Você está na página 1de 1

3.

Leia atentamente o trecho a seguir:


USCS – Universidade Municipal de São Caetano Extraído do site www.empresário.com.br ANO XV - Nº
do Sul 585 - Entrevista publicada no período de 22/06/2003 a
Atividade de Aproveitamento 5 28/06/2003 - Parceiros do Amanhã
Direito & Legislação (...) No entanto, para se tornar um empresário, é
Profª. Ma. Carla Cristina Vecchi necessário preparar-se, conhecer o mercado, a
concorrência e, principalmente, saber tudo sobre o
2014
negócio no qual se pretende atuar.”
Agora assinale a alternativa que corresponde ao elemento
caracterizador da figura do empresário que mais ressalta no
Nome:_______________________________________ texto:
(A) produção de bens ou serviços.
Matrícula: ________________ Série/Turma: ________ (B) atividade organizada.
(C) profissionalismo.
(D) circulação de bens ou serviços.
“Não se considera empresário quem exerce
profissão intelectual, de natureza científica, 4. Será considerado empresário:
literária ou artística, ainda com o concurso de (A) a pessoa física capaz que, sem estar devidamente
auxiliares ou colaboradores, salvo se o registrada, explora, esporadicamente, atividade
exercício da profissão constituir elemento de empresarial.
empresa.” (B) a mulher casada que, sem habitualidade, revende
Parágrafo Único – art. 966 – Lei nº. 10.406/02 mercadoria adquirida em viagem ao exterior.
(C) a pessoa física capaz que, com objetivo de lucro, explora
atividade econômica, em nome alheio e com
“Para compreender o conceito legal, convém partir de
habitualidade.
um exemplo, Imagine o médico pediatra recém- (D) a mulher casada que, sem autorização marital, explora,
formado, atendendo seus primeiros clientes no profissionalmente, atividade empresarial.
consultório. Já contrata pelo menos uma secretária, (E) nenhuma das alternativas pode ser assinalada.
mas se encontra na condição geral dos profissionais
intelectuais: não é empresário, mesmo que conte com 5. Quanto ao EMPRESÁRIO, é correto afirmar, exceto:
o auxílio de colaboradores. Nesta fase, os pais buscam (A) Empresário é definido na lei como o profissional exercente
seus serviços em razão, basicamente, de sua de atividade econômica organizada para a produção ou a
competência como médico. Imagine, porém, que, circulação de bens ou de serviços.
(B) Uma escola religiosa pode ter objetivo não lucrativo,
passando o tempo, este profissional amplie seu
como a difusão de valores ou criação de postos de emprego
consultório, contratando, além de mais pessoal de para os seus sacerdotes.
apoio (secretária, atendente, copeira etc.), também (C) Empresa é uma atividade em que se devem articular
enfermeiros e outros médicos. Não chama mais o local fatores de produção. Não é empresário quem explora
de atendimento de consultório, mas de clínica. Nesta atividade de produção ou circulação de bens ou serviços sem
fase de transição, os clientes ainda procuram aqueles alguns desses fatores.
serviços de medicina pediátrica, em razão da confiança (D) Os sócios da sociedade empresária não são empresários.
que depositam no trabalho daquele médico, titular da (E) N.D.A.
clínica. Mas a clientela se amplia e já há, entre os
6. (OAB/SC-NOV/2003 “adaptada”) Analisando a assertiva
pacientes, quem nunca foi atendido diretamente pelo abaixo, assinale a alternativa INCORRETA. De acordo com o
titular, nem o conhece. Numa fase seguinte, cresce Código Civil de 2002, uma clínica médica organizada de tal
ainda mais aquela unidade de serviços. Não se chama forma cujo exercício constitua elemento de empresa...
mais clínica, e sim hospital pediátrico. Entre os muitos (A) é considerada empresária.
funcionários, além dos médicos, enfermeiros e (B) é considerada não empresária, porque exerce
atendentes, há contador, advogado, nutricionista, profissão de natureza intelectual, científica ou
administrador hospitalar, seguranças, motoristas e literária.
(C) deve, obrigatoriamente, ter sua inscrição no Registro
outros. Ninguém mais procura os serviços ali
Público de Empresas Mercantis da respectiva sede.
oferecidos em razão do trabalho pessoal do médico (D) não pode ser constituída na forma de sociedade
que os organiza. Sua individualidade se perdeu na simples.
organização empresarial. Neste momento, aquele (E) é considerada atividade econômica.
profissional intelectual tornou-se elemento de
empresa. Mesmo que continue clinicando, sua maior
contribuição para a prestação dos serviços naquele
hospital pediátrico é a de organizador dos fatores de
produção. Foge, então, da condição geral dos
profissionais intelectuais e deve ser considerado,
juridicamente, empresário.”

COELHO, Fábio Ulhôa. Manual de Direito


Comercial. 20 ed. rev. e atual. São Paulo :
Saraiva, 2008.

1. A partir do texto acima, reescreva-o utilizando um exemplo


seu.

2. (OAB/MT) Pelo Novo Código Civil poderá NÃO ser


considerado empresário as atividades de:
(A) produção rural.
(B) siderurgia.
(C) construtoras.
(D) incorporadoras de imóveis.