Você está na página 1de 2

DISCIPLINA: MATEMÁTICA PROF: EQUIPE Pré - Vestibular 2017

TÓPICO: 01 FRENTE: 01 ASSUNTOS: CIRCUNFERÊNCIA

CIRCUNFERENCIA Ex2: Obtenha as coordenadas do centro da circunferência e a


VESTIBULAR - 2015

o medida do raio, sabendo que sua equação é (x – 7)² + (y + 3)² =


Enquanto uma equação do 1 grau com duas variáveis 18.
representa uma reta, uma equação do 2o grau com duas
variáveis e sob certas condições pode representar uma
circunferência. Resolução:
Podemos considerar uma circunferência como sendo: Comparando as equações:
( x  7) 2  ( y  3) 2  18
e
( x  a ) 2  ( y  b) 2  R 2 ,
temos
a  7, b  3 e R  18
EQUAÇÃO NORMAL DA CIRCUNFERENCIA

Circunferência é o lugar geométrico dos pontos de um A partir da equação da circunferência, na sua forma
plano eqüidistantes de um ponto fixo dado. O ponto fixo é o reduzida, desenvolvendo-a, podemos obter uma outra
centro, e a distância fixa é o raio da circunferência. forma de representar algebricamente uma circunferência.
( x  a ) 2  ( y  b) 2  R 2
EQUAÇÃO REDUZIDA DA CIRCUNFERENCIA 
Vamos considerar uma circunferência num plano x  2ax  a  y 2  2by  b 2  R 2
2 2

cartesiano de centro no ponto C(; ) e de raio R.


x 2  y 2  2a  x  2b  y  a 2  b 2  R 2  0
Esta forma é dita equação normal da circunferência.

Ex:
Obtenha a equação normal (ou desenvolvida) da
circunferência de centro em (–2, –4) e raio igual a 3.
Resolução:
Considerando P(x, y) um ponto genérico da circunferência e ( x  a ) 2  ( y  b) 2  R 2
 3
aplicando a fórmula a partir da qual se obtém a distância entre
2
dois pontos, conhecidas suas coordenadas, temos: ( x  2) 2  ( y  4) 2 
d CP  R x 2  4 x  4  y 2  8 y  16  3
( x  a )  ( y  b)  R
2 2
x 2  y 2  4 x  8 y  17  0
 (elevando ao quadrado)
( x  a ) 2  ( y  b) 2  R 2 OBS:
A equação x² + y² = R² (R > 0) tem o centro coincidindo com a
OBS:Para obtermos a equação da circunferência, precisamos origem do sistema de coordenadas cartesianas.
conhecer as coordenadas do centro e a medida do raio.
Ex1:
Obtenha a equação da circunferência do centro um (–2, 5) e
VESTIBULAR - 2015

raio 3 cm.

Resolução:
( x  a ) 2  ( y  b) 2  R 2
( x  0) 2  ( y  0) 2  R 2
( x  2)  ( y  5)  3
2 2 2
x 2  y 2  R2
1º) O raio da circunferência determinada pela equação
x2  y2  4x  6y  3  0 é, em unidades de medida: 4º) No plano cartesiano, uma circunferência tem centro
C(5,3) e tangencia a reta de equação 3x  4y  12  0.
a) 1.
b) 2. A equação dessa circunferência é:
c) 3. a) x2  y2  10x  6y  25  0
d) 4. b) x2  y2  10x  6y  36  0
2º) Observe a figura a seguir. c) x2  y2  10x  6y  49  0
d) x2  y2  10x  6y  16  0
e) x2  y2  10x  6y  9  0

5º) Considere as equações das circunferências

C1: x2 – 2x + y2 – 2y = 0
C2: x2 – 4x + y2 – 4y = 0

cujos gráficos estão representados abaixo:

Sabendo-se que a circunferência de maior raio passa pelo


centro da circunferência de menor raio, a equação da
circunferência de maior raio é
a) x2  y2  4x  4y  18  0
b) x2  y2  4x  4y  14  0
c) x2  y2  8x  8y  14  0
d) x2  y2  8x  8y  18  0

3º) Inúmeras pinturas e desenhos em tela fazem uso de A área da região hachurada é:
sobreposição de formas circulares, conforme ilustra a a) 3 unidades de área.
figura abaixo. b)  unidades de área.
c) 5 unidades de área.
d) 6 unidades de área.

e) unidades de área
2

Para a representação gráfica desses trabalhos artísticos,


faz-se necessária a determinação de elementos
geométricos associados. Suponha que, relativamente a
um sistema de coordenadas cartesianas xOy, duas
circunferências, presentes no desenho, sejam dadas
pelas equações x2  y2  6y  5  0 e
x2  y2  6x  2y  6.
VESTIBULAR - 2015

Assim sendo, a reta que passa pelos centros dessas


circunferências pode ser representada pela equação
a) 2x  3y  9.
b) 2x  3y  9.
c) x  2y  4.
d) x  2y  4.