Você está na página 1de 5

GET 2017/2018

Folha de problemas nº 1

1A (1ª Aula prática - Exame 13/06/2016)

1B (2ª aula prática)

Considere uma fábrica com os seguintes totais anuais:


• Produção: 3045 t
• Consumo de eletricidade: 1717 MWh;
• Consumo de gás natural: 352 t ;
• Consumo de biodiesel: 441 t ;

a) Determine o valor do Consumo Específico de Energia (Ce);


b) Identifique a meta de redução de Ce segundo a legislação de 2008;
c) Calcule a repartição dos pesos dos diferentes vetores energéticos quando expressos
em:
I. Energia final (MJ);
II. Energia primária (tep);
III. Gases com efeito de estufa (CO2e)
d) Calcule a intensidade carbónica da energia fornecida (Ic);
e) O que aconteceria a Ic se por via da melhoria da eficiência diminuísse o consumo de
combustível ?
2 (3ª aula prática - Exame 1 Fev 2012)
3 - A bomba de calor esquematizada funciona entre uma temperatura de condensação de 38 °C e uma
temperatura de evaporação de 0 °C.
O compressor é adiabático com ηs = 90 % e como existem perdas de carga na admissão e escape do R-
12 (laminagem do fluido frigorífico) as pressões limites da compressão são de 3 e 10 atm. À saída do
condensador a fluido está em líquido saturado enquanto à entrada da válvula de expansão o fluido tem
6 °C de subarrefecimento. À saída do evaporador o R-12 está em vapor saturado.
As evoluções nos permutadores podem ser consideradas isobáricas.

a) Calcule a eficiência da bomba de calor;


b) Calcule as irreversibilidades dos vários processos que têm lugar na instalação referindo a sua
importância relativa;
c) Calcule o rendimento exergético da bomba de calor.
d) Calcule a eficiência de uma bomba de calor de Carnot a funcionar entre as mesmas fontes térmicas.
Compare depois a razão entre a eficiência da bomba de calor atual com a da bomba de calor de Carnot
com o rendimento exergético calculado na alínea c).

4 - A figura seguinte mostra uma instalação a vapor de água para a qual se conhecem as seguintes
propriedades:
p1 = p2 = 60 kg/cm2, T2 = 520 °C; p5 = p6 = p7= p8 = 8 kg /cm2; T3 = T4 = 30 °C; x4 = x8 = 0%;
T9 = 110 °C; T10 = 130 °C; p9 = p10 = 1 atm; T11 = T12= 15 °C; p11 = p12 = 1 atm;
ηst = 85 %, ηsb = 78%, Tfq = 1200 °C.
O caudal de vapor tirado para fornecimento de energia térmica útil corresponde a 20 % do caudal à
entrada da turbina. No condensador o fluido de arrefecimento é água enquanto no permutador
adiabático o fluido frio é o ar.
a) Calcule o rendimento térmico desta instalação de cogeração;
b) Quantifique os pesos relativos das diversas irreversibilidades ocorridas na instalação, considerando o
conjunto bombas e misturador de caudais como um todo;
c) Calcule o rendimento exergético da instalação atendendo a que Ta = 15 °C e pa = 1 atm.
5 - A figura seguinte apresenta uma instalação de turbina a gás com aproveitamento de parte da energia
térmica dos gases de escape.

As condições de funcionamento da instalação são as seguintes:


Fluido – ar e produtos da combustão:
T1 = 20 °C, p1 = 1 atm, p2 = p3 = p4 = 9 atm;
ηsc = 70 %, ηst = 75 %;
p5 = p6 = 1,1 atm, T6 = 130 °C;

Fluido - água: p7 = 14 atm, T7 = 78 °C, p8 = 14 atm, x8 = 100 %.

Condições ambiente, 1 atm e 20°.

O combustível é o gás natural sendo a sua combustão adiabática com uma razão ar/combustível de 56
kg ar /kg comb. O caudal de ar que circula no compressor é de 22 kg/s. No circuito 7-8 circula água
destinada à transferência de energia térmica útil para um consumidor. Nos balanços mássicos o caudal
de combustível é desprezável.
a) Calcule as irreversibilidades relativas dos componentes da instalação;
b) Calcule o rendimento exergético da instalação.
6 - Uma instalação industrial consome 470 kW de eletricidade e 1450 kW de energia térmica. Pretende-
se conhecer o desempenho termodinâmico de uma instalação de cogeração segundo duas
possibilidades:
I caso – Instalação não ajustada suprindo-se unicamente a demanda térmica da empresa 1450 kW,
produzindo-se unicamente 300 kW de eletricidade, sendo o consumo de combustível de 170 kg/h de gás
natural. 170 kW de eletricidade são adquiridos à rede;
II caso – Instalação não ajustada suprindo-se a demanda elétrica da empresa 470 kW, produzindo-se
apenas 900 kW térmicos úteis. Neste caso a instalação consome 140 kg/h de gás natural. Os restantes
550 kW serão fornecidos por uma caldeira auxiliar.
Sabe-se que o rendimento elétrico convencional é de 30 %, que o rendimento da caldeira é de 80 % e
que o PCI do GN= 45000 kJ/kg
Para os dois casos acima referidos determine:
a) O rendimento elétrico do sistema;
b) FUE;
c) IEE;

7 - Uma empresa consome energia elétrica da rede à taxa de 300 MWh/mês e tem uma caldeira para a
produção de calor, satisfazendo assim a sua procura de energia térmica para a qual RCED = 2. A
cogeração produz a eletricidade necessária à empresa com ηe,CG = 30 %. Calcule para esta instalação os
seguintes parâmetros:
a) O Fator de Utilização de Energia;
b) O rendimento elétrico artificial;
b) O Índice de Economia de Energia.
O rendimento de referência da caldeira é de 85 % enquanto o rendimento elétrico da termoelétrica da
rede é de 35 %.

8 - Uma instalação de cogeração funciona conforme o esquema abaixo. São conhecidas as seguintes
propriedades do vapor de água: T1 = 550 °C; p1 = 150 atm; p2 = 14 atm; p3 = 0,08 atm; T6 = 150 °C; p6 = 14
atm. No ponto 4 existem 4 °C de subarrefecimento e p4 = p3.
Rendimento isentrópico da turbina, 75 %. Rendimentos isentrópicos das bombas, 70%. Rendimento da
caldeira, 80 %. Rendimento do alternador, 85 %.
Caudal de vapor de água à saída da caldeira, 32 t/h. Caudal de vapor que é tirado em 2, 12 t/h.
Combustível, thick fuelóleo, PCI = 41.500 kJ/kg.
Temperatura média da água de arrefecimento do condensador, 25 °C.

O consumidor de energia térmica é um aquecedor de ar em conta-corrente. Temperatura do ar à


entrada, 120 °C. Temperatura do ar à saída, 180 °C.
a) Calcule o Fator de Utilização de Energia da instalação.
b) Calcule a variação de entropia do universo associada aos principais componentes da instalação. Qual
é o significado deste resultado e a utilidade deste conceito de variação de entropia do universo?
c) Calcule o rendimento exergético desta instalação. Faça uma comparação entre a utilidade deste
parâmetro e o Fator de Utilização de Energia.