Você está na página 1de 7

____________________________________________________

Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.1_____________

Aula Prática no 5

Tema: Hábito e Clivagem

Hábito
Hábito de um mineral é a aparência externa de um mineral, ou a forma característica e
comum, ou a combinação de formas cristalográficas, em que o mineral se cristaliza. Pode
haver uma maior ou menor dificuldade na observação do hábito dos cristais em especial
nas seções delgadas. Isto porque uma estrutura tridimensional (forma cristalina) é
seccionada segundo uma direção qualquer e observada em um único plano. Assim, na
identificação do hábito mineral, há necessidade de se ter conhecimento de cristalografia
para a reconstrução da estrutura representada.
A determinação correta do hábito de um mineral é considerada muito importante para a
sua identificação microscópica.
O hábito é definido para:

1- Presença ou não de faces de formas cristalinas:


Mineral Euhedral= aquele bem formado, delimitado inteiramente por faces cristalinas.
Mineral Anhedral= aquele mal formado que não apresenta nenhuma face cristalina.
Mineral Subhedral= aquele razoavelmente formado que é delimitado parcialmente por
faces cristalinas.

2- Quanto à forma dos cristais ou agregados cristalinos. Os mais importantes são:

Hábito tabular Hábito prismático Hábito lamelar


____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.2_____________

Hábito acicular Hábito equidimensional Hábito granular

Vejamos agora ao microscópi:

Hábito GRANULAR
Rocha: arenito da Formação Bauru
Mineral: quartzo
Lâminas: 571-580 ou 921-930
____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.3_____________

Hábito ACICULAR:
Mineral: Actinolita (pó)
Lâminas: 421-430, ou 1111-1120,

Hábito: PRISMÁTICO
Mineral: Sillimanita
Rocha: granada-sillimanita Gnaisse
Lâminas: 2421-2435.
____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.4_____________

Hábito TABULAR
Mineral: Cianita

Seção Delgada Lâmina de pó


(2436-2441) (361-380 ou 1076-1080)

Hábito: LAMELAR
Mineral: Biotita em seção delgada de Epidoto-Biotita-Gnaisse com calcita e muscovita;
Lâminas 2455-2462 e

2051-2070 Mineral: Talco em seção delgada de Talco Xisto.


____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.5_____________

Clivagem
Clivagem é a propriedade de um mineral se romper de forma a produzir superfícies
planas com direções definidas.
Vimos na Mineralogia que a clivagem pode ser classificada quanto a qualidade
(perfeita, boa, imperfeita, etc) e quanto ao número de direções e o ângulo entre elas.

UMA DIREÇÃO
Mineral: Biotita em Mela Biotita Sienito - Lâminas: 841-850

DUAS DIREÇÕES

Mineral: hornblenda em seção delgada de anfibolito, Lâminas: 451-460,


____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.6_____________

Mineral: augita em seção delgada de piroxenito, Lâminas 1761-1770


,

TRÊS DIREÇÕES
Cúbica, Mineral: Halita (pó) Lâminas: 1891-1910

Romboédrica: mineral: calcita

calcita (pó) calcita em carbonatito


(Lâminas 1221-1230) (Lâminas 2469-2471
____________________________________________________
Mineralogia Óptica, Nardy, A.J.R ; práticas, PV, pag.7_____________

QUATRO DIREÇÕES - Octaédrica, Mineral: Fluorita em pó, Lâminas 1201-1210,

Prática de Revisão e Fixação


Determine todas as propriedades que você já estudou de um dos minerais das séries:

681-690: mineral levemente acastanhado de relevo mais alto, olivina ou augita em


diabásio
Cor/pleocroísmo: ___________________________________
Hábito:___________________________________________

Relevo:___________________________________________

Clivagem:_________________________________________

2455-2462, mineral de mais alta cor de interferência (epidoto)


Cor/pleocroísmo: ___________________________________
Hábito:___________________________________________

Relevo:___________________________________________

Clivagem:_________________________________________

Há informações acerca desta aula em: www.rc.unesp.br/igce/petrologia/nardy/elearn.html.

Nardy, 2007