Você está na página 1de 3

BIBLIOGRAFIA

BERGER, Peter L.; LUCKMANN, Thomas. A Construção Social da Realidade.


Petrópolis: Vozes, 2002.

BOGATYRIÓV, Piotr; JAKOBSON, Roman. O folclore como forma específica de arte.


In: BERNARDINI, Aurora Fornoni; FERREIRA, Jerusa Pires (orgs.). Mitopoéticas da
Rússia às Américas. São Paulo: Associação Editorial Humanitas, 2006.

CARNEIRO, Edson. Dinâmica do Folclore. São Paulo: Martins Fontes, 2008.

CASCUDO, Luís da Câmara. Literatura Oral no Brasil. São Paulo: Global, 2006.

CHARTIER, Roger. “Cultura Popular”: Revisitando um Conceito Historiográfico.


In: Estudos Históricos, Rio de Janeiro, vol. 8, n. 16, 1995. pp. 179-192.

______. A História Cultural entre Práticas e Representações. Portugal: Difel, 2002.

CORRÊA, Paula da Cunha. Um Bestiário Arcaico: Fábulas e Imagens de Animais na


Poesia de Arquíloco. Campinas: Editora Unicamp, 2010.

DUNDES. Alan. Folklore as a mirror of culture. In: BRONNER, Simon J. (ed.). The
Meaning of Folklore: The Analytical Essays of Alan Dundes. Logan: Utah State
University Press, 2007.

______. Morfologia e Estrutura do Conto Folclórico. São Paulo: Perspectiva, 1996.

FERREIRA, José Ribeiro. Pólis grega e colonização. In: SOARES, Carmen; FIALHO,
Maria do Céu; FIGUEIRA, Thomas (coords.). Pólis/Cosmópolis: Identidades Globais
& Locais. Coimbra: Imprensa da Universidade de Coimbra; Annablume, 2016.

FRANCO JÚNIOR, Hilário. A Eva Barbada: Ensaios de Mitologia Medieval. São


Paulo, Edusp, 2010.

GEERTZ, Clifford. A Interpretação das Culturas. Rio de Janeiro: LTC, 2008.

HANSEN, William (ed.). The Book of Greek & Roman Folktales, Legends and
Myths. Princeton: Princeton University Press, 2017.

KAPANOGLOU, Marianthi. Short Narratives and Folktale Variation in Greek Folk


Culture. In: Estudis de Literatura Oral Popular, n. 2, 2013, 145–154.
KOESTER, Helmut. Introdução ao Novo Testamento, volume 2. História e literatura
do cristianismo primitivo. São Paulo: Paulus, 2005.
LÉVI-STRAUSS, Claude. O Pensamento Selvagem. Campinas: Papirus, 1989.

______. Antropologia Estrutural. São Paulo: Ubu Editora, 2017.

______. Antropologia Estrutural Dois. São Paulo: Ubu Editora, 2017b.

LIMA, Rossini Tavares de. A Ciência do Folclore. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

MAFRA, Johnny José. Cultura Clássica Grega e Latina: Temas Fundadores da


Literatura Ocidental. Belo Horizonte: Editora PUC Minas, 2010.

MALTA, André. Introdução às Fábulas de Esopo. In: ESOPO. Fábulas, Seguidas do


Romance de Esopo. São Paulo: Editora 34, 2017.

MARINHO, Luciana Antonia Ferreira. Uma Conversa com as Fábulas de Fedro. Tese
de Doutorado. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, 2016.

MELETINSKI, Eleazar M. Os Arquétipos Literários. Cotia: Ateliê Editorial, 2015.

MIELETINSKI, Eleazar M. A Poética do Mito. Rio de Janeiro: Forense Universitária,


1987.

______. Tipologia estrutural e folclore. In: SCHNAIDERMAN, Boris (org.). Semiótica


Russa. São Paulo: Perspectiva, 2010.

MORGAN, Teresa. Popular Morality in The Early Roman Empire. Cambridge:


Cambridge University Press, 2007.

NOGUEIRA, Paulo Augusto de Souza. Religião como texto: contribuições da semiótica


da cultura. In: NOGUEIRA, Paulo Augusto de Souza (org.). Linguagens da Religião:
Desafios, Métodos e Conceitos Centrais. São Paulo: Paulinas, 2012.

______. Linguagens religiosas: origem, estrutura e dinâmicas. In: PASSOS, João Décio;
USARSKI, Frank (orgs.). Compêndio de Ciência da Religião. São Paulo: Paulus;
Paulinas, 2013.

______. Religião e ficcionalidade: modo de as linguagens religiosas versarem sobre o


mundo. In: NOGUEIRA, Paulo Augusto de Souza (org.). Religião e Linguagens:
Abordagens Teóricas Interdisciplinares. São Paulo: Paulus, 2015.
______. O Cristianismo Primitivo com Objeto da História Cultura: Delimitações,
conceitos de análise e roteiros de pesquisa. In: Antíteses, v. 8, n. 16, p. 31-49, jul./dez.
2015b.

______. Os atos apostólicos apócrifos e a religiosidade popular no mediterrâneo. In:


VVAA. Revista de Interpretação Bíblica Latino-americana. n. 73, v. 2. São Bernardo
do Campo: Universidade Metodista, 2016.

PIÑERO, Antonio; DEL CERRO, Gonzalo. Hechos apócrifos de los apostoles II.
Hechos de Pablo y Tomás. Madrid: Biblioteca de Autores Cristianos, 2005.
PROPP, Vladímir I. Morfologia do Conto Maravilhoso. Rio de Janeiro: Forense
Universitária, 1984.

______. As transformações dos contos maravilhosos. In: TODOROV, Tzvetan. Teoria


da Literatura: Textos dos Formalistas Russos. São Paulo: Editora Unesp, 2013.

SAUSSURE, Ferdinand de. Curso de Linguística Geral. São Paulo: Cultrix, 2012.

TONER, Jerry. Popular culture in ancient Rome. Cambridge: Polity Press, 2009.

TORRANO, Jaa. Discurso sobre uma canção numinosa. In: HESÍODO. Teogonia: A
Origem dos Deuses. Estudo e tradução de Jaa Torrano. São Paulo: Iluminuras, 1995.

ZUMTHOR, Paul. Introdução à Poesia Oral. São Paulo: Hucitec, 1997.