Você está na página 1de 15

FASCÍCULO

2
CIÊNCIAS DA NATUREZA
E SUAS TECNOLOGIAS

CARO ALUNO,
Neste fascículo de Ciências da Natureza e suas Tecnologias, vamos associar intervenções que resultam
em degradação ou conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a instrumentos ou ações
científico-tecnológicos, compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas associadas, entender
métodos e procedimentos próprios das ciências naturais e aplicá-los em diferentes contextos, além de nos
apropriarmos de conhecimentos da química para, em situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
intervenções científico-tecnológicas.
Bom estudo para você!

a) metabolizados por bactérias decompositoras que irão


Professor: João Karllos convertê-los em amônia, que será captada por bactérias
quimiossintetizantes que geram nitrito (NO–2), e nitrato
(NO–3), assimilados então pelos vegetais.
PARA FIXAR b) absorvidos diretamente pelos vegetais que apresentam
micro-organismos simbiontes em nódulos de suas raízes,
para a síntese direta de proteínas e ácidos nucleicos.
c) decompostos por organismos detritívoros em moléculas
menores como a amônia (NH3) e o gás nitrogênio (N2),
Competência 3 assimilados então pelos tecidos vegetais para síntese de
nitrito (NO–2) e nitrato (NO–3).
– Associar intervenções que resultam em degradação ou d) digeridos por fungos e bactérias nitrificantes que
conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a produzem aminoácidos e nucleotídeos, assimilados
instrumentos ou ações científico-tecnológicos. então pelos tecidos vegetais para síntese de proteínas
e ácidos nucleicos.
e) oxidados por cianobactérias fotossintetizantes em
Habilidade 9 nitrito (NO–2) e nitrato (NO–3) que produzem proteínas e
ácidos nucleicos, então absorvidos diretamente pelos
tecidos vegetais.
– Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos ou
do fluxo de energia para a vida, ou da ação de agentes ou
fenômenos que podem causar alterações nesses processos.
Competência 3
Compreendendo a Habilidade
– Associar intervenções que resultam em degradação ou
conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
Essa habilidade relaciona-se aos seguintes assuntos instrumentos ou ações científico-tecnológicos.
da Biologia: Ciclos biogeoquímicos, Cadeias alimentares,
Teias alimentares, Fluxo de energia, Pirâmides ecológicas e
Desequilíbrios ecológicos. Observe que a habilidade destaca
“ Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos ou Habilidade 12
do fluxo de energia...”. Assim, compreendemos que o fluxo
de energia nos ecossistemas também se refere às cadeias – Avaliar impactos em ambientes naturais decorrentes de
alimentares, teias alimentares e pirâmides ecológicas, nas atividades sociais ou econômicas, considerando interesses
quais há também uma passagem de energia de um nível contraditórios.
trófico para outro.

Objeto do Conhecimento Compreendendo a Habilidade


Ciclos biogeoquímicos
Essa habilidade relaciona-se ao seguinte assunto
01. A agricultura convencional usa principalmente a ureia como da Biologia: Desequilíbrios ecológicos. Observe que a
fonte extra de nitrogênio, sendo este fertilizante produzido habilidade destaca “Avaliar impactos em ambientes naturais
em indústrias petroquímicas. Já na agricultura orgânica, decorrentes de atividades sociais ou econômicas...”,
a qual dispensa o consumo de fertilizantes e defensivos assim, compreendemos que se trata do estudo dos
químicos industriais, utiliza-se o esterco animal curtido “Desequilíbrios ecológicos”. Contudo, veja a segunda parte:
como fonte suplementar de nitrogênio. ”... considerando interesses contraditórios”. Entendemos que
Independentemente do tipo de técnica agrícola empregada, a habilidade busca avaliar a contradição existente entre o
tanto o fertilizante petroquímico como o esterco animal, desenvolvimento econômico e social e a proteção ambiental,
quando aplicados no solo, serão pois, geralmente, um vai de encontro ao outro.

enem
2017
Concluímos também que a habilidade trata do tema
Objeto do Conhecimento “Sucessão ecológica”, pois durante esse processo, há
modificações nas relações dos seres vivos com o ambiente.
Problemas ambientais / Poluição da água

02. Uma das maiores catástrofes ambientais já registradas Objeto do Conhecimento


foi o rompimento da barragem da mineradora Samarco. Interações entre os seres vivos
Foram 600 Km de lama e rejeitos, percorridos desde a
Barragem do Fundão até o Oceano Atlântico. Na zona 03. Uma estratégia de sucesso para atrair potenciais
de impacto ambiental, a destruição contribuiu para polinizadores consiste no armazenamento em nectários
mortalidade de peixes, tornando-os impróprios para o de uma solução açucarada denominada de néctar.
consumo, inviabilizando a atividade pesqueira da região. Contudo, várias espécies de plantas também podem
Dentre as causas que contribuem para a mortalidade dos apresentar nectários longe das flores, os chamados
peixes, o processo que explica o ocorrido nos reservatórios “nectários extraflorais”. Essas estruturas podem ser
aquáticos dulcícolas é encontradas em vários locais, como folhas e brotos.
a) o processo de eutrofização, por meio do enriquecimento Durante a sua procura por alimento, formigas se deparam
das águas do rio por matéria orgânica decorrente do com esses nectários, passam a se alimentar do néctar
deslizamento, que foi consumida posteriormente por produzido, a eles retornando repetidamente. Durante
decompositores aeróbicos, levando à anóxia do corpo essa atividade, as formigas acabam patrulhando essas
d’água. plantas e defendendo-as contra potenciais herbívoros,
b) a lixiviação, que representa a remoção dos nutrientes como lagartas e percevejos.
orgânicos superficiais de forma intensa, devido ao Esse tipo de interação entre formigas e plantas com
volume do deslizamento gerado. nectários extraflorais pode ser categorizado como
c) a oxidação de componentes minerais como ferro e o a) epifitismo. d) predação.
manganês, presentes nos rejeitos, que reduziu o volume b) protocooperação. e) parasitismo.
de gás oxigênio para os organismos vivos existentes no rio. c) colonialismo.
d) a bioacumulação por metais pesados, como o cobre e o
vanádio presentes na água, pois o acúmulo de tais metais
se relaciona diretamente com a redução do oxigênio. Professor: Douglas Gomes
e) a maré vermelha, decorrente do aumento populacional
das algas dinoflageladas devido ao volume de nutrientes
trazidos pelo deslizamento. PARA FIXAR

Competência 8
Competência 1
– Apropriar-se de conhecimentos da biologia para, em
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
– Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
intervenções científico-tecnológicas.
associadas como construções humanas, percebendo seus
papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
Habilidade 28 econômico e social da humanidade.

– Associar características adaptativas dos organismos com Habilidade 1


seu modo de vida ou com seus limites de distribuição em
diferentes ambientes, em especial em ambientes brasileiros.
– Reconhecer características ou propriedades de fenômenos
ondulatórios ou oscilatórios, relacionando-os a seus usos em
Compreendendo a Habilidade diferentes contextos.

Essa habilidade relaciona-se aos seguintes assuntos


da Biologia: Fatores bióticos, Fatores abióticos, Relações
Compreendendo a Habilidade
ecológicas, Dinâmica das populações, Sucessão ecológica
e Biomas brasileiros. Observe que a habilidade destaca De acordo com essa primeira área do conhecimento,
“Associar características adaptativas dos organismos com seu as ciências da natureza e as tecnologias a ela associadas
modo de vida ou com seus limites de distribuição em diferentes são construções humanas. Nesse sentido, o cientista deve
ambientes”, assim, compreendemos a preocupação com as observar a natureza e construir relações entre as grandezas
relações adaptativas dos seres vivos entre si e destes com o observadas, buscando construir leis e modelos (paradigmas)
meio ambiente. Por isso, essa habilidade enfatiza assuntos que consigam explicar corretamente essas observações.
ecológicos que abordam as relações entre os organismos das Nesse item, buscou-se relacionar as propriedades das ondas
comunidades e as relações dos mesmos com o meio abiótico. sonoras às sensações fisiológicas.

2 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


Considerando que as torres e o celular são puntiformes
Objeto do Conhecimento e que estão sobre um mesmo plano, qual o número
mínimo de torres necessárias para se localizar a posição
Ondas do telefone celular que originou a ligação?
04. (Enem/2015) Ao ouvir uma flauta e um piano emitindo a) Uma. d) Quatro.
a mesma nota musical, consegue-se diferenciar esses b) Duas. e) Cinco.
instrumentos um do outro. c) Três.
Essa diferenciação se deve principalmente ao(à)
a) intensidade sonora do som de cada instrumento musical.
b) potência sonora do som emitido pelos diferentes Competência 1
instrumentos musicais.
c) diferente velocidade de propagação do som emitido – Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
por cada instrumento musical. associadas como construções humanas, percebendo seus
d) timbre do som, que faz com que os formatos das papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
ondas de cada instrumento sejam diferentes. econômico e social da humanidade.
e) altura do som, que possui diferentes frequências para
diferentes instrumentos musicais.

Habilidade 3
Competência 1
– Confrontar interpretações científicas com interpretações
– Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas baseadas no senso comum, ao longo do tempo ou em
associadas como construções humanas, percebendo seus diferentes culturas.
papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
econômico e social da humanidade.
Compreendendo a Habilidade
Habilidade 2
Uma vez que a ciência é uma construção humana, é
– Associar a solução de problemas de comunicação, transporte, inevitável a influência de fatores subjetivos na construção de
saúde ou outro com o correspondente desenvolvimento modelos explicativos para os fenômenos que se observam no
científico e tecnológico. cotidiano. Nós, ao interagirmos com o mundo ao nosso redor,
construímos nossas próprias representações desse mundo. Caso
não adotemos alguma metodologia científica, o conhecimento
Compreendendo a Habilidade que construímos passa a integrar o “nosso bom senso” que, se
for compartilhado, integrará o “senso comum”.
O estudante, para resolver esse problema, deverá O Enem busca avaliar se o estudante é capaz de
apresentar a habilidade de associar a solução do problema de confrontar esse tipo de interpretação com as interpretações
localização do aparelho celular com o estudo do movimento científicas.
uniforme das ondas emitidas por fontes puntiformes.
Objeto do Conhecimento
Objeto do Conhecimento Princípio de Arquimedes
Ondas e Movimento
06. (Enem/2015) Sabe-se que nas proximidades dos polos do
05. (Enem/2015) Para obter a posição de um telefone celular, a
planeta Terra é comum a formação dos icebergs, que são
policia baseia-se em informações do tempo de resposta do
grandes blocos de gelo, flutuando nas águas oceânicas.
aparelho em relação às torres de celular da região de onde
Estudos mostram que a parte de gelo que fica emersa
se originou a ligação. Em uma região, um aparelho está na
durante a flutuação corresponde a aproximadamente
área de cobertura de cinco torres, conforme o esquema.
10% do seu volume total. Um estudante resolveu simular
essa situação introduzindo um bloquinho de gelo no
interior de um recipiente contendo água, observando a
variação de seu nível desde o instante de introdução até
o completo derretimento do bloquinho.
Com base nessa simulação, verifica-se que o nível da
água no recipiente
a) subirá com a introdução do bloquinho de gelo e, após o
derretimento total do gelo, esse nível subirá ainda mais.
b) subirá com a introdução do bloquinho de gelo e,
após o derretimento total do gelo, esse nível descerá,
voltando ao seu valor inicial.

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 3


c) subirá com a introdução do bloquinho de gelo e, após Energia
o derretimento total do gelo, esse nível permanecerá
sem alteração.
d) não sofrerá alteração com a introdução do bloquinho de Bio-óleo + O2(g)
gelo, porém, após seu derretimento, o nível subirá devido
a um aumento em torno de 10% no volume de água.
e) subirá em tomo de 90% do seu valor inicial com a
introdução do bloquinho de gelo e, após seu derretimento,
o nível descerá apenas 10% do valor inicial.
∆H1 = –18,8 kJ/g

Professor: Antonino Fontenelle


CO2(g) + H2O(g)

PARA FIXAR ∆H2 = –2,4 kJ/g

CO2(g) + H2O()
Competência 3
– Associar intervenções que resultam em degradação ou
conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
instrumentos ou ações científico-tecnológicos. A variação de entalpia, em kJ, para a queima de 5 g desse
bio-óleo resultando em CO2 (gasoso) e H2O (gasoso) é
a) – 106
Habilidade 8 b) – 94
c) – 82
– Identificar etapas em processos de obtenção, transformação, d) – 21,2
utilização ou reciclagem de recursos naturais, energéticos e) – 16,4
ou matérias-primas, considerando processos biológicos,
químicos ou físicos neles envolvidos.

Competência 5
Compreendendo a Habilidade
– Entender métodos e procedimentos próprios das ciências
Essa habilidade se aplica aos problemas que citam e naturais e aplicá-los em diferentes contextos.
identificam etapas, visando obter, utilizar ou reciclar recursos
naturais ou industriais, seja através de processos químicos
(ou biológicos) ou, ainda, físicos. Habilidade 17
Pode envolver questões que abordam desde separação
de misturas ou funções inorgânicas até de físico-química,
como a eletroquímica e a termoquímica. – Relacionar informações apresentadas em diferentes formas
de linguagem e representação usadas nas ciências físicas,
químicas ou biológicas, como texto discursivo, gráficos,
Objeto do Conhecimento tabelas, relações matemáticas ou linguagem simbólica.

Transformações químicas e energia –


Transformações químicas e energia calorífica.
Calor de reação. Entalpia. Equações termoquímicas. Compreendendo a Habilidade
Lei de Hess.
Essa habilidade se refere aos problemas em
07. (Enem/2015) O aproveitamento de resíduos florestais vem que, não envolvendo apenas a disciplina de Química,
se tornando cada dia mais atrativo, pois eles são uma a análise é realizada mediante um texto, gráficos,
fonte renovável de energia. A figura representa a queima tabelas, relações matemáticas ou linguagem simbólica.
de um bio-óleo extraído do resíduo de madeira, sendo Esse último tópico pode estar relacionado à interpretação
DH1 a variação de entalpia devido à queima de 1 g desse de equações e estruturas, enquanto que a linguagem
matemática se refere aos problemas de cálculos químicos
bio-óleo, resultando em gás carbônico e água líquida, e e estequiométricos, bem como outros cálculos que
DH2, a variação de entalpia envolvida na conversão de 1 g possam ser inseridos nesse contexto, como soluções,
de água no estado gasoso para o estado líquido. termoquímica, cinética química ou equilíbrio químico.

4 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


Objeto do Conhecimento Objeto do Conhecimento
Água – Sistemas em solução aquosa: Soluções Transformações químicas e energia –
verdadeiras, soluções coloidais e suspensões. Transformações químicas e energia elétrica.
Solubilidade. Concentração das soluções. Reação de oxirredução. Potenciais padrão de
redução. Pilha. Eletrólise. Leis de Faraday.
08. (Enem/2014) A utilização de processos de biorremediação
de resíduos gerados pela combustão incompleta de 09. (Enem/2015) Alimentos em conserva são frequentemente
compostos orgânicos tem se tornado crescente, visando armazenados em latas metálicas seladas, fabricadas com
minimizar a poluição ambiental. Para a ocorrência de um material chamado folha de flandres, que consiste de
resíduos de naftaleno, algumas legislações limitam sua uma chapa de aço revestida com uma fina camada de
concentração em até 30 mg/kg para solo agrícola e estanho, metal brilhante e de difícil oxidação. É comum
0,14 mg/L para água subterrânea. A quantificação desse que a superfície interna seja ainda revestida por uma
resíduo foi realizada em diferentes ambientes, utilizando-se camada de verniz à base de epóxi, embora também
amostras de 500 g de solo e 100 mL de água, conforme existam latas sem esse revestimento, apresentando uma
apresentado no quadro. camada de estanho mais espessa.
SANTANA. V. M. S. A leitura e a química das substâncias. Cadernos PDE.
Ivaiporã Secretaria de Estado da Educação do Paraná (SEED);
Ambiente Resíduo de naftaleno (g) Universidade Estadual de Londrina, 2010. Adaptado.
Solo I 1,0 · 10–2
Comprar uma lata de conserva amassada no supermercado
Solo II 2,0 · 10–2 é desaconselhável porque o amassado pode
Água I 7,0 · 10–6 a) alterar a pressão no interior da lata, promovendo a
degradação acelerada do alimento.
Água II 8,0 · 10–6
b) romper a camada de estanho, permitindo a corrosão do
Água III 9,0 · 10–6 ferro e alterações do alimento.
c) prejudicar o apelo visual da embalagem, apesar de não
O ambiente que necessita de biorremediação é o(a) afetar as propriedades do alimento.
a) solo I. d) romper a camada de verniz, fazendo com que o metal
b) solo II. tóxico estanho contamine o alimento.
c) água I. e) desprender camadas de verniz, que se dissolverão no
d) água II. meio aquoso, contaminando o alimento.
e) água III.

EXERCÍCIOS PROPOSTOS
Competência 7
– Apropriar-se de conhecimentos da química para, em
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
Competência 3
intervenções científico-tecnológicas.
– Associar intervenções que resultam em degradação ou
conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
Habilidade 25 instrumentos ou ações científico-tecnológicos.

– Caracterizar materiais ou substâncias, identificando Habilidade 9


etapas, rendimentos ou implicações biológicas, sociais,
econômicas ou ambientais de sua obtenção ou produção.
– Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos ou
do fluxo de energia para a vida, ou da ação de agentes ou
fenômenos que podem causar alterações nesses processos.
Compreendendo a Habilidade
Essa habilidade aborda as questões que, enfatizando Objeto do Conhecimento
a formação de produtos, procura caracterizar as etapas, Fluxo de energia no ecossistema
os rendimentos ou as consequências socioambientais
(ou econômicas). Dessa forma, questões que envolvem etapas 01. O fluxo de energia nos ecossistemas inicia-se com
de tratamento de água ou resíduos, cálculos estequiométricos a captação da radiação solar pelos produtores
com rendimento e consequências de processos industriais, (autótrofos fotossintetizantes), segue em direção aos
como a poluição e degradação de materiais, estão entre as consumidores (animais e protozoários) e, por último,
mais frequentes. alcança os decompositores (bactérias e fungos).

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 5


Em relação a esse fluxo de energia na biosfera, considere
que
Competência 3
– K representa a energia captada pelos produtores;
– T representa a energia liberada (perdida) pelos seres vivos; – Associar intervenções que resultam em degradação ou
– M representa a energia retida (incorporada) pelos seres conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
vivos. instrumentos ou ações científico-tecnológicos.

A relação entre K, T e M na biosfera está representada em


a) K < T < M d) K = T + M Habilidade 12
b) K < M < T e) K + M = T
c) K = T = M
– Avaliar impactos em ambientes naturais decorrentes de
atividades sociais ou econômicas, considerando interesses
Competência 3 contraditórios.

– Associar intervenções que resultam em degradação ou Objeto do Conhecimento


conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a Problemas ambientais / Desmatamento
instrumentos ou ações científico-tecnológicos.
03. Sabe-se que tanto o desflorestamento quanto o
reflorestamento podem determinar um aumento na
Habilidade 9 quantidade de micro-organismos. Por exemplo, na
medida em que se destrói o ambiente natural de insetos
– Compreender a importância dos ciclos biogeoquímicos ou transmissores de doenças, que em seu meio picariam apenas
do fluxo de energia para a vida, ou da ação de agentes ou animais silvestres, eles se adaptam ao ambiente humano,
fenômenos que podem causar alterações nesses processos. fazendo deles e de seus animais de estimação as suas
principais vítimas. Esses fenômenos têm sido observados
no Brasil. Temos sido testemunhas do incremento de
Objeto do Conhecimento doenças causadas por micro-organismos como os arbovírus
(vírus transmitido por insetos) da febre amarela e da
A comunidade biológica dengue e como protozoários causadores da leishmaniose
e da malária, dentre outros.
02. Leia o texto a seguir: Adaptado de: http://www.cdcc.sc.usp.br/ciencia/artigos/art_39/docs/

Em Pernambuco, uma pesquisa realizada por Baseado no texto, podemos inferir que
cientistas do Projeto Conservação Recifal, revelou que os a) o desflorestamento inaltera o tamanho das populações
habitats artificiais estuarinos, como ancoradouros e pontes, e a biodiversidade.
abrigam diferentes populações de peixes em comparação b) as doenças citadas no texto têm suas frequências
com habitats naturais, como raízes de mangues, localizadas diminuídas.
no mesmo estuário. Além disso, a estrutura trófica das c) reflorestamento e desflorestamento promovem o
comunidades de peixes nos habitats artificiais estuarinos desequilíbrio ecológico.
se assemelha aos recifes de corais adjacentes, em mar d) a alteração ambiental gera uma relação intraespecífica
aberto. Raízes de mangue eram habitadas principalmente dos insetos com os arbovírus.
por carnívoros juvenis, enquanto o habitat artificial era, e) ocorre aumento no predatismo do vírus da dengue e
em sua maioria, habitado por comedores de invertebrados da febre amarela.
sésseis e herbívoros errantes.

Nesse estudo, é claramente constatado que


a) habitats artificiais e raízes de mangue são abrigos Competência 3
principalmente para espécies juvenis de consumidores
primários e secundários. – Associar intervenções que resultam em degradação ou
b) habitats artificiais garantem condições para abrigar conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
majoritariamente peixes de níveis tróficos superiores. instrumentos ou ações científico-tecnológicos.
c) habitats naturais possuem apenas componentes
estruturais heterotróficos, não ocorrendo representantes
fotossintetizantes.
d) recifes de corais possuem espécies de peixes Habilidade 12
predominantemente de nível trófico primário.
e) manguezais possuem espécies de peixes juvenis – Avaliar impactos em ambientes naturais decorrentes de
carnívoros que se abrigam nas raízes, como forma de atividades sociais ou econômicas, considerando interesses
proteção e acesso a presas. contraditórios.

6 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


gramíneas

Objeto do Conhecimento capivara

capacidade de suporte
onça
Problemas ambientais: do solo

04. O ano de 2010 foi marcado por alto índice de queimadas


em vários estados brasileiros. Particularmente na
região Centro-Oeste, elas ocorreram não apenas em tempo
áreas particulares, mas também em áreas públicas de
preservação ambiental como, por exemplo, no Parque Considerando o modelo descrito e o exemplo
Estadual das Emas, Parque Estadual da Serra dos apresentado, é correto afirmar que a extinção local da
Pirineus, Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros população de onças está relacionada à
e Parque Ecológico Altamiro de Moura Pacheco. a) emigração da população de capivaras para outro local.
Uma consequência socioambiental, a curto prazo, b) redução da população de gramíneas.
desse tipo de impacto é c) presença de outros predadores no local.
a) a destruição da camada de ozônio, com aumento da d) ausência de outros herbívoros no local.
incidência de raios ultravioleta e de câncer de pele. e) extinção local da população de capivaras.
b) a redução da umidade relativa do ar, elevando a
incidência de doenças das vias respiratórias. Competência 8
c) o controle de espécies vegetais invasoras de pastagens,
reduzindo gastos no manejo agropecuário.
d) o acúmulo de matéria orgânica no solo, melhorando – Apropriar-se de conhecimentos da biologia para, em
sua fertilidade. situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
e) a transferência de água subterrânea para alimentar rios intervenções científico-tecnológicas.
temporários, aumentando a fauna aquática local.
Habilidade 28
– Associar características adaptativas dos organismos com
Competência 8 seu modo de vida ou com seus limites de distribuição em
diferentes ambientes, em especial em ambientes brasileiros.
– Apropriar-se de conhecimentos da biologia para, em
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar Objeto do Conhecimento
intervenções científico-tecnológicas. Biomas brasileiros
06. Variações pluviométricas ocorrem conforme as
e s t a ç õ e s d o a n o e m v á r i a s re g i õ e s d o B r a s i l .
Habilidade 28 Os gráficos a seguir mostram os índices pluviométricos
e as temperaturas em algumas cidades localizadas em
biomas típicos do nosso país.
– Associar características adaptativas dos organismos com mm mm Curitiba – PR
Goiânia – GO ºC ºC
seu modo de vida ou com seus limites de distribuição em Cerrado Floresta de Araucárias
300 30 250 25
diferentes ambientes, em especial em ambientes brasileiros.
250 25 200 20
200 20
150 15
150 15
100 10
100 10

Objeto do Conhecimento 50 5 50 5

0 0 0 0
Dinâmica de populações Jan Mar Mai Jul Set Nov Jan Mar Mai Jul Set Nov

mm ºC mm ºC

05. Na tentativa de compreender a origem dos ciclos mm Bagé – RS ºC mm Caxias – MA ºC


Pampa Floresta de Cocais
populacionais, Alfred J. Lotka e o biólogo Vito Volterra 300 30 350 30
desenvolveram, independentemente, as primeiras 250 25 300 25
descrições matemáticas das interações predador-presa 200 20
250
20
200
durante os anos 1920. O modelo Lotka-Volterra previu 150 15
150
15

oscilações na abundância de populações de predadores e 100 10


100
10
50 5 5
presas. Em sua forma original, o modelo considera que a 50
0 0 0 0
única fonte de alimento utilizada pela espécie predadora Jan Mar Mai Jul Set Nov Jan Mar Mai Jul Set Nov

é a população da presa, e que não há competição mm ºC mm ºC

intraespecífica. Um exemplo desse tipo de interação AMABIS, José M.; MARTHO, Gilberto R. 3. ed.
entre populações é mostrado a seguir. São Paulo: Moderna, 2010. p. 308-315 v. 3. Adaptado.

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 7


Com base na análise dos dados constantes nos gráficos c) numa região, sob as mesmas condições climáticas
anteriores e nos conhecimentos acerca dos biomas típicos gerais, se estabelecem espécies pioneiras que impedem
do Brasil, podemos afirmar que o desenvolvimento de novas espécies.
a) nas quatro regiões, os índices pluviométricos não d) durante o processo de evolução de uma comunidade,
apresentam grandes variações ao longo do ano. ou sucessão ecológica, observa-se o aumento de
b) Bagé apresenta a distribuição pluviométrica mais complexidade das cadeias alimentares.
irregular durante o ano. e) o processo de sucessão ecológica termina quando se
c) nas quatro regiões, os meses com os maiores índices estabelece na região uma comunidade de espécies
pluviométricos são aqueles em que ocorrem as pioneiras.
temperaturas mais baixas.
d) no bioma com o maior índice pluviométrico em um
único mês, as monocotiledôneas de grande porte são Competência 1
seus exemplares típicos.
e) as plantas da região de Goiânia devem apresentar
adaptações para períodos de chuva e para sobreviverem – Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
às enchentes, comuns nessa área. associadas como construções humanas, percebendo seus
papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
econômico e social da humanidade.
Competência 8
– Apropriar-se de conhecimentos da biologia para, em Habilidade 1
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
intervenções científico-tecnológicas. – Reconhecer características ou propriedades de fenômenos
ondulatórios ou oscilatórios, relacionando-os a seus usos em
Habilidade 28 diferentes contextos.

– Associar características adaptativas dos organismos com Objeto do Conhecimento


seu modo de vida ou com seus limites de distribuição em Ondas
diferentes ambientes, em especial em ambientes brasileiros.

08. (Enem/2015) Certos tipos de superfícies na natureza


Objeto do Conhecimento podem refletir luz de forma a gerar um efeito de arco-íris.
Sucessão e comunidade clímax Essa característica é conhecida como iridescência
e ocorre por causa do fenômeno da interferência de
07.
película fina. A figura ilustra o esquema de uma fina
Existem regiões da Terra que não favorecem a
camada iridescente de óleo sobre uma poça d’água. Parte
vida de seres vivos, devido ao clima e às condições do
solo. No entanto, essas regiões podem ser eventualmente do feixe de luz branca incidente 1 reflete na interface
colonizadas por certas espécies genericamente ar/óleo e sofre inversão de fase 2 , o que equivale a uma
denominadas espécies pioneiras, que conseguem se mudança de meio comprimento de onda. A parte refratada
instalar e suportar as severas condições desses ambientes.
do feixe 3 incide na interface óleo/água e sofre reflexão
Essa colonização vai modificando progressivamente
o ambiente, pois haverá acúmulo de material orgânico no sem inversão de fase 4 . O observador indicado enxergará
solo, aumentando a quantidade de nutrientes disponíveis aquela região do filme com coloração equivalente
e permitindo que ocorra maior retenção de água. As novas à do comprimento de onda que sofre interferência
espécies que chegam competem com as pioneiras e vão completamente construtiva entre os raios 2 e 5 , mas
gradativamente substituindo-as. essa condição só é possível para uma espessura mínima da
As sucessivas gerações de plantas e animais que
película. Considere que o caminho percorrido em 3 e 4
nascem, crescem, morrem e se decompõem tornam o
solo cada vez mais rico em matéria orgânica e umidade. corresponde ao dobro da espessura E da película de óleo.
Esse processo complexo, em que há mudança das
comunidades ao longo do tempo, é denominado
Esses raios produzem a
sucessão ecológica e a comunidade estável formada é interferência observada
1 2
conhecida como comunidade clímax.
5
Sobre o processo descrito no texto, pode-se inferir que
interface ar/óleo
a) os organismos que se sucedem não influenciam o
camada fina de óleo 3 4 E
ambiente que os rodeia, de modo que esse se torna
cada vez mais inadequado aos seres vivos. água
b) quando se atinge um estágio de estabilidade em uma
sucessão, a comunidade formada apresenta apenas Disponível em: <http://2011.igem.org.>
seres vivos produtores de matéria orgânica. Acesso em: 18 nov. 2014. Adaptado.

8 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


Expressa em termos do comprimento de onda (l), a
espessura mínima é igual a
Competência 1
λ
a)
4
– Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
λ associadas como construções humanas, percebendo seus
b)
2 papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
econômico e social da humanidade.

c)
4
d) l Habilidade 2
e) 2l
– Associar a solução de problemas de comunicação, transporte,
saúde ou outro com o correspondente desenvolvimento
científico e tecnológico.
Competência 1
– Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas Objeto do Conhecimento
associadas como construções humanas, percebendo seus O movimento, o equilíbrio e a descoberta de
papéis nos processos de produção e no desenvolvimento leis físicas.
econômico e social da humanidade.

10. (Enem/2013) Para oferecer acessibilidade aos portadores


de dificuldades de locomoção, é utilizado, em ônibus e
Habilidade 1 automóveis, o elevador hidráulico. Nesse dispositivo é
usada uma bomba elétrica, para forçar um fluido a passar
– Reconhecer características ou propriedades de fenômenos de uma tubulação estreita para outra mais larga, e dessa
ondulatórios ou oscilatórios, relacionando-os a seus usos em forma acionar um pistão que movimenta a plataforma.
diferentes contextos. Considere um elevador hidráulico cuja área da cabeça do
pistão seja cinco vezes maior do que a área da tubulação
que sai da bomba. Desprezando o atrito e considerando
Objeto do Conhecimento uma aceleração gravitacional de 10 m/s2, deseja-se elevar
uma pessoa de 65 kg em uma cadeira de rodas de 15 kg
Ondas
sobre a plataforma de 20 kg.

09. (Enem/2015) Será que uma miragem ajudou a afundar Qual deve ser a força exercida pelo motor da bomba
o T itanic? O fenômeno ótico conhecido como sobre o fluido, para que o cadeirante seja elevado com
Fata Morgana pode fazer com que uma falsa parede velocidade constante?
de água apareça sobre o horizonte molhado. Quando a) 20 N
as condições são favoráveis, a luz refletida pela água b) 100 N
fria pode ser desviada por uma camada incomum de c) 200 N
ar quente acima, chegando até o observador, vinda de d) 1 000 N
muitos ângulos diferentes. De acordo co m e s t udos e) 5 000 N
de pe squisa d o re s d a U n i v e rs i d a d e de San Diego,
uma Fata Morgana pode ter obscurecido os icebergs
da visão da tripulação que estava a bordo do Competência 1
Titanic. Dessa forma, a certa distância, o horizonte
verdadeiro fica encoberto por uma névoa escurecida,
que se parece muito com águas calmas no escuro. – Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
associadas como construções humanas, percebendo seus
Disponível em: <http://apod.nasa.gov.>
Acesso em: 6 set. 2012. Adaptado. papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
econômico e social da humanidade.

O fenômeno ótico que, segundo os pesquisadores, provoca


a Fata Morgana é a Habilidade 2
a) ressonância.
b) refração.
c) difração. – Associar a solução de problemas de comunicação, transporte,
d) reflexão. saúde ou outro com o correspondente desenvolvimento
e) difusão. científico e tecnológico.

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 9


Objeto do Conhecimento Competência 1
O movimento, o equilíbrio e a descoberta de
leis físicas. – Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
associadas como construções humanas, percebendo seus
11. (Enem/2012) Os freios ABS são uma importante medida de papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
segurança no trânsito, os quais funcionam para impedir o econômico e social da humanidade.
travamento das rodas do carro quando o sistema de freios
é acionado, liberando as rodas quando estão no limiar Habilidade 2
do deslizamento. Quando as rodas travam, a força de
frenagem é governada pelo atrito cinético.
As representações esquemáticas da força de atrito fat – Associar a solução de problemas de comunicação, transporte,
entre os pneus e a pista, em função da pressão p aplicada saúde ou outro com o correspondente desenvolvimento
no pedal de freio, para carros sem ABS e com ABS, científico e tecnológico.
respectivamente, são:
a) f fat Objeto do Conhecimento
at
Energia, trabalho e potência
12. (PUC-PR)
O setor agropecuário, nos últimos anos, vem passando
por grandes transformações. Atualmente, as propriedades rurais
são dotadas de um bom nível de conforto, o que anteriormente
p p era privilégio somente dos habitantes urbanos. Sem dúvida, a
energia elétrica é a principal responsável por essa modernização.
b) f Ela permite desde a implantação de motores elétricos, que
at
fat aumentam a capacidade produtiva da fazenda, até uma
iluminação eficiente, bem como a utilização de aparelhos
de comunicação, como rádio, telefone, TV e vários outros,
proporcionando melhor qualidade de vida e reduzindo o
êxodo rural.
Dessa maneira, a construção de usinas de pequeno
p p porte pode ser uma alternativa para o fornecimento de
energia elétrica para pequenas propriedades rurais.
Em granjas, por exemplo, é comum a utilização de
c) f fat chocadeiras de ovos. Uma chocadeira de ovos comum necessita
at
de quatro lâmpadas de 40 W – 120 V para aquecer o ambiente
interno. Essas lâmpadas devem ficar ligadas 24 horas.
Usina Capacidade de geração por dia

Eólica 60 kWh

Hidroelétrica 24 kW
p p
Térmica 20 kW

Fotovoltaica
1,5 kWh
d) f fat (Energia radiante em elétrica)
at
De acordo com o texto, assinale a alternativa correta.
a) Utilizando-se a usina hidroelétrica e supondo que
as lâmpadas da chocadeira estão associadas em
paralelo, é possível fornecer energia elétrica para
150 chocadeiras por dia.
p p b) Na tabela anterior, a capacidade de geração está relacionada
à potência elétrica gerada em cada tipo de usina.
c) Na usina eólica, a energia é do tipo não renovável.
e) f d) Supondo que a tensão permaneça constante na
at fat
associação das lâmpadas da chocadeira, a potência
total será a mesma independente de a ligação ser em
série ou em paralelo.
e) Supondo que a tensão elétrica obtida gerada a partir
de painéis fotovoltaicos seja contínua e igual a 220 V,
se ligarmos as lâmpadas da chocadeira em série,
p p nesta tensão elas funcionarão normalmente.

10 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


d) Minha esposa está errada, pois a sacola ficou mais
Competência 1 pesada do que a da semana passada e eu estou
fazendo mais força para suportá-la.
e) Minha esposa está certa, pois estou fazendo menos
– Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas força para suportar a sacola porque houve redução
associadas como construções humanas, percebendo seus de massa.
papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
econômico e social da humanidade.
Competência 1
Habilidade 3 – Compreender as ciências naturais e as tecnologias a elas
associadas como construções humanas, percebendo seus
– Confrontar interpretações científicas com interpretações papéis nos processos de produção e no desenvolvimento
baseadas no senso comum, ao longo do tempo ou em econômico e social da humanidade.
diferentes culturas.

Habilidade 3
Objeto do Conhecimento
O movimento, o equilíbrio e a descoberta de – Confrontar interpretações científicas com interpretações
leis físicas. baseadas no senso comum, ao longo do tempo ou em
diferentes culturas.
13. (Acafe) Um homem foi ao mercado comprar 2 kg de
arroz, 1 kg de feijão e 2 kg de açúcar. Quando saiu
do caixa utilizou uma barra de PVC para facilitar no Objeto do Conhecimento
transporte da sacola (figura 1). Quando chegou em O movimento, o equilíbrio e a descoberta de
casa reclamou para a mulher que ficou cansado, pois
leis físicas.
a sacola estava pesada. Tentando ajudar o marido,
a esposa comentou que ele deveria na próxima vez
trazer a sacola com as alças nas extremidades da 14. (Enem/2014) Para entender os movimentos dos
barra de PVC (figura 2), pois assim faria menos força. corpos, Galileu discutiu o movimento de uma esfera
Na semana seguinte, o homem foi ao mercado e de metal em dois planos inclinados sem atritos e
comprou os mesmos produtos e carregou a sacola com a possibilidade de se alterarem os ângulos de
como a esposa havia aconselhado. inclinação, conforme mostra a figura. Na descrição do
experimento, quando a esfera de metal é abandonada
para descer um plano inclinado de um determinado
nível, ela sempre atinge, no plano ascendente, no
máximo, um nível igual àquele em que foi abandonada.

Nível de abandono
da esfera

Ângulo do plano de Ângulo do plano de


subida descida

Figura 1 Figura 2 Galileu e o plano inclinado. Disponível em: www.fisica.ufpb.br.


Acesso em: 21 ago. 2012. Adaptado.

Se o ângulo de inclinação do plano de subida for


reduzido a zero, a esfera
A alternativa correta sobre a conclusão do homem é: a) manterá sua velocidade constante, pois o impulso
a) Minha esposa está certa, pois a sacola continua com resultante sobre ela será nulo.
o mesmo peso da semana passada, no entanto, eu b) manterá sua velocidade constante, pois o impulso da
estou fazendo menos força para suportá-la. descida continuará a empurrá-la.
b) Minha esposa está errada, pois a sacola continua com c) diminuirá gradativamente a sua velocidade, pois não
o mesmo peso da semana passada e eu continuo haverá mais impulso para empurrá-la.
fazendo a mesma força para suportá-la. d) diminuirá gradativamente a sua velocidade, pois o
c) Minha esposa está certa, pois estou fazendo impulso resultante será contrário ao seu movimento.
menos força para suportar a sacola porque ela e) aumentará gradativamente a sua velocidade, pois não
ficou mais leve. haverá nenhum impulso contrário ao seu movimento.

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 11


Competência 3 Competência 3
– Associar intervenções que resultam em degradação ou – Associar intervenções que resultam em degradação ou
conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a conservação ambiental a processos produtivos e sociais e a
instrumentos ou ações científico-tecnológicos. instrumentos ou ações científico-tecnológicos.

Habilidade 8 Habilidade 8
– Identificar etapas em processos de obtenção, transformação, – Identificar etapas em processos de obtenção, transformação,
utilização ou reciclagem de recursos naturais, energéticos utilização ou reciclagem de recursos naturais, energéticos
ou matérias-primas, considerando processos biológicos, ou matérias-primas, considerando processos biológicos,
químicos ou físicos neles envolvidos. químicos ou físicos neles envolvidos.

Objeto do Conhecimento Objeto do Conhecimento


Transformações químicas e energia – Compostos de carbono – Características
Transformações químicas e energia elétrica. gerais dos compostos orgânicos. Principais
Reação de oxirredução. Potenciais padrão de funções orgânicas. Estrutura e propriedades
redução. Pilha. de hidrocarbonetos. Estrutura e propriedades
de compostos orgânicos oxigenados.
15. (Enem/2012) O boato de que os lacres das latas de
alumínio teriam um alto valor comercial levou muitas Fermentação. Estrutura e propriedades de
pessoas a juntarem esse material na expectativa de compostos orgânicos nitrogenados.
ganhar dinheiro com sua venda. As empresas fabricantes
de alumínio esclarecem que isso não passa de uma 16. (Enem/2011) Moradores sobreviventes da tragédia
“lenda urbana”, pois ao retirar o anel da lata, dificulta-se que destruiu aproximadamente 60 casas no Morro do
a reciclagem do alumínio. Como a liga do qual é feito Bumba, na Zona Norte de Niterói (RJ), ainda defendem
o anel contém alto teor de magnésio, se ele não estiver a hipótese de o deslizamento ter sido causado por uma
junto com a lata, fica mais fácil ocorrer a oxidação do explosão provocada por gás metano, visto que esse
alumínio no forno. A tabela apresenta as semirreações e os local foi um lixão entre os anos 1960 e 1980.
valores de potencial padrão de redução de alguns metais: Jornal Web. Disponível em: <http://www.ojornalweb.com.>
Acesso em: 12 abr. 2010. Adaptado.
Semirreação Potencial Padrão de Redução (V)
O gás mencionado no texto é produzido
Li+ + e– → Li –3,05
a) como subproduto da respiração aeróbia bacteriana.
K+ + e– → K –2,93 b) pela degradação anaeróbia de matéria orgânica por
Mg2+ + 2e– → Mg –2,36 bactérias.
c) como produto da fotossíntese de organismos
A + 3e → A
3+ –
–1,66
pluricelulares autotróficos.
Zn2+ + 2e– → Zn –0,76 d) pela transformação química do gás carbônico em
Cu + 2e → Cu
2+ –
+0,34 condições anaeróbias.
Disponível em: <www.sucatas.com.>
e) pela conversão, por oxidação química, do gás carbônico
Acesso em: 28 fev. 2012. Adaptado. sob condições aeróbias.

Com base no texto e na tabela, que metais poderiam


entrar na composição do anel das latas com a mesma
função do magnésio, ou seja, proteger o alumínio da
Competência 5
oxidação nos fornos e não deixar diminuir o rendimento
da sua reciclagem? – Entender métodos e procedimentos próprios das ciências
a) Somente o lítio, pois ele possui o menor potencial de naturais e aplicá-los em diferentes contextos.
redução.
b) Somente o cobre, pois ele possui o maior potencial de
redução.
c) Somente o potássio, pois ele possui potencial de
Habilidade 17
redução mais próximo do magnésio.
d) Somente o cobre e o zinco, pois eles sofrem oxidação – Relacionar informações apresentadas em diferentes formas
mais facilmente que o alumínio. de linguagem e representação usadas nas ciências físicas,
e) Somente o lítio e o potássio, pois seus potenciais de químicas ou biológicas, como texto discursivo, gráficos,
redução são menores do que o do alumínio. tabelas, relações matemáticas ou linguagem simbólica.

12 Ciências da Natureza e suas Tecnologias


Objeto do Conhecimento Objeto do Conhecimento
Dinâmica das transformações químicas Transformações químicas e energia –
– Transformações químicas e velocidade. Transformações químicas e energia calorífica.
Velocidade de reação. Energia de ativação. Calor de reação. Entalpia. Equações termoquímicas.
Fatores que alteram a velocidade de reação:
concentração, pressão, temperatura e catalisador. 18. O esquema representa um calorímetro utilizado para a
determinação do valor energético dos alimentos.
17. A velocidade instantânea de uma reação química
pode ser expressa em função das concentrações dos agitador
reagentes e de uma constante. Uma importante reação
do ponto de vista ambiental é aquela que mostra a
terminais elétricos para
síntese do gás dióxido de nitrogênio (NO2), após a reação + - ignição da amostra
do gás NO (óxido nítrico) resultante dos processos de
combustão em altas temperaturas, como a queima termômetro
da gasolina em motores de carros, com oxigênio (O2).
A reação química descrita é: 2 NO(g) + O2(g) → 2 NO2(g).
Matematicamente, sua velocidade instantânea (v) recipiente
termicamente isolado
pode ser expressa por: v = k · [NO]x · [O2]y, em que k
é a constante de velocidade, [NO] e [O2] representam
as concentrações em mol/L de cada reagente, e x câmara de reação
e y representam as ordens de reação (expoentes
que mostram a dependência da velocidade com a
concentração). Para se descobrir os valores de x e y, foi água
fornecido o gráfico a seguir.
[NO] = 0,6 mol/L cápsula contendo a
[NO] = 0,3 mol/L amostra
160
150
140
130 https://quimica2bac.wordpress.com. Adaptado.
120
Velocidade/m mol · L–1 · s–1

110
100 A tabela nutricional de determinado tipo de azeite de
90 Oliva traz a seguinte informação: “Uma porção de 10 mL
80
70 (1 colher de sopa) equivale a 90 kcal”.
60
50
40 Considere que o calor específico da água seja
30 1 kcal · kg –1 · ºC –1 e que todo o calor liberado na
20
10
combustão do azeite seja transferido para a água.
0 Ao serem queimados 4,0 mL desse azeite, em um
0,0 0,1 0,2 0,3 0,4 0,5 0,6 0,7 0,8 0,9 1,0
calorímetro contendo 600 g de água inicialmente a
[O2] / mol · L–1
25,0 ºC e à pressão constante, a temperatura da água
De acordo com o gráfico, os valores de x e y devem ser, lida no termômetro deverá atingir a marca de
respectivamente, a) 60 ºC d) 90 ºC
a) 1 e 1 d) 1 e 0 b) 75 ºC e) 95 ºC
b) 1 e 2 e) 0 e 1 c) 85 ºC
c) 2 e 1

Competência 5 Competência 7
– Apropriar-se de conhecimentos da química para, em
– Entender métodos e procedimentos próprios das ciências
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
naturais e aplicá-los em diferentes contextos.
intervenções científico-tecnológicas.

Habilidade 17
Habilidade 25
– Relacionar informações apresentadas em diferentes formas
de linguagem e representação usadas nas ciências físicas, – Caracterizar materiais ou substâncias, identificando
químicas ou biológicas, como texto discursivo, gráficos, etapas, rendimentos ou implicações biológicas, sociais,
tabelas, relações matemáticas ou linguagem simbólica. econômicas ou ambientais de sua obtenção ou produção.

Ciências da Natureza e suas Tecnologias 13


Objeto do Conhecimento Objeto do Conhecimento
Materiais, suas propriedades e usos – Ligações Energias químicas no cotidiano – Calor de
metálicas. Substâncias iônicas: características reação. Equações termoquímicas).
e propriedades. Substâncias iônicas do grupo:
cloreto, carbonato, nitrato e sulfato. Ligação 20. Etanol (C 2H 5OH, massa molar 46 g/mol) apresenta
iônica. Substâncias moleculares: características poder calorífico maior que o do metanol (CH3OH, massa
e propriedades. Ligação covalente. Polaridade molar 32 g/mol). No entanto, a avaliação de uso de
de moléculas. Forças intermoleculares. Relação determinado combustível também deve abordar aspectos
entre estruturas, propriedade e aplicação das ambientais, como a produção de CO2 em sua queima
substâncias. completa, principal responsável pelo efeito estufa.
Assim, para uma mesma quantidade de energia liberada,
qual a relação aproximada entre a produção de CO2 do
19. (Enem/2011) No processo de industrialização da
etanol e do metanol?
mamona, além do óleo, que contém vários ácidos graxos,
é obtida uma massa orgânica, conhecida como torta de Dados: Calores de combustão (em kJ/g): etanol = –30;
mamona. Esta massa tem potencial para ser utilizada metanol = –20.
como fertilizante para o solo e como complemento a) 1,1
em rações animais devido a seu elevado valor proteico. b) 1,0
No entanto, a torta apresenta compostos tóxicos c) 0,9
e alergênicos diferentemente do óleo da mamona. d) 0,8
Para que a torta possa ser utilizada na alimentação e) 0,7
animal, é necessário um processo de descontaminação.
Revista Química Nova na Escola. V. 32, nº 1, 2010. (Adaptado).

A característica presente nas substâncias tóxicas e


alergênicas que inviabiliza sua solubilização no óleo de
mamona é a
GABARITOS
a) lipofilia. d) cromatofilia.
b) hidrofilia. e) hiperpolarização. PARA FIXAR
c) hipocromia. 01 02 03 04 05 06 07 08 09
a c b d c c c b b
Competência 7
EXERCÍCIOS PROPOSTOS
– Apropriar-se de conhecimentos da química para, em 01 02 03 04 05
situações-problema, interpretar, avaliar ou planejar
d e c b e
intervenções científico-tecnológicas.
06 07 08 09 10
d d a b c
Habilidade 25 11 12 13 14 15
a b b a e
– Caracterizar materiais ou substâncias, identificando
etapas, rendimentos ou implicações biológicas, sociais, 16 17 18 19 20
econômicas ou ambientais de sua obtenção ou produção. b c c b c

Expediente
Supervisão Pedagógica: Marcelo Pena Projeto Gráfico: Antônio Nailton e Livia Rodrigues
Supervisão Gráfica: Felipe Marques e Sebastião Pereira Editoração Eletrônica: Antônio Nailton
Ilustrações: Graco Menezes
Revisão: Mayara Parente
OSG.: 116804/17

14 Ciências da Natureza e suas Tecnologias