Você está na página 1de 2

Salmo 72: 1-14 Salmo 29 6 Tal conhecimento é maravilhoso demais para mim;

Salmo de Salomão Salmo de Davi


elevado demais para que eu possa alcançá-lo.
13 Pois tu formaste o meu interior,
1 Ó Deus, dá teus juízos ao rei, 1 Tributai ao SENHOR, seres angelicais, tu me teceste no ventre de minha mãe.
e ao filho do rei, tua justiça,
tributai glória e força ao SENHOR. 14 Eu te louvarei, pois fui formado
2 para que ele julgue teu povo com justiça,
2 Tributai ao SENHOR a glória devida ao seu nome; de modo tão admirável e maravilhoso!
e teus pobres com equidade.
adorai o SENHOR na beleza da santidade. Tuas obras são maravilhosas,
3 Que as montanhas, assim como os montes,
tragam ao povo prosperidade com justiça. 3 Ouve-se a voz do SENHOR sobre as águas;
tenho plena certeza disso!
4 Que ele julgue os aflitos do povo,
15 Meus ossos não te estavam ocultos,
o Deus da glória troveja;
salve os filhos do necessitado quando em segredo fui formado
o SENHOR está sobre as muitas águas. e tecido com esmero nas profundezas da terra.
e esmague o opressor. 4 A voz do SENHOR é poderosa; 16 Teus olhos viram a minha substância ainda sem forma,
5 Viva ele enquanto existir o sol, a voz do SENHOR é cheia de majestade. e no teu livro os dias foram escritos,
e enquanto durar a lua, por todas as gerações. sim, todos os dias que me foram ordenados,
5 A voz do SENHOR quebra os cedros; quando nem um deles ainda havia.
6 Desça como a chuva sobre a planície,
como os aguaceiros que regam a terra. sim, o SENHOR despedaça 17 Ó Deus, como são preciosos para mim
7 Que a justiça floresça nos seus dias, os cedros do Líbano. os teus pensamentos!
e haja plena paz enquanto durar a lua. 6 Ele faz o Líbano saltar como um bezerro; Como é grande a soma deles!
e Siriom, como um garrote selvagem. 18 Se eu os contasse,
10 Paguem-lhe tributo os reis de Társis e das ilhas; seriam mais numerosos do que os grãos de areia;
7 A voz do SENHOR lança chamas de fogo.
os reis de Sabá e de Seba ofereçam-lhe presentes. se os contasse até o fim, ainda estaria contigo.
11 Todos os reis se prostrem perante ele;
8 A voz do SENHOR faz tremer o deserto;
todas as nações o sirvam. o SENHOR faz tremer o deserto de Cades.
9 A voz do SENHOR derruba os carvalhos Salmo 62:5-12
12 Porque ele livra o necessitado que clama, Ao regente do coro: segundo Jedutum - Salmo de Davi.
e desnuda as florestas;
e também o aflito e o que não tem quem o ajude. e no seu templo todos dizem: Glória! 5 Ó minha alma, descansa somente em Deus,
13 Ele se compadece do pobre e do necessitado;
salva a vida dos que estão em necessidade. porque dele vem a minha esperança.
10 O SENHOR está entronizado sobre o dilúvio;
14 Ele os liberta da opressão e da violência;
6 Só ele é minha rocha e minha salvação;
o SENHOR se assenta como rei, para sempre. ele é minha fortaleza; não serei abalado.
a vida deles é preciosa aos seus olhos. 11 O SENHOR dá força ao seu povo; 7 Minha salvação e minha glória estão em Deus;
o SENHOR abençoa seu povo com paz. ele é meu forte rochedo e meu refúgio.
8 Ó povo, confiai nele em todo o tempo;
Epifania – A ênfase desta temporada está em uma jornada Salmo 139: 1-6, 13-18 derramai o coração perante ele;
com Cristo em seu ministério, conforme ele se manifesta Ao regente do Coro: Salmo de Davi Deus é nosso refúgio. Selah
como o Filho de Deus e Salvador do mundo através do seu 9 Certamente os plebeus são como um sopro,
ensino, seus sinais e suas maravilhas. 1 SENHOR, tu me sondas e me conheces.
2 Sabes quando me sento e quando me levanto; e os nobres, como um engano.
conheces de longe o meu pensamento. Pesados juntos na balança,
Desafio Espiritual
3 Examinas o meu andar e o meu deitar; são mais leves do que um sopro.
Faça um novo compromisso de permitir que Cristo se
conheces todos os meus caminhos.
10 Não confieis na opressão,
manifeste através da sua vida e das suas ações.
4 Antes mesmo que a palavra me chegue à língua, nem vos orgulheis do roubo;
tu, SENHOR, já a conheces toda. se vossas riquezas aumentarem,
5 Tu estás ao meu redor não coloqueis nelas o coração.
e sobre mim colocas a tua mão.
ecionário
11 Deus falou isto uma vez, duas vezes eu ouvi: Lecionário – Janeiro – 2018 bit.ly/lecionario
que o poder pertence a Deus.
12 Senhor, a ti também pertence a fidelidade; □ D 31: Is 61:10––62:3; Sl 20; Gl 4:4–7; Lc 2:22–40
pois retribuis a cada um □ S 01: Ec 3: 1–13; Sl 8; Ap 21: 1–6a; Mt 25: 31–46

L
de acordo com seus feitos. □ T 02: Sl 20; Pv 1: 1–7; Tg 3: 13–18

Salmo 111 □ Q 03: Sl 72; Gn 12: 1–7; Hb 11: 1-12


Confitebor tibi □ Q 04: Sl 72; Ex 3: 1–5; Hb 11: 23–31
□ S 05: Sl 72; Js 1: 1–9; Hb 11: 32––12:2
1 Aleluia! □ S 06: Sl 72; Is 60: 1–6; Ef 3: 1–12; Mt 2: 1–12
□ D 07: Gn 1: 1–5; Sl 29;
Renderei graças ao SENHOR de todo o coração,
At 19:1–7; Mc 1: 4–11
na reunião dos justos, na assembleia!
□ S 08: Sl 69: 1–5, 30–36; Gn 17: 1–13; Rm 4: 1–12
2 Grandes são as obras do SENHOR,
□ T 09: Sl 69: 1–5, 30–36; Êx 30: 22–38; At 22: 2–16
e nelas meditam todos os que as admiram.
□ Q10: Sl 69: 1–5, 30–36; Is 41: 14–20; Jo 1: 29–34
3 Em suas obras há glória e majestade,
e sua justiça permanece para sempre.
□ Q 11: Sl 139: 1–6, 13–18; Jz 2: 6–15; 2 Co 10: 1–11
4 Ele fez memoráveis suas maravilhas;
□ S 12: Sl 139: 1–6, 13–18; Jz 2: 16–23; At 13: 16–25
o SENHOR é compassivo e misericordioso.
□ S 13: Sl 139: 1–6, 13–18; 1 Sm 2: 21–25; Mt 25: 1–13
5 Dá suprimento aos que o temem;
□ D 14: 1 Sm 3: 1–20 ; Sl 139: 1–6, 13–18;
lembra-se sempre da sua aliança. 1 Co 6: 12–20; Jo 1: 43–51
6 Mostrou o poder de suas obras ao seu povo, □ S 15: Sl 86; 1 Sm 9: 27–10: 8; 2 Co 6: 14–7: 1
entregando-lhe a herança das nações. □ T 16: Sl 86; 1 Sm 15: 10–31; At 5: 1–11
7 As obras de suas mãos são verdade e justiça; □ Q 17: Sl 86; Gn 16: 1–14; Lc 18: 15–17
todos os seus ensinamentos são fiéis;
8 estão firmados para todo o sempre; □ Q 18: Sl 62: 5–12; Jr 19: 1–15; Ap 18: 11–20
são feitos em verdade e retidão. □ S 19: Sl 62: 5–12; Jr 20: 7–13; 2 Pe 3: 1–7
9 Enviou a redenção ao seu povo; □ S 20: Sl 62: 5–12; Jr 20: 14–18; Lc 10: 13–16
estabeleceu sua aliança para sempre; □ D 21: Jn 3: 1–5, 10; Sl 62: 5–12;
seu nome é santo e tremendo! 1 Co 7: 29–31 Mc 1: 14–20
10 O temor do SENHOR é o princípio da sabedoria; □ S 22: Sl 46; Gn 12: 1–9; 1 Co 7: 17–24
todos os que cumprem seus ensinos □ T 23: Sl 46; Gn 45: 25–46: 7; At 5: 33–42
revelam entendimento; □ Q 24: Sl 46; Pv 8: 1–21; Mc 3: 13–19a
o louvor que ele recebe dura para sempre.
□ Q 25: Sl 111; Dt 3: 23–29; Rm 9: 6–18
□ S 26: Sl 111; Dt 12: 28–32; Ap 2: 12–17
A Oração do Senhor □ S 27: Sl 111; Dt 13: 1–5; Mt 8: 28–9: 1
□ D 28: Dt 18: 15–20; Sl 111;
Pai nosso que estás no céu! Santificado seja o teu nome. 1 Co 8: 1–13; Mc 1: 21–28
Venha o teu reino; seja feita a tua vontade, □ S 29: Sl 35: 1–10; Nm 22: 1–21; At 21: 17–26 lecionario.com
assim na terra como no céu. □ T 30: Sl 35: 1–10; Nm 22: 22–28; 1 Co 7: 32–40
O pão nosso de cada dia nos dá hoje, e perdoa as nossas dívidas, □ Q 31: Sl 35: 1–10; Jr 29: 1–14; Mc 5: 1–20
assim como perdoamos os nossos devedores.
E não nos deixes cair em tentação, mas livra-nos do mal. lecionario.com
Pois teu é o reino, o poder e a glória para sempre. Amém. †