Você está na página 1de 3

CÍRCULO DE MOHR

MÉTODO GRÁFICO

Convenção de sinais para as tensões normais:

Compressão: positivo

Tração: negativo

Convenção de sinais para a tensão de cisalhamento: A partir da análise do giro das setinhas horizontais temos:

Sentido horário: positivo

Sentido Anti-horário: negativo

1º Passo: Encontrar o centro do círculo de Mohr

2º Passo: Definir os pontos sobre a circunferência e traçar a circunferência com o compasso:

3º Passo: Encontrar o raio fórmula:

(tensão máxima de cisalhamento) por geometria pela

4º Passo: Encontrar as tensões principais (mínima e máxima)

5º Passo: Encontrar o ângulo por geometria

MÉTODO ANALÍTICO

1º Passo: Determinar as tensões principais

2º Passo: Determinar a orientação dos planos principais

3º Passo: Calcular a tensão de cisalhamento máxima

4º Passo: Determinar a orientação do plano de cisalhamento máximo

5º Passo: Se necessário, calcular as tensões atuantes em um plano inclinado.

QUESTÃO 01. Para cada elemento em estado plano de tensões indicado abaixo, determine pelo método analítico e pelo método gráfico:

1. As tensões no plano principal;

2. A tensão de cisalhamento máximo;

3. A tensão normal quando a tensão de cisalhamento é máxima;

4. A orientação do plano principal;

5. A orientação do plano de cisalhamento máximo;

6. As tensões atuantes sobre um plano inclinado (usar 65,5° quando o ângulo não estiver

especificado)

máximo; 6. As tensões atuantes sobre um plano inclinado (usar 65,5° quando o ângulo não estiver
máximo; 6. As tensões atuantes sobre um plano inclinado (usar 65,5° quando o ângulo não estiver
máximo; 6. As tensões atuantes sobre um plano inclinado (usar 65,5° quando o ângulo não estiver