Você está na página 1de 2

Avaliando Aprend.: CCJ0030_SM_201402276761 V.

Aluno(a): DARLAN SILVA BARROS Matrícula: 201402276761

Desemp.: 0,3 de 0,5 05/04/2018 14:50:03 (Finalizada)

1a Questão (Ref.:201403179372) Pontos: 0,0 / 0,1

As despesas realizadas pela Guarda Municipal de Niterói e do Rio de Janeiro são fiscalizadas,
externamente, respectivamente:

Pelo sistema de cada Poder auxiliado pelo TCU.

Pelo Tribunal de Contas do Estado do Rio de Janeiro visto se tratar de um dos


muniípios integrantes do Estado.
Pelo Congresso Nacional com auxílio do TCU
Pela Câmara Municipal de Niterói, com auxílio do Tribunal de Contas do Estado do Rio de
Janeiro e pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro com auxílio do Tribunal de Contas do
Município do Rio de Janeiro.

Pela Câmara dos Vereadores de Niterói com o Auxílio do Tribunal e Contas da União
(TCU) e pela Assembléia Legislativa do Estado do Rio de Janeiro.

2a Questão (Ref.:201403088963) Pontos: 0,0 / 0,1

Quando a autoridade competente cria para o Estado obrigação de pagamento, pendente ou não
do implemento de condição, é possível afirmar que a despesa se encontra na fase:

da liquidação
do lançamento
do empenho
da fixação
da ordenação

3a Questão (Ref.:201402497295) Pontos: 0,1 / 0,1

CESPE - 2011 - TRF - 2ª REGIÃO - Considerando as especificidades dos orçamentos previstos


na Lei Orçamentária Anual da União, consoante a Constituição Federal, assinale a opção
correta.

O orçamento plurianual cria dotações orçamentárias para quatro anos.


O orçamento federal de investimento das estatais abrange todas as empresas públicas e
sociedades de economia mista públicas, incluindo-se as dos estados e dos municípios.
O orçamento previdenciário contém as dotações destinadas à saúde e à previdência
O orçamento monetário destina-se às despesas e receitas do BACEN.
O orçamento fiscal compreende parte da administração direta e parte da administração
indireta da União.

4a Questão (Ref.:201403249980) Pontos: 0,1 / 0,1

Com relação as Normas Gerais de Direito Financeiro para elaboração e controle dos orçamentos
e balanços da União, dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal, pode-se afirmar: I - São
Receitas Correntes as receitas tributária, de contribuições, patrimonial, agropecuária, industrial,
de serviços e outras e, ainda, as provenientes de recursos financeiros recebidos de outras
pessoas de direito público ou privado, quando destinadas a atender despesas classificáveis em
Despesas Correntes. II - Classificam-se como Transferências Correntes as dotações para
despesas as quais não corresponda contraprestação direta em bens ou serviços, inclusive para
contribuições e subvenções destinadas a atender à manifestação de outras entidades de direito
público ou privado. III - Classificam-se como subvenções as dotações destinadas a aquisição de
imóveis, ou de bens de capital já em utilização; aquisição de títulos representativos do capital
de empresas ou entidades de qualquer espécie, já constituídas, quando a operação não importe
aumento do capital; e a constituição ou aumento do capital de entidades ou empresas que
visem a objetivos comerciais ou financeiros, inclusive operações bancárias ou de seguros. IV -
Constitui unidade orçamentária o agrupamento de serviços subordinados ao mesmo órgão ou
repartição a que serão consignadas dotações próprias. Em casos excepcionais, serão
consignadas dotações a unidades administrativas subordinadas ao mesmo órgão.

somente as alternativas I, II e III estão corretas.


somente as alternativas II, III e IV estão corretas.
Todas falsas.
somente as alternativas I, III e IV estão corretas.
somente as alternativas I, II e IV estão corretas.

5a Questão (Ref.:201403140526) Pontos: 0,1 / 0,1

17/03/2015 13h18 - Renan Calheiros promulga a PEC do Orçamento Impositivo Texto obriga
governo a pagar verba a congressistas para redutos eleitorais. União ficará obrigada a destinar
emendas em limite de 1,2% da receita. Antes da promulgação, a Lei Orçamentária (que prevê
receitas e despesas do governo federal) autorizava despesas decorrentes das emendas, mas
não impunha a liberação dos recursos. Por isso, o governo poderia cumprir ou não gastos que
não são obrigatórios. Analisando o caso, verifique as seguintes afirmações: I - Orçamento
impositivo é aquele em que, uma vez consignada uma despesa no orçamento, ela deve ser
necessariamente executada. A despesa, por encontra-se prevista na lei orçamentária, deve ser
realizada. II ¿ No orçamento autorizativo não existe obrigatoriedade de execução das despesas
consignadas no orçamento público, já que o Poder Público tem a discricionariedade para avaliar
a conveniência e a oportunidade do que deve ou não ser executado. III - Mesmo após a
Emenda Constitucional nº 86 de 17 de março de 2015 seria temário dizer que o orçamento
brasileiro agora é impositivo. Ou seja, entendemos ser errada qualquer afirmação que
generalize o orçamento brasileiro como impositivo. Em relação às afirmações,

Todas estão corretas


Somente II e III estão corretas
Todas estão incorretas.
Somente I e III estão corretas
Somente I e II estão corretas.