Você está na página 1de 14

PREFEITURA MUNICIPAL DE GUARUJÁ – PMG

CONCURSO PÚBLICO
EDITAL 001/2011 – SEDESC

Cód. 02 – Psicólogo

01. Relacione o quadro abaixo.

Para efeitos do Decreto n° 3.298/99 que dispõe sobre a Política Nacional para a Integração da Pessoa Portadora de
Deficiência, considera-se:

I- deficiência ( ) uma redução efetiva e acentuada da capacidade de integração social,


com necessidade de equipamentos, adaptações, meios ou recursos
especiais para que a pessoa portadora de deficiência possa receber ou
transmitir informações necessárias ao seu bem-estar pessoal e ao
desempenho de função ou atividade a ser exercida.
II - incapacidade ( ) aquela que ocorreu ou se estabilizou durante um período de tempo
suficiente para não permitir recuperação ou ter probabilidade de que se
altere, apesar de novos tratamentos.
III - deficiência permanente ( ) toda perda ou anormalidade de uma estrutura ou função psicológica,
fisiológica ou anatômica que gere incapacidade para o desempenho de
atividade, dentro do padrão considerado normal para o ser humano.

Assinale a alternativa que preenche o quadro corretamente.

A) II, I e III.
B) I, II e III.
C) III, II e I.
D) II, III e I.

02. Articula e mobiliza os esforços do governo federal, estados e municípios para a superação da extrema pobreza. Seu
principal foco de atuação são os 16 milhões de brasileiros cuja renda familiar per capita, é inferior a R$ 70,00 mensais,
visando sua inserção na cidadania. É responsável pela coordenação das ações e gestão do Plano Brasil Sem Miséria.
O trecho acima refere-se a:

A) Secretaria de Extrema Pobreza.


B) Secretaria Superior de Superação da Extrema Pobreza.
C) Secretaria Extraordinária para Superação da Extrema Pobreza.
D) Secretaria Social de Sustentabilidade da Extrema Pobreza.

03. Além dos problemas respiratórios pela inspiração de partículas sólidas, sua ação estimulante leva à perda de apetite,
falta de sono e agitação motora e, a dificuldade de ingestão de alimentos pode levar à desnutrição, desidratação e
gastrite. Podem ser ainda observados sintomas físicos como rachadura nos lábios pela falta de ingestão de água e de
salivação, cortes e queimaduras nos dedos das mãos e às vezes no nariz, provocados pelo ato de quebrar e acender a
pedra, além de ficar o usuário mais exposto ao risco social e de doenças.

Segundo a Coordenação Nacional de Saúde Mental, Álcool & Outras Drogas o parágrafo acima refere-se aos danos
causados pelo uso de:

A) crack.
B) hipnóticos não-benzodiazepínicos.
C) ansiolíticos.
D) maconha.

www.pciconcursos.com.br
04. Coloque (V) para verdadeiro e (F) para falso.

Os Núcleos/Centros de Atendimento e Atenção Psicossocial (NAPS/CAPS) devem oferecer os seguintes atendimentos:

( ) individual.
( ) grupos (psicoterapia, grupo operativo, oficina terapêutica, atividades socioterápicas, entre outras).
( ) visitas domiciliares.
( ) atendimento à família.
( ) "atividades comunitárias enfocando a integração do doente mental na comunidade e sua inserção social".

Assinale a alternativa correta:

A) V – V – V - V – F.
B) V – V – V - V – V.
C) V – V – F - V – V.
D) V – F – F - V – V.

05. “Uma casa...é o habitar da cidade.


E você poder habitar a cidade, tendo um ligar para voltar...
Para voltar no fim do dia. Eu habito esta cidade!” (Autor desconhecido)

Moradias ou casas inseridas na comunidade destinadas a cuidar dos portadores de transtornos mentais, egressos de
internações psiquiátricas de longa permanência que não possuem suporte social e laços familiares que viabilizem a sua
inserção social.

O parágrafo acima se refere:

A) Ambulatório de Saúde Mental (ASM).


B) Asilo de Saúde Mental (ASM).
C) Serviços Residenciais Terapêuticos (SRT).
D) Serviço Residencial Psiquiátrico (SRP).

06. De acordo com o Estatuto do Idoso, em seu Artigo 14, se o idoso ou seus familiares não possuírem condições
econômicas de prover o seu sustento, impõe-se esse provimento:

A) ao Poder Público, no âmbito da assistência social.


B) a sociedade.
C) a própria família, uma vez que o Poder Público não pode se responsabilizar por todos os idosos em condições de
pobreza.
D) a sociedade bem como entidades de cunho religioso.

07. A participação dos idosos em atividades culturais e de lazer será proporcionada mediante descontos de pelo menos
__________________ nos ingressos para eventos artísticos, culturais, esportivos e de lazer, bem como o acesso
preferencial aos respectivos locais.

Assinale a alternativa que completa corretamente a lacuna:

A) 10% (dez por cento)


B) 70% (setenta por cento)
C) 30% (trinta por cento)
D) 50% (cinquenta por cento)

www.pciconcursos.com.br
08. O Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS) promove o acesso à assistência social às famílias em
situação de vulnerabilidade, como prevê o Sistema Único de Assistência Social (Suas). Articulada nas três esferas de
governo, a estratégia de atuação está hierarquizada em dois eixos: a Proteção Social Básica e a Proteção Social
Especial.

A Proteção Social Básica:

A) tem como objetivo a prevenção de situações de risco por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições
e o fortalecimento de vínculos familiares e comunitários. Destina-se à população que vive em situação de fragilidade
decorrente da pobreza, ausência de renda, acesso precário ou nulo aos serviços públicos ou fragilização de
vínculos afetivos (discriminações etárias, étnicas, de gênero ou por deficiências, dentre outras).
B) destina-se a famílias e indivíduos em situação de risco pessoal ou social, cujos direitos tenham sido violados ou
ameaçados. Para integrar as ações, é necessário que o cidadão esteja enfrentando situações de violações de
direitos por ocorrência de violência física ou psicológica, abuso ou exploração sexual; abandono, rompimento ou
fragilização de vínculos ou afastamento do convívio familiar devido à aplicação de medidas.
C) tem suas atividades diferenciadas de acordo com níveis de complexidade (média ou alta) e conforme a situação
vivenciada pelo indivíduo ou família. Os serviços atuam diretamente ligados com o sistema de garantia de direito,
exigindo uma gestão mais complexa e compartilhada com o Poder Judiciário, o Ministério Público e com outros
órgãos e ações do Executivo. Cabe ao Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), em
parceria com governos estaduais e municipais, a promoção do atendimento às famílias ou indivíduos que enfrentam
adversidades.
D) prevê o desenvolvimento de serviços, programas e projetos locais de acolhimento, convivência e socialização de
famílias e de indivíduos, conforme identificação da situação de vulnerabilidade apresentada. Esses serviços e
programas deverão excluir as pessoas com deficiência e ser organizados em rede, de modo a inseri-las nas
diversas ações ofertadas.

09. Quando falamos da família formamos uma imagem imediata de um conjunto de pessoas ligadas por laços de
consanguinidade que vivem juntos em regime de coabitação. O estudo da família consiste na compreensão das
variações que este grupo pode assumir, e vem assumindo, na nossa sociedade. Trata-se portanto de identificar os tipos
de família que existem.

I- Família Monoparental ( ) formada por pessoas que trazem consigo filhos de relacionamentos
anteriores e todos coabitam.
II - Família Nuclear ( ) corresponde ao “esticamento” da família em direção gerações
anteriores ou posteriores à família nuclear. Quando os pais de um
parceiro do casal passa a coabitar com a família nuclear ou quando
um dos filhos forma sua família e coabita na casa de sua família
nuclear original.
III - Família Recomposta ( ) formada pelos filhos e apenas um dos genitores, seja o pai ou a
mãe.
IV - Família Extensa ( ) é o tipo mais comum de família, é o grupo formado pelo casal e
filhos.

Assinale a alternativa que preenche o quadro corretamente:

A) III, II, IV e I.
B) I, II, IV e III.
C) III, IV, I e II.
D) III, IV, II e I.

10. De acordo com o Estatuto da Criança e do Adolescente, assinale a alternativa INCORRETA.

A) Entende-se por família natural a comunidade formada pelos pais ou qualquer deles e seus descendentes.
B) Os filhos havidos fora do casamento poderão ser reconhecidos pelos pais, conjunta ou separadamente, no próprio
termo de nascimento, por testamento, mediante escritura ou outro documento público, qualquer que seja a origem
da filiação.
C) O reconhecimento do estado de filiação é direito personalíssimo, indisponível e imprescritível, podendo ser
exercitado contra os pais ou seus herdeiros, sem qualquer restrição, observado o segredo de Justiça.
D) Entende-se por família recomposta ou ampliada aquela que se estende para além da unidade pais e filhos ou da
unidade do casal, formada por parentes próximos com os quais a criança ou adolescente convive e mantém
vínculos de afinidade e afetividade.

www.pciconcursos.com.br
11. Muitos estudos e experimentos científicos comprovam que, através da amamentação, mãe-filho tem maior oportunidade
de envolvimento e aprofundamento afetivo. Psicologicamente, ocorre uma redução do efeito traumático da separação
provocada pelo parto. Em relação à amamentação é correto afirmar.

A) a amamentação caracteriza-se apenas por um processo fisiológico de amamentar o bebê, não envolvendo nenhum
padrão mais amplo de comunicação psicossocial entre mãe e bebê.
B) É através da amamentação que a criança relaciona-se com o mundo, abrindo-se para novas experiências. E este
contato corporal que constitui origem principal de bem-estar, segurança e afetividade, dando ao bebê a capacidade
de procurar novas experiências.
C) As emoções não afetam a lactação através de mecanismos psicossomáticos específicos. Calma, confiança e
tranqüilidade favorecem um bom aleitamento; por outro lado, medo, depressão, tensão, dor, fadiga e ansiedade
tendem a provocar o fracasso da amamentação.
D) É normal que atitudes críticas, desencorajadoras e pouco confiantes por parte de parentes e amigos da puérpera,
especialmente no que se refere a sua capacidade de amamentar, diante de qualquer coisa peculiar que aconteça ao
beb6e, as primeiras suspeitas recaiam sobre o leite materno (“é fraco”’, “provoca cólicas”, “dá diarréia” ou “dá prisão
de ventre”, etc.), e carregando implicitamente uma mensagem adequação para a mulher como mãe com o efeito
geral de estimulação da lactação, através da ansiedade.

12. A saúde é um direito fundamental do ser humano, devendo o Estado prover as condições indispensáveis ao seu pleno
exercício. O dever do Estado de garantir a saúde consiste na formulação e execução de políticas econômicas e sociais
que visem à redução de riscos de doenças e de outros agravos e no estabelecimento de condições que assegurem
acesso universal e igualitário às ações e aos serviços para a sua promoção, proteção e recuperação.

Assinale a alternativa correta.

A) O dever do Estado exclui o dever da sociedade, bem como das empresas para com os seres humanos.
B) O dever do Estado não exclui o dever das entidades religiosas.
C) O dever do Estado exclui o dever da família, mesmo que esta tenha condições de zelar pelo seu familiar.
D) O dever do Estado não exclui o das pessoas, da família, das empresas e da sociedade.

13. As equipes de atendimento a saúde se caracterizam pelo modo de interação presente na relação entre profissionais
(CHIATTONE, 2000; MACLEAN et al., 2000 apud TONETTO E GOMES, 2007), que pode ser interdisciplinar,
multidisciplinar e transdisciplinar.

A interação é interdisciplinar:

A) quando as ações são definidas e planejadas em conjunto.


B) quando existem vários profissionais atendendo o mesmo paciente de maneira independente.
C) quando um único profissional atua em todas as áreas de atendimento independentemente.
D) quando alguns especialistas discutem entre si a situação de um paciente sobre aspectos comuns a mais de uma
especialidade.

14. Um psicólogo uso a técnica de redução de danos a fim de intervir em um grupo de usuários de drogas ilícitas e álcool.
Nesse caso, é possível afirmar que os objetivos do programa serão alcançados quando:

A) a maioria dos usuários de drogas injetáveis compartilhar o uso de seringas apenas entre seus pares.
B) a comunidade proibir o acesso e a venda de seringas sem prescrição médica.
C) os jovens diminuírem a freqüência e (ou) a quantidade de drogas e álcool consumidos.
D) a maioria dos jovens adotarem o comportamento de total abstinência de drogas e álcool.

15. Com relação à Política Nacional de Saúde da Pessoa com Deficiência, no Brasil, considere as afirmativas a seguir:

1 - São indicadores específicos de avaliação dessa política, entre outros, os índices de cobertura assistencial, a taxa de
capacitação de recursos humanos, os censos demográficos, as pesquisas por amostragem domiciliar e as
comparações de informações gerenciais.
2 - O acompanhamento e a avaliação das ações de saúde das pessoas com deficiência seguem indicadores
específicos e não têm relação com os princípios do SUS.
3 - Um conjunto de atos legais, que norteiam o processo e modelo assistencial, pautado na abordagem multiprofissional
e multidisciplinar, foi reunido em uma publicação do Ministério da Saúde, em 2006, intitulada Manual e Legislação
em Saúde da Pessoa com Deficiência.
4 - O propósito dessa política é a inclusão em todas as esferas da vida social, orientada por diretrizes como ampliação
e fortalecimento dos mecanismos de informação, organização e funcionamento dos serviços de atenção à pessoa
com deficiência e capacitação de recursos humanos.
5 - No desenvolvimento de ações descentralizadas e participativas, é indicada a observância de interfaces com outras
políticas públicas.

Assinale a alternativa correta.

A) Somente as afirmativas 1, 3, 4 e 5 são verdadeiras.


B) Somente as afirmativas 1e 4 são verdadeiras.
C) Somente as afirmativas 2 e 3 são verdadeiras.
D) As afirmativas 1, 2, 3, 4 e 5 são verdadeiras.

www.pciconcursos.com.br
16. Um psicólogo integra uma equipe multidisciplinar que trabalha num Ambulatório de Saúde Mental. Um paciente, de outro
psicólogo da equipe que está de férias, comparece ao ambulatório para procurar ajuda, pois tentou suicídio. Nesse caso,
o profissional:

A) não poderá atender o paciente porque essa atitude fere o contrato estabelecido entre os profissionais de uma
equipe multidisciplinar.
B) poderá atender o paciente desde que este se comprometa a romper o vínculo com seu terapeuta anterior.
C) poderá prestar serviço ao paciente porque este está correndo risco e deverá informar o fato ao seu colega
imediatamente.
D) não poderá atender o paciente porque estará interferindo na conduta de um colega de profissão.

17. Em um centro de assistência preventiva, o nível de cuidados oferecidos a jovens em situação de risco para o abuso de
substâncias ilícitas é:

A) secundário.
B) primário.
C) terciário.
D) Quaternário.

18. O juízo de realidade é conceituado como sendo a capacidade de estabelecer valores ou atributos que damos aos
objetos, expressando-se através do pensamento. A volição corresponde à ____________, uma atividade psíquica
coordenadora dos atos voluntários e, segundo Karl Jaspers, definida como sendo a consciência do arbítrio. A escolha e
decisão da atitude humana definem a vontade ou o exercício do arbítrio.

Assinale a alternativa que preenche corretamente a lacuna acima.

A) defesa
B) devaneio
C) sublimação
D) vontade

19. De acordo com o DSM-IV (1995) apud Azevedo (2000) alguns dos critérios para que seja considerado abuso de
substâncias, é:

Um padrão mal adaptativo de uso de substância levando a prejuízo ou sofrimento clinicamente significativo, manifestado
por um ou mais dos seguintes aspectos, ocorrendo dentro de um período de 12 meses:

uso recorrente da substância resultando em um fracasso em cumprir obrigações importantes relativas a seu papel
no trabalho, na escola ou em casa.
uso recorrente da substância em situações nas quais isto representa perigo físico.
problemas legais recorrentes relacionados à substância.
uso continuado da substância, apesar de problemas sociais ou interpessoais persistentes ou recorrentes causados
ou exacerbados pelos efeitos da substância.

Assinale a alternativa correta.

A) Apenas uma afirmativa está correta.


B) Apenas duas afirmativas estão corretas.
C) Apenas uma afirmativa está incorreta.
D) Todas afirmativas estão corretas.

20. A partir de 1960, uma política de desinstitucionalização começa a ser introduzida nos diversos serviços de tratamento
em saúde mental. Esse processo tornou-se possível devido a dois fatores:

A) o surgimento de terapias farmacológicas eficientes para diversos transtornos e o desenvolvimento de centros de


saúde mental comunitários.
B) a publicação do DSM III com o novo sistema multiaxial de classificação dos transtornos mentais e o aparecimento
da eletroconvulsoterapia química.
C) a melhoria nos critérios para o diagnóstico e tratamento dos transtornos mentais e a necessidade de aumentar o
número de leitos nos hospitais gerais.
D) a pressão da comunidade pelo aparecimento de alternativas para o tratamento dos pacientes psiquiátricos e o
surgimento de novas drogas psicotrópicas.

21. As ações de prevenção secundária incluem:

A) programa televisivo de conscientização da população sobre os malefícios da gordura sobre o sistema


cardiovascular.
B) reabilitação de pacientes portadores de seqüelas decorrentes de cirurgia mutiladora para remoção de câncer.
C) cuidados a portadores de doenças coronarianas recém-diagnosticados.
D) treinamento de mães para evitar a ocorrência de rachaduras nas mamas durante a amamentação.

www.pciconcursos.com.br
22. As discussões sobre os conceitos de deficiência, incapacidade e desvantagem têm buscado superar generalizações
implícitas, possibilitar a aplicação e utilização de conhecimentos produzidos em diferentes contextos e marcar diferentes
modelos. Tomando como ponto de referência documentos da Organização Mundial de Saúde, numere de acordo com a
definição equivalente.

1- Deficiência.
2- Incapacidade.
3- Desvantagem.
4- Deficiência e incapacidade.
5- Funcionalidade.

( ) Aspecto positivo que tem no seu pólo oposto a incapacidade.


( ) Representa a socialização da deficiência. Prejuízo para o indivíduo que limita ou impede o desempenho de papéis
de acordo com a idade, sexo, fatores sociais e culturais. Discordância entre a capacidade individual de realização e
as expectativas do indivíduo ou do seu grupo social.
( ) Representa a exteriorização da deficiência. É tratada na CIDID como perda ou anormalidade de estrutura
psicológica, fisiológica ou anatômica.
( ) Representa a objetivação da deficiência. Conseqüências ou resposta do indivíduo a uma restrição nas atividades e
comportamentos essenciais na vida diária (ponto de vista do rendimento funcional). Restrição da habilidade para
desempenhar uma atividade considerada normal para o ser humano.
( ) Conseqüência das condições de saúde/doença e também do contexto do meio ambiente físico e social, decorrentes
de diferentes percepções culturais e atitudes e da disponibilidade de serviços e legislação (conceito da CIF).

Assinale a alternativa que apresenta a numeração correta, de cima para baixo.

A) 1 – 3 – 2 – 4 – 5.
B) 5 – 3 – 1 – 2 – 4.
C) 5 – 2 – 4 – 3 – 1.
D) 4 – 5 – 1 – 2 – 3.

23. O psicólogo nas equipes multiprofissionais de saúde deve contribuir nos seguintes aspectos:

A) pontuar a necessidade de diagnóstico diferencial.


B) realizar encaminhamentos para avaliações psiquiátricas.
C) trazer para os membros da equipe, a subjetividade do paciente, do seu cuidador e da família, bem como facilitar a
comunicação entre a equipe e os pacientes e/ou familiares.
D) realizar atendimento psicoterápico individual ou familiar, bem como psicodiagnóstico infantil.

24. A percepção da saúde como direito de cidadania é um dado novo na história das políticas sociais brasileiras. Nesse
contexto, a noção de saúde tende a ser percebida como:

A) estado de ausência de patologia.


B) visão medicalizada da saúde de forma globalizada.
C) conjunto de condições coletivas de existência com qualidade de vida.
D) expressão de decisão e gestão exclusiva do Estado.

25. Assinale a alternativa correta acerca de conceitos relativos à interconsulta em psicologia:

A) parte de um profissional que requer o auxílio de outro na solução de um problema.


B) o interconsultor é a autoridade em comando na situação da interconsulta.
C) é uma técnica de avaliação do nível de competência do doente.
D) é sempre uma iniciativa que parte do psicólogo.

26. Sobre o conceito de Cidadania, podemos afirmar que:

I- Tem origem na Grécia clássica, onde era usado para designar os direitos relativos ao cidadão, ou seja, o indivíduo
que vivia na cidade e ali participava ativamente dos negócios e das decisões políticas. Assim, cidadania,
pressupunha todas as implicações decorrentes de uma vida em sociedade.
II - É o conjunto de direitos e deveres ao qual um indivíduo está sujeito em relação à sociedade em que vive.
III - Está relacionado à noção de direitos, apenas, especialmente os direitos políticos, que permitem ao indivíduo intervir
na direção dos negócios públicos do Estado, participando de modo direto ou indireto na formação do governo e na
sua administração.
IV - Dentro de uma democracia, a própria definição de direito, pressupõe a contrapartida de deveres, uma vez que em
uma coletividade os direitos de um indivíduo são garantidos a partir do cumprimento dos deveres dos demais
componentes da sociedade.

A respeito das afirmações acima, assinale a alternativa correta.

A) Todas as afirmações estão corretas.


B) Apenas as afirmações I e IV estão corretas.
C) Todas as afirmações estão incorretas.
D) Apenas a afirmação III está incorreta.

www.pciconcursos.com.br
27. Na Constituição Federal Brasileira, de 1988, dentre os direitos de garantias fundamentais encontra-se a seguinte
garantia:

“Ninguém será privado de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as
invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei.”

Ao interpretar as informações acima entende-se que:

A) Serão privados de seus direitos de liberdade de crença religiosa, convicção filosófica ou política, aqueles que
infringirem a lei em qualquer aspecto.
B) As crenças religiosas, filosóficas ou políticas eximem o sujeito da obrigação legal a todos imposta, desde que
comprove que a infração cometida esteja inclusa sistematicamente nas ações defendidas pela crença.
C) Aquele que invocar crença religiosa, convicção filosófica ou política como justificativa para desobrigação legal diante
das obrigações a todos impostas estará cometendo crime contra a Constituição Federal.
D) Serão garantidos os direitos de crença e culto religioso, filosófico ou político, entretanto, tais convicções não
poderão ser utilizadas para caracterizar ou desqualificar crimes e/ou infrações legais.

28. A Constituição Federal, também conhecida como a constituição cidadã, contempla em seu Capítulo II os Direitos
Sociais, dentre os quais aqueles relacionados ao trabalho, uma vez que esta considera o trabalho como condição
fundamental para acesso do sujeito aos demais direitos. Destarte, fazem parte do bojo deste capítulo as seguintes
diretrizes, exceto:

A) São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o lazer, a segurança, a previdência
social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados que contribuam com a previdência.
B) É vedada a criação de mais de uma organização sindical, em qualquer grau, representativa de categoria profissional
ou econômica, na mesma base territorial, que será definida pelos trabalhadores ou empregadores interessados, não
podendo ser inferior à área de um Município.
C) São direitos dos trabalhadores urbanos e rurais alário mínimo , fixado em lei, nacionalmente unificado, capaz de
atender a suas necessidades vitais básicas e às de sua família com moradia, alimentação, educação, saúde, lazer,
vestuário, higiene, transporte e previdência social, com reajustes periódicos que lhe preservem o poder aquisitivo,
sendo vedada sua vinculação para qualquer fim.
D) Assistência gratuita aos filhos e dependentes desde o nascimento até 5 (cinco) anos de idade em creches e pré-
escolas, assim como adicional de remuneração para as atividades penosas, insalubres ou perigosas, e
aposentadoria.

29. A Lei 8.069/1990 dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. O capítulo III trata do
direito a convivência familiar e comunitária.

Sobre este direito é INCORRETO afirmar que:

A) aos pais incumbe o dever de sustento, guarda e educação dos filhos menores, não cabendo-lhes apenas, no
interesse destes, a obrigação de cumprir e fazer cumprir as determinações judiciais.
B) o poder familiar será exercido, em igualdade de condições, pelo pai e pela mãe, na forma do que dispuser a
legislação civil, assegurado a qualquer deles o direito de, em caso de discordância, recorrer à autoridade judiciária
competente para a solução da divergência.
C) toda criança ou adolescente tem direito a ser criado e educado no seio da sua família e, excepcionalmente, em
família substituta, assegurada a convivência familiar e comunitária, em ambiente livre da presença de pessoas
dependentes de substâncias entorpecentes.
D) o reconhecimento do estado de filiação é direito personalíssimo, indisponível e imprescritível, podendo ser
exercitado contra os pais ou seus herdeiros, sem qualquer restrição, observado o segredo de Justiça.

30. Josué é um menino de oito anos que frequenta um projeto municipal para crianças em situação de fragilidade. Há alguns
meses, a monitora tem notado um aumento significativo da agressividade da criança, e comportamentos como choro
excessivo, desconfiança, ansiedade, medo, autoritarismo com os demais colegas de sala e significativa diminuição do
aprendizado.
Semana passada, Josué apareceu com marcas de queimadura pelo corpo e, ao ser questionado sobre as causas das
lesões, apresentou ansiedade e choro.
Preocupada com a segurança de seu aluno, a monitora chama seus pais para conversar a respeito da criança, os quais
não comparecem. Para que saber que atitude tomar frente à situação, a monitora deve desconfiar, a princípio de que:

A) o menino Josué está sendo vítima de negligência.


B) o menino Josué está sendo vítima de escravidão infantil.
C) o menino Josué está sendo vítima de algum tipo de violência doméstica.
D) o menino Josué está se machucando sozinho, e necessitando de cuidados psiquiátricos.

www.pciconcursos.com.br
31. Sobre a ansiedade assinale (V) para verdadeiro ou (F) para falso.

( ) Há de se concordar que a ansiedade “normal” estimula o indivíduo para a ação útil e desempenha um papel
importante quanto às modificações benéficas e desenvolvimento da personalidade.
( ) A diferenciação entre a ansiedade normal e a patológica acontece de acordo com a intensidade com que esta
acontece, sua duração e as circunstâncias que a provocam.
( ) A ansiedade severa a incontrolada é comumente denominada de “pânico”.
( ) A experiência de ansiedade é diferentemente descrita por diferentes indivíduos, mas sua característica essencial é
uma antecipação desagradável de alguma tipo de infortúnio, perigo ou ruína.
( ) A ansiedade é considerada patológica quando parece ser desencadeada por alguma razão mínima ou ocorre sem
causa conhecida.
( ) Um indivíduo ansioso frequentemente se torna super alerta, irritável e inseguro, podendo tornar-se irriquieto ou
manter-se tensamente imóvel.

A sequência correta é:

A) V – V – F – V – F – F.
B) V – V – V – V – V – V.
C) F – V – V – V – V – V.
D) V – V – F – V – V – V.

32. Leia as descrições abaixo:

A mais comum das doenças mentais se caracteriza por distorção do senso de realidade, inadequação e falta de
harmonia entre pensamento e afetividade, e frequentemente há alucinações e idéias delirantes.
A tendência à moléstia é hereditária, talvez produzida por anormalidade bioquímica, entretanto fatores psicossociais
também contribuem significativamente para seu desencadeamento.
Os principais tipos são paranóide, catatônico, hebefrênico, simples.
O tratamento, normalmente é feito com drogas antipsicopáticas e psicoterapia, com o mínimo de hospitalização.

As características acima correspondem a um quadro psicopatológico de:

A) Esquizofrenia.
B) Psicopatia.
C) Perversão.
D) Neurose.

33. Sobre as neuroses é incorreto afirmar que:

A) as causas compreendem conflitos, frequentemente inconscientes, profundamente localizados e com raízes na


infância.
B) podem variar entre ansiedade, histeria, fobia, obsessão compulsiva, depressão, entre outras.
C) constituem uma minimização a respeito dos sentimentos comuns derivados de emoções e não de doenças
orgânicas.
D) o tratamento abrange a psicoterapia, de diferentes linhas, além de, em alguns casos, a utilização de medicação para
amenização de sintomas em momentos agudez dos sintomas.

34. “Quase nenhuma ação humana tem por sujeito um indivíduo isolado. O sujeito da ação é um grupo, um „Nós‟, mesmo se
estrutura atual da sociedade, pelo fenômeno da retificação, tende a encobrir esse „Nós‟ e a transformá-la numa soma de
várias individualidades distintas e fechdas umas às outras.”
Lucien Goldman, 1974.
O parágrafo acima faz referência à óptica da abordagem da:

A) psicologia Organizacional.
B) psicologia Social.
C) psicologia de Grupos.
D) psicologia Comportamental.

www.pciconcursos.com.br
35. Para a Psicologia Social, é correto afirmar que:

I- a linguagem se originou na espécie humana como conseqüência da necessidade de transformar a natureza, através
da cooperação entre os homens, por meio de atividades produtivas que garantissem a sobrevivência do grupo
social.
II - os homens agem sobre o mundo e o transformam, sem ser, por sua vez, transformados pelas consequências de
suas ações.
III - como produto de uma coletividade, a linguagem reproduz através dos significados das palavras articuladas em
frases os conhecimentos – falsos ou verdadeiros – e os valores associados a práticas sociais que se cristalizam.
IV - a linguagem reproduz uma visão de mundo, produto das relações que se desenvolveram a partir do trabalho
produtivo para a sobrevivência do grupo social.

Marque a alternativa correta.

A) Todas as afirmativas estão corretas.


B) Apenas as afirmativas I, III e IV estão corretas.
C) Apenas as afirmativas II e III estão incorretas.
D) Todas as afirmativas estão incorretas.

36. Observe o quadrinho abaixo.

Os teóricos da Psicologia do Desenvolvimento concordam sobre a importância do “brincar” no desenvolvimento saudável


da criança. Desta forma podemos dizer que:

a criança que brinca investiga e precisa ter uma experiência total que deve ser respeitada, uma vez que seu mundo
é rico e, em contínua mudança, incluindo um intercâmbio permanente entre fantasia e realidade.
se o adulto interfere e irrompe em sua atividade lúdica, acaba por realizar uma manutenção do desenvolvimento da
experiência decisiva que a criança realiza ao brincar.
uma criança necessita de muitos brinquedos para brincar, pois a fartura destes estimula a criatividade, auxiliando o
mundo interno na resolução de conflitos futuros.
brincar de se esconder é a primeira atividade lúdica a com ela elabora a angústia de desprendimento, a desolação
por um objeto que deve perder.
é no “brincar” que a criança elabora conflitos de situações vivenciadas e angústias relacionadas à agressividade.

Sobre as informações acima, assinale a alterna correta.

A) Todas as informações acima estão corretas.


B) Apenas três informações acima estão incorretas.
C) Todas as informações acima estão incorretas.
D) Apenas duas informações acima estão incorretas.

www.pciconcursos.com.br
37. De acordo com a teoria psicanalítica, em torno dos três anos, a vida mental da criança está povoada de imagens que
acalmam e imagens que inquietam. Assim, podemos considerar como características dessa etapa do desenvolvimento
infantil os seguintes aspectos:

I- a destruição e desordem lhe produze angústia e surge o interesse pela limpeza e organização, fazendo com que
passem a valorizar gavetas e armários.
II - a criança desta idade, geralmente apresenta necessidade de em ver que algumas coisas podem ser substituídas e
neste período pode haver mais prazer em rever um objeto ou brinquedo que foi consertado do que receber um
novo.
III - a luta contra as tendências destruidoras começa e mostrar-se ativa e a simbologia da vida genital passar a ser muito
rica nesta fase da vida.
IV - o brinquedo amplia-se e complica-se nesta época e a intensidade de brincar, assim como a riqueza da fantasia
permite a avaliação da harmonia mental.
V- a criança que brinca bem, tranquila, com imaginação, dá prova de saúde mental, ainda que apresente muitos
pequenos sintomas que angustiam os pais.

Marque a alternativa correta.

A) Todos os parágrafos acima correspondem corretamente a características do processo de desenvolvimento da


criança nesta etapa da vida.
B) Apenas dois dos parágrafos acima correspondem corretamente a características do processo de desenvolvimento
da criança nesta etapa da vida.
C) Nenhum dos parágrafos acima corresponde corretamente a características do processo de desenvolvimento da
criança nesta etapa da vida.
D) Apenas um dos parágrafos acima não corresponde corretamente a características do processo de desenvolvimento
da criança nesta etapa da vida.

38. Marque a alternativa que traz informações corretas a respeito do período do puerpério.

A) De uma maneira geral, as mães se sentem inseguras quanto ao bem estar da criança, pela dificuldade de
compreender o significado do choro, sendo que a comunicação entre mãe e filho se estabelece gradualmente, ou
seja, de início a mãe sente dificuldade em distinguir quais são as necessidades da criança mas com o passar do
tempo aprende a diferenciar o choro, entre o que significa fome, cólicas, desconforto,sono ou necessidade de
contato.
B) A responsabilidade de prestar cuidados a um recém-nascido pode causar grande apreensão nas mães, exceto nas
primíparas que por motivos diversos, não tiveram experiências anteriores em relação ao banho do bebê, cuidados
com o coto umbilical e o próprio comportamento habitual dos primeiros dias de vida.
C) O pós-parto exerce um pequeno impacto sobre o pai, que pode participar ativamente, dividindo com a mãe a
responsabilidade de cuidar do bebê, oferecendo dessa forma apoio, ou sentir-se à margem da relação mãe-filho, e
neste caso, muitas vezes, utilizar como desculpa, dentre outros compromissos, o trabalho.
D) De uma maneira geral o ambiente que cerca a relação mãe-filho pouco contribui para a qualidade da reatividade de
ambos: num ambiente em que a mãe é cercada de pessoas hostis e críticas ou que é excessivamente turbulento e
confuso, pode ou não haver ansiedade materna e, consequentemente a inquietação do bebê.

39. Assinale o termo que completa corretamente o parágrafo abaixo.

A _________________ refere-se a um estado psicológico especial, um modo típico que acomete as mulheres gestantes
no final da gestação e nas semanas que sucedem o parto, sendo considerada uma condição psicológica especial, de
sensibilidade aumentada, podendo ser comparada a uma dissociação, um estado esquizóide, que, no entanto, é
considerado normal durante esse período.
Na base do complexo de sensações e sentimentos peculiares dessa fase, está um movimento regressivo da mãe na
direção de suas próprias experiências enquanto bebê e das memórias acumuladas ao longo da vida, concernentes ao
cuidado e proteção de crianças.

A) amamentação.
B) mãe suficientemente boa.
C) preocupação materna primária.
D) psicose pós-parto.

10

www.pciconcursos.com.br
40. Assinale (V) para verdadeiro ou (F) para falso.

A Organização Mundial de Saúde apresenta diretrizes para o diagnóstico de dependência, que somente deve ser feito
caso três ou mais critérios descritos tenham sido preenchidos pelo paciente por tempo razoável no decorrer do último
ano. São eles:

( )
forte desejo ou compulsão para usar a substância.
( )
dificuldade em controlar o consumo da substância, em termos de início, término e quantidade.
( )
presença da síndrome de abstinência ou uso da substância para evitar o aparecimento da mesma.
( )
presença de intolerância, evidenciada pela necessidade de diminuir a quantidade para obter o mesmo efeito
anterior.
( ) aumento progressivo de outros interesses ou prazeres em prol do uso da substância.
( ) persistência no uso, apesar das diversas consequências danosas.

A sequencia correta é:

A) V – V – V – F – F – V.
B) V – V – F – V – F – F.
C) V – V – V – V – F – F.
D) F – V – F – V – F – V.

41. Observe o quadrinho abaixo:

A tira acima faz alusão à dependência do cigarro, como droga lícita, comparando-o com o prazer de tomar um suco de
maçã. Entretanto, o hábito de fumar causa consequências à saúde, assim como a maioria das dependências, sejam elas
de drogas lícitas ou ilícitas. Sobre a dependência podemos afirmar que:

A) a dinâmica sintomática da dependência faz o sujeito interromper o consumo da substância, quando da aparição de
problemas significativos relacionados a ele.
B) alguns trabalhos sugerem que os traços de agressividade-impulsividade presentes em crianças, adolescentes e
adultos, resultando em comportamentos delinqüentes, acabam por favorecer alguma ligação com algum tipo
dependência.
C) o diagnóstico de dependência de substâncias, segundo critérios DSM IV, não pode ser aplicado a toda classe de
substâncias, inclusive a cafeína.
D) auxiliando o diagnóstico de dependência ressalta-se uma necessidade irresistível de consumo, referida em inglês
pelo termo craving, ou fissura em português, que se observa na minoria dos dependentes.

42. Acerca do termo “Políticas Sociais” assinale a alternativa incorreta.

A) As políticas sociais são ações governamentais desenvolvidas em conjunto por meio de programas que
proporcionam a garantia de direitos e condições dignas de vida ao cidadão de forma equânime e justa.
B) As políticas sociais não são próprias das formações econômico-sociais capitalistas contemporâneas, uma vez que
estas formações são capazes de satisfazer todas as necessidades sociais básicas das pessoas.
C) A Assistência Social é uma Política de Seguridade Social não contributiva que se realiza através de ações de
iniciativa pública e da sociedade, garantindo atendimento às necessidades básicas.
D) As políticas sociais são as políticas que asseguram à população o exercício de direito de cidadania: Educação,
Saúde, Trabalho, Assistência Social, Previdência Social, Justiça, Agricultura, Saneamento, Habitação Popular e
Meio Ambiente.

11

www.pciconcursos.com.br
43. O SUAS – Sistema Único de Assistência Social, descreve e implementa o serviço de proteção social. Sobre a Proteção
Social Básica, leia:

I- Seu objetivo é prevenir situações de risco por meio do desenvolvimento de potencialidades e aquisições, e o
fortalecimento de vínculos familiares e comunitários.
II - O público alvo são famílias e indivíduos que vivem em situação de vulnerabilidade social decorrente da pobreza,
privação (ausência de renda, precário ou nulo acesso aos serviços públicos, dentre outros) e, ou, fragilizaçãode
vínculos afetivos -relacionais e de pertencimento social (discriminações etárias, étnicas, de gênero ou por
deficiências, dentre outras).
III - Os serviços de proteção social básica serão executados de forma direta nos Centros de Referência da Assistência
Social -CRAS e em outras unidades básicas e públicas de assistência social, bem como de forma indireta nas
entidades e organizações de assistência social da área de abrangência dos CRAS.
IV - A proteção social de Assistência Social, ao ter por direção o desenvolvimento humano e social e os direitos de
cidadania, tem por princípios: a matricialidade sociofamiliar; a territorialização; a proteção pró-ativa; a integração à
seguridade social e a integração às políticas sociais e econômicas.

Assinale a alternativa correta.

A) Apenas as afirmações II, III e IV estão corretas.


B) Todas as afirmações estão incorretas.
C) Todas as afirmações estão corretas.
D) Apenas as afirmações I, II e III estão corretas.

44. Para a proteção social de Assistência Social o princípio de Matricialidade Sociofamiliar significa que:

A) a defesa do direito à convivência familiar, na proteção de Assistência Social, emprega o conceito de família como
unidade econômica, como referência de cálculo de rendimento per capita, além de um núcleo afetivo, vinculado por
laços consangüíneos, de aliança ou afinidade, que circunscrevem obrigações recíprocas e mútuas, organizadas em
torno de relações de geração e de gênero.
B) a família deve ser apoiada e ter acesso a condições para responder ao seu papel no sustento, na guarda e na
educação de suas crianças e adolescentes, exceto na proteção de seus idosos e portadores de deficiência.
C) o enfarquecimento de possibilidades de convívio, educação e proteção social, na própria família, não restringe as
responsabilidades públicas de proteção social para com os indivíduos e a sociedade.
D) a família é o núcleo social básico de acolhida, convívio, autonomia, sustentabilidade e protagonismo social.

45. A respeito do conceito de “Equipe de Referência”, pode-se afirmar que:

as equipes de referência propõem um novo sistema de referência entre profissionais e usuários, cujo funcionamento
pode ser descrito da seguinte forma: cada unidade de saúde se organiza por meio da composição de equipes,
formadas segundo características e objetivos da própria unidade, e de acordo com a realidade local e
disponibilidade de recursos.
essas equipes obedecem a uma composição multiprofissional de caráter transdisciplinar, isto é, reúnem
profissionais de diferentes áreas, variando em função da finalidade do serviço/unidade.
a equipe de referência contribui para tentar resolver ou minimizar a falta de definição de responsabilidades, de
vínculo terapêutico e de integralidade na atenção à saúde, oferecendo um tratamento digno, respeitoso, com
qualidade, acolhimento e vínculo.
cada equipe de referência torna-se responsável pela atenção integral do doente, cuidando de todos os aspectos de
sua saúde, elaborando projetos terapêuticos e buscando outros recursos terapêuticos, quando necessário.
as equipes podem se organizar a partir de uma distribuição territorial. Neste caso, os usuários de um território são
divididos em grupos, sob a responsabilidade de uma determinada equipe de saúde, denominada equipe de
referência territorial.

Marque a alternativa que se refere corretamente sobre os parágrafos acima.

A) Todos os parágrafos fazem alusões corretas acerca do conceito de Equipe de Referência.


B) Somente dois parágrafos fazem alusões corretas acerca do conceito de Equipe de Referência.
C) Somente três parágrafos fazem alusões corretas acerca do conceito de Equipe de Referência.
D) Somente quatro parágrafos fazem alusões corretas acerca do conceito de Equipe de Referência.

12

www.pciconcursos.com.br
46. Ao ler as definições abaixo, entende-se que elas referem-se à:

Objetiva assegurar retaguarda especializada a equipes e profissionais encarregados da atenção a problemas de


saúde.
Trata-se de uma metodologia de trabalho complementar àquela prevista em sistemas hierarquizados, a saber:
mecanismos de referência e contra-referência, protocolos e centros de regulação.
Pretende oferecer tanto retaguarda assistencial quanto suporte técnico-pedagógico às equipes de referência.
Depende da construção compartilhada de diretrizes clínicas e sanitárias entre os componentes de uma equipe de
referência e os especialistas que oferecem apoio.
Essas diretrizes devem prever critérios para acionar o apoio e definir o espectro de responsabilidade tanto dos
diferentes integrantes da equipe de referência quanto dos apoiadores.

A) Apoio Técnico.
B) Apoio Referencial.
C) Apoio Matricial.
D) Apoio Profissional.

47. O Capítulo II do Estatuto do Idoso trata do Direito à Liberdade, ao Respeito e à Dignidade. De acordo com este capítulo
é incorreto afirmar que:

A) o direito à liberdade compreende, entre outros, à faculdade de ir, vir e estar nos logradouros públicos e espaços
comunitários, sem quaisquer as restrições legais; à opinião e expressão; à crença e culto religioso; à prática de
esportes e de diversões e à participação na vida política, na forma da lei.
B) é obrigação do Estado e da sociedade, assegurar à pessoa idosa a liberdade, o respeito e a dignidade, como
pessoa humana e sujeito de direitos civis, políticos, individuais e sociais, garantidos na Constituição e nas leis.
C) o direito ao respeito consiste na inviolabilidade da integridade física, psíquica e moral, abrangendo a preservação da
imagem, da identidade, da autonomia, de valores, idéias e crenças, dos espaços e dos objetos pessoais.
D) é dever de todos zelar pela dignidade do idoso, colocando-o a salvo de qualquer tratamento desumano, violento,
aterrorizante, vexatório ou constrangedor.

48. Dentre os objetivos da Política Nacional para Integração da Pessoa com Deficiência encontram-se:

O acesso, ingresso e a permanência da pessoa com deficiência em todos os serviços oferecidos à comunidade.
Integração das ações dos órgãos e das entidades, públicos e privados, nas áreas de saúde, educação, trabalho,
transporte, assistência social, edificação pública, previdência social, habitação, cultura, desporto e lazer, visando à
prevenção das deficiências, à eliminação de suas múltiplas causas e à inclusão social.
Desenvolvimento de programas setoriais destinados ao atendimento das necessidades especiais da pessoa com
deficiência.
Formação de recursos humanos para atendimento da pessoa com deficiência.
Garantia da efetividade dos programas de prevenção, de atendimento especializado e de inclusão social.

Desta maneira, é correto afirmar que:

A) a Política Nacional para Integração da Pessoa com Deficiência, abrange apenas os aspectos relacionados a saúde
física do deficiente, não levando em consideração a saúde social desde indivíduo, o qual assim como qualquer
cidadão, possui direito de ir e vir.
B) os objetivos da Política Nacional para Integração da Pessoa com Deficiência buscam abarcar diferentes aspectos
das necessidades do deficiente, considerando-o como sujeito não só requerente de apoio relativo à deficiência em
si, como também, aquele que necessita de inclusão no mercado de trabalho com maior nível de independência
possível.
C) as considerações trazidas pela Política Nacional para Integração da Pessoa com Deficiência não abordam questões
capazes de oferecer maior independência e mobilidade social ao deficiente, uma vez que este não necessita da
mesma, pelo fato de ser responsabilidade da família.
D) os objetivos da Política Nacional para Integração da Pessoa com Deficiência abarcam variadas necessidades
sociais dos deficientes, entretanto deixa uma importante lacuna quando da necessidade de atenção à saúde deste
sujeito, uma vez que não apresenta regulamentações ou sugestões de atendimento especializado.

13

www.pciconcursos.com.br
49. Leia os parágrafos abaixo e responda a alternativa que traz corretamente o nome do movimento a que se referem.

Em meados da década de 1960, o saber psiquiátrico foi convulsionado pelo surgimento da corrente antipsiquiátrica,
a qual questionava a psiquiatria convencional enquanto conhecimento científico, propondo serem frágeis as próprias
bases que fundamentam a existência da doença mental.
Devolveu ao doente mental a sua identificação enquanto cidadão, trabalhador, proprietário, pai e tantas outras que
lhe foram retiradas quando do início de seu tratamento em instituição asilar, quando adquiriu o estigma de incapaz,
perigoso ou anti-social.
A inovação da metodologia empregada se fez com o recurso ao hospital-dia, que permitia a continuidade da
inserção do indivíduo em seu meio social e familiar na constância do tratamento.
A realidade brasileira vivenciou o processo a partir da década de 1970, com crescentes manifestações de vários
setores da sociedade no sentido de reduzir o cerceamento da liberdade individual na forma de manicômios. Além
disto, buscou-se um novo enfoque no modelo assistencial, através da promoção da saúde mental, ao invés de
direcionar a ação apenas ao desequilíbrio psíquico já instalado.
O doente mental passou a ter direito ao melhor tratamento, realizado com humanidade e respeito, tendo
assegurados a proteção contra qualquer forma de exploração e o direito a receber informações a respeito de sua
doença. O tratamento deveria ser feito, de preferência, em serviços comunitários de saúde mental, nos moldes do
hospital-dia, tais como o CAPS (Centro de Atenção Psicossocial).

A) Protesto Social Psiquiátrico.


B) Luta Social.
C) Reforma Psiquiátrica.
D) Reforma Mental.

50. No texto do Código de Ética do Psicólogo há a informação de que este pautou-se pelo princípio geral de aproximar-se
mais de um instrumento de reflexão do que de um conjunto de normas a serem seguidas pelo psicólogo. Para tanto, sua
construção buscou:

A) abrir espaço para a discussão, pelo psicólogo, dos limites e interseções relativos aos direitos individuais e coletivos,
mesmo sendo questão irrelevante para as relações que estabelece com a sociedade, os colegas de profissão e os
usuários ou beneficiários dos seus serviços.
B) valorizar os princípios fundamentais como grandes eixos que devem orientar a relação do psicólogo com a
sociedade, a profissão, as entidades profissionais e a ciência, pois esses eixos atravessam todas as práticas e
estas demandam uma contínua reflexão sobre o contexto social e institucional.
C) contemplar a diversidade que configura o exercício da profissão e a decrescente inserção do psicólogo em
contextos institucionais e em equipes multiprofissionais.
D) estimular reflexões que considerem a profissão em suas práticas particulares, uma vez que os principais dilemas
éticos se restringem a práticas específicas e surgem em quaisquer contextos de atuação.

14

www.pciconcursos.com.br