Você está na página 1de 3

APOSTILA

Arte da serigrafia: crie estampas modernas para suas roupas

2

1) USOS DA SERIGRAFIA E MONTAGEM DA ARTE E FOTOLITO

O processo serigráfico permite imprimir em diversos materiais como tecido, plástico, papel, madeira, alumínio, vidro,

entre outros.

O fotolito é uma película ou substrato com transparência ou translúcida onde será impressa a arte final / desenho.

Podemos utilizar papel vegetal, poliester fosco ou acetato transparente. A arte pode ser digitalizada/ computadorizada (corel draw , ilustrator ou photoshop) e o fotolito impresso numa impressora a laser ou jato de tinta, desde que a imagem/desenho fique bem enegrecida e com maior opacidade possível e que bloqueie totalmente a passagem de luz. Podemos montar uma arte final ou fotolito manualmente ,desenhando com uma caneta nanquim direto na transparência ou utilizando uma película de recorte (filme rubi).

2) MONTE SUA TELA :

Na montagem da tela, vamos utilizar um quadro em madeira nas medidas de 50 x 40 cm, um retalho de tecido (poliéster 50 fios/cm ) com 60 x 50 cm. Com um grampeador manual (rocama) utilizado em tapeçarias e o auxílio de um esticador adaptado a um alicate de pressão, o tecido será esticado e fixado no quadro, formando a tela.

3) EMULSIONAMENTO DA TELA

Prepare a emulsão fotográfica (900 ml) sensibilizada com diazo, deposite uma quantidade de emulsão no aplicador (ou calha) e aplique uma camada de emulsão de cada lado da tela, a última aplicação deve ser feita sempre do lado de dentro da tela, empurrando a emulsão p/ o lado de fora da tela. Feita a aplicação, será feita a secagem da emulsão com um secador (secador de cabelos) e o tempo de secagem é de aproximadamente 10 minutos .Durante a aplicação e secagem da emulsão, é importante que o ambiente não receba luz solar , apenas iluminação artificial (branca ou amarela).

4) GRAVAÇÃO E REVELAÇÃO DA TELA:

São utilizadas diversas lâmpadas numa mesa de luz p/ a gravação da tela. No caso de usar uma emulsão de diazo, temos que usar uma luz rica em raios U.V. Temos no mercado alguns tipos de lâmpadas ricas em raios U.V e com de baixo custo, exemplos: lâmpada fluorescente BL 40 watts e lâmpada HQA 400 Watts.

Com a camada de emulsão seca na tela, pode-se fixar a arte final/ fotolito do lado externo da tela com uma fita adesiva transparente. Com o desenho fixado na tela, colocamos a tela sobre o vidro da mesa de luz, de modo que se pressione a tela e o fotolito contra o vidro para que não haja passagem de luz pelas áreas do desenho.

Para determinar o tempo de exposição à luz, tem que se levar em conta alguns aspectos como: espessura da camada de emulsão, tipo de transparência, potência da fonte de luz e tipo de emulsão.

Com isso, é aconselhável começar com o totalmente curada ou revelada.

tempo de 03 minutos, fazer eventuais testes até que a emulsão fique

Após a exposição à luz, retira-se o fotolito e lavamos a tela com água, enxaguando dos dois lados, sendo que o jato mais forte seja sempre do lado de fora da tela, que é a camada mais resistente de emulsão. Assim que as áreas do desenho estiverem totalmente livres de resíduos de emulsão, a tela estará revelada e pode ser seca.

5) PREPARO DA MESA DE SILK E FIXAÇÃO DA CAMISETA

Existem alguns modelos de mesas de silk de baixo custo e que agilizam o processo de estampagem Normalmente são “vestidores” (para camisetas) com uma cantoneira em metal para apoiar a tela e ajustar o desenho na camiseta. Outra opção mais simples é utilizar uma placa de Eucatex (aproximadamente 50 x 60 cm) e encaixar essa placa no meio da camiseta. Definido o tipo de mesa, é aconselhável aplicar com uma espátula a cola permanente sobre o “vestidor”. Após seca, essa cola permanente vai fixar o tecido da camiseta na mesa , evitando que o tecido se mova durante a estampagem causando borrões.

que o tecido se mova durante a estampagem causando borrões. ESTE MATERIAL É PARTE INTEGRANTE DO

ESTE MATERIAL É PARTE INTEGRANTE DO CURSO ONLINE “ARTE DA SERIGRAFIA: CRIE ESTAMPAS MODERNAS PARA SUAS ROUPAS” DA EDUK (WWW.EDUK.COM.BR) CONFORME A LEI Nº 9.610/98, É PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL E PARCIAL OU DIVULGAÇÃO COMERCIAL DESTE MATERIAL SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA E EXPRESSA DO AUTOR (ARTIGO 29)

3

Arte da serigrafia: crie estampas modernas para suas roupas

APOSTILA

6) ESTAMPAGEM DA CAMISETA

Após ajustar a tela sobre a camiseta, será depositada a tinta na tela (tinteiro), em boa quantidade, a tinta que será aplicada no desenho com um rodo. Esse rodo pode ser em poliuretano e tem que ser maior que o desenho para evitar falhas na estampa. Mantenha o rodo numa inclinação de 45º a 60º e, com uma pressão média, aplique de 02 a 04 passadas de forma que a tinta role pela tela e, assim, vá depositando tinta na camiseta. Feita a aplicação da tinta, o próximo passo é secagem, que pode ser feita com um secador de cabelos. No caso de ter mais camisetas a serem estampadas, é importante cobrir levemente a área do desenho com uma camada de tinta. Esse procedimento é importante para evitar que a tinta seque causando entupimentos na área do desenho e falhas na estampa.

7) LIMPEZA DA TELA E REAPROVEITAMENTO DA TELA

Após a estampagem, a tinta que sobrou na tela pode ser removida e retornar ao pote. Sem que a tinta seque, deve ser lavada com água, enxaguando dos dois lados da tela, até remover todo o resíduo de tinta.

Com a tela limpa, podemos remover a emulsão com um decapante (removedor de emulsão). Esse produto pode ser aplicado com um pincel ou esponja nos dois lados da tela molhada com água. Deixe o produto agir por 5 minutos e comece a remover a emulsão com jatos de água.

Com isso, a tela poderá ser utilizada para gravar uma arte nova.

SITES RECOMENDADOS:

http://www.ercamisetas.com.br/

http://escola.genesistintas.com.br/

http://www.genesistintas.com.br/

http://www.reprolux.com.br/

http://www.agabe.com/

BIBLIOGRAFIA:

LENGWILER, Guido. A History of screen printing. 2013.

ESTE MATERIAL É PARTE INTEGRANTE DO CURSO ONLINE “ARTE DA SERIGRAFIA: CRIE ESTAMPAS MODERNAS PARA SUAS ROUPAS” DA EDUK (WWW.EDUK.COM.BR) ONFORME A LEI Nº 9.610/98, É PROIBIDA A REPRODUÇÃO TOTAL E PARCIAL OU DIVULGAÇÃO COMERCIAL DESTE MATERIAL SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA E EXPRESSA DO AUTOR (ARTIGO 29)

TOTAL E PARCIAL OU DIVULGAÇÃO COMERCIAL DESTE MATERIAL SEM AUTORIZAÇÃO PRÉVIA E EXPRESSA DO AUTOR (ARTIGO