Você está na página 1de 26

Kundalini, A Serpente de Fogo

Esse tema que será discutido hoje é um tema meio incomum, mas muito útil para a
vida prática ou para a evolução espiritual, então vamos iniciar: kundalini, a serpente de
fogo, quando fala serpente de fogo a maioria dos seres humanos abominam cobras ou
similares, ainda mais uma já pensou uma cobra de fogo, só que a serpente de fogo é
algo maravilhoso ou horrível na vida de alguém, quer dizer que tanto pode ser algo
que venha a melhorar a nossa estadia aqui ou pode ser algo que vem nos mostrar o
que significa a palavra sofrimento. A kundalini, termo sânscrito, que um dos
significados é enrolada, enroscada, tem diversos termos, está associada a uma energia
situada na base da coluna vertebral, hoje eu gostaria de passar a seguinte visão dessa
energia: que aquele que busca despertar a sua kundalini que não o faça visando
apenas ou principalmente poderes psíquicos, pois este é o menor dos prêmios que a
kundalini traz quando ela é dominada por alguém, o maior prêmio que nós
poderíamos receber dela é a iluminação consciencial, todo ser que desenvolve
extremo poder mental, espiritual ou consciencial ele traz em si o despertar da
serpente de fogo, esse despertar é tão levado a sério que os seres aqui encarnados ou
muitas vezes mesmo desencarnados, quando eles alcançam o domínio sobre a
kundalini nas costas do ser é feito uma tatuagem energética, essa tatuagem tem a
forma de uma serpente nadja, é uma tatuagem energética, não é que uma pessoa vem
com um aparelho e faz na pessoa, é um símbolo, como tem o símbolo do Espírito
Santo que foi manifestado em uma pomba branca, como tem o símbolo da iluminação
consciencial que se manifesta em uma estrela de 6 pontas sobre a cabeça de alguém,
também tem o símbolo do domínio sobre a kundalini que se manifesta como uma
serpente de fogo tatuada energeticamente, quer dizer que não é uma tinta, é uma
energia brilhante que fica nas costas de uma pessoa, pode ficar invisível ou pode se
tornar visível, geralmente se torna visível quando a kundalini está sendo manipulada,
manuseada pela pessoa, tal símbolo aparece sobre a pele ou pode aparecer em volta
da pessoa. A serpente é um dos símbolos mais fortes da kundalini, porque? Tal
energia, num aspecto simbólico, se situa como uma serpente enrolada na base da
coluna vertebral, imagine uma serpente toda enrolada formando um espiral na base
da coluna vertebral está simbolicamente a serpente de fogo enrolada, adormecida, em
sono profundo, a maioria das pessoas tal serpente dorme e só a respiração desse sono
nos dá a energia psíquica para pensar raciocinar, fazer os nossos órgãos e membros
funcionarem, se revitalizarem com a energia vital que é conduzida pela energia
kundalini. Muitos iogues conseguiram despertar a energia kundalini, na classe dos
seres terrestres proporcionalmente aqueles que mais despertaram foram os iogues,
santos também despertaram, demônios também despertaram, mas os iogues são
aqueles que despertaram em maior número, porque eles usavam técnicas específicas
e se dedicavam ao longo de anos e anos e décadas, encarnações a fio
disciplinadamente para desenvolver tal energia, esta energia ela é poder, é sinônimo
de poder, o poder amplifica as coisas, amplifica o que pensamos, amplifica o que
sentimos, o que fazemos, se o poder for utilizado de forma amorosa, justa, sábia,
aquele que possui o poder, manipula o poder, se o poder não for manipulado, ele
manipula a pessoa, aqueles que despertaram a kundalini e não tinham maturidade
espiritual para controlarem a serpente, foram controladas pela serpente, desenvolveu-
se em épocas passadas uma falange de seres, de entidades extrafísicas e também
físicas que tinham um poder incomensurável sobre a matéria, eu não vou dizer o nome
dessa falange porque atrai vibrações negativas, mas já usaram a kundalini para o mal e
usam até hoje, mas essa falange ela está proibida de atuar como atuava antigamente
aqui na Terra, tal falange não é a falange que é mais comum do planeta, que é a
falange dos dragões, para quem conhece sobre o lado espiritual já deve ter ouvido
falar dessa falange ou da besta também, que se alimenta de todas as perturbações
emocionais dos habitantes da Terra encarnados ou desencarnados, as pessoas são
manipuladas por tal falange sem perceber, mas mais perigosa do que essa é a da
serpente negativa, que usaram a kundalini sem ter a sabedoria necessária e foram
manipuladas pela kundalini. A kundalini é uma energia captada por um aparelho
situada na base da coluna vertebral no cóccix e sacro, esse aparelho capta a energia
telúrica na polaridade yin, yang e neutra, tem uns nomes hindus para isso, a neutra me
parece que é chamada de Suchuma, uma coisa assim, nome sânscrito melhor dizendo,
mas eu não gosto de usar esses nomes sâncritos não, porque a gente está no Brasil, já
basta o português que não é fácil, então do lado direito temos a energia kundalini
positiva, yang, masculina, do lado esquerdo a energia yin, feminina, energia passiva, e
no centro temos a energia neutra, esta energia eu falei que numa pessoa comum, a
kundalini está apenas respirando, ela não está desperta, então veja a kundalini em
alguém, comum como uma serpente enrolada na base da coluna vertebral e dormindo,
ela não coloca para fora nem a linguinha dela, está dormindo serenamente, olhos
fechados, parece morta, imóvel, só respira e nos dá poder para gerar energia
psicoelétrica que sustenta a energia do corpo, quer dizer que cada movimento de um
membro, gerado por descargas neurais e gerando reações químicas, essas descargas
psicoelétrica são geradas só pelo respirar da serpente da kundalini, quando a energia
vital circula pelo corpo fazem os centros de forças psíquicos girarem e distribuírem
energia vital em volta do corpo, isso só acontece com a simples respiração da energia
kundalini, ela não está desperta e muito menos subiu pelo corpo da pessoa.

Esta serpente ela fica dormindo por milênios e milênios e milênios em um código
genético humano, quer dizer que geneticamente a kundalini também evolui e
programa-se ou se desprograma em um código genético o que, que eu estou querendo
dizer com isso? Eu estou querendo dizer que se você tem a energia kundalini desperta
e tem um filho ou filha, o filho ou a filha já vai pegar em seu código genético a
kundalini estimulada ou desperta, ela também é ativada ou desativada com influências
do nosso código genético hereditário, portanto é comum pessoas despertarem a
kundalini sem estarem preparadas e causar diversos distúrbios que eu mencionarei
mais adiante. Antes de gerar muito medo sobre a kundalini eu quero, porque a minha
intenção não é passar medo, a minha intenção é passar o que tem de bom e o que tem
de ruim de acordo com o uso que é dado, essa energia, como disse, situada na base da
coluna vertebral na maioria de nós pode estar adormecida, mas se despertar de forma
harmoniosa, ela sobe como uma serpente fazendo um movimento sinuoso em volta da
coluna vertebral, quer dizer que a parte da serpente energética yang sobe junto com a
yin, fazendo esse movimento até o topo da cabeça, chegando no topo da cabeça,
sobre o crânio, essa serpente desce novamente e começa a fazer o mesmo movimento
até a base da coluna vertebral, chegando na base ela se descarrega pelo cóccix, que é
esse ossinho pontudo que a gente tem e quem é mais magrinho quando senta numa
superfície muito dura sente o ossinho batendo, é ali o cóccix, a serpente entra por ali e
também sai por ali. Algumas pessoas que desenvolveram a kundalini já tiveram sonhos
ou projeções astrais ou visões com essa serpente de fogo, tendo a impressão que tinha
uma serpente dentro da coluna vertebral andando, se esgueirando e subindo, sai pelo
cóccix a energia e sai também pelos pés, passa pelas pernas e sai pelos pés. Quando a
pessoa está com os canais de energia que são como veias energéticas, as veias
transportam o sangue, são vias condutoras de sangue, a energia psíquica ou energia
kundalini também tem canais de força ou meridianos de força por onde ela circula, os
meridianos são fios psíquicos extremamente finos, mas que são como canudinhos
também, a energia passa por dentro do meridiano. Quem tem os meridianos ainda
muito fininhos e muitas vezes obstruídos, quando essa energia sai do corpo numa
voltagem, numa intensidade e numa quantidade muito grande, gera dor nas pernas,
tem pessoas que chegam a sentir uma dor tão forte que tem a impressão que as
pernas estão sendo quebradas, os ossos espremidos, dá vontade de quebrar as pernas,
eu já vi uma pessoa com tamanha dor que ela falava: a minha vontade é pegar um
martelo e quebrar a minha perna, para ver se a dor passa, nesse tipo de caso eu já vou
ensinar uma técnica simples e eficiente, essa dor ela pode durar até umas duas, três
horas ou quatro horas, o que parece uma eternidade, se fizer a seguinte coisa acelera a
descarga energética e a dor passa mais rápido tira o sapato, vai sobre o solo, fica
descalço sobre o solo e com as duas mãos energizadas, aponte as duas mãos para as
pernas e jogue raios de energia nas pernas no sentido de ajudar a dilatar os canais para
que a energia saia logo, fazendo movimentos para baixo e energizando, movimentos
descendentes em direção às pernas e energizando com as mãos, não basta apenas
fazer o gesto, precisa jogar a energia psíquica através das mãos, isso ajuda a fazer com
que a dor desapareça muito rapidamente, tal dor não está vinculada a reumatismo ou
a crescimento ósseo, pessoa que não tem problema de reumatismo ou os ossos já
cresceram o que tinham que crescer, apresentam também, não está envolvido com
nenhum tipo de enfermidade ou excesso de caminhadas ou corridas, quando nenhuma
outra hipótese substituir é o dito inexplicável, pode ser a dor por excesso de descarga
energética. Quando a energia kundalini numa pessoa comum vai sendo desenvolvida
gradativamente leva milhares ou centenas de milhares de anos para ela se desenvolver
gradativamente, com técnicas iogues de respiração, mentalização e posturas
conscienciais e também posturas corporais tem como se desenvolver tal energia, no
entanto eu faço uma advertência aqui, que não pode ser ignorada, e se ignorada o
preço pode ser a própria vida ou a encarnação física: não recomendo desenvolver a
kundalini sem um mestre espiritual comprovado que domine a própria kundalini em
seu corpo, não leia um livro e tente desenvolver a kundalini, porque ela é uma energia
extremamente forte, que é muito difícil para uma pessoa comum controlar, o que que
é uma pessoa comum? A maior parte das pessoas aqui da Terra, a maioria das pessoas
da Terra são pessoas comuns, uma minoria que tem certos conhecimentos que não é
divulgado para as massas pode não se classificar nesse contexto, então tem pessoas
que desenvolvem a kundalini lendo um livro, mas é porque ela já tem toda uma
lembrança de vidas passadas com mestres ou tem um contato espiritual, com o
próprio mestre interior, que é o próprio espírito ou com mestres exteriores
comprovados, tem pessoas que dizem assim: ah, vou te desenvolver a kundalini
simplesmente fazendo uma energização, quem falar algo assim não está, não está
sendo verídico, a kundalini não é tão simples de se despertar. Vamos ver o que
acontece quando alguém desperta a kundalini e ela acorda, imagina a serpente que
desperta a primeira coisa que ela faz é abrir os olhos, depois a linguinha de fora,
depois levanta a cabeça, depois vai levantando o corpo, a serpente de fogo ou
kundalini situada na base da nossa coluna quando começa a fazer isso olha o que
acontece: primeira coisa, pressão na cabeça, pessoa sem, pode ser sem motivo nem
nada, começa a sentir uma pressão na cabeça de baixo para cima, de início se isso
acontece de forma espontânea sem ela estar preparada, ela sente como se tivesse
alguma coisa pressionando a nuca dela, de baixo para cima, e fica sempre com aquele
torcicolo naquele lugar é uma dor dolorida, como é que é essa dor dolorida? Quando
se recebe uma pancada e depois fica doendo, em função daquela pancada, eu chamo
de dor dolorida, se você no momento da pancada a dor que você sente é dor de
verdade, não é uma conseqüência de um dano causado, a dor que se sente da pressão
da cabeça é essa dor dolorida porque ela não dá a impressão de que a dor foi gerada
naquele momento, dá impressão que é conseqüência, é seqüela de algum dano
causado ao corpo, então fica com aquilo: gente mas, não há travesseiro que dê jeito,
não há colchão que dê jeito e quando fica emocionalmente perturbado ou com raiva,
ou nervoso ou preocupado a dor aumenta e fica latejando, fica aquela dor latejando,
latejando, latejando, geralmente não passa do latejar, agora quando a energia
aumenta a voltagem, a dor passa da nuca e vai de fato para o crânio, sobe do cerebelo
e vai para o cérebro e quando vai para o cérebro, aí começa a dar a impressão de que
existe alguma coisa crescendo dentro da cabeça da pessoa, uma pressão magnética
que faz a cabeça da pessoa parecer que vai explodir, fica aquela pressão de dentro
para fora, de baixo para cima e começa a gerar enxaquecas terríveis na pessoa e se ela
se altera emocionalmente, aí é que parece que a cabeça vai estourar, pode dar insônia
também, a pessoa tenta dormir quando vem isso e não consegue dormir, quando essa
dor de cabeça começa a ficar persistente a pessoa fica muito irritada, fica com o humor
alterado, parece que as coisas que se sente são amplificadas, depois quando vai
entrando num estágio mais avançado, a pessoa começa a ficar esquizofrênica, então
ela começa a desenvolver neurose, começa a desenvolver crenças, acreditar em coisas
que não tem fundamento racional em cima, vai aumentando, aumentando, a pessoa
começa a ter visões, alucinações, começa a ver vultos, começa a ver cenas diversas,
acreditar que está sendo perseguido muitas vezes, então tem muitos casos em
manicômios, em hospícios de pessoas que despertaram a kundalini sem estarem
preparados para tal, vai aumentando o estágio, quando vai aumentando pode dar a
impressão de que braços e pernas estão mudando de tamanho, a pessoa sente muitas
vezes o braço muito comprido, as pernas mudam de tamanho, outras vezes a pessoa
está tranqüila, de repente parece que o corpo começou a esticar, mas isso não quer
dizer kundalini distúrbios, não isso são sintomas da kundalini, essa coisa de esticar
também, outra coisa que se pode sentir é como se tivesse um fio quente passando por
dentro dos braços ou das pernas ou da coluna vertebral, pode se sentir isso também e
dói, pode sentir fogo extremo no corpo, como se o corpo tivesse sendo queimado, um
calor de dentro, para fora ou de fora para dentro ou frio demais formigamento,
latejando demais algumas partes do corpo, cabeça latejando, membros latejando,
impressão de que os ossos estão vibrando demais, estrutura óssea do corpo, se a
voltagem ficar mais alta ainda e a pessoa não estiver preparada, eu já vi casos da
pressão na cabeça ficar tamanha que faz romper um vaso sangüíneo e aí a pessoa tem
um derrame, já vi pessoas ficarem travadas, tetraplégicas, em função de despertar a
kundalini numa voltagem muito alta sem estarem preparados. E geralmente é
irreversível pela medicina tradicional danos causados pela kundalini e mesmo a
medicina espiritual só em casos raros intervém em danos causados por kundalini,
casos comuns de um fenômeno raro, casos comuns de um fenômeno raro, num
fenômeno raro como alto combustão é comum ser gerado por distúrbio na kundalini,
isso que eu queria dizer, alto combustão é uma pessoa pegar fogo sem ninguém ter
atirado fogo nela, a pessoa está ali tranqüila fazendo qualquer coisa, de repente a
pessoa cai ou muitas vezes é tão rápido que não dá nem tempo de cair e começa, é
como se a pessoa entrasse no microondas, num forno de microondas, queima de
dentro para fora a pessoa e geralmente queima mais o tronco, que é onde está a
coluna vertebral, os pedaços do corpo que geralmente ficam sem queimar, essa parte
aqui do braço e as canelas ou do joelho, dos joelhos para baixo, são as partes que
geralmente escapam nas alto combustões espontâneas geradas pela energia kundalini.

Qualquer pessoa, mesmo que não tenha desenvolvimento espiritual ou técnica, pode
despertar a kundalini nas diferentes voltagens, espontaneamente, então nem sempre
a gente vai ter certeza que tal energia não desperte em nós, essa energia já despertou
em mim, eu não tinha estudo nenhum sobre ela, nunca tinha lido livro, nunca tinha
feito técnica nesta encarnação e ela despertou, imagine, eu vou contar rapidamente a
estória, isso não tem no livro não, porque eu narro minha experiência com a kundalini
no livro Unidade Prata, eu narro parte da experiência, eu não narro tudo, porque é
muito longa, daria vários livros daquele, a primeira experiência com a kundalini que
não tem no livro eu tinha 16 anos de idade e tinha começado a sair do corpo, meu grau
de conhecimento era aquele católico não praticante, aquele católico que não fez nem
a primeira comunhão, mas que a família é católica e ia na igreja e obrigava a ir, eu ia
também, então era católico não praticante, não tinha conhecimento sobre
espiritualidade, muito menos sobre energias psíquicas, comecei a sair
espontaneamente do meu corpo físico e gostei de início, um dia tentando sair do meu
corpo físico sem saber técnica, só deitei e quis sair relaxei e fiquei com desejo de sair,
mas de repente ao invés de sair do corpo o que eu sinto? Sinto como se alguém tivesse
jogado álcool na minhas costas e acendido um palito de fósforo e um fogo cor rubi
começasse a querer dominar todo o meu corpo, a impressão é que tinha uma
inteligência tentando dominar o meu corpo, mas não era uma inteligência espiritual,
não é uma entidade, era uma força que parecia um programa inteligente, um
programa de computador inteligente tentando dominar todo o meu sistema nervoso,
eu estava deitado, eu dei um pulo, caí em pé, com o meu coração quase saindo pela
boca, morrendo de medo, pensando que eu ia pegar fogo ali na hora, não precisa falar
que depois disso eu fiquei muito receoso de deitar e sair do corpo né? Porque eu
associei à tentativa de sair do corpo, só depois é que eu vim a saber que tinha um
fenômeno de despertar despreparado de energia kundalini, com o passar de algum
tempo, alguns meses e aproximadamente dois anos eu fui iniciado fora do corpo por
entidades que são chamadas de deuses ou deusas da kundalini, existem dois deuses da
kundalini, um é masculino e outra ou deusa, melhor dizendo feminina, o Deus
masculino é conhecido como Ganecha e deusa feminina conhecida como Dácne ou
Dacne, tem duas pronúncias, tais seres são encarregadas de despertar a energia
kundalini das pessoas, porque a kundalini possui uma inteligência própria, é como um
elementar da natureza que vem em cada um de nós que geralmente dorme, mas
quando desperta, haja maturidade, haja poder mental para ter força para controlá-la.
Todos os fenômenos psíquicos manifestados em alguém só vem em função de um
ativar a mais do que o normal a energia kundalini. Quando eu iniciei a projeção astral,
tal faculdade extrasensorial só foi desenvolvida e manifestou em mim, em função de
ter aumentado espontaneamente a voltagem da energia kundalini, depois não parou aí
não, depois de dois anos ao ter-me preparado para enfrentar a serpente de fogo
frente a frente, fui iniciado por Dacne, prefiro chamá-la de Dácne, veio, geralmente ela
apresenta uma forma com olhos de rubi, olhos de fogo, esta entidade é um ser
humano que dominou extremamente a energia kundalini e se manifesta para quem
está desenvolvendo a energia, eu tive diversas provas, a última prova que eu tive que
enfrentar para poder ser iniciado na kundalini novamente nessa encarnação, porque
eu já fui em vidas passadas, isso precisa ser dito, não é só em uma vida que alguém
desperta a energia kundalini e não despertei plenamente ela nessa vida, eu comecei
em dezenas de vidas atrás e nessa ainda continuo o desenvolvimento da kundalini, a
pessoa tem que passar por diversas provas, precisa vencer o medo da morte é uma
delas, não pode ter medo de morrer, depois tem que vencer a prova do desapego
material e do desapego de poder, quer dizer que a kundalini vem e diz para você: eu te
dou o que você quiser na vida, porque ela é o poder, a kundalini vem e fala: eu posso
te dar o poder sobre a pessoa que você quiser, você pode até pensar que é espírito
obsessor, mas não é, é a inteligência da kundalini associada aos arquétipos de alguém
ou emoções de alguém, depois a pessoa precisa vencer aspectos sexuais, quer dizer
que a kundalini vem e tenta estimular a sexualidade de alguém ao extremo, porque a
energia kundalini por se situar na base da coluna vertebral está mais próximo do
chacra sexual, quer dizer que é o chacra que vai sofrer primeiro a descarga elétrica da
kundalini, se ele não estiver sobre o controle de alguém, a energia não sobe fica
fluindo pelo chacra básico, que é o chacra, chacra é o termo sânscrito que quer dizer
roda, mas que ocidentalmente podemos ter como centro de força de ... energia, uma
vez que você comprove que dominou certos aspectos da personalidade e desapegos e
medos, mas o medo da morte é o principal, a kundalini não respeita quem tem medo
da morte, não respeita, você teve medo da morte a kundalini domina imediatamente,
o medo da morte está associado ao chacra básico, toda vez que uma pessoa
energeticamente sensível sente a vida de alguém ou a própria ameaçada tem a
tendência de sentir uma pontada elétrica ou um gelo na região do períneo, que é uma
das regiões próximas da kundalini, então sente uma fisgada na região do períneo
quando sente o corpo ameaçado, seja o próprio ou de outra pessoa, uma pessoa
energeticamente sensível, se não tiver sensibilidade não sente nada, quando a pessoa
vence as diversas provas que a Dácne ministra, outra coisa se não passar em
determinadas provas a pessoa desencarna, então não são provas fáceis não, tem
provas que se não passar a pessoa morre, esta energia é a mesma coisa de você, não,
não é a mesma é bem pior do que você cair dentro de uma sala cheia de serpentes
venenosas e ter que sair dali vivo, isso é querer despertar a energia kundalini e ela
subir pela coluna vertebral e vem uma pessoa dizendo que vai despertar a sua
kundalini, não tem cabimento, outra pessoa não tem como fazer isso por você, a não
ser que você esteja espiritualmente amadurecido, consciencialmente preparado e
desenvolvido você pode até ter maturidade espiritual, mas se nessa encarnação você
não despertou a sua consciência para tal maturidade espiritual conquistada, não está
preparado ainda para a kundalini, então uma pessoa não tem o poder de despertar a
kundalini de outra, ela tem o poder de ajudar a despertar, mas nós mesmos é que
somos o fator determinante e mesmo uma outra pessoa, um mestre, porque que eu
falo mestre? Porque não é um professor, aí é um mestre mesmo, professor é aquele
que estudou uma matéria e tenta ensinar, agora uma pessoa para ensinar tal coisa não
basta ter lido livros, não basta ter o conhecimento, precisa ter o poder, sem o poder
não consegue e o poder sob controle, porque se a pessoa tiver o poder da kundalini
ativo nela e tentar despertar a kundalini de outra pessoa, o que acontece? Ela desperta
sim, só que a outra pessoa também não terá como controlar, se não tiver amadurecida
espiritualmente, aí muita gente deve estar perguntando: então para que despertar
essa energia? Para que mexer com isso? Porque essa energia a mãe e o pai de todos os
fenômenos psíquicos e da iluminação espiritual, ninguém chega no samadi, no êxtase,
no néctar da imortalidade, sem despertar a energia kundalini, só que ela é despertada
automaticamente quando se alcança um certo grau de evolução, ela opa, opa, tem um
sino tocando lá no topo da cabeça me chamando e ela sobe como se fosse para sua
refeição, isso é a kundalini despertada por quem já tem uma certa evolução, mas
fenômenos, muitos que almejam a kundalini, querem pelos fenômenos, domínio sobre
a matéria, qual é o fenômeno primeiro que a kundalini desperta? Projeção astral é o
primeiro fenômeno, a pessoa começa a sair do corpo físico simplesmente com a
vontade, segundo fenômeno telepatia, não é nessa ordem específica, mas são os mais
comuns, telepatia, a pessoa começa a escutar os pensamentos de seres encarnados ou
desencarnados, depois clarividência, a pessoa começa a ver um ponto, eu vou dar os
sintomas do despertar espontâneo da clarividência, a pessoa num belo dia está
olhando assim, de repente fala: ué mas peraí começa a ver um ponto luminoso em
toda direção que olha está vendo um ponto luminoso, aí começa a prestar atenção no
ponto luminoso ele começa a crescer e fica colorido geralmente as cores um azul
esverdeado e um rosa avermelhado, fica como que entrelaçado, parece dois barbantes
de lã entrelaçados, se concentra a atenção nesse ponto muda de cor, passa dessa cor
verde azulado, rosa avermelhado para o dourado, aí começa a ficar dourado,
concentra mais a atenção o dourado vai aumentando, vai aumentando, aumentando,
até que chega um ponto que a pessoa não vê mais nada, só vê o dourado e aí
concentra naquele dourado ele vai ficando azulado, um azul celeste, a cor, um azul
celeste metálico, concentra nesse azul celeste ele vai ficando meio transparente,
quando ele começa a ficar transparente a pessoa começa a ver através, como se
tivesse aberto uma janela no vácuo e começa a ver cenas, pessoas, coisas, paisagens, e
se concentrar em alguém, vê imediatamente a pessoa, pode ver várias dimensões,
pode ver à distância, digamos que a pessoa olhe para o céu, concentra as nuvens
desaparecem, vê as estrelas e aí concentra em alguma estrela ou planeta, começa a
dar zoom e vê até a formiguinha andando lá no outro planeta, isso é clarividência ou
então vá além, veja coisas do passado, fixa a atenção num objeto no tempo presente e
vai como que cortando camadas desse objeto, ao invés de olhar dentro do objeto
começa a ver ou para o passado ou para o futuro naquele local ou aquele objeto, pode
ver dimensões espirituais, outras dimensões físicas, pode ver através de paredes, pode
olhar os órgãos internos de uma pessoa, vê o coração, vê tudo na pessoa se está
funcionando bem, se tem algum tumor, imagine os médicos com essa capacidade,
chegasse lá o médico: não está tudo bem você pode ir embora ou então olha está com
problema ali, o que ia economizar de exame, de dinheiro com exames, com o tempo, o
incômodo, tem exames que é super doloroso clarividente bem desenvolvido não
precisa ultra-sonografia essas coisas, não precisa nada disso não, aquele exame que
ejetam uma substância na pessoa e então a clarividência é um dos dons mais
desejados por quem quer despertar a energia kundalini pode ser desenvolvido sim,
depois tem outra capacidade que vem após a clarividência, geralmente é a capacidade
da levitação, a levitação é maravilhoso, na levitação a pessoa gera um fenômeno
curioso ela não anula a lei da gravidade naturalmente, mas ela entra, ela desperta uma
freqüência da kundalini que é a mesma freqüência psíquica magnética da kundalini
terrestre e começa a ficar na mesma polaridade da energia magnética da Terra e
ficando na mesma polaridade a Terra começa a repelir e a pessoa flutua, é um
fenômeno mais avançado de quem tem levitação, tem clarividência, quem tem
levitação, tem projeção astral, tem clariaudiência ou tem telepatia também, depois
dessa capacidade de levitação, se o iogue, aí já é um iogue mesmo para fazer isso,
mesmo não tendo esse nome, mas é um iogue, porque domina as forças psíquicas, se
prosseguir nas técnicas vai aprender a fazer outro fenômeno mais desejado e raro aqui
na Terra, vai aprender a desmaterializar o corpo e materializá-lo em outro lugar,
teleportar com a própria vontade, então a pessoa quer: peraí quer aparecer em outro
país, desaparece aqui e aparece lá, não precisa ser um avatar para fazer isso não,
mestres ascensionados, iogues conseguem fazer isso, não precisa alcançar o nível de
avatar, mas para fazer isso olha que precisa meditar usando técnicas de iogas
específicas para kundalini para dominar isto, então está aí o despertar da kundalini, aí
foi acima, porque isso são coisas físicas que eu estou falando, eu não estou falando
ainda sobre o aspecto consciencial dela são fenômenos físicos, o aspecto consciencial é
que é mais avançado até, junto um pouco antes da teleportação pode surgir também
um fenômeno, mas geralmente o fenômeno é compartilhado a pessoa que teleporta
também consegue se bilocar, que é diferente de teleportar, bilocar é aparecer em dois
lugares ao mesmo tempo, fazer o corpo virar dois, então a pessoa pode ficar aqui um
abraçando o outro, apertando a mão, mas virar dois ou então aparecer em outro lugar
ao mesmo tempo que está aqui, são fenômenos incríveis que todos aqui nesse
auditório sem exceção, todos os seres humanos aqui podem fazer estes fenômenos, eu
não digo que seja nessa encarnação, mas se começar nessa encarnação, numa mesma
encarnação se uma pessoa viver mais ou menos uns 80, 90 anos e dedicar pelo menor
uns 40, 50 anos, a uma meditação seguindo certas técnicas com empenho, ela
consegue fazer isso, existem técnicas secretas tão extremamente poderosas que fazem
a pessoa em algumas décadas desenvolver estas habilidades, mas a pessoa tem que
ter uma força de vontade de titânio, não é nem de aço não, é de titânio, mais forte do
que o aço ainda, mas para nós ocidentais que não dá conta de ficar meia hora
pensando na própria essência, é meio difícil tal coisa acontecer, são raros os ocidentais
atualmente que conseguem fazer a teleportação, tem ocidentais que conseguem, mas
são muito raros, aí vocês falam: mas porque que eles então não vão para a mídia, não
vão lá aparecer nesses programas aí e dizer: eu faço isso e provar lá na hora,
desaparecer e aparecer? Porque ao alcançar um grau de consciência em função da
meditação, começa a ver que essa nossa civilização é um grande palco de gente
sonhando, dormindo, pensando que está vivendo, vai brincar junto com aqueles que
dormem, não, não vai se envolver com o nosso carma, eles vivem nos bastidores dessa
vida, não participam desse sonho coletivo, que é a nossa vida aqui.
Nós ao despertarmos a kundalini, a primeira coisa que compreendemos é que nós
somos como formas pensamentos da nossa essência, nós somos sonhos da nossa
essência e ao conseguir estar acordado no sonho, a pessoa pode manipular o sonho, a
vontade mas isso a gente só acorda de fato quando desperta a kundalini e ela sobe até
o topo da cabeça e a pessoa não vira torresmo né, porque se virar torresmo também
não alcança esse grau de compreensão. Vamos ver o aspecto consciencial, a kundalini
eu disse que é uma serpente que sobe, quando ela está fica no topo da cabeça, ela faz
assim com a linguinha, vem até aqui e fica, um clarividente vai ver numa freqüência
energética uma serpente na cabeça de quem está com a kundalini desperta, essa
serpente ela é acalmada por uma outra energia que é menos conhecida, a kundalini eu
acho que deve ter pessoa que deve ter ouvido aqui pela primeira vez, porque ela não é
muito conhecida, agora existe outra energia menos conhecida ainda, que é a energia
chamada sonocosmomedular, é uma energia que gera 6 antenas no topo da cabeça
formando uma coroa de raios na no topo da cabeça, não é o chacra coronário, não
confundam com as mil pétalas do chacra coronário, não é, mas são os fatores
responsáveis pelo despertar das pétalas do chacra coronário, são essas antenas, são 6,
uma fica próximo à testa, duas laterais em volta da antena central da testa e outras
três ficam na parte de trás do crânio, hoje eu queria preparar transparência, mas não
foi possível, porque isso é bom ver em transparências, creio que no futuro em alguma
palestra eu prometo trazer essas transparências para mostrar.

Quando uma pessoa começa a despertar a energia kundalini de forma controlada,


quem vai cutucar a serpente para ela acordar são essas antenas, então a pessoa
primeiro começa a despertar a consciência, a consciência ao ser despertada começa a
ativar os 6 chacras das antenas superiores, ao despertar as antenas superiores que
ficam no topo da cabeça, essas antenas começam a captar energias conscienciais dos
nossos corpos mais sutis, corpos astrais, mentais e até da essência e começam a puxar
a consciência que vem lá do nosso espírito para o nosso cérebro físico, o nosso cérebro
físico começa a funcionar em uma freqüência cerebral que não é comum e que não foi
registrada ainda pela nossa medicina, pelos cientistas daqui, ao alcançar essa
freqüência cerebral que eu não inventei não, porque eu não gosto de inventar coisa, é
apenas uma freqüência muito alta vibracionalmente, mas fisicamente ela é
extremamente baixa, parece que o cérebro parou, mas não parou, começa a descer
essa energia do cosmo que vem das regiões mais sutis dos mundos da forma e vêm
para o cérebro físico, ao chegar no cérebro físico, tal energia começa a ser concentrada
na glândula pineal, que é o núcleo do chacra coronário, ao despertar certas vibrações
na glândula pineal estimula o cerebelo também, desce pela medula espinal, por toda a
coluna vertebral e essa energia, veja a coluna vertebral, vamos colocá-la
horizontalmente, deitada agora a coluna vertebral, veja cada vértebra não como uma
vértebra, mas como a tecla de um piano e veja essas antenas como mãos tocando nas
vértebras da kundalini da coluna vertebral, como se fosse um piano, os sons
repercutem nas vértebras, como se fosse um pianista produzindo uma melodia e cada
melodia desperta uma voltagem x da kundalini e a kundalini vai subindo como se não
uma serpente única, inicialmente, mas como filamentos de uma serpente, imagine que
de uma serpente saia uma bem pequenininha, um tanto inofensiva, mas já com certo
veneno e saia e vá picar o cérebro, quando pica o cérebro, ao invés de veneno saia o
chamado néctar da imortalidade, ele manifesta-se como um líquido dourado, como se
fosse ouro derretido extremamente quente, mas a consciência gera como se fosse um
cadinho, para quem não sabe o que é cadinho, cadinho é um objeto feito de amianto
imprensado usado para fundir metais, então ele suporta altas temperaturas, quer dizer
que precisa gerar esse cadinho no cérebro para suportar a alta temperatura da energia
kundalini, ao suportar a alta temperatura vibracional e energética gera-se a comunhão
com o cosmo, essa comunhão faz com que nós não, não prestemos atenção apenas
em nossa individualidade, mas faz com que prestemos atenção na fusão de todas as
individualidades, quer dizer que nós saímos da dualidade desse mundo e penetramos
num mundo único, no mundo da essência, onde não existe relatividade ou dualidade,
pequeno, grande, passado, presente, futuro e aí vivemos um êxtase que não existe
palavras para interpretar, para significar, que só vivendo para saber como é, mas tudo
graças às antenas que desceram, buscaram a kundalini e subiram, com o aumento
dessas antenas, quer dizer que elas precisam captar freqüências mais sutis, vai fazendo
com que a kundalini comece a ficar mais desperta, mais desperta, até que chegue um
ponto que ele sobe totalmente, quando ela sobe totalmente a pessoa se funde a Deus,
ela sai do corpo físico, quando ela sai do corpo, ela faz uma projeção, não apenas em
corpo astral, não apenas em mental, mas ela faz uma projeção espiritual, sai a essência
do corpo dela, a mônada, a centelha divina, sai de seu corpo físico, ela nos primeiros
estágios ela fica em estado estático, quer dizer que o êxtase é tão arrebatador que
deixa a pessoa embriagada, então ela fica embriagada, inebriada de êxtase, fica imóvel
e o espírito sai do corpo dela, mas não é uma mera projeção astral, tem casos que a
intensidade do êxtase é tamanha que a pessoa pára de respirar e o coração pára de
bater e a pessoa não morre, ela continua sendo mantida viva pela energia vital captada
da energia kundalini e aí ela fica algum tempo daquele jeito, de repente volta aqui, no
ocidente se acontecesse isso e as pessoas da família não ficasse sabendo chegava lá e
enterrava a pessoa rapidinho, é porque ia ver que o coração não bate, não tem o
cérebro parece que parou também, não tem funcionamento, o corpo fica como uma
casca de cigarra, casca vazia, totalmente vazia ah, e o cordão de prata? A projeção é
tamanha que o cordão de prata apaga, ele apaga, ele não desliga, ele apaga, quer dizer
que ele perde a energia, ele não transmite nada, a energia que mantém o corpo vivo é
o simples pensamento da essência do indivíduo, não é nem através de cordão de
prata, isso aí é corpo astral que sustenta físico através de cordão de prata, então é um
fenômeno que pode ser vivenciado com o despertar da kundalini, quem consegue
fazer esse samadi pode, se quiser teleportar, pode flutuar, materializar,
desmaterializar, quem ainda não está vivendo esse samadi, porque tem diversos níveis
de samadi, o inicial ainda não é, pelos iogues, não é chamado de samadi, tem muita
gente que chama é o contato inicial com a consciência de samadi e não é, o samadi é
algo inconfundível quando se vivencia e tem outros que a pessoa pensa que está, mas
não está, essa kundalini de início ela sobe fica algum tempo, mas o corpo não está
preparado inicialmente para suportá-la permanentemente, se a pessoa insistir ela
queima os canais de energia e aí pode ter problemas, pode queimar o corpo, ter a
combustão instantânea ou ficar paralítico ou derrame cerebral, então mesmo um
iogue ele sabe: peraí agora já foi o meu limite, baixa a kundalini e a kundalini baixa,
mas você acha que a kundalini baixa feito um cachorro dócil que você fala deita, passa,
volta e ele volta, não, kundalini não é assim não, se a pessoa não tiver controle das
emoções, autocontrole, se a pessoa não tiver uma consciência muito ampla não dá
conta de fazer a kundalini baixar e aí a kundalini fica ali até arrebentar a cabeça da
pessoa, então é preciso ter muita maturidade para falar: kundalini desça e ela desce,
mas não é porque ela está obediente, ela desce é porque tem uma força magnética,
vinda do topo da cabeça da pessoa e espremendo a kundalini para baixo, aí ela desce,
desce ou desce, não tem essa questão de escolha, aí ela acalma, uma vez descida aí ela
vai adormecendo até que acalma, só que ela fica mais ativa do que antes dela subir, o
tempo vai passando e a pessoa vai praticando gradativamente, ela vai aprendendo, os
chacras têm uma capacidade incrível, que capacidade é essa? Adaptação, os chacras
giram, quanto mais energia tem num chacra mais rápido ele gira, energia psicoelétrica,
não é qualquer tipo de energia não, tem que ser energia psicoelétrica vinda da
kundalini, mais rápido o chacra irá girar, só que se o chacra girar mais rápido do que
ele está acostumado, eu costuma dar um exemplo, que é um exemplo bem preciso,
imagine um corredor que faz maratona, que corre 20 quilômetros, 30 quilômetros
assim sem parar, vai naquele ritmo ou então aqueles corredores de velocidade de 100
metros, aquele que corre assim tão rápido, vamos pegar esse corredor que corre super
rápido, ele corre muito rápido, ok, agora pega ele e amarra o braço dele do lado de
fora de um carro e põe tudo no carro, corre bastante, o corredor se ele for tentar
acompanhar ele vai quebrar as pernas dele, ele não vai conseguir acompanhar, a
mesma coisa é você querer fazer os seus chacras girar muito mais rápido do que ele
está acostumado, então você joga energia nele e ele zuuuuuuuuuummmmm vai
girando, até que chega um ponto que ele começa a trepidar, porque ele não tem
estrutura, ele não tem força para suportar e começa a abalar todos os outros chacras,
todos os canais, começa a desalinhar os meridianos de forças do corpo eletrônico da
pessoa ou duplo etérico e aí o chacra vai absorvendo, porque quando ele gira ele
absorve energia ou transmite energia, ele vai absorvendo e vai concentrando tanta
energia no seu núcleo, porque o chacra, imagine uma esfera com dois cones espetados
nela, esse é um chacra, quando gira gera um cone energético, um espiral energético,
esse espiral capta energia, essa energia captada vai para o núcleo, se o chacra gira
demais ele capta energia demais e aí o que, que acontece? O núcleo ele tem um
espaço x de dilatação, se ultrapassar o espaço determinado de dilatação, o chacra
pode estourar, o chacra estourado é fatal, eu já vi paralisias corporais que foram
geradas por chacra estourado, em alguns casos mata, se for no chacra coronário, se for
chacra cardíaco, a pessoa morre, morre de parada cardíaca, morre de derrame
cerebral, por isso o chacra ele pode alcançar uma velocidade muito rápida, mas tem
que ser gradativo, hoje faz um pouco, amanhã faz mais um pouco, depois de amanhã
faz mais, um pouco, aí ele vai acostumando cada vez mais rápido, mais rápido, só que
ele terá tempo de se adaptar, nós temos essa capacidade incrível, então eu vou dar um
exemplo de poder energético: certa vez numa projeção eu encontrei um mestre
espiritual, um avatar, e falei para ele: mestre, mestre eleve a vibração dos meus
chacras, eu quero ter uma vibração mais sutil, com toda humildade eu cheguei e ele
falou: está bom, aí ele começou a jogar energia nos meus chacras, eles começaram a
girar mais rápido, mais rápido, eu comecei a entrar em êxtase no astral, samadi, até
que ele parou, aí quando ele parou, passou daqui um pouco o êxtase passou, aí eu
falei para ele: não mas eu quero continuar, aí ele falou: só que você não está
preparado, se eu continuar você queima os seus chacras, porque a minha vibração é
alta demais para você suportar, aí eu falei ah, então está bom, então essa coisa de
receber energia de pessoa de vibração muito alta, se a alguém não estiver preparado
desestrutura todos os chacras, precisa receber vibração de alguém que tenha um grau
ou que saiba modular a sua vibração para diminui-la ou que tenha uma voltagem
compatível com a nossa, porque senão é a mesma coisa de ligar o radinho de pilha em
220 volts, queima na hora se pegar os 220 sem ser transformado para 6 volts ou 12
volts ou 3 volts, portanto a energia kundalini é uma dádiva, mas é uma dádiva que
precisamos ter maturidade para usar. Eu vou ensinar hoje, não, não vou ensinar, não
vou poder, não vou poder porque minha consciência está falando aqui que não basta
eu ensinar a técnica, teria que ensinar todas as implicações conscienciais, o que não é
possível passar numa mera palestra, a técnica é fácil passar, agora a consciência não é
fácil, é impossível ser passada, a pessoa é que vai assimilando com conhecimento ao
longo do tempo, essa técnica que eu ia passar é tão eficiente que estimula muito a
kundalini, porque senão chega uma pessoa aí Aldomon, você matou o fulano de tal,
você endoidou o fulano de tal, e eu vou ter não vou ter cara né, porque de fato passar
uma técnica que desperta a kundalini daqui a pouco está a pessoa louca aí, jogando
pedra, porque não estava preparada, é, a pessoa de repente começa a pensar que é
santo tal e começa a sair pregando aí, é porque a kundalini gera iluminação ou loucura
né. No campo da consciência, quando a pessoa vai despertando a kundalini ela começa
a ter conhecimentos que ela não estudou aqui, é, kundalini despertada puxada pelas
antenas sono cosmo medulares faz a pessoa desenvolver sabedoria, aí você fala mas
como? Sabedoria não é...
... Na história tivemos diversas pessoas que despertaram a kundalini, mas nem todos
levantaram até a cabeça, só levanta a cabeça quem ilumina, alguns despertam a
kundalini acorda, a serpente acorda, mas não vai para a cabeça, tem o caso da
kundalini ou da serpente que ao invés de subir desce é, é, os chamados kundalini
invertidos, aí começam a ficar com o que? Com o rabinho do diabo, kundalini invertida
é o que faz o rabo do diabo, os chifres do diabo, sabe o que é? As antenas sono cosmo
medulares invertidas, ao invés de ligar com a essência liga com a evolução inferior,
quer dizer liga com a parte animal, com a parte mineral, com a parte vegetal do ser, é,
o negócio é sério, vou dar um exemplo: Hittler despertou a kundalini dele invertida,
teve vários outros aí que eu não vou citar, porque eu gosto de citar mais os positivos:
Jesus, Buda, Krisna, Sai Baba, Francisco de Assis é um dos grandes exemplos também,
na vida como Francisco de Assis ele despertou mais do que na vida como João
Evangelista, como João Evangelista ele só foi despertar a kundalini dele com mais força
quando já estava muito idoso, que aí ele só vivia em samadi, mas como Francisco de
Assis ele despertou logo cedo: vinte e poucos anos estava ele em êxtase, porque?
Porque a kundalini é que gera o êxtase quando vai para a cabeça, mas volto a repetir
precisa ir para a cabeça com alguém que tenha o cadinho lá dentro para suportar a
temperatura, porque senão vira torresmo, vira incenso torrado, por isso é preciso
amadurecer primeiro, Francisco de Assis, eu vou citar algo que eu fiquei sabendo dele,
aliás tem uma publicação psicografada sobre a vida dele que eu acho que é a mais
profunda que tem, que foi feita aqui no plano físico, que é "A Vida de Francisco de
Assis psicografado por João Nunes Maia, espírito esqueci o nome do espírito ah,
Miramens né? Essa obra eu recomendo, eu não sou espírita não, como não sou
budista, como não sou Harekrisna, como não sou qualquer outra religião aí, eu sou
Deus, como todas as pessoas aqui, eu busco é Deus, eu não busco não é nenhum porta
voz dele, mas eu recomendo ler esse livro porque ele é muito bom, quem quiser ler e
ver o que, que a kundalini, só que ali eles não usaram o nome kundalini né? Você tem
que saber, conhecer a energia para você colocar, a energia kundalini de Francisco de
Assis era tão forte para ele que para ele não enlouquecer o que, que ele fazia? Ele
conversava até com os peixes, com as plantas, ele conversava com todo mundo,
porque ele tinha que descarregar a energia, então quando ele falava, quando ele
transmitia o sentimento dele, mais falava, a energia que estava concentrada no crânio
dele saía, porque a energia kundalini ela vai concentrando no crânio, se a pessoa não
gastar ela, vocês acham que eu dou palestra, porque só eu quero é? Não é não, senão
a energia vai ficando tão forte que eu tenho que gastar, então eu gasto com aquilo que
eu gosto, com aquilo que eu sei fazer menos pior do que outras coisas, então a energia
kundalini ela começa a pressionar, pressionar que a pessoa tem que extravasar essa
energia, então precisa transmitir, geralmente as pessoas elas gostam de receber né?
Só receber, receber com a energia kundalini não tem essa coisa de só receber, quando
ela chega na cabeça, a pessoa precisa transmitir tanto, que um clarividente quando vê
uma pessoa com energia kundalini na cabeça, sabe o que o clarividente vê? Só vê
quando a energia não está muito forte vê duas perninhas carregando um Sol, é o Sol,
vira um Sol a cabeça da pessoa para um clarividente, quando a kundalini está muito
forte aí vê um Sol com um feixe de luz vertical seguindo, para onde a pessoa vai, fala
cadê a aura? Não tem aura mais não, esse sujeito se fundiu com o cosmo, aura só tem
quando não se funde com o cosmo, auras vibratórias, então a kundalini é uma força
que está aí para nos servir, só que ela amplifica, para ter idéia do que, que é
amplificação, digamos que você esteja sentindo tudo, paz e a kundalini ficou forte,
você sente a paz multiplicada 10 vezes, 15 vezes, 100 vezes,1000 vezes, agora se for o
inverso, você estiver com raiva, você faz coisas que depois que a kundalini diminuir a
voltagem, você fala: meu Deus, eu fiz isso? Então é uma gangorra emocional quem não
tem autocontrole e ativou a kundalini numa freqüência e voltagem muito alta, a
pessoa faz coisas absurdas, sente coisas absurdas, se não tiver autocontrole, por isso
antes de trabalhar a energia kundalini: autocontrole, desapego, porque senão aí fica
aquela pessoa: não, quero ter, quero ter, quero ter, kundalini faz a pessoa ter desejos,
amplificar os desejos, por isso é que precisa ter desejos controlados, desejos positivos,
porque senão a pessoa fica escrava da kundalini e escrava dos seus próprios desejos.
No caso de tentar desenvolver esta energia, como eu não prometi que ia dar técnica,
eu não vou poder dar técnica, eu só quero falar sobre esta energia, agora se alguém já
tiver despertando essa energia de forma espontânea, aí vai ter que conhecer técnica,
porque? Porque nem todo mundo escolhe, fala: não, eu não tenho essa energia
desperta e vou despertar. Eu ainda não estou ensinando a fazer isso diretamente,
quando eu tiver mais quilometragem rodada nessa existência eu vou começar a
ensinar sobre isso, mas eu ainda estou muito novo fisicamente para mexer com isso,
nada como as décadas em cima das décadas para dar maturidade para alguém, mesmo
quando a gente traz no espírito é importante fisicamente, porque o corpo tem um
relógio próprio, não adianta querer fazer os ponteiros andarem mais rápido, porque
eles não andam, têm uma velocidade, mas o conhecimento base já está sendo
passado, que é o conhecimento consciencial, este já está sendo dado. Eu conheço um
rapaz, que eu conheci há alguns anos atrás, eu acho que eu tinha 18 anos, tenho 26
atualmente, tinha 18 anos quando ele foi numa palestra, ele foi numa palestra e na
época que ele foi eu era muito afoito, a gente quando tem 18 anos pensa que pode
mudar o mundo, é muito entusiasmado é muito e sem querer, querendo pela
imaturidade, eu fiz uma irradiação de kundalini no rapaz, felizmente ele tinha
maturidade espiritual, depois passou algum tempo, alguns anos, quando eu falo algum
tempo alguns anos uns 5, 6, 6 anos mais ou menos, uns 4 anos e não é que eu descobri
que o rapaz espiritualmente estava sendo iniciado lá fora não por mim naturalmente,
mas por seres, mestres espirituais e os próprios deuses da kundalini e já estava
entrando em samadi o moço, então nem sempre a gente sabe em que patamar está a
nossa evolução espiritual, portanto não mexa com a kundalini se não tiver maturidade
para tal, mas se tiver maturidade mexa, porque o prêmio não tem preço, não tem
preço, o prêmio é a imortalidade, não da energia em si, mas do bom uso de amplificar
a própria consciência. No topo da nossa cabeça tem uma flor, alguns apelidam de
lótus, de mil pétalas e de fato existe no topo da nossa cabeça, eu já pude presenciar,
ver, tocar, sentir este lótus que tem mil freqüências conscienciais, a maior parte dos
seres humanos não tem sequer uma freqüência consciencial ativa, a maior parte é esse
lótus está como um botão totalmente fechado, sem nenhuma pétala aberta, em
algumas pessoas tem uma pétala aberta, 10, 5, 100, só nos grandes seres, nas grandes
almas aqui nós encontramos os mil abertos, cada vez que você aprimora algumas
dezenas de limitações e desperta uma virtude, você desperta uma freqüência
consciencial ou uma pétala deste chacra coronário, deste lótus de mil pétalas e cada
vez que uma pétala é despertada é como se ela gerasse um som e esse som vibra a
coluna vertebral e vai até a base da coluna e ativa mais uma voltagem da kundalini e a
kundalini começa a ficar mais forte, só que existem seres que eles não se contentam
com isso, eles querem acelerar a abertura o despertar das pétalas e querem acelerar o
despertar da kundalini e aí eles usam técnicas, eu não vou passar técnica para a
kundalini, mas que eu vou passar técnica para as antenas eu vou.

A técnica para as antenas ela é simples, mas é extremamente eficaz, você vai fazer
uma coisa: você vai respirar bem lentamente, para respirar lentamente eu recomendo
fazer o pranayama, só que o que eu vou ensinar aqui vocês só vão fazer com a seguinte
observação: após uma semana, se fizerem a técnica todo dia, após uma semana se
começar a ficar alienado dessa realidade pare imediatamente, é porque essas técnicas
nos sintonizam com os mundos mais sutis e se a pessoa faz com muita freqüência, com
muita assiduidade, pode começar a falar: porque que eu vou trabalhar? Isso aí tudo é
transitório, isso tudo é ilusão, o caminho do meio é o caminho do equilíbrio, nem
largar de alimentar o corpo, nem viver para alimentar o corpo, tem que alimentá-lo o
necessário para servir o espírito, porque senão o espírito escapole, a gente está preso,
o corpo é uma gaiola e nós somos um pássaro e o que a gente come faz as grades da
gaiola se fortificarem e existirem, se a gente parar de fortificar as grades, o que, que
vai acontecer? O pássaro voa, então nem sempre o pássaro está preparado para voar,
muitas vezes ele precisa passar algum tempo na gaiola ainda para aprender coisas,
então quando eu iniciei o meu caminho espiritual eu deixei as minhas gaiolas, as
minhas grades tão fininhas, que o pássaro já estava quase voando, até que o meu
espírito oh, você não pode voar ainda você tem coisa a realizar aqui, continue aí e aí
rapidinho as grades começaram a ficar mais fortes, portanto caminho do meio, nada
de negligenciar responsabilidades assumidas com a família, com o trabalho, se
começar a ver que está se alienando, corte as técnicas imediatamente, porque o
estado é revertido com o tempo, naturalmente. Outra coisa é se sentir dor de cabeça,
diminua a técnica, porque a dor é comum, não pense que uma pessoa desenvolve a
kundalini sem dor não viu? Eu não vou passar exercício para a kundalini diretamente,
mas vai afetar a kundalini indiretamente, mas de maneira saudável, segura, mas
quando se desperta as antenas do topo da cabeça é comum sentir pontada no crânio,
parece que tem alguma coisa furando o crânio, naturalmente que não é como a broca
de furadeira não, não é assim, mas é uma pontadinha doída, chata, que fica
incomodando eventualmente, isso pode acontecer, mas passa, se incomodar demais
diminua a técnica, que é sinal que está muito rápido, lembra lá do corredor e do carro
amarrado no carro, então é preciso ir gradativamente, nada de acelerar muito, então
vamos à técnica. Primeira coisa é vibrar o mantra de alta vibração o mantra, todo o
mantra é sagrado, mas que mantra é esse? Meu tempo está quase esgotando tenho
que passar logo a técnica, é o mantra OHM, volto a falar para quem já ouviu a técnica
por favor tenha paciência, mas é porque o mantra OHM não basta você simplesmente
fazer OHMMMMMMMM, não basta, se não fizer a pronúncia x não funciona, então o
mantra tem que ter a pronúncia correta e a pronúncia que eu vou ensinar para o
despertar ela não é aquela pronúncia que eu ensinei não, é porque eu ensino aquela
pronúncia é para despertar o chacra cardíaco, o frontal e o coronário, essa que eu vou
ensinar aqui é só do coronário. Você vai pronunciar o mantra OHM em duas etapas, ao
invés de três, primeira etapa você vai soltar o OHM totalmente nasal, nada de soltar
pela boca, divide o ar em duas partes, a primeira parte solta pelo nariz, a segunda
parte você não pronuncia, você solta o ar sem pronunciar fisicamente e mentaliza a
pronúncia, você pronuncia em pensamento, vou fazer uma pronúncia aqui:
OHMMMMMMM, a metade eu soltei pelo nariz, a outra metade o som saiu pelo topo
da cabeça, mas mesmo na primeira parte o som sai pelo topo da cabeça, eu vou
ensinar a técnica anterior que eu dei em palestras passadas para estimular os 3
chacras que depois eu vou explicar, vão compreender melhor, na pronúncia do OHM
para desenvolver os chacras superiores pronuncia OHMMMMMMMMMMMM, eu não
fiz a pronúncia exatamente correta, porque o meu metabolismo está muito rápido e o
OHM ele é pronunciado com o metabolismo mais lento, corporal, mas já deu para
passar a idéia. Quando o ar sai só pela boca, OHMMMMMMMMM, estimula o
cardíaco, quando o ar sai pela boca e pelo nariz, OHMMMMMMMM, estimula o
frontal, quando o ar sai só pelo nariz, OHMMMMMMMMMM, estimula o coronário.
Essa pronúncia é para despertar os chacras superiores, amor, poder, sabedoria, agora
se quer desenvolver as antenas vai trabalhar mais a área da sabedoria, a técnica e para
isso a pronúncia é OMMMMMMMMMMMM, é preciso aprender a pronunciar o
mantra em pensamento, os primeiros cem, os primeiros mil não são muito bem, mas
depois de mil mantras pronunciados a pessoa pronuncia direito, isso eleva demais a
vibração. As etapas são simples, quando terminar a pronúncia vai fazer uma coisa com
os olhos, vai fazer uma convergência e olhar para o centro da testa de olhos fechados,
como é isso? Olha para o centro, para cima, mas de olhos fechados, eu fiz com eles
abertos para mostrar como é: olha para o centro, depois olha para cima, não é bonito
não, para quem não está acostumado com isso, mas ninguém vai estar vendo, porque
você vai estar de olhos fechados e procure sentir a vibração, quando você fizer a
pronúncia e fizer isso com os olhos, você vai amplificar a sensação da vibração, essa é a
segunda etapa da técnica, vamos à terceira etapa da técnica, você vai visualizar 6
antenas em volta da sua cabeça, como uma coroa de luz e cada raio da antena sai
numa direção no espaço, atravessa as nuvens, atravessa o céu, passa pelas
constelações, pelos universos e vai até o mundo da essência, a antena viaja tanto
fisicamente como dimensionalmente, o que quer dizer isso? Quer dizer que no espaço
ela se locomove numa linha reta, uma coisa que com a meditação e o samadi a gente
descobre é que o universo não é infinito, o universo é curvo de fato, então se você
projeta uma linha reta ele vai fazendo uma curva, parece reto, mas não é reto, ele vai
fazendo uma curvatura e entra dentro dele mesmo e sai em outra dimensão que sai
novamente numa aparente reta e entra dentro dele mesmo e sai em outra dimensão,
fazendo isso, esse fio, esse raio vai sair de uma dimensão para outra, de uma dimensão
para outra, até atingir o mundo da essência, ao visualizar que atingiu o mundo da
essência, visualize que você está puxando a energia do mundo da essência e que a
energia está sendo canalizada, através da antena, é como se a antena fosse ao mesmo
tempo um canudo e começasse a extrair do cosmo as vibrações e jogasse na sua
glândula pineal. Esse exercício se faz no máximo 5 minutos para um iniciante, por dia,
no máximo, mais tempo que isso só com o acompanhamento de um orientador, sem
acompanhamento eu não recomendo fazer mais do que esse período, então fez o
mantra naquela pronúncia, metade do som pelo nariz, outra metade não pronuncia o
som fisicamente e sim mentalmente, depois faz a convergência suavemente, não faça
muito forte a convergência dos olhos, olhando para cima, depois fazendo a
convergência visualize e calcula aproximadamente 5 minutos, o mantra bem feito vai
dar mais ou menos uns 5, 6 mantras, é um mantra OHM bem pronunciado ele leva em
média um minuto, então é um minuto fazendo um mantra, despertar as antenas do
topo da cabeça.