Você está na página 1de 16

O REINO FRANCO

Nascimento do Feudalismo
Século V ao IX – Europa Ocidental

Professor Weslei Pires Leite


weslei.historia@gmail.com
2018
Localização Espacial:
Localização Espacial:
Localização Temporal:

Este Império durou


desde 768 a 814 d.C.
e se desenvolveu na
Europa Ocidental
A formação do REINO:
Fundador da Dinastia, Rei Clovis;
MEROVÍNGIA, seus principais
destaques são:
• Expansão territorial = Guerras e
Alianças;
• Criou a Capital Lutécia (Hoje Paris)
O Batismo do Rei Clovis
No Reinado de Clovis, os
Francos estavam divididos em vários
grupos que discordavam,
principalmente nos aspectos religiosos:
• Religiões de origem germânicas;
• Arianismo: doutrina que não
aceitava a existência da Trindade
crista (Pai-filho-espirito-Santo)

A conversão de Clovis ao Cristianismo


trouxe a unidade religiosa e política ao
povo Franco pois as características da
religião uniu os povos germânicos e
romanos.
A formação do IMPÉRIO:

Dinastia CAROLÍNGIA:
O Rei Pepino, O Breve, fez a doação das terras da Italia Central para a Igreja Católica
(Hoje atual Vaticano);
Aliança entre:
 Igreja = apoio para expulsar os povos árabes da Península
Ibérica;
 Francos = Reconhecimento de Pepino como único Imperador
dos Francos;
O IMPÉRIO CAROLÍNGIO

Dinastia CAROLÍNGIA:
• Responsável pela grande expansão territorial dos
Francos, formando um grande Império;
• Foi considerado pela Igreja Católica o Imperador
do Império Romano do Ocidente;
CAROLÍNGIO: Características do Império
Descentralização = baseado nos laços de fidelidade,
o Rei concedia a administração de parte do seu
território para um nobre administrar, em troca o
nobre jurava proteção e fidelidade ao Rei;
POLÍTICAS Comitatus
E SOCIAIS

Era um costume
germânico de Fidelidade entre
duas pessoas que juravam
fidelidade e proteção.
CAROLÍNGIO: Características do Império
Agricultura de Subsistência = Essencialmente
agrícola, com pouca prática comercial e uma
ECONOMIA produção voltada para o auto sustento.

Pratica do Colonato

Costume Romano onde o


trabalhador estava preso a terra através
das obrigações para com o dono da
Terra. Também conhecido como
Servilismo.
CAROLÍNGIO: Características do Império
Reinos Cristãos = Após a conversão dos reis Francos
ao Cristianismo, seus súditos eram obrigados a
RELIGIOSA conversão também. Outro fator é que outros reinos
germânicos também passaram a converter-se ao
Cristianismo.
IGREJA CATÓLICA
Se tornou muito poderosa, pois passou a ganhar dos reinos
germânicos, tributos (dízimo e outras doações) principalmente em forma de
TERRAS. Por isso acabou recebendo o título de a grande senhora Feudal da
Idade Média.
CAROLÍNGIO: Características do Império
Renascimento Carolíngio= Cristianização dos
costumes, da arte e do pensamento do Império.
CULTURAL Construções de Igrejas, bibliotecas e estudos sobre
assuntos bíblicos. Criou escolas e centros culturais.
As Novelas = Tradição das Cavalhadas
Historias narradas, oralmente, contavam as façanhas de Carlos
Magno nas guerras para expansão do seu território e também nas guerras,
para a Igreja, com o objetivo de expulsar os árabes do território europeu.
CAROLÍNGIO: Crise e fim do Império
Enfraquecimento do Poder do Império = A prática
de Comitatus (doação de poder de administrar
Causas regiões) fez com que o poder real se tornasse
simbólico;

Invasões = O território do império foi alvo de


sucessivas invasões dos povos germânicos. A
principal delas, a dos povos Vikings.

Consequências FEUDALISMO = Surgimento de diversos reinos com


características econômicas, sociais, políticas e
religiosas semelhantes. Esses modelo de sociedade
ficou conhecido como Feudalismo.
ATIVIDADES

1. Observe a imagem que retrata o batismo do Rei Clovis:

http://cleofas.com.br/a-conversao-de-clovis-rei-dos-francos/

Responda: Quem era este rei, cujo batismo tem sido chamado de
batismo da França? Qual a importância desse ato para a Igreja
Católica e para o Reino Franco?
ATIVIDADES

2. Observe a imagem do Vaticano:

https://www.estudopratico.com.br/confira-os-fatos-sobre-o-vaticano-que-voce-nao-sabia/

Responda: Que relação podemos fazer entre o Estado Pontifício do


Igreja Católica com a História do Reino Franco?
ATIVIDADES

3. A formação da sociedade feudal é uma mesclagem da cultura


germânica com a cultura romana.
Comente sobre as práticas de Comitatus e Colonato
presentes na cultura germânica e na cultura romana

4. Faça um pequeno texto comentando as causas do fim do


Império Carolíngio:

Você também pode gostar