Você está na página 1de 4

Plataforma Sucupira Capes

Ficha de Avaliação

ENGENHARIAS I
Instituição de Ensino: UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARÁ (UFPA)
Programa: Engenharia de Infraestrutura e Desenvolvimento Energético
Número/Ano: 958/2015
Modalidade: ACADÊMICO
Área de Avaliação: ENGENHARIAS I
Período de Avaliação: Analise de Merito de APCNs
Data da Publicação: 25/04/2016

Cursos
Nome Nível Situação
Engenharia de Infraestrutura e
Mestrado Projeto
Desenvolvimento Energético

Parecer da comissão de área

1. CONDIÇÕES ASSEGURADAS PELA INSTITUIÇÃO


Peso Avaliação
1) A proposta contém indicadores de que a instituição está comprometida com a implantação e o - Sim
êxito do curso?
2) O programa dispõe da infra-estrutura - instalações físicas, laboratórios, biblioteca, recursos de - Sim
informática ... - essencial para o adequado funcionamento do curso?
Justificativa: A Instituição oferece todas as condições para a instalação do curso. Apresentam-se os documentos de
aprovação pelas instâncias superiores da universidade, regimentos e demais autorizações. A Instituição coloca
à disposição do curso apoio administrativo suficiente para o bom gerenciamento do mesmo.
A instituição possui infraestrutura adequada para oferecimento de curso de pós-graduação em nível de
doutorado. Conta com os seguintes laboratórios: Laboratório de Estruturas; Laboratório de Mecânica
Computacional Aplicada, Laboratório de Engenharia Civil, Laboratório de Manuseio de Materiais Granulares,
Laboratório de Transporte Pneumático, Laboratório de Turbomáquinas. São relacionados os principais
equipamentos existentes em cada um dos laboratórios.

Trata-se de universidade Federal, portanto sua biblioteca possui acesso aos portais disponibilizados pelo
sistema federal de apoio ao ensino e pesquisa, além de possuir computadores com acesso à rede mundial.

Listam-se salas de docentes e de estudo, com computadores, para o corpo discente.

2 - PROPOSTA DO CURSO
Peso Avaliação
1) A proposta é adequadamente concebida, apresentando objetivos, áreas de concentração, linhas - Sim
de pesquisa e estrutura curricular bem definidos e articulados?
Justificativa: Trata-se da solicitação de programa de mestrado da UFPA, campus de Tucuruí.

O curso está concebido com duas áreas de concentração: desenvolvimento energético e infraestrutura e
quatro linhas de pesquisa: eficiência energética, energias renováveis, estruturas e tecnologia dos materiais.
Os objetivos do curso, em relação ao perfil do profissional que se deseja formar, bem como às pesquisas que
serão conduzidas estão claramente expostos na proposta e revestem-se de importância local, regional e
nacional.

Com relação às disciplinas propõe-se quinze disciplinas na área de concentração em infraestrutura, oito na
área de desenvolvimento energético e, treze comum às duas áreas. Os discentes deverão cursar 4 disciplinas
por semestre, sendo 2 obrigatórias e 6 optativas. O curso possui uma disciplina obrigatória comum para as
duas áreas de concentração, que é a disciplina de Métodos Matemáticos. Além dela, os alunos da área de
infraestrutura deverão cursar, obrigatoriamente, a disciplina de Ciências dos Materiais, enquanto que os
discentes da área de desenvolvimento energético terão a disciplina de Geração de Energia e Eficiência
Energética como obrigatória. O restante dos créditos deverá ser obtido com 6 disciplinas optativas, permitindo-
se que o discente curse até 2 disciplinas

1/4 25/04/2016 às 12:36


Plataforma Sucupira Capes
Ficha de Avaliação
comuns às áreas de concentração.

O atual Campus de Tucuruí da UFPA – CAMTUC/UFPA nasceu da necessidade das Centrais Elétricas do
Norte do Brasil S.A. – Eletronorte, em qualificar o seu quadro de profissionais da UHE de Tucuruí, implantada
em 1984 no município de Tucuruí. Atualmente, o Campus Universitário de Tucuruí possui os cursos
permanentes de Engenharia Civil, Mecânica, Elétrica, Computação, Sanitária e Ambiental, além dos cursos
flexibilizados de Sistemas de Informação, Pedagogia, Letras e Engenharia Florestal.

Neste contexto, este projeto apresenta uma proposta para um curso novo de mestrado acadêmico, envolvendo
professores das engenharias civil, elétrica, mecânica e sanitária e ambiental da Universidade Federal do Pará,
tendo como objetivo principal, contribuir para o desenvolvimento científico e tecnológico da região Amazônica
e, consequentemente, do país, auxiliando na formação e fixação de profissionais qualificados, capazes de
atuar na sociedade em atividades de ensino, pesquisa, extensão e inovação.

A justificativa apresentada pela proposta é que existe na região uma demanda crescente, formada tanto pelos
discentes egressos dos cursos de Engenharia Civil, Mecânica, Elétrica, Computação e Sanitária e Ambiental,
quanto por profissionais formados em outras instituições, cidades e estados da região Norte do Brasil, a qual
possui carência de cursos na área. A proposta destaca ainda que a região sul/sudeste do Pará é estratégica
para o desenvolvimento tanto do estado quanto do Brasil, uma vez que ali encontram-se implantados alguns
dos maiores projetos de geração de energia e mineração de todo o país.

3 - DIMENSÃO E REGIME DE TRABALHO DO CORPO DOCENTE


Peso Avaliação
1) O número de docentes, especialmente daqueles com tempo integral na instituição, é suficiente - Sim
para dar sustentação às atividades do curso, consideradas as áreas de concentração e o número de
alunos previstos?
Justificativa: Dos quatorze docentes permanentes relacionados na proposta seis apresentam declaração que
comprometem-se a dedicar-se ao programa se a proposta for aprovada. Dois deles dedicarão vinte horas e
quatro dez horas. Os dois coordenadores estão transferindo a carga horária para o campus de Tucuruí.

Do relatado na proposta conclui-se que os professores ainda não estão alocados no Campus de Tucuruí.

=====================================================================
Recomendação após diligência:

Os documentos anexados demonstram o compromisso da instituição com o criação do curso. Um docente já


foi transferido e há compromisso formal da Reitoria em efetivar a transferência do segundo docente tão logo o
programa seja instalado.

4 - PRODUTIVIDADE DOCENTE E CONSOLIDAÇÃO DA CAPACIDADE DE PESQUISA


Peso Avaliação
1) O programa conta, especialmente no que se refere ao seu Núcleo de Docentes Permantes, com - Sim
grupo de pesquisadores com maturidade científica, demonstrada pela sua produção nos últimos três
anos, e com nível de integração que permitam o adequado desenvolvimento dos projetos de
pesquisa e das atividades de ensino e orientação previstos?

Justificativa: Foram apresentados nove projetos de pesquisa com financiamento. Isso representa média de 0,64 projetos
por docente o que ainda não caracteriza maturidade e capacidade para desenvolver trabalhos de investigação
de relevância.

Com relação à produção docente, o grupo apresentou produção suficiente para um curso que se inicia, nos
estratos A1 a B2. Dos quatorze docentes permanentes relacionados na proposta um é bolsista PQ do CNPq.
Sete docentes possuem experiência com orientação de mestrado, 12 orientaram trabalhos de conclusão de
curso e sete orientaram trabalhos de iniciação científica.

Parecer da comissão de área sobre o mérito da proposta


2/4 25/04/2016 às 12:36
Plataforma Sucupira Capes
Ficha de Avaliação
Mestrado

Nota: 3
Aprovar: SIM
Destacar os principais dados e argumentos que fundamentam a distribuição de tal nota
O curso está concebido com duas áreas de concentração: desenvolvimento energético e infraestrutura e quatro linhas de
pesquisa: eficiência energética, energias renováveis, estruturas e tecnologia dos materiais.
Os objetivos do curso, em relação ao perfil do profissional que se deseja formar, bem como às pesquisas que serão conduzidas
estão claramente expostos na proposta.

Com relação à produção docente, o grupo apresentou produção suficiente para um curso que se inicia, nos estratos A1 a B2.

Dos quatorze docentes permanentes relacionados na proposta seis apresentam declaração que comprometem-se a dedicar-se
ao programa se a proposta for aprovada. Dois deles dedicarão vinte horas e quatro dez horas. Os dois coordenadores estão
transferindo a carga horária para o campus de Tucuruí.

Do relatado na proposta conclui-se que os professores ainda não estão alocados no Campus de Tucuruí.

==================================================================
Recomendação após diligência:

Os documentos anexados demonstram o compromisso da instituição com o criação do curso. Um docente já foi transferido e há
compromisso formal da Reitoria em efetivar a transferência total do segundo docente tão logo o programa seja instalado. Este
segundo docente, conforme documento apresentado já possui 20 horas de suas atividades alocadas ao Campus Tucuruí. Sendo
assim, recomenda-se a aprovação da proposta de criação do programa de pós-graduação, com curso de mestrado.

Complementos

Destacar os principais dados e argumentos que fundamentam a atribuição da nota


-

Apreciações ou sugestões complementares sobre a situação ou desempenho da proposta


-

Parecer do CTC sobre o mérito da proposta

Parecer Final
Mestrado

Nota: 3
Aprovar: SIM
Destacar os principais dados e argumentos que fundamentam a distribuição de tal nota
A proposta é adequada para o inicio de um Mestrado Acadêmico em Engenharia de Infraestrutura e Desenvolvimento
Energético no campus de Tucuruí, PA. Todos os quesitos foram bem avaliados pela comissão, opinião que essa relatoria
ratifica. A dúvida quanto à migração dos docentes para atuação central neste campus foi esclarecida na diligência documental
que embasa maior segurança para a recomendação favorável à aprovação do curso.

3/4 25/04/2016 às 12:36


Plataforma Sucupira Capes
Ficha de Avaliação
Diligência(s) da Avaliação

Número/Ano: 177/2015
Tipo de Etapa: Avaliação
Status: DILIGÊNCIA RESPONDIDA - HOMOLOGADA
Data de Solicitação: 12/11/2015

Diligência Documental
Situação Atual: Homologada pelo Coordenador de Área
Justificativa: Esclarecer situação dos docentes que estão se transferindo para Tucuruí. A transferência se
concretizou?
Parecer: Os documentos anexados demonstram o compromisso da instituição com o criação do curso.
Um docente já foi transferido e há compromisso formal da Reitoria em efetivar a transferência
do segundo docente tão logo o programa seja instalado.

Comissão Solicitante
Nome Instituição
EDUARDO CLETO PIRES (Coordenador de Área) UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO/SÃO CARLOS (USP/SC)
AUGUSTO SCHRANK UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL (UFRGS)
MARISTELA GOMES DA SILVA UNIVERSIDADE FEDERAL DO ESPÍRITO SANTO (UFES)
TANIA CREMONINI DE ARAUJO-JORGE FUNDACAO OSWALDO CRUZ (FIOCRUZ)
JORGE MUNDIAR NETO UNIVERSIDADE DE SÃO PAULO/SÃO CARLOS (USP/SC)
MICHELE CRISTINA RESENDE FARAGE UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA (UFJF)
MARIA LUCIA CALIJURI UNIVERSIDADE FEDERAL DE VIÇOSA (UFV)

4/4 25/04/2016 às 12:36