Você está na página 1de 12

1- Em relação à artéria facial, podemos afirmar, exceto:

a) Origina-se no trígono carotídeo

b) Passa obliquamente por trás do digástrico e do estilo-hióide

c) Termina na comissura medial do olho, como art. oftálmica

d) Possui ramos que se originam no pescoço e na face

e) Passa internamente para a base do crânio.

2- Os três primeiros ramos da artéria maxilar são:

a) Timpânico anterior, auricular profundo e alveolar inferior

b) Meníngea média, temporal profundo posterior e alveolar inferior

c) Timpânico anterior, alveolar inferior e temporal

d) Auricular profundo, meníngea média e massetérica

e) N.R.A.

3- Qual o ramo medial da carótida externa?

a) Laríngea ascendente

b) Amigdaliana ascendente

c) Lingual

d) Faríngea anterior

e) N.R.A.

4- A veia jugular externa é formada pela união das:

a) Facial, lingual e tireóidea

b) Jugular anterior e retromandibular

c) Retromandibular e auricular posterior

d) Facial, temporal e lingual

e) N.R.A.

5- Quais as estruturas venosas estão envolvidas na disseminação das infecções orofaciais para o seio cavernoso?

a) Veia oftálmica superior e plexo venoso pterigóideo

b) Veia jugular interna e veias diplóicas

c) Veia labial superior e veia septal posterior

d) Veia oftálmica inferior e veia labial inferior

e) N.R.A.
6- A paralisia total do nervo oculomotor pode apresentar as seguintes manifestações clínicas, exceto:

a) Impossibilidade de mover o globo ocular medialmente

b) Dificuldade para mover o olho para cima

c) Dificuldade para mover o olho esquerdo para a esquerda

d) Miose

e) N.R.A

7- A seguinte alternativa corresponde corretamente aos locais de entrada e saída do nervo facial, na base do crânio, respectivamente:

a) Meato acústico interno, forame estilomastóide

b) Meato acústico interno, forame oval

c) Forame redondo, forame espinhoso

d) Forame redondo, forame estilomastóide

8- Que ramo do nervo facial é responsável pela sensibilidade gustativa dos 2/3 anteriores da língua?

a) Nervo do canal pterigóideo

b) Nervo corda do tímpano

c) Nervo bucal

d) Nervo lingual

e) N.R.A

9- A lesão do nervo acessório pode apresentar a seguinte repercussão clínica:

a) Perda dos movimentos mastigatórios

b) Perda da sensibilidade cervical

c) Dificuldade em fazer rotação da cabeça

d) Impossibilidade de produzir saliva

e) N.R.A

10-Qual a relação do nervo lingual e o dúcto da glândula submandibular no soalho bucal?

a) Nervo cruza superiormente o dúcto

b) São paralelos no soalho bucal

c) Nervo cruza inferiormente o dúcto

d) Não possuem relação importante

e) N.R.A.
11-Qual a inervação sensitiva, motora e gustativa, respectivamente, do corpo da língua?

a) n. Hipoglosso, n. Glossofaríngeo e n. Lingual

b) n. Lingual, n. Hipoglosso, e n. Facial

c) n. Lingual, n. Glossofaríngeo, n. Facial

d) n. Glossofaríngeo, n. Facial, n. Hopoglosso

e) N. R. A.

12- Qual é a origem aparente encefálica do nervo trigêmeo?

A. Forame Oval

B. Entre a ponte e o pedúnculo cerebelar médio

C. Sulco bulbo-pontino

D. Sulco pós-olivar

E. Fissura orbital superior

13- São ramificações do Nervo Maxilar

A. n. Alveolar superior posterior / n. mentoniano / n. infraorbital

B. n. alveolar superior posterior/ n. infraorbital / n.milo-hiódeo

C. n. temporal profundo posterior / n. auricular posterior / n. zigomático

D. n. infraorbital / n. mentoniano / n. nasopalatino

E. n. nasopalatino/ n. petroso maior/ n. alveolar superior anterior

14- Assinale apenas as afirmativas que julgar corretas :

A. A diferença entre o diâmetro dos neurônios mostra relação com a velocidade dos impulsos nervosos que este transmite. Neurônios mais
calibrosos a velocidade de propagação dos impulsos nervosos é mais lenta.

B. O glânglio trigeminal está localizado no interior do crânio, protegido por um recesso formado por uma camada dupla de dura-máter (cavo
trigeminal), além de pia-máter e aracnóide-máter.

C. O nervo mandibular, penetra no crânio pelo forame redondo.

D. O nervos palatinos menores transmitem a sensibilidade proveniente da mucosa do palato duro desde a região do canino até o limite
anterior do véu palatino.

15- De medial para lateral qual a respectiva ordem dos ramos originários do nervo oftálmico ?

A. N. nasociliar/ N. lacrimal / N. frontal

B. N. lacrimal / N. frontal / N. nasociliar

C. N. nasopalatino / N. frontal / N. lacrimal

D. N. nasociliar / N. frontal / N.lacrimal


16- Assinale os locais de inervação do N. Infraorbital:

A. Lábio inferior

B. Pele da região do mento

C. Pálpebra inferior

D. Pálpebra superior

E. Asa do nariz

F. Pele da fronte Gengiva vestibular de incisivos a pré-molares superiores.

G. Mucosa dos seios, etmoidal, frontal e esfenoidal

17- Sobre os nervos facial e glossofaríngeo. Na lingua a sensação de tato, dor, pressão e temperatura (Exterocepção) é dada:

A. Nos 2/3 anteriores pelo n. glossofaríngeo e no terço posterior pelo n. lingual

B. Em toda a lingua pelo nervo glossofaríngeo

C. No terço posterior pelo n. corda do timpano e nos 2/3 anteriores pelo n. lingual

D. No terço posterior pelo n. glossofaringeo e nos 2/3 anteriores pelo n. lingual

18- Sobre os nervos facial, hipoglosso e glossofaríngeo. A sensibilidade gustativa na língua é dada:

A. Nos 2/3 anteriores pelo n. corda do timpano e no terço posterior pelo n. hipoglosso.

B. Nos 2/3 anteriores pelo n. lingual e no terço posterior pelo n. glossofaringeo.

C. Nos dois terços anteriores pelo n. corda do timpano e no terço posterior pelo n. glossofaringeo.

D. No 1/3 posterior pelo n. corda do timpano e nos 2/3 anteriores pelo n. glossofaringeo.

19- Assinale a alternativa que corresponde a inervação do n. bucal:

A. Mucosa e pele da bochecha; gengiva vestibular dos molares inferiores.

B. Músculo bucinador e pele da bochecha.

C. Mucosa e pele da bochecha; gengiva vestibular dos molares inferiores e músculo bucinador.

D. Tecidos moles do mento e lábio inferior; gengiva vestibular de caninos, incisivos e pré-molares.

20- A paralisia total do nervo oculomotor pode apresentar as seguintes manifestações clínicas, exceto:

a) impossibilidade de mover o globo ocular medialmente

b) dificuldade para mover o olho para cima

c) dificuldade para mover o olho esquerdo para a esquerda

d) miose

21- A seguinte alternativa corresponde corretamente aos locais de entrada e saída do nervo facial, na base do crânio, respectivamente:

a) meato acústico interno, forame estilomastóide

b) meato acústico interno, forame oval

c) forame redondo, forame espinhoso

d) forame redondo, forame estilomastóide


22- O trígono occipital é limitado pelos seguintes músculos, exceto:

a) esternocleidomastóideo, anteriormente

b) trapézio, posteriormente

c) digástrico, superiormente

d) omo-hióideo, inferiormente

23- Em relação à artéria facial, podemos afirmar, exceto:

a) origina-se no trígono carotídeo

b) passa obliquamente por trás do digástrico e do estilo-hióide

c) termina na comissura medial do olho, como art. oftálmica

d) possui ramos que se originam no pescoço e na face

24- A veia jugular externa é formada por quais tributárias?

a) auricular posterior e retromandibular

b) auricular posterior e temporal superficial

c) occipital e retromandibular

d) occipital e temporal superficial

25- Qual a cadeia de linfonodos da cabeça é composta por um grupo de 1 à 3 nodos e está situada anteriormente ao trágus?

a) cadeia occipital

b) cadeia auricular posterior

c) cadeia auricular anterior

d) cadeia facial

26- Que ramo do nervo facial é responsável pela sensibilidade gustativa dos 2/3 anteriores da língua?

a) nervo do canal pterigóideo

b) nervo corda do tímpano

c) nervo bucal

d) nervo lingual

27- A lesão do nervo assessório pode apresentar a seguinte repercussão clínica:

a) perda dos movimentos mastigatórios

b) perda da sensibilidade cervical

c) dificuldade em fazer rotação da cabeça

d) impossibilidade de produzir saliva


28- A valécula consiste num espaço situado entre:

a) as pregas glossoepiglóticas lateral e mediana

b) os arcos palatoglosso e palatofaríngeo

c) as pregas salpingofarínfeas e salpingopalatinas

d) a tonsila faríngea e o toro tubário

29- A ARTÉRIA VERTEBRAL penetra no crânio por meio de qual orifício?

a) forames dos processos transversos cervicais

b) forame vertebral

c) forame magno

d) canal carótido

30. O músculo esternocleidomastóide é limite de quantos trígonos cervicais ?

a) 3

b) 4

c) 5

d) 6

31. Qual dos músculos infra-hióides NÃO tem relação direta com o osso hióide?

a) omo-hióide

b) esternotireóide

c) tireo-hióide

d) esterno-hióide

32. Qual estrutura pertence aos trígonos carótico e submandibular?

a) artéria tireóidea superior

b) corpo carotídeo

c) nervo hipoglosso

d) raiz superior da alça cervical

33. Qual dos seguintes músculos NÃO pertence ao assoalho do trígono occipital ?

a) escaleno posterior

b) esplênio da cabeça

c) levantador da escápula

d) omo-hióide
34. Qual dos seguintes forames NÃO pertence à base do crânio?

a) oval

b) redondo

c) espinhoso

d) lácero

35. Qual osso delimita a fissura orbital superior e inferior?

a) etmóide

b) maxilar

c) esfenóide

d) palatino

36. Qual dos músculos infra-hióides NÃO é inervado pelo plexo braquial?

a) omo-hióide

b) esternotireóide

c)esterno-hióide

d)tireo-hióide

37. Qual osso tem relação com a cavidade orbitária, cavidade oral e com a abertura piriforme?

a) esfenóide

b) maxilar

c) zigomático

d) palatino

38.Qual dos seguintes músculos NÃO é revestido pela lâmina superficial da fáscia cervical?

a) omo-hióide

b) platisma

c) esternocleidomastóide

d) trapézio

39. Qual dos seguintes ossos NÃO pertence à parede medial da órbita ?

a) esfenóide

b) etmóide

c) lacrimal

d) maxilar
40. Qual estrutura pertence aos trígonos occipital e supra-clavicular ?

a) plexo braquial

b) nervo acessório

c) nervo occipital menor

d) músculo transverso do pescoço

41. Em relação à drenagem da língua podemos afirmar:

a) o ápice drena para a cadeia submandibular

b) a borda lateral drena para cadeia submandibular

c) a base drena para a cadeia submentoniana

d) o corpo drena para cadeia cervical profunda superior

e) N.R.A.

42. A veia jugular externa é formada pela união das:

a) facial, lingual e tireóidea

b) jugular anterior e retromandibular

c) retromandibular e auricular posterior

d) facial, temporal e lingual

e) N.R.A.

43. Para onde é feita a drenagem dos seios maxilar, esfenóide e frontal?

a) todos para meato médio

b) meato médio, meato meato superior e meato supremo

c) meato superior, meato médio, meato superior

d) meato médio, meato supremo, meato médio

e) N.R.A.

44. Os três primeiros ramos da artéria maxilar são:

a) timpânico anterior, auricular profundo e alveolar inferior

b) meníngea média, temporal profundo posterior e alveolar inferior

c) timpânico anterior, alveolar inferior e temporal

d) auricular profundo, meníngea média e massetérica

e) N.R.A.
45. Qual o ramo medial da carótida externa?

a) laríngea ascendente

b) amigdaliana ascendente

c) lingual

d)faríngea anterior

e)N.R.A.

46. Qual a relação do nervo lingual e o dúcto da glândula submandibular no soalho bucal?

a) nervo cruza superiormente o dúcto

b) são paralelos no soalho bucal

c) nervo cruza inferiormente o dúcto

d) não possuem relação importante

e) N.R.A.

47. Qual a inervação sensitiva, motora e gustativa, respectivamente, do corpo da língua?

a) n. Hipoglosso, n. Glossofaríngeo e n. Lingual

b) n. Lingual, n. Hipoglosso, e n. Facial

c) n. Lingual, n. Glossofaríngeo, n. Facial

d) n. Glossofaríngeo, n. Facial, n. Hopoglosso

e) N. R. A.

48. Quais são os ramos motores da terceira divisão do V par de nervos cranianos?

a) n. Digástrido, n. Massetérico, n. Estilohióideo

b) n. Milohióideo, n. Lingual, n. Bucal

c) n. Alveolar inferior, n. Bucal, n. Digástrico

d) n. Digástrico, n. Masseterico, n. Milohióideo

e) N.R.A.

49. Quais as estruturas venosas estão envolvidas na disseminação das infecções orofaciais para o seio cavernoso?

a) veia oftálmica superior e plexo venoso pterigóideo

b) veia jugular interna e veias diplóicas

c) veia labial superior e veia septal posterior

d) veia oftálmica inferior e veia labial inferior

e) N.R.A.
50. Quais nervos devem ser anestesiados para a extração do 1o molar superior?

a) alveolar superior médio, alveolar superior anterior e bucal

b) alveolar superior posterior, palatino maior e nasopalatino

c) alveolar superior posterior, alveolar superior médio e palatino maior

d)alveolar superior médio, alveolar superior posterior e nasopalatino

e) N.R.A.

51. Quais nervos devem ser anestesiados para a extração de um 2o molar inferior?

a) alveolar inferior, bucal e lingual

b) alveolar inferior, mentoniano e lingual

c) mentoniano, bucal e lingual

d) alveolar superior, bucal e incisivos

e) N.R.A.

52. Em relação à quantidade de cortical e medular presentes no corpo e ramo mandibular podemos afirmar:

a) no ramo a quantidade de cortical é igual a de medular

b) no ramo a quantidade de medular é menor que a de cortical

c) no corpo a quantidade de cortical é igual a de medular

d) no corpo e no ramo somente encontramos cortical

e) N.R.A.

53. Quais os acidentes anatômicos que sofrem maiores modificações nas mandíbulas edentadas?

a) côndilo, coronóide e forame mandibular

b) sínfise, ângulo mandibular e apófise gênica

c) rerbordo alveolar, côndilo e forame mentoniano

d) forame mentoniano, rebordo alveolar e coronóide

e) N.R.A.

54. A modificação da posição do forame mandibular ocorre mais freqüentemente com a variação de quais estruturas?

a) largura do ramo e comprimento do corpo

b) distância intercondilar e comprimento do ramo

c) ângulo gonial e altura do ramo

d) altura do corpo e altura do ramo

e) N.R.A.
55. Qual a seqüência correta percorrida pelo feixe de luz até este atingir a retina?

a) córnea, humor aquoso, cristalino e humor vítreo

b) córnea, humor vítreo, cristalino e humor aquoso

c) pupila, córnea, humor vítreo e cristalino

d) conjuntiva, córnea, humor vítreo e cristalino

e) N.R.A.

56. Qual a origem do plexo cervical?

a) ramos ventrais dos nervos espinhais de C1 a C4

b) ramos ventrais dos nervos espinhais de C2 a C6

c) ramos dorsais dos nervos espinhais de C1 a C4

d) ramos dorsais dos nervos espinhais de C2 a C6

e) N.R.A.

57. Qual a inervação da glândula submandibular, parótida e sublingual respectivamente?

a) n. Facial, n. Glossofaríngeo, n. facial

b) n. Glossofaríngeo, n. Glossofaríngeo, n. Facial

c) n. Facial, n. Facial, n. Facial

d) n. Hipoglosso, n. Glossofaríngeo, n. Lingual

e) N.R.A.

58. Onde desemboca o dúcto nasolacrimal?

a) meato inferior

b) meato médio

c) seio maxilar

d) recesso esfeno-etmoidal

e) N.R.A.

59. Na região do corpo, o canal mandibular localiza-se mais freqüentemente:

a) na região do ápice radicular dos molares

b) vizinho à cortical vestibular

c) cerca de 7 mm acima da basilar da mandíbula

d) acima dos ápices radiculares

e) N.R.A.
60. Quais as estruturas possivelmente inervadas pelo n. Mentoniano:

a) lábio inferior, mucosa gengival, pré molares

b) lábio inferior, região mentoniana, incisivos centrais

c) língua, lábio inferior, incisivo central contralateral

d) lábio inferior, mucosa gengival, caninos

e) N.R.A.

61. Em relação à formação do feixe vasculo-nervoso alveolar inferior, podemos afirmar que:

a) é formado a partir de 3 feixes distintos

b) tem sua formação do interior da mandíbula para fora

c) inicia sua formação no forame mentoniano

d) é formado sempre a partir de um único feixe

e) N.R.A.

62. Sobre a fusão dentária podemos afirmar que é :

a) a união do cemento de 2 elementos dentários distintos

b) a união da coroa de 2 elementos dentários distintos

c) a tentativa de divisão de um germe dentário por invaginação

d) opções a e c corretas

e) N.R.A.

63. Por que no osso maxilar podemos realizar anestesias do tipo infiltrativa com maior sucesso que na mandíbula?

a) pela proximidade dos ápices dentários com a cortical vestibular

b) pela menor espessura do periósteo

c) pela maior porosidade do osso maxilar

d) pela menor espessura da cortical

e) N.R.A.

64. Em relação a surdez do tipo neural, qual a sua possível causa?

a) lesão da membrana timpânica

b) anquilose dos ossículos do ouvido médio

c) lesão do nervo timpânico profundo

d) lesão do nervo vestíbulococlear

e) N.R.A.