Você está na página 1de 2

Edital nº 7/2018

Consulta pública sobre proposta de Regimento Interno para as Câmaras Técnicas do Incra

Contribuições de 23/4 a 1/6/2018

A Diretoria Colegiada do Sindicato Nacional dos Peritos Federais Agrários (SindPFA) submete à consulta pública dos filiados a minuta de proposta de Regimento Interno de Câmara Técnica das Superintendências Regionais do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), nos termos a seguir.

1. DISPOSIÇÕES GERAIS

1.1. A minuta de proposta de Regimento Interno de Câmara Técnica de Superintendência Regional do Incra está disponível na página eletrônica do SindPFA, no link:

1.2. A proposta ora submetida resulta de uma iniciativa da Diretoria Colegiada e tem como objetivo:

a. a institucionalização das Câmaras Técnicas e determinação de seu funcionamento regular nas superintendências regionais do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra), em especial as que não as têm, bem como a padronização do funcionamento das Câmaras Técnicas em todo o país;

b. o fortalecimento das Câmaras Técnicas, como instância de equilíbrio e de respaldo às atividades técnicas da Autarquia realizadas de forma correta, fórum de combate às arbitrariedades e aos 'atropelos' de normativos técnicos e fonte de proposições de políticas públicas e normativos;

c. a instituição da Câmara Técnica Nacional do Incra, que, embora prevista nos atuais normativos, não foi instituída e não tem Regimento Interno;

d. trazer para as Câmaras Técnicas regionais os demais Engenheiros do Incra, quais sejam Civis, Cartógrafos, Agrimensores, Florestais e Ambientais, por também participarem das atividades finalísticas do órgão, contribuindo para uma melhor interlocução com esses profissionais;

e. ampliar o escopo de atuação da Câmara Técnica para além da área de Obtenção de Terras, envolvendo todas as atividades finalísticas do órgão que demandam conhecimento técnico, tais como o desenvolvimento de projetos de assentamento e o ordenamento da estrutura fundiária.

1.3. Após o período de consulta, a Diretoria Colegiada analisará as contribuições e elaborará a redação final, que será apresentada à categoria, que, por meio de suas Delegacias Sindicais, trabalhará pela sua institucionalização no Incra.

2. FORMAS DE CONTRIBUIÇÃO

2.1. Os Peritos Federais Agrários sindicalizados adimplentes, as Delegacias Sindicais e as próprias Câmaras Técnicas regionais podem, livremente, apresentar contribuições ao SindPFA que vão ao encontro dos objetivos da proposta (item 1.2), nas seguintes formas:

II.

sugestão de mudanças e melhorias textuais, inclusão ou exclusão de matéria na minuta;

III. apontamento de conflitos entre dispositivos e erros ortográficos, sugestão de reorganização de

artigos, parágrafos e incisos ou aglutinação de assuntos;

IV. apontamento de necessidade de adequação a normativos existentes ou sugestão de mudanças

de normativos internos do Incra que sustentam seu funcionamento;

V. apresentação de análises jurídicas e administrativas e comparação com outras Câmaras Técnicas

em órgãos públicos;

VI. sugestão de atuação junto ao Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (Confea) e aos

Conselhos Regionais de Engenharia e Agronomia (CREAs) para regular seu funcionamento e

interlocução sobre os temas tratados nas Câmaras Técnicas.

2.2. As contribuições devem ser feitas exclusivamente por meio de e-mail para o correio eletrônico

coordenacao@sindpfa.org.br, acompanhada de justificativa, sugestão de redação do texto e lista de

subscrição, quando for o caso.

3. PRAZOS

3.1. As contribuições poderão ser feitas de 23 de abril a 1º de junho de 2018.

4. DISPOSIÇÕES FINAIS

4.1. Dúvidas suscitadas sobre esta Consulta Pública deverão ser dirigidas à Coordenação do SindPFA, por

4.2. Os casos omissos neste Edital serão resolvidos pelo Diretor Presidente do SindPFA.

Brasília-DF, 23 de abril de 2018.

Sávio Silveira Feitosa Diretor Presidente do SindPFA