Você está na página 1de 4

Prefeitura Municipal de Araruama

Colégio Municipal Honorino Coutinho


Estrada de Morro Grande – s/n- Morro Grande –
Araruama/RJ

4º Bimestre Disciplina:___________________Profº_______________________

Aluno (a):__________________________________________________________ nº______

Ano de Escolaridade:_______Turma:_________ Data:_____/____/____

Movimento Modernista

Tendência vanguardista que rompe com padrões rígidos e caminha para uma criação mais
livre, surgida internacionalmente nas artes plásticas e na literatura a partir do final do século XIX
e início do século XX.

É uma reação às escolas artísticas do passado. Como resultado desenvolveram-se os


movimentos: Expressionismo, Cubismo, Dadaísmo, Surrealismo e Futurismo.

No Brasil, o termo “Modernismo” identifica o movimento desencadeado pela Semana de


Arte Moderna de 1922. De 11 a 18 de fevereiro daquele ano, conferências, recitais de música,
declamações de poesias e exposições de quadros, realizados no Teatro Municipal de São Paulo,
apresentam ao público as novas tendências das artes no país.

Seus idealizadores rejeitam a arte do século XIX e as influências estrangeiras do passado.


Defendem a assimilação das estéticas internacionais para mesclá-las com a cultura nacional, o
que dá origem a uma arte vinculada à realidade brasileira.

Uma das principais exposições de arte moderna no Brasil é realizada em 1913 pelo pintor
de origem lituana Lasar Segall. Suas telas chocam, mas as reações são amenizadas pelo fato de
o artista ser estrangeiro.

Em 1917, Anita Malfatti faz a que é considerada de fato a primeira mostra modernista
brasileira. Apresenta telas influenciadas pelo cubismo, expressionismo, fauvismo e futurismo
que causam escândalo, entre elas “A mulher de cabelos verdes”.

Apesar de não ter exposto na Semana de 22, Tarsila do Amaral torna-se fundamental para
o movimento. Sua pintura é baseada em cores puras e formas definidas. Frutas e plantas
tropicais são estilizadas geometricamente, numa certa relação com o cubismo. Um exemplo é a
obra “O Mamoeiro”.

A partir dos anos 30, Tarsila interessa-se também pelo prolateriado e pelas questões
sociais, que pinta com cores mais escuras e tristes como em “Os operários”.

Di Cavalcanti retrata a população brasileira, sobretudo as classes sociais menos


favorecidas. Mescla elementos realistas, cubistas e futuristas, como em “Cinco moças de
Guaratinguetá”.

Outro artista modernista dedicado a representar o homem do povo é Cândido Portinari,


que recebe influência do expressionismo. Entre seus trabalhos destacam-se as telas “Café” e os
“Retirantes”.
Distantes da preocupação com a realidade brasileira, mas muito identificados com a arte
moderna e isnpirados pelo dadaísmo, estão os pintores Ismael Nery (1900 -1934) e Flávio
Carvalho (1899-1973). Na pintura mecerem destaque ainda Regina Graz (1897-1973), John Graz
(1891-1980), Cícero Dias (1908-2003) e Vicente do Rego Monteiro (1899-1970).

O principal escultor modernista é Victor Brecheret. Suas obras são geometrizadas, tem
formas sintéticas e poucos detalhes. Seu trabalho mais conhecido é o Monumento às Bandeiras,
no Parque do Ibirapuera em São Paulo. Outros escultores importantes são Celso Antonio de
Menezes (1896-1984) e Bruno Giorgi (1905-1993).

No final dos anos 20 e início da década de 30, começaram a se aproximar do movimento


modernista, artistas mais preocupados com o aspecto plástico da pintura. Utilizavam cores
menos gritantes e composição mais equilibrada. Entre eles estão: Alberto Guignard (1896-1962),
Alfredo volpi (1896-1988) e Francisco Rebolo (1903-1980).

01 – Um dos temas principais do Modernismo Brasileiro nas artes visuais era:

a- ( ) Renascimento.

b- ( ) Temas brasileiros.

c- ( ) Barroco.

d- ( ) Temas europeus.

02 – A grande exposição que marcou o Modernismo no Brasil foi:

a- ( ) Semana de teatro moderno de 1922.

b- ( ) Semana musical moderna de 1922.

c- ( ) Semana de arte moderna de 1932.

d- ( ) Semana de arte moderna de 1922.

03 – Qual grande elemento artístico não participou da semana de arte moderna de 1922?

a- ( ) Artes visuais.

b- ( ) Música.

c- ( ) Teatro.

d- ( ) Telas.

04 – Qual desses movimentos não pode ser considerado como modernista brasileiro?

a- ( ) Expressionismo.

b- ( ) Renascimento.

c- ( ) Cubismo.
d- ( ) Surrealismo.

05 – A presença da mulher mulata caracterizou a obra de um famoso artista brasileiro que foi:

a- ( ) Di Cavalcante.

b- ( ) Tarsila do Amaral.

c- ( ) Anita Malfatti.

d- ( ) Pablo Picasso.

06 – Foi um grande nome do Cubismo brasileiro:

a- ( ) Di Cavalcanti.

b- ( ) Tarsila do Amaral.

c- ( ) Pablo Picasso.

d- ( ) Vicente do Rego Monteiro.

07 – São características da fase Pau Brasil de Tarsila do Amaral:

a-( ) Cores quentes como vermelho e amarelo.

b-( ) Estilização geométrica das frutas e plantas tropicais.

c-( ) As flores de lis.

d-( ) Formas geométricas exageradas.

08 – De acordo com a teoria antropofágica os artistas brasileiros tinham que:

a- ( ) Conhecer o movimentos estéticos europeus e criar em cima do mesmo uma feição


brasileira.

b- ( ) Negar totalmente a estética produzida na Europa.

c- ( ) Criar vanguardas brasileiras.

d- ( ) Adotar o Cubismo como o movimento artístico do Brasil.

09 –Não fez parte do Modernismo Brasilieiro:

a- ( ) Salvador Dalí.

b- ( ) Lasar Segall.

c- ( ) Anita Malfatti.
d- ( ) Di Cavalcanti.

10 –Qual artista provocou grande polêmica entre os acadêmicos em sua exposição no século
XX?

a- ( ) Di Cavalcanti.

b- ( ) Tarsila do Amaral.

c- ( ) Anita Malfatti.

d- ( ) Vicente do Rego Monteiro

Você também pode gostar