Você está na página 1de 2

Os processos de transformação urbana em Campos dos Goytacazes/RJ:

desdobramentos do Programa Habitacional Morar Feliz


Aline Rangel, Antônio Godoy, Daniela de Oliveira, Danielly Aliprandi, Fagner Oliveira, Lucas
França
Campus Campos Centro, Curso de Arquitetura e Urbanismo, Instituto Federal Fluminense
Campos Dos Goytacazes/RJ, Brasil, Telefone/fax: 55 022 98832-9486 - 55 022 999787-3488 - 55 022 99902-2804
lucasfr.arqui@gmail.com; fagner.oliveira@iff.edu.br; danielly.aliprandi@iff.edu.br

O artigo visa o estudo do espaço urbano e das transformações na morfologia urbana da cidade de
Campos dos Goytacazes/RJ, tendo em vista a política pública de habitação social implantada pelo
governo municipal que instituiu o Programa Habitacional Morar Feliz. Busca-se uma análise das
alterações ocorridas na estrutura urbana, a identificação dos agentes envolvidos nesse processo,
bem como os desdobramentos e problemáticas do programa. A discussão do artigo se justifica
pela atual dinâmica de remoções nas quais as favelas de Campos dos Goytacazes vêm sofrendo,
em decorrência do programa Morar Feliz, que em alguns casos trabalha em sincronia com os
interesses dos grandes investimentos do capital imobiliário. Tais ações em geral ocorrem na
contramão dos marcos legais estabelecidos pelo Estatuto da Cidade e pela Lei Orgânica do
Município. O presente artigo está baseado nos estudos e experiências dos projetos de extensão
vinculados ao programa “Arquitetura, Inclusão e Cidadania: projetos de extensão para áreas de
habitação de interesse social no município de Campos dos Goytacazes/RJ” do curso de
Arquitetura e Urbanismo do Instituto Federal Fluminense, que tem como principal objetivo realizar
ações em comunidades carentes de infraestrutura urbana e habitacional. Os métodos utilizados
têm sido levantamentos técnicos e sociais com a elaboração de mapeamentos, entrevistas,
oficinas e intervenções junto às comunidades. Tem como base ampla literatura consolidada que
versa sobre os princípios de direito à cidade e de função social da propriedade e de um espaço
urbano socialmente sustentável. O artigo demonstra que, ao longo dos anos, a implantação do
Programa Habitacional Morar Feliz vem produzindo desdobramentos tais como: o deslocamento
de parcela da população de baixa renda em direção à periferia da cidade, produzindo maior
espraiamento da malha urbana e contribuindo para o aumento do custo da cidade. Isso têm
gerado problemas para essas populações relacionados à periferização, dentre eles destaca-se a
segregação espacial, a carência de equipamentos e serviços de infraestrutura, a violência urbana,
dentre outros. Os resultados da pesquisa demonstram também que existe solução viável para a
problemática das favelas campistas diferente da prática da remoção.

PNUM 2016 Os Espaços da Morfologia Urbana


2
Aline Rangel, Antônio de Godoy, Daniela Oliveira, Danielly Aliprandi, Fagner Oliveira, Lucas França. Os processos de
transformação urbana em Campos dos Goytacazes/RJ: desdobramentos do Programa Habitacional Morar Feliz.

Palavras-chave: Habitação de Interesse Social. Direito à Cidade. Segregação Espacial.

Tema:
7. Agentes e processos de transformação