Você está na página 1de 21

A importância da

embalagem na
venda de queijo
Entenda por que investir
na embalagem no processo
de produção e venda do
queijo pode aumentar a sua
lucratividade

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 1


Índice

Introdução 3

O valor da embalagem 4

O ganho para a cadeia produtiva 5

Na indústria e no supermercado 6

Máquinas para pequenas produções 7

Máquinas para médias e 8, 9


grandes produções

Máquinas ideais para peças de queijo 10,11

Linhas completas de alta 12


produtividade Multivac

Fatiadoras 13,14

Porcionadora 15

Casos de sucesso 16,17

Tendências 18

Use essa tecnologia em seu negócio 19

Blog Soluções para 20


Embalar por MULTIVAC

Dúvidas e comentários? 21
Introdução
Você, produtor de queijo, já pensou em fornecer queijo
já fatiado para o supermercado, ao invés de fornecê-lo
em blocos? Os supermercados, sim!

A tendência no segmento de frios, incluindo o queijo,


é de usar cada vez mais a chamada embalagem
termoformada. Isso vem acontecendo não somente
porque a embalagem é mais bonita e chama mais
atenção do consumidor, mas também porque permite
uma melhor apresentação na prateleira, reforça a
marca do produtor de queijo, aumenta sua lucratividade
e oferece maior praticidade para o consumidor.

Analisando toda a cadeia, desde o laticínio até o


consumidor final, incluindo o supermercado, este tipo
de embalagem oferece inúmeras vantagens e, por isso,
em breve será padrão também no Brasil. Se o laticínio
fizer uma linha automática, com média ou grande
produção, ao invés de fazer este processo em cada loja,
com muita mão de obra envolvida e, muitas vezes, sem
condições sanitárias adequadas, todo o processo pode
ser mais produtivo. Isso garantiria ao consumidor final
mais qualidade e mais praticidade, já que o produto terá
60 dias ou mais de shelf life (vida de prateleira).

Concordamos que é uma mudança não tão fácil. Por


um lado, o acerto do preço justo para esta forma de
entrega do produto é uma discussão difícil. Por outro,
há situações logísticas que certamente favorecem levar
o produto em bloco para o supermercado, devido ao
tamanho do nosso país.

Porém, algumas grandes redes de supermercado, com


a ajuda da Multivac, já criaram seus próprios centros
de fatiamento, e muitos deles com aprovação do S.I.F.
Nas embalagens fabricadas por eles, aparece somente
a marca deles.

Já a marca do produtor aparece apenas em alguma


etiqueta no fundo da embalagem, bem pequena, junto
com informações técnicas e nutricionais. E é por isso
que a mudança no processo produtivo tem que começar
agora!

Ficou curioso? Nesta publicação, apresentamos


algumas soluções e outras informações úteis para
ajudar você a se adaptar a essa nova realidade do
mercado.

Boa leitura!

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 3


O valor da embalagem
As embalagens termoformadas já predominam nas
prateleiras dos supermercados em muitos países,
inclusive na América Latina. Isso se deve a alguns
bons motivos: além de aumentar o shelf life dos
produtos, esse tipo de embalagem possibilita ao
produtor uma grande oportunidade de agregar valor
ao produto e de consolidar a sua marca.

As embalagens termoformadas têm uma face bem


definida (tampa), que permite inserir o logotipo do
próprio produtor de queijo, diferenciando o produto
e fixando sua marca na mente do consumidor.

Hoje, esta situação dificilmente acontece nos


supermercados ou, quando acontece, demanda
muito esforço - funcionários colocando etiqueta
da marca manualmente em cada embalagem, sem
a garantia de que aquela embalagem realmente
contém seu produto e de que ele foi manipulado de
forma correta.

4 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


O ganho para a
cadeia produtiva
Neste processo todos os envolvidos são beneficiados.
Primeiro, o consumidor, que terá um produto de qualidade
e com shelf life maior à disposição. Além dele, o
supermercado, que reduzirá drasticamente a mão de obra,
o espaço e, o que é mais importante, o desperdício (quebra
de produto na manipulação e perdas por causa do curto
shelf life, que obriga o recolhimento de produtos vencidos).
E, por último, o produtor, que terá um produto de maior
valor agregado, uma marca com visibilidade e um grande
universo de redes para atender.

Nesta rede, estão supermercados que não querem


investir em próprios centros de fatiamento, seja porque
são pequenos demais ou porque são tão grandes que vão
exigir comprar este serviço de seus fornecedores, ou seja,
de você, que precisa estar preparado para atender essa
demanda.

Comparativo de Shelf life (Prazo de Validade) 1

Produto Shelf life típico


Ar MAP/Vácuo
2-3 4-10
Queijo duro semanas semanas
2-3 7
Queijo duro (fatiado, ralado) semanas semanas
Queijo macio 8 dias 21 dias

1
Valores indicativos podem variar conforme manipulação, condições de armazenamento e qualidade da matéria-prima.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 5


Na indústria e no
supermercado
A maioria dos países que utiliza embalagens termoformadas para fatiados, queijos e frios costuma entregar
o produto já fatiado e porcionado para o supermercado. Isto já é uma realidade em países da Europa, EUA,
Argentina, Chile e México há muito tempo.

Os produtores entregam estas embalagens em caixas de embarque que, muitas vezes, já servem como
caixas de displays. No supermercado, é preciso apenas arrancar a tampa e colocar a caixa inteira na
prateleira. Coloca-se uma única informação de preço na prateleira, já que todas as embalagens terão
o mesmo peso (peso fixo, igual ao de uma lata de cerveja ou um pacote de café). Essa é a forma mais
eficiente para os supermercados trabalharem e, por isso, a clara preferência deles por este tipo de
embalagem.

Aqui no Brasil, porém, há uma grande diferença, devido ao tamanho do país, que impacta na logística.
Por isso, existem várias formas de divisão de trabalho nesta cadeia de produção, distribuição e venda de
queijo, especialmente fatiados. Algumas grandes redes, que muitas vezes estão presentes em um ou dois
estados brasileiros, já têm investido em centros altamente profissionais de fatiamento e porcionamento.

Por um lado, o produtor vai continuar a fornecer blocos de queijo, idealmente maiores do que hoje, uma vez
que os supermercados já compraram e instalaram linhas de média e grande produção.

Por outro, existem os produtores de queijo que estão próximos aos grandes centros e que podem se
responsabilizar por este serviço, agregando valor ao seu produto, ressaltando a sua marca e destacando-
se como fornecedor, reduzindo o custo para o seu cliente e aumentando suas vendas.

É hora de começar!

6 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Máquinas para
pequenas produções
Esta linha de pequeno porte (apenas 1,5 m por 3,0 m)
produz embalagens para fatiados de queijo ou frios
automaticamente, com uma operação muito simples.
Basta colocar os blocos de queijo ou frios na fatiadora
e o equipamento fatia conforme a programação
selecionada. Pode-se ajustar a quantidade de fatias,
espessura, formato de empilhamento das fatias, além
de embalá-las a vácuo ou atmosfera modificada (ATM).

O ATM serve, principalmente, para fatiados de


queijo. Neste caso, o equipamento retira todo o ar da
embalagem e o substitui por um gás protetor (N2, por
exemplo). Assim, as fatias não ficam tão pressionadas
como nas embalagens a vácuo, por isso não grudam
umas nas outras. A vida de prateleira pode superar 60
dias.

*Produção nominal: 3.300 embalagens ou 660 Kg por


turno de trabalho para apresentação de 200 g.

- Fácil de manusear e limpar.

- Pequeno porte.

- Fatia e entrega automaticamente na R 095.

- Entrada e saída automática sem contato manual.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 7


Máquinas para médias
e grandes produções

R 105
R 105 é a solução perfeita caso você esteja
procurando por um sistema de embalagem
totalmente automatizado ou com alimentação
manual e que requeira o menor espaço possível.
A Multivac desenvolveu a R 105 para trazer
os benefícios de nossos grandes sistemas de
termoformagem para pequenas empresas e
para aquelas em crescimento.

* Produção nominal: 12.800 embalagens ou 2,6


Ton por turno de trabalho para apresentação de
200 g.

8 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Máquinas para médias
e grandes produções

R 245
Para fábricas e centros de fatiamento a
Multivac oferece equipamentos industriais
para produção em média e larga escala, por
exemplo, a máquina R 245. Este equipamento é
projetado para produção industrial, com fácil
operação e limpeza, além de contar com muitos
opcionais, como etiquetadora integrada. Neste
equipamento, o produto pode ser alimentado de
modo manual ou automático.

Assim, as linhas alcançam alta produtividade,


com drástica redução de mão de obra,
comparando-se com o processo tradicional.
Juntos, podemos elaborar conceitos para o
centro de fatiamento da sua empresa!

* Produção nominal: 28.800 embalagens ou 5,8


Ton por turno de trabalho para apresentação de
200 g.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 9


Máquinas ideais
para peças de queijo

B 310
As máquinas da Linha B com câmara e esteira foram
projetadas para processar todos os tipos de bolsas plásticas
seláveis. Também processam materiais retráteis de forma
segura e confiável. A câmara de vácuo é carregada e
descarregada por meio de uma esteira transportadora
servocontrolada.

As máquinas podem ser integradas em linhas de embalagem


com os mais diversos componentes, tais como unidades de
termoencolhimento e de secagem.

Ideal para peças de queijo de produção contínua com médio


a grande volume.

- B310 para produções até 26 Ton / dia (6 peças/ciclo).


- B510 para produções até 35 Ton / dia (8 peças/ciclo).

- B610 para produções até 43 Ton / dia (10 peças/ciclo).

* Cálculo feito para peças de 4 Kg com 2,7 ciclos / min.

10 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Máquinas ideais
para peças de queijo

Máquinas de câmara linha C


Tanto para grandes quantidades como para grandes
variedades de produtos, a Multivac oferece uma gama
completa na medida da sua necessidade. Todas as
máquinas se caracterizam pelo fácil manuseio, design
higiênico, alta qualidade e desempenho.

Não importa qual é o seu objetivo, a Multivac pode te


ajudar a alcançá-lo dentro de suas metas orçamentárias.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 11


Linhas completas
de alta produtividade
Multivac

Módulos para automação


de linhas de embalagem
- Projetados para executar diversas funções, com
precisão e rapidez.

- Ulilizados para separar, agrupar, carregar e


encaixotar.

- Reduz a possibilidade de contaminação.


Aplicação H 130 com termoformadora

H 050 permite até 45 movimentos/min.

H 100 permite até 50 movimentos / min.

H 130 permite até 120 movimentos / min.

Aplicação garras para peças de queijo

12 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Fatiadoras

Scaleroline A 550
Máquina de fatiamento totalmente automática com
tecnologia inovadora e capaz de pesar as fatias
individualmente. Número máximo de fatias/min: 250
sem função pesagem, 200 com função de pesagem
e 60 na função de pesagem individual de fatia.

Número médio de porções: 25 porções/min com


porções de 80 g e colocação de dois produtos
simultaneamente.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 13


Fatiadoras

A 406
Sempre que for necessário cortar um produto em grande
quantidade e com uma apresentação decorativa, a A 406
convence graças a uma diversidade de formas e posições
(em pilhas, escamada, intercalado), opcional com ou sem
esteira transportadora.

14 e-book
Porcionadora

Groba: Equipamentos para


porcionar
A Groba foi fundada em 1977 e é considerada uma
empresa líder e parceira de confiança na indústria
de processamento de queijo. Isso se deve ao fato de
o fornecimento de soluções mundiais contribuírem
para um processo econômico, eficiente e higiênico.
Possuem um qualificado departamento de P&D para
a produção das máquinas, expressivos números em
vendas e uma rede de serviços em todo o mundo.

Características:

Máquina para cortar blocos de queijo redondo e


quadrado em, no mínimo, 2 e no máximo 30 porções
de consumo. Cortes com ou sem núcleo. Adequada
para lojas de varejo, supermercados, bem como
fabricantes de queijo, cooperativas leiteiras e
atacadistas.

* Todas as peças que tocam o queijo são de aço


inox ou são componentes adequados para a
indústria alimentícia

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 15


Casos de Sucesso
Rede Angeloni:
Exemplo de sucesso com a nova geração de
embalagens

O Angeloni, tradicional rede de supermercados do


Sul do Brasil, é um bom exemplo de como as novas
possibilidades do ramo de embalagens enriquecem a
experiência no ponto de venda, além de gerar aumento
de lucratividade e redução do índice de desperdício.

A parceria com a Multivac teve início em junho de 2010,


e o processo de transição entre as embalagens antigas
e as produzidas pelas máquinas da Multivac foi muito
bem sucedido. Tal sucesso se deve, em grande parte,
ao detalhamento do projeto e implantação da mudança,
que contemplou toda a cadeia envolvida.

O objetivo principal do Angeloni com a implantação da


central de fatiados e a instalação dos equipamentos
da Multivac foi aumentar a qualidade do serviço
oferecido e garantir a segurança alimentar por meio
do SIF, mantendo a qualidade e as características
naturais de cada produto. Além de garantir um serviço
de qualidade, foi possível mensurar ganhos na melhoria
dos processos e na centralização, reduzindo muito
o desperdício nas lojas e reposição constante das
embalagens nas gôndolas.

Hoje, o Angeloni conta com uma central de fatiados


localizada em Porto Belo (SC), onde trabalham com
duas embaladoras Multivac de grande porte. Os
produtos são fatiados conforme um planejamento de
produção e distribuídos periodicamente para as 27 lojas
da rede.

A reação positiva do público com a mudança das


embalagens foi notada rapidamente pela diretoria. Isto
significa que, com o processo de atmosfera modificada,
foi possível atingir um ganho significativo de qualidade
e apresentação dos produtos, fato que representou
grande aceitabilidade por
parte dos clientes e um
expressivo crescimento
nas vendas.

16 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Casos de Sucesso

Schreiber Foods do Brasil: sucesso na adesão às novas


embalagens para agregar valor.
A Schreiber Foods do Brasil, uma das maiores produtor, o processo de embalagem passou a
produtoras de queijo do mundo, é um bom exemplo oferecer segurança alimentar, higiene, preservação
de como a nova geração de embalagens agrega da qualidade do produto graças à atmosfera
valor ao produto e apresenta ganhos reais em modificada, além de maior vida útil e praticidade ao
competitividade. consumidor, com a embalagem abre-fácil.
A parceria com a Multivac teve início em janeiro de A reação positiva do público foi notada
2011. O processo de transição entre as embalagens rapidamente. O consumidor final percebeu uma
antigas e as produzidas pelas máquinas da grande evolução em relação às embalagens
Multivac possibilitou à Schreiber Foods do de isopor, atualmente feitas nas lojas com filme
Brasil uma oportunidade de ampliar presença no frágil, sem nenhum tipo de barreira em prol da
mercado, oferecendo aos clientes varejistas uma conservação e qualidade do produto.
embalagem inovadora na categoria de queijos
fundidos e fatiados naturais, pela qual já existia Para a Schreiber Foods do Brasil, o grande
demanda. desafio dos produtores hoje está em atuar como
incentivador e agente de mudança para que o
Os maiores diferenciais percebidos com a canal varejo entenda que esta tecnologia, que
nova geração de embalagens foram a melhor já lidera os mercados europeu e americano, é a
apresentação e qualidade do produto. Feito em melhor solução de embalagem a ser oferecida ao
ambiente asséptico, controlado pelo próprio consumidor.

Busca por solução em embalagem levou o tradicional


Laticínio Scala até a Multivac.
Há dois anos começava a parceria entre a Multivac um produto específico, reduzindo perdas para seu
e o Laticínio Scala, um dos maiores fabricantes principal cliente: o setor de Food Service.
de queijos do Brasil. Impulsionada pelo know how
e técnica apresentada pela equipe de vendas da Para José Marcio do Vale Parreira, gerente de
Multivac, a compra dos equipamentos veio em boa operações do Laticínio Scala, a definição de
hora, tendo em vista a demanda latente do mercado. Multivac é muito clara. “Enxergamos a Multivac
como vendedora de soluções, que se utiliza de
Hoje, a Laticínio Scala conta com os modelos C 550 equipamentos de alta performance e assistência
e B 310, que refletiram em maior produtividade e técnica de excelência com custo compatível”.
menor necessidade de mão de obra alocada, além de
proporcionar melhor padronização de umidade em

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 17


Tendências
O professor Markus Prem fala sobre o futuro do desenvolvimento de embalagens

A motivação contínua é o motor da indústria de embalagens. Daí a importância de uma equipe qualificada.
Este foi o motivo que levou a Multivac a criar, em 2008, em parceria com outras empresas na Universidade de
Kempten, uma disciplina de Tecnologia da Embalagem. Conversamos com o professor Markus Prem sobre as
tendências do setor.

Sr. Prem, como será, em sua opinião, a embalagem do futuro?

Prem: O número das funções das embalagens aumentará. Elas estarão equipadas e terão muito mais
funções ativas. Por exemplo, serão capazes de extrair o oxigênio da embalagem ou introduzir substâncias
antibacterianas. Também se fala sobre as funções de tela (capa) inteligente, que mostram se o alimento deixou a
cadeia de refrigeração. Além disso, os polímeros recicláveis como materiais de embalagem vão adquirindo uma
importância ainda maior em outros setores. Por último, há a influência dos espaços cada vez mais reduzidos,
que influenciam diretamente nos tamanhos e quantidades das embalagens.

O que será exigido das máquinas para embalagem?

Prem: Os pequenos lotes são um desafio para os processos de fabricação automáticos. Neste caso, a mudança
rápida dos formatos é decisiva. Outra questão serão os custos das embalagens. Desenvolver e produzir funções
adicionais para a embalagem custa dinheiro. Contudo, os usuários reagem sensivelmente ao aumento de
preços.

No futuro, será mais difícil equilibrar a funcionalidade e a rentabilidade de uma embalagem?


Prem: O fator decisivo é a porcentagem dos custos da embalagem sobre os custos totais do produto. Cada
vez mais haverá mercados e aplicações que podem unir a funcionalidade com a rentabilidade. Não teremos
nenhuma quebra na inovação, pelo contrário: acredito que as embalagens serão um fator de competitividade
ainda mais importante do que hoje.

* A carreira de Tecnologia de Alimentos e Embalagens na Universidade de Kempten oferece, em sete semestres,


conhecimentos sobre maquinário, tecnologia da embalagem e o setor alimentício. O título corresponde a um
bacharel em engenharia.

Exemplo de embalagem
funcional, abre e fecha.

18 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Use essa tecnologia
em seu negócio
A MULTIVAC, líder mundial em máquinas para
embalagens a vácuo e atmosfera modificada,
é referência quando o assunto é inovação em
métodos de embalar.

As máquinas MULTIVAC se destacam por uma


característica em especial: a eficiência. Trata-
se de uma empresa que trabalha com soluções
individualizadas e personalizadas segundo os seus
requisitos. Dessa forma, você tem a possibilidade
de receber uma máquina eficiente e econômica,
funcionando, ao mesmo tempo, de forma rentável.

As máquinas MULTIVAC têm um tempo de vida


útil longo e com o mínimo de interrupções de
funcionamento. Lembrando que você pode contar, a
qualquer momento, com o auxílio da equipe técnica.

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 19


Blog Soluções para
Embalar por MULTIVAC

O blog ‘Soluções Para Embalar’ é uma iniciativa da


Multivac, líder em máquinas para embalagens a
vácuo e atmosfera modificada.

A ideia surgiu com o intuito de esclarecer quais


são as melhores e mais inovadoras formas e
opções de embalagem para produtos como
carnes, frios e laticínios, FLV (frutas, legumes
e verduras), peixes e equipamentos médicos/
hospitalares. Para isso, disponibilizamos diversos
guias, que podem ser baixados gratuitamente e
que auxiliam na hora de decidir qual é o tipo ideal
de embalagem para seu produto e como essa
escolha pode ser efetiva para seu negócio.
Para saber mais sobre a Multivac, clique aqui:
br.multivac.com

Para conferir nosso material educativo clique aqui.

Acompanhe nosso blog e acesse nossos materiais


de referência (e-Books e Whitepapers).

20 e-book A importância da embalagem na venda de queijo


Dúvidas e
comentários?
Caso tenha alguma dúvida ou sugestão,
clique aqui e deixe seu comentário sobre esse
whitepaper.

Para qualquer questão adicional, entre em


contato conosco.

Se você gostou desse eBook, acesse


nossa página:

www.solucoesparaembalar.com.br

e-book A importância da embalagem na venda de queijo 21