Você está na página 1de 4

UNIVERSIDADE NOVA DE LISBOA

FACULDADE DE CIÊNCIAS E TECNOLOGIA

ELECTRÓNICA PARA AS ENGENHARIAS BIOMÉDICA E FÍSICA

Problemas de análise de circuitos com Amplificadores-Operacionais

Série elaborada pelo monitor Bruno Esperança


Amplificadores-Operacionais

Problema 1

Assumindo amplificadores-operacionais ideais determine o ganho de tensão vo vi e a


resistência de entrada Rin para cada um dos seguintes circuitos:
100 kΩ 100 kΩ

10 kΩ 10 kΩ
vi - vi -
vo vo
+ +
10 kΩ

a) b)

100 kΩ 100 kΩ

10 kΩ 10 kΩ
vi - vi -
vo vo
10 kΩ + +
10 kΩ

c) d)

100 kΩ

10 kΩ
vi - vi -
vo vo
+ +

e) f)

Problema 2

Desenhe uma montagem inversora para a qual o ganho de tensão é de − 4 V / V e a


resistência total utilizada é 100 kΩ .
Amplificadores-Operacionais

Problema 3

Considere o seguinte circuito:

Desenhe um amplificador com um ganho de tensão de − 50 V / V com a maior


resistência de entrada possível usando apenas resistências inferiores a 10 MΩ . Qual a
resistência de entrada do circuito que dimensionou?

Problema 4

Considere que as resistências do circuito do problema anterior são fabricadas com x%


de tolerância. Qual a tolerância no ganho em malha fechada resultante?
Assuma que o amplificador-operacional é ideal. Se o ganho nominal de tensão é de
− 100 V / V e x = 5 determine o intervalo de valores esperados para o ganho do
circuito.

Problema 5

Desenhe um circuito baseado na montagem não-inversora com um ganho de + 1.5 V / V


usando apenas resistências de 10 kΩ . Note que há duas topologias possíveis. Qual
destas pode ser facilmente convertida para se obter um ganho de + 1.0 V / V ou
+ 2.0 V / V simplesmente curto-circuitando uma resistência em cada caso?
Amplificadores-Operacionais

Problema 6

Considere o seguinte circuito:

Use a sobreposição para determinar vo em função de v1 e v2.


Determine a expressão da tensão de saída para as seguintes tensões de entrada:
v1 = 10 sin (2π × 60t ) − 0.1sin (2π × 1000t ) [V ]
v 2 = 10 sin (2π × 60t ) + 0.1sin (2π × 1000t ) [V ]

Problema 7

Considere a montagem diferencial:

Assuma que R = 100 kΩ + x kΩ . Determine uma expressão do ganho em modo comum


resultante para o pior caso.
Calcule o ganho em modo comum resultante para o pior caso quando x = 0.1, 1 e 5 .