Você está na página 1de 5

SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL

MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

LISTA DE EXERCÍCIOS Nº 2

Questões
1) A Figura 1a apresenta o retrato de uma onda propagante ao longo do sentido positivo do eixo 𝑥 em uma
corda sob tensão. Quatro elementos da corda são designados por letras. Para cada um destes elementos,
determine quando, no momento do retrato, este move-se para cima, para baixo ou encontra-se em
repouso? A Figura 1b apresenta o deslocamento de um elemento da corda localizado em 𝑥 = 0 como
função do tempo. Os tempos são denominados por letras. Nestes instantes, o elemento da corda
selecionado encontra-se movendo para cima, para baixo ou está neste instante em repouso?

Figura 1: Questão 1.
2) As 4 ondas seguintes são enviadas ao longo de cordas com a mesma densidade linear, estando 𝑥 em
metros e 𝑡 em segundos. Ordene as ondas de acordo com (a) sua velocidade e (b) a tensão na corda na qual
estas se propagam. Ordene no sentido decrescente das quantidades. São as ondas:
(1) 𝑦1 = 3mm ∙ sen 𝑥 − 3𝑡 (3) 𝑦3 = 1mm ∙ sen 4𝑥 − 𝑡
(2) 𝑦2 = 6mm ∙ sen 2𝑥 − 𝑡 (4) 𝑦4 = 2mm ∙ sen 𝑥 − 2𝑡
3) Uma onda senoidal é enviada ao longo de uma corda sob tensão, transportando energia em uma taxa
média de 𝑃avg ,1 . Duas ondas idênticas a anterior estão para ser enviadas ao longo da mesma corda com
uma diferença de fase 𝜙 de 0, 0,2 ou 0,5 comprimentos de onda. (a) Sem esboçar nenhum cálculo, ordene
as possíveis escolhas de 𝜙 de acordo com a taxa média na qual as ondas transportarão energia, sendo a
maior a primeira. (b) Para a primeira escolha de 𝜙, qual é a taxa média em termos de 𝑃avg ,1 ?
4) Duas ondas senoidais de mesma amplitude e fase propagam-se em uma corda. Ocorre então um
defasamento de 5,4 comprimentos de onda entre elas. Qual tipo de interferência ocorrerá na corda?
5) A Figura 2 apresenta um diagrama fasorial para 3 situações distintas nas quais 2 ondas propagam-se ao
longo de uma mesma corda. Todas as 6 ondas apresentadas (Figura 2a, Figura 2b e Figura 2c) possuem a
mesma amplitude. Ordene as situações de acordo com a amplitude da onda resultante na corda, sendo a
primeira a maior.

Figura 2: Questão 5.
6) As cordas 𝐴 e 𝐵 possuem comprimentos e densidades lineares idênticas, mas a tensão na corda 𝐵 é
maior que a tensão na corda 𝐴. A Figura 3 apresenta 4 situações, de (a) até (d), nas quais padrões de ondas

Disciplina 090094 – Física Aplicada à Arquitetura Versão: 13 de março de 2011


-1-
SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

estacionárias existem nas duas cordas. Em quais das situações há possibilidade de as cordas 𝐴 e 𝐵 estarem
oscilando na mesma freqüência ressonante?

Figura 3: Questão 6.
Problemas
1) Uma onda senoidal transversal de comprimento de onda de 20cm propaga-se ao longo de uma corda no
sentido positivo do eixo 𝑥. O deslocamento 𝑦 de um elemento da corda na posição 𝑥 = 0 é apresentado na
Figura 4 em relação ao tempo 𝑡. A escala do eixo vertical é 𝑦𝑠 = 4cm. A equação da onda é da forma
𝑦 𝑥, 𝑡 = 𝑦𝑚 sen(𝑘𝑥 ± 𝜔𝑡 + 𝜙). (a) Em 𝑡 = 0, um gráfico de 𝑦 por 𝑥 encontra-se na forma de um seno
positivo ou negativo? Quais são (b) 𝑦𝑚 , (c) 𝑘, (d) 𝜔, (e) 𝜙, (f) o sinal para a operação matemática à frente
de 𝜔 e (g) a velocidade da onda? (h) Qual é a velocidade transversal de um elemento da corda em 𝑥 = 0
quando 𝑡 = 5s?

Figura 4: Problema 1.
2) Uma onda transversal com formato senoidal viaja ao longo de uma corda no sentido negativo do eixo 𝑥.
A Figura 5 apresenta um gráfico do deslocamento verical 𝑦 como função da posição 𝑥 para um tempo 𝑡 =
0. A escala do eixo vertical possui valor 𝑦𝑠 = 4cm. A tensão na corda é 3,6N e sua densidade linear possui o
valor de 25g/m. Encontre (a) amplitude, (b) comprimento de onda, (c) velocidade da onda e (d) o período
da onda. (e) Encontre a máxima velocidade transversal de um elemento da corda. Se a onda possui o
formato 𝑦 𝑥, 𝑡 = 𝑦𝑚 sen(𝑘𝑥 ± 𝜔𝑡 + 𝜙), quais são (f) 𝑘, (g) 𝜔, (h) 𝜙 e (i) a correta escolha de sinal para a
operação matemática à frente de 𝜔?

Figura 5: Problema 2.

Disciplina 090094 – Física Aplicada à Arquitetura Versão: 13 de março de 2011


-2-
SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

3) Um fio de 100g é mantido sob uma tensão de 250N com uma de suas extremidades em 𝑥 = 0 e outra
em 𝑥 = 10m. Ao tempo 𝑡 = 0, um pulso denominado de 1 é enviado ao longo do fio pela extremidade
localizada em 𝑥 = 10m. Ao tempo 𝑡 = 30ms, um pulso 2 é enviado ao longo de um fio pela extremidade
𝑥 = 0. Em qual posição 𝑥 do fio os pulsos se encontram?
4) Na Figura 6a, a corda 1 possui densidade linear de 3g/m e a corda 2 possui densidade linear de 5g/m.
Ambas as cordas estão submetidas a uma tensão proporcionada por um bloco suspenso de massa
𝑀 = 500g. Calcule a velocidade da onda na (a) corda 1 e (b) corda 2. Após, o bloco é dividido em dois
(satisfazendo 𝑀 = 𝑀1 + 𝑀2 ) e o aparato é rearranjado conforme apresenta a Figura 6b. Encontre (c) 𝑀1 e
(d) 𝑀2 de sorte que a velocidade da onda em ambas as cordas sejam iguais.

Figura 6: Problema 4.
5) Uma onda senoidal é enviada ao longo de uma corda com densidade linear de 2g/m. À medida que esta
se propaga, a energia cinética dos elementos da corda variam. A Figura 7a apresenta a taxa 𝑑𝐾/𝑑𝑡 na qual
a energia cinética flui pelos elementos da corda em um instante de tempo particular 𝑡, um gráfico que é
função da coordenada espacial 𝑥 ao longo da corda. A Figura 7b é similar, com exceção que fornece a taxa
com que energia cinética flui em um elemento específico da corda (em uma coordenada espacial
particular), esboçada ao longo do tempo 𝑡. Para ambas figuras, a escala do eixo vertical é 𝑅𝑠 = 10W. Assim
sendo, qual é a amplitude da onda?

Figura 7: Problema 5.
6) Duas ondas senoidais de mesma amplitude 9mm e mesmo comprimento de onda propagam-se em
conjunto em uma corda distendida sobre o eixo 𝑥. A onda resultante é apresentada na Figura 8, à medida
que o vale 𝐴 propaga-se no sentido negativo do eixo 𝑥 por uma distância 𝑑 = 56cm em 8ms. As marcas no
eixo 𝑥 são separadas por 10cm e 𝐻 = 8mm. A equação de uma das ondas possui o formato 𝑦 𝑥, 𝑡 =

Disciplina 090094 – Física Aplicada à Arquitetura Versão: 13 de março de 2011


-3-
SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

𝑦𝑚 sen(𝑘𝑥 ± 𝜔𝑡 + 𝜙1 ), na qual 𝜙1 = 0 e o sinal correto à frente de 𝜔 deve ainda ser escolhido. Para a
equação da outra onda, quais são (a) 𝑦𝑚 , (b) 𝑘, (c) 𝜔, (d) 𝜙2 e (e) o sinal à frente da quantidade 𝜔?

Figura 8: Problema 6.
7) Uma onda senoidal de freqüência angular 1200rad/s e amplitude 3mm é enviada ao longo de uma
corda com densidade linear de 2g/m e tensão de 1200N. (a) Qual é a taxa média na qual a energia é
transportada pela onda para o extremo oposto da corda? (b) Se, simultaneamente, um onda idêntica viaja
ao longo de uma corda adjacente também idêntica, qual é a taxa total média com que energia é
transportada aos extremos opostos das duas cordas por ambas as ondas? Se, ao contrário, estas duas
ondas são enviadas simultaneamente ao longo da mesma corda, qual é taxa média total na qual as ondas
transportam energia quando sua diferença de fase é (c) 0, (d) 0,4𝜋rad e (e) 𝜋rad?
8) Estas duas ondas propagam-se ao longo de uma mesma corda
𝑦1 𝑥, 𝑡 = (4,6mm) ∙ sen(2𝜋𝑥 − 400𝜋𝑡)
𝑦2 𝑥, 𝑡 = 5,6mm ∙ sen 2𝜋𝑥 − 400𝜋𝑡 + 0,8𝜋 .
Quais são (a) a amplitude e (b) e a fase da onda resultante (relativa à onda 1)? (c) Se uma terceira onda de
amplitude 5mm está também por ser enviada ao longo da corda na mesma direção das ondas 1 e 2, qual
deveria ser sua constante de fase para que a amplitude da nova onda resultante fosse máxima?
9) Duas ondas senoidais de mesma amplitude e comprimento de onda viajam em uma corda esticada ao
longo do eixo 𝑥. A onda resultante é apresentada na Figura 9, à medida que o anti-nó 𝐴 propaga-se de um
deslocamento vertical máximo para um mínimo em 6ms. As marcas ao longo do eixo 𝑥 são separadas por
10cm e 𝐻 = 1,8cm. A equação para uma das ondas é do tipo 𝑦 𝑥, 𝑡 = 𝑦𝑚 sen(𝑘𝑥 + 𝜔𝑡). Na equação para
a outra onda, quais são (a) 𝑦𝑚 , (b) 𝑘, (c) 𝜔 e (d) o sinal à frente de 𝜔?

Figura 9: Problema 9.
10) Na Figura 10, uma corda, amarrada a um oscilador senoidal em 𝑃 e estendida sobre um suporte 𝑄, é
esticada por um bloco de massa 𝑚, sendo 𝐿 = 1,2m, a densidade linear 𝜇 = 1,6g/m e a freqüência do
oscilador 𝑓 = 120Hz. A amplitude do movimento em 𝑃 é suficientemente pequena para que este ponto
seja considerado um nó. Um nó também existe em 𝑄. (a) Qual massa 𝑚 permite o oscilador desenvolver o
4º harmônico na corda? (b) Qual modo de onda estacionária, se possível, pode ser desenvolvido se
𝑚 = 1kg?

Disciplina 090094 – Física Aplicada à Arquitetura Versão: 13 de março de 2011


-4-
SERVIÇO PÚBLICO FEDERAL
MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO
UNIVERSIDADE FEDERAL DE PELOTAS

Figura 10: Problema 10.


11) Na Figura 11, um cabo de alumínio, de comprimento 𝐿1 = 60cm, área da seção transversal de
10−2 cm2 e densidade de 2,6g/cm3 é anexado a um cabo de aço de densidade 7,8g/cm3 e mesma área da
seção transversal. O cabo composto, carregado por um bloco de massa 𝑚 = 10kg, é posicionado sobre a
polia de forma que 𝐿2 seja 86,6cm. Ondas transversais se desenvolvem no cabo devido à ação de uma
fonte externa de freqüência variável. Na polia encontra-se um nó das ondas produzidas. (a) Encontre a
menor freqüência que gera um padrão de onda estacionária de sorte que o ponto onde há a união dos
cabos seja um de seus nós. (b) Quantos nós são observados nesta freqüência?

Figura 11: Problema 11.


12) Na Figura 10, uma corda excitada por um oscilador senoidal em 𝑃 é esticada por um bloco de massa 𝑚.
A separação 𝐿 entre 𝑃 e 𝑄 é 1,2m e a freqüência 𝑓 do oscilador é fixada em 120Hz. A amplitude do
movimento em 𝑃 é pequena o suficiente para este ponto ser considerado um nó. Um nó também existe em
𝑄. Uma onda estacionária aparece quando o bloco suspenso possui massa de 286,1g ou 447g, mas
nenhuma surge para valores de massa intermediários. Qual é a densidade linear da corda?

Disciplina 090094 – Física Aplicada à Arquitetura Versão: 13 de março de 2011


-5-