Você está na página 1de 10

Curso: Engenharia Civil

Disciplina: Patologia das Construções


Turma: 9º Período
Período: 2017.2
Professor(a): Ma. Débora Vilas Bôas

LISTA DE QUESTÕES

Relacione a Coluna 1 à Coluna 2, associando as configurações típicas de fissuras em alvenarias


e as sobrecargas experimentadas.

Coluna 1
1. Trincas e/ou fissuras verticais.
2. Trincas e/ou fissuras horizontais.
3. Trincas e/ou fissuras inclinadas.

Coluna 2
( ) A atuação de sobrecargas concentradas pode provocar a ruptura dos componentes da alvenaria na
região de aplicação da carga e/ou o aparecimento de ________________ a partir do ponto de
aplicação.
( ) As __________________ são provenientes da ruptura por compressão dos componentes de
alvenaria ou da própria argamassa de assentamento, ou ainda de solicitações de flexocompressão no
plano vertical da parede.
( ) As _________________ apresentam a configuração mais típica em alvenaria, devido a
sobrecargas, sendo provenientes da deformação transversal da argamassa sob ação das tensões de
compressão, ou da flexão local dos componentes de alvenaria.
( ) Além da fissuração da parede carregada, outros fenômenos poderão ocorrer: no caso de alvenarias
constituídas por blocos cerâmicos estruturais, com furos dispostos perpendicularmente em relação ao
chão, a deformação transversal da argamassa de assentamento poderá provocar a ruptura por tração
de nervuras internas dos blocos, assim, além das _____________________, ocorrerão destacamentos
de paredes externas dos blocos.

A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de cima para baixo, é:

a. 2 – 1 – 2 - 3
b. 3 – 1- 1 – 2
c. 2 – 2 – 3 – 1
d. 3 – 2 - 1 – 1
e. 2 - 2 – 1- 3

Na presença de água e pressão hidrostática, os revestimentos de argamassas podem apresentar


falhas decorrentes de depósitos salinos provenientes da migração de sais solúveis existentes nos
materiais ou componentes. Essa falha recebe o nome de

A. inchamento.
B. eflorescência.
C. taliscamento.
D. camurçamento.
E. descolamento.
Uma das patologias das armaduras de concreto armado é um tipo de corrosão anódica localizada,
caracterizada por causar uma cavidade com elevada relação entre o comprimento e o diâmetro.
Ocorre apenas em determinadas regiões específicas, causando perda de massa. Apresenta alta taxa
de crescimento e atua como amplificador das tensões de tração. Trata-se da corrosão

A. uniforme.
B. por pites.
C. intragranular.
D. transgranular.
E. pela ação do hidrogênio.

A preparação da superfície da edificação para receber a pintura é importante para garantir a


uniformidade e o resultado final da operação. Caso a superfície não esteja preparada, pode ocorrer a
formação de manchas esbranquiçadas na parede pintada, por causa do reboco úmido. A este defeito
dá-se o nome de

A. saponificação.
B. eflorescência.
C. desagregamento.
D. calcinação.
E. descascamento.

Nos revestimentos de paredes e tetos de argamassas inorgânicas um dos fenômenos patológicos


que podem ser observados em período breve após a aplicação do revestimento é a pulverulência,
que pode ser causada, entre outros fatores, por

A. presença de concreções ferruginosas na areia.


B. matéria orgânica ou pirita na areia.
C. excesso de desempenamento.
D. oxidação da pirita presente como impureza do agregado.
E. traço pobre em aglomerante.

Na figura acima, que mostra fissuras na fachada de uma edificação de dois pavimentos, a provável
causa da patologia apresentada é

A. excesso de água na argamassa do reboco das paredes.


B. falta de junta de dilatação na edificação.
C. retração por secagem das lajes dos pavimentos.
D. falta de vergas nas aberturas.
E. recalque diferencial das fundações.
A respeito dos sistemas e processos construtivos e dos materiais utilizados em obras de
edificações, julgue os seguintes itens. A exsudação, fenômeno de segregação de água que ocorre na
pasta de cimento, prejudica a uniformidade, a resistência e a durabilidade do concreto.

C. Certo
E. Errado

Após a entrega da obra de um edifício, foi constatada fissuração em algumas peças de concreto
devido à retração. A respeito dessa patologia, julgue os itens a seguir. Para evitar que a quantidade
de cimento adicionado à mistura do concreto aumente a retração, deve-se aumentar o seu teor no
preparo da massa.

C. Certo
E. Errado

Após a entrega da obra de um edifício, foi constatada fissuração em algumas peças de concreto
devido à retração. A respeito dessa patologia, julgue os itens a seguir. Uma possível causa da
fissuração apresentada é retração por carbonatação, na qual a formação de carbonato de cálcio é
acompanhada de uma redução de volume.

C. Certo
E. Errado

Acerca de fissuras de cisalhamento em uma viga solicitada à flexão, julgue os itens a seguir. Para a
recuperação de vigas sujeitas ao tipo de fissuras apresentado, é suficiente o cobrimento das
fissuras com argamassa, sendo dispensável a verificação do projeto estrutural.

C. Certo
E. Errado

Das afirmativas abaixo identifique qual ou quais são VERDADEIRAS.

Segundo Granato (2002), a corrosão das armaduras é uma das principais manifestações patológicas,
responsáveis por enormes prejuízos. Como material de construção denso e resistente, pensa-se que
o concreto armado tem uma duração ilimitada. No entanto, atualmente se constata um número
crescente de estruturas prematuramente deterioradas por corrosão das armaduras de reforço. A
corrosão das armaduras pode-se originar por uma ação química ou eletroquímica, resultando numa
modificação do aço de forma contínua, até que todo o aço se transforme em ferrugem.

I. Corrosão química: A corrosão química ocorre pela dissolução da capa passivadora de corrosão, pelo
ingresso (por meio externo) de íons de cloretos no concreto ou no caso de contaminação da massa do
concreto, formando compostos de óxido de ferro (Fe2 O3).

II. Corrosão eletroquímica ou eletrolítica: Também denominada corrosão catódica ou simplesmente


corrosão, ocorre em meio aquoso é o principal e mais sério processo de corrosão encontrado na construção
civil. Nesse processo de corrosão, a armadura se transforma em óxidos e hidróxidos de ferro, de cor
avermelhada, pulverulenta e porosa, denominada ferrugem.

III. Corrosão em espaços confinados: A corrosão em espaços confinados pode ocorrer, quando sobre a
superfície do aço existe um espaço suficiente resguardado que evita o acesso contínuo de oxigênio,
podendo criar zonas diferenciais de oxigênio que induzem à corrosão.
IV. Corrosão uniforme generalizada: A corrosão uniforme é o resultado de uma perda generalizada da
película passiva, resultante da carbonatação do concreto ou a quantidade excessiva de íons cloretos.
Também pode ocorrer por efeito de lixiviação de componentes alcalinos do concreto, devido à percolação de
águas puras ou ligeiramente ácidas.

V. Corrosão galvânica: Esse tipo de corrosão pode-se dar, quando existem dois metais diferentes no meio
eletrolítico. No aço do aço do concreto, essa situação se dará cada vez que em alguma zona se danifique,
ou não se forma uma capa passivadora característica. Essa zona atuará como um ânodo, frente ao restante
do material, em que permanece a passivação, o qual atuará como cátodo. Também se poderia apresentar
quando o aço se encontra em contato com outros condutores mais nobres.

Estão corretas as afirmativas:

a) II, III, IV e V.
b) I, II, III e V.
c) I, III, IV e V.
d) I, II, IV e V.
e) I, II, III e IV

A patologia do revestimento cerâmico de fachada que se apresenta através de uma série de


aberturas inferiores a um mm e que ocorrem na superfície esmaltada das placas, dando a ela uma
aparência de teia de aranha, recebe o nome de

a) vesícula.
b) fissura.
c) gretamento.
d) eflorescência.
e) trincas.

Em relação às patologias e à recuperação das construções, assinale a opção correta.

a) Reações envolvendo hidrólise e lixiviações dos componentes da pasta de cimento endurecidos


causam apenas a redução da porosidade.
b) O aumento da permeabilidade do concreto melhora a sua durabilidade.
c) A reação álcali-agregado ocorre em ambientes secos e úmidos.
d) O nível da água e a sua variação sazonal podem influenciar o ataque das peças de concreto e
alvenarias por sulfatos.
e) A deterioração do concreto ocorre apenas por reações químicas.

Define-se por patologia das construções:

a) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das


situações em que as construções ou partes delas se mostram com um funcionamento abaixo do pré-
estabelecido, não atendendo aos mínimos impostos pela normas vigentes.
b) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das
situações em que as construções ou partes delas se mostram com um funcionamento abaixo do pré-
estabelecido, mesmo atendendo aos mínimos impostos pela normas vigentes.
c) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das
situações que caracterizem apenas o mau funcionamento da construção como um todo.
d) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das
situações que caracterizem apenas o mau funcionamento de partes das construções.
e) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das
situações em que as construções ou partes delas não atendam aos mínimos impostos pela normas de
saúde vigentes.
Os revestimentos com azulejos garantem condições de bom acabamento, salubridade e aumentam a
vida útil de construções civis. Com relação a esses revestimentos, julgue os itens a seguir.

I Os azulejos, imediatamente após o assentamento, podem ser submetidos à insolação direta.


II O chapisco sob o substrato onde será assentado o azulejo é uma das etapas do seu assentamento.
III No amassamento mecânico de argamassa para assentamento de azulejos utilizando-se betoneira, os
volumes totais de água e de cimento devem ser lançados primeiro com a betoneira em funcionamento,
seguidos dos volumes de cal e de areia.
IV Antes do assentamento, os azulejos devem ser imersos em água limpa por determinado período de
tempo.
V O assentamento dos azulejos deve ser realizado de cima para baixo, uma fiada de cada vez.

Estão certos apenas os itens

a) I e III. b) I e IV. c) II e IV. d) II e V. e) III e V.

Assinale a opção correta a respeito da execução e inspeção do serviço de alvenaria em obras de


construção civil.

a) Na fixação da alvenaria, não há a necessidade de preencher toda a largura do bloco com


argamassa.
b) No assentamento da argamassa para a execução da alvenaria, são utilizadas as seguintes
ferramentas: colher de pedreiro, desempenadeira de madeira, bisnaga e meia-cana.
c) O encontro entre alvenarias pode ser executado sem travamento.
d) A verga e a contraverga devem ser apoiadas na alvenaria em no mínimo 5 cm.
e) A verga é construída na parte inferior da abertura e pode ser de bloco, canaleta ou pré-fabricada.

A existência de fissuras pode indicar problemas patológicos na estrutura da edificação, devendo ser
caracterizadas quanto ao tipo e localização. A análise das características e aspecto das fissuras
permite relacioná-las com as prováveis causas geradoras. Com base nessas informações, é
incorreto afirmar que

(a) as fissuras por tração são perpendiculares à direção do esforço atuante e abrangem toda a seção
transversal da peça.
(b) as fissuras por compressão são inclinadas na direção paralela às bielas de compressão e geralmente
localizadas próximas aos apoios.
(c) as fissuras por flexão são perpendiculares ao eixo da estrutura, situando-se na região tracionada do
elemento estrutural.
(d) as fissuras por retração são geralmente perpendiculares aos eixos dos elementos estruturais.
(e) as fissuras por recalques são inclinadas como as fissuras de cisalhamento.

Ao realizar uma vistoria, o engenheiro de manutenção do local constatou a existência de uma fissura
em uma viga de concreto armado. A fissura estava localizada próxima a um dos apoios e tinha
inclinação de 45º em relação ao eixo da viga. Com essas informações, é correto afirmar que a fissura
foi causada por

(a) momento torsor.


(b) esforço normal combinado com momento fletor.
(c) esforço normal.
(d) esforço cortante.
(e) momento fletor.
As propriedades do concreto fresco e endurecido podem ser modificadas pelo uso de aditivos
químicos e adições minerais em sua dosagem. Essas substâncias químicas são utilizadas no
concreto para melhorar a trabalhabilidade, acelerar ou retardar a pega, controlar o desenvolvimento
da resistência, combater a fissuração térmica, entre outras aplicações.

MEHTA, P. K.; MONTEIRO, P. J. M. Concreto: microestrutura, propriedades e materiais. São Paulo,


IBRACON, 2008.

A respeito dos aditivos químicos e adições minerais para concreto, assinale a opção correta.

A. Os aditivos incorporadores de ar não alteram a trabalhabilidade, mas melhoram a resistência mecânica


dos concretos.
B. A sílica ativa é um adição mineral que diminui a permeabilidade do concreto, entretanto favorece a reação
álcali-agregado.
C. Os aditivos aceleradores de pega do cimento que contêm cloretos não são eficientes, todavia conferem
maior durabilidade às estruturas de concreto.
D. As pozolanas melhoram a durabilidade do concreto no estado endurecido, porém influem sobre a
consistência do concreto fresco.
E. Os aditivos superplastificantes melhoram a trabalhabilidade do concreto fresco, mas reduzem a
resistência do concreto endurecido aos 28 dias de idade

Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna da frase a seguir. “________________ é a


ciência que estuda a origem, os sintomas e a natureza das doenças das construções.”

A. Patologia.
B. Avaliação.
C. Manutenção.
D. Engenharia.

A fissuração ocorre sempre que a deformação à tração a que o concreto está submetido excede sua
própria resistência. Abaixo estão as principais causas de fissuração em concreto. Assinale a
alternativa que não condiz com uma dessas causas.

A. Geometria da estrutura.
B. Disposição das armaduras.
C. Execução e cura do concreto.
D. Má impermeabilização.

Patologia pode ser entendida como a parte da engenharia que estuda os sintomas, os
mecanismos, as causas e origens dos defeitos das construções civis, ou seja, é o estudo das
partes que compõem o diagnóstico do problema. Sobre a patologia das edificações,
é INCORRETO afirmar que:

a) O fenômeno da fissuração ocorre quando as deformações provenientes dos esforços de tração aos quais
o concreto é submetido excedem sua capacidade resistente. Tal capacidade varia, entre outros fatores, com
a idade do concreto e a velocidade de desenvolvimento da deformação. As variações dimensionais podem
ser ocasionadas por variação de temperatura, absorção ou perda de umidade, reações álcali-agregado, pela
ação de agentes deletérios como os íons sulfato e como resultado da aplicação de carga.

b) As causas mais comuns para ocorrência de manifestações patológicas nos revestimentos são
deficiências de projeto, desconhecimento das características dos materiais empregados e/ou emprego de
materiais inadequados, erros de execução, seja por deficiência de mão de obra, desconhecimento ou não
observância de normas técnicas e ausência ou ineficiência de manutenção.
c) Deficiências nos níveis de pressão e vazão, no fornecimento de água e no desempenho dos
equipamentos instalados, rupturas nas tubulações por perda de estanqueidade, ruídos nas instalações e
entupimentos são as principais anomalias verificadas nos sistemas prediais de distribuição de água e
reduzem, frequentemente de forma significativa, o adequado desempenho funcional destes sistemas.

d) Os revestimentos externos funcionam para a edificação como a primeira camada de proteção contra
agentes ambientais, sendo, portanto, elementos que precisam ter suas características respeitadas ou, pelo
menos, ser de fácil substituição/manutenção, visando um nível mínimo de desempenho. Os requisitos
mínimos de desempenho estão relacionados à capacidade que o envelope da edificação apresenta em
garantir durabilidade e resistência à agentes externos, equilibrando a qualidade e conduzindo a baixos
custos com manutenção.

e) A corrosão é o fenômeno patológico de ocorrência mais comum em metais e resulta na alteração das
características e propriedades do material, reduzindo sua resistência mecânica, elasticidade, ductilidade,
estética e resgatando a durabilidade da edificação. São fatores que influenciam no processo de corrosão as
características físicas e químicas do metal e o ambiente no qual a edificação está inserida.

Define-se por patologia das construções:

a) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das situações
em que as construções ou partes delas se mostram com um funcionamento abaixo do pré-estabelecido, não
atendendo aos mínimos impostos pela normas vigentes.
b) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das situações
em que as construções ou partes delas se mostram com um funcionamento abaixo do pré-estabelecido,
mesmo atendendo aos mínimos impostos pela normas vigentes.
c) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das situações
que caracterizem apenas o mau funcionamento da construção como um todo.
d) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das situações
que caracterizem apenas o mau funcionamento de partes das construções.
e) o estudo das origens, causas, mecanismos de ocorrência, manifestação e consequências das situações
em que as construções ou partes delas não atendam aos mínimos impostos pela normas de saúde vigentes.

Em relação às patologias e à recuperação das construções, assinale a opção correta.

a) Reações envolvendo hidrólise e lixiviações dos componentes da pasta de cimento endurecidos causam
apenas a redução da porosidade.
b) O aumento da permeabilidade do concreto melhora a sua durabilidade.
c) A reação álcali-agregado ocorre em ambientes secos e úmidos.
d) O nível da água e a sua variação sazonal podem influenciar o ataque das peças de concreto e alvenarias
por sulfatos.
e) A deterioração do concreto ocorre apenas por reações químicas.

Em relação a vícios e patologias de construções, assinale a alternativa correta.

a) As soluções adotadas na etapa de projeto têm amplas repercussões no processo de construção, mas não
influenciam na qualidade do produto final.
b) As patologias são defeitos que surgem nas edificações, mas que nunca as tornam inadequadas e/ou
impróprias ao uso.
c) Os vícios construtivos e patologias ocorrem nas edificações por diversas origens. Podem manifestar-se
de imediato, ou levar anos para se fazerem presentes. Nestes casos, são conhecidos como vícios ocultos
ou vícios redibitórios.
d) Os vícios redibitórios podem ter diversas origens, mas nunca ocorrem por uma combinação dessas
origens.
e) A mão de obra disponível para a área de construções, no Brasil, é deficiente e não tem formação
específica. Os profissionais que atuam na execução das obras, em geral, executam os serviços pelo
aprendizado na vida prática, não sendo este um aprendizado empírico.

Há várias causas e agentes causadores de patologias em construções. É incorreto afirmar que:

a) os projetos com erros de desenhos e especificações causam defeitos que potencializam o surgimento de
patologias.
b) os defeitos oriundos de erros na execução de edifícios levam a patologias.
c) as alterações químicas sofridas são agentes causadores de patologias.
d) o uso inadequado de materiais é uma das causas do surgimento de patologias.
e) a degradação natural não é considerada relevante no surgimento de patologias, visto que é um fator
considerado nos projetos.

Considere a parede de alvenaria abaixo:

Uma das patologias em construções é a presença de fissuras horizontais no topo das paredes
de alvenaria. A causa provável dessa patologia é

a) cisalhamento devido à movimentação térmica da laje de cobertura.


b) deformação da argamassa de assentamento em paredes devido a excesso de carga uniformemente
distribuída.
c) atuação de carga concentrada diretamente sobre a alvenaria.
d) retração por secagem da alvenaria, principalmente em pontos de concentração de tensões ou seções
enfraquecidas.
e) recalques diferenciais, decorrentes de falhas de projeto, rebaixamento do lençol freático,
heterogeneidade do solo, influência de fundações vizinhas.

As construções durante seu período de utilização sofrem ações externas que ocasionam o
surgimento de diversas patologias. A eflorescência pode surgir em estruturas

a) de madeira.
b) de terra.
c) de concreto armado.
d) em Steel Frame.
e) em Dry-wall.
A respeito de patologias em edificações, assinale a alternativa incorreta .

a) Embora todos os vidros expandam com o aumento da temperatura, os especiais, como os coloridos e os
absorvedores de calor, apresentam expansões consideravelmente maiores com a incidência de radiação
solar

b) No caso de alvenarias constituídas por blocos cerâmicos estruturais, com furos dispostos verticalmente, a
deformação transversal da argamassa de assentamento poderá provocar a ruptura por tração de nervuras
internas dos blocos

c) Após o processo de cura térmica, passando de temperaturas da ordem de 50ºC ou 60ºC até a
temperatura ambiente, o concreto sofre uma contração térmica que poderá induzir a formação de fissuras,
facilitadas pela resistência relativamente pequena do material nas primeiras idades

d) Para os casos comuns de estruturas de concreto armado, os componentes fetidos são em


geraldimensionados, prevendo-se a fissuração do concreto na região tracionada da peça

e) As mudanças higroscópicas provocam variações dimensionais nos materiais porosos que integram os
elementos e componentes da construção; o aumento do teor de umidade produz uma contração do material
enquanto que a diminuição desse teor provoca uma expansão

A figura ao lado representa a face inferior de uma laje de concreto armado, apoiada nos quatro bordos sobre
vigas.

De acordo com a conformação das fissuras, assinale a alternativa que apresenta a razão para a fissuração.

(A) Esmagamento do concreto, em função da reduzida espessura da laje para combater os momentos
negativos.
(B) Retração do concreto.
(C) Armadura insuficiente para combater os momentos positivos.
(D) Armadura insuficiente para combater os momentos volventes.
(E) Puncionamento próximo aos apoios.

A figura representa uma parede de alvenaria externa de uma resistência térrea que apresentou fissuração
horizontal em sua base. Assinale a alternativa que apresenta o provável principal motivo da aparição das
fissuras.

(A) Atuação de cargas concentradas no topo da alvenaria.


(B) As fiadas inferiores encontram-se mais sujeitas à umidade,
apresentando uma expansão maior do que a das fiadas superiores
(movimentações higroscópicas diferenciadas).
(C) A deformação da viga baldrame é inferior à deformação da viga
superior.
(D) As deformações da viga baldrame e da viga superior são
aproximadamente iguais.
(E) Ausência de vergas nas aberturas de vãos das paredes adjacentes.
1. Quais são as principais causas das patologias nas construções e em qual acontece á maioria
dos erros no Brasil?
2. Defina o que é patologias do concreto.
3. Cite os principais fatores de patologias do concreto.
4. Quais os fatores físicos e químicos das patologias do concreto?
5. Descreva os tipos de patologias do concreto e suas:
6. - causas
7. - sintomas
8. - tratamento
9. - prevenção
10. Descreva os tipos de corrosão de concreto que existem?
11. A desagregação é caracterizada da perda do poder aglomerante do concreto. Com isso, os
agregados graúdos se destacam da argamassa, que posteriormente também se desfaz. De
acordo com o que foi dito, quais fatores podem causar a desagregação e como eles podem
contribui com a patologia?
12. Quais são os tipos de recalques e como cada um se comporta na geração das patologias?
13. Quais as características dos tipos de fissurações?
14. Quais os aspectos diferenciam oxidação e corrosão de armações?
15. Descreva os tipos e de que forma os reforços podem ser usados para dar suporte a uma
estrutura armada.