Você está na página 1de 46

Instalação

Operação
Manutenção

WALL MOUNTED
1 a 5 TRs

Modelos

SWMC 010 SWMC 015 SWMC 020


SWMB 020 SWMB 030 SWMB 040 SWMB 050
SWMD 020 SWMD 030 SWMD 040 SWMD 050
SWME 020 SWME 030 SWME 040 SWME050

Julho 2008 PKG-SVX001A-PT


Aviso importante

Controle da Emissão de Refrigerante

A conservação e redução da emissão de mente destruído sempre que o mesmo Use cilindros standards aprovados e se-
gases deve ser conseguida seguindo os seja removido do equipamento. Nunca guros. Cumpra com todas as normas de
procedimentos de operação e serviço deve ser liberado para a atmosfera. segurança e transporte aplicáveis quando
recomendados pela Trane com atenção transportar containers de refrigerante.
especifica ao seguinte : Sempre considere a possível reciclagem Para minimizar emissões enquanto trans-
ou reprocesso do refrigerante transferido fere o gás refrigerante use equipamentos
O refrigerante utilizado em qualquer tipo de antes de começar a recuperação por de reciclagem. Sempre use métodos que
equipamento de ar condicionado deverá qualquer método. (Questões sobre refri- façam o vácuo o mais baixo possível en-
ser recuperado para sua reutilização, gerantes recuperados e qualidades quanto recuperam e condensam o
recuperado e/ou reciclado para sua aceitáveis standards estão descritos na refrigerante dentro do cilindro.
reutilização, reprocessado ou completa- norma ARI standard 700.

Uma vez que a Trane do Brasil tem como política o contínuo desenvolvimento de seus produtos, se reserva o direito de mudar suas
especificações e desenhos sem prévio aviso. A instalação e manutenção do equipamento especificado neste manual, deverá ser
feita por técnicos experientes e qualificados, FUNCIONÁRIOS DE EMPRESAS CREDENCIADAS TRANE DO BRASIL.

2 PKG-SVX001A - PT
Conteúdo

I - Informações Gerais 05

Código do Produto
Etiqueta de Identificação
Características das Unidades
Dados Gerais do Wall Mounted
Dimensões Fisícas
Segurança geral

II - Instalação 12

Recebimento e Movimentação
Inspeção das Unidades
Armazenamento
Instruções para manobras e movimentação das unidades
Instalação
Instalação elétrica
Controles
Check list da instalação

III - Partida da Unidade 17

Check list para a partida


Procedimentos para a partida
Verificando as condições de operação
Folha de partida

IV - Operação 21

Parada manual
Parada pelo controle de operação
Parada por controle de segurança
Parada temporária
Dispositivos de proteção e segurança
Condições normais de operação
Ajuste dos controles

PKG-SVX001A - PT 3
Conteúdo

V - Manutenção preventiva periódica 24

Manutenção mensal
ManutençãoTrimestral
Manutenção Anual

VI - Procedimentos de Manutenção 25

Manutenção Preventiva
Filtros de ar
Visor de líquido
Condensador a ar

Manutenção Corretiva
Testes de vazamentos com Nitrogênio
Evacuação
Carga de refrigerante
Cálculo de subresfriamento
Cálculo do superaquecimento
Tabela de pressões
Instalação de novo compressor

VII - Ferramentas e Equipamentos 29

VIII - Diagnósticos 30

Análise de Problemas / Veificações do sistema


Procedimentos de operação
Voltagem desbalanceada

IX- Análise de irregularidades 31

X - Esquemas elétricos das unidades 38

4 PKG-SVX001A - PT
Informações Gerais

CÓDIGO DO PRODUTO. caracteres, os mesmos que se encon- identificação alfanumérico. Seu uso per-
tram na placa de identificação da unidade. mitirá definir os componentes específicos
Abaixo descrevemos o código de da unidade.
Todos os produtos da Trane são identifica-
dos por um número de modelo de vários

SWM B 020 3 D 1 0 0 0 A AA
1,2,3 4 5,6,7 8 9 10 11 12 13 14 15,16

Digito 11 - AQUECIMENTO ELÉTRICO /


Digitos 1,2,3 - Modelo GRELHA DE RETORNO E INSUFLAMENTO E Digito 12 - CONTROLE
SWM = SELF-CONTAINED / TIPO WALL- GRADE DE PROTEÇÃO 0 = SEM
MOUNTED 1 = COM TERMOSTATO DE BULBO
PROTEÇÃO AIR FLOW SWITCH (AFS) 2 = COM TERMOSTATO COVENCIONAL
Digito 4 - Série do Modelo 3 = COM LEAD-LAG
B, C, D, E 0 = SEM AQUEC. / SEM GRELHA / SEM GRADE / 4 = COM TERMOSTATO PROGRAMAVEL
SEM AFS
Digitos 5,6,7 - Capacidade Nominal (TR) 1 = AQUEC. 3,0KW / SEM GRELHA / SEM
GRADE / COM AFS 2 = AQUEC. 4,5KW / Digito 13 - VENTILAÇÃO DE EMERGÊNCIA +
1.0 = 1 TR SEM GRELHA / SEM GRADE / COM AFS CICLO ECONOMIZADOR
1.5 = 1.5 TR A = SEM AQUEC. / COM GRELHA / SEM GRADE 0 = SEM
2.0 = 2 TR / SEM AFS 1 = COM VENTILAÇÃO DE EMERGÊNCIA
3.0 = 3 TR B= AQUEC. 3,0KW / COM GRELHA / SEM 2 = COM VENTILAÇÃO DE EMERGÊNCIA +
4.0 = 4 TR GRADE / COM AFS CICLO ECONOMIZADOR (CONTROLE POR
5.0 = 5 TR C = AQUEC. 4,5KW / COM GRELHA / SEM TEMPERATURA)
GRADE / COM AFS 3 = COM VENTILAÇÃO DE EMERGÊNCIA +
J = SEM AQUEC. / SEM GRELHA / COM GRADE / CICLO ECONOMIZADOR (CONTROLE
Digito 8 - Tensão de alimentação SEM AFS ENTÁLPICO)
3 = 220V/60Hz/3f K = AQUEC. 3,0KW / SEM GRELHA / COM
K = 380V/60Hz/3f GRADE / COM AFS Digitos 15,16 - Acessórios e Opcionais.
4 = 440V/60Hz/3f L = AQUEC. 4,5KW / SEM GRELHA / COM Consultar Tabela de acessórios e Opcionais.
D = 220V/60Hz/1f (som. 1.0 a 3.0TR) GRADE / COM AFS
Q = 220V/50Hz/3f P = SEM AQUEC. / COM GRELHA / COM GRADE - EMBALAGEM
H = 380V/50Hz/3f / SEM AFS - VISOR DE LIQUIDO
Q = AQUEC. 3,0KW / COM GRELHA / COM - CHAVE LOCAL / REMOTO
Digito 9 - COMPRESSOR - LADO DE GRADE / COM AFS - AQUECIMENTO 3,0kW
MONTAGEM R = AQUEC. 4,5KW / COM GRELHA / COM - AQUECIMENTO 4,5kW
GRADE / COM AFS - VENTILAÇÃO. DE EMRG.
D = DIREITO - CICLO ECONOMIZADOR. (ENTALP. OU TEMP.)
E = ESQUERDO PROTEÇÃO PRESSOSTATO DIFERENCIAL DE - CAPACITOR. CORR. FATOR POT.
AR (PDAr)
FILTRO SUJO 4 = AQUEC. 3,0KW / SEM GRELHA / SEM
GRADE / COM PDAr
1 = G0 (SEM SENSOR DE FILTRO SUJO) 5 = AQUEC. 4,5KW / SEM GRELHA / SEM
2 = G3 (SEM SENSOR DE FILTRO SUJO) GRADE / COM PDAr
3 = G0 + G3 (SEM SENSOR DE FILTRO SUJO) E = AQUEC. 3,0KW / COM GRELHA / SEM
4 = G0 (COM SENSOR DE FILTRO SUJO) GRADE / COM PDAr
5 = G3 (COM SENSOR DE FILTRO SUJO) F = AQUEC. 4,5KW / COM GRELHA / SEM
6 = G0 + G3 (COM SENSOR DE FILTRO SUJO) GRADE / COM PDAr
7 = G2 (SEM SENSOR DE FILTRO SUJO) H = AQUEC. 3,0KW / SEM GRELHA / COM
8 = G0 + G2 (SEM SENSOR DE FILTRO SUJO) GRADE / COM PDAr
9 = G2 (COM SENSOR DE FILTRO SUJO) M = AQUEC. 4,5KW / SEM GRELHA / COM
A = G0 + G2 (COM SENSOR DE FILTRO SUJO) GRADE / COM PDAr
T = AQUEC. 3,0KW / COM GRELHA / COM
GRADE / COM PDAr
U = AQUEC. 4,5KW / COM GRELHA / COM
GRADE / COM PDAr

PKG-SVX001A - PT 5
Informações Gerais

ETIQUETA DE IDENTIFICAÇÃO

A etiqueta de identificação da unidade está


colada na tampa do quadro elétrico e
inclui o código do modelo, número de sé-
rie da unidade e as caracteristicas
elétricas, peso e carga do refrigerante, as-
sim como outros dados pertencentes à
unidade.

TRANE DO BRASIL INDUSTRIA E COMERCIO DE


PRODUTOS PARA CONDICIONAMENTO DE AR LTDA
Av. dos pinheirais, 565 – Araucária – PR - Brasil

XXXXXXXXXXXXXXXX
MODELO
MODEL
MODELO

NÚMERO DE SÉRIE XXXXXXXXXX


SERIAL NUMBER
NUMERO DE SERIE

TAG

MANINAL CAPACITY
CAPACIDADE NOMINAL
CAPACIDAD NOMINAL XX TON

MANUFACTURING DATE XX / XXXX


CAPACIDADE DE FABRICAÇÃO
FECHA DE FABRICACIÓN

ELETRICAL RATING XXX V


ALIMENTAÇÃO ELÉTRICA
SUMINISTRO ELÉCTRICO XF – XX HZ

CONTROL VOLTAGE XX V
TENSÃO DE COMANDO
TENSIÓN COMANDO

TOTAL AMPS XX,XX A


CORRENTE TOTAL
CORRIENTE TOTAL

POWER CONSUPTION X,XX Kw


POTÊNCIA TOTAL
POTENCIA TOTAL

EVAPORATOR MOTOR X,XX HP


MOTOR EVAPORADOR
MOTOR EVAPORADOR X,XX A

CONDENSER MOTOR X,XX HP


MOTOR CONDENSADOR
MOTOR CONDENSADOR X,XX A

COMPRESSOR X,XX Kw
COMPRESSOR
COMPRESOR X,XX A

AIR FLOW EVAP XXXX m3/h


VAZÃO AR EVAP
CAUDAL DE AIRE EVAP

AIR FLOW COND XXXX m3/h


VAZÃO AR COND
CAUDAL DE AIRE COND

REFRIGERANT CHARGE R22 X,XX Kg


CARGA REFRIGERANTE R22
CARGA REFRIGERANTE R22

2 STAGES HEATING
AQUECIMENTO 2 ESTÁGIOS
CALENTAMIENTO 2 ETAPAS

WEIGHT
PESO XXX Kg
PESO

6 PKG-SVX001A - PT
Informações Gerais

CARACTERÍSTICAS DAS UNIDADES

Os Condicionadores de Ar Trane MODELOS SWMB E SWMC


modelo Wall Mounted “Self No final da seção de instalação deste
Contained”, foram projetados para Manual, é fornecido um Check List
Cada unidade é composta de
atender às rígidas exigências do para uso do instalador afim de
gabinete fabricado em chapa de aço
mercado de Telecomunicações. São verificar que todos que todos os
galvanizado parafusado,
equipamentos autônomos, utilizados procedimentos de instalação foram
especialmente tratado para atender às
para ventilar, filtrar, resfriar, corretamente seguidos.
mais rígidas condições climáticas,
desumidificar e aquecer o ar . Instruções para fazer as verificações
compressor Scroll, evaporador, con-
necessárias para executar a “Partida”
densador resfriado a ar, conjuntos de
São montados totalmente na fábrica, são dados na seção de Partida deste
motor-ventilador, filtros de ar, compo-
devidamente testados, com a carga Manual.
nentes de proteção e controle, e
correta de óleo lubrificante e Também é fornecida uma Folha de
quadro elétrico para partida, controle
refrigerante para sua adequada Partida para registrar os dados do
de pressão de condensação podendo
operação, saindo já prontos para inicio de operação
ser fornecidas com ciclo
serem instalados pelo cliente. Na seção Manutenção Preventiva
economizador de alta eficiência.
Periódica damos um Check List para
Figuras I-2 e I-2 mostram os compo-
Operam nas condições mais que o Operador ou o Engenheiro de
nentes da unidade padrão.
extremas exigidas pelos testes da Serviço estabeleçam um cronograma
norma ARI (American Refrigeration dos serviços de rotina.
Institute) (Standard 210/240). Também são especificados
O projeto permite a incorporação de detalhados procedimentos de
vários itens opcionais para atender Manutenção.
adequadamente as necessidades de
cada instalação.

PKG-SVX001A - PT 7
Informações Gerais

Tabela 2 - Dados Gerais WALL MOUNTED

Modelos SWMC 010 SWMC 015 SWMC 020 SWMB/E 020 SWMB/E 030 SWMB/E 040 SWMB/E 050

TR Nominal 1 1,5 2 2 3 4 5
Kcal MBH Kcal MBH Kcal MBH Kcal MBH Kcal MBH Kcal MBH Kcal MBH
Modelo 60 Hz
Capacidade Total Efetiva (1) 3.595 14,27 4.410 17,50 5.796 23,00 6.930 27,50 9.248 36,70 12.071 47,90 14.314 56,60
Capacidade Sensível Efetiva (1) 2.154 8,55 3.654 14,50 4.133 16,40 5.922 23,50 6.829 27,10 9.677 38,40 10.559 41,90
Capacidade Total Efetiva (2) 3.430 13,61 4.208 16,70 5.569 22,10 6.678 26,50 8.870 35,20 11.592 46,00 13.910 55,20
Capacidade Sensível Efetiva (2) 2.065 8,19 3.503 13,90 4.057 16,10 5.821 23,10 6.678 26,50 9.475 37,60 10.382 41,20
Capacidade Total Efetiva (3) 3.101 12,31 3.805 15,10 5.292 21,00 6.350 25,20 8.417 33,40 11.012 43,70 13.381 53,10
Capacidade Sensível Efetiva (3) 1.975 7,84 3.352 13,30 3.931 15,60 5.670 22,50 6.502 25,80 9.246 36,70 10.181 40,40
Modelo 50 Hz
Capacidade Total Efetiva (1) 3.163 12,55 3.881 15,40 5.242 20,80 6.174 24,50 8.366 33,20 10.786 42,80 12.852 51,00
Capacidade Sensível Efetiva (1) 1.990 7,90 3.376 13,40 3.906 15,50 5.594 22,20 6.476 25,70 9.148 36,30 9.979 39,60
Capacidade Total Efetiva (2) 3.040 12,06 3.729 14,80 5.040 20,00 5.922 23,50 8.039 31,90 10.357 41,10 12.499 49,60
Capacidade Sensível Efetiva (2) 1.946 7,72 3.301 13,10 3.830 15,20 5.494 21,80 6.350 25,20 8.996 35,70 9.828 39,00
Capacidade Total Efetiva (3) 2.751 10,92 3.376 13,40 4.788 19,00 5.645 22,40 7.610 30,20 9.853 39,10 12.020 47,70
Capacidade Sensível Efetiva (3) 1.856 7,37 3.150 12,50 3.730 14,80 5.342 21,20 6.174 24,50 8.770 34,80 9.652 38,30
Valores Nominais de Operação
Consumo Nominal Total (kW) 1,89 2,49 3,24 3,49 4,59 5,59 6,59
Corrente Nominal Total (A) 8,99 11,00 10,74 12,80 16,20 19,89 22,63
Dimensões Físicas
Largura (mm) 623 623 623 930 930 1030 1030
Profundidade (mm) 616 616 616 600 600 600 600
Altura (mm) 1660 1660 1.660 1.872 1.872 2.272 2.272
Peso (kg) 148 150 162 231 231 277 277
Dados do Compressor
Tipo Scroll Scroll Scroll Scroll Scroll Scroll Scroll
Quantidade 1 1 1 1 1 1 1
Serpentina do Evaporador
Rows 2 3 3 3 3 3 3
Tipo Tubular de cobre com aletas de alumínio Wavy 3B
Ventilador do Evaporador
Tipo Centrífugo Centrífugo Centrífugo Centrífugo Centrífugo Centrífugo Centrífugo
Quantidade 1 1 1 2 2 2 2
Motor 220V/50-60Hz/1f (CV - pólos) 1/3-4 1/3-4 1/2-4 3/4-6 3/4-6 3/4-6 3/4-6
Serpentina do Condensador
3
Vazão de Ar (m /h) / CFM - 60 Hz 840 / - 1100 / - 1359 / 800 2264 / 1332 2264 / 1332 3491 / 2054 3491 / 2054
3
Vazão de Ar (m /h) / CFM - 50 Hz
Serpentina do Condensador
Rows 3 3 4 4 4 4 4
Tipo Tubular de cobre com aletas de alumínio Wavy 3B
Ventilador do Condensador
Tipo Axial Axial Axial Axial Axial Axial Axial
Quantidade 1 1 1 1 1 1 1
Motor 220V/50-60Hz/1f (CV - pólos) 1/3-4 1/3-4 1/2-4 3/4-6 3/4-6 3/4-6 3/4-6

Notas:
(1) Capacidade de resfriamento para unidades resfriadas a ar à 29,5° C (85 °F) temperatura do ar externo e 27 °C (80 °F) BS / 19,5°C (67° F) BU temperatura do ar de retorno.
(2) Capacidade de resfriamento para unidades resfriadas a ar à 35° C (95 °F) temperatura do ar externo e 27 °C (80 °F) BS / 19,5°C (67° F) BU temperatura do ar de retorno.
(3) Capacidade de resfriamento para unidades resfriadas a ar à 46° C (115 °F) temperatura do ar externo e 27 °C (80 °F) BS / 19,5°C (67° F) BU temperatura do ar de retorno.
(4) Dados elétricos são para 220V/60 - 50 Hz/ 3 fases (os motores do ventilador do evaporador e do ventilador do condensador são sempre monofásicos.)
(5) Os dados de consumo e corrente não consideram o reaquecimento elétrico.

8 PKG-SVX001A - PT
Informações Gerais

FRENTE DA MÁQUINA

PKG-SVX001A - PT 9
Informações Gerais

10 PKG-SVX001A - PT
Informações Gerais

SEGURANÇA GERAL

Os Condicionadores de Ar Central
Wall Mounted da TRANE são
projetados para trabalhar de forma
segura e confiável, sempre que
operados de acordo com as normas
de segurança.
O sistema trabalha com componentes
elétricos, mecânicos, pressões de
gases, etc., que podem ocasionar
danos às pessoas e aos
equipamentos.
Portanto, somente instaladores com
pessoas treinadas e qualificadas
devem fazer a instalação, dar partida e
executar a manutenção nestes
equipamentos.
Siga todas as normas de segurança
relativas aos trabalhos e aos avisos
de atenção das etiquetas coladas na
unidades assim como use as
ferramentas e equipamentos
apropriados.

IDENTIFICAÇÃO DE PERIGOS

ATENÇÃO
Avisos de atenção aparecem em inter-
valos adequados, em pontos
apropriados deste manual para alertar
aos contratistas operadores e pessoal
de serviço sobre situações de risco
potencial que de não evitar PODERÃO
resultar em morte ou em lesões
pessoais severas.

CUIDADO
Avisos de cuidado aparecem em inter-
valos adequados, em pontos
apropriados deste manual para alertar
aos contratistas operadores e pessoal
de serviço sobre situações de risco
potencial que se não forem evitadas
PODERÃO resultar em lesões
pessoais severas ou danos no equi-
pamento.

PKG-SVX001A - PT 11
Instalação

RECEBIMENTO E MOVIMENTAÇÃO

[ ] Informe à Trane dos danos e das 3- Evitar que as correntes, cordas ou


As Unidades de Ar condicionado tipo
providencias para os reparos. Não cabos de aço encostem no
Self Contained SWMB e SWMC são
repare a unidade até os danos ter condicionador. Utilize barras
enviadas completamente montadas
sido inspecionados. separadoras adequadas como
em cima de um estrado de madeira.
[ ] O Equipamento pode ser fornecido mostra o desenho.
O termostato a ser instalado no
opcionalmente com quatro olhais para 4- Não retirar a embalagem do condi-
campo é enviado dentro do painel de
içamento que facilitam o serviço cionador até o mesmo estar no lugar
controle.
da instalação. definitivo da instalação. Fazer a movi-
mentação com cuidado.
ARMAZENAMENTO 5- Durante o transporte não balance o
INSPEÇÃO DA UNIDADE
equipamento mais de 15o com
Caso a unidade não possa ser referência à vertical
Ao receber a unidade no local da ins-
colocada no local definitivo da 6- Sempre faça o teste de
talação :
instalação, armazene a mesma em levantamento para determinar o
local seguro protegida da intempérie. balanço e estabilidade exato da
[ ] Verificar que os dados contidos
na placa de identificação são os unidade antes de levantar a mesma
mesmos que os dados contidos na para o local da instalação.
INSTRUÇÕES PARA MANOBRAS E 7- Na movimentação horizontal utilize
ordem de venda e na nota fiscal de
MOVIMENTAÇÃO DA UNIDADE roletes do mesmo diâmetro embaixo
embarque. (incluindo as
características elétricas) da base de madeira.
Para transporte e movimentação da 8- Caso utilize empilhadeira, use
[ ] Verificar que a alimentação de
unidade siga as instruções abaixo: sempre o estrado de madeira.
força local cumpra com as
especificações da placa de ATENÇÃO.- Para evitar, morte ou
1- Aferir no Manual ou na placa da danificação da unidade a capacidade
identificação.
unidade o peso da mesma. de levantamento do equipamento
[ ] Inspecionar cuidadosamente a
2- Colocar os cabos ou as correntes deve exceder o peso da unidade com
unidade em busca de sinais de danos
de levantamento por debaixo do um fator de segurança adequado.
no transporte.
estrado de madeira conforme figura 4.
Se a inspeção feita na unidade revelar
Outras formas de levantamento ATENÇÃO: Cada cabo, correia ou
danos ou faltas de materiais, faça
poderiam causar danos ao corrente utilizado para levantar a
uma reclamação imediatamente com
equipamento e lesões pessoais unidade deverá ter a capacidade de
a transportadora. Especifique a
graves. suportar o peso total da unidade.
classe e magnitude do dano sobre o
conhecimento de embarque antes de
assinar.

12 PKG-SVX001A - PT
Instalação

Figura 4 -

INSTALAÇÃO ESPAÇOS PARA A MANUTENÇÃO E


colarinhos que facilitam o encaixe na ASSISTÊNCIA TÉCNICA
Para a fixação do gabinete na parede parede.
do container, não é necessário retirar Para a entrada de força, existem furos Prever os espaços livres necessários
nenhuma tampa. Existem abas de 46 mm e 27 mm de diâmetro nas para serviços de manutenção e assis-
laterais e cantoneira inferior para a duas laterais e no lado oposto ao tência técnica.
fixação da máquina. Nos pontos de quadro elétrico logo abaixo do retorno Uma distância de 2,5 mts é
insuflamento e retorno do ar, existem de ar da unidade. recomendada na descarga do
condensador para evitar curto-circuito
de ar.

PKG-SVX001A - PT 13
Instalação

GERAL 4. Os cabos de força devem ser di- 7. A entrada de força pode ser feita
mensionados pela amperagem pelo lado esquerdo ou direito da
ATENÇÃO : Desligar a energia elétrica mínima do circuito, que é calculada Unidade.
para evitar ferimentos ou morte devido pela soma de 125 % da corrente
a choque elétrico máxima de operação (CMO) do maior 8. O suprimento de Voltagem é - 220V
compressor ou motor, mais 100 % da / 380V / 440V, 3 F, 60 Hz
ESQUEMAS ELÉTRICOS. soma das correntes dos demais
compressores e motores. Meça a Voltagem de alimentação em
Os esquemas elétricos específicos da todas as fases das chaves
unidade são colados na tampa interna 5. Características elétricas seccionadoras. As leituras devem cair
do Quadro Elétrico. Utilizar estes Para obter a potência em KWs, dentro da faixa da Voltagem de
esquemas para fazer as ligações ou corrente nominal de operação (CNO), utilização mostrada na placa da
analisar problemas. Na Seção de corrente máxima de operação (CMO), unidade, ou seja a, Voltagem nominal
Esquemas Elétricos fornecemos um corrente de rotor travado (CRT) e + / - 10 %. Se a Voltagem de alguma
jogo completo dos mesmos. tensão nominal, refira-se às tabelas fase não cair dentro da tolerância
de características elétricas do comunique a companhia elétrica para
1. Toda a instalação elétrica deve Catálogo de Produto Wall Mounted corrigir a situação antes de partir o
cumprir com as normas da ABNT, os (PKG-PRC004-PO). equipamento.
códigos locais e/ou o National O desbalanceamento de Voltagem
Electrical Code (NEC). 6. Voltagem de alimentação máximo permitido é de 2 %.
A energia elétrica de alimentação da Voltagem inadequada na unidade cau-
2. Instale junto ao Condicionador uma unidade deve ser rigorosamente apro- sará mau funcionamento nos
chave seccionadora com fusíveis ou priada para que a unidade opere controles e um encurtamento da vida
disjuntores termomagnéticos. normalmente. A Voltagem fornecida e o útil dos contatos das contatoras e
desbalanceamento entre fases motores elétricos.
3. O Instalador deverá providenciar deverão estar dentro das tolerâncias
uma instalação elétrica com cabos, abaixo indicadas. A verificação do 9. Aterramento dos equipamentos
eletrodutos, fusíveis, chaves suprimento de energia e do consumo Providenciar o apropriado Aterramento
seccionadoras ou disjuntores da unidade é importante para a nos pontos de conexão previstos no
corretamente dimensionados. segurança do equipamento e motor. painel de controle e de força.

14 PKG-SVX001A - PT
Instalação

CONTROLES O controle de temperatura é realizado configurar o PLC de modo a permitir


pelo funcionamento não simultâneo que os dois equipamentos entrem
Existem quatro opções de controle do compressor e da resistência de em operação-
aquecimento. A partir do valor da - Controle Proporcional / Integral dos
- Termostato Standard temperatura obtido através do sensor, compressores.
- Termostato Programável são utilizados como parâmetros as - Proteção dos ventiladores e com-
- Controlador Lead - Lag temperaturas máxima, média e pressores, em caso de falha.
- Controlador Lógico Programável - mínima. - Totalização do número de horas de
PLC O Sistema de Controle da Unidade funcionamento dos equipamentos.
(SCU) permite a existência de três - Totalização do numero de partidas
Termostato Standard alarmes para o Centro de Controle dos compressores.
Termostato básico com interruptor Central ( CCC). Estes podem ser de - Possibilidade de acesso local via
liga/desliga e botão de ajuste do set - alta temperatura, de avaria da Sistema de Comunicação (RS-232).
point . É instalado no ambiente máquina principal e de avaria da má- - Operação escalonada para ligar os
condicionado e interligado ao quadro quina reserva. equipamentos, em qualquer situação
elétrico do equipamento através de de funcionamento.
chicote de cabos elétricos Controlador Lógico Programável - - Relógio interno – tempo real.
PLC - O teclado do display possui senhas
Termostato Programável O quadro de Controle de acesso e permite a visualização
Tem um display de cristal líquido e Microprocessado é externo e pode ser de todas as informações para o
permite a visualização da hora, do dia instalado no ambiente a ser controle das unidades.
da semana, do programa selecionado condicionado ou em outro local abri- - Opcionalmente, pode-se acessar a
e da temperatura ambiente. Podemos gado de acordo com as unidade remotamente via uma linha
programar quatro set-points diferentes necessidades da instalação. telefônica. Isto é possível através de
para cada dia da semana. Através da Existem duas configurações pré esta- um modem interligado ao controlador
tecla timed-override o usuário pode belecidas : uma com 15 pontos e e a um software de comunicação.
prolongar o funcionamento do outra com 20 pontos. Podem ser
equipamento alem dos horários definidas outras. Chave de Manutenção (Tipo Local/
programados, conforme desejado. O PLC também controla a alternância Remoto)
de dois equipamentos ,sendo que Dispositivo que aumenta a
Controlador Lead-Lag neste caso ambos equipamentos praticidade e rapidez na manutenção,
Foram desenvolvidos para o controle estão aptos a operar em função das teste ou start-up. É acessado
da operação em instalações de tele- horas trabalhadas. Algumas das diretamente no quadro elétrico do
comunicações. O Lead-Lag faz o principais características são : condicionador, acionando o compres-
controle de temperatura dentro do - Rodízio por horas trabalhadas dos sor ou resistência de aquecimento
container , utilizando duas máquinas equipamentos ,ajustado através do independente do controle central.
de ar condicionado (Principal e display do controlador
Reserva) controlando a operação e - Habilitação do equipamento reserva Acionamento do Damper de Ar Exter-
alternância dos equipamentos por em caso de falha do equipamento no.
tempo de operação. principal ou em função de alta Este poderá ser acionado devido ao
temperatura do ambiente – É possível Ciclo Economizador ou pela
ventilação de Emergência.

PKG-SVX001A - PT 15
Instalação

CHECK LIST DA INSTALAÇÃO

Complete este Check List assim que LOCALIZAÇÃO DA UNIDADE REVISÀO DOS COMPONENTES
a unidade esteja instalada para
verificar que todas os procedimentos [ ] A embalagem da unidade foi re- [ ] Os rotores giram livremente.
de instalação recomendados tem sido movida e retirada da unidade. Não
executados antes dar partida na remova o estrado até que a unidade
unidade. esteja na posição final. CONTROLES
Este Check List não substitui as [ ] A localização da unidade é
instruções detalhadas fornecidas nas adequada para as dimensões da O termostato de controle está correta-
seções deste Manual. mesma e das tubulações elétricas. mente instalado em área que não está
Sempre leia totalmente a Seção para [ ] Espaços para acesso e sujeita ao calor de lâmpadas, atrás de
estar familiarizado com os procedi- manutenção ao redor da unidade são portas, correntes de ar quente ou frias
mentos. adequados. ou luz solar.

ATENÇÃO - Desligue a energia elétri-


ca para evitar ferimentos ou morte MOVIMENTAÇÃO DA UNIDADE ESQUEMAS ELÉTRICOS
devido à choques elétricos. Refira-se ao item “Movimentação da
Unidade” na seção Instalação. [ ] Checar o esquema elétrico do
quadro elétrico.
RECEBIMENTO [ ] O fornecimento de energia elétrica
MONTAGEM DA UNIDADE está feito através de uma chave Secci-
[ ] Unidade e componentes foram onadora ou Disjuntor à Unidade de Ar
inspecionados para verificar danos de [ ] A unidade está localizada no local Condicionado.
embarque. de instalação final. [ ] Checar o reaperto de todos os
[ ] A unidade foi verificada quanto a [ ] A Unidade está devidamente ins- terminais elétricos.
falta de materiais e controles. talada. [ ] Checar a seqüência de fase e
[ ] Checados os dados de placa [ ] Foram reapertados os parafusos conexão na Unidade.
sendo iguais aos do pedido. dos coxins dos compressores.
[ ] A embalagem foi removida.

16 PKG-SVX001A - PT
Partida da Unidade

CHECK LIST PARA A PARTIDA

Uma vez instalada a unidade, [ ] Abrir (Contrasede) as válvulas das [ ] Aferir se todos os itens da
complete cada item desta lista. linhas de sucção, de líquido e a “Preparação da Partida” descritos no
Quando todos estiverem cumpridos a válvula de serviço de descarga. item anterior foram completados.
unidade estará pronta para partir.
[ ] Confirme que não há vazamento de [ ] Ligar a chave seccionadora de força
[ ] Verificar que a voltagem da refrigerante. da unidade e disjuntores de comando.
instalação está de acordo com a do O interruptor ON-OFF do Self,
condicionador. [ ] Megar o motor do compressor com instalado no termostato deve estar na
um megohmetro de 500 volts. O valor posição OFF (DESLIGA).
[ ] Verificar a seqüência das fases. A mínimo recomendado é de 5
mesma deve ser de sentido horário. megaohms. ATENÇÃO: NÃO TROQUE OS CABOS
SOMENTE PARA O COMPRESSOR.
ATENÇÃO: Se precisar mudar a seqü- [ ] Afira que o sentido de rotação do(s) FAZENDO ISTO AFETARÁ O DIAGRAMA
ência de fase, trocar de posição dois ventilador(es) está correto. DA UNIDADE.
cabos na entrada do equipamento.
CUIDADO: O compressor Scroll só ATENÇÃO: PARA EVITAR DANOS NO [ ] Verificar se os ventiladores não
deve girar em sentido horário. Verifi- COMPRESSOR NÃO OPERE A estão travados, e giram livremente.
car a seqüência de fase antes de UNIDADE COM A VÁLVULA DE SERVI- [ ] Verificar o funcionamento dos inter-
partir o mesmo. ÇO DE SUCÁO, DESCARGA OU travamentos do aquecimento (se
LÍQUIDO FECHADAS. houver)
[ ] Inspecionar todas as conexões elé- [ ] Verificar as válvulas de serviço das
tricas. As mesmas deverão estar [ ] Verificar a correta instalação do ter- linhas de sucção, de líquido e da des-
limpas e apertadas. mostato. carga. Estas válvulas devem estar
abertas (na contrasede) antes de
ATENÇÃO: PARA PREVENIR ACIDEN- [ ] Aferir as vazões de ar no Evaporador partir os compressores.
TES OU MORTE DEVIDO A CHOQUES e no condensador.
ELÉTRICOS ABRA E TRAVE TODOS OS ATENÇÃO: PARA EVITAR DANOS NO
DISJUNTORES E CHAVES COMPRESSOR, TENHA CERTEZA DE
SECCIONADORAS ELÉTRICAS. QUE TODAS AS VÁLVULAS ESTÃO
PROCEDIMENTOS PARA A PARTIDA ABERTAS ANTES DE PARTIR A
[ ] Reapertar a cabeça do parafuso ou UNIDADE.
porca contra a luva de metal dos Não dê a Partida na unidade até que
coxins de borracha. todos os procedimentos de [ ] LIGAR o interruptor ON-OFF do
A posição de operação e de preparação da mesma estejam SELF instalado no termostato.
embarque em este tipo de coxim é a completos.
mesma.

PKG-SVX001A - PT 17
Partida da Unidade

Uma vez que a unidade esteja operando ATENÇÃO : O SISTEMA PODE NÃO TER A [ ] Se as condições de operação indicam
por aproximadamente 30 minutos e o CARGA CERTA DE REFRIGERANTE sobrecarga de gás, de forma lenta vá
sistema esteja estabilizado, verifique as EMBORA O VISOR DE LÍQUIDO ESTEJA removendo refrigerante pela válvula de
condições de operação e complete os LIMPO. TAMBÉM DEVEMOS serviço da linha de líquido. Não descarre-
procedimentos de verificação como CONSIDERAR O SUPERAQUECIMENTO, gue refrigerante à atmosfera.
segue: SUBRESFRIAMENTO E PRESSÕES DE
OPERAÇÃO. [ ] Preencher a “Folha de Partida” que está
[ ] Verificar as pressões de sucção e de no final deste capítulo.
descarga nos manômetros do manifold [ ] Uma vez estabilizada a amperagem e
cujas mangueiras foram previamente as pressões de operação, meça o supe- ATENÇÃO: PARA EVITAR FERIDAS
ligadas. raquecimento. DEVIDO À CONGELAMENTO, EVITE O
CONTATO DA PELE COM O REFRIGERAN-
Pressões de Descarga: [ ] Medir o subresfriamento. TE.
Tome a pressão de descarga na válvula
Schrader prevista na linha de líquido. [ ] Se a pressão de operação, o visor de Uma vez que a unidade está funcionando
Valores normais de pressão são: líquido, o superaquecimento e o subres- normalmente, mantenha o local limpo e
200 a 340 psig friamento indicarem falta de gás as ferramentas no seu lugar. Assegure-se
refrigerante, carregue gás em cada circui- que as portas dos painéis de controle
to. A falta de refrigerante é indicada se as estão no seu lugar.
pressões de trabalho são baixas e o su-
Pressões de Sucção: bresfriamento também é baixo. SUPERAQUECIMENTO DO SISTEMA
Tome a pressão de sucção, na válvula O superaquecimento normal para cada
Schrader prevista na linha de sucção. ATENÇÃO : SE AS PRESSÕES DE circuito é de 8 a 12 oC à plena carga. Se o
Pressões de sucção normais são: SUCÇÃO E DESCARGA SÃO BAIXAS MAS superaquecimento não está dentro desta
54 - 80 psig O SUBRESFRIAMENTO É NORMAL NÃO faixa, ajuste a regulagem do superaqueci-
EXISTE FALTA DE REFRIGERANTE. mento da válvula de expansão. Deixe de 5
[ ] Verificar e registrar a amperagem con- ADICIONANDO REFRIGERANTE a 10 minutos entre os ajustes para
sumida pelo compressor. Compare as RESULTARÁ EM SOBRECARGA. permitir que a válvula de expansão se
leituras com os dados elétricos do com- estabilize em cada nova regulagem.
pressor fornecidos na placa do [ ] Adicione gás refrigerante (somente na
equipamento. forma gasosa) com a unidade em funcio- SUBRESFRIAMENTO DO SISTEMA
namento carregando gás através da O subresfriamento normal para cada
[ ] Verificar o visor de líquido. O fluxo de válvula schrader situada na linha de suc- circuito é de 5 a 10 oC à plena carga. Se o
refrigerante deverá ser limpo. Bolhas no ção, até que as condições de operação subresfriamento não estiver dentro desta
líquido indicam ou baixa carga de refrige- sejam normais. faixa verifique o superaquecimento do
rante ou excessiva perda de pressão na circuito e ajuste, se necessário.
linha de líquido. Uma restrição pode fre- ATENÇÃO: PARA EVITAR DANOS DO
qüentemente ser identificada por um COMPRESSOR, NÃO PERMITA QUE
notável diferença de temperatura de um LÍQUIDO REFRIGERANTE ENTRE NA LINHA
lado e outro da área restringida. Gelo DE SUCÇÃO.
freqüentemente se forma na saída da
linha de líquido neste ponto também.

18 PKG-SVX001A - PT
Partida da Unidade

PKG-SVX001A - PT 19
Partida da Unidade

20 PKG-SVX001A - PT
Operação

PARADA MANUAL PARADA PELO CONTROLE DE SEGU-


RANÇA
Ocorre quando se deseja parar o condici-
onador por um motivo qualquer ou no fim Qualquer um dos controles de
do período de trabalho. segurança adiante relacionados
podem provocar a parada do
1.1. Colocar o interruptor de partida ON- condicionador.
OFF situado na frente do termostato na
posição OFF (desliga). Isto interrompe a Antes de rearmá-los, elimine a irregu-
passagem de energia elétrica ao laridade analisando detalhadamente
contator da ventilação que ao cair desliga a instalação e usando como guia a
os contatores dos compressores. Seção de diagnósticos

1.2. Deixar o disjuntor ou a chave seccio- Nunca mude as partes de ajuste dos
nadora fechada. controles de segurança ou jampeie
os mesmos a fim de fazer o
ATENÇÃO: NÃO USE ESTE PROCEDIMEN- condicionador funcionar. Sérios
TO PARA PARAR A UNIDADE QUANDO danos podem ocorrer e provocar a
FOR EXECUTAR SERVIÇOS OU REPAROS. paralisação do sistema por muito
PARA EVITAR ACIDENTES OU MORTE tempo.
DEVIDO A CHOQUE ELÉTRICO, FAÇA O
SERVIÇO SOMENTE COM O DISJUNTOR
DA UNIDADE DESLIGADO. PARADA TEMPORÁRIA

Algumas vezes é necessário parar o


PARADA PELO CONTROLE DE OPERA- condicionador por alguns dias para
ÇÃO reforma das instalações ou
À medida em que a temperatura de retor- manutenção predial. Neste caso,
no diminui, o termostato de controle proceda como na parada manual.
desliga o compressor do equipamento.
Havendo aumento da mesma o termos-
tato de controle ativa de novo o
compressor.

PKG-SVX001A - PT 21
Operação

DISPOSITIVOS DE PROTEÇÃO E SEGURANÇA

Οσ πρεσσοστατοσ σ©ο τιπο χαρτυχηο ε τεμ 3.2. Pressostato de alta pressão 3.5. Termostato de descarga
ρearme automático e regulagem fixa. O pressostato de alta está ligado na É um termostato bimetálico localizado
tubulação de descarga sentindo a internamente ao compressor
3.1. Pressostato de baixa pressão pressão aí estabelecida e desliga o Copeland, na câmara de descarga, e
O pressostato de Baixa está a uma equipamento, se a pressão irá desligar o compressor quando a
válvula Schrader, na tubulação de ultrapassar o limite ajustado. O valor temperatura de descarga atingir 145
o
sucção sentindo a pressão aí do desarme é de 395 +/- 15 psig para C, religando o compressor quando a
estabelecida e desliga o equipamento máquinas com condensação a ar e temperatura cair para 60 oC.
quando há falta de evaporação do 275 +/- 15 psig para máquinas com
líquido refrigerante no evaporador com condensação a água. O valor do 3.6. Relé de sobrecarga de corrente
a conseqüente queda de pressão. O rearme se dará nas pressões de 280 Os reles de sobrecarga de corrente
valor do desarme é de 25 +/- 8 psig e +/- 20 psig para máquinas com estão instalados com o objetivo de
o do rearme é 80 +/- 12 psig. Rearma- condensação a ar e 195 +/-15 psig proteger os motores do evaporador e
se automaticamente. para máquinas com condensação a do condensador.
O compressor Scroll não pode água. O rearme é automático.
trabalhar em vácuo. A sua operação 3.7. Chave seccionadora com fusí-
por mais de um minuto em pressão 3.3 Pressostato de controle de pres- veis ou disjuntor eletromagnético
negativa provocará temperaturas de são de condensação Deve ser instalada no local para
descarga elevadas, que empenarão Este pressostato desliga o motor do proteger o Condicionador.
os rotores de alumínio, danificando o ventilador do condensador, permitindo
compressor irremediavelmente. Este o funcionamento do equipamento com 3.8. Fluxo de água no condensador
pressostato jamais pode ser retirado baixa temperatura externa É necessário que o “flow-switch”
de ação mediante um “jamper”. esteja calibrado para abrir os contatos
3.4. Termostato interno ao motor do quando a vazão de água cair abaixo de
Dois avisos colocados dentro do compressor 90% do nominal do condensador.
quadro elétrico: “NUNCA JAMPEAR” e É um dispositivo localizado junto ao
“ATENÇÃO: EVITE DANOS AO enrolamento do motor do compressor 3.9.Válvula de alivio interna do com-
COMPRESSOR SCROLL”, orientam sendo especificado para proteger o pressor Copeland
quais são os procedimentos corretos motor do compressor contra o Quando o diferencial de pressão entre
para a operação segura do excesso de temperatura causado por a sucção e a descarga atingir valores
compressor. baixo fluxo de refrigerante entre 375 a 450 psig esta válvula se
(resfriamento deficiente de motor) ou abrirá, comunicando a sucção e a
excessiva corrente elétrica (devido às descarga, aliviando a pressão de
condições extremas de solicitação). O descarga.
rearme é automático.

22 PKG-SVX001A - PT
Operação

Tabela 3 - Condições normais de operação


O refrigerante usado é o HCFC-22.
As condições normais de indicação
são as indicadas abaixo:
Pressão de Alta 200 a 340 Psig
Pressão de Baixa 54 a 80 Psig
Superaquecimento De 8°C a 12 °C
Subresfriamento De 5°C a 10°C
Visor de Líquido Fluxo de refrigerante sem indícios de gás
Voltagem Não deverá ultrapassar a oscilação de +/- 10% da voltagem de placa.
Corrente Não deve ultrapassar a corrente de placa.

Tabela 4 -Ajuste dos Controles

Controle Desarme Rearme Observações


Pressostato de Alta 395 +/- 15 psig 280 +/- 20 psig Condensação a ar
Pressostato de Baixa 25 +/- 8 psig 80 +/- 12 psig Wall Mounted
Pressostato de Controle de Pressão 195 + / - 15 psig 275 + / - 275 psig Wall Mounted
Termostato dos Enrolamentos do Motor 105 ºC 82 ºC Wall Mounted
Termostato de Descarga do Compressor 145 ºC 60 ºC Wall Mounted

Figura 5 - Circuito de Refrigeração

PKG-SVX001A - PT 23
Manutenção Preventiva
periódica

Fazer todas as inspeções e serviços [ ] Verifique a pressão de sucção e [ ] Limpe o evaporador sempre que
de manutenção nos intervalos reco- descarga com o manifold. Vide o item necessário.
mendados. Isto prolongará a vida útil “Verificando Condições de Operação”.
do equipamento e reduzirá a possibi- [ ] Verifique e anote as tensões e cor-
lidade de falhas. [ ] Verifique o visor da linha de líquido. rentes de serviço dos motores dos
Teste vazamentos e corrija-os se ne- ventiladores e compressores.
cessário. Vide o item “Verificando
Use a “Folha de Leitura de Dados de Condições de Operação”. [ ] Teste os controles de segurança.
Operação” para registrar
mensalmente as condições de [ ] Se as condições de operação e o [ ] Verifique e anote as temperaturas
operação para esta unidade. A folha visor de líquido indicam falta de gás, de bulbo seco e bulbo úmido na
com os dados de operação pode ser meça o superaquecimento e o entrada e saída do evaporador.
uma ferramenta valiosa de diagnósti- subresfriamento do sistema. Vide
co para o pessoal de assistência itens “Superaquecimento do Sistema” [ ] Meça e registre o
técnica. Anotando tendências nas con- e “Subresfriamento do Sistema “. superaquecimento do sistema.
dições de operação, o operador pode
freqüentemente prever e evitar [ ] Se as condições de funcionamento [ ] Meça e registre o subresfriamento
situações e problemas antes deles indicam sobrecarga, devagar (para do sistema.
serem sérios. minimizar as perdas de óleo) retire
refrigerante pela válvula Schrader de
Se a unidade não funciona serviço da linha de líquido. MANUTENÇÃO ANUAL
propriamente, consulte a Seção de
Diagnósticos. AVISO: PARA EVITAR ACIDENTES POR [ ] Faça todos os serviços de
CONGELAMENTO, EVITE O CONTATO manutenção mensais e trimestrais
DA PELE COM O REFRIGERANTE. recomendados.
MANUTENÇÃO MENSAL
[ ] Inspecione o sistema para detectar [ ] Tenha um técnico qualificado que
Funcione o equipamento por aproxi- condições anormais. Use a folha de verifique a regulagem e
madamente 15 minutos e com leitura para registrar as condições da funcionamento de cada controle e
sistema estabilizado, verifique as unidade. Uma folha de leitura inspecione e substitua, se
condições de operação através dos completa é uma ferramenta valiosa necessário, as contatoras ou os
seguintes procedimentos: para o pessoal de assistência técnica. controles.

[ ] Limpe os filtros de ar permanentes [ ] Retire os painéis do gabinete e


sempre que necessário uma vez satu- MANUTENÇÃO TRIMESTRAL elimine focos de ferrugem.
rados. Os filtros descartáveis devem
ser substituídos. [ ] Faça todos os serviços da [ ] Troque a isolação térmica e
manutenção mensal. guarnições que apresentem defeitos.
[ ] Limpe as pás dos ventiladores.
[ ] Verifique os parafusos de fixação [ ] Retoque as pinturas externas e
[ ] Reaperte todos os parafusos dos dos mancais, ajuste-os se internas, se necessário.
terminais. necessário.
[ ] Elimine ferrugens.
[ ] Limpe a bandeja do evaporador, a [ ] Limpe o condensador sempre que
mangueira e o ralo para água conden- necessário. [ ] Inspecione o bulbo da válvula de
sada. expansão para limpeza. Limpe, se
necessário. O bulbo deve ter um exce-
lente contato com a linha de sucção e
estar apropriadamente isolado.

[ ] Medir o isolamento elétrico do


motor do compressor.

24 PKG-SVX001A - PT
Procedimentos de
Manutenção

MANUTENÇÃO PREVENTIVA MANUTENÇÃO CORRETIVA

Esta parte descreve os procedimentos ATENÇÃO: NÃO AMASSE AS ALETAS − Procurar vazamentos em todas as
de manutenção que devem ser POR OCASIÃO DA LIMPEZA. soldas e conexões e flanges do
realizados como parte de um circuito com espuma de sabão que
programa de manutenção normal da Ficará mais fácil descobrir a causa forma bolhas no local do defeito.
unidade. - O teste com R-22 é feito injetando
do mau funcionamento do sistema,
identificando qual é o controle que uma pressão de 14 psig com R-22
antes de colocar a pressão de
FILTROS DE AR abriu o circuito.
nitrogênio. Procurar o vazamento com
Os filtros permanentes e laváveis, detetor eletrônico ou lâmpada de
fornecidos com os condicionadores, Confirme verificando a falta de conti- halogênio.
devem ser limpos com solução de - Caso detecte algum vazamento
nuidade através do controle indicado.
água fria e detergente neutro. libere a pressão, faça o reparo e faça
Os filtros devem ser escovados dentro novo teste para ter certeza de que o
da solução, enxaguados em água fria Assegure-se de que o controle em
vazamento foi eliminado.
e soprados com jato de ar questão está corretamente ajustado
comprimido. e funcionando adequadamente. ATENÇÃO: EM HIPÓTESE ALGUMA
Os filtros descartáveis devem ser USE OXIGÊNIO OU ACETILENO EM
substituídos. ATENÇÃO: NUNCA LIGUE O EQUIPA- LUGAR DE NITROGÊNIO SECO PARA
Não coloque a unidade em funciona- MENTO SEM ANTES ELIMINAR A TESTAR VAZAMENTO, PODERÁ
mento sem os filtros CAUSA DO DEFEITO APRESENTADO. OCORRER UMA VIOLENTA
EXPLOSÃO.
VISOR DE LÍQUIDO TESTES DE VAZAMENTOS COM NI-
Quando o mesmo está borbulhando TROGÊNIO
pode indicar um ou mais dos O teste de vazamentos deverá ser EVACUAÇÃO
seguintes problemas: executado, após efetuar a instalação
a. Falta de refrigerante; das tubulações de interligação das - A evacuação é necessária para retirar
b. Filtro secador obstruído; unidades divididas, sempre que o do sistema o vapor de água e gases
c. Válvula de expansão muito aberta; visor de líquido apresentar não condensáveis.
d. Subresfriamento baixo; borbulhamento ou após o aparelho - Usar uma bomba de alto vácuo do
e. Presença de incondensáveis. sofrer reparos no circuito frigorífico. tipo rotativo.
Quando o mesmo apresenta cor ama- Use refrigerante como um elemento - Instalar o jogo de manômetros -ma-
rela, indica a presença de umidade de teste para a detecção de nifold- como indicado na figura 5.
residual no circuito refrigerante. vazamentos e nitrogênio seco para - Recomenda-se um tempo mínimo
Em operação normal, o visor deve atingir a pressão de teste. de vácuo de uma hora para efetuar a
apresentar ausência de primeira leitura. A evacuação só estará
borbulhamento e coloração verde, o ATENÇÃO: USE SEMPRE VÁLVULA concluída o vácuo final ficar entre 250
que indica que o circuito frigorífico REGULADORA DE PRESSÃO ENTRE O e 500 microns. Como teste de
está com a carga correta de CILINDRO DE NITROGÊNIO E O JOGO liberação o registro da bomba deve
refrigerante e está desidratado. DE MANÔMETROS. NUNCA E EM ser fechado durante 5 minutos e o
HIPÓTESE ALGUMA, DEIXE DE USAR vácuo não deve aumentar mais de 100
CONDENSADOR A AR A MESMA. microns.
O mesmo deve ser limpo com uma - Abrir os registros A-B-D-E ;
escova macia e jato de ar comprimido PROCEDIMENTOS - Fechar o registro C.
ou água à baixa pressão no contra-
fluxo do movimento normal do ar. - Instalar a válvula reguladora de
Movimente a mangueira no sentido pressão no cilindro de nitrogênio.
vertical e regule a pressão da mesma - Injetar progressivamente este gás
para que não deforme as aletas no sistema até chegar a uma pressão
máxima de 200 psig.

PKG-SVX001A - PT 25
Procedimentos de
Manutenção

CARGA DE REFRIGERANTE Abrir os registros C-A. Fechar os - Tomar a temperatura de evaporação


registros A-D-E saturada que corresponde à pressão
Para efetuar a carga de refrigerante A carga de refrigerante só estará indicada pelo manômetro de baixa;
com precisão, utilize uma balança correta, quando as pressões de alta, -.Calcule a diferença
para pesar o refrigerante em um baixa, superaquecimento e subres-
cilindro ou uma garrafa graduada. friamento estiverem dentro da faixa SUP = TLS - T EVS
A quantidade depende do modelo da normal de operação.
unidade e das dimensões das O resultado deve indicar entre 8 a 12
tubulações. Antes de colocar CÁLCULO DO SUBRESFRIAMENTO ºC.
refrigerante tenha certeza de que o Subresfriamento é a diferença entre a
equipamento está em vácuo e não temperatura de condensação Caso os valores encontrados de su-
tem vazamentos. saturada (TCDS)e a temperatura da peraquecimento e subresfriamento
linha de líquido (T LL ). não correspondam a faixa
estabelecida proceda à correção.
CARGA DE REFRIGERANTE LÍQUIDO - Tome a temperatura de
condensação saturada que CUIDADO.- Não funcione o
A carga de refrigerante em forma de corresponde à pressão indicada pelo compressor sem alguma quantidade
líquido é feita com o compressor manômetro de alta. de refrigerante presente no circuito.
parado, pela válvula Schrader da linha - Tome a temperatura da linha de Danos nos compressores podem
de líquido. Controle a entrada do líquido indicada pelo termopar, antes acontecer.
mesmo com o registro do jogo de do filtro secador
manômetros. A carga inicial do - Calcule a diferença ATENÇÃO.- Nunca aplique chama ao
sistema deve ser efetuada com SUB = T CDS - T LL cilindro refrigerante para aumentar a
refrigerante líquido. - O resultado deve indicar de 5 a 10 pressão do mesmo. Calor sem con-
Dar partida à unidade e observar as ºC; trole pode ocasionar uma pressão
pressões e temperaturas para excessiva e explosão resultando em
certificar-se que está operando feridas, morte e em danificação do
normalmente. CÁLCULO DO SUPERAQUECIMEN- equipamento.
Abrir os registros C-B e fechar os re- TO
gistros A-D-E - figura 5. ATENÇÃO.- Não permita contato do
Superaquecimento é a diferença entre líquido refrigerante com a pele. Se
ATENÇÃO: PESE O CILINDRO DE a temperatura da linha de sucção ( isso acontece trate o ferimento como
REFRIGERANTE ANTES E DEPOIS DA TLS) e a temperatura de evaporação se tivesse sido uma úlcera produzida
CARGA. saturada ( T EVS). por enregelamento ou congelamento.
Lentamente aqueça a área afetada
CARGA DE REFRIGERANTE VAPOR - Tomar a temperatura de sucção com água morna.
indicada pelo termopar a cerca de dez
A carga de refrigerante em forma de centímetros do compressor. CUIDADO.- Não permita que líquido
vapor se faz pela válvula de serviço refrigerante entre na linha de
da sucção com o compressor funcio- sucção. Líquido excessivo pode
nado. Para cargas parciais de danificar o compressor.
refrigerante normalmente se utiliza
este sistema.

26 PKG-SVX001A - PT
Procedimentos de
Manutenção

Tabela 5 - Regulagens do Superaquecimento e Subresfriamento


Atividade Superaquecimento Subresfriamento
Aumenta Diminui Aumenta Diminui
Abrir a válvula de expansão X X
Fechar a válvula de expansão X X
Colocar refrigerante R-22 X X
Retirar refrigerante R-22 X X
Οbservações:

1. Variando 1 oC no subresfriamento, o su- 2. A válvula de expansão termostática fe-


peraquecimento varia 3 oC. cha girando a haste em sentido horário ,
no sentido anti-horário abre.

Tabela 6 - Pressão (Psig) X Temperatura (º C) para Freon 22


PSIG 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 PSIG
30 -14 -13 -13 -12 -12 -11 -11 -10 -10 -9 30
40 -8 -8 -7 -7 -6 -6 -5 -5 -4 -4 40
50 -4 -3 -3 -2 -2 -1 -1 0 0 0 50
60 1 1 2 2 2 3 3 4 4 4 60
70 5 5 6 6 6 7 7 7 8 8 70
80 8 9 9 9 10 10 10 11 11 11 80
90 12 12 12 13 13 13 14 14 14 14 90
100 15 15 15 16 16 16 17 17 17 17 100
110 18 18 18 18 14 19 19 20 20 20 110
120 20 21 21 21 22 22 22 22 22 23 120
130 23 23 23 24 24 24 24 25 25 25 130
140 25 26 26 26 26 27 27 27 27 28 140
150 28 28 28 28 29 29 29 29 30 30 150
160 30 30 30 31 31 31 31 32 32 32 160
170 32 32 33 33 33 33 33 34 34 34 170
180 34 34 35 35 35 35 35 36 36 36 180
190 36 36 37 37 37 37 37 38 38 38 190
200 38 38 38 39 39 39 39 39 40 40 200
210 40 40 40 40 41 41 41 41 41 42 210
220 42 42 42 42 42 43 43 43 43 43 220
230 44 44 44 44 44 44 45 45 45 45 230
240 45 45 46 46 46 46 46 46 47 47 240
250 47 47 47 47 48 48 48 48 48 43 250
260 48 49 49 49 49 49 49 50 50 50 260
270 50 50 50 50 51 51 51 51 51 51 270
280 52 52 52 52 52 52 52 53 53 53 280
290 53 53 53 53 54 54 54 54 54 54 290
300 55 55 55 55 55 55 55 56 56 56 300
310 56 56 56 56 56 57 57 57 57 57 310
320 57 57 58 58 58 58 58 58 58 58 320
330 59 59 59 59 59 59 59 59 60 60 330
340 60 60 60 60 60 61 61 61 61 61 340
350 61 61 61 62 62 62 62 62 62 62 350
360 62 63 63 63 63 63 63 63 63 64 360
370 64 64 64 64 64 64 64 64 65 65 370
380 65 65 65 65 65 65 65 66 66 66 380
PSIG 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 PSIG

PKG-SVX001A - PT 27
Procedimentos de
Manutenção

INSTALAÇÃO DE NOVO COMPRES- 1.2. Feche as válvulas de sucção e NUNCA LANCE O GÁS NO MEIO
SOR descarga do compressor; AMBIENTE;

O compressor pode apresentar basi- 1.3. Desconectar as válvulas de 2.2. Retire o compressor;
camente dois tipos de problemas : serviço do compressor com as
mecânicos ou elétricos. tubulações de sucção e descarga; 2.3. Retire o filtro secador;
Em ambos os casos o compressor
deverá ser trocado, porém lembre 1.4. Retire o compressor;
sempre que não basta troca-lo, 2.4. Instale o filtro adequado na linha
procure sempre localizar e eliminar 1.5. Instale o novo compressor de sucção do compressor e troque o
a(s) causa(s) do defeito. da linha de líquido;
1.6. Instale o circuito elétrico e os rabi-
QUEBRA MECÂNICA chos dos pressostatos; 2.5. Instale o compressor novo ou
recuperado, evacue e carregue o
Se o compressor não tiver válvulas de 1.7. Evacue o compressor; sistema;
serviço, transferir o refrigerante para
um cilindro apropriado, fazer teste de 1.8. Abra as válvulas do compressor. 2.6. Verifique o contator. Os contatos
pressurização (máximo de 200 psig devem ser limpos ou trocados;
para proteger o pressostato de baixa QUEIMA DO MOTOR
pressão), fazer novo vácuo, carga de 2.7. Coloque o equipamento em funci-
refrigerante e nova partida com todas A queima do motor implica na onamento e acompanhe sua
as leituras. formação de ácidos e deposição de operação;
óxidos e borra em partes do circuito,
Corrija a instalação no que ela possa daí a necessidade de efetuar-se a 2.8. Verifique a perda de pressão
ter prejudicado o equipamento, substituição do refrigerante e do óleo através do filtro de sucção. Se a perda
liberando-o para funcionamento e e fazer limpeza de todo o circuito com de pressão exceder à recomendada
mantenha sempre o a colocação de filtros secadores anti- pelo fabricante, o filtro deverá ser
acompanhamento por firma credenci- ácidos HH, na sucção e na linha de trocado;
ada. líquido.
2.9. Após 8 horas de funcionamento, o
Caso o compressor tenha válvulas de Neste caso, a limpeza deve ser óleo deve ser analisado. Após 30
serviço, o refrigerante pode ser procedida da seguinte forma: minutos recomendamos aferir o
mantido no circuito. isolamento elétrico do motor do
2.1. Recolha todo o refrigerante em compressor
1.1. Desligue o circuito elétrico do um cilindro e envie para ser reciclado
compressor e retire os cabos elétricos pelo fabricante, ou faça a sua 2.10. Troque o óleo e os filtros a cada
(marque os mesmos); reciclagem com equipamento próprio. 48 horas até obter o óleo isento de
acidez;

2.11. Retire o filtro de sucção.

28 PKG-SVX001A - PT
Ferramentas e
Equipamentos

FERRAMENTAS NECESSÁRIAS EQUIPAMENTOS NECESSÁRIOS

- Jogo de chave cachimbo de 7/16 a - Regulador de pressão para


1 1/4"; nitrogênio
- Torquímetro com escala até 180 ft/ - Bomba de vácuo de 5 cfm
lbf; - Vacuômetro eletrônico;
- Chave inglesa de 6" e 12"; - Megôhmetro de 500 volts com escala
- Chave grifo de 14"; de 0 a 1000 megohms;
- Jogo de chaves Allen completo; - Detector de vazamentos eletrônico;
- Jogo de chaves de fenda; - Alicate amperímetro;
- Jogo de alicates, universal, corte, - Manifold completo;
pressão, descascador de fios; - Termômetro eletrônico;
- Jogo flangeador de tubos; - Refrigerante R-22 e óleo Trane 15;
- Chave catraca para refrigeração; - Aparelho de solda oxi-acetileno;
- Jogo de chaves fixas de 1/4 a 1 1/4"; - Tabela de pressão temperatura do
- Jogo de chaves estrela de 1/4 a 9/ freon R-22;
16". - Transferidora ou recuperadora de
gás refrigerante;
- Anemômetro;
- Psicrômetro;
- Sacapolias;
- Bomba manual de óleo.

PKG-SVX001A - PT 29
Diagnósticos

ATENÇÃO. DESLIGUE A ENERGIA PROCEDIMENTOS DE OPERAÇÃO.


ELÉTRICA E AGUARDE QUE TODOS
OS EQUIPAMENTOS EM ROTAÇÃO Instale os manômetros de alta e baixa
PAREM ANTES DE FAZER SERVIÇOS, nas válvulas Schrader das linhas de
INSPECIONAR OU TESTAR A UNIDADE. líquido e de sucção. Quando a
unidade estabilizar (depois de operar
15 minutos a plena carga ) anote as
ANÁLISE DE PROBLEMAS / VERIFICA- pressões de sucção e descarga.
ÇÕES DO SISTEMA Falhas no sistema como falta de ar,
restrição no filtro secador, mal
Antes de utilizar as tabelas de análise funcionamento da válvula de expansão
de irregularidades do equipamento fazem as pressões sair da sua faixa.
descritas a seguir faça as seguintes
analises. VOLTAGEM DESBALANCEADA

1. Medir a voltagem nos terminais do Excessivo desbalanceamento entre as


compressor e dos ventiladores com a fases de um sistema trifásico causará
unidade funcionado. A voltagem deve um sobreaquecimento nos motores e
estar dentro da faixa do motor eventuais falhas. O
indicada na placa. desbalanceamento máximo permitido
O desbalanceamento da mesma deve é de 2 %. Desbalanceamento de
ser menor de 2 %’. voltagem pode ser definido como 100
2. Verificar se todas as fiações e vezes o máximo desvio das três
conexões para verificar que as voltagens (três fases) em relação à
mesmas estão em bom estado e bem média aritmética das mesmas (sem
apertadas. O esquema elétrico está ter em conta o sinal) dividida pela
colado na tampa traseira do quadro. média aritmética.
3. Verificar se todos os fusíveis estão
corretamente instalados e dimensio- Exemplo
nados Se as três voltagens medidas em uma
4. Verificar todos se todos os filtros de linha são 221 volts, 230 volts e 227
ar e serpentinas estão limpos e aferir volts, a média aritmética deverá ser :
se o fluxo de ar não está obstruído.
5. Se a unidade não está funcionando ( 221 + 230 + 227 ) / 3 = 226 volts
coloque o interruptor de comando na
posição OFF. Deixe um tempo para O percentual de desbalanceamento é
que os sensores internos do de: 100 x ( 226 - 221 ) / 226 = 2.2 %
compressor se esfriem. O resultado indica que existe um des-
6. Verificar a regulagem do termostato balanceamento acima do máximo
7. Verificar se os Ventiladores estão permitido (2%) em 0.2 %. Este desba-
girando no sentido correto. lanceamento entre fases pode resultar
8. Inspecionar os controles das em um desbalanceamento de
saídas de ar (se houver). corrente de 20 % tendo como
9. Medir o retorno do ar. resultado um aumento da temperatura
do enrolamento do motor e uma dimi-
nuição da vida útil do motor.

30 PKG-SVX001A - PT
Análise de Irregularidades

A. Ventilador do Condensador Não Parte


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. O voltímetro não acusa 1. Falta de energia. 1. Verifique a alimentação de
tensão de alimentação. força.
2. O voltímetro não acusa 2. Chave seccionadora 2. Acione a chave seccionadora.
tensão de alimentação para desligada.
os contatores.
3. O voltímetro acusa tensão 3. Fusível interrompido. 3. Troque os fusíveis. Verifique a
antes dos fusíveis, e não carga do motor.
depois destes.
4. O voltímetro acusa tensão 4. Baixa tensão. 4. Contate a Companhia de
baixa. Eletricidade.
5. Existe tensão nos 5. Motor queimado. 5. Troque.
terminais do motor, mas não
parte.
6. Contator de partida não 6. Verifique os comandos e se 6. Conserte ou troque.
fecha. a bobina do contator não
queimou.
7. Contatora não energiza. 7. Contato do relé de 7. Acione o reset do relé de
sobrecarga aberto. sobrecarga.

PKG-SVX001A - PT 31
Análise de Irregularidades

B. Compressor Não Parte


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Um teste no circuito 1. Falta de força. 1. Verifique a alimentação de
elétrico mostra não haver força.
tensão no lado da linha da
chave de partida do
2. Um teste do circuito 2. Chave seccionadora aberta. 2. Determine porque a chave
elétrico mostra não haver foi aberta. Se o sistema estiver
tensão no lado da linha da em condições de
chave de partida do funcionamento feche a chave.
3. Um teste no circuito 3. Fusível queimado. 3. Substitua o fusível. Verifique
elétrico mostra que há a carga do motor.
tensão no lado da linha,
mais não no lado de carga
do fusível
4. O voltímetro acusa baixa 4. Baixa voltagem. 4. Chame a Companhia de
tensão. Energia Elétrica.
5. Tensão nos terminais do 5. Motor queimado. 5. Conserte ou substitua.
motor, mas o mesmo não
parte
6.. Chave de partida 6. Teste para ver se não há 6. Conserte ou substitua.
inoperante bobinas queimadas ou
7. Circuito de controle
aberto.
7.1. Pressostato de alta
pressão.
7.2. Pressostato de baixa
pressão.
7. A bobina da chave de
7.3. Pressostato limite de 7. Localize que controle
partida do motor não
pressão. desligou e a causa.
recebe energia.
7.4. Protetor do motor.
7.5. Circuito de
intertravamento aberto.
7.6. Desligado pelo
termostato ambiente.
8. Compressor não 8. O compressor está travado 8. Conserte ou substitua o
funciona. ou danificado. compressor.
9. Contatos abertos do 9. Pressão de sucção abaixo 9. Verifique se há perda de
pressostato de baixa. do ponto de controle do refrigerante, repare o
pressostato. vazamento e recarregue.
10. Contatos abertos do 10. Pressão de descarga 10. Veja o problema G.
pressostato de alta. acima do ponto de controle
Pressão de alta acima do de alta pressão.
11. A chave de partida não 11. Contatos do relé de 11. Rearme o relé, o RCM e
arma. sobrecarga abertos. verifique a causa.
12. O sistema não parte. 12. Contatos da chave de 12. Restaure o fluxo de água,
fluxo abertos. verifique o funcionamento da
chave de fluxo. Verifique os
interruptores.

32 PKG-SVX001A - PT
Análise de Irregularidades

C. Compressor Trabalha Intermitente


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Funcionamento normal, 1. Contato intermitente no circuito 1. Repare ou substitua o controle
exceto por paradas e defeituoso.
arranques freqüentes. de controle (mau contato elétrico).
2. A válvula solenóide chia 3. Vazamento na válvula 3. Repare ou substitua.
quando fechada. Também solenóide da linha de líquido.
mudança de temperatura na
linha de refrigerante através da
válvula.
3. Funcionamento normal 4. Falta de refrigerante. 4. Repare o vazamento do
exceto por paradas e refrigerante e recarregue.
arranques demasiado
freqüentes pelo PB. Bolhas no
visor.
4. Pressão de sucção muito 5. Secador da linha de liquido 5. Substitua o núcleo secador.
baixa e formação de gelo no entupido.
secador.

D. Compressor Trabalha Continuamente


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Alta temperatura na 1. Carga excessiva. 1. Verifique se há infiltração de
área condicionada. ar exterior. Verifique se o
isolamento térmico da área é
2. Baixa temperatura na 2. Termostato ajustado à uma 2. Reajuste ou conserte.
área condicionada. temperatura demasiado
3. Baixa temperatura no 3. Contatos da chave de 3. Conserte ou substitua o
espaço condicionado. partida colados". contator.
4. Local condicionado 4. Válvula solenóide da linha 4. Conserte ou troque a válvula.
muito frio. de líquido aberta e

E. Compressor Com Nível de Óleo Muito Baixo


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Nível de óleo muito 1. Carga insuficiente de óleo. 1. Adicione uma quantidade
baixo. suficiente de óleo próprio para
2. Nível de óleo cai 2. Filtro secador entupido. 2. Substitua o filtro secador.
gradualmente.
3. Sucção excessivamente 3. Bulbo da válvula de 3. Providencie um bom contato
fria. expansão frouxo (mau entre o bulbo remoto e a linha
contato térmico). de sucção.
4. Idem e funcionamento 4. Retorno de líquido ao 4. Reajuste o
barulhento do compressor. superaquecimento,
compressor. subresfriamento, ou verifique o
5. Partida e paradas 5. Compressor liga e desliga 5. Veja os problemas
demasiado freqüentes. freqüentemente. relacionados no problema "C".

PKG-SVX001A - PT 33
Análise de Irregularidades

F. COMPRESSOR ESTÁ BARULHENTO


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Ruído de chocalho. 1. Falta de óleo. 1. Adicione óleo.
2. Ruído excessivo. 2. Partes internas do 2. Troque o compressor.
compressor quebradas.
3. Linha de sucção 3. Líquido retornando ao 3. Verifique e ajuste o
excessivamente fria. compressor. superaquecimento. A válvula
pode ser muito grande ou o
bulbo remoto pode estar solto
na linha de sucção.
4. Linha de sucção 4. Válvula de expansão 4. Conserte ou substitua.
extremamente fria. O emperrada na posição
compressor bate. aberta.

G. SISTEMA COM RENDIMENTO DEFICIENTE


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Válvula de expansão chia. 1. Bolhas na linha de líquido. 1. Adicione refrigerante.
2. Mudança de 2. Filtro secador ou a válvula 2. Limpe ou substitua.
temperatura na linha de solenóide de bloqueio,
refrigerante através do entupidas
filtro secador ou da válvula
solenóide de bloqueio
3. Curta ciclagem. 3. Válvula de expansão 3. Conserte ou substitua a
emperrada ou entupida. válvula de expansão.
4. Superaquecimento 4. Queda excessiva de pressão 4. Verifique o
muito elevado. no evaporador. superaquecimento e reajuste a
5. Temperatura de 5. Superaquecimento 5. Verificar o super. Ajustar a
insuflamento muito alta ou inadequado. válvula de expansão.
muito baixa.
6. Fluxo de ar reduzido. 6. Filtros de ar entupidos. 6. Limpe ou substitua.
Temperatura de
evaporação menor que

34 PKG-SVX001A - PT
Análise de Irregularidades

H. PRESSÃO DE DESCARGA MUITO ALTA


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Alta temperatura do ar 1. Fluxo reduzido de ar 1. Reajuste o fluxo. Verifique se
através do condensador. através do condensador. não há obstruções.
2. Ar saindo do 2. Aletas do condensador 2. Limpe as aletas.
condensador sujas.
excessivamente frio.
Pequena elevação de
temperatura através do
3. Ar saindo do 3. Mau funcionamento dos 3. Verifique os motores dos
condensador em alta ventiladores do ventiladores do condensador.
temperatura. condensador.
4. Condensador 4. Ar ou gases não 4. Transfira o refrigerante para
excepcionalmente quente condensáveis no sistema. a reciclagem. Faça novo vácuo e
e excessiva pressão de carregue o sistema.
descarga.
5. Idem acima. 5. Carga excessiva de 5. Remova gradualmente o
refrigerante. excesso de refrigerante. O
subresfriamento normal é de 6
a 10 o C.
6. Tubos sujos no 6. Água saindo do 6. Limpe os tubos do
condensador "Shell and condensador excessivamente condensador.
Tube". fria. Pequena elevação de
temperatura através do
condensador.
7. Mau funcionamento da 7. Água entrando no 7. Verifique o motor do
torre de resfriamento. condensador em alta ventilador da torre, o
temperatura. dispositivo de partida e o

I. PRESSÃO DE DESCARGA MUITO BAIXA


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Pequena elevação de 1. Fluxo excessivo de água 1. Reajuste o fluxo e a queda da
temperatura de água no através do condensador. pressão de projeto.
condensador.
2. Item para ar. 2. Fluxo excessivo de ar 2. Reajuste o fluxo e a queda de
através do condensador. pressão de projeto.
3. Bolhas no visor. 3. Falta de refrigerante. 3. Repare o vazamento e
carregue.
4. Temperatura do ar que 4. Temperatura externa 4. Instale um regulador
entra no condensador é muito fria. automático de pressão.
muito baixa.
5. Válvulas de descarga ou 5. A pressão de sucção se 5. Remova o cabeçote, examine
de sucção do compressor eleva mais rapidamente do as válvulas e substitua as que
quebradas ou com que 5 psig por minuto, não estiverem funcionando
vazamentos. depois de uma paralisação. corretamente.

PKG-SVX001A - PT 35
Análise de Irregularidades

J. PRESSÃO DE SUCÇÃO MUITO ALTA


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Linha de sucção 1. Fluxo excessivo na válvula 1. Regule e ajuste o
anormalmente fria. de expansão. superaquecimento da válvula
Retorno de líquido para o de expansão e verifique se o
compressor. bulbo está corretamente preso
à linha de sucção.
2. Idem acima 2. Válvula de expansão 2. Conserte ou substitua a
emperrada na posição válvula de expansão.
3. Compressor funciona 3. Carga em excesso no 3. Verificar infiltrações de ar no
continuamente. equipamento. ambiente.
4. Linha de sucção 4. Válvula de expansão 4. Conserte ou substitua a
anormalmente fria. emperrada. válvula.
Retorno de líquido para o
compressor.
5. Compressor barulhento 5. Válvulas de sucção 5. Remova o cabeçote, examine
quebradas no compressor. as válvulas e substitua as que
não estejam funcionando.
6. Linha de sucção 6. Fluxo excessivo na válvula 6. Regule o ajuste do
anormalmente fria. de expansão. superaquecimento da válvula
Retorno de líquido para o de expansão e verifique se o
compressor. bulbo remoto está
corretamente preso à linha de

K. PRESSÃO DE SUCÇÃO MUITO BAIXA


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Bolhas no visor. 1. Falta de refrigerante. 1. Repare o vazamento e
recarregue.
2. Compressor entra em 2. Pouca carga térmica no 2. Veja item B.
curta ciclagem. resfriador.
3. Mudança de 3. Secador da linha de líquido 3. Substitua o filtro secador ou
temperatura na linha de entupido ou restrição na a válvula solenóide.
líquido através do secador válvula solenóide.
ou da válvula solenóide de
4. Não há fluxo de 4. O bulbo remoto da válvula 4. Substitua a válvula de
refrigerante através da de expansão perdeu a carga. expansão
válvula.
5. Perda de capacidade. 5. Válvula de expansão 5. Limpe a válvula e substitua se
obstruída. necessário.
6. Ambiente condicionado 6. Potenciômetro do RCM 6. Ajuste ou conserte se
muito frio. ajustado muito baixo. necessário.
7. Superaquecimento 7. Queda excessiva de pressão 7. Reajuste o
muito alto. através do resfriador. superaquecimento.
8. Baixo fluxo de ar 8. Filtro entupido. 8. Limpe ou troque o filtro.

36 PKG-SVX001A - PT
Análise de Irregularidades

L. COMPRESSOR SCROLL CONSUMO EXCESSIVO


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Alta temperatura na 1. Operando com carga 1. Verificar infiltrações de ar e
área condicionada. térmica excessiva. isolamento térmico da área.
2. Consumo excessivo 2. Operando com baixa 2. Assegure-se de que a
voltagem voltagem está dentro da faixa
de utilização. Se não chame a
Companhia de Eletricidade.
3. Consumo excessivo 3. Relé de sobrecarga 3. Verificar funcionamento.
desarma Trocar se necessário.

M. COMPRESSOR SCROLL.BAIXO CONSUMO


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Pouca mudança nas 1. O compressor está girando 1. Trocar duas fases.
pressões de alta e baixa. em sentido anti-horário.
2. Pressão de sucção é 2. Verificar restrições e falta 2. Eliminar vazamentos e
extremamente baixa. de refrigerante. completar carga. Eliminar
restrições.
3. Compressor não 3. Compressor danificado 3. Verificar condição do óleo e
bombeia e as pressões de trocar compressor.
sucção e descarga são
baixas. O compressor está
faseado corretamente.

N. TERMOSTATO ENROLAMENTO ABRE.COMPRESSOR SCROLL


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Compressor vibra e faz 1. O compressor está fazendo 1. Trocar duas fases.
barulho. em sentido anti-horário.
2. Pressão de sucção é 2. Falta de gás e motor 2. Eliminar vazamentos e
baixa. sobreaquece. carregar gás.
3. Pressão de sucção é 3. Compressor parte 3. Idem acima.
baixa. repetidas vezes, abrindo o
termostato interno do

O. COMPRESSOR SCROLL COM FASEAMENTO ELÉTRICO INCORRETO


Sintomas Causa Possível Procedimento
1. Baixa amperagem. As 1. Compressor girando em 1. Trocar duas fases.
pressões de alta e baixa sentido anti-horário.
mudam pouco. Sons de
chocalho. Compressor
vibra excessivamente.

PKG-SVX001A - PT 37
Esquemas elétricos

1.1. Esquemas Elétricos do SWMB / C Se faltar energia trifásica da


Companhia Fornecedora, o painel da
A seguir explicamos a seqüência de unidade será alimentado através da
controle do SWMB alimentação monofásica de
emergência do cliente e o STT fecha
O condicionador é ligado quando o os contatos NF 11-12 e através do
Controle do Sistema envia um sinal ao contato NA 13-14 da C1 liga a contato-
borne 2 do painel. Será energizada a ra de emergência que liga o ventilador
contatora C1 que alimenta o ventilador do evaporador.
do evaporador através dos contatos d5
21-24 ou d1 11-14(em paralelo) que A contatora CE fecha o contato NA 53-
estão em serie com o relé de 54 que abre o damper, permitindo a
sobrecarga RS1. entrada de ar externo.
A contatora auxiliar d5 em paralelo
com a C3 fecha os contatos NA 11-14
em série como contato NF 61-62 da Se a temperatura no recinto ficar aten-
CE, o que mantém o damper da dida o termostato desliga a força no
unidade na posição de recircular o ar. terminal 3 o que provoca o
desligamento do compressor e
Se o termostato do controle do ventilador do condensador ficando
sistema pedir refrigeração alimentará funcionando somente o ventilador do
o terminal 3 que energiza a contatora evaporador, aguardando um novo ciclo
do compressor/ventilador do de resfriamento.
condensador C3, a través do contato
NA 53-54 da contatora de segurança O Wall Mounted desliga quando o
CS e do contato d2 11-14 da contatora controle do sistema deixa de enviar o
auxiliar d2 ( que por sua vez está em sinal ao borne 2 do painel.
serie com as seguranças, PA, PB.RS3
) e pelo contato NA 63-64 da contatora A contatora do aquecimento C4 liga
do ventilador C1. quando alimentamos o terminal 16 e
através do contato d4 11-14 do
A contatora de segurança CS só e contator auxiliar d4 que está em serie
energizada quando há voltagem com as seguranças do aquecimento
trifásica, através do STT, contatos NA (TS, MFA).
11-14 sendo temporizada pelo relé de
tempo RT 2. Nos casos em que o sistema
eletrónico do cliente não funcione, o
Wall Mounted tem instalado um
sistema de controle local/remoto.
Aperte o botão para ficar na posição
local e ligue se necessário o interrup-
tor resfriar e/ou aquecer.

38 PKG-SVX001A - PT
Esquemas elétricos

Esquema Elétrico Trifásico Potencia/Comando (STD/AQUEC/VENT. EMERG./ENTALPIA/AIR FLOW SWITCH/


CHAVE LOC./REM./FILTRO SUJO)

PKG-SVX001A - PT 39
Esquemas elétricos

Esquema Elétrico Trifásico Potencia/Comando (STD/AQUEC/VENT. EMERG./ENTALPIA/AIR FLOW SWITCH/CHAVE


LOC./REM./FILTRO SUJO)

40 PKG-SVX001A - PT
Esquemas elétricos

Interligação do Controlador LEAD-LAG

PKG-SVX001A - PT 41
Esquemas elétricos

Interligação Termostato Controle Aquecimento/Refrigeração

42 PKG-SVX001A - PT
Esquemas elétricos

Interligação Termostato Controle Refrigeração

PKG-SVX001A - PT 43
Esquemas elétricos

Interligação Termostato Controle Programável

TERMOSTATO PROGRAMÁVEL
ALIMENTAÇÃO 24VAC

44 PKG-SVX001A - PT
Esquemas elétricos

Fluxograma de Lógica e Operação LEAD-LAG

PKG-SVX001A - PT 45
X3921000101

Literatura Número: PKG-SVX001A-PT


Arquivo Número: SV-UN-PKG-SVX001A-PT 07/08
Trane do Brasil Substitui: PKG-SVX001A-PT 04/08
Av. dos Pinheirais, 565 - Estação
Local de Estoque: BRASIL
83.705-570 - Araucária, PR - Brasil

www.trane.com.br
mkt.brasil@trane.com A Trane tem uma política de melhoria contínua de produtos e seus dados técnicos e reserva o direito de
modificar projetos e especificações técnicas sem prévio aviso.

Você também pode gostar