Você está na página 1de 2

1) A Constituição Federal de 1988, em seu artigo 37, § 4º traz quais penalidades em

decorrência dos atos de improbidade?

Suspensão de direitos políticos, Perda da função pública, Indisponibilidade dos bens e


Ressarcimento do erário;

2) São sanções aplicadas no caso de violação dos princípios da Administração Pública,


exceto:
Perda dos bens ou valores acrescidos ilicitamente ao patrimônio
3) A sanção: Pagamento de multa civil de até três vezes o valor do acréscimo patrimonial,
trata-se de atos que causem:

Enriquecimento ilícito

4) A suspensão dos direitos políticos de cinco a oito anos, poderá ocorrer para quem
praticar atos de improbidade

Que causem prejuízo ao erário

5) Considera as afirmativas abaixo:

I) Regra geral, os processos devem ocorrem independentes;

II) O agente público poderá ser afastado de suas funções, porém sem receber sua
remuneração normalmente;

III) Para fixar penalidades o juiz levará em conta a extensão do dano causado, assim
como o proveito patrimonial obtido pelo agente.

Apenas as afirmativas I e III estão corretas

6) São características do Procedimento Administrativo:

A representação por qualquer pessoa mediante autoridade administrativa competente para


que seja instaurada investigação destinada a apurar a prática de ato de improbidade

7) São características do Procedimento Judicial, exceto:


 Serão aplicadas as normas da Lei 7.347/85 (Disciplina a Ação Civil Pública),
quando não contrariar o que dispõe a Lei 8.429/92.
 A ação principal, que terá o rito ordinário, será proposta pelo Ministério
Público ou pela pessoa jurídica interessada, dentro de quinze dias da
efetivação da medida cautelar. Resposta correta
 É vedada a transação, acordo ou conciliação nestas ações.
 Fazenda Pública, quando for o caso, promoverá as ações necessárias à
complementação do ressarcimento do patrimônio público.

8) Em relação a prescrição das ações de improbidade administrativa, considere:


 I) A lei estabelecerá os prazos de prescrição para ilícitos praticados por qualquer
agente, servidor ou não, que causem prejuízos ao erário, ressalvadas as respectivas
ações de ressarcimento.
 II) A Prescrição das ações de atos de improbidade administrativa ocorre conforme
disposto no art. 23 da LIA;
 III) A prescrição no caso de Exercício de mandato, de cargo em comissão ou de
função de confiança é de 05 (cinco) anos após o término do mesmo;
Todas as afirmativas estão corretas;