Você está na página 1de 6

INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

Curso de Engenharia Mecatrônica


2 AP de CIRCUITOS ELÉTRICOS II
Resolva os problemas abaixo utilizando o conceito de fasores

Aluno:

1. No circuito da Fig. 1(a), tem-se I¯s = 56 − 30o[A] e seu diagrama fasorial correspondente
está representado ao lado. Sendo fs = 60Hz. Determine:
r Is
Vs
V1
L V2
Vs V2
o
R=10W 60 75 o

V1
(a) (b)

Is R

V1 r=10W V1
vs V2 60 o 75 o
C
Vs
(c) (d)

Figura 1: (a )-(b) Questão 1 e (c)-(d) Questão 2

(a) Vs , V1 e V2 ;
(b) os valores da indutância L e da resistência r.

2. No circuito da Fig. 1(c), são dados:

vs (t) = 254 cos(377t − 60o ) (1)

e o diagrama de fasores correspondente (d). Determine:

(a) as tensões V̄1 e V̄2 , bem como a corrente I¯s , no domı́nio da frequência e no domı́nio
do tempo;
(b) os valores de R e C.

3. O circuito da Fig. 2(a), é alimentado com tensão eficaz V̄s = 2006 0o [V ] (ωs = 314rad/s),
sendo o amperı́metro de ferro móvel ideal. Determine:

(a) a indicação do amperı́metro;


(b) os valores eficazes das corrente i1 e i2 e suas expressões no domı́nio do tempo;
(c) o diagrama de fasores correspondente.

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 1


INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

10W 0,2H
A
i1 i2 is i1 i2
10W 20W 10W R
Vs Vs V2
0,2H 500mF 0,4H C

(a) (b)

Figura 2: (a ) Questão 3 e (b) Questão 4

4. No circuito da Fig. 2(b), tem-se V̄s = 2006 0o [V ] (ωs = 100rad/s) e I¯1 = 3, 56 − 100o[A].
Determine:

(a) a tensão V̄2 ;


(b) as correntes I¯s , I¯2 , a evolução no tempo de is (t), i2 (t), e as energias armazenadas no
indutor de 0, 4H e no capacitor C;
(c) os valores de R e C;
(d) o diagrama de fasores. (Utilize o MAT LAB)

5. Para o circuito mostrado na Fig. 3(a), encontre o circuito equivalente de Thévenin em


relação aos pontos A e B. Qual o valor da corrente que passará no resisitor de 4Ω ligado
entre os pontos A e B.

2H 12H is R
A
is 40W
20W vs L
2500mF
B
is=5Ö2sin10t (A) 3,2H C=500mF
(a) (b)

Figura 3: (a ) Questão 5 e (b) Questão 6

6. No circuito RLC série da√Fig. 3(b), a tensão da fonte é vs = 100 cos(200t + 60o ) e a
corrente é dada por is = 5 2 cos(200t + 15o). Determine R e L.
7. Para as redes da Fig. 4, escreva o sistema de equações, na forma matricial resultante da
análise de malha. Utilize o MAT LAB, para resolver os sistemas de equações e encontre os
valores das correntes. Para o circuito da Fig. 4(a), trace as curvas de evolução no tempo
das correntes nos 3 ramos, as potências fornecidas pelas fontes v1 , v2 e v3 (Comente sobre
o comportamento das potências). Além disso, para o circuito da Fig. 4(b), calcule as
potências aparente, ativa e reativa fornecida por cada fonte.
8. Para o circuito da Fig. 5(a), escreva o sistema de equações pela análise nodal. Utilize o
MAT LAB e determine a evolução no tempo das tensões v1 , v2 e da corrente no indutor
de 0, 2H.
9. Uma carga de impedância Z̄L = 10 + j10Ω é alimentada por uma tensão de 220V e 60Hz
(ver - Figs. 5(b) e (c)). Determine:

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 2


INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

10W -j10W 20W j40W

20W 0,1H 30W 0,2H 10W


v1 =20cos(100t)[V] -j20W
20W 500mF 200Ð20°[V] 50Ð-30°[V]
100Ð0°[V]

v3 =80cos(100t+60 )
i1 0,3H 10W

10W 1000mF 20W j10W 10W -j10W


10W o

j20W -j30W
v2= 50sin(100t) [V] o
50Ð60°[V]
(a) (b)

Figura 4: (a ) Questão 7

Figura 5: (a ) Questão 8, (b) e (c) Questão 9

(a) o fator de potência (F P ) da carga e a corrente de linha;


(b) as potência ativa, reativa e aparente consumidas pela carga;
(c) o capacitor colocado em derivação (paralelo) com a carga, a fim de que o F P aumente
para 0, 9 (Fig. 5(c));
(d) a nova corrente de linha após a colocação do capacitor em paralelo.

10. Um conjunto de cargas, alimentado por uma fonte de tensão de valor eficaz V̄s = 2206 0o V −
60Hz, é de um motor M1 que consome 45kV A com fator de potência 0, 7 (atrasado); um
M2 que consome 1, 0kV Ar com fator de potência 0, 6 (adiantado) e por uma estufa E que
consome 1, 5kW com fator de potência 0, 9 (atrasado). Determine:

(a) (ver a Fig. 6(a)) as potências totais, ativa, reativa e aparente consumidas pelo
conjunto e o fator de potência do mesmo;
(b) a corrente na linha de alimentação (desconsidere a resistência de linha RL );
(c) o capacitor (C) a ser ligado em derivação com o conjunto para que o F P do mesmo
seja 0, 95 atrasado;
(d) a nova corrente de linha de alimentação, após a colocação do capacitor;
(e) a variação percentual das potência dissipada na linha, consideradas as potências
dissipadas antes e após a ligação do capacitor em paralelo com o conjunto (considere
a resistência linha concentrada em RL ).

11. Um transformador (traf o) tem capacidade para fornecer 50kV A sob tensão eficaz de
440V . Quando o trafo estiver fornecendo 30kW com fator de potência 0, 8 para uma

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 3


INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

carga indutiva, que percentagem de sua potência de plena carga ele está fornecendo? Que
carga resistiva deverá ser adicionada à carga existente para ele entrar em plena carga, e
qual o F P nesta nova situação?
12. No trecho AB da Fig. 6(b), B1 e B2 são dois bipolos lineares, ideais e passivos. Quando o
vs (t) = 200 cos(10t+30o ) [V ], ele consome a potência
referido trecho é submetido à tensão √
P = 1000W , com fator de potência 2/2 (atrasado). Determine:
Is F N
A is 0,01F B
RL B1 B2
Vs=220Ð0 o M1 M2 E C
vs
(a) (b)

Figura 6: (a ) Questão 10 e (b) Questão 12.

(a) a corrente is (t) e a impedância do trecho AB;


(b) a natureza dos bipolos B1 e B2 , especificando seus parâmetros caracterı́sticos;
(c) as potências ativa, reativa e aparente consumidas pelo trecho.

13. O trecho do circuito AB da Fig. 7(a), consome a potência aparente S = 6, 4kV A com
F P = 0, 78 (atrasado), quando alimentado com tensão eficaz V̄s = 6406 0o V (ωs =
100rad/s). B1 e B2 são bipolos lineares ideais e passivos. Determine:

(a) a corrente Is e a impedância do trecho AB;


(b) a natureza dos bipolos B1 e B2 ;
(c) as potências ativa e reativa consumidas no referido trecho.

i1 R1 50mH
15W 800mF B Y B1 X
A
B1 B2 A B
is R2
100mH is i2
B2 Q
vs P
(a) (b)

Figura 7: (a ) Questão 13 e (b) Questão 14.

14. O trecho do circuito AB, Fig. 7(b), está submetido à tensão eficaz V̄ = 2006 0o V (ω =
100rad/s) e consome a potência ativa total P = 2480W . O trecho XY consome a potência
P1 = 1280W com fator de potência 0, 8 (adiantado) e o trecho P Q consome uma potência
reativa Q2 = 1600V Ar. Determine:

(a) as correntes I1 , I2 e Is e o F P do trecho AB;


(b) as resistências R1 e R2 e a natureza dos bipolos B1 e B2 .

15. Na Fig. 8(a) é mostrado um trafo com capacidade para fornecer a potência aparente
máxima de 40kV A está alimentando uma carga constituı́da por um motor (M1 ) que
consome 10kV A sob fator de potência 0, 6 atrasado, um motor (M2 ) que consome 6kV Ar
sob fator de potência 0, 7 atrasado; um motor (M3 ) com fator de potência 0, 45 atrasado.
Determine:

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 4


INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

(a) o fator de potência do conjunto e a corrente de linha com a chave K aberta;


(b) o fator de potência do conjunto e a corrente na linha com a chave K fechada, sabendo-
se que o trafo nesta situação opera a plena carga.

trafo A
IL 5W
K Vs 4W
Vs M1 M2 M3 333,3mF

(a) (b)

Figura 8: (a ) Questão 15 e (b) Questão 16.

16. No circuito da Fig. 8(b), o amperı́metro de ferro móvel indica 30A. Determine as
potências ativa, reativa e aparente consumidas no mesmo (ω = 1000rad/s).

17. Uma carga, alimentada com tensão eficaz de 440V −60Hz, é constituı́da por um motor de
indução que consome a potência ativa de 6kW com fator de potência 0, 6 (atrasado) e por
dois motores sı́ncronos de 1kV A e 2kV A com o mesmo fator de potência 0, 8 (adiantado).
A chave K está inicialmente na posição A (ver Fig. 9(a)). Determine:

2H 12W
IL A A
K
5sin(10t)[A]

40W
C B 20W 4W
440V 50W 47,5mF 2500mF
60Hz M1 M2 M3
B
(a) (b) 3,2mH
o

Figura 9: (a ) Questão 17 e (b) Questão 18.

(a) o fator de potência do conjunto e a corrente de linha de alimentação da referida


carga;
(b) o fator de potência do conjunto, quando a chave K passa da posição A para a posição
B;
(c) a corrente na linha de alimentação na situação do item anterior;
(d) o F P do conjunto, quando a chave K passa da posição B para a posição C.

18. Determine o gerador de Thévenin equivalente da parte situada à esquerda de AB e calcule


a potência dissipada em R = 4Ω (ver Fig. 9(b)).

19. Calcule os valores médios e eficazes (rms) das ondas


√ mostradas na Fig. 10. O sinal (d) é
simétrico a cada um quarto de ciclo (i(t) = IM t).

20. Utilize o MAT LAB e trace as curvas de variação da corrente, potência ativa, reativa e
total, e do fator de potência ao variar a resistência, do circuito mostrado na Fig. 11(a)
desde 0 até 10Ω, no qual se conhece XL = 4Ω e Vs = 100V . Para cada valor de resistência
marque o lugar geométrico da corrente I¯s (tente a função compass).

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 5


INSTITUTO FEDERAL DE EDUCAÇÃO, CIÊNCIA E TECNOLOGIA DO CEARÁ

(A) (A)
2 2

0 1 2 3 4 5 t(ms) 0 1 2 3 4 5 t(ms)

(a) (b)
VM

0 8 16 t(ms) 0 1 2 4 5 t(s)
i=IMÖt

(c) (d)

Figura 10: Questão 19.


L
Is Is
R
Vs Vs C
jXL R V0

(a) (b)

Figura 11: (a ) Questão 20 e (b) Questão 21.

21. Para o circuito tanque mostrado na Fig. 11(b), determine e analise o comportamento
da impedância em torno da frequência de ressonância (ω0 ). O valor da impedância e da
tensão V0 na frequência de 500Hz. Para os valores de Q = 0, 5 ; 5 e 50 trace os graficos de
20log(V0/Vs ) versus log(ω/ω0) e da fase da tensão de saı́da (0, 1ω0 < ω < 10ω0). Dados:
R = 8Ω; L = 2, 38mH; C = 14, 14µF ; Vs = 10V .

Clayton RICARTE LISTA DE EXERCÍCIO 2 6