Você está na página 1de 7

Educação Musical

2017/2018
Educação Musical
2017/2018

O Ukulele

O ukulele surgiu no século XIX, derivado da braguinha ou machete, e do rajão, instrumentos


levados pelos madeirenses, quando estes emigraram para o Havaí para trabalhar no cultivo da
cana-de-açúcar naquelas ilhas.

Ukulele, no idioma havaiano quer dizer, “pulga saltitante”, por causa do movimento das mãos
de quem o toca.

Além de ser utilizado na música tradicional havaiana, o ukulele foi bastante utilizado na música
popular americana.

Braguinha Rajão
Educação Musical
2017/2018

Constituição do Ukulele

CABEÇA
CRAVELHAS

PENTE

TRASTES

BRAÇO

BOCA

CORPO
OU
CAIXA

CAVALETE
OU
PONTE
Educação Musical
2017/2018

Afinação

O Ukulele, é constituído por 4 cordas, que se contam de baixo para cima, com as
seguintes notas:

A cada uma das notas que nós conhecemos, corresponde uma letra, sendo esta a
forma mais utilizada para identificar as notas em todo o mundo.

Dó - C

Ré - D

Mi - E

Fá - F

Sol - G

Lá - A

Si - B
Educação Musical
2017/2018

Então, as notas das cordas do ukulele são:

1ª corda

A – Lá

2ª corda

E – Mi

3ª corda

C – Dó

4ª corda

G – Sol

É normal as cordas desafinarem com facilidade, por isso devemos


fazer pequenos ajustes, AFINAR, de forma a obtermos o som
correto das notas.

Com treino, aprendemos a utilizar a nossa audição para sabermos qual


o som correto de cada nota, mas também temos ao nosso dispor
alguns tipos de afinadores, digitais e analógicos, que podemos
utilizar.

A unidade de medida utilizada é o Hz (Hertz), e a nossa nota principal é o Lá, que


se encontra na medida de 400Hz.

Por isso, quando utilizares afinadores digitais ou analógicos, já sabes o motivo pelo
qual aparecem estes números (440) e símbolos (Hz).
Educação Musical
2017/2018

Quando afinamos as cordas do ukulele, devemos estar atentos à letra que surge no
visor, e à sua posição.

O objetivo, é alcançar o centro (valor 0)

Exemplo de uma corda lá perfeitamente afinada

Se o cursor (destacado a vermelho) se encontrar à direita do zero, a nota está


alta; devemos então com cuidado, e sem movimentos bruscos, rodar a cravelha
correspondente à nossa corda, no sentido contrário aos ponteiros do relógio.

Se o cursor se encontrar à esquerda do zero, devemos então rodar no sentido dos


ponteiros do relógio.

Conseguir alcançar uma afinação fácil, é difícil no início, pois o controlo das
cravelhas exige alguma prática, mas rapidamente percebemos o seu funcionamento.
Educação Musical
2017/2018

Nomenclatura

(tipo de escrita específico para ukulele)

Nome do Acorde

Pente
Trastes

Corda pressionada 1ª corda – Lá (A)

2ª corda – Mi (E)

3ª corda – Dó (C)

4ª corda – Sol (G)