cabo de aço simples ou reforçado, para
média ou baixa tensão.
Quando se tratar de estais em primário e secundário ou para manter o equilíbrio mecânico da cruzeta, que aproveita a
mesma haste de âncora, um dos estais deve ser considerado para efeito de medição de serviço como poste a poste.

*A retirada compreende além do cabo de aço e acessórios de fixação, o corte da haste de âncora a 0,60 metros de
profundidade
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 24
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

ERETIRADA DO ESTAI E CONTRAPOSTE SIMPLES PARA


771 Linha Morta LM771D 0,98 98 6
MT OU BT, POR UNIDADE
Consiste na retirada do estai e do contraposte em cava já aberta.
*A retirada compreende o cabo de aço, acessórios de fixação, incluindo o contraposte, fechamento da cava e limpeza
do local.

ESTAIAMENTO CONTRAPOSTE SIMPLES PARA MT OU


771 Linha Morta LM771M 2,44 244 6
BT, POR UNIDADE
Consiste na locação do estai no terreno, a distribuição, levantamento, inclinação e alinhamento do contraposte em cava
já aberta, incluindo o lançamento, tensionamento e fixação do cabo de aço simples, para alta ou baixa tensão.

Quando se tratar de estais em primário e secundário ou para manter o equilíbrio mecânico da cruzeta, que aproveita o
mesmo contraposte, um dos estais deve ser considerado para efeito de medição de serviço, como poste a poste.

Linha Morta LM772D RETIRADA DO ESTAI DE POSTE A POSTE PARA MT OU 0,32 32


772 6
Linha Viva LV772D BT, POR UNIDADE 0,41 41
Consiste na retirada e desafixação do cabo de aço, incluindo acessórios para estai em alta ou baixa tensão.

Linha Morta LM772M ESTAIAMENTO DE POSTE A POSTE PARA MT OU BT, 0,8 80


772 6
Linha Viva LV772M POR UNIDADE 1,04 104
Consiste no lançamento, encabeçamento, tensionamento e fixação do cabo de aço, incluindo acessórios para estai em
alta ou baixa tensão.

ESTAIAMENTO PROVISÓRIO PARA TENSIONAMENTO


773 Linha Morta LM773M 2,58 258 6
CONDUTOR, POR UNIDADE
Consiste na abertura e fechamento da cava, instalação e retirada de escora e cabo(s) de aço provisórios, afim de
proporcionar equilíbrio mecânico ao(s) poste(s), quando do tensionamento e regulagem de condutores.

RETIRADA DO ESTAI DE ÂNCORA CIMENTADA NA


774 Linha Morta LM774D 0,5 50 6
ROCHA PARA ESTAI, POR UNIDADE
Compreende na retirada do cabo de aço e acessórios de fixação, o corte da haste de âncora ao nível da superfície do
solo.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 25
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DA HASTE DE ÂNCORA CIMENTADA NA


774 Linha Morta LM774M 3,5 350 6
ROCHA PARA ESTAI, POR UNIDADE
Compreende a perfuração da rocha, utilizando compressor, martelete, na profundidade e diâmetro estabelecidos, que
permitam a aplicação no furo de haste de âncora com parafuso, envolvidos em nata de cimento e areia com traço 1:1,5
respectivamente; e o lançamento, fixação e tensionamento do cabo de aço, incluindo o fornecimento do material
necessário a feitura da nata de cimento.

*A retirada compreende, além do cabo de aço e acessórios de fixação, o corte da haste de âncora ao nível da superfície
do solo.

RETENSIONAMENTO DE CABO AÇO DO ESTAI SIMPLES


775 Linha Morta LM775M 0,42 42 6
OU REFORÇADO EXISTENTE, POR UNIDADE
Compreende o retensionamento e fixação do cabo de aço com laço pré-formado ou prensa fios, para estaiamento
existente em âncora, contraposte ou poste a poste, simples ou reforçado, em rede de média ou baixa tensão.

RETIRADA DO DISPOSITIVO DE SEGURANÇA NO


776 Linha Morta LM776D 0,21 21 6
ESTAI, POR UNIDADE
Consiste na desinstalação do dispositivo para segurança no estai de âncora, incluindo a amarração na cordoalha.

INSTALAÇÃO DO DISPOSITIVO DE SEGURANÇA NO


776 Linha Morta LM776M 0,53 53 6
ESTAI, POR UNIDADE
Consiste na instalação do dispositivo para segurança no estai de âncora, incluindo a amarração na cordoalha.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 26
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

7 – Lançamento de Condutor em MT

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

RETIRADA DO COND. MT ALUMÍNIO ATÉ 02 AWG


780 Linha Morta LM780D 0,25 25 7
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de alumínio com bitola até 02 AWG CA/CAA em média tensão (MT), inclusive a
desinstalação de alça pré-formada.

LANÇAMENTO COND. MT ALUMÍNIO ATÉ 02 AWG


780 Linha Morta LM780M 0,62 62 7
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio com bitola até 02 AWG CA/CAA em
média tensão (MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO COND. MT ALUM. ACIMA 02/20AWG


781 Linha Morta LM781D 0,41 41 7
CA/CAA E 4/0 CA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada condutor de alumínio com bitola acima de 02 AWG CA/CAA até 4/0 CA em média tensão (MT),
inclusive desinstalação de alça pré-formada

LANÇAMENTO COND. MT ALUM. ACIMA 02/20AWG


781 Linha Morta LM781M 1,03 103 7
CA/CAA E 4/0 CA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio com bitola acima de 02 AWG CA/CAA até
4/0 CA em média tensão (MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO COND. MT ALUM. 40/336,4CAA E


782 Linha Morta LM782D 0,68 68 7
ACIMA DE 40/336,4CA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada condutor de alumínio com bitola acima de 4/0 CA até 4/0 e 336,4 CAA em média tensão (MT),
inclusive desinstalação de alça pré-formada

LANÇAMENTO COND. MT ALUM. 40/336,4CAA E


782 Linha Morta LM782M 1,71 171 7
ACIMA DE 40/336,4CA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio com bitola acima de 4/0 CA até 4/0 e
336,4 CAA em média tensão (MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO COND. MT ALUM. ACIMA 336,4 MCM


783 Linha Morta LM783D 0,8 80 7
CA OU CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de alumínio com bitola acima de 336,4 MCM CA ou CAA em média tensão (MT), por
tipo e bitola, inclusive desinstalação de alça pré-formada .

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 27
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

LANÇAMENTO COND. MT ALUM. ACIMA 336,4 MCM


783 Linha Morta LM783M 2,01 201 7
CA OU CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio com bitola acima de 336,4 MCM CA ou
CAA em média tensão (MT), por tipo e bitola, inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento.

RETIRADA DO CABO OU FIO COND. MT COBRE ATÉ 02


784 Linha Morta LM784D 0,3 30 7
AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor
de cobre com bitola até 02 AWG em média tensão (MT), inclusive desinstalação de alça pré-formada.

LANÇAMENTO CABO OU FIO COND. MT COBRE ATÉ


784 Linha Morta LM784M 0,75 75 7
02 AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor
de cobre com bitola até 02 AWG em média tensão (MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento.

RETIRADA DO CONDUTOR MT DE COBRE ACIMA DE


785 Linha Morta LM785D 0,81 81 7
02 AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste Na retirada do condutor de cobre com bitola acima de 02 AWG em média tensão (MT), inclusive desinstalação
de alça pré-formada.

LANÇAMENTO CONDUTOR MT DE COBRE ACIMA DE


785 Linha Morta LM785M 2,05 205 7
02 AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de cobre com bitola acima de 02 AWG em média
tensão (MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO COND. MT CABO AÇO 3X2,25 MM, AÇO


786 Linha Morta LM786D 0,25 25 7
AL. 3X10 AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de aço 3 x 2,25 MM e 3 x 10 AWG em média tensão (MT), inclusive desinstalação de
alça pré-formada.

LANÇAMENTO COND. MT CABO AÇO 3X2,25 MM,


786 Linha Morta LM786M 0,63 63 7
AÇO AL. 3X10 AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de aço 3 x 2,25 MM e 3 x 10 AWG em média tensão
(MT), inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO FIO CONDUTOR DE AÇO EM MT BITOLA


787 Linha Morta LM787D 0,25 25 7
3,09 MM, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de aço 3,09 mm em média tensão (MT), inclusive desinstalação de alça pré-formada.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 28
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

LANÇAMENTO FIO CONDUTOR DE AÇO EM MT


787 Linha Morta LM787M 0,63 63 7
BITOLA 3,09 MM, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de aço 3,09 mm em média tensão (MT), inclusive
instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO CONDUTOR PROTEGIDO XLPE 35 mm,


788 Linha Morta LM788D 0,34 34 7
POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor protegido XLPE 35 mm em média tensão (MT), inclusive desinstalação de alça pré-
formada.

LANÇAMENTO CONDUTOR PROTEGIDO XLPE 35 mm,


788 Linha Morta LM788M 0,84 84 7
POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor protegido XLPE 35 mm em média tensão (MT),
inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO COND. PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR


789 Linha Morta LM789D 0,8 80 7
VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor protegido XLPE 185 mm em média tensão (MT), inclusive desinstalação de alça pré-
formada.

LANÇAMENTO COND. PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR


789 Linha Morta LM789M 2 200 7
VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor protegido XLPE 185 mm em média tensão (MT),
inclusive instalação de alça pré-formada para encabeçamento

RETIRADA DO CABO SUBTERRÂNEO P/ MÉDIA


790 Linha Morta LM790D 0,15 15 7
TENSÃO, POR METRO ELETRODUTO
Compreende na retirada de cabo em eletroduto subterrâneo ou fixado em poste, independente do número de fases,
incluindo as desconexões.

LANÇAMENTO CABO SUBTERRÂNEO P/ MÉDIA


790 Linha Morta LM790M 0,37 37 7
TENSÃO, POR METRO ELETRODUTO
Compreende o lançamento de cabo em eletroduto subterrâneo ou fixado em poste, para atendimento em média
tensão, independente do número de fases, incluindo as conexões, exceto ligação à rede.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 29
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

8 – Lançamento de Condutor em BT

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

RETIRADA DO CONDUTOR BT ALUM. ATÉ 02 AWG


792 Linha Morta LM792D 0,18 18 8
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de alumínio até 02 AWG CA/CAA em Baixa Tensão (BT), inclusive desinstalação de alça
pré-romana.

LANÇAMENTO CONDUTOR BT ALUM. ATÉ 02 AWG


792 Linha Morta LM792M 0,46 46 8
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio até 02 AWG CA/CAA em Baixa Tensão
(BT), inclusive instalação de alça pré-romana para encabeçamento.

RETIRADA DO COND. BT ALUM. ACIMA DE 02 AWG


793 Linha Morta LM793D 0,24 24 8
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de alumínio acima de 02 AWG CA/CAA em Baixa Tensão (BT), inclusive desinstalação
de alça pré-romana.

LANÇAMENTO COND. BT ALUM. ACIMA DE 02 AWG


793 Linha Morta LM793M 0,59 59 8
CA/CAA, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de alumínio acima de 02 AWG CA/CAA em Baixa
Tensão (BT), inclusive instalação de alça pré-romana para encabeçamento

RETIRADA DO CABO OU FIO COND. COBRE BT ATÉ 02


794 Linha Morta LM794D 0,24 24 8
AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de cobre tipo fio ou cabo até 02 AWG em Baixa Tensão (BT), inclusive desinstalação de
alça pré-romana.

LANÇAMENTO CABO OU FIO COND. COBRE BT ATÉ 02


794 Linha Morta LM794M 0,6 60 8
AWG, POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de cobre tipo fio ou cabo até 02 AWG em Baixa
Tensão (BT), inclusive instalação de alça pré-romana para encabeçamento

RETIRADA DO DE CONDUTOR BT COBRE ACIMA DE 02


795 Linha Morta LM795D 0,71 71 8
AWG, POR VÃO CONDUTOR
Consiste na retirada do condutor de cobre acima de 02 AWG em Baixa Tensão (BT), inclusive desinstalação de alça pré-
romana.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 30
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

LANÇAMENTO DE CONDUTOR BT COBRE ACIMA DE


795 Linha Morta LM795M 1,78 178 8
02 AWG, POR VÃO CONDUTOR
Consiste no lançamento, tensionamento e regulagem do condutor de cobre acima de 02 AWG em Baixa Tensão (BT),
inclusive instalação de alça pré-romana para encabeçamento

RETIRADA DO CABO SUBTERRÂNEO PARA BAIXA


796 Linha Morta LM796D 0,1 10 8
TENSÃO, POR METRO ELETRODUTO
Compreende a retirada de cabo em eletroduto subterrâneo, fixado em poste ou no interior do poste especial,
independente do número de fase, incluindo as desconexões, exceto ligação à rede

LANÇAMENTO CABO SUBTERRÂNEO PARA BAIXA


796 Linha Morta LM796M 0,25 25 8
TENSÃO, POR METRO ELETRODUTO
Compreende o lançamento de cabo em eletroduto subterrâneo, fixado em poste ou no interior do poste especial, para
atender consumidor em baixa tensão (BT) ou iluminação pública, independente do número de fase, incluindo as
conexões, exceto ligação à rede
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 31
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

9 – Retensionamento de Condutores

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

Linha Morta LM800M RETENSIONAMENTO DE CONDUTORES 0,44 44


800 9
Linha Viva LV800M EXISTENTES EM MT, POR CONDUTOR 0,57 57
Compreende o retensionamento e regulagem de condutores em média tensão com a utilização de catraca, moitão,
carretilha ou equipamento similar, independente do tipo e bitola.
A fixação do condutor deve ser contabilizada com a tarefa 805 - Amarração de condutor de média e baixa tensão - por
unidade.

RETENSIONAMENTO DE CONDUTORES EXISTENTES


801 Linha Morta LM801M 0,37 37 9
EM BT, POR CONDUTOR
Compreende o retensionamento e regulagem de condutores em baixa tensão com a utilização de catraca, moitão,
carretilha ou equipamento similar, independente do tipo e bitola. A desafixação e fixação do condutor deve ser
contabilizada com a tarefa 805 - Amarração de condutor de média e baixa tensão - por unidade.

RETENSIONAMENTO DE CONDUTORES EXISTENTES


802 Linha Morta LM802M 0,71 71 9
EM BT (RSI), POR REDE
Compreende o retensionamento e regulagem de condutores isolados em baixa tensão com a utilização de catraca,
moitão, carretilha ou equipamento similar, independente do tipo e bitola. desafixação e fixação do condutor deve ser
contabilizada com a tarefa 805 - Amarração de condutor de média e baixa tensão - por unidade.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 32
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

10 – Ligação, Amarração e Emenda

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

Linha Morta LM695M 0,25 25


695 REAPERTAR CONEXÃO, POR CONEXÃO 10
Linha Viva LV695M 0,32 32

Consiste no reaperto das conexões quando provocados por problemas de mau contato. Inclui limpeza do cabo e do
conector, quando necessário.

RETIRADA DE BYPASS "LITTLE JUMPER" - POR


766 Linha Viva LV766D 2,58 258 10
ESTRUTURA
Consiste na retirada de Bypass em estruturas com transformadores, para substituição de cruzetas e acessórios.
Já estão incluídos os serviços de instalação e remanejamento do descanso do Bypass, coberturas, conexão do Bypass
nas buchas do TR, conexão do Bypass na rede de MT, abertura e fechamento de GLV, abertura e fechamento de chave
fusível, instalação e retirada de estribo.

UTILIZAÇÂO DE BYPASS "LITTLE JUMPER" - POR


766 Linha Viva LV766M 2,8 280 10
ESTRUTURA

Consiste na utilização de Bypass em estruturas com transformadores, para substituição de cruzetas e acessórios.
Já estão incluídos os serviços de instalação e remanejamento do descanso do Bypass, coberturas, conexão do Bypass
nas buchas do TR, conexão do Bypass na rede de MT, abertura e fechamento de GLV, abertura e fechamento de chave
fusível, instalação e retirada de estribo.

Linha Morta LM805D RETIRADA DE CONDUTOR DE MÉDIA TENSÃO OU 0,11 11


805 10
Linha Viva LV805D BAIXA TENSÃO, POR UNIDADE 0,14 14
Compreende a desinstalação do coxim ou fita para a proteção do condutor e sua desafixação no isolador de pino,
isolador de âncora ou roldana e desinstalação da alça pré-formada, do laço pré-formado, anel de amarração (espaçador
losangular) ou fio de amarração.

*A desafixação dos estais e cabos mensageiros estão contemplados nas tarefas dos grupos 06 e 16 respectivamente.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 33
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM805M FIXAÇÃO DE CONDUTOR DE MÉDIA TENSÃO OU 0,28 28


805 10
Linha Viva LV805M BAIXA TENSÃO, POR UNIDADE 0,36 36
Compreende a instalação do coxim ou fita para a proteção do condutor e sua fixação/desafixação no isolador de pino,
isolador de âncora ou roldana, através da alça pré-formada, do laço pré-formado, anel de amarração (espaçador
losangular) ou fio de amarração.

*A fixação dos estais e cabos mensageiros estão contemplados nas tarefas dos grupos 06 e 16 respectivamente.

Linha Morta LM806D RETIRADA DO CRUZAMENTO AÉREO DE MÉDIA 0,67 67


806 10
Linha Viva LV806D TENSÃO, POR FASE 0,87 87
Compreende a desmontagem do cruzamento aéreo em média tensão com conector parafuso, conector a compressão
ou conector tipo cunha, independente da quantidade de conexões, tipo ou bitola do condutor.

Linha Morta LM806M 1,68 168


806 CRUZAMENTO AÉREO DE MÉDIA TENSÃO, POR FASE 10
Linha Viva LV806M 2,18 218
Compreende a instalação do cruzamento aéreo em média tensão com conector parafuso, conector a compressão ou
conector tipo cunha, independente da quantidade de conexões, tipo ou bitola do condutor.

RETIRADA DO CRUZAMENTO AÉREO DE BAIXA


807 Linha Morta LM807D 0,41 41 10
TENSÃO, POR FASE
Compreende a desmontagem do cruzamento aéreo em baixa tensão com conector parafuso, conector a compressão ou
conector tipo cunha, independente da quantidade de conexões, tipo ou bitola do condutor.

807 Linha Morta LM807M CRUZAMENTO AÉREO DE BAIXA TENSÃO, POR FASE 1,04 104 10
Compreende a instalação do cruzamento aéreo em baixa tensão com conector parafuso, conector a compressão ou
conector tipo cunha, independente da quantidade de conexões, tipo ou bitola do condutor.

Linha Morta LM808M EMENDA COND. AÇO, ALUM CA OU COBRE 0,78 78


808 10
Linha Viva LV808M C/PREF./LUVA., POR UNIDADE 1,01 101
Compreende a execução da emenda ou reparo de condutor de aço, alumínio CA ou cobre, na média ou baixa tensão
com pré-romano ou luva a compressão tração total, independente da bitola do condutor

Linha Morta LM809M EMENDA DO CONDUTOR ALUM. CAA C/ LUVA 1,22 122
809 10
Linha Viva LV809M TRAÇÃO TOTAL, POR UNIDADE 1,58 158
Consiste na execução da emenda ou reparo de condutor de alumínio com alma de aço, na média ou baixa tensão, com
luva a compressão tração total, independente da bitola do condutor.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 34
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM810D DELIGAMENTO DOS CABOS EM REDES DE ALTA OU 0,12 12


810 10
Linha Viva LV810D BAIXA TENSÃO, POR CONECTOR 0,15 15
Consiste nas desmontagem de ligações através de conectores de aperto, compressão, conector terminal ou conector
tipo cunha, quando realizadas para efetuar a desinterligação elétrica de equipamentos, ramal aéreo, mola desligadora,
aterramento do neutro, final de rede de BT, acessórios de iluminação pública com os cabos da rede de média ou baixa
tensão, bem como o adaptador estribo e jumpers.

Linha Morta LM810M LIGAÇÃO CABOS EM REDES DE ALTA OU BAIXA 0,32 32


810 10
Linha Viva LV810M TENSÃO, POR CONECTOR 0,41 41
Consiste na execução de ligações através de conectores de aperto, compressão, conector terminal ou conector tipo
cunha, quando realizadas para efetuar a interligação elétrica de equipamentos, ramal aéreo, mola desligadora,
aterramento do neutro, final de rede de BT, acessórios de iluminação pública com os cabos da rede de média ou baixa
tensão, bem como o adaptador estribo e jumpers. Nos conectores de compressão, compreende em desencapar o
condutor no caso de cabo protegido, instalar o conector no condutor e comprimir com alicate de compressão.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 35
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

11 – Aterramento de Proteção

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

RETIRADA DA DESCIDA SUPLEMENTAR PROTEÇÃO P/


813 Linha Morta LM813D 0,31 31 11
ATERR. TRAFO 33KV, POR UNIDADE
Compreende o corte e desinstalação do fio de aço-cobre em posto de transformador monofásico ou trifásico na tensão
33 KV, que atuar como descida suplementar de proteção.
Estão incluídos a retirada do eletroduto de PVC com 3,00 metros, a desafixação na lateral do poste através de amarras
de arame zincado e as conexões

INSTALAÇÃO DA DESCIDA SUPLEMENTAR PROTEÇÃO


813 Linha Morta LM813M 0,78 78 11
P/ ATERR. TRAFO 33KV, POR UNIDADE
Compreende a medição, corte e instalação do fio de aço-cobre em posto de transformador monofásico ou trifásico na
tensão 33 KV, para atuar como descida suplementar de proteção.
Estão incluídos a aplicação do eletroduto de PVC com 3,00 metros, a fixação na lateral do poste através de amarras de
arame zincado e as conexões

HASTE PARA ATERRAMENTO DE AÇO COBRE,


815 Linha Morta LM815M 1,82 182 11
PRIMEIRA HASTE, POR UNIDADE
Compreende a aplicação e fixação do fio de aço-cobre na cruzeta, a descida no poste, conexão aos equipamentos,
escavação complementar, cravação da haste no solo, medição de resistência do aterramento e fechamento da cava,
incluindo a aplicação do eletroduto de PVC com 3,00 metros, na furação dos gomos do poste com transformador
monofásico ou trifásico na tensão 33 KV, exceto ligação à rede.
Nesta atividade contabiliza-se também a realização do serviço de inspeção por amostragem dos aterramentos em MT,
para obras rurais, a razão de 60% da U.S. fixada.

HASTE PARA ATERRAMENTO DE AÇO COBRE, DEMAIS


816 Linha Morta LM816M 0,87 87 11
HASTES, POR UNIDADE
Consiste na escavação complementar, cravação da haste de aço-cobre no solo, conexão fio/haste, medição da
resistência do aterramento e fechamento da escavação.
Nesta atividade contabiliza-se também o aterramento da entrada de serviço de consumidor, incluída da conexão na
carcaça.

HASTE DE ATERRAMENTO ZINCADA PARA CERCA,


818 Linha Morta LM818M 0,46 46 11
POR UNIDADE
Consiste na cravação da haste zincada no solo, a interligação dos fios da cerca, através de arame, sua fixação no mourão
com grampos U para madeira e a conexão com a haste cravada.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 36
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

819 Linha Morta LM819M MALHA DE ATERRAMENTO, POR METRO LINEAR 0,7 70 11
Compreende a abertura de valeta com o mínimo de 1,0 metro de profundidade em área agriculturável e de 0,60 metros
de profundidade mínima em qualquer tipo de terreno, exceto rocha inclusive o lançamento do fio de aço-cobre e
fechamento da valeta.

INSTALAÇÃO DO ATERRAMENTO TEMPORÁRIO TIPO


821 Linha Morta LM821M 0,667 66,7 11
SELA, POR ESTRUTURA
Compreende a preparação do equipamento, a análise de riscos, o teste de ausência de tensão, a instalação do trado no
solo, a instalação da sela no poste, e as conexões do aterramento à rede elétrica. Consiste ainda a retirada e
acondicionamento do equipamento. Este item deve ser contabilizado por estrutura onde houver instalação do
aterramento, independente da quantidade de eletricistas que escalar a estrutura.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 37
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

12 – Equipamentos

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

BANCO DE CAPACITORES AUTOMÁTICO e CHAVE A


686 Linha Morta LM686D 2,26 226 12
ÓLEO UNIPOLAR, POR ELEMENTO
Compreende a desmontagem ou retirada dos elementos capacitivos, transformador de potência (TP), chave a óleo
unipolar ou a gás, ou caixa de comando do banco de capacitores automático de distribuição, incluindo as conexões aos
bornes dos equipamentos e sistema de aterramento.

BANCO DE CAPACITORES AUTOMÁTICO e CHAVE A


686 Linha Morta LM686M 4,52 452 12
ÓLEO UNIPOLAR, POR ELEMENTO
Compreende a montagem, instalação, substituição ou retirada dos elementos capacitivos, transformador de potência
(TP), chave a óleo unipolar ou a gás, ou caixa de comando do banco de capacitores automático de distribuição, incluindo
as conexões aos bornes dos equipamentos e sistema de aterramento.

Linha Morta LM693D ABERTURA DE GRAMPO DE LINHA VIVA, POR 0,15 15


693 12
Linha Viva LV693D GRAMPO 0,19 19
Consiste no fechamento de grampo de linha viva para execução dos serviços.

Linha Morta LM693M FECHAMENTO DE GRAMPO DE LINHA VIVA, POR 0,22 22


693 12
Linha Viva LV693M GRAMPO 0,29 29
Consiste na abertura de grampo de linha viva para execução dos serviços.

Linha Morta LM694M SUBSTITUIÇÃO DE PORTA FUSÍVEL OU ELO FUSÍVEL, 0,25 25


694 12
Linha Viva LV694M POR UNIDADE 0,32 32
Consiste na substituição de porta fusível ou elo fusível e a sua regulagem.

RETIRADA DO BANCO DE CAPACITORES


823 Linha Morta LM823D 13,58 1358 12
AUTOMÁTICO, POR BANCO
Compreende a desmontagem das ferragens de sustentação na cruzeta, desinstalação do banco de capacitores
automático de distribuição, incluindo o transformador de potência (TP), chave a óleo unipolar, retirada do cabo
singelo, caixa de comando, as conexões aos bornes dos equipamentos e sistema de aterramento.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 38
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DO BANCO DE CAPACITORES


823 Linha Morta LM823M 27,16 2716 12
AUTOMÁTICO, POR BANCO
Compreende a montagem das ferragens de sustentação na cruzeta, instalação do banco de capacitores automático
de distribuição, incluindo o transformador de potência (TP), chave a óleo unipolar, lançamento do cabo singelo, caixa
de comando, as conexões aos bornes dos equipamentos e sistema de aterramento.

Linha Morta LM824D RETIRADA DA CHAVE FUSÍVEL OU SECCIONADORA DE 0,37 37


824 12
Linha Viva LV824D FACA UNIPOLAR DE DISTRIB., POR UNIDADE 0,48 48
Compreende a desmontagem, desinstalação de chave fusível ou seccionadora de faca unipolar de distribuição,
independente da amperagem, as conexões necessárias, exceto ligação à rede.

Linha Morta LM824M INSTALAÇÃO DA CHAVE FUSÍVEL OU SECCIONADORA 0,94 94


824 12
Linha Morta LV824M DE FACA UNIPOLAR DE DISTRIB., POR UNIDADE 1,22 122
Compreende a montagem, instalação e regulagem na cruzeta, de chave fusível ou seccionadora de faca unipolar de
distribuição, independente da amperagem, aplicação do elo fusível e as conexões necessárias, exceto ligação à rede.

A compressão do terminal de compressão no jumper é contabilizada em tarefa específica.

Linha Morta LM825D RETIRADA DA CHAVE BASCULANTE OU A ÓLEO 3,07 307


825 12
Linha Viva LV825D TRIPOLAR DE OPERAÇÃO MANUAL, POR UNIDADE 3,99 399
Compreende a desmontagem de chave basculante, a gás ou a óleo tripolar de operação manual para distribuição,
independente da amperagem, incluindo a desinstalação do mecanismo de manejo superior e inferior no poste,

Linha Morta LM825M INSTALAÇÃO DA CHAVE BASCULANTE OU A ÓLEO 7,69 769


825 12
Linha Viva LV825M TRIPOLAR DE OPERAÇÃO MANUAL, POR UNIDADE 9,99 999
Compreende a montagem e instalação na cruzeta, de chave basculante, a gás ou a óleo tripolar de operação manual
para distribuição, independente da amperagem, incluindo a instalação do mecanismo de manejo superior e inferior no
poste, a regulagem para acionamento da chave e as conexões necessárias, exceto ligação à rede.

A compressão do terminal de compressão no jumper é contabilizada em tarefa específica.

Linha Morta LM826D RETIRADA DO DESCARREGADOR DE CHIFRES, POR 0,27 27


826 12
Linha Viva LV826D UNIDADE 0,34 34
Compreende a desmontagem do descarregador e olhal na cruzeta ou poste, incluindo as conexões, regulagens e ajustes,
conforme a conveniência de operação.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 39
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM827D 0,08 8


827 RETIRADA DA MOLA DESLIGADORA, POR UNIDADE 12
Linha Viva LV827D 0,1 10
Compreende a desmontagem da mola desligadora de distribuição, incluindo a retirada do elo fusível com olhal
correspondente.

Linha Morta LM827M 0,21 21


827 INSTALAÇÃO DA MOLA DESLIGADORA, POR UNIDADE 12
Linha Viva LV827M 0,27 27
Compreende a montagem, instalação e regulagem da mola desligadora de distribuição, incluindo a aplicação do elo
fusível com olhal correspondente.

Linha Morta LM828D 0,35 35


828 RETIRADA DO PARA-RAIOS, POR UNIDADE 12
Linha Viva LV828D 0,45 45
Compreende a desmontagem e desinstalação do para-raios de distribuição na cruzeta, no suporte, ou carcaça do
transformador, independente da tensão, incluindo as desconexões a equipamentos, sistema de aterramento, exceto
ligação à rede.

Linha Morta LM828M 0,89 89


828 INSTALAÇÃO DO PARA-RAIOS, POR UNIDADE 12
Linha Viva LV828M 1,15 115
Compreende a montagem e instalação do para-raios de distribuição na cruzeta, no suporte, ou carcaça do
transformador, independente da tensão, incluindo as conexões a equipamentos, sistema de aterramento, exceto
ligação à rede.

A compressão do terminal de compressão no jumper é contabilizada em tarefa específica.

RETIRADA DO TRANSFORMADOR MONOFÁSICO 13,8


829 Linha Morta LM829D 1,11 111 12
OU 34,5 KV, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação completa de transformador monofásico no poste, incluindo todas as conexões aos bornes,
ao sistema de aterramento, exceto ligação à rede.

INSTALAÇÃO DO TRANSFORMADOR MONOFÁSICO


829 Linha Morta LM829M 2,78 278 12
13,8 OU 34,5 KV, POR UNIDADE
Compreende a instalação completa de transformador monofásico no poste, incluindo a verificação de vazamento
externo, todas as conexões aos bornes, ao sistema de aterramento, exceto ligação à rede.

RETIRADA DO TRANSF. TRIFÁSICO,


830 Linha Morta LM830D RELIGADOR/REGULADOR DE TENSÃO 13,8 OU 34,5 1,95 195 12
KV, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação completa de transformador trifásico, religador ou regulador de tensão no poste, incluindo
todas as desconexões aos bornes, ao sistema de aterramento, exceto ligação à rede.
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 40
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DO TRANSF. TRIFÁSICO,


830 Linha Morta LM830M RELIGADOR/REGULADOR DE TENSÃO 13,8 OU 34,5 4,88 488 12
KV, POR UNIDADE
Compreende a instalação completa de transformador trifásico no poste, incluindo a verificação de vazamento externo,
todas as conexões aos bornes, ao sistema de aterramento e o teste de sequência de fases, exceto ligação à rede. Nesta
atividade contabiliza-se também a instalação de religador ou regulador de tensão e as conexões ao equipamento.

Obs.: Nas ligações de equipamentos com conectores terminais de compressão, estes devem ser contabilizados pelo
código 810, tanto na rede com cabo nu ou com cabo protegido.

Linha Morta LM831D RETIRADA DO SUPORTE PARA CHAVE / PARA RAIO, 0,12 12
831 12
Linha Viva LV831D POR UNIDADE 0,15 15
Compreende a retirada do suporte para chave ou para raio.

Linha Morta LM831M INSTALAÇÃO DO SUPORTE PARA CHAVE / PARA RAIO, 0,3 30
831 12
Linha Viva LV831M POR UNIDADE 0,38 38

Compreende a instalação do suporte para chave ou para raio.

881 Linha Morta LM881M OPERAÇÃO DE CHAVES – POR CHAVE 0,06 6 12


Consiste na abertura ou fechamento de Chaves para execução de serviços, inclusive a instalação da placa "Não Opere
este Equipamento" e a retirada dos porta fusíveis.

Linha Morta LM929D 0,02 2


929 RETIRADA DO BYPASS DE CHAVE FUSÍVEL 12
Linha Viva LV929D 0,03 3
Consiste na tarefa de retirada do BYPASS de chaves fusíveis após a instalação do porta fusível e fechamento da chave
*A substituição do elo e operação da chave está contemplada nas tarefas 694 e 881 respectivamente.

Linha Morta LM929M 0,06 6


929 INSTALAÇÃO DO BYPASS DE CHAVE FUSÍVEL 12
Linha Viva LV929M 0,08 8
Consiste na tarefa de instalação do BYPASS de chaves fusíveis para abertura da chave e retirada do porta fusível,
possibilitando a substituição do elo fusível sem interrupção na rede.
*A substituição do elo e operação da chave está contemplada nas tarefas 694 e 881 respectivamente.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 41
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

13 – Iluminação Pública

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

RETIRADA DA BASE PARA RELÉ ILUMINAÇÃO PÚBLICA


834 Linha Morta LM834D 0,14 14 13
COMANDO GRUPO/INDIVIDUAL, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação no poste, de base para relé de iluminação pública de comando em grupo ou individual e a
conexão a luminária, exceto ligação à rede.
*A retirada, inclui a proteção do equipamento para transporte

INSTALAÇÃO DA BASE PARA RELÉ ILUMINAÇÃO


834 Linha Morta LM834M PÚBLICA COMANDO GRUPO/INDIVIDUAL, POR 0,36 36 13
UNIDADE
Compreende a instalação no poste, de base para relé de iluminação pública de comando em grupo ou individual e a
conexão a luminária, exceto ligação à rede.

RETIRADA DO BRAÇO IP ATÉ 2M COM LUMINÁRIA


835 Linha Morta LM835D ABERTA OU FECHADA MIS/INC/VMC/VSA, POR 0,53 53 13
UNIDADE
Compreende a desinstalação de braço para iluminação pública até 2 metros de comprimento, com luminária aberta ou
fechada com lâmpada mista, incandescente, vapor de mercúrio (VMC) ou vapor de sódio (VSA), incluindo a retidada do
fio no braço e as conexões nos equipamentos, exceto ligação à rede.
*A retirada é o desmonte do braço, acessórios e lâmpada, incluindo o acondicionamento e proteção adequados dos
componentes.

INSTALAÇÃO DO BRAÇO IP ATÉ 2M COM LUMINÁRIA


835 Linha Morta LM835M ABERTA OU FECHADA MIS/INC/VMC/VSA, POR 1,32 132 13
UNIDADE
Compreende a instalação de braço para iluminação pública até 2 metros de comprimento, com luminária aberta ou
fechada com lâmpada mista, incandescente, vapor de mercúrio (VMC) ou vapor de sódio (VSA), incluindo a aplicação do
fio no braço e as conexões nos equipamentos, exceto ligação à rede.

RETIRADA DO BRAÇO IP ACIMA 2M COM LUMINÁRIA


836 Linha Morta LM836D 1,73 173 13
ABER/FECH.MIS/INC/VMC/VSA, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação de braço para iluminação pública maior de 2 metros de comprimento, com luminária
aberta ou fechada com lâmpada mista, incandescente, vapor de mercúrio (VMC) ou vapor de sódio (VSA), incluindo a
retirada do fio no braço e as conexões nos equipamentos e exceto ligação à rede. *A retirada é o desmonte do braço,
acessórios e lâmpada, incluindo o acondicionamento e proteção adequados dos componentes.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 42
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DO BRAÇO IP ACIMA 2M COM


836 Linha Morta LM836M LUMINÁRIA ABER/FECH.MIS/INC/VMC/VSA, POR 3,45 345 13
UNIDADE
Compreende a instalação de braço para iluminação pública maior de 2 metros de comprimento, com luminária aberta
ou fechada com lâmpada mista, incandescente, vapor de mercúrio (VMC) ou vapor de sódio (VSA), incluindo a aplicação
do fio no braço e as conexões nos equipamentos e exceto ligação à rede.

DESLOCAMENTO DE LUMINÁRIA MONTADA, POR


837 Linha Morta LM837M 0,63 63 13
UNIDADE

Consiste no deslocamento da luminária montada no poste, independente do tipo, para respeitar a cota de
afastamento ou possibilitar um melhor padrão de iluminação da área, exceto ligação à rede.

RETIRADA DA LUMINÁRIA EXCETO BRAÇO PARA


838 Linha Morta LM838D 0,64 64 13
ILUMINAÇÃO PÚBLICA, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação de luminária e lâmpada, em braço existente para iluminação pública, independente do tipo
de luminária, incluindo as conexões aos equipamentos, exceto ligação à rede.

*A retirada é o desmonte da luminária, reator, relé e lâmpada quando acoplados, exceto braço, incluindo a proteção e
acondicionamento dos componentes.

INSTALAÇÃO DA LUMINÁRIA EXCETO BRAÇO PARA


838 Linha Morta LM838M 1,6 160 13
ILUMINAÇÃO PÚBLICA, POR UNIDADE
Compreende a instalação de luminária e lâmpada, em braço existente para iluminação pública, independente do tipo de
luminária, incluindo as conexões aos equipamentos, exceto ligação à rede.

RETIRADA DO POSTE ORNAMENTAL DE AÇO TIPO


840 Linha Morta LM840D 4,85 485 13
CHICOTE SIMPLES/DUPLO, POR POSTE
Compreende desmontagem da luminária, retirada de poste ornamental para iluminação pública de aço escalonado tipo
chicote, simples ou duplo, as conexões
*A retirada inclui a proteção dos componentes e poste(s) sem danificá-los.

INSTALAÇÃO DO POSTE ORNAMENTAL DE AÇO TIPO


840 Linha Morta LM840M 12,11 1211 13
CHICOTE SIMPLES/DUPLO, POR POSTE
Compreende a locação, abertura da cava, montagem da luminária, levantamento e prumagem de poste ornamental
para iluminação pública de aço escalonado tipo chicote, simples ou duplo, as conexões, incluindo a pintura quando
necessário.

*A retirada inclui a proteção dos componentes e poste(s) sem danificá-los.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 43
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DO POSTE ORNAMENTAL ATÉ 5M ALTURA


841 Linha Morta LM841D ÚTIL COM LUMINÁRIA DECORATIVA PARA IP, POR 2,24 224 13
UNIDADE
Compreende a desmontagem da luminária levantamento, retirada do poste ornamental para iluminação pública e as
conexões.
*A retirada inclui o acondicionamento adequado dos componentes e poste(s) sem danificá-los.

INSTALAÇÃO DO POSTE ORNAMENTAL ATÉ 5M


841 Linha Morta LM841M ALTURA ÚTIL COM LUMINÁRIA DECORATIVA PARA IP, 5,6 560 13
POR UNIDADE
Compreende a locação, abertura da cava, montagem da luminária levantamento, prumagem do poste ornamental para
iluminação pública e as conexões, inclui a pintura quando necessário.

RETIRADA DO REATOR PARA LÂMPADA VMC, VSA E


842 Linha Morta LM842D 0,14 14 13
VAPOR METÁLICO , POR UNIDADE
Compreende a desinstalação no poste da rede ou base, de reator de iluminação pública, para lâmpada de qualquer tipo
e sua conexão a luminária exceto ligação à rede.

*A retirada inclui a proteção para transporte.

INSTALAÇÃO DO REATOR PARA LÂMPADA VMC, VSA


842 Linha Morta LM842M 0,36 36 13
E VAPOR METÁLICO , POR UNIDADE
Compreende a instalação no poste da rede ou base, de reator de iluminação pública, para lâmpada de qualquer tipo e
sua conexão a luminária exceto ligação à rede.

REIRADA DO PROJETOR PARA LÂMPADA


843 Linha Morta LM843D INC/MIS/VMC/VSA/VAPOR MET/HALOG, POR 1,56 156 13
UNIDADE
Compreende a desinstalação do projetor com lâmpada(s) no poste ou base, incluindo as conexões dos equipamentos,
exceto ligação à rede.

*A retirada inclui a proteção do conjunto para transporte.

INSTALAÇÃO DO PROJETOR PARA LÂMPADA


843 Linha Morta LM843M INC/MIS/VMC/VSA/VAPOR MET/HALOG, POR 3,89 389 13
UNIDADE
Compreende a instalação do projetor com lâmpada(s) no poste ou base, incluindo os ajustes e conexões aos
equipamentos, exceto ligação à rede.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 44
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

REINSTALAÇÃO DE LUMINÁRIA MONTADA, POR


844 Linha Morta LM844M 1,36 136 13
UNIDADE
Consiste na retirada do conjunto braço e luminária montados e sua posterior reinstalação no mesmo poste ou outro
poste da mesma obra, incluindo a conexão ao equipamento, exceto ligação à rede.

RETIRADA DO RELÉ FOTELÉTRICO INTERCAMBIÁVEL


845 Linha Morta LM845D 0,08 8 13
DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação de qualquer tipo de relé fotoelétrico intercambiável de iluminação pública, desinstalado na
luminária, reator ou base fixados em poste da rede.
*A retirada, inclui a proteção do equipamento para transporte.

INSTALAÇÃO DO RELÉ FOTELÉTRICO


845 Linha Morta LM845M INTERCAMBIÁVEL DE ILUMINAÇÃO PÚBLICA, POR 0,21 21 13
UNIDADE
Compreende a instalação de qualquer tipo de relé fotoelétrico intercambiável de iluminação pública, instalado na
luminária, reator ou base fixados em poste da rede.

SUBSTITUIÇÃO DE LÂMPADA PARA ILUMINAÇÃO


846 Linha Morta LM846M 0,21 21 13
PÚBLICA, POR UNIDADE
Consiste na substituição da lâmpada de iluminação pública, instalada em qualquer tipo de conjunto braço/luminária,
aberta ou fechada, fixado no poste da rede.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 45
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

14 – Ligação de Consumidor

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

REIRADA DA ENTRADA SERVIÇO MONOFÁSICA 10A,


850 Linha Morta LM850D 1,36 136 14
30A, 40A, 70A , 1 CONSUMIDOR POR UNIDADE
Consiste na desmontagem e desinstalação completa do padrão da entrada de serviço monofásica de 10A, 30A, 40A ou
70A, para 1 (um) consumidor em poste auxiliar, poste da rede ou parede lateral, bem como a desafixação do eletroduto
rígido ou flexível, incluindo o retirada do ramal de entrada embutido e as conexões necessárias

INSTALAÇÃO DA ENTRADA SERVIÇO MONOFÁSICA


850 Linha Morta LM850M 3,4 340 14
10A, 30A, 40A, 70A , 1 CONSUMIDOR POR UNIDADE
Consiste na montagem e instalação completa do padrão da entrada de serviço monofásica de 10A, 30A, 40A ou 70A,
para 1 (um) consumidor em poste auxiliar, poste da rede ou parede lateral, bem como a fixação do eletroduto rígido ou
flexível, incluindo o lançamento do ramal de entrada embutido e as conexões necessárias

RETIRADA DA ENTRADA DE SERVIÇO BIFÁSICA 40A,


851 Linha Morta LM851D 2,25 225 14
70A OU 100A, POR UNIDADE
Consiste na desmontagem completa e desinstalação do padrão da entrada de serviço bifásica de 40A, 70A ou 100A para
consumidor, em poste auxiliar, poste da rede ou parede lateral, bem como a desafixação do eletroduto rígido ou
flexível, incluindo a retirada do ramal de entrada embutido e as conexões necessárias.

INSTALAÇÃO DA ENTRADA DE SERVIÇO BIFÁSICA 40A,


851 Linha Morta LM851M 5,62 562 14
70A OU 100A, POR UNIDADE
Consiste na montagem completa e instalação do padrão da entrada de serviço bifásica de 40A, 70A ou 100A para
consumidor, em poste auxiliar, poste da rede ou parede lateral, bem como a fixação do eletroduto rígido ou flexível,
incluindo o lançamento do ramal de entrada embutido e as conexões necessárias.

RETIRADA DO TERMINAL PARA MÉDIA TENSÃO


852 Linha Morta LM852D 0,5 50 14
MONOFÁSICA, POR UNIDADE
Compreende a retirada do terminal, desmontagem e desinstalação na cruzeta do terminal de porcelana ou térmo-
contrátil, a desconexão na chave e ao sistema de aterramento de proteção, exceto ligação à rede quando houver.

INSTALAÇÃO DO TERMINAL PARA MÉDIA TENSÃO


852 Linha Morta LM852M 1,5 150 14
MONOFÁSICA, POR UNIDADE
Compreende a preparação do terminal, montagem e instalação na cruzeta do terminal de porcelana ou térmo-contrátil,
a conexão na chave e ao sistema de aterramento de proteção, exceto ligação à rede quando houver.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 46
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DO RAMAL DE LIGAÇÃO AERÉA DE


853 Linha Morta LM853D 0,31 31 14
CONSUMIDOR EM BT, POR RAMAL
Consiste na desinstalação de cabo multiplex ou cabo de cobre isolado, entre a rede secundária e o ponto de entrega de
energia (ramal de entrada), independente do número de fases, incluindo as desconexões necessárias, exceto ligações à
rede.

INSTALAÇÃO DO RAMAL DE LIGAÇÃO AERÉA DE


853 Linha Morta LM853M 0,73 73 14
CONSUMIDOR EM BT, POR RAMAL
Consiste na instalação e tensionamento de cabo multiplex ou cabo de cobre isolado, entre a rede secundária e o ponto
de entrega de energia (ramal de entrada), independente do número de fases, incluindo as conexões necessárias, exceto
ligações à rede, que respeitará ao balanceamento de fases

REINSTALAÇÃO RAMAL LIGAÇÃO AÉREA


854 Linha Morta LM854M 0,51 51 14
CONSUMIDOR BT, POR RAMAL
Compreende a reinstalação do ramal de ligação de consumidor desconectado em função de melhoria, incluindo o
tensionamento e fixação ao poste, independente do número de fases, exceto ligações à rede, que respeitará ao
balanceamento de fases.

DESINSTALAÇÃO DO MEDIDOR MONOFÁSICO,


855 Linha Morta LM855D 0,18 18 14
BIFÁSICO E TRIFÁSICO, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação do medidor monofásico, bifásico e trifásico, incluindo todas as conexões necessárias.

INSTALAÇÃO DO MEDIDOR MONOFÁSICO, BIFÁSICO E


855 Linha Morta LM855M 0,45 45 14
TRIFÁSICO, POR UNIDADE
Compreende a instalação do medidor monofásico, bifásico e trifásico, incluindo todas as conexões necessárias.

DESINSTALAÇÃO DE CAIXA DE MEDIDOR


856 Linha Morta LM856D 0,4 40 14
MONOFÁSICO, BIFÁSICO E TRIFÁSICO, POR CAIXA
Compreende a desinstalação de caixa de medição em poste da COPEL ou em poste auxiliar

INSTALAÇÃO DE CAIXA DE MEDIDOR MONOFÁSICO,


856 Linha Morta LM856M 1 100 14
BIFÁSICO E TRIFÁSICO, POR CAIXA
Compreende a instalação de caixa de medição em poste da COPEL ou em poste auxiliar e a vedação dos orifícios a fim
de impedir a entrada de água.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 47
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

15 – Atividades Diversas

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

678 Linha Morta LM678M LOCALIZACAO DE FALHAS 2,05 205 15


Esta atividade deve ser utilizada quando as equipes de manutenção estiverem auxiliando o COD na localização de
defeitos no sistema elétrico.
Forma de cálculo = número de homens x quantidade de horas realizadas na atividade.

EVENTUAIS SERVIÇOS DE MANUTENÇÃO EM


691 Linha Morta LM691M 0,33 33 15
CARÁTER DE EMERGENCIA, POR HORA /ELEMENTO
Esta atividade deve ser contabilizada somente para o período em que a equipe ficar à disposição da COPEL. Caso a
equipe venha a executar serviços em horários extraordinários, deverá ser usado o código 879.

OBS: A jornada diária padrão de manutenção em caráter de

692 Linha Morta LM692M OUTRAS ATIVIDADES, POR HORA/ELEMENTO 1 100 15


Esta atividade deve ser contabilizada quando o serviço executado não se enquadra em nenhuma das atividades
previstas na manutenção com linha morta.
Para inclusão desta atividade no Boletim de Medição, deverá dispor de tempo gasto e o número de elementos
envolvidos na execução. Como justificativa convém anotar o resumo das atividades que estão sendo contabilizadas.

RETIRADA DE CORDOALHAS E CONDUTORES DE


797 Linha Morta LM797D 0,87 87 15
USUÁRIOS – POR ESTRUTURA
Consiste na retirada de cordoalhas e condutores de usuários que compartilham as estruturas da Copel como:
Fibra ótica, telefonia e TV a cabo. Independente da quantidade de elementos fixados na estrutura

INSTALAÇÃO DE CORDOALHAS E CONDUTORES DE


797 Linha Morta LM797M 0,87 87 15
USUÁRIOS – POR ESTRUTURA
Consiste na instalação de cordoalhas e condutores de usuários que compartilham as estruturas da Copel como:
Fibra ótica, telefonia e TV a cabo. Independente da quantidade de elementos fixados na estrutura

Linha Morta LM848D RETIRADA DO ESPAÇADOR GRANDE DE CONDUTORES 0,26 26


848 15
Linha Viva LV848D PARA MÉDIA TENSÃO, POR UNIDADE 0,37 37
Compreende a retirada de espaçador de condutores em vão de rede em Média Tensão, inclusive amarrações.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 48
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM848M INSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR GRANDE DE 0,44 44


848 15
Linha Viva LV848M CONDUTORES PARA MÉDIA TENSÃO, POR UNIDADE 0,62 62
Compreende a instalação de espaçador de condutores em vão de rede em Média Tensão, inclusive amarrações, para
manter a distância mínima entre as fases.
Obs. O espaçador Grande é composto por 3 (Três) pontos de amarração, permitindo a fixação em até 3 fases

Linha Morta LM849D RETIRADA DO ESPAÇADOR PEQUENO DE 0,17 17


849 15
Linha Viva LV849D CONDUTORES PARA MÉDIA TENSÃO, POR UNIDADE 0,25 25
Compreende a retirada de espaçador de condutores em vão de rede em Média Tensão, inclusive amarrações.

Linha Morta LM849M INSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR PEQUENO DE 0,29 29


849 15
Linha Viva LV849M CONDUTORES PARA MÉDIA TENSÃO, POR UNIDADE 0,41 41
Compreende a instalação de espaçador de condutores em vão de rede em Média Tensão, inclusive amarrações, para
manter a distância mínima entre as fases.
Obs. O espaçador Pequeno é composto por 2 (Dois) pontos de amarração, permitindo a fixação em até 2 fases.

RETIRADA DA CAIXA DERIVAÇÃO EM CONCRETO TIPO


858 Linha Morta LM858D 0,37 37 15
CD-1 OU CD-2 BT, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação da caixa de derivação em concreto padrão COPEL tipo CD-1 ou CD-2, de iluminação pública
ou consumidor de rede subterrânea em baixa tensão

INSTALAÇÃO DA CAIXA DERIVAÇÃO EM CONCRETO


858 Linha Morta LM858M 0,93 93 15
TIPO CD-1 OU CD-2 BT, POR UNIDADE
Compreende a instalação da caixa de derivação em concreto padrão COPEL tipo CD-1 ou CD-2, em cava já aberta, para
atendimento de iluminação pública ou consumidor de rede subterrânea em baixa tensão

RETIRADA DA CAIXA DE PROTEÇÃO TIPO A OU B


859 Linha Morta LM859D 1,74 174 15
PARA ILUMINAÇÃO PÚBLICA POR UNIDADE
Compreende a desinstalação de caixa padrão COPEL, tipo A ou B, para proteção do circuito de iluminação pública,
incluindo a desafixação do eletroduto no poste, a fiação embutida, a desinstalação de todos os componentes e as
conexões necessárias, exceto ligação à rede.

INSTALAÇÃO DA CAIXA DE PROTEÇÃO TIPO A OU B


859 Linha Morta LM859M 4,34 434 15
PARA ILUMINAÇÃO PÚBLICA POR UNIDADE
Compreende a instalação de caixa padrão COPEL, tipo A ou B, para proteção do circuito de iluminação pública, incluindo
a fixação do eletroduto no poste, a fiação embutida, a instalação de todos os componentes e as conexões necessárias,
exceto ligação à rede.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 49
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

862 Linha Morta LM862D RETIRDA DA CONCRETAGEM, POR M3 8,96 896 15


Compreende a retirada da concretagem em poste sem danificá-lo e, quando em estais, apenas cortá-la a 0,60 metros de
profundidade. Está incluído a escavação, fechamento da cava e limpeza do local.

862 Linha Morta LM862M APLICAÇÃO DE CONCRETAGEM, POR M3 12,79 1279 15


Compreende a preparação e execução de sapata de concreto, com traço 1:3:5 (cimento, areia e pedra) em cava já
aberta, para fixar qualquer tipo de poste ou estai de âncora em terreno inconsistentes, nos padrões exigidos, incluindo
o fornecimento do material

DESLOCAMENTO DE PESSOAL ATÉ O LOCAL DOS


863 Linha Morta LM863M 0,066 6,6 15
SERVIÇOS, POR KM
Consiste nos deslocamentos de pessoal que compõem uma turma de manutenção, que será obtido pela fórmula:

Deslocamento = 0,066 x D (Distância)

OBS: A distância (D) corresponde ao percurso total obtido através do km rodado do veículo da turma e anotado na OES.

RETIRADA DO ELETRODUTO PARA REDE


864 Linha Morta LM864D 0,15 15 15
SUBTERRÂNEA, POR METRO DE ELETRODUTO
Compreende a desinstalação de eletroduto rígido ou flexível e fita de alerta para eletroduto subterrâneo, para atender
iluminação pública ou redes de alta ou baixa tensão.

INSTALAÇÃO DO ELETRODUTO PARA REDE


864 Linha Morta LM864M 0,2 20 15
SUBTERRÂNEA, POR METRO DE ELETRODUTO
Compreende a instalação de eletroduto rígido ou flexível e fita de alerta para eletroduto subterrâneo, em vala já aberta,
para atender iluminação pública ou redes de alta ou baixa tensão.

RETIRADA DO ELETRODUTO EM POSTE OU PAREDE,


865 Linha Morta LM865D 0,34 34 15
POR METRO DE ELETRODUTO
Compreende a desafixação de eletroduto rígido ou flexível em poste ou parede, através de fita de aço ou braçadeira,
para atendimento de alta ou baixa tensão ou iluminação pública.

INSTALAÇÃO DO ELETRODUTO EM POSTE OU


865 Linha Morta LM865M 0,86 86 15
PAREDE, POR METRO DE ELETRODUTO
Compreende a fixação de eletroduto rígido ou flexível em poste ou parede, através de fita de aço ou braçadeira, para
atendimento de alta ou baixa tensão ou iluminação pública.

RETIRADA DA ESFERA DE SINALIZAÇÃO, POR


866 Linha Morta LM866D 0,4 40 15
UNIDADE
Compreende a desinstalação da esfera de sinalização em cabo condutor, de identificação visual da rede.
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 50
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DA ESFERA DE SINALIZAÇÃO, POR


866 Linha Morta LM866M 0,99 99 15
UNIDADE
Compreende a instalação da esfera de sinalização em cabo condutor, para a identificação visual da rede.

RETIRADA DO ESPAÇADOR DE CABOS EM VÃO DE


867 Linha Morta LM867D 0,14 14 15
BAIXA TENSÃO, POR UNIDADE
Compreende a desinstalação de espaçador de cabos em vão de rede secundária.

INSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR DE CABOS EM VÃO DE


867 Linha Morta LM867M 0,36 36 15
BAIXA TENSÃO, POR UNIDADE
Compreende a instalação de espaçador de cabos em vão de rede secundária, para assegurar a distância mínima entre
fases.

REMOÇÃO DA PINTURA DA NUMERAÇÃO DE


868 Linha Morta LM868D 0,2 20 15
EQUIPAMENTO OU POSTE, POR UNIDADE
Compreende a remoção ou inutilização da pintura antiga de equipamento ou poste, e só será contabilizada se não
coincidir com a que está sendo aplicada.

PINTURA DA NUMERAÇÃO DE EQUIPAMENTO OU


868 Linha Morta LM868M 0,48 48 15
POSTE, POR UNIDADE
Compreende a pintura e numeração do poste para identificar equipamento instalado na estrutura e a pintura e
numeração física seqüencial de poste em redes urbana ou rural, utilizando tintas nas cores e tipo padronizadas. Está
incluído o tempo de espera para secagem de fundo, o deslocamento entre estruturas e o fornecimento do material
necessário.

Quando houver necessidade de identificar equipamento e poste na mesma estrutura, a contabilização da mão-de-obra
deverá ser independente.

869 Linha Morta LM869M RECUPERAÇÃO DE CALÇADA, POR PONTO 2,87 287 15
Consiste na reparação de calçada por ponto, (m²), no mesmo padrão da existente, com o fornecimento do material
necessário e a limpeza do local.

Quando a recuperação for pela abertura de valeta, para cada metro quadrado (m²) executado será considerado um
ponto.

RETIRADA DO SECCIONADOR DE CERCA, POR


871 Linha Morta LM871D 0,13 13 15
SECCIONADOR
Compreende a retirada do seccionador pré-romano em qualquer tipo de fio da cerca.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 51
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DO SECCIONADOR DE CERCA, POR


871 Linha Morta LM871M 0,34 34 15
SECCIONADOR
Compreende a aplicação do seccionador pré-romano em qualquer tipo de fio, o corte do fio da cerca e o acabamento de
modo a interrompê-lo fisicamente

MANILHAMENTO DE VALETAS EM ESGOTO A CÉU


872 Linha Morta LM872M 2,57 257 15
ABERTO, POR ESTRUTURA
Consiste na colocação de manilha(s) de concreto, em pontos de aplicação de estruturas que coincidam com esgoto a
céu aberto, afim de assegurar a sua sustentação. Está incluído na atividade o transporte de terra suficiente para
realização do aterro.

O fornecimento do(s) tubos de concreto necessário(s) depende das características de cada obra e fica a critério da
fiscalização da área envolvida.

874 Linha Morta LM874D RETIRADA DA PLACA DE IDENTIFICACAO, POR PLACA 0,07 7 15

Compreende a desinstalação da placa numerada no poste de identificação da chave, equipamento, estrutura e potência
dos elos fusíveis.

INSTALAÇÃO DA PLACA DE IDENTIFICAÇÃO, POR


874 Linha Morta LM874M 0,17 17 15
PLACA

Compreende a instalação da placa numerada no poste para identificação da chave, equipamento, estrutura e potência
dos elos fusíveis.

RETIRADA DO SINALIZADOR DE ESTAI DE ÂNCORA,


875 Linha Morta LM875D 0,08 8 15
POR UNIDADE
Compreende a desinstalação do sinalizador de estai de âncora de identificação visual do estai.

INSTALAÇÃO DO SINALIZADOR DE ESTAI DE ÂNCORA,


875 Linha Morta LM875M 0,22 22 15
POR UNIDADE
Compreende a instalação do sinalizador de estai de âncora para melhorar a identificação visual do estai.

TRANSPORTE DE MATERIAL E POSTE APLICADOS, POR


876 Linha Morta LM876M 4,4 440 15
TONELADA
Consiste no transporte de material até o local dos serviços, independente da distância.

*Esta tarefa é calculada automaticamente pelo sistema com base no peso do cadastro dos materiais

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 52
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

TRANSPORTE DE MATERIAL E POSTE RETIRADOS, POR


876 Linha Morta LM876D 4,4 440 15
TONELADA
Consiste no transporte de material até o almoxarifado COPEL, independente da distância.

*Esta tarefa é calculada automaticamente pelo sistema com base no peso do cadastro dos materiais

MANILHAMENTO COM FORNECIMENTO DE TUBO


878 Linha Morta LM878M 7,7 770 15
PELA EMPREITEIRA, POR UNIDADE
Consiste na colocação de manilha(s) de concreto, em pontos de aplicação de estruturas que coincidam com esgoto a
céu aberto, a fim de assegurar a sua sustentação. Estão incluídos na atividade o fornecimento do tubo de concreto pela
empreiteira, o frete para transportar o tubo de concreto, até o local da obra e o transporte de terra suficiente para
realização do aterro.

OBS.: Esta atividade só poderá ser realizada com a autorização da fiscalização.

879 Linha Morta LM879M SERV. DESLIG. DOMINGOS/FERIADOS 1 100 15


HORAS EXTRAS

Esta atividade somente deve ser contabilizada por ocasião da execução de serviços de manutenção preventiva/corretiva
de redes de distribuição urbana ou rural em horários extraordinários, cumulativamente com as demais atividades de
manutenção. Entende-se por horário extraordinário, para efeito de aplicação deste item, o seguinte:

Dias normais – das 0 às 8 horas e das 18 às 24 horas


Sábados – das 12 às 24 horas
Domingos e Feriados – período integral

Para equipe com jornada de trabalho diferenciada, a hora extra somente será contabilizada após 8:00 horas de trabalho.
Ex: Uma equipe que trabalha das 8:00 horas às 17:00 horas.
A hora-extra incidirá após 17:00 horas.

Para determinação da U.S. da atividade, deverá ser multiplicado o número de pessoas efetivamente envolvido na
manutenção, a quantidade efetiva de horas trabalhadas, incluindo-se o tempo de deslocamento até o local dos serviços
e o tempo de retorno da equipe à sua base e o coeficiente unitário de hora extra de acordo com o dia e período do
serviço, pela tabela abaixo:
Das 18:00 às 8:00 horas Das 8:00 às 12:00 horas Das 12:00 às 18:00 horas
Dias Normais 0,292 - -
Sábados 0,292 - 0,292
Domingo e Feriados 0,584 0,584 0,584
Obs.: Quando, em desligamentos programados, houver atraso no desligamento por culpa da empreiteira, este período
não deve ser considerado e deve ser aplicada a penalidade prevista em contrato.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 53
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

883 Linha Morta LM883M FORNECIMENTO DE CARTUCHO, POR UNIDADE 0,36 36 15


Consiste no fornecimento de cartucho utilizado para instalação do conector tipo cunha.

888 Linha Morta LM888M OBJETOS ESTRANHOS NA REDE, POR OBJETO 0,17 17 15
Esta atividade deve ser utilizada nos serviços de retirada de objetos estranhos da rede, tais como pipas, calçados, galhos
de árvores soltos, etc.

890 Linha Morta LM890M ADICIONAL NOTURNO 1 100 15


Esta atividade somente deve ser contabilizada por ocasião da execução de serviços de manutenção preventiva/corretiva
de redes de distribuição urbana ou rural no horário das 22:00 h às 05:00 h, cumulativamente com as demais atividades
de manutenção.

Para determinação da U.S. da atividade, deverá ser multiplicado o número de pessoas efetivamente envolvidas na
manutenção, a quantidade efetiva de horas trabalhadas e pelo coeficiente unitário de adicional noturno que é de 0,217
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 54
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

16 – Rede Compacta Protegida

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

Linha Morta LM900M RETENSIONAMENTO DE CABO MENSAGEIRO, POR 2,19 219


900 16
Linha Viva LV900M CABO 2,84 284
Compreende o retensionamento de cabo mensageiro que sustenta a rede compacta protegida, por cabo, inclusive a
fixação e desafixação do mesmo.

Linha Morta LM901M FIXAÇÃO DE CABO MENSAGEIRO NO SUPORTE L, POR 0,18 18


901 16
Linha Viva LV901M POSTE 0,23 23
Consiste em soltar e fixar o cabo mensageiro no suporte l, no retensionamento de cabo.

Linha Morta LM902D DESINSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR LOSANGULAR, POR 0,75 75


902 16
Linha Viva LV902D UNIDADE 0,97 97
Compreende a desinstalação do espaçador losangular, incluindo as desamarrações.

Linha Morta LM902M INSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR LOSANGULAR, POR 1,26 126


902 16
Linha Viva LV902M UNIDADE 1,63 163
Compreende a instalação do espaçador losangular, incluindo as amarrações.

Linha Morta LM903M SUBSTITUIÇÃO DO ISOLADOR BASTAO E/OU 0,48 48


903 16
Linha Morta LV903M GRAMPO DE ANCORAGEM, POR UNIDADE 0,62 62
Consiste na substituição de isolador bastão e grampo de ancoragem.

Linha Morta LM904M 0,55 55


904 CONEXÃO, POR UNIDADE 16
Linha Viva LV904M 0,71 71
Consiste na substituição ou execução da conexão de rede compacta protegida (jumper e derivações), incluindo a
retirada e aplicação da camada protetora

MANUTENÇÃO EM CRUZAMENTO AÉREO, POR


905 Linha Morta LM905M 2,43 243 16
CRUZAMENTO
Linha Viva LV905M 3,17 317
Compreende a execução de qualquer serviço necessário ao cruzamento aéreo.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 55
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM909D DESLIGAMENTO DE CABO PROTEGIDO XLPE 35 mm, 0,4 40


909 16
Linha Viva LV909D POR UNIDADE 0,51 51
Consiste no desligamento de rede de cabo protegido XLPE 35 mm, desconexão do conector de compressão ou conector
tipo cunha, incluindo a retirada e aplicação da camada protetora.

Linha Morta LM909M LIGAÇÃO DE CABO PROTEGIDO XLPE 35 mm, POR 1 100
909 16
Linha Viva LV909M UNIDADE 1,27 127
Consiste na ligação de rede de cabo protegido XLPE 35 mm, conexão do conector de compressão ou conector tipo
cunha, incluindo a aplicação da camada protetora.

Linha Morta LM910D RETIRADA DA EMENDA DE CABO PROTEGIDO XLPE 35 0,53 53


910 16
Linha Viva LV910D mm, POR UNIDADE 0,68 68
Consiste na execução da retirada de emenda de cabo protegido XLPE 35 mm com compressão da luva de emenda,
incluindo
a retirada da camada protetora.

Linha Morta LM910M INSTALAÇÃO DA EMENDA DE CABO PROTEGIDO XLPE 1,32 132
910 16
Linha Viva LV910M 35 mm, POR UNIDADE 1,71 171
Consiste na execução da emenda de cabo protegido XLPE 35 mm, a preparação do cabo, compressão da luva de
emenda, incluindo
a aplicação da camada protetora.

Linha Morta LM911D RETIRADA DO PROTETOR DE ESTRIBO E BUCHA, POR 0,06 6


911 16
Linha Viva LV911D UNIDADE 0,08 8
Compreende a retirada do protetor na bucha do transformador, estribos e no para raios.

Linha Morta LM911M INSTALAÇÃO DO PROTETOR DE ESTRIBO E BUCHA, 0,14 14


911 16
Linha Viva LV911M POR UNIDADE 0,18 18
Compreende a instalação do protetor na bucha do transformador, estribos e no para raios.

Linha Morta LM912D RETIRADA DO CRUZAMENTO AÉREO DE CABO 0,94 94


912 16
Linha Viva LV912D PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR FASE 1,22 122
Compreende a desinstalação do cruzamento aéreo entre as redes de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo as
seguintes atividades:
A retirada da camada protetora, desamarração dos cruzamentos, execução das desconexões a compressão ou com
conector tipo cunha.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 56
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM912M INSTALAÇÃO DO CRUZAMENTO AÉREO DE CABO 2,35 235


912 16
Linha Viva LV912M PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR FASE 3,05 305
Compreende a execução do cruzamento aéreo entre as redes de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo as seguintes
atividades:
Preparação do cabo com a retirada da camada protetora, amarração dos cruzamentos, execução das conexões a
compressão ou com conector tipo cunha e restabelecimento das camadas com a cobertura de emenda para cabo
protegido ou a colocação da capa protetora do conector.
Considera também o cruzamento aéreo de cabo XLPE 185 mm com cabo XLPE 35 mm.

Linha Morta LM913D DESLIGAMENTO DE CABO PROTEGIDO XLPE 185 mm, 0,6 60
913 16
Linha Viva LV913D POR UNIDADE 0,76 76
Consiste no desligamento de rede de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo a retirada da camada protetora,
desconexão do conector de compressão ou conector tipo cunha, aplicação da cobertura para emenda para cabo
protegido.

Linha Morta LM913M LIGAÇÃO DE CABO PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR 1,5 150
913 16
Linha Viva LV913M UNIDADE 1,91 191
Consiste na ligação de rede de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo a retirada da camada protetora, conexão do
conector de compressão ou conector tipo cunha, aplicação da cobertura para emenda para cabo protegido ou a capa
protetora do conector.

Linha Morta LM914D RETIRADA DA EMENDA DE CABO PROTEGIDO XLPE 0,72 72


914 16
Linha Viva LV914D 185 mm, POR UNIDADE 0,93 93
Consiste na abertura da emenda de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo a preparação do cabo com a retirada da
camada protetora

Linha Morta LM914M INSTALAÇÃO DA EMENDA DE CABO PROTEGIDO XLPE 1,8 180
914 16
Linha Viva LV914M 185 mm, POR UNIDADE 2,34 234
Consiste na execução da emenda de cabo protegido XLPE 185 mm, incluindo a preparação do cabo com a retirada da
camada protetora, compressão da luva de emenda e aplicação da cobertura para emenda de cabo protegido.

Linha Morta LM915D RETIRADA DO CRUZAMENTO AÉREO DE CORDOALHA 0,42 42


915 16
Linha Viva LV915D DE AÇO 6 OU 9 mm, POR UNIDADE 0,54 54
Consiste na desinstalação do cruzamento aéreo de cordoalha de 6 ou 9 mm, que serve de sustentação da rede
compacta, incluindo a desamarração e as conexões.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 57
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM915M INSTALAÇÃO DO CRUZAMENTO AÉREO DE 1,05 105


915 16
Linha Viva LV915M CORDOALHA DE AÇO 6 OU 9 mm, POR UNIDADE 1,36 136
Consiste na instalação do cruzamento aéreo de cordoalha de 6 ou 9 mm, que serve de sustentação da rede compacta,
incluindo a amarração e as conexões.

Linha Morta LM916D RETIRADA DO ESPAÇADOR LOSANGULAR COM 0,61 61


916 16
Linha Viva LV916D ANTIBALANÇO, POR UNIDADE 0,77 77
Consiste na desinstalação do espaçador losangular com anti-balanço fixado no poste, em ângulo, inclusive as
amarrações das fases.

Linha Morta LM916M INSTALAÇÃO DO ESPAÇADOR LOSANGULAR COM 1,52 152


916 16
Linha Viva LV916M ANTIBALANÇO, POR UNIDADE 1,93 193
Consiste na instalação do espaçador losangular com antibalanço fixado no poste, em ângulo, para assegurar a distância
mínima entre as fases e o poste, inclusive as amarrações das fases.

Linha Morta LM917D RETIRADA DO PARAFUSO ROSCA DUPLA EM CRUZETA 0,23 23


917 16
Linha Viva LV917D DUPLA EXISTENTE, POR UNIDADE 0,3 30
Consiste na desinstalação do parafuso de rosca dupla em cruzeta dupla existente.

Linha Morta LM917M INSTALAÇÃO DO PARAFUSO ROSCA DUPLA EM 0,57 57


917 16
Linha Viva LV917M CRUZETA DUPLA EXISTENTE, POR UNIDADE 0,74 74

Consiste na instalação do parafuso de rosca dupla em cruzeta dupla existente, para possibilitar o encabeçamento da
rede compacta.

Linha Morta LM918D 0,34 34


918 RETIRADO DO PROLONGADOR, POR UNIDADE 16
Linha Viva LV918D 0,43 43
Consiste na desinstalação do prolongador no topo do poste.

Linha Morta LM918M 0,86 86


918 INSTALAÇÃO DO PROLONGADOR, POR UNIDADE 16
Linha Viva LV918M 1,09 109
Consiste na instalação do prolongador no topo do poste para aumentar sua altura.

Linha Morta LM919D 0,37 37


919 RETIRADA DA CRUZETA 0,9 M, POR UNIDADE 16
Linha Viva LV919D 0,47 47
Consiste na desinstalação de cruzeta de aço de 0,9 m e seu fixador.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 58
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Linha Morta LM919M 0,92 92


919 INSTALAÇÃO DA CRUZETA 0,9 M, POR UNIDADE 16
Linha Viva LV919M 1,17 117
Consiste na instalação de cruzeta de aço de 0,9 m e seu fixador.

Linha Morta LM920D 0,37 37


920 RETIRADA DO SUPORTE C, P/ UNIDADE 16
Linha Viva LV920D 0,43 43
Consiste em desinstalar o suporte tipo "C" sem considerar os acessórios.

Linha Morta LM920M 0,92 92


920 INSTALAÇÃO DO SUPORTE C, P/ UNIDADE 16
Linha Viva LV920M 1,17 117
Consiste em instalar o suporte tipo "C" sem considerar os acessórios.

Linha Morta LM923D RETIRADA DA CORDOALHA DE AÇO 6 mm, POR VÃO E 0,4 40
923 16
Linha Viva LV923D CONDUTOR 0,52 52
Consiste na desinstalação de cordoalha de aço 6 mm que serve de sustentação da rede compacta protegida

Linha Morta LM923M LANÇAMENTO DE CORDOALHA DE AÇO 6 mm, POR 0,99 99


923 16
Linha Viva LV923M VÃO E CONDUTOR 1,28 128
Consiste no lançamento e tensionamento de cordoalha de aço 6 mm que serve de sustentação da rede compacta
protegida

Linha Morta LM924D RETIRADA DA CORDOALHA DE AÇO 9 mm, POR VÃO E 0,52 52
924 16
Linha Viva LV924D CONDUTOR 0,67 67
Consiste na desinstalação de cordoalha de aço 9 mm que serve de sustentação da rede compacta protegida.

Linha Morta LM924M LANÇAMENTO DE CORDOALHA DE AÇO 9 mm, POR 1,31 131
924 16
Linha Viva LV924M VÃO E CONDUTOR 1,7 170
Consiste no lançamento e tensionamento de cordoalha de aço 9 mm que serve de sustentação da rede compacta
protegida.

RETIRADA DO CABO PROTEGIDO XLPE 35 mm, POR


925 Linha Morta LM925D 0,46 46 16
VÃO E CONDUTOR
Consiste a desinstalação de cabo protegido XLPE 35 mm.

LANÇAMENTO DE CABO PROTEGIDO XLPE 35 mm,


925 Linha Morta LM925M 1,16 116 16
POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento e tensionamento de cabo protegido XLPE 35 mm.
Órgão Emissor: SEO/DPMA
Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 59
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DO CABO PROTEGIDO XLPE 185 mm, POR


926 Linha Morta LM926D 0,7 70 16
VÃO E CONDUTOR
Consiste na desinstalação de cabo protegido XLPE 185 mm.

LANÇAMENTO DE CABO PROTEGIDO XLPE 185 mm,


926 Linha Morta LM926M 1,74 174 16
POR VÃO E CONDUTOR
Consiste no lançamento e tensionamento de cabo protegido XLPE 185 mm.

Linha Morta LM927D RETIRADA DO SUPORTE HORIZONTAL E/OU BRAÇO 0,34 34


927 16
Linha Viva LV927D TIPO L, POR UNIDADE 0,43 43
Consiste na desinstalação do braço tipo L no poste, de fixação da cordoalha de aço de sustentação da rede compacta,
inclui também a desinstalação do espaçador losangular.

Linha Morta LM927M INSTALAÇÃO DO SUPORTE HORIZONTAL E/OU BRAÇO 0,86 86


927 16
Linha Viva LV927M TIPO L, POR UNIDADE 1,09 109
Consiste na instalação do braço tipo L no poste, para fixação da cordoalha de aço de sustentação da rede compacta,
inclui também a instalação do espaçador losangular.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 60
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

17 – Rede Isolada de BT

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

RETIRADA DO CABO DE ALUMÍNIO MULTIPLEXADO


940 Linha Morta LM940D 0,58 58 17
AUTO-SUSTENTADO, POR VÃO DE REDE
Consiste na desinstalação de cabo de alumínio multiplexado auto-sustentado nas bitolas de 70 mm² e 120 mm² e
desinstalação das cintas plásticas auto-travante.

INSTALAÇÃO DO CABO DE ALUMÍNIO MULTIPLEXADO


940 Linha Morta LM940M 1,46 146 17
AUTO-SUSTENTADO, POR VÃO DE REDE
Consiste no lançamento e tensionamento de cabo de alumínio multiplexado auto-sustentado nas bitolas de 70 mm² e
120 mm² incluindo os serviços de proteção das pontas dos cabos com fita auto fusão ou com tampa que acompanha o
conector perfurante e instalação das cintas plásticas auto-travante.

DESLIGAMENTO DO CONECTOR PERFURANTE, POR


942 Linha Morta LM942D 0,08 8 17
UNIDADE
Consiste no desligamento de rede de cabo de alumínio multiplexado com conector perfurante. Inclui neste item a
retirada do rabicho para ligação do consumidor e luminária e ligação das fases dos cruzamentos aéreos.

LIGAÇÃO COM CONECTOR PERFURANTE, POR


942 Linha Morta LM942M 0,2 20 17
UNIDADE
Consiste na ligação de rede de cabo de alumínio multiplexado com conector perfurante. Inclui neste item a colocação do
rabicho para ligação do consumidor e luminária e ligação das fases dos cruzamentos aéreos.

RETIRADA DO BRAÇO COM GRAMPO DE SUSPENSÃO,


944 Linha Morta LM944D 0,16 16 17
POR UNIDADE
Consiste na desinstalação do braço com grampo de suspensão no poste.

INSTALAÇÃO DO BRAÇO COM GRAMPO DE


944 Linha Morta LM944M 0,39 39 17
SUSPENSÃO, POR UNIDADE
Consiste na instalação do braço com grampo de suspensão no poste.

RETIRADA DA CAIXA DE DERIVAÇÃO PARA LIGAÇÃO


945 Linha Morta LM945D 0,2 20 17
DOS CONSUMIDORES, POR UNIDADE
Consiste na desinstalação de caixa de derivação para ligação de consumidores.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 61
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

INSTALAÇÃO DA CAIXA DE DERIVAÇÃO PARA


945 Linha Morta LM945M 0,51 51 17
LIGAÇÃO DOS CONSUMIDORES, POR UNIDADE
Consiste na instalação de caixa de derivação para ligação de consumidores.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 62
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

18 – Cabo Óptico COPEL

CÓD CÓD PM NOME US US x 100 GRUPO

832 Linha Morta LM832D RETIRADA DO CABO OTICO COPEL EM SUSPENSAO 0,87 87 18
Compreende em retirar o cabo óptico do acessório de suspensão e retirar a braçadeira BAP com os acessórios
(Braçadeira, suporte para BAP. Parafuso M12, para fuso “J” e o Acessório de Suspensão), tendo o cuidado de na retirada
não danificar as peças, pois deverão ser reaproveitadas.

O cabo óptico dever ser fixado em altura segura e de maneira que os elementos de fixação temporária não venham a
danificar o cabo, não utilizando arames finos ou elementos cortantes, fixar o cabo sem que o mesmo sofra ângulos mais
fechados que 45º.

832 Linha Morta LM832M INSTALAÇÃO DO CABO OTICO COPEL EM SUSPENSAO 0,87 87 18
Compreende em reinstalar a Braçadeira BAP com os seus acessórios e o Acessório de Suspensão e reinstalar o cabo
óptico retensionando o cabo manualmente de maneira que o mesmo fique em altura segura.

A Rede óptica da COPEL é instalada acima da Luminária. Todas as pendências que por falta de material ou na
impossibilidade de retorno do Cabo Óptico ao seu original, deve ser informado ao Setor de Telecomunicações da COPEL.

RETIRADA DO CABO OTICO COPEL EM ANCORAGEM


833 Linha Morta LM833D 0,87 87 18
DIRETA
Compreende em retirar o cabo óptico do acessório de ancoragem, pode ser do tipo CUNHA ou ALÇA PREFORMADA e
retirar a braçadeira BAP com os acessórios, (Braçadeira, suporte para BAP. Parafuso M12, para fuso “J” e o Acessório de
Ancoragem) tendo o cuidado de na retirada não danificar as peças, pois deverão ser reaproveitadas.

O cabo óptico dever ser fixado em altura segura e de maneira que os elementos de fixação temporária não venham a
danificar o cabo, não utilizando arames finos ou elementos cortantes, fixar o cabo sem que o mesmo sofra ângulos mais
fechados que 45º.

INSTALAÇÃO DO CABO OTICO COPEL EM


833 Linha Morta LM833M 0,87 87 18
ANCORAGEM DIRETA
Compreende em reinstalar a Braçadeira BAP com os Acessórios de Ancoragem do Cabo Óptico, retensionando o cabo
manualmente de maneira que o mesmo fique em altura segura e bem fixado ao elemento de Ancoragem.

A Rede óptica da COPEL é instalada acima da Luminária. Todas as pendências que por falta de material ou na
impossibilidade de retorno do Cabo Óptico ao seu original, deve ser informado ao Setor de Telecomunicações da COPEL.

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 63
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DA CORDOALHA DIELET. S/ CBO OTICO


847 Linha Morta LM847D 0,87 87 18
COPEL
Compreende em retirar a cordoalha e retirar a braçadeira BAP com os acessórios (Braçadeira, suporte para BAP.
Parafuso M12, para fuso “J”, a Porca Olhal. A Sapatilha e a Alça pré-romana para cordoalha Dielétrica), tendo o cuidado
de na retirada não danificar as peças, pois deverão ser reaproveitadas.

INSTALAÇÃO DA CORDOALHA DIELET. S/ CBO OTICO


847 Linha Morta LM847M 0,87 87 18
COPEL
Compreende em reinstalar a Braçadeira BAP com os seus acessórios e reinstalar a Cordoalha, (para tensionar a
Cordoalha pode se utilizar Catraca), reinstalar o Cabo Óptico na Cordoalha, utilizando-se de Fio de Espinar para fixar o
Cabo à Cordoalha.

A Rede óptica da COPEL é instalada acima da Luminária. Todas as pendências que por falta de material ou na
impossibilidade de retorno do Cabo Óptico ao seu original, deve ser informado ao Setor de Telecomunicações da COPEL.

RETIRADA DA CORDOALHA DIEL. CBO OTICO COPEL


948 Linha Morta LM948D 0,87 87 18
ESPINADO
Compreende em retirar a cordoalha e retirar a braçadeira BAP com os acessórios (Braçadeira, suporte para BAP.
Parafuso M12, para fuso “J”, a Porca Olhal. A Sapatilha e a Alça pré-romana para cordoalha Dielétrica), tendo o cuidado
de na retirada não danificar as peças, pois deverão ser reaproveitadas.

A cordoalha com a Caixa de Emenda Óptica deve ser fixada em altura segura e de maneira que os elementos de fixação
temporária não venham a danificar o cabo, não utilizando arames finos ou elementos cortantes, fixar o cabo sem que o
mesmo sofra ângulos mais fechados que 45º. Cuidar para que o espinamento do cabo não se solte

INSTALAÇÃO DA CORDOALHA DIEL. CBO OTICO


948 Linha Morta LM948M 0,87 87 18
COPEL ESPINADO
Compreende em reinstalar a Braçadeira BAP com os seus acessórios e a Alça para Cordoalha Dielétrica, retensionando a
cordoalha para sua fixação ao poste, para retensionar a Cordoalha pode se utilizar Catraca.

A Rede óptica da COPEL é instalada acima da Luminária. Todas as pendências que por falta de material ou na
impossibilidade de retorno do Cabo Óptico ao seu original, deve ser informado ao Setor de Telecomunicações da COPEL

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 64
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

RETIRADA DA CORDOALHA DIELET. CX EMENDA


949 Linha Morta LM949D 0,87 87 18
OTICA COPEL
Compreende em retirar a cordoalha e retirar a braçadeira BAP com os acessórios (Braçadeira, suporte para BAP.
Parafuso M12, para fuso “J”, a Porca Olhal, a Sapatilha e a Alça pré-romana para cordoalha Dielétrica), tendo o cuidado
de na retirada não danificar as peças, pois deverão ser reaproveitadas.

Ao retirar a Caixa de Emenda Óptica deve se cuidar para não fazer movimentos bruscos ou deixar cair, pois a s fibras
podem se soltar da Bandeja de Emenda e vir a quebrar.

A cordoalha com a Caixa de Emenda Óptica, dever ser fixada em altura segura e de maneira que os elementos de fixação
temporária não venham a danificar o cabo, não utilizando arames finos ou elementos cortantes, fixar o cabo sem que o
mesmo sofra ângulos mais fechados que 45º. Cuidar para que o espinamento do cabo não se solte.

INSTALAÇÃO DA CORDOALHA DIELET. CX EMENDA


949 Linha Morta LM949M 0,87 87 18
OTICA COPEL
Compreende em reinstalar a Braçadeira BAP com os seus acessórios e reinstalar a Cordoalha, (para tencionar a
Cordoalha pode se utilizar Catraca), reinstalar o Cabo Óptico e a Caixa de Emenda na cordoalha, utilizando-se de Fio de
Espinar.

Ao reinstalar a Caixa de Emenda Óptica, deve se cuidar para não fazer movimentos bruscos ou deixar cair, pois a s fibras
podem se soltar da Bandeja de Emenda e vir a quebrar.

A Rede óptica da COPEL é instalada acima da Luminária. Todas as pendências que por falta de material ou na
impossibilidade de retorno do Cabo Óptico ao seu original, deve ser informado ao Setor de Telecomunicações da COPEL.
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 65
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Atividades especiais
Atividades especiais (por tempo)

As atividades especiais são compostas por serviços com variações de tempos irregulares, onde não há possibilidade de
compor a quantidade média de US. Para obter a quantidade de US para essas atividades, o técnico responsável pela
equipe deverá estar presente no local do serviço, cronometrar o tempo, converter o tempo em número decimal para o
lançamento do resultado na ordem. O Cálculo para obter a quantidade de US nesses casos, é obtido conforme a
fórmula:

QUS = (Tm / 60) x Qe x 2,05


Onde:

QUS = Quantidade de US
Tm = Tempo efetivo na execução da tarefa em minutos
Qe = Quantidade de elementos envolvidos na tarefa
2,05 = Fator de ajuste que engloba atividades de preparo comum a todas as atividades de manutenção.

O valor a ser lançado na ordem deve ser calculado da seguinte forma:


O tempo deve ser convertido para o formato decimal e multiplicado quantidade de elementos
Exemplo: 3 pessoas x 2h45min de atividade
2h = 2 * 60 minutos = 120 minutos
120 + 45 = 165 minutos - ou seja 2h45min equivalem a 165 minutos
165 minutos / 60 = 2,75
2,75 x 3 x 2,05 = 16,91 – valor a ser multiplicado por 100 (16,91 x 100= 1.691) e lançado no campo Dur. do grid de
operação da ordem.

Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 66
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Resumo das tarefas (Cód x Grupo)


Cód. Grupo Cód. Grupo Cód. Grupo Cód. Grupo Cód. Grupo Cód. Grupo Cód. Grupo
664 1 718 2 755 4 797 15 837 13 878 15 947 5
665 1 719 2 756 4 799 1 838 13 879 15 948 18
666 1 720 2 757 4 800 9 840 13 881 12 949 18
667 1 721 2 760 5 801 9 841 13 883 15
668 1 722 2 761 5 802 9 842 13 888 15
669 1 723 2 762 5 805 10 843 13 890 15
670 1 724 2 763 5 806 10 844 13 900 16
671 1 725 2 766 10 807 10 845 13 901 16
672 1 726 2 767 6 808 10 846 13 902 16
673 1 727 2 768 6 809 10 847 18 903 16
674 1 728 2 769 6 810 10 848 15 904 16
675 1 729 2 770 6 812 3 849 15 905 16
676 1 730 2 771 6 813 11 850 14 909 16
677 1 731 2 772 6 815 11 851 14 910 16
678 15 732 2 773 6 816 11 852 14 911 16
681 1 733 2 774 6 817 11 853 14 912 16
686 12 734 2 775 6 818 11 854 14 913 16
691 15 735 2 776 6 819 11 855 14 914 16
692 15 736 2 780 7 821 11 856 14 915 16
693 12 737 2 781 7 822 3 858 15 916 16
694 12 738 2 782 7 823 12 859 15 917 16
695 10 739 2 783 7 824 12 862 15 918 16
696 5 740 3 784 7 825 12 863 15 919 16
697 4 741 3 785 7 826 12 864 15 920 16
698 3 742 3 786 7 827 12 865 15 923 16
699 3 743 3 787 7 828 12 866 15 924 16
705 2 744 3 788 7 829 12 867 15 925 16
707 1 745 3 789 7 830 12 868 15 926 16
712 2 748 3 790 7 831 12 869 15 927 16
713 2 750 2 792 8 832 18 871 15 929 12
714 2 751 4 793 8 833 18 872 15 940 17
715 2 752 4 794 8 834 13 874 15 942 17
716 2 753 4 795 8 835 13 875 15 944 17
717 2 754 4 796 8 836 13 876 15 945 17
Retornar ao topo

Órgão Emissor: SEO/DPMA


Título Módulo Folha
Título: MANUTENÇÃO DE REDES DE DISTRIBUIÇÃO
09 03 67
Versão
Módulo: ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO DE REDES
Abril/2015

Quadro de revisões do documento

Versão Início da Área / responsável Descrição das alterações


Vigência
1a5 01/12/08 SED/DOMD MIT 163204
Junho/2014 01/06/2014 SEO/DPMA Alteração do n° do MIT 163204 para MIT 160903
Abril/2015 06/04/2015 SEO/DPMA Versão revisada e adaptada para utilização no módulo PM SAP
Abril/2015 15/04/2015 SEO/DPMA Correção da fórmula das atividades especiais – folha 65

Retornar ao topo

Aprovação

Versão do MIT em vigor a partir do dia 01 de Abril de 2015

Visto:

__________________________
Julio Shigeaki Omori - DPMA

Aprovado:

___________________________
Péricles José Neri - SEO

Órgão Emissor: SEO/DPMA

Interesses relacionados