Você está na página 1de 101

MANUAL

COMO DESENHAR UMA CASA COMPLETA NO

REVIT
MESMO QUE VOCÊ NÃO TENHA EXPERIÊNCIA

Autor
Ronaldo Carreta
ÍNDICE
1 – INTRODUÇÃO
2 – CONHECENDO O REVIT 2018
3 – INICIANDO O PROJETO
4 – UNIDADES DE MEDIDAS
5 – CRIANDO NÍVEIS
6 – SALVANDO O PROJETO
7 – DESENHO DAS PAREDES EXTERNAS
8 – DESENHO DAS PAREDES INTERNAS
9 – FORMAS DE VISUALIZAÇÃO
10 – DESENHO DO PISO E CALÇADA
11 – INSERINDO AS PORTAS
12 – INSERINDO AS JANELAS
13 – CORTANDO UMA PAREDE
14 – INSERINDO O FORRO
15 – INSERINDO O TELHADO
16 – APLICANDO MATERIAIS
APRESENTAÇÃO
Seja bem-vindo ao mundo do Revit, um programa da Autodesk que funciona com a
tecnologia BIM (Modelagem de Informações de Construção).
Através das suas ferramentas é possível usar o processo para que seja feito modelos
para planejar, projetar, construir e gerenciar edifícios e infraestruturas.

O Revit apresenta recursos para projeto de arquitetura, engenharia de sistemas


mecânicos, elétricos e hidráulicos, engenharia estrutural e construção. Além disso,
ele possui suporte a um processo de projeto multidisciplinar, para trabalhos colaborativos.

Neste caso, ao iniciar o projeto, o usuário inicia a modelação dos componentes de


construção, e pode fazer a análise e simular sistemas e estruturar e inteirar os projetos.
Com a opção de colaboração, é possível ter acesso aos modelos e garantir uma melhor
coordenação e agilidade no trabalho.

Este manual, cujo título é COMO DESENHAR UMA CASA COMPLETA NO REVIT MESMO QUE
VOCÊ NÃO TENHA EXPERIÊNCIA, foi preparado com muito carinho pelo professor Ronaldo
Carreta com o objetivo de dar os primeiros passos no Revit.

Bons estudos!

1 – INTRODUÇÃO
A intenção deste manual é introduzir o aluno ao desenho arquitetônico neste incrível pro-
grama que é o Revit. Trabalharemos na versão 2018, mas você conseguirá acompanhar
em versões anteriores também. Neste manual você irá desenhar uma casa completa de
uma forma simples e rápida. É claro que não veremos todos os recursos de que o Revit
é capaz de fazer pois isso tornaria a sua introdução mais complicada, o importante é dar
um passo de cada vez. Uma coisa é certa que após este manual completado, você estará
muito mais capacitado de dar o segundo passo que é o aperfeiçoamento.
2 – CONHECENDO O REVIT 2018
Logo após abrir o Revit 2018, será exibido a tela de início conforme a imagem abaixo.

1 – Guia Arquivo - A guia Arquivo fornece acesso às ações comuns dos arquivos, como Novo, Abrir e Salvar.
Ele também permite gerenciar os seus arquivos utilizando ferramentas mais avançadas, como Exportar e Publicar.

2 – Projetos – Exibe várias formas de iniciar um projeto, seja criando um novo a partir de modelos ou então abrindo
um projeto existente.

3 – Últimos projetos abertos – Exibe os últimos projetos abertos, facilitando o seu acesso.

4 – Famílias – Através destas opções podemos abrir uma família existente ou então criar uma nova.

5 – Últimas famílias abertas - Exibe as últimas famílias abertas, facilitando o seu acesso.

6 – Recursos para o usuário – Exibe opções de ajuda com o programa, vídeos demonstrativos, aplicativos e
acesso a comunidades.
3 – INICIANDO O PROJETO
- Para iniciar um novo projeto de arquitetura através da tela iniciar, clique em Novo (1);
- Na janela Novo Projeto, escolha Modelo de Arquitetura (2), marque Projeto (3) e clique
em OK (4).

- Abaixo temos a imagem da área de trabalho do Revit 2018;


- Segue abaixo o detalhamento da área de trabalho do Revit 2018.

1 – Barra de ferramentas de Acesso Rápido - Contém um conjunto de ferramentas padrão.


É possível personalizar esta barra de ferramentas para exibir as ferramentas que você usa com maior frequência.

2 – Barra de Títulos – Exibe o título do arquivo que está sendo exibido.

3 – InfoCenter - Fornece um conjunto de ferramentas que permite acessar diversas fontes de informações
relacionadas aos produtos.

4 – Botões de Controle das Janelas – Tem as funções de minimizar, restaurar ou fechar o programa com todos
os arquivos abertos.

5 – Guia Arquivo – Já descrita acima.

6 – Faixa de Opções – Exibe um conjunto de ferramentas divididas em painéis e guias.

7 – Painéis da Faixa de Opções – Exibe um conjunto de ferramentas divididas por categorias.

8 – Ferramentas da Faixa de Opções – Ferramentas com funções diversas.

9 – Guias da Faixa de Opções – Exibe um conjunto de painéis e ferramentas divididas por categorias.

10 – Guia Contextual - Fornece ferramentas relevantes para o objeto selecionado ou a ação atual.

11 – Controle de Exibição da Faixa de Opções – Fornece opções para ocultar a faixa de opções, deixando uma
área de trabalho maior para o trabalho.

12 - Barra de Opções - Está localizada abaixo da faixa de opções. Exibe ferramentas condicionais dependentes
da ferramenta atual ou do elemento selecionado.
13 – Área de Desenho - A área de desenho exibe vistas, folhas e tabelas do projeto atual. Cada vez que você abre
uma vista em um projeto, a vista é exibida na área de desenho e na frente de outras vistas abertas.

14 – Paleta Propriedades - A paleta de propriedades é uma janela de diálogo onde é possível visualizar e modificar
os parâmetros que definem as propriedades dos elementos.

15 – Família da Ferramentas Ativa – Famílias são conjuntos de tipos de objetos com características e medidas
diferentes.

16 – Tipos de objetos dentro das famílias – São objetos com características e medidas diferentes divididos por
famílias.

17 – Navegador do Projeto - O Navegador de projeto mostra uma hierarquia lógica para todas as vistas, tabelas,
folhas, grupos e outras partes do projeto atual. Quando se expande ou retrai cada ramo, itens de menor nível
são exibidos.

18 – Barra de Controle de Vista - Fornece rápido acesso às funções que afetam a vista atual.

19 – Barra de Status - A barra de status fornece dicas sobre o que fazer. Quando você realça um elemento ou
componente, a barra de status exibe o nome da família e o tipo.

20 - Botões de Controle das Janelas dos Arquivos Abertos – Tem as funções de minimizar, restaurar ou fechar
o arquivo ou vista da janela atual.
4 – UNIDADES DE MEDIDAS
Podemos definir as unidades de medidas dos projetos, antes durante ou após a sua execução.

- Para configurar as unidades de medidas de um projeto você deve clicar na guia Gerenciar (1);
- No painel Configurações, clique em Unidades do projeto UN (2);
- Na janela Unidades do projeto, clique sobre o valor de Linear (3);
- Na janela Formato altere as Unidades para Centímetros (4), Arredondamento 2 casas decimais (5);
- Clique em OK (6);
- Repita os passos para alterar as unidades de medidas de Inclinação (7), para Percentual (8), 2 casas decimais (9);
- Clique em OK (10).

5 – CRIANDO NÍVEIS
Os níveis devem ser criados para delimitar os posicionamentos verticais das construções em relação a
um nível inicial 0 (zero).
Os níveis para o nosso projeto serão criados conforme a imagem abaixo:
- Para criar e configurar níveis, devemos localizar no Navegador de projeto, a opção Elevações (1), dê um duplo
clique em uma das visualizações laterais do projeto, neste caso a Sul (2);
- Podemos visualizar na área de desenho, os níveis padrões já criados (3).

- Primeiramente vamos configurar os níveis existentes, conforme a necessidade de nosso projeto e posteriormente
aprenderemos como criar novos níveis.
- Aumente o Zoom (girando a bolinha do mouse) na área dos níveis, para uma melhor visualização;
- Clique sobre a medida do Nível 1, para alterá-la;
- Insira o valor 5 e pressione a tecla Enter;
- Clique sobre o nome Nível 1 (1) e vamos alterar seu nome para 1-Calçada;
- Pressione a tecla Enter ou então dê um clique fora;
- Irá aparecer uma janela de confirmação, clique em Sim (2);

- Para o Nível 2, altere sua medida para 295 e seu nome para 3-Cobertura;

- Clique sobre a medida do Nível 1, para alterá-la;


- Para criar um novo nível, clique na guia Arquitetura (1) e no painel Dados, clique em Nível LL (2);
- A guia Modificar ficará ativa para que possamos escolher um ferramenta de desenho ou edição;
- Com a ferramenta de Linha (1) ativada, vamos desenhar um novo nível;
- Leve o cursor até o lado esquerdo entre os níveis criados (2);
- Deverá aparecer uma linha pontilhada (2), indicando o alinhamento do início deste novo nível em relação aos
outros;
- Dê um clique nesta posição (2);
- Mova o cursor para o lado direito, até alinhar aos outros níveis e clique novamente (3);

- Mova o cursor para o lado direito, até alinhar aos outros níveis e clique novamente (3);
- Com o nível criado, vamos configurar sua medida para 15 (4);

- Altere o seu nome para 2-Piso (5) e pressione a tecla Enter;


- Confirme a alteração do nome do nível, clicando em sim (6);
Poderá ocorrer uma sobreposição de níveis devido as distancias entre eles, abaixo eu mostro como deixar tudo
organizado.
- Selecione o nível 1-Calçada, clicando sobre a sua linha (1);
- Clique sobre o símbolo de quebra (2);

- Repita os passos acima para o nível 2-Piso (1) e (2);


- Neste caso ele foi jogado para baixo e ficou sobre o outro nível;
- Para posicioná-lo, dê um clique sobre ele;

- Clique sobre a bolinha (1), segure pressionado o botão do mouse e mova para a posição (2);

- Repita o processo para o nível 1-Calçada, selecione (1), clique e segure pressionado o botão do mouse (2) e
arraste para a posição desejada (3);
- Você poderá mover as bolinhas na horizontal (1) e (2);

- E da posição (3) para a (4) (opcional);


- Você poderá fazer o ajuste que quiser para que os níveis fiquem organizados;

- Caso você cometa algum erro ou ação indesejada, clique na ferramenta Desfazer, localizada na Barra de Acesso
Rápido ou então utilize o atalho CTRL+Z;
- Para visualizar os níveis criados no Navegador de projeto, clique em Planta de piso.

- Depois dê um duplo clique no nível 2-Piso (1);


- Nesta vista estamos vendo o desenho por cima (planta), no nível 2-Piso, elevação 15cm e será aqui que vamos
desenhar as paredes (2).
6 – SALVANDO O PROJETO
Devemos salvar o projeto para armazená-lo no computador e esta ação poderá ser feita logo no início
do trabalho, para isso siga os passos abaixo:
- Clique na ferramenta Salvar (1) localizada na barra de acesso rápido;
- Na janela Save As, defina um diretório (pasta) (2), para salvar o arquivo;
- Insira o nome Projeto Residencial para o arquivo (3);
- Clique em Opções (4);
- No campo Máximo de backups (5), insira o valor de 3;
- Clique em OK (6);
- Clique em Salvar (7).
O arquivo foi salvo, agora as próximas vezes que você salvar o projeto, ele será atualizado com as novas
alterações, você poderá utilizar o atalho CTRL+S para salvar rapidamente.
7 – DESENHO DAS PAREDES EXTERNAS
Vamos dar início ao desenho das paredes externas, para isso siga os passos abaixo:
- Clique na guia Arquitetura (1);
- No painel Construir, clique em Parede (2) e depois Parede arquitetônica WA (3);

- Veja que no painel Propriedades aparece a Família Parede básica (1) e abaixo o tipo Genérico – 200mm (2);
- Na barra Modificar | Colocar Parede (3), aparecem as configurações iniciais desta parede;
- Vamos escolher um outro tipo de parede, para isto clique no menu (1) e depois escolha Genérico –
140 mm Alvenaria (2);

- Vamos criar uma nova parede de 15cm a partir desta parede, para isto clique em Editar tipo (1);
- Na janela Propriedade de tipo, clique em Duplicar (1);
- Na janela Nome, digite Parede 15cm (2) e clique em OK (3);

- Clique na opção Editar (4);


- Na janela Editar montagem (1), temos a estrutura da parede (2);
- Clique no botão Visualizar (3) para ver a prévia da estrutura da parede (4) do lado esquerdo;

- Vamos alterar a espessura da parede, para isso clique sobre o valor na linha da estrutura da parede e altere seu
valor para 15 (1);
- Clique no botão OK (2);
- Clique em OK (3) novamente;

- Ainda dentro da ferramenta Parede deixe o tipo Parede 15cm (1) selecionada;
- Na barra Modificar | Colocar Parede, altere a altura da parede até o nível 3-Cobertura (3);
- As outras configurações ficam conforme a imagem abaixo;
- No painel Desenhar, escolha a ferramenta retângulo (4) para desenhar as paredes;
- Leve o cursor para a área de desenho e clique no ponto (1);
- Movimente o cursor para o canto superior direito e dê outro clique (2);

Quando criamos um desenho no Revit, podemos definir suas dimensões antes ou depois de desenhar, neste caso
vamos definir as medidas sempre depois.
- Clique na linha horizontal inferior (1) e veja que aparece sua medida (2) em relação à outra paralela mais próxima;
- Antes de alterar as dimensões, devemos verificar o posicionamento das medidas, para isso aumente o
Zoom (girando a bolinha do mouse) do desenho conforme a imagem abaixo;

- Clique na bolinha sobre a linha de extensão da medida (1);


- Note que ela se desloca para o meio da parede;
- Clique novamente sobre a bolinha (2);
- Note que agora a linha de extensão da medida está posicionada na face externa da parede (3);

- Repita o procedimento para a linha de extensão superior da dimensão (1) e (2);


- Agora que a medida está posicionada externamente, podemos definir seu valor real;
- Clique sobre o valor (1);

- Digite 700 e pressione a tecla Enter (2);


- Selecione a parede vertical esquerda (1);
- Note que aparece a medida em relação à uma vertical paralela mais próxima (2);

- Repita os procedimentos para deslocar as linhas de extensão esquerda e direita, para a face externa das paredes
(1) e (2).
- Após isso defina sua medida para 610 e pressione a tecla Enter;
- Com isso definimos as medidas externas 610cm x 700cm para as paredes.
- Vamos mover as paredes para o centro da área de desenho;
- Primeiro temos que selecionar as paredes;
- Para isso clique na guia Modificar e depois em Modificar (1);
- Clique no ponto (2) segure e arraste para o ponto (3) e solte;
- Tudo que esta dentro da janela será selecionado;

- Clique sobre uma das paredes, segure e arraste da posição (1) para a posição (2);
- Aumente o Zoom (girando a bolinha do mouse) e se preciso mova a tela (pressionando a bolinha do mouse e
arrastando);

- Salve o projeto para atualizar as novas informações.

8 – DESENHO DAS PAREDES INTERNAS


Nesta etapa vamos desenhar as paredes internas do projeto. Suas medidas serão definidas após o
desenho terminado.
- Na guia Arquitetura (1), clique na ferramenta Parede (2) e depois em Parede arquitetônica (3);
- As configurações são as mesmas e aparecem na imagem abaixo;
- Leve o cursor para a posição (1) e dê um clique;
- A distância não importa muito, mas pode ser a mais próxima da final;

- Direcione o cursor para o lado direito e clique quando encontrar com a parede vertical na posição (2);
- Pressione a tecla Esc uma vez para soltar a parede, mas a ferramenta parede continua ativa;

- Para que a parede não continue depois do segundo clique, desmarque a opção Cadeia (1), conforme
a imagem abaixo;
- Clique na posição (2) para dar início a outra parede, as medidas não precisam ser exatas;
- Leve o cursor para a posição (3), encontrando com a outra parede de um clique;
- Note que a parede termina neste ponto mas a ferramenta continua ativa;

- Clique na posição (1);


- Leve o cursor para o lado direito na posição (2) e clique para criar esta parede;

- Leve o cursor na posição (1) e clique para iniciar a parede;


- Leve o cursor para o lado direito na posição (2) e clique para criar esta parede;

- As paredes internas estão terminadas, agora é hora de definir suas medidas;


- Definiremos as medidas de cada cômodo, pelas medidas internas;
- Clique na parede horizontal (1);
- Note que as medidas aparecem internamente, facilitando assim o nosso trabalho;
- Clique sobre a medida na posição (2);

- Altere seu valor para 300 e pressione a tecla Enter;


- Note que a parede selecionada é que se move;
- Clique na parede vertical (1);
- Clique sobre a medida na posição (2);

- Altere seu valor para 240 e pressione a tecla Enter;


- Clique na parede vertical (1);
- Clique sobre a medida na posição (2);

- Altere seu valor para 210 e pressione a tecla Enter;


- Clique na parede horizontal (1);
- Clique sobre a medida na posição (2);

- Altere seu valor para 110 e pressione a tecla Enter;


- Finalizado o trabalho, vamos visualizar o projeto em 3D;
- Clique na ferramenta Vista 3D padrão (1), localizada na barra de acesso rápido;
- Ou então, no Navegador de projeto, Vistas 3D (1), de um duplo clique em {3D} (2);

- Podemos visualizar o projeto em 3 dimensões com as paredes iniciando no nível 2-Piso e terminando no
nível 3-Cobertura.
- Entendeu o porquê dos níveis agora?
9 – FORMAS DE VISUALIZAÇÃO
Vamos aprender como visualizar o desenho em 3D de diferentes ângulos e também vamos aprender como alterar
o estilo de visualização dos elementos desenhados.
- Para mover a tela, substituindo as barras de rolagens, pressione a bolinha do mouse e arraste;
- Funciona para vistas em 2D e 3D;

- Mantenha pressionado a bolinha do mouse + a tecla Alt para girar a visualização.


- Funciona somente nas vistas 3D.
- Rolar a bolinha do mouse para cima e para baixo para aumentar e diminuir a visualização do desenho.
- Funciona para vistas em 2D e 3D.

- Para voltar a visualização padrão 3D, clique no ícone da casinha (Início), conforme a indicação (1) da imagem
abaixo.
- Funciona somente nas vistas 3D.
- Para alterar os estilos de visualizações dos desenhos, clique na ferramenta Estilo visual (1), localizado na Barra
de Controle de Vista e escolha Sombreado (2).
- Teste os outros para ver como fica o desenho.

10 – DESENHO DO PISO E CALÇADA


Vamos aprender como colocar o piso e a calçada na casa.
- No Navegador de projeto, nas Plantas de piso (1), clique em 2-Piso (2);
- Clique na guia Arquitetura (3); painel Construir, Piso (4), Piso Arquitetônico (5);
- Observe que o Revit pré-seleciona uma família de piso e também um tipo Genérico 150 mm (1);
- Vamos criar um tipo de piso personalizado, para isso clique no botão Editar tipo (2);
- Na janela Propriedades de tipo, clique em Duplicar (3);
- Na janela Nome, insira o nome para o piso de Piso 10 (4);
- Clique em OK (5);

- Agora vamos alterar as propriedades do Piso 10, para isso clique em Editar (1);
- Na janela Editar montagem, altere a espessura da Estrutura [1] para 10 (1);

- Vamos alterar o material do piso, para isso clique na janela ao lado de <Por categoria> (2);
- Na janela Navegador de materiais, faça uma busca por concreto (3);
- Pelo fato de ser um material padrão do Revit, iremos encontrar a opção Concreto, Faixa de areia/cimento (4), clique
- Do lado direito, na guia Gráficos – Sombreamento, marque a opção Utilizar a aparência de renderização (5);
- Clique no botão OK (6);

- Veja que as configurações de material e espessura, foram alteradas, clique em OK novamente;


- E para terminar a criação deste novo tipo de piso, clique em OK;

- Agora com o tipo Piso 10 já selecionado, vamos ativar uma das ferramentas de desenho disponíveis para a
criação de pisos;
- Clique no Retângulo (1);
- Vamos criar o piso do mesmo tamanho externo da casa, clique no ponto (2);
- Leve o cursor para a posição (3) e clique novamente;
- Note que uma linha rosa foi criada, representando o piso;
- Clique em Concluir o modo de edição (4) para finalizar;

- Note que o piso foi criado;


- Clique na Vista 3D padrão para visualizar o piso de uma outra forma;

- Vamos ver como o piso está posicionado em relação aos níveis, para isso, no Navegador de projeto, clique em
Elevações (1) e depois clique em Sul (2);
- Como criamos o piso no nível 2-Piso, o seu topo fica na linha do nível e sua espessura para baixo (3);
- Agora vamos desenhar a calçada;
- No Navegador de projeto, clique em Plantas de piso (1), depois dê um duplo clique no nível 1-Calçada (2);
- Ative o Estilo visual Sombreado (3) (opcional);
- Acesse novamente a ferramenta Piso Arquitetônico, na guia Arquitetura (4), painel Construir, ferramenta Piso (5),
e depois em Piso: arquitetônico (6);

- Selecione a ferramenta retângulo (1);


- Clique no ponto (2);
- Arraste o cursor e clique no ponto (3);
- Vamos criar a largura da calçada, para isso clique sobre a ferramenta Selecionar linhas (1), no painel desenhar;
- Na barra de propriedades, altere o valor do Deslocamento para 80 (2);
- Leve o cursor sobre a linha no ponto (3), mova um pouco o mouse para cima até indicar uma linha tracejada (4)
para cima, dê um clique;
- Uma linha paralela será criada com a distância de 80 cm da linha selecionada;

- Repita o procedimento para criar as outras 3 linhas, conforme a imagem abaixo;


- Depois clique em Concluir o modo de edição, para terminar a criação da calçada;
- Observe na imagem abaixo que a calçada foi criada;

- Clique na Vista 3D padrão para visualizar a calçada de uma outra forma;


- Vamos ver como a calçada está posicionada em relação aos níveis, para isso, no Navegador de projeto, clique
em Elevações (1) e depois clique em Sul (2);
- Como criamos a calçada no nível 1-Calçada, ele aparece deste nível para baixo (3);

- Caso seja necessário editar o piso ou a calçada, primeiro devemos seleciona-lo(a) (1), esta seleção pode ser
feita em qualquer vista que ele esteja aparecendo;
- Clique em Editar limite (2);
- Note que ele volta a ficar com a linha rosa e sem a representação da espessura;

- Selecione a vista desejada para editar, neste caso Planta de Piso, 1-Calçada (1);
- Faça as edições necessárias com as ferramentas de desenho (2) ou Modificar, depois clique em Concluir o modo
de edição (3);
11 – INSERINDO AS PORTAS
Vamos aprender como inserir portas no projeto.
- No Navegador de projeto, Plantas de piso, dê um duplo clique no nível 2-Piso (1), será neste nível que iremos
inserir as portas.
- Para acessar a ferramenta Porta, clique na guia Arquitetura (2);
- No painel Construir, clique na ferramenta Porta (3);

- No painel de Propriedades, clique no menu que lista as famílias e tipos de portas (1);
- Clique sobre uma porta qualquer, pode ser o mesmo tipo indicado abaixo (2);
Na biblioteca padrão de Portas do Revit, não aparecem os tipos que precisamos, por esta razão devemos criar
novas a partir de uma existente.
- Para isso após escolher uma porta qualquer, clique em Editar tipo (1);
- Na janela Propriedades do tipo, clique em Duplicar (2);
- Na janela Nome, digite Porta 80x210 (3);
- Clique no botão OK (4);

- Nos Parâmetros de tipo, altere o valor da Altura para 210 (1);


- E também altere o valor da Largura para 80 (2);
- Clique no botão OK (3);
- Leve o cursor sobre a parede conforme indicado na imagem abaixo;

- Antes de clicar para posicionar a porta, podemos alterar alguns posicionamentos;


- Ao movimentar o mouse, podemos alterar a posição interna ou externa da porta;
- Quando pressionamos a Barra de espaços do teclado, a porta muda de direção;
- Neste caso a porta irá abrir para dentro e para a esquerda;
- Seu posicionamento pode ser mais ou menos conforme a imagem, pois assim como as paredes, podemos definir
suas dimensões após a inserção;
- Dê um clique para posicionar esta porta;
- Ainda dentro da ferramenta Porta e o tipo Porta 80x210 selecionada, insira as outras portas conforme a imagem
abaixo;

- Após inserir todas as portas com esta medida pressione a tecla Esc para sair da ferramenta Porta;
- Selecione a primeira porta inserida, dando um clique sobre ela (1);
- Note que aparecem duas setas verticais e horizontais, dando um clique sobre elas podemos alterar a direção da
porta.
- Para alterar a posição da porta através das medidas, clique sobre o valor (3), altere para 235 e pressione a tecla
Enter.
Note que as medidas aparecem em relação as faces internas das paredes (2);
- Altere as medidas e posições, se necessário, conforme as imagens abaixo;
- Vamos criar a porta de medida 70x210, para isso siga os passos abaixo:
- Acesse a ferramenta Porta, para isso clique na guia Arquitetura (1);
- No painel Construir, clique na ferramenta Porta (2);
- Clique em Editar tipo (3);
- Na janela Propriedades do tipo, clique em Duplicar (4);
- Na janela Nome, digite Porta 70x210 (5);
- Clique no botão OK (6);
- Nos Parâmetros de tipo, altere o valor da Altura para 210;
- E também altere o valor da Largura para 70 (1);
- Clique no botão OK (2);

- Clique para posicionar a porta do banheiro;


- Altere as medidas do posicionamento conforme a imagem abaixo;
- Clique na Vista 3D padrão para ver o resultado final.

Não esqueça de salvar as novas alterações.


12 – INSERINDO AS JANELAS
Vamos aprender como inserir as janelas no projeto, o processo é muito parecido com o da porta.
- No Navegador de projeto, Plantas de piso, dê um duplo clique no nível 2-Piso (1), será neste nível que iremos
inserir as janelas.
- Para acessar a ferramenta Janela, clique na guia Arquitetura (2);
- No painel Construir, clique na ferramenta Janela (3);

- As famílias e tipos de janelas (1) padrões do Revit não atendem as nossas necessidades, pois precisamos de
janelas duplas.
- Vamos carregar da biblioteca do Revit, o modelo desejado, para isso clique em Carregar família (2);
- Na janela Carregar família, em Examinar deve estar Brazil (1);
- Dê um duplo clique sobre a pasta Janelas (2);

- Dê um duplo clique sobre a pasta Específico do Brasil (3);


- Selecione o modelo Janela de correr – 2 Painéis.rfa (4);
- Clique no botão Abrir (5);

- Note que a Janela de correr – 2 Painéis já está selecionada no painel de Propriedades;


- Agora vamos configurar suas medidas, para isso clique em Editar tipo (1);
- Na janela Propriedades de tipo, clique em Duplicar (2);
- Na janela Nome, digite Janela 150x100 (3);
- Clique no botão OK (4);
- Nos Parâmetros de tipo, altere o valor da Altura para 100 (5);
- E também altere o valor da Largura para 150 (6);
- Clique no botão OK (7);

- No painel Propriedades, em Restrições, altere o valor da Altura do peitoril para 110 (1);
- Clique em Aplicar (2);
- Para que a janela fique centralizada, posicione o cursor sobre a parede e mova a janela antes de clicar, você
consegue notar isso pelas dimensões exibidas;

- Após definir o posicionamento, dê um clique para inserir a janela;


- Mesmo após inserida, estando a janela selecionada, você consegue alterar sua direção e posicionamento
através das dimensões e setas;
- Insira este mesmo tipo de janela nos quartos, conforme os posicionamentos e dimensões abaixo;
- Vamos criar outro tipo de janela, para isto acesse a ferramenta Janela e no painel de Propriedades deixe
selecionada a família Janela de correr – 2 Painéis e o tipo Janela 150x100;
- Clique em Editar tipo (1);
- Na janela Propriedades de tipo, clique em Duplicar (2);
- Na janela Nome, digite Janela 100x100 (3);
- Clique no botão OK (4);
- Em Parâmetros de tipo, altere o valor da Altura para 100;
- E também altere o valor da Largura para 100 (5);
- Clique no botão OK (6);

- Verifique se o tipo Janela 100x100 esta ativa para ser inserida (1);
- Altere o valor da Altura do peitoril para 110 (2);
- Leve o cursor sobre a parede da sala conforme a imagem, deixe ela centralizada e dê um clique para
posiciona-la (3).
- Se necessário altere a direção e posicionamento desta janela da mesma forma descrita em passos anteriores;

- Vamos criar um tipo de janela para o banheiro a partir da família M_fixo (1), tipo 0610 x 0610mm (2).
- Clique em Editar tipo (3);
- Na janela Propriedades de tipo, clique em Duplicar (4);
- Na janela Nome, digite Janela 60x60 (5);
- Clique no botão OK (6);

- Nos Parâmetros de tipo, altere o valor da Altura para 60 (7);


- Altere o valor da Altura-padrão do peitoril para 150 (8);
- Altere o valor da Largura para 60 (9);
- Clique no botão OK (10);
- Posicione o cursor na parede do banheiro, centralize a janela e dê um clique para inserir;

- Note que mesmo inserida, esta janela não está aparecendo nesta vista;
- Clique na vista 3D padrão para ver que a janela foi inserida normalmente;
- Mas porque ela não aparece na vista de Planta de piso – nível 2-Piso?
- Isto porque a altura de visualização padrão desta vista é menor que a altura do peitoril da janela, que neste caso
é de 150;

- Para resolver este problema de visualização, siga os passos abaixo:


- Volte para a vista Plantas de piso, 2-Piso;
- Certifique-se que não tem nenhuma ferramenta ativa, para isso pressione duas vezes a tecla Esc;
- Certifique-se que não tem nenhum objeto selecionado, para isso dê um clique fora da casa;
- Agora no painel de Propriedades, localize a opção Faixa da vista e clique em Editar (1);
- Na janela Faixa da vista, opção Plano de corte, Deslocamento, insira o valor de 160 (2);
- Clique no botão OK (3);
- Agora o corte da vista está a partir da medida 160 e com isso podemos ver a janela do banheiro em corte também;

13 – CORTANDO UMA PAREDE


Vamos aprender como cortar uma parede no Revit.
- A parede que vamos cortar, vai nos dar acesso ao corredor da casa (1);
- Sem ferramenta ativa, clique na guia Modificar (2);
- Clique na ferramenta Dividir elemento SL (3);
- Leve o cursor na posição (4);
- Note que aparece uma linha horizontal tracejada sobre a parede que será cortada (5);
- Também irá aparecer uma linha vertical (6), indicando como será o corte;
- Nesta posição, dê um clique para criar o primeiro corte.

- Leve o cursor para a posição (7) e dê outro clique;


- Veja que a parede foi cortada nas duas posições;
- Para apagar esta parede, clique sobre ela para selecionar e pressione a tecla Delete do teclado.

Pelo fato do corte não ficar alinhado com as paredes verticais, sobrou uma ponta de parede de cada lado.
- Para resolver este problema vamos alinhar as partes excedentes com as paredes verticais, para isso, siga os
passos abaixo:
- Na guia Modificar, no painel Modificar, clique na ferramenta Alinhar (1);
- Clique na face da parede que será a referência do alinhamento (2);
- Clique na face da parede que será alinhada (3);

- Repita os passos para alinhar o outro lado;


- A face (4) será a referência e a face (5) será alinhada.
14 – INSERINDO O FORRO
Vamos aprender como inserir o forro em cada cômodo, para isso siga os passos abaixo:
- No Navegador de projeto, clique em Plantas de forro (1);
- Clique em 2-Piso (2);
Agora vamos ver o desenho de baixo para cima, por esta razão não enxergamos as portas e janelas.
- Clique na guia Arquitetura (3);
- No painel Construir, clique na ferramenta Forro (4);
- Ative o Estilo visual Sombreado (5) para uma melhor visualização da aplicação do forro;

- Leve o cursor sobre o cômodo e dê um clique (6) para aplicar o forro;


- Quando o cursor esta sobre a área que será aplicada o forro, aparece uma linha vermelha (7), contornando a
área que será afetada.
- Na janela de Propriedades podemos ver a altura (8) que será posicionado o forro em relação ao nível seleciona-
do, vamos manter o valor padrão de 260.
- Clique sobre os outros cômodos para aplicar o forro.
Caso a opção de Sombreamento não estiver ativa, não vamos ver o forro aplicado, mesmo assim ele está lá.

- Clique na Vista 3D padrão para ter uma ideia melhor do forro colocado.

- Salve o projeto para atualizar as informações.


15 – INSERINDO O TELHADO
Vamos aprender como inserir um telhado no projeto, para isso siga os passos abaixo:
- Na janela Navegador de projeto, clique em Plantas de Piso (1), e depois clique no nível 3-Cobertura (2);
- Para acessar a ferramenta Telhado, clique na guia Arquitetura (3), no painel Construir, clique em Telhado (4) e
depois em Telhado por perímetro TD (5);

Na janela de Propriedades vamos alterar o tipo do Telhado, para isso clique no menu (6) e depois clique sobre o
tipo Genérico 125 mm (7);
- Selecione a ferramenta de desenho Selecionar linhas (8);
- Altere o Deslocamento das linhas para 60 (9);

- Clique sobre a linha da parede (10), note que uma linha foi criada (11) à uma distância de 60cm para cima desta;
- Clique sobre as linhas (12), (13) e (14);

O símbolo de triângulo que aparece ao lado de cada linha, indica que este lado do telhado terá caimento
(inclinação).
- Ao clicar sobre uma destas linhas, podemos configurar se este lado do telhado terá caimento (15) e qual será
sua inclinação (16);
- Vamos selecionar as linhas esquerda e direita do telhado, para isso clique sobre uma delas, pressione a tecla
CTRL e clique sobre a outra linha;
- A tecla CTRL pressionada, adiciona seleção;
- Na janela Propriedades, em Inclinação, altere o valor para 30% (17), e clique em Aplicar;

- Vamos retirar o caimento do telhado nos lados de cima e de baixo;


- Clique sobre uma delas, pressione a tecla CTRL e clique sobre a outra linha;
- Na janela Propriedades, desmarque a opção Define a inclinação do telhado (18);
- Clique em Aplicar, os triângulos irão desaparecer destas linhas.
- Com tudo pronto clique em Concluir o modo de edição, para finalizar o telhado.
- Clique na Vista 3D padrão para visualizar o telhado criado.
Ao girar o desenho (Bolinha do mouse + Tecla Shift), podemos observar que as paredes precisam ser fechadas
até o telhado.
A boa notícia é que no Revit podemos fazer isto facilmente, para isso siga os passos abaixo:

- Ainda na Vista 3D padrão, clique sobre a parede (1) que deseja subir até o telhado;
- No painel Modificar parede, clique na ferramenta Anexar topo/base (2);
- Clique no telhado (3);

Veja que a parede ficou na altura e formato do telhado.


- Repita os passos para as outras paredes externas;
Lembre-se que você poderá selecionar várias paredes ao mesmo tempo, pressionando a tecla CTRL e clicando
sobre elas.
O projeto está praticamente pronto!

16 – APLICANDO MATERIAIS
Vamos aprender como carregar e aplicar materiais nos objetos do Revit.
Todo este processo será realizado na Vista 3D padrão.
- Clique na guia Gerenciar (1);
- Painel Configurações, ferramenta Materiais (2);
- Na janela Navegador de materiais, clique em Exibe/oculta o painel da biblioteca (3);
- Abaixo aparece a biblioteca de materiais do Revit;
Quando iniciamos um novo arquivo, ele vem com alguns materiais carregados, quando precisamos de outros
materiais temos que busca-los a partir da biblioteca do Revit.

- Na janela Pesquisar, digite pintura (5);


- Na biblioteca do arquivo não aparece nada relacionado, mas na biblioteca do Revit temos algumas opções;
- Clique sobre a pasta Materiais AEC (6);
- No lado direito clique sobre o material Pintura e clique na seta Adicionar material ao documento (7);
- O material foi carregado para o arquivo, vamos duplica-lo, para isso clique com o botão direito do mouse sobre
ele e escolha a opção Duplicar (8);

- Clique na guia Aparência (10);


- Clique sobre a cor do material (11);
- Na janela Cor, escolha a cor desejada (12);
- Clique em OK (13);
- Na guia Gráficos (14), em Sombreamento, marque a opção Utilizar a aparência de renderização (15);
- Clique no botão Aplicar (16);

- Repita o processo para criar uma Pintura Interna (17) com uma outra cor;
- Clique no botão OK (18) para finalizar;
- Para aplicar um material nos objetos vamos utilizar a ferramenta Pintura;
- Para acessar clique na guia Modificar (1), no painel Geometria clique sobre Pintura PT (2);

- Na janela Navegador de materiais, clique sobre Pintura Externa (3) e depois clique nas faces das paredes por
fora (4);
Utilize as ferramentas de Zoom para girar o desenho e aplicar o material em todas as faces desejadas e quando
terminar clique no botão Concluido (5);
- Você pode visualizar o desenho com mais realismo mudando o estilo visual para Realismo (6);

- Veja na imagem abaixo algumas buscas de materiais que você poderá fazer e aplicar no seu desenho.
Agora é com você, use e abuse dos materiais para chegar ao efeito desejado.

Existem outras formas mais elaboradas de aplicar os materiais


nos objetos, mas a intenção deste tutorial é te dar uma noção
do que este incrível programa é capaz de fazer.
Que bom que você chegou ao nal deste manual COMO DESENHAR UMA
CASA COMPLETA NO REVIT MESMO QUE VOCÊ NÃO TENHA EXPERIÊNCIA.
Acredito que você tenha aprendido muito.
Agora que você já deu o primeiro passo, chegou a hora de avançar e
tornar-se um Especialista em Revit.

O que acha?

Entre agora mesmo no link https://www.plataformacad.com/curso-de-revit/


e conheça nossa proposta.

Um grande abraço e até o próximo passo.

Ronaldo Carreta

Arte
Equipe Udipage
www.udipage.com